Você está na página 1de 1

De uma asa só

por Caroline Guimarães Gil 


15
Como borboletas
Vivendo de uma
Asa;
O vôo sai disperso,
Umuarama, domingo, 4 de outubro de 2009
Inverso;
E aquilo o que se queria
Dizer;
Poesia

Começa a se

Música
Contradizer; 
O quanto ela voa
É o quanto ela colide 
É que quando sinto
O que sinto
Passa a ser o que sou
Quarteto Mousikê :
Literatura boa notícia! ótima música!
SESC Umuarama apresenta:
Feira do Livro 2009

“O escritor Miguel Sanches Neto.”

Como em todos os anos, o SESC de Umuarama envida honrosos es-


forços ao promover uma Feira do Livro em Umuarama, uma cidade onde
as bibliotecas são vazias e não houve uma livraria sequer que conseguiu
manter-se aberta por muito tempo. É aí que o SESC acerta, na insistência
e na esperança de comover as gerações mais jovens da cidade para as A felicidade que me inunda por saber dessa notícia é tão gran- As obras clássicas são compostas de várias partes chama-
delícias de ler e produzir literatura. de que nem vou perder tempo descrevendo, vou direto para a das “movimentos”, entre os quais os músicos (e a platéia)
O grande e necessário objetivo do evento, que vai acontecer entre os notícia: Neste dia 10 de outubro, às 20h, no Centro Cultural fazem um breve momento de silêncio antes de dar continui-
dias 05 e 09 de outubro, é sensibilizar as pessoas para a pratica da leitura Schubert de Umuarama, teremos uma apresentação de Músi- dade na execução da peça. O aplauso só acontece após to-
através de palestras, seminários, espetáculos de ‘contação’ de histórias, ca de Câmara, serão várias obras clássicas executadas por um cados todos os movimentos. Mas não se preocupe se você
oficinas, filmes e outras tantas coisas que ajudem a mostrar os infinitos Quarteto de Cordas. não sabe quando termina um movimento ou a obra comple-
benefícios que o ato de ler proporciona, quebrando esse preconceito insist- Um Quarteto de Cordas é geralmen- ta, na entrada do espetáculo todas as pes-
ente de que ler é difícil e doloroso. te composto pela seguinte combinação Serviço: soas receberão o Programa do espetácu-
Uma das atrações da Feira do Livro 2009 será o escritor, jornalista e de instrumentos: dois violinos, uma viola Espetáculo: Quarteto Mousikê lo, indicando as músicas a serem tocadas
critico literário Miguel Sanches Neto, que escreve para a o jornal Gazeta do (a clássica, não a caipira) e um Violonce- Local: Centro Cultural Schubert, e a quantidade de movimentos de cada
Povo e para a revista Carta Capital, além de também já ter publicado três lo. Nesse caso específico seremos apre- Umuarama uma delas. Portanto use e abuse do pro-
livros pela Editora Record: um romance autobiográfico chamado “Chove sentados ao Quarteto Mousikê, de Curiti- Data: 10 de Outubro grama para um melhor aproveitamento da
sobre minha infância” (2000), o livro de contos “Hóspede Secreto” (de 2003, ba, cujo nome nos remete à palavra grega Horário: 20h apresentação e, ao final, não o jogue fora,
ganhador do Prêmio Nacional Cruz e Sousa) e o de crônicas “Herdando
que originou o termo “Música”, que signifi- Preço: Entrada Franca leve-o pra casa e pesquise mais sobre os
uma biblioteca” (2004). Miguel participará do Café Literário da feira,
ca “a arte das musas”. Censura: Livre autores e as obras apresentadas na noite.
marcado para o dia 06 de outubro e lá conversará com os presentes sobre
“A Influência dos Gêneros Literários no Jornalismo”. O repertório do Mousikê é composto por Detalhes: Confirmar presença pelo tele- Garanto que assim haverão outros bons
O tema me trouxe à mente o - tão bem falado e quase inexistente no obras de compositores clássicos como Mo- fone (44)3626-8478 momentos de prazer sonoro para você.
Brasil - Jornalismo Literário, vertente jornalística também chamada de zart, Haydn (grande expoente do formato, ou pelo e-mail giulliana.vieira@fiepr. Esse espetáculo acontece em comem-
Literatura não-ficcional ou Literatura da realidade, onde o autor do texto considerado o pai dos quartetos de corda) org.br oração aos 65 anos da FIEP - Federação
não só informa a notícia, como utiliza de técnicas literárias para embel- e Beethoven; modernos como Dvorák, De- das Indústrias do Estado do Paraná, e che-
ezar e deixar o texto mais denso em subjetividades. Garanto que é mais bussy, Ravel e Showtakovich e também por compositores con- ga até Umuarama através do esforço da própria FIEP, da Pre-
interessante do que parece, mas a intenção não é um ensaio sobre essas temporâneos como Pixinguinha, Carlos Gardel, Lennon e Mc- feitura Municipal de Umuarama e do SESI-PR. Esforço que de-
minúcias literárias - quiçá reutilizaremos o tema noutra hora – portanto, Cartney. Pois é, não precisa nem dizer que só teremos músicas veria ser feito centenas de outras vezes por ano, pois existem
voltemos à feira. belas e emocionantes. ótimos projetos de música clássica (e outros estilos) no Paraná
Um outro bom motivo pra estar presente, desta vez na primeira noite Considerando a falta de convívio e prática nesse tipo de e Brasil afora, além de muitos incentivos para que esses proje-
da Feira do Livro (segunda-feira, dia 05), é o lançamento do livro A Casa evento, pincei por aí uma dica que pode ser bastante útil tos circulem. Portanto, não perca essa ótima chance de se ex-
de Sofia, do educador Alexandre Salgado, com direito à presença do autor num espetáculo de música clássica, deixando você mais re- por à beleza imortal da Música Clássica e mostre que em Um-
e noite de autógrafos marcada para as 20h. O livro cujo título já sugere laxado para aproveitar somente a música, sem outros “gri- uarama existe público para todos os tipos de manifestações
o tema: Filosofia, é feito mirando o público infantil com idade entre 09 e los”. Vamos lá: artísticas e culturais.
10 anos, entretanto, considerando a abordagem e o tema do trabalho, eu
o recomendaria para todas as idades. Uma outra coisa boa é saber que a
Secretaria de Educação de Umuarama percebeu que santo de casa pode,
sim, fazer milagres. Achou o livro tão interessante que já comprou quase
duas mil copias para utilizar nas escolas municipais, com os alunos de
terceira e quarta séries.
Enfim, temos na cidade mais uma chance de nos expor e envolver com
produção, discussão, utilização e comercialização de cultura e arte. Portanto,
numa cidade onde tanta gente reclama da ausência de eventos culturais,
a presença neste é mais do que obrigatória, é um dever. Afinal, eventos só
acontecem (e continuam acontecendo) quando existe público.

Serviço:
Evento: Feira do Livro 2009 Leia e
Local: Unidade do SESC de
Umuarama assine
Horário: 8h30 às 12h e 13h30
às 21h o Jornal
Preço: Entrada Franca
Detalhes: através do tel-
efone (44) 3623-3536
Umuarama
ou do e-mail: umuar-
ama@sescpr.com.br
Ilustrado
3621-2500
Com a melhor imformação
pra Umuarama e região