Você está na página 1de 4
Propósito BOLETIM SEMANAL 0 5 J a n 1 4 * Nº 3118 U ma

Propósito

BOLETIM

SEMANAL

0 5

J a n

1 4

*

Nº 3118

U ma das maiores tragédias da humanida- de atual é que vive uma vida sem propó-

sito, sem razão de ser, sem objetivos. Viver sem propósito é caminhar a esmo, sem desti- no; é trabalhar sem saber o que se está a produzir; é fabricar algo que não sei o que será; é iniciar um discurso onde não sei o que pretendo e nem onde terminarei. Vida sem propósito não é a Vida que Deus nos criou para viver. Início de um novo ano é um bom momento para avaliar nossos propósitos e afinar nosso caminhar. Serve para autoexame e correção de direção. Isso deve ser feito a título indivi- dual e coletivo. E é como igreja que queremos determinar os nossos alvos de forma bem clara. Uma definição escrita, clara e direta, ajuda a mentalizar um propósito e é nesse sentido que apresentamos a seguinte. O nos- so alvo como Igreja: “Queremos ser uma família em Cristo, de servos de Deus, que cresce no conhecimento e prática de seus propósitos, que busca, exalta e reflete a Glória do Senhor para o mundo, trabalhan- do para ver vidas Transformadas por Jesus.” Nesta definição encontramos as bases do propósito de Deus para igreja segundo encon- tramos no Novo Testamento. Encontramos o alvo da comunhão fraternal marcada pelo amor em Cristo (Queremos ser uma família em Cristo). Encontramos o objetivo do Servi- ço cristão que se dedica a Deus e ao próxi- mo (servos de Deus… trabalhando). Encon-

tramos o propósito da Adoração a Deus, como único Ser verdadeiramente digno do nosso louvor na Santa Trindade (que busca, exalta e reflete a Glória do Senhor). Achamos a vocação evangelística de levar o Senhor a todos os que não o conhecem (reflete a Glória do Senhor para o mundo… ver vidas transfor- madas por Jesus). E nessa definição temos o alvo do crescimento pelo ensino e edifica- ção mútuos baseados na Palavra (que cresce no conhecimento e prática de seus propósi- tos). Desejamos que esta declaração seja levada a sério por cada membro da nossa igreja. Que nos espelhemos nela para os alvos que temos como Igreja neste ano de 2014. Que cada crente individualmente, cada ministério e departamento em particular e a comunidade como um todo se reveja nela e trabalhe para que seja verdade para cada pessoa que entrar em contacto com as nossas atividades. Sem nunca perder de vista o alvo maior da Glória do Senhor e da preparação da Noiva de Cristo para o encontro com o Noivo, Jesus. Neste mundo sem propósito que possamos dar um sinal claro do nosso caminhar e dos nossos objetivos. Mantendo em mente a necessidade do crescimento individual e cole- tivo como expresso na Palavra: “Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a gló- ria, assim agora, como no dia da eternidade. Amém.” 2 Pedro 3.18

Pr. Joed Venturini Souza

Igreja em ação

Em breve:

.

Reunião Coral Igreja

[HOJE]

.

Reunião de Jovens

[HOJE]

.

Reunião Ministério de Música [19.01]

.

Workshop Música e Adoração [25.01]

.

EBD Comunitária

[26.01]

Ministério de Música [19.01] . Workshop Música e Adoração [25.01] . EBD Comunitária [26.01]

Facebook e Gravações Lembramos os irmãos que estão disponí- veis no facebook da igreja as mensagens dominicais e os estudos das quartas- feiras. Os irmãos também podem obter cópias em DVD dessas mensagens e estudos para visualizar em casa ou ofere- cer a amigos. Se preferir também pode adquirir as mensagens em forma de CD áudio e ouvir em casa ou no carro. Qual- quer contacto nesse sentido deve ser feito com o irmão Tiago Mota. Os DVDs ou CDs custam apenas 1 Euro e as enco- mendas serão aceites com pré- pagamento.

Apoio Diaconal aos lares Conforme foi informado, já há alguns meses, o conselho diaconal disponibiliza apoio aos irmãos que necessitem de pequenas obras em casa. Reparos sim- ples de eletricidade, carpintaria, canaliza- ção ou eletrónicos poderão ser feitos por irmãos da igreja caso saibamos das suas necessidades. Os irmãos interessados deverão falar com o irmão Joel Marques, presidente dos diáconos, ou o irmão André Oliveira, responsável por essa área dentro do conselho diaconal. Ajuda na área do apoio social com medicamentos ou alimentos deverão ser reportados tam- bém ao irmão Joel Marques ou irmã Nídia Marvão.

Mês de Janeiro Neste mês inicial do ano, queremos enfati- zar a Bíblia e a oração. No tocante à Bíblia, queremos incentivar cada membro da Igreja a fazer uma leitura anual da Bíblia. Lendo 3 capítulos por dia pode ler a Bíblia toda até ao fim de 2014. Temos cópias de um plano de leitura anual da Bíblia para os irmãos que quiserem. Venha à EBD aos domingos às 10h00 e aos Cultos com Estudo Bíblico nas quar- tas-feiras ou, veja os estudos no Face- book da Igreja. Participe dos momentos de oração aos domingo às 09h00 e às quartas-feiras às

18h30.

Convidamos, também, as irmãs a partici- parem das reuniões das Mães que Oram,

às quartas-feiras às 17h30.

Lembre-se, Bíblia e Oração são a base da vida Cristã.

EBD Comunitária No domingo 26, último deste mês, tere- mos a nossa aula comunitária de EBD no salão.

Mormonismo.

Abordaremos

o

tema

do

.

Quem são os mórmons?

.

Como e quando começaram?

. Quais suas principais doutrinas? . Quais as suas diferenças em relação aos evangélicos?

.

Podem ser considerados cristãos?

O

Pr. Sérgio Felizardo abordará estas e

outras questões trazendo-nos a base bíbli- ca para responder aos mórmons e às

suas alegações. Não perca essa oportuni- dade de ficar esclarecido sobre este importante ponto.

Workshop sobre Música e Adoração na Igreja No âmbito do nosso curso de formação musical iremos ter o primeiro workshop orientado para a música e adoração na Igreja. Um workshop é como uma confe- rência, mas a plateia não é apenas mera espectadora. Em determinados momen- tos, o auditório pode ser convocado a participar, normalmente vivenciando experiências que remetem ao tema em discussão. Acontecerá no dia 25, sábado, com iní- cio às 15h00 e é aberto a todos os que quiserem participar, não apenas aos alu- nos da formação musical.

O tema deste workshop será:

Teologia da Adoração

A adoração a Deus é a mais abençoada

de todas as vocações terrestres. Não

existe tarefa mais nobre ou maior à qual podemos dedicar energia e tempo. Deus

é primeiro. Deus é digno. E nós somos

privilegiados por desfrutar de comunhão com Ele. Que este workshop possa ser usado pelo Espírito Santo para ajudar-

nos a amar a Deus da maneira mais completa, de todo o nosso coração, alma, força e mente à medida que apren- demos a adorá-Lo em espírito e em ver- dade.

Culto Infantil [4 a 8 anos] Berçário Concurso Bíblico Ida Venturini | Mariana Soares Ana
Culto Infantil [4 a 8 anos]
Berçário
Concurso Bíblico
Ida Venturini | Mariana Soares
Ana Rita Chaves | Gilda Emmanuel

Culto Doméstico

Mateus 15.1 - 20

(Primavera/Verão de 29 d.C.) . Que tradições familiares ainda mantém e espera passar aos seus filhos?

.

Que valor da às tradições? . Muita? Pouca? Depende?

.

Que tradições já teve que quebrar? . Como foi a experiência?

.

Já teve que liderar algum projecto em que não se sentia habilitado?

.

Já se sentiu alguma vez meio “cego” guiando outros “cegos”?

.

Jesus fala com 3 grupos neste texto, conse- gue identificá-los?

.

Que diferenças há na forma de lidar com cada um?

.

O que é que os discípulos precisavam real- mente aprender?

.

O que era mais importante que guardassem?

(semana: 05 de janeiro a 11 de janeiro)

Tradições são costumes e hábitos valio- sos que nos dão um senso de segurança,

de valor, de pertencer a algo maior. Muitas

tradições são bênção para as nossas vidas e servem para ajudar a estabelecer bases firmes. Mas tradições podem perder

o seu sentido, podem deixar de ter valor e podem por vezes até se tornar empecilho.

O mais importante é saber avaliar o que

fazemos à luz da Palavra de Deus. Não deixar que tradições humanas se sobrepo- nham aquilo que o Senhor pede de nós e

sobretudo guardar o nosso coração, a fon-

te dos nossos pensamentos e emoções,

pois é aí que se trava a maior batalha pelas nossas vidas e é aí que o Senhor precisa ter a vitória.

Motivos de Oração

Enfermos

- Celeste Clemente

- Augusto Cebola

- Natércia Matos Marques

- Etelvina Luz Quintas

- Irene Barros Nobre

- João Ernesto Magina

- Maria Amália Santos

- Maria Roosevelte C. Dias

- Georgina Moiteiro

- Tina Tavares Monteiro

- Maria Lourdes L. Fernandes

- Francelina R. Trinta Sá

- Arlete Polaco Gorgulho

- Pr. Herlander Felizardo

- Florinda Marques

- Alfredo Ferreira

- João Paulo S. Silva

- Joaquina Sousa Galante

- Pr. João Rosa de Oliveira

Adoração e Ação de Graças

- Pelo plano de Deus para a salvação das pessoas.

- Deus cumpre as Suas promessas

- A santidade, a justiça, o amor e misericórdia de Deus.

- Adorar o Pai celestial enquanto Criador, Dador dos dons e das responsabilidades.

Outros motivos

- Famílias da Igreja

- Desempregados

- Situação de crise do nosso país

- Novos convertidos

- Departamento da Juventude

Horário dos Trabalhos

Quartas-feiras

.

Formação Piano

15h00

.

Ginástica Sénior

16h45

.

Mães que Oram

17h30

.

Estudo e Oração

18h30

Sábados

.

Formação Musical I

14h30

.

Ensaio Grupo de Louvor

16h00

.

Ensaio Coro Alegria

17h00

.

Formação Musical II

17h30

.

Ensaio Coro Bênção

19h00

.

Formação Guitarra

19h00

Domingos

.

Culto de Oração

09h00

.

Escola Bíblica Dominical

10h00

.

Culto de Louvor e Pregação do Evangelho

11h15

.

Culto Com. Ucraniana

11h30

.

Ensaio Coral da Igreja

13h00

.

Discipulado de Jovens

15h30

.

Culto de Louvor e Pregação do Evangelho

18h30

Aniversários

Nascimento

05.

Peterson Santos Silva

06.

Inês Raquel Leitão Catarina F. G. C. da Loira

Vitor Manuel Silva Leonor F. G. C. da Loira

07.

Fausto Espinhal

08.

Florinda Piedade Maques

Silas A.S. Fraga e Abreu

Blanchard Daniel E. S. Júnior

09.

Paulina M. Domingos

João David M. Ferreira

10.

Maria José Lemos Correia

 

Casamento

05.

Ana Maria A. Silva e Silas Fraga e Abreu

Ana Cristina B. Santos e Paulo A. Costa Azevedo