Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás

Design Corporativo
Grupo: Da’Massa Alunos: Juliano Amaral Souza Jean Nascimento Luis Fernando Silva Neri Luiz Fernando C. Machado Roberto Souza

Goiânia 2009

Grupo: Da’Massa

Design Corporativo

Proposta de re-design da marca Só Posto, para a matéria de Design Corporativo, módulo IV, do curso de Design Gráfico.

Responsável: Prof. Clóvis

Goiânia 2009

“Design não é arte, como definimos arte. Considero uma coisa orgânica no sentido social, cultural e econômico. Não considero uma coisa especial. As pessoas vêem coisas que fiz e não sabem que fui eu e eu acho ótimo. A busca da perfeição é o caminho do design.” Alexandre Wollner

Resumo
Este trabalho surge da necessidade do re-design da logomarca Só Posto, a logomarca atual não possui característica de desenvolvimento em projeto de design corporativo. É uma marca fora dos padrões, os elementos icônicos como a “chave de roda” e ou a “mangueira de combustível” estão mal definidos e agride visualmente a forma da marca Só-Posto. Essas “agressões-visuais” estão por todo o elemento, à tipografia utilizada não há conceito definido para a sua visibilidade no seguimento da atuação de mercado e sua cognição é de baixo nível, devido a profusão de elementos dispostos de maneira irregular. Nosso objetivo é elaborar propostas funcionais baseadas e fundamentadas no conhecimento em Design Corporativo e outras áreas de conhecimento do Design Gráfico, agregando informações plausíveis para chegarmos a uma boa solução para a nova marca Só Posto. palavras chave: Só Posto, design corporativo, logomarca; Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás.

Abstract
This work appears of the necessity of the reverse speed-design of the logo Só Posto, the current logo does not possess characteristic of development in project of in the corporative design. It is a mark it are of the standards, the icons elements as the “key of wheel” and or the “fuel hose” badly is defined and visually attacks the form of the Só Posto mark. These “aggression-appearances” are for all the element, to the used typography do not have concept defined for its visibility in the pursuing of the performance of market and its cognition is low-level, had the profusion of made use elements in irregular way. Our objective is to elaborate functional proposals established and based on the knowledge in Corporative Design and other areas of knowledge of the Graphical Design, adding reasonable information to arrive at a good solution for the new mark Só Posto. words key: Só Posto, corporative design, logo; Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás.

Sumário

1. Introdução……………………………………………………………………………………… 2. Desenvolvimento……………………………………………………………………………. 2.1 Propostas.......................................................................................... 3. Conclusão............................................................................................ 4. Anexos................................................................................................. 5. Referências...........................................................................................

05 06 09 10 11 15

Introdução
Não podemos duvidar da capacidade de pessoal alguma para empreender e criar seu próprio negócio, temos cada dia mais casos que nos provam isso. Contudo não cabe a decisão não acertada ou a visão nublada a, missão de criar marcas, vistas a quantidade e a importância das decisões que devem ser tomadas durante o processo. Só Posto é um bom exemplo de idéias aplicadas erroneamente, sua aplicação peca ao introduzir o conceito verdadeiro da empresa em relação ao serviço prestado e o que a mesma vende. A proposta é discorrer sobre esses erros, e apresentar a problematização e as devidas soluções encontradas para a empresa Só Posto.

Desenvolvimento Empresa: Só Posto

Logomarca utilizada pela empresa atualmente.

Análise da logomarca atual E uma marca que inicialmente gera um desconforto visual, devido os elementos inseridos não estarem definidos em sua forma original, um exemplo é a “chave de roda”, que se assemelha a uma pinça, ou um garfo de dois “dentes”, outro elemento mal definido é a “chave inglesa” assemelhando-se a um dedo indicador dobrado. A composição dos elementos em curva, na parte superior da logomarca não se relaciona diretamente com a empresa, talvez por estarem mal definidos em um fechamento de forma que não se adéqua ao contexto da logomarca, a tipografia apresentada não possui características de fundamentos de aplicação em logomarcas, é um tipo que utiliza serifa finas, e sem fundamento de utilização, sua utilização é fora de contexto no desenvolvimento de uma identidade visual para o seguimento da empresa Só Posto. Usa-se um efeito de sombra na tipografia e no slogan da logomarca, tornando-se uma marca de baixo nível, tanto na parte conceitual e estética quanto na parte de aplicação desta logo, pois ao reduzirmos a uma pequena escala a maioria dos elementos ficam ilegíveis. Sua aplicação nos uniformes dos funcionários não apresentam boa legibilidade pois a falta de definicação dos elementos, o tipo com serifas provocam um agrupamento de elementos que geram uma forma esteticamente disproporcional, sendo sua percepção desagradável. Conceito do Projeto Desenvolvemos a marca a partir da coleta de informações providas no briefing (em anexo) da empresa e do Dono da empresa o Sr. Maçom, e discutimos qual seria a idéia principal da marca, chegamos a conclusão que a logomarca será baseada em um redesign contemporâneo, agregando a modernidade a marca, com o intuito de atender novos clientes para a Empresa Só Posto.

Propostas Logomarca 01

O conceito dessa proposta consiste no caráter tradicional das logomarcas, elementos simples e uma tipografia que realce o nome da Empresa, cultura de um mercado que se iniciou na década de 60, onde tínhamos expansão da malha rodoviária e o mercado de postos de gasolina cresciam em todo o País. A marca é direta e usa um dos elementos da antiga logomarca para a sua composição, a chave de roda em uma composição mais estilizada, com o nome da empresa no centro do elemento, dando um contraste entre o corpo bold do tipo e o elemento usado. Sua característica funcional é a transmissão da marca através da tipografia utilizada, uma letra bem cheia, sem serifa, visível a longa distancia e fácil cognição. Cor: R: G: B: Tipografia:

Logomarca 02

O conceito dessa proposta surge da necessidade de um elemento que destaca-se do nome da empresa, porém há englobe no conceito da logomarca. A letra “T” neste caso foi estilizada como a estrutura comum dos postos de gasolina, é um elemento que destaca na logo.

A intenção desse elemento é sua total representação da marca Só Posto, a idealização de um elemento icônico que represente o seguimento de mercado da empresa Só Posto. O triangulo foi inserido pela atividade religiosa do proprietário que é maçom, o triangulo é um símbolo universal que representa a divindade ou o transcendente, a trindade representada em um só corpo, em antigas tradições religiosas o conceito trino é semelhante em todas elas, no cristianismo é representado pelo Pai, Filho e Espírito Santo, no Egito antigo essa trindade era representada por Hórus, Anubis e Osíris, na India temos a representação trina por Brama, Vishinu e Shiva. A proposta é agregar a participação do dono da empresa em sua logomarca. As letras “S” e “P” apresentam-se em uma tipografia bem carregada, em corpo bold, os arcos das letras S e P estilizam uma curvatura suave, o nome da empresa apresenta-se em uma letra sem serifa e boa legibilidade. O ultimo elemento possui a característica de uma ferramenta usada por mecânicos, ela não possui uma forma definida e equilibra os elementos utilizados na logomarca completando a composição da logo, a hierarquização por ordem de tamanho dos elementos dão a característica do fechamento da forma de um triângulo. Cor: R: G:B: Tipografia:

Logomarca 03

Conclusão
Apresentamos três propostas para um novo conceito da marca Só Posto, todas as propostas foram desenvolvidas nos critérios de avaliação de identidade corporativa. Realizamos estudos em, gestalt onde concluímos algumas definições de pregnância da logomarca em algumas aplicações, estudos em tipografia analisando em que nível de legibilidade os tipos utilizados apresentam em escala reduzida. Houve uma reciprocidade entre Design Gráfico e “produto-final” a logomarca, pois o desenvolvimento do projeto iniciou-se através da pesquisa com o Dono da Empresa, o mercado em que a empresa atua, a concorrência, história, conceito, definição e projeto gráfico. Concluímos que qualquer projeto, seja ele de qualquer área de conhecimento, necessita-se de pesquisa e conhecimento para uma boa execução de idéias.

Anexos
Briefing – realizado dia 08/09/2009. Natureza do Projeto e contexto. Empresa atende todo o território nacional. Fundada em Junho de 1986.

Sumário executivo: • Justificativas: A marca é ilegível e confusa, já que os desenhos

dos elementos usados não tem características definidas se comparados ao real. • Objetivo do Projeto: Definir uma marca que represente em

primeiro plano a atividade da empresa podendo utilizar de algum elemento iconográfico para isto. Manter as cores usadas na marca anterior, para não perder o “link” com a identidade já formada pela empresa. • Resultados desejáveis: Uma marca forte, atual e que se

identifique com a Só Posto.

Analise setorial • Lista de produtos: Trabalha com todos os seguimentos para

postos serviço, de produtos de grande porte como tanques de combustíveis e bombas de abastecimentos; Materiais de aferição de combustível que precisam do certificado do Inmetro, Epi’s, peças de reposição para área de descarga e abastecimento de combustível, equipamentos para manutenção em veículos (a troca de óleo sendo o mais visado). É representante regional de empresas como a Arxo, Fepel, Zeppini e GBR. Está ampliando a venda de programas de automação e materiais em PVC como forros para teto. Presta serviços de manutenção preventiva e corretiva em equipamentos, tem um plano de manutenção para associados.

Concorrentes: Casas dos Postos, Taco Peças, Vipase.

Sendo a Casa dos Postos a mais antiga no mercado.

A Só Posto tem um leque maior de produtos em relação as suas concorrentes. • Preços e promoções: Trabalha variação de tabela de acordo com

a região, para cada matriz é estipulado um preço diferente baseando na lei de oferta e procura. Vendas são realizadas na loja e através de televendas. Participa de anúncios em revistas do gênero a nível nacional, tendo foco nos estados de Goiânia, São Paulo, Teresina, Tocantins e Piau.

A maioria das suas promoções, são divulgadas no site e a através de newsletter.

Marca: Foi desenvolvido pelo próprio proprietário que não

queria colocar uma bomba de abastecimento como ícone, pois a amioria das lojas deste seguimentos na época seguiam este mesmo modelo. Decidiu por usar de mangueiras e bicos de abastecimento para representar os equipamentos de venda na loja e ferramentas para informar sobre seus planos de manutenção.

Estudo de tendências: (venda de equipamentos p/ posto) Estratégia da empresa: Suprir o mercado oferecendo soluções em produtos (equipamentos e peças de reposição) infra-estrutura e tecnologia, provendo segurança, confiança e, comercializando produtos e serviços que atendam as constantes exigências do mercado. Ser a melhor empresa atendendo com excelência nossos clientes. Fidelizar nosso cliente, agregando valor a sua marca através do nosso comprometimento e reputação, firmando assim uma parceria de sucesso. Projetos futuros: Viabilizar Filiais em regiões estratégicas do Território Brasileiro de modo a atender o mercado local com o mesmo padrão de qualidade exigido pelos grandes centros. Trabalhar com sistema de automação.

Público-alvo

Características: Atende a pessoas que estejam em fase de implatação de postos de serviços ou apenas de abastecimento.

Donos de postos que precisam de equipamentos, ou serviços, para manutenção, expansão de seus estabelecimentos. Diferenças: Trabalha na revenda da marca própria, onde poe este fator como diferenciação dos demais concorrentes, pois fica responsável pelo comprometimento da qualidade do produto, dando agilidade na resolução de possíveis problemas. Tem o maior leque de produtos se comparado aos seus concorrentes. Trabalha com grandes marcas do mercado nacional. Busca o menor preço através de parcerias de outros estados.

Referências
Heitlinger, Paulo. Tipografia: origem, formas e uso das letras, 1º edição,2006 Paulo Heitlinger e Dinalivro.ISBN 972-576-396-3.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful