Você está na página 1de 104
Português Prof. Carlos Zambeli

Português Prof. Carlos Zambeli

Português Professor: Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br
Português Professor: Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br
Português Professor: Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br

Português

Professor: Carlos Zambeli

Português Professor: Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

Primeiros lugares do último concurso da CEF Alunos da Casa aprovados em todo o Brasil
Primeiros lugares do último concurso da CEF Alunos da Casa aprovados em todo o Brasil
Primeiros lugares do último concurso da CEF Alunos da Casa aprovados em todo o Brasil

Primeiros lugares do último concurso da CEF

Alunos da Casa aprovados em todo o Brasil

NORTE

Marlon Mattos Pereira ‒ Santarém ‒ PA Roberta Degliomeni ‒ Cruzeiro do Sul ‒ AC Jessica Moreno ‒ Ji-Paraná ‒ RO

NORDESTE

do Sul ‒ AC Jessica Moreno ‒ Ji-Paraná ‒ RO NORDESTE Ana Carolina Possionato ‒ Bacabal

Ana Carolina Possionato ‒ Bacabal ‒ MA Raphael Santos Correa Silva ‒ Aracajú ‒ SE André Felipe Alves das Chagas do Rosário ‒ Cascavel ‒ PB Francion Pereira dos Santos ‒ Patos ‒ PB Fabíola Brito Feitosa ‒ Itabuna ‒ BA Perliane Maria Silva de Araujo ‒ Castanhal ‒ PA Jeová Enderson Costa Bento ‒ Teresina ‒ PI

‒ PA Jeová Enderson Costa Bento ‒ Teresina ‒ PI CENTRO-OESTE Pedro Moreira Reis ‒ Uruaçu

CENTRO-OESTE

Pedro Moreira Reis ‒ Uruaçu ‒ GO Marco Aurélio Drigo ‒ Itumbiara ‒ GO

SUDESTE

Marlon Damasceno dos Santos ‒ Osasco ‒ SP Rodrigo Dantas Moriglia ‒ Jundiaí ‒ SP Alex Ianace ‒ São Paulo ‒ Centro Alan Henrique Sabino Duarte ‒ Ourinhos ‒ SP

SUL

Manuela Schleder Reinheimer ‒ Caxias do Sul ‒ RS Rodrigo Kirinus de Moura ‒ Uruguaiana ‒ RS Paulo Emanuel Prestes de Lima ‒ Santo Angelo ‒ RS Marcus Vinícius L. Giacobbo ‒ Porto Alegre ‒ RS Diogo Larrosa Furlan ‒ Maringá ‒ PR

Confira a lista completa dos aprovados da CEF:

Clique no link:

http://goo.gl/8qMwSY

a lista completa dos aprovados da CEF: Clique no link: http://goo.gl/8qMwSY www.acasadoconcurseiro.com.br Acesse o QR Code
a lista completa dos aprovados da CEF: Clique no link: http://goo.gl/8qMwSY www.acasadoconcurseiro.com.br Acesse o QR Code

www.acasadoconcurseiro.com.br

Acesse o QR Code

Mais de 800 alunos aprovados no último concurso em todo o Brasil. Alunos aprovados em
Mais de 800 alunos aprovados no último concurso em todo o Brasil. Alunos aprovados em
Mais de 800 alunos aprovados no último concurso em todo o Brasil. Alunos aprovados em
Mais de 800 alunos aprovados no último concurso em todo o Brasil. Alunos aprovados em

Mais de 800 alunos aprovados no último concurso em todo o Brasil.

Alunos aprovados em TODAS as microrregiões do país. Mais de 150 alunos aprovados entre as
Alunos aprovados em TODAS as microrregiões do país. Mais de 150 alunos aprovados entre as

Alunos aprovados em TODAS as microrregiões do país.

Mais de 150 alunos aprovados entre as 10 primeiras colocações.

Não deixe de acessar:

Confira os alunos da Casa aprovados em outros concursos:

Confira os alunos da Casa aprovados em outros concursos: Clique no link: http://aprovados.acasadoconcurseiro.com.br

Clique no link:

http://aprovados.acasadoconcurseiro.com.br

Participe do nosso grupo da Caixa no Facebook

Clique no link:

https://www.facebook.com/groups/576820872340154/

no link: https://www.facebook.com/groups/576820872340154/ Compre o curso e adquira nossas videoaulas por apenas R$

Compre o curso e adquira nossas videoaulas por apenas R$ 390,00.

o curso e adquira nossas videoaulas por apenas R$ 390,00. Clique no link:

Clique no link:

http://concursos.acasadoconcurseiro.com.br/?page_id=10625

apenas R$ 390,00. Clique no link: http://concursos.acasadoconcurseiro.com.br/?page_id=10625 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

Edital 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego

Edital

Edital 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego do
Edital 3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego do

3 Ortografia oficial. 4 Acentuação gráfica. 5 Emprego das classes de palavras. 6 Emprego do sinal indicativo de crase. 7 Sintaxe da oração e do período. 8 Pontuação. 9 Concordância nominal e verbal. 10 Regência nominal e verbal.

Aulas

Aula

Conteúdo

Página

01

Emprego das classes e palavras

9

02

Sintaxe da oração

19

03

Concordância verbal e nominal

31

04

Regência nominal e verbal

43

05

Emprego do sinal indicativo de crase

55

06

Sintaxe do período

65

07

Pontuação

79

08

Ortografia oficial/ Acentuação gráfica

91

Comentário do professor

Caro aluno da Casa do Concurseiro,

Esta

www.acasadasquestoes.com.br

apostila

está

atualizada

de

acordo

com

o

edital

e

com

questões

do

site

Com estimadas 8 aulas, temos a certeza de que você contará com a melhor preparação.

a certeza de que você contará com a melhor preparação. www.acasadoconcurseiro.com.br Conte comigo! Bons estudos!

www.acasadoconcurseiro.com.br

Conte comigo! Bons estudos!

Carlos Zambeli

Aula 1

Emprego das classes e palavras

A morfologia está agrupada em dez classes, denominadas classes de palavras ou classes gramaticais.

São elas: Substantivo, Artigo, Adjetivo, Numeral, Pronome, Verbo, Advérbio, Preposição, Conjunção e Interjeição.

Substantivo

Tudo o que existe é ser e cada ser tem um nome. Substantivo é a classe gramatical de palavras variáveis, as quais denominam os seres. Além de objetos, pessoas e fenômenos, os substantivos também nomeiam:

lugares: Itália, Porto Alegre

sentimentos: raiva, ciúmes

estados: alegria, tristeza

qualidades: honestidade, sinceridade

ações: corrida, leitura

Artigo

Artigo é a palavra que, vindo antes de um substantivo, indica se ele está sendo empregado de maneira definida ou indefinida. Além disso, o artigo indica, ao mesmo tempo, o gênero e o número dos substantivos.

Detalhe zambeliano 1

Substantivação!

Não aceito um não de você.

Detalhe zambeliano 2

Artigo facultativo diante de nomes próprios.

Sérgio chegou. / O Sérgio chegou.

2 Artigo facultativo diante de nomes próprios. Sérgio chegou. / O Sérgio chegou. www.acasadoconcurseiro.com.br 9

www.acasadoconcurseiro.com.br

9

Detalhe zambeliano 3 Artigo facultativo diante dos pronomes possessivos. • Sua turma é pequena no
Detalhe zambeliano 3 Artigo facultativo diante dos pronomes possessivos. • Sua turma é pequena no

Detalhe zambeliano 3

Artigo facultativo diante dos pronomes possessivos.

Sua turma é pequena no curso.

A sua turma é pequena no curso.

Adjetivo

Adjetivo é a palavra que expressa uma qualidade ou característica do ser e se "encaixa" diretamente ao lado de um substantivo.

Morfossintaxe do Adjetivo:

O adjetivo exerce sempre funções sintáticas relativas aos substantivos, atuando como adjunto adnominal ou como predicativo (do sujeito ou do objeto).

Os concurseiros aplicados estão nervosos.

Locução adjetiva

Festa de junho (junina)

Problema de boca (bucal)

Objetos de decoração (decorativos)

Plano do governo (governamental)

Advérbio

Advérbio é uma palavra invariável que modifica o sentido do verbo, do adjetivo e do próprio advérbio.

Classificação dos advérbios:

Lugar – ali, aqui, aquém, atrás, cá, dentro

Tempo – agora, amanhã, antes, ontem

Modo – a pé, à toa, à vontade

Dúvida – provavelmente, talvez, quiçá

Afirmação – sim, certamente, realmente

Negação – não, nunca, jamais

Intensidade - bastante, demais, mais, menos

10

• Negação – não, nunca, jamais • Intensidade - bastante, demais, mais, menos 10 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Dica do Zambeli

Hoje choveu muito na minha cidade.

Neste local, eu tropecei ontem.

Preposição

Preposição é uma palavra invariável que liga dois elementos da oração, subordinando o segundo ao primeiro, ou seja, o regente e o regido.

Regência verbal: Assisti ao vídeo do curso.

Regencia nominal: Estou alheio a tudo isso.

Zambeli, quais são as preposições?

a – ante – até – após – com – contra – de desde – em – entre – para – per – perante por – sem – sob – sobre – trás.

Pronome

Indefinidos

Não encontrei nenhum conhecido na aula do Zambeli.

Não encontrei nem um conhecido na aula do Zambeli.

conhecido na aula do Zambeli. • Não encontrei nem um conhecido na aula do Zambeli. www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

11

Demonstrativos   Este, esta, isto – perto do falante. ESPAÇO Esse, essa, isso – perto
Demonstrativos   Este, esta, isto – perto do falante. ESPAÇO Esse, essa, isso – perto

Demonstrativos

 

Este, esta, isto – perto do falante.

ESPAÇO

Esse, essa, isso – perto do ouvinte.

Aquele, aquela, aquilo – longe dos dois.

Este, esta, isto – presente/futuro

TEMPO

Esse, essa, isso – passado breve

Aquele, aquela, aquilo – passado distante

Este, esta, isto – vai ser dito

DISCURSO

Esse, essa, isso – já foi dito

RETOMADA

Edgar Abreu e Carlos Zambeli são dois dos professores da Casa do Concurseiro. Este é ensina Português; aquele, Conhecimentos Bancários.

Possessivos

Aqui está a minha carteira. Cadê a sua?

Pessoais – retos e oblíquos

Retos: eu, tu, ele, ela, nós, vós eles, elas.

Oblíquos: Os pronomes pessoais do caso oblíquo se subdividem em dois tipos: os átonos, que não são antecedidos por preposição, e os tônicos, precedidos por preposição.

Átonos: me, te, se, o, a, lhe, nos, vos, os, as, lhes.

Não falaram para mim.

Falaram para eu debater na aula.

Não ocorreram problemas entre mim e ti.

12

mim. • Falaram para eu debater na aula. • Não ocorreram problemas entre mim e ti.

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Numeral

Indicam quantidade ou posição – um, dois, vinte, primeiro, terceiro.

Interjeição

Expressam um sentimento, uma emoção

Verbos

Indicam ação, estado, fato, fenômeno da natureza.

Conjunções

Ligam orações ou, eventualmente, termos. São divididas em:

Coordenadas – aditivas, adversativas, alternativas, conclusivas, explicativas.

Subordinadas – concessivas, conformativas, causais, consecutivas, comparativas, condicionais, temporais, finais, proporcionais.

Exercício

Classifique a classe gramatical das palavras destacadas (substantivo, adjetivo, advérbio)

1. A cerveja que desce redondo.

2. A cerveja que eu bebo gelada.

3. Zambeli é um professor exigente.

4. O bom da aula é o ensinamento que fica para nós.

5. Carlos está no meio da sala.

6. Leu meia página da matéria.

7. Aquelas jovens são meio nervosas.

8. Ela estuda muito.

9. Não faltam pessoas bonitas aqui.

10. O bonito desta janela é o visual.

11. Vi um bonito filme brasileiro.

12. O brasileiro não desiste nunca.

13. A população brasileira reclama muito de tudo.

14. O crescimento populacional está diminuindo no Brasil.

15. Número de matrimônios cresce, mas gaúchos estão entre os que menos casam no país.

de matrimônios cresce, mas gaúchos estão entre os que menos casam no país . www.acasadoconcurseiro.com.br 13

www.acasadoconcurseiro.com.br

13

1. (18614)PORTUGUÊS | CESPE | UNIPAMPA |

2.

Questões

(4512) PORTUGUÊS | CESPE |

TRE

-

RJ

|

2013

2012

ASSUNTOS:

CLASSES

DE

PALAVRAS

ASSUNTOS: PRONOMES: EMPREGO,

(MORFOLOGIA)/FLEXÃO

NOMINAL

E

FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO

VERBAL

NOMINAL E FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO VERBAL Com base no texto acima, julgue os itens
NOMINAL E FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO VERBAL Com base no texto acima, julgue os itens
NOMINAL E FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO VERBAL Com base no texto acima, julgue os itens
NOMINAL E FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO VERBAL Com base no texto acima, julgue os itens

Com base no texto acima, julgue os itens a seguir.

O termo “deles” (L.5) é elemento coesivo que retoma o antecedente “eleitores” (L.2).

(

O emprego do artigo indefinido no trecho “Em uma visão contemporânea” (R.4-5) indica a possibilidade de existirem outras abordagens educacionais.

(

) Certo

(

) Errado

) Certo

(

) Errado

de existirem outras abordagens educacionais. ( ) Certo ( ) Errado ) Certo ( ) Errado

www.acasadoconcurseiro.com.br

15

3. (18613) PORTUGUÊS | CESPE | UNIPAMPA | 4. (22255) PORTUGUÊS | CESPE | TCE
3. (18613) PORTUGUÊS | CESPE | UNIPAMPA | 4. (22255) PORTUGUÊS | CESPE | TCE

3. (18613) PORTUGUÊS | CESPE | UNIPAMPA |

4. (22255) PORTUGUÊS | CESPE | TCE - RS |

2013

2013

ASSUNTOS: PRONOMES: EMPREGO,

ASSUNTOS:

CLASSES

DE

PALAVRAS

FORMAS DE TRATAMENTO E COLOCAÇÃO

(MORFOLOGIA)/FLEXÃO

NOMINAL

E

VERBAL

Em relação às estruturas linguísticas do texto acima, julgue o item a seguir. Na linha
Em relação às estruturas linguísticas do
texto acima, julgue o item a seguir.
Na linha 4, o elemento “los” em “memorizá-
los” e “reproduzi-los” está empregado em
referência aos “saberes formulados ao longo
da história” (R.2-3).
A substituição de “para os” por aos nas
ocorrências entre as linhas 11 e 15 manteria
a correção gramatical do texto
( ) Certo
(
) Errado
(
) Certo
(
) Errado

16

a correção gramatical do texto ( ) Certo ( ) Errado ( ) Certo ( )

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

5.

DAS

QUESTÕES | TRT - 18ª REGIÃO (GO) | 2013

PALAVRAS

E

VERBAL

Em Língua Portuguesa, certas palavras, dependendo do contexto em que são empregadas, podem ser classificadas de diferentes modos. Esse não é o caso de

ASSUNTOS:

(MORFOLOGIA)/FLEXÃO

(16126)

PORTUGUÊS

CLASSES

|

A

DE

CASA

NOMINAL

a)

ser

b)

vale

c)

festividades

d)

para

e)

respeito

c) festividades d) para e) respeito Para ver a explicação do professor sobre as questões,

Para ver a explicação do professor sobre as questões, clique no link a seguir ou baixe um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código.

http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33188

um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33188
um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33188

Aula 2

Sintaxe da oração

Frase: É o enunciado com sentido completo, capaz de fazer uma comunicação.

Na frase é facultativo o uso do verbo.

Oração: É o enunciado com sentido que se estrutura com base em um verbo.

Período: É a oração composta por um ou mais verbos.

SUJEITO – é o ser da oração ou a quem o verbo se refere e sobre o qual se faz uma declaração.

Que(m) é quê?

“Mas quando a filha quer fugir de casa, precisa descolar um ganha-pão. Filha de família se

não casa; papai e mamãe não dão nem um tostão.” (Nando Reis)

Ocorreram acidentes, assaltos e sequestros nesta comunidade.

Escutaram-se algumas vozes durante a aula.

Casos especiais

Sujeito indeterminado

Quando não se quer ou não se pode identificar claramente a quem o predicado da oração se refere. Observe que há uma referência imprecisa ao sujeito. Ocorre

a) Com o verbo na 3ª pessoa do plural, desde que o sujeito não tenha sido identificado anteriormente.

Dizem que a família está falindo.

“Perguntaram pra mim, se ainda gosto dela

Dizem que a família está falindo. • “Perguntaram pra mim, se ainda gosto dela ” www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

19

b) com o verbo na 3ª p do singular (VI, VTI, VL) + SE. •
b) com o verbo na 3ª p do singular (VI, VTI, VL) + SE. •

b) com o verbo na 3ª p do singular (VI, VTI, VL) + SE.

Precisa-se de mão de obra nesta construção.

Vive-se intensamente na juventude.

É-se muito ingênuo na juventude.

Inexistente (oração sem sujeito)

Ocorre quando há verbos impessoais na oração.

Fenômeno da natureza

Choveu na serra e, na praia, fez sol!

Deve ventar muito durante a madrugada.

Haver

No sentido de existir, ocorrer, ou indicando tempo decorrido.

Houve um grave acidente neste local.

Há pessoas que não valorizam a vida.

Deve haver aprovações deste curso.

Devem existir aprovações deste curso.

Fazer

Indicando temperatura, fenômeno da natureza, tempo.

Faz 25ºC nesta época do ano.

Deve fazer 40ºC amanhã.

Fez calor ontem na cidade.

Fez 2 anos que nós nos conhecemos.

Está fazendo 4 anos que você viajou para Londres.

20

2 anos que nós nos conhecemos. • Está fazendo 4 anos que você viajou para Londres.

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Sujeito Oracional

Namorar uma vizinha é muito comprometedor.

É necessário que vocês discutam a relação.

Convém que nós demos um tempo neste namoro.

TRANSITIVIDADE VERBAL

1. Verbo Intransitivo (VI) – verbo que não exige complemento

“O poeta pena quando cai o pano, e o pano cai.” (Teatro Mágico)

“Todos os dias, quando acordo, não tenho mais o tempo que passou.” (Legião)

2. Verbo Transitivo Direto (VTD) – verbo que precisa de complemento sem preposição.

“O Eduardo sugeriu uma lanchonete, mas a Mônica queria ver o filme do Godard.”

“Por onde andei enquanto você me procurava?” (Nando Reis)

3. Verbo Transitivo Indireto (VTI) - verbo que precisa de complemento com preposição.

Até que a morte nos separe é muito pouco pra mim. Preciso de você por mais de uma

vida.” (Fabrício Carpinejar)

"Acreditar por um instante em tudo que existe” (Legião)

4. Verbo Transitivo Direto e Indireto (VTDI) - precisa de 2 complementos. (OD e OI)

“A Mônica explicava ao Eduardo coisas sobre o céu, a terra, a água e o ar.” (Legião)

“Ninguém lhe diz, ao menos, obrigado.” (Legião)

a água e o ar.” (Legião) • “Ninguém lhe diz, ao menos, obrigado.” (Legião) www.acasadoconcurseiro.com.br 21

www.acasadoconcurseiro.com.br

21

5. Verbo de Ligação (VL) - não indicam ação. Esses verbos fazem a ligação entre
5. Verbo de Ligação (VL) - não indicam ação. Esses verbos fazem a ligação entre

5. Verbo de Ligação (VL) - não indicam ação. Esses verbos fazem a ligação entre 2 termos: o sujeito e suas características. Estas características são chamadas de predicativo do sujeito.

“A violência é tão fascinante, e nossas vidas são tão normais.” (Legião)

Ficamos felizes com a notícia.

ser, viver,

encontrar, fazer, parecer, estar, continuar, ficar, permanecer, andar, tornar, virar

acha,

ADJUNTO ADVERBIAL

É o termo da oração que indica uma circunstância (dando ideia de tempo, instrumento, lugar,

causa, dúvida, modo,intensidade,

finalidade,

).

O adjunto adverbial é o termo que modifica

o sentido de um verbo, de um adjetivo, de um advérbio.

Advérbio X Adjunto Adverbial

Ontem assisti à aula do Zambeli na minha sala confortavelmente.

APOSTO X VOCATIVO

Aposto é um termo acessório da oração que se liga a um substantivo, tal como o adjunto adnominal, mas que, no entanto sempre aparecerá com a função de explicá-lo, aparecendo de forma isolada por pontuação.

Vocativo é o único termo isolado dentro da oração, pois não se liga ao verbo nem ao nome. Não faz parte do sujeito nem do predicado. A função do vocativo é chamar o receptor a que se está dirigindo. É marcado por sinal de pontuação.

Zambeli, o professor que escontramos antes, trabalha muito!

Sempre cobram dois conteúdos nas provas: regência e pontuação.

22

Não entendi a matéria, Zambeli!

conteúdos nas provas: regência e pontuação. 22 • Não entendi a matéria, Zambeli! www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

ADJUNTO ADNOMINAL

Adjunto adnominal é o termo que caracteriza e/ou define um substantivo. As classes de palavras que podem desempenhar a função de adjunto adnominal são adjetivos, artigos, pronomes, numerais, locuções adjetivas. Portanto se trata de um termo de valor adjetivo que modificara o nome ao qual se refere.

Artigo – A aula de português

Adjetivos – A crise econômica será intensa.

Pronome – Minha sala está lotada!

Numeral – Cinco alunos fizeram aquele concurso.

Locução adjetiva – O problema da empresa continua.

alunos fizeram aquele concurso. Locução adjetiva – O problema da empresa continua. www.acasadoconcurseiro.com.br 23

www.acasadoconcurseiro.com.br

23

Exercícios 1. Reescreva as orações seguintes, passando os termos destacados para o plural: a) Precisa-se
Exercícios 1. Reescreva as orações seguintes, passando os termos destacados para o plural: a) Precisa-se

Exercícios

1.

Reescreva as orações seguintes, passando os termos destacados para o plural:

a)

Precisa-se de fotógrafo.

b)

Vende-se celular usado.

c)

Arruma-se celular estragado.

d)

Acredita-se em milagre.

e)

Plastifica-se carteira de motorista.

f)

Apela-se para o milagre.

g)

Vende-se barraca na praia.

2.

Classifique os elementos sublinhados das orações abaixo.

a)

O candidato voltou do curso.

b)

Histórias incríveis contou-nos aquele colega.

c)

O professor Zambeli ofereceu-lhe um lugar melhor no curso .

d)

Procurei-a por todos os lugares.

e)

Gabaritaram a prova.

f)

Talvez ainda haja concursos neste ano.

g)

Taxa de homicídio cresce em 15 anos no país.

h)

A prova foi fácil.

i)

Site oferece promoções aos clientes na internet.

j)

Contei-lhe o resultado da prova!

24

promoções aos clientes na internet . j) Contei- lhe o resultado da prova! 24 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

1.

Questões

1. Questões SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E (4603) PORTUGUÊS | CESPE | MP | 2012
1. Questões SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E (4603) PORTUGUÊS | CESPE | MP | 2012
SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E
SINTAXE
DA
ORAÇÃO
PERÍODO
(COORDENADAS
E

(4603) PORTUGUÊS | CESPE | MP | 2012

DO

ASSUNTOS:

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

A partir da organização das ideias no texto

acima, julgue os itens subsequentes.

O sujeito da forma verbal “vem passando”

(L.4) é “o Brasil” (L.1).

(

) Certo

(

) Errado

2. (5097) PORTUGUÊS | CESPE | TRE

-

BA

|

2010

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Com relação ao texto acima apresentado, julgue os itens abaixo

Na linha 28, o emprego da preposição a na combinação “ao” é exigência sintática do verbo “integrar”.

(

) Certo

(

) Errado

“ao” é exigência sintática do verbo “integrar”. ( ) Certo ( ) Errado www.acasadoconcurseiro.com.br 25

www.acasadoconcurseiro.com.br

25

3. 26 (5093) PORTUGUÊS | CESPE | TRE 2011 ASSUNTOS: E SUBORDINADAS)/NEXOS DO Com relação
3. 26 (5093) PORTUGUÊS | CESPE | TRE 2011 ASSUNTOS: E SUBORDINADAS)/NEXOS DO Com relação

3.

26

3. 26 (5093) PORTUGUÊS | CESPE | TRE 2011 ASSUNTOS: E SUBORDINADAS)/NEXOS DO Com relação aos

(5093) PORTUGUÊS | CESPE | TRE

2011

ASSUNTOS:

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

DO

Com relação aos sentidos e a aspectos linguísticos do texto acima, julgue os itens a seguir.

Em “emitir-lhes” (L.5), o pronome exerce a função de objeto direto.

(

) Certo

o pronome exerce a função de objeto direto. ( ) Certo (5070) PORTUGUÊS | CESPE |

(5070) PORTUGUÊS | CESPE | CNJ | 2013

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

| CESPE | CNJ | 2013 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL Com relação aos sentidos e

Com relação aos sentidos e a aspectos linguísticos do texto acima, julgue os itens que se seguem.

Na linha 5, o termo “do poder” relaciona- se sintaticamente com o termo “o cidadão”, modificando-o.

(

) Errado

- ES | 4. SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E
-
ES
|
4.
SINTAXE
DA
ORAÇÃO
PERÍODO
(COORDENADAS
E

(

) Errado

) Certo

(

) Errado - ES | 4. SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E ( ) Errado )

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

5. (5254) PORTUGUÊS | FCC | TRF - 5ª REGIÃO | 2012

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

o recurso à coerção atenta contra os princípios do direito internacional

de

está

empregado em:

a)

complemento

O verbo

que

exige

que

o

o

mesmo

tipo

grifado

acima

Se nossos objetivos maiores incluem a decidida defesa dos direitos humanos

o Brasil incorpora plenamente esses valores a sua ação externa

A ONU constitui o foro privilegiado para

b)

c)

externa A ONU constitui o foro privilegiado para b) c) 7. d) Em meados da década
7. d) Em meados da década de 90 surgiram vozes que (4601) PORTUGUÊS | CESPE
7.
d)
Em meados da década de 90 surgiram
vozes que
(4601) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA
AMAZÔNIA | 2012
e)
a relação [
etapas.
]
passou por várias
ASSUNTOS:
SINTAXE
DA
ORAÇÃO
E DO
PERÍODO
(COORDENADAS
E
SUBORDINADAS)/NEXOS
Em relação às ideias e às estruturas
linguísticas do texto acima, julgue os itens a
seguir.
As expressões “o vice-presidente executivo
da FEBRABAN” (L.4) e “O executivo” (L.10)
têm
o mesmo referente.
( ) Certo
(
) Errado
8.
(5089) PORTUGUÊS | CESPE | CORREIOS |
2011

6. (4587PORTUGUÊS | CESPE | ANAC | 2012

ORAÇÃO

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

Com referência às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, julgue os itens subsecutivos.

A oração “que a metrópole deixasse de ser tão centralizadora em suas políticas” (L.10- 11) exerce a função de complemento direto

E

ASSUNTOS:

SINTAXE

DA

DO

PERÍODO

(COORDENADAS

da

forma verbal “esperava” (L.10).

(

) Certo

(

) Errado

ASSUNTOS:

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

Assinale a opção em que o verbo da oração

SINTAXE

DA

ORAÇÃO

E

DO

PERÍODO

(COORDENADAS

tem

dois complementos.

a)

“Ela é uma gatinha.”

b)

“Eu fiz um coraçãozão vermelho.”

c)

“Agora vou botar renda em volta.”

d)

“Eu te odeio.”

e)

“Vou mandar um cartão de dia dos namorados para a Susi Derkins.”

odeio.” e) “Vou mandar um cartão de dia dos namorados para a Susi Derkins.” www.acasadoconcurseiro.com.br 27

www.acasadoconcurseiro.com.br

27

9. (4745) PORTUGUÊS | FCC | TRE - SP | 2012 ORAÇÃO E DO SUBORDINADAS)/NEXOS
9. (4745) PORTUGUÊS | FCC | TRE - SP | 2012 ORAÇÃO E DO SUBORDINADAS)/NEXOS

9. (4745) PORTUGUÊS | FCC | TRE - SP | 2012

ORAÇÃO

E DO

SUBORDINADAS)/NEXOS

Este conceito é relativo, pois em arte não há

originalidade absoluta.

a sua contribuição maior foi a liberdade de criação e expressão.

Ambos os elementos acima grifados exercem nas respectivas frases a função de:

a)

b)

c)

d)

E

ASSUNTOS:

SINTAXE

DA

PERÍODO

(COORDENADAS

adjunto adverbial.

objeto direto.

complemento nominal.

predicativo.

adverbial. objeto direto. complemento nominal. predicativo. 11. (4595) PORTUGUÊS | CESPE | PC - AL |

11. (4595) PORTUGUÊS | CESPE | PC - AL | 2012

e) objeto indireto. ASSUNTOS: SINTAXE DA ORAÇÃO E DO PERÍODO (COORDENADAS E SUBORDINADAS)/NEXOS Com
e)
objeto indireto.
ASSUNTOS:
SINTAXE
DA
ORAÇÃO
E DO
PERÍODO
(COORDENADAS
E
SUBORDINADAS)/NEXOS
Com relação ao sentido e aos aspectos
linguísticos do texto acima, julgue os itens
subsequentes.
Na linha
18,
o
trecho
“os
movimentos
nacionalistas
e
independentistas”
exerce
a
função
de
sujeito
da
locução
verbal
“vinham-se firmando”.
( ) Certo
(
) Errado

10. (5175) PORTUGUÊS | CESPE | ANAC | 2012

28

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Considerando as ideias e estruturas linguísticas do texto acima, julgue os itens a seguir.

A substituição de “fazer frente aos” (L.3- 4) por enfrentar os prejudicaria a correção gramatical do texto.

(

) Certo

(

) Errado

4) por enfrentar os prejudicaria a correção gramatical do texto. ( ) Certo ( ) Errado

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli 13. (4602) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA AMAZÔNIA
CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli 13. (4602) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA AMAZÔNIA

13. (4602) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA AMAZÔNIA | 2012

ORAÇÃO

E

ASSUNTOS: SINTAXE E DO PERÍODO TRE - MS | SINTAXE DA ORAÇÃO PERÍODO (COORDENADAS E
ASSUNTOS:
SINTAXE
E DO
PERÍODO
TRE
-
MS
|
SINTAXE
DA
ORAÇÃO
PERÍODO
(COORDENADAS
E
cujo
( ) Certo
(

SUBORDINADAS)/NEXOS

DA

(COORDENADAS

12. (4581) PORTUGUÊS | CESPE |

2013

ASSUNTOS:

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

O

é

a)

DO

Em relação às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, julgue os itens a seguir.

O sujeito da forma verbal “destacou” (L.5),

referente é “o vice-presidente executivo

da FEBRABAN (L.4)”, é indeterminado.

) Errado

executivo da FEBRABAN (L.4)”, é indeterminado. ) Errado sujeito da oração cujo núcleo do predicado a

sujeito da oração cujo núcleo do predicado

a forma verbal “formam” (L.13) é

b)

c)

d)

o pronome “que” imediatamente antecedente. oculto. indeterminado.

a expressão “um conjunto de instituições” (l.11-12).

e) a expressão “os direitos políticos” (l.13).

de instituições” (l.11-12). e) a expressão “os direitos políticos” (l.13). www.acasadoconcurseiro.com.br 29

www.acasadoconcurseiro.com.br

29

14. (5264) PORTUGUÊS | FCC | MPE - PE | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E
14. (5264) PORTUGUÊS | FCC | MPE - PE | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E

14. (5264) PORTUGUÊS | FCC | MPE - PE | 2012

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

de modo que ele próprio o anunciou no orçamento de 1925.

Considerando-se o contexto, o verbo grifado acima está empregado como

a)

transitivo indireto pronominal.

b)

transitivo indireto.

c)

bitransitivo.

d)

transitivo direto.

e)

intransitivo.

15. (26306) PORTUGUÊS | FCC | TRE - SP | 2012

ASSUNTOS:

E

SUBORDINADAS)/NEXOS

Este conceito é relativo, pois em arte não há

originalidade absoluta.

a sua contribuição maior foi a liberdade de criação e expressão.

Ambos os elementos acima grifados exercem nas respectivas frases a função de:

a)

b)

c)

d)

ORAÇÃO

E

SINTAXE

DA

DO

PERÍODO

(COORDENADAS

adjunto adverbial.

objeto direto.

complemento nominal. predicativo. objeto indireto.

e)
e)

Para ver a explicação do professor sobre as questões, clique no link a seguir ou baixe um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código.

http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33262

um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33262

Errado(4587)E 6.(5254)Errado 5.(5070)Errado 4.(5093)Certo 3.(5097)Errado 2.(4603)Gabarito: 1.

Errado(4602)A 13.(4581)Errado 12.(4595)Errado 11.(5175)D 10.(4745)E 9.(5089)Certo 8.(4601)7.

D(26306)D 15.(5264)14.

30

D(26306)D 15.(5264)14. 30 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

Aula 3

Concordância Verbal

Regra geral: O verbo concorda com o núcleo do sujeito em número e pessoa.

O problema da turma já foi resolvido pela direção do curso.

Os concurseiros adoram esta matéria nas provas.

Regras especiais:

1.

SE

a)

Pronome apassivador - o verbo (VTD ou VTDI) concordará com o sujeito passivo.

Alugaram-se carros importados na viagem.

Viram-se todos os jogos neste final de semana.

Exigem-se referências.

Plastificam-se documentos.

Entregou-se uma flor à mulher.

b)

Índice de indeterminação do sujeito – o verbo (VL, VI ou VTI) não terá sujeito claro! Terá um sujeito indeterminado.

Não se confia nos resultados sem provas.

Necessitou-se de funcionárias neste evento.

Assistiu-se a todos os jogos neste final de semana.

de funcionárias neste evento. • Assistiu-se a todos os jogos neste final de semana. www.acasadoconcurseiro.com.br 31

www.acasadoconcurseiro.com.br

31

2. QUE X QUEM QUE: se o sujeito for o pronome relativo que, o verbo
2. QUE X QUEM QUE: se o sujeito for o pronome relativo que, o verbo

2. QUE X QUEM

QUE: se o sujeito for o pronome relativo que, o verbo concorda com o antecedente do pronome relativo.

Fui eu que falei. (eu falei)

Fomos nós que falamos. (nós falamos)

QUEM: se o sujeito for o pronome relativo quem, o verbo ficará na terceira pessoa do singular ou concordará com o antecedente do pronome (pouco usado).

Fui eu quem falei/ falou.

Fomos nós quem falamos/falou.

3. PRONOME DE TRATAMENTO

O verbo fica sempre na 3ª pessoa (= ele/ eles).

Vossa Excelência deve apurar os fatos.

4. HAVER – FAZER

“Haver” no sentido de “existir ou ocorrer” ou indicando “tempo” ficará na terceira pessoa do singular. É impessoal, ou seja, não possui sujeito.

“Fazer” quando indica “tempo” ou “fenômenos da natureza”, também é impessoal e deverá ficar na terceira pessoa do singular.

Nesta sala, há bons e maus alunos.

Já houve muitos concursos neste ano.

Faz 10 anos que passei em um concurso.

5. Expressões partitivas ou fracionárias – verbo no singular ou no plural

A maioria dos candidatos apoia/ apoiam a ciclovia na cidade.

Um terço dos políticos rejeitou/ rejeitaram essa ideia.

32

a ciclovia na cidade. • Um terço dos políticos rejeitou/ rejeitaram essa ideia. 32 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Complete as frases:

1.

É preciso que se

os acertos do preço e se

as regras para não

mal-entendidos. ( faça- façam/ fixe- fixem/ existir – existirem)

 

2.

Não

confusões no casamento. (poderia haver - poderiam haver)

3.

de

convidados indesejados. (Trata-se - Tratam-se)

 

4.

As madrinhas acreditam que

 

convidados

interessantes, mas sabem

que

alguns

casados. (exista- existam / podem haver- pode haver)

5.

vários

dias que não se

casamentos

aqui;

alguma coisa estranha no local. (faz- fazem/ realiza - realizam/ deve haver- devem haver)

6.

Não

emoções que

 

esse

momento. (existe - existem/ traduza-

traduzam)

7.

problemas durante o Buffet. (aconteceu – aconteceram)

 

8.

Quando se

de casamentos, onde se

trajes

especiais, não

tantos custos para os convidados.(trata- tratam/ exige- exigem/ deve haver- devem haver)

9.

às 22h a janta, mas quase não Iniciaram-se/ havia- haviam)

 

convidados. (Iniciou-se-

10.

No Facebook,

fotos

bizarras

e

muitas

informações inúteis.

(publica-se - publicam-se/ compartilha-se - compartilham-se)

11.

Convém que se

nos

problemas do casamento e que não se

partido da sogra. (pense – pensem / tome – tomem)

 

12.

Naquele dia,

37º

C na festa. (fez - fizeram)

13.

aos

bêbados todo auxílio. (prestou-se - prestaram–se)

14.

Não se

boas festas de casamento como antigamente. (faz –fazem)

15.

No Sul,

invernos de congelar cusco. (faz-fazem)

 

16.

É preciso que se assistam / leia – leiam)

aos vídeos e que se

os recados. (assista –

17.

Convém que se

às ordens da sogra e que se

os prometidos. (obedeça

– obedeçam / cumpra – cumpram)

 

18.

As acusações do ex-namorado da noiva (levou / levaram)

 

os convidados às lágrimas.

19.

Uma pesquisa de psicólogos especializados

que a maioria dos casamentos

não se

depois de 2 anos. (revelou / revelaram – mantém / mantêm)

20.

A maior parte dos maridos partidas de futebol. (é provocada / são provocados)

pela esposa durante as

21.

Mais de uma esposa

dos maridos. (reclama – reclamam)

 
 
  www.acasadoconcurseiro.com.br   33

www.acasadoconcurseiro.com.br

 

33

Concordância Nominal Regra geral Os artigos, os pronomes, os numerais e os adjetivos concordam com
Concordância Nominal Regra geral Os artigos, os pronomes, os numerais e os adjetivos concordam com

Concordância Nominal

Regra geral

Os artigos, os pronomes, os numerais e os adjetivos concordam com o substantivo a que eles se referem.

Casos especiais

1. Adjetivo + substantivos de gênero diferente: concordância com o termo mais próximo.

Aquele restaurante serve

deliciosa salada e peixe.

delicioso peixe ou carne.

2. Substantivos de gêneros diferentes + adjetivo: concordância com o termo mais próximo ou uso do masculino plural.

A empresa ensinou política e procedimento de crédito novos.

A empresa ensinou política e procedimento de crédito novo.

A empresa ensinou procedimento de crédito e política nova.

3. ANEXO

 

Seguem anexos os contratos.

As cartas anexas devem conter envelope.

4.

“Hoje só tua presença vai me deixar feliz. Só hoje.”

“Eu tava só, sozinho! Mais solitário que um paulistano, que um canastrão na hora que cai o pano”

Observação

A locução adverbial a sós é invariável.

34

na hora que cai o pano” Observação A locução adverbial a sós é invariável. 34 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

5. OBRIGADO – adjetivo

“Muito obrigada”, disse a aniversariante aos convidados!

6. BASTANTE Adjetivo = vários, muitos Advérbio = muito, suficiente

Recebi bastantes flores.

Estudei bastante.

Tenho bastantes motivos para estudar com você!

7. TODO, TODA – qualquer TODO O , TODA A – inteiro

“Todo verbo é livre para ser direto ou indireto.”

Todo o clube comemorou a chegada do jogador.

8. É BOM, É NECESSÁRIO, É PROIBIDO, É PERMITIDO Com determinante = variável Sem determinante = invariável

Vitamina C é bom para saúde.

É necessária muita paciência.

Neste local, é proibido entrada de alunos.

Neste local, é proibida a entrada de alunos.

9. MEIO Adjetivo = metade Advérbio = mais ou menos

Tomou meia garrafa de champanhe.

Isso pesa meio quilo.

A porta estava meio aberta.

Cláudia anda meio cabisbaixo.

Outras palavras

• A porta estava meio aberta. • Cláudia anda meio cabisbaixo. Outras palavras www.acasadoconcurseiro.com.br 35

www.acasadoconcurseiro.com.br

35

Exercícios 1. Complete as lacunas com a opção mais adequada: a) É (proibido OU proibida)
Exercícios 1. Complete as lacunas com a opção mais adequada: a) É (proibido OU proibida)

Exercícios

1.

Complete as lacunas com a opção mais adequada:

a)

É

(proibido OU proibida) conversa durante a aula.

b)

É

(proibido OU proibida) a conversa durante a aula.

c)

Não é

(permitido OU permitida) a afixação de propagandas.

d)

Saída a qualquer hora, nesta empresa, não é

(permitido OU permitida).

e)

No curso, bebida não é

(permitido OU permitida).

f)

Crise econômica não é

(bom OU boa) para o governo.

g)

Bebeu um litro e

(meio OU meia) de cachaça.

h)

Respondeu tudo com

(meio OU meias) palavras.

i)

Minha colega ficou

(meio OU meia) angustiada.

j)

Ana estava

(meio OU meia) estressada depois da prova.

k)

Nesta turma há alunos

(meio OU meios) irrequietos.

l)

Eles comeram

(bastante OU bastantes).

m)

Os concurseiros saíram da prova

(bastante OU bastantes) cansados.

n)

Já temos provas

(bastante OU bastantes) para incriminá-lo.

o)

Os alunos ficam

(só OU sós).

p)

(Só OU Sós) os alunos deixaram a sala.

q)

(Só OU Sós) vocês duas não farão o concurso.

r)

(Só OU Sós), vocês duas não irão à festa, arranjem companhia.

s)

Eles comeram

(bastante OU bastantes) salgadinhos.

36

festa, arranjem companhia. s) Eles comeram (bastante OU bastantes) salgadinhos. 36 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

Questões

1. (5327) PORTUGUÊS | FCC | TRT - 1� REGI�O (RJ) | 2013

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

Substituindo-se o segmento em destaque pelo colocado entre parênteses ao final da frase, o verbo que deverá manter-se no singular está em:

a)

Houve um sonho monumental (sonhos monumentais)

b)

c)

d)

e)

Bem disse Le Corbusier que Niemeyer (os que mais conheciam a sua obra)

Assim pensava o maior arquiteto (grandes arquitetos como Niemeyer)

O comunismo resolve o problema da

vida

esquerda)

Niemeyer vira a possibilidade

arquitetos da geração de Niemeyer)

g e r a ç ã o d e N i e m e y e

(5184) PORTUGUÊS | CESPE | TRE

-

RJ

|

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

PORTUGUÊS | CESPE | TRE - RJ | CONCORDÂNCIA NOMINAL E Julgue os itens que se

Julgue os itens que se seguem, relativos às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima.

(Os 2. 2012 ASSUNTOS: VERBAL
(Os
2.
2012
ASSUNTOS:
VERBAL

(As revoluções vitoriosas da

A forma verbal “mostrou” (L.5) está no singular porque concorda com a expressão “Instituto Paulo Montenegro” (L.4-5).

(

) Certo

(

) Errado

concorda com a expressão “Instituto Paulo Montenegro” (L.4-5). ( ) Certo ( ) Errado www.acasadoconcurseiro.com.br 37

www.acasadoconcurseiro.com.br

37

Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas com traço contínuo das linhas 01, 39
Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas com traço contínuo das linhas 01, 39
Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas com traço contínuo das linhas 01, 39

Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas com traço contínuo das linhas 01, 39 e 41 respectivamente.

a)

Existe — têm — ligaram

b)

Existe — tem — ligar

c)

Existem — teem — ligarem

d)

Existem — tem - ligar

e)

Existem — têm — ligar

4. (5444) PORTUGUÊS | FGV | DETRAN - DF |

2010

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

Contar é muito dificultoso. Não pelos anos

que já se passaram. Mas pela astúcia que têm certas coisas passadas de fazer balancê, de se remexerem dos lugares. A lembrança da vida da gente se guarda em trechos diversos; uns com outros acho que nem se misturam

) (
) (

Contar seguido, alinhavado, só mesmo

sendo coisas de rasa importância. Tem horas antigas que ficaram muito mais perto da gente do que outras de recente data. Toda saudade é uma espécie de velhice. Talvez, então, a melhor coisa seria contar a infância não como um filme em que a vida acontece no tempo, uma coisa depois da outra, na ordem certa, sendo essa conexão que lhe dá sentido, princípio, meio e fim, mas como um álbum de retratos, cada um completo em si mesmo, cada um contendo o sentido inteiro. Talvez seja esse o jeito de escrever sobre a alma em cuja memória se encontram as coisas eternas, que permanecem

(Guimarães Rosa. Apud Rubem Alves. Na morada das palavras. Campinas: Papirus, 2003. p. 139)

Assinale a alternativa em que a forma verbal em destaque concorda com a expressão indicada entre parênteses:

concorda com a expressão indicada entre parênteses: 3. (24019) PORTUGUÊS | FDRH | BANRISUL | 2010

3. (24019) PORTUGUÊS | FDRH | BANRISUL |

2010

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

a)

“Mas pela astúcia que têm certas coisas ”

b)

passadas de fazer balancê “

– (astúcia)

uns com outros acho que nem se

misturam (

)”

– (uns com outros)

c)

“Toda saudade é uma espécie de velhice.” – (velhice)

38

(uns com outros) c) “Toda saudade é uma espécie de velhice.” – (velhice) 38 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

d)

acontece no tempo, e)

não como um filme em que a vida

” – (filme)

em cuja memória se encontram as ”

A frase em que a concordância nominal está

INCORRETA é:

a)

A

confusão formada diante do prédio

da instituição era meio grande.

b)

Enviaremos incluso no imposto a taxa de iluminação pública.

c)

Ela não devia deixar as crianças sós por tantas horas.

d)

Finalmente, meu colega está quite com

a

Receita Federal.

e)

Elas próprias descobriram o teor daquele documento.

e) Elas próprias descobriram o teor daquele documento. coisas eternas, que permanecem (memória) 5. (7647)

coisas eternas, que permanecem (memória)

5. (7647) PORTUGUÊS | CESGRANRIO | PETROBRÁS | 2011

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

A concordância verbal está corretamente estabelecida em:

Foi três horas de viagem para chegar ao local do evento.

Há de existir prováveis discussões para a finalização do projeto.

b)

a)

c)

d)

e)

CONCORDÂNCIA NOMINAL E 8. ASSUNTOS:
CONCORDÂNCIA
NOMINAL
E
8.
ASSUNTOS:

Só foi recebido pelo coordenador quando deu cinco horas no relógio.

Fazia dias que participavam do processo seletivo em questão.

Choveu aplausos ao término da palestra do especialista em Gestão.

6. (7648) PORTUGUÊS | CESGRANRIO | PETROBRÁS | 2011

ASSUNTOS:

VERBAL

A frase em que a concordância nominal está INCORRETA é:

a)

frase em que a concordância nominal está INCORRETA é: a) (5190) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO

(5190) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA AMAZÔNIA | 2012

Bastantes feriados prejudicam, certamente, a economia de um país.

Seguem anexo ao processo os documentos comprobatórios da fraude.

Eles eram tais qual o chefe nas tomadas de decisão.

Haja vista as muitas falhas cometidas, não conseguiu a promoção.

Elas próprias resolveram, enfim, o impasse sobre o rumo da empresa.

CONCORDÂNCIA NOMINAL E

VERBAL

Julgue o item a seguir, a respeito do texto acima.

Na linha 1, a forma verbal “permitiu” poderia ter sido flexionada no plural — permitiram —, caso em que concordaria com “processos”.

(

b)

c)

d)

e)

) Certo

(

) Errado

7. (7643) PORTUGUÊS | CESGRANRIO | PETROBRÁS | 2011

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

| CESGRANRIO | PETROBRÁS | 2011 ASSUNTOS: CONCORDÂNCIA NOMINAL E VERBAL www.acasadoconcurseiro.com.br 39

www.acasadoconcurseiro.com.br

39

9. (18623) PORTUGUÊS | FCC | PGE - BA | 2013 ASSUNTOS: CONCORDÂNCIA NOMINAL E
9. (18623) PORTUGUÊS | FCC | PGE - BA | 2013 ASSUNTOS: CONCORDÂNCIA NOMINAL E

9. (18623) PORTUGUÊS | FCC |

PGE -

BA

|

2013

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

A concordância verbal NÃO se estabeleceu corretamente na frase:

a)

Em vários outros poemas de Gullar ocorrem, a exemplo desses versos, a expressão das partes em que o poeta se vê sofridamente dividido.

Imputam-se a um poeta os limites da pura subjetividade, desconsiderando-se seu esforço em objetivá-los nas palavras que busca para compor o poema.

Nem sempre é fácil conciliar uma parte com a outra, harmonizá-las, fazê-las convergir e superar o antagonismo que parecia marcá-las em definitivo.

A

dever da atuação social podem surgir como partes contraditórias, que nos dividem dramaticamente.

A

os versos de Gullar corresponde ao legítimo sentido de participação, em que as partes se refletem positivamente uma na outra.

b)

c)

d)

e)

10. (5388) PORTUGUÊS | FCC | TRF - 2ª REGIÃO | 2012

ASSUNTOS:

VERBAL

As normas de concordância verbal estão plenamente observadas na frase:

d) Muita gente haveriam de levar para uma ilha os mesmos vícios a que se houvesse rendido nos atropelos da vida urbana.

e) A poucas pessoas conviria trocar a rotina dos shoppings pela serenidade absoluta de uma pequena ilha.

11. (5348) PORTUGUÊS | FCC | TRT - 6ª REGIÃO (PE) | 2012

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

E

VERBAL

Entre os países mais poderosos do mundo,

a indústria turística

como prioritária. A França, líder mundial

os EUA e a França

80 milhões

de visitantes estrangeiros em 2011, com

no receptivo turístico,

crescimento de 20% de brasileiros. Os EUA receberam 1.508.279 brasileiros no ano

US$

passado, e os gastos desses turistas 8,4 bilhões.

(Folha de S. Paulo, com adaptações)

Preenchem corretamente as lacunas da frase acima, na ordem dada:

enxergam - atraíram - totalizaram enxerga - atraíram - totalizaram

enxerga - atraíram - totalizaram enxerga - atraíram - totalizou enxergam - atraiu – totalizaram

PORTUGUÊS |
PORTUGUÊS
|

CESGRANRIO

ASSUNTOS:

CONCORDÂNCIA

NOMINAL

VERBAL

|

E

a) b) c) d) e) CONCORDÂNCIA NOMINAL E 12. (7644)
a)
b)
c)
d)
e)
CONCORDÂNCIA
NOMINAL
E
12. (7644)

força das paixões mais íntimas e o

ideia de tradução a que aludem

PETROBRÁS | 2011

 

a)

Evitem-se, sempre que possível, qualquer excesso no convívio humano:

Em uma mensagem de e-mail bastante formal, enviada para alguém de cargo superior numa empresa, estaria mais adequada, por seguir a norma-padrão, a seguinte frase:

 

nem proximidade por demais estreita, nem distância exagerada.

 

b)

Os vários atrativos de que dispõem

 

a

vida nas ilhas não são, segundo o

cronista, exclusividade delas.

 

a)

Anexo vão os documentos.

 

c)

Cabem aos poetas imaginar espaços mágicos nos quais realizemos nossos desejos, como a Pasárgada de Manuel Bandeira.

b)

Anexas está a planilha e os documentos.

 

c)

Seguem anexos os documentos.

d)

Em anexas vão as planilhas.

 

e)

Anexa vão os documentos e a planilha.

40

40 www.acasadoconcurseiro.com.br  

www.acasadoconcurseiro.com.br

 

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Para ver a explicação do professor sobre as questões, clique no link a seguir ou baixe um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código.

http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33406

um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33406

B(7643)B 7.(7648)D 6.(7647)B 5.(5444)E 4.(24019)Errado 3.(5184)A 2.(5327)Gabarito: 1.

C(7644)E 12.(5348)E 11.(5388)A 10.(18623)Errado 9.(5190)8.

C(7644)E 12.(5348)E 11.(5388)A 10.(18623)Errado 9.(5190)8. www.acasadoconcurseiro.com.br 41

www.acasadoconcurseiro.com.br

41

Aula 4

Regência Verbal e Nominal

A regência verbal estuda a relação que se estabelece entre os verbos e os termos que os complementam (objetos diretos e objetos indiretos) ou as circunstâncias (adjuntos adverbiais).

Um verbo pode assumir valor semântico diferente com a simples mudança ou retirada de uma preposição.

Zambeli, o que eu preciso saber para compreender melhor este assunto?

Pronome relativo

1. QUE:

Retoma pessoas ou coisas.

Os arquivos das provas de que preciso estão no meu email.

O colega em que confio é o Edgar.

2. QUEM:

Só retoma pessoas. Um detalhe importante: sempre antecedido por preposição.

A professora em quem tu acreditas pode te ajudar.

O amigo de quem Pedro precisará não está em casa.

O colega a quem encontrei no concurso foi aprovado.

3. O QUAL:

Existe flexão de gênero e de número: OS QUAIS, A QUAL, O QUAL, AS QUAIS.

O chocolate de que gosto está em falta.

O chocolate do qual gosto está em falta.

A paixão por que lutarei.

A paixão pela qual lutarei.

A prova a que me refiro foi anulada.

A prova à qual me refiro foi anulada.

• A prova a que me refiro foi anulada. • A prova à qual me refiro

www.acasadoconcurseiro.com.br

43

4. CUJO: Indica uma ideia de posse. Concorda sempre com o ser possuído. • A
4. CUJO: Indica uma ideia de posse. Concorda sempre com o ser possuído. • A

4. CUJO:

Indica uma ideia de posse. Concorda sempre com o ser possuído.

A prova cujo assunto eu não sei será amanhã!

A professora com cuja crítica concordo estava me orientando.

A namorada a cujos pedidos obedeço sempre me abraça forte.

5. ONDE:

Só retoma lugar. Sinônimo de EM QUE

O país aonde viajarei é perto daqui.

O problema em que estou metido pode ser resolvido ainda hoje.

Principais verbos deste assunto:

1. Assistir

VTD = ajudar, dar assistência:

O policial não assistiu as vítimas durante a prova = O policial não as assistiu

O conselho tutelar assiste todas as crianças.

VTI = ver, olhar, presenciar (prep. A obrigatória):

Assistimos ao vídeo no youtube = Assistimos a ele.

O filme a que eu assisti chama-se “ Intocáveis”.

2. Aspirar

VTD = inalar, cheirar, sorver

Aspirei esse cheiro de churrasco.

As pessoas aspiram a poluição dos carros.

VTI = desejar, ambicionar (prep. A obrigatória):

Quem não aspira ao cargo? = Quem não aspira a ele?

A vaga a que todos aspiram está neste concurso.

44

ao cargo? = Quem não aspira a ele? • A vaga a que todos aspiram está

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

3. Pagar e Perdoar

VTD - OD - coisa:

Pagou a conta.

VTI - OI - A alguém:

Pagou ao garçom.

VTDI - alguma COISA A ALGUÉM:

Pagou a dívida ao banco.

Pagamos ao garçom as contas da mesa.

4. Querer

VTD = desejar, almejar:

Eu quero esta vaga para mim.

VTI = estimar, querer bem, gostar:

Quero muito aos meus amigos.

Quero a você, querida!

5. Visar

VTD = pôr o visto, assinar

Você precisa visar atrás do cheque. VTD = apontar, mirar

O Capitão Nascimento visou o traficante. VTI = desejar, almejar, ambicionar

Vocês visam ao cargo público.

6. Implicar

VTD = acarretar, ter consequência

Passar no concurso implica sacrifícios.

Essas medidas econômicas implicarão mudanças na minha vida.

VTI – ter birra, implicância

Ela sempre implica com meus amigos!

na minha vida. VTI – ter birra, implicância • Ela sempre implica com meus amigos! www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

45

7. Preferir VTDI = exige a prep. A= X a Y • Prefiro concursos federais
7. Preferir VTDI = exige a prep. A= X a Y • Prefiro concursos federais

7. Preferir

VTDI = exige a prep. A= X a Y

Prefiro concursos federais a concursos estaduais.

8. Ir, Voltar, Chegar

Usamos as preposições A ou DE ou PARA com esses verbos.

Chegamos a casa.

Foste ao curso.

9. Esquecer-se, Lembrar-se = VTI (DE)

Esquecer, Lembrar = VTD

Eu nunca me esqueci de você!

Esqueça aquilo.

O aluno cujo nome nunca lembro foi aprovado.

O aluno de cujo nome nunca me lembro foi aprovado.

10. Obedecer = VTI

Obedeça a seus professores. = Obedeça-lhes.

As regras a que devemos obedecer nem sempre são lembradas pelo povo.

Regência Nominal

É o nome da relação existente entre um substantivo, adjetivo ou advérbio transitivos e seu respectivo complemento nominal. Essa relação é sempre intermediada por uma preposição.

Deve-se considerar que muitos nomes seguem exatamente a mesma regência dos verbos correspondentes. Conhecer o regime de um verbo significa, nesses casos, conhecer o regime dos nomes cognatos. Por exemplo, obedecer e os nomes correspondentes: todos regem complementos introduzidos pela preposição a: obedecer a algo/a alguém; obediência a algo/a alguém; obediente a algo/a alguém; obedientemente a algo/a alguém.

admiração a, por atentado a, contra aversão a, para, por bacharel em, doutor em capacidade de, para devoção a, para com, por dúvida acerca de, em, sobre

horror a impaciência com medo a, de obediência a ojeriza a, por proeminência sobre respeito a, com, para com, por

46

a, de obediência a ojeriza a, por proeminência sobre respeito a, com, para com, por 46

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Complete as frases quando for necessário

1. Pedro pagou

Sérgio e depois pagou

contas da maternidade.

2. Aquele resultado implicará

mudanças na empresa.

3.

Respondeu

bilhete, mas não respondeu

carta.

4. O povo deve visar

paz e

5. Os funcionários do curso queriam

entendimento.

festa de final de ano.

6. Sérgio quer

7. Você nunca perdoa

novo programa de computador.

vizinho.

8. Essa empresa paga em dia

salário dos empregados.

9.

Assisti

combate dos lutadores.

10. Nossos alunos aspiram

bons concursos.

11.

Aspiremos

12. Vamos proceder

13. Nunca visei

esse

perfume maravilhoso.

uma

série de aprovações.

qualquer

lucro com você, meu amor!

14. Minha sogra quer muito

seus genros.

15. conta, paguei

Paguei

meu colega e ainda paguei

16. Quero visar

aprovação.

17. Prefiro jantar fora

18. Vários candidatos aspiraram

ficar estudando em casa.

cargo.

19. Naquele dia tu perdoaste

todos os amigos.

20. O médico assistiu

aluno que estava ferido.

você!

dia tu perdoaste todos os amigos. 20. O médico assistiu aluno que estava ferido. você! www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

47

1. (5273) PORTUGUÊS | FCC | TRF - 2ª REGIÃO | 2012

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

A

expressão

de

que

preenche

Questões

3. (5411) PORTUGUÊS | FGV | DETRAN - RN |

2010

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

“Eu

não

atino

com

a

das

que

enfiei

adequadamente a lacuna da frase: a) Os projetos e atividades implementamos na Casa Azul visam
adequadamente a lacuna da frase:
a)
Os projetos e atividades
implementamos na Casa Azul visam à
harmonia de Paraty.
ontem”; a utilização da preposição “com”
nesse fragmento, é devida à presença do
verbo “atinar ”. A frase a seguir em que a
preposição destacada está mal empregada
é:
b)
O prestígio turístico
veio a gozar
Paraty não cessa de crescer, por conta
a)
de novos projetos e atividades.
b)
c)
O esquecimento
Paraty se
Azul é a cor de que mais gosto.
Essa é a menina de quem estamos
falando.
submeteu preservou- a dos desgastes
trazidos por um progresso irracional.
c)
d)
d)
A plena preservação ambiental,
Paraty faz por merecer, é uma das
metas da Casa Azul.
e)
Ela estará aqui em uma hora.
Esses são os retratos de que tiraram.
Essa é a história a que aludi.
4.
(5258) PORTUGUÊS | FCC | MPE - AP | 2012
e)
Os ciclos econômicos do ouro e do café,
tanto prosperou Paraty, esgotaram-
se no tempo.
ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL
Aos espanhóis revertem em sua totalidade
os primeiros frutos
2. (4627) PORTUGUÊS | FCC | TRE - SP | 2012
O verbo grifado acima tem o mesmo tipo de
complemento que o verbo empregado em:
ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL
a)
Na arte dos mamulengos, tornaram-se
célebres alguns artistas,
A descoberta das terras americanas é,
basicamente, um episódio dessa obra
ingente.
Preenche corretamente a lacuna da frase
acima:
b)
e suscita um enorme interesse por
novas terras.
a)
do nome deles que todos lembram
c)
]
b)
de cujo nome todos se lembram
c)
cujo o nome todos lembram
O restabelecimento dessas linhas [
constitui sem dúvida alguma a maior
realização dos europeus
d)
deles todos lembram os nomes
d)
e)
do qual os nomes se lembram de todos
Não se trata de deslocamentos de
população
e)
Esse interesse contrapõe Espanha e
Portugal, “donos” dessas terras, às
demais nações europeias.
Espanha e Portugal, “donos” dessas terras, às demais nações europeias. www.acasadoconcurseiro.com.br 49

www.acasadoconcurseiro.com.br

49

5. 50 (5414) PETROBRÁS | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL Segundo diria o Professor
5. 50 (5414) PETROBRÁS | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL Segundo diria o Professor

5.

50

5. 50 (5414) PETROBRÁS | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL Segundo diria o Professor Carlos
5. 50 (5414) PETROBRÁS | 2012 ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL Segundo diria o Professor Carlos

(5414)

PETROBRÁS | 2012

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Segundo diria o Professor Carlos Góis, mencionado no Texto II, a frase cuja regência do verbo respeita a norma-padrão é:

a) Esquecemo-nos daquelas regras gramaticais.

b) Os professores avisaram aos alunos da prova

PORTUGUÊS

|

CESGRANRIO

|

avisaram aos alunos da prova PORTUGUÊS | CESGRANRIO | 6. (5099) PORTUGUÊS | CESPE | ABIN

6.

(5099) PORTUGUÊS | CESPE | ABIN | 2010

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Com referência às estruturas linguísticas empregadas no texto, julgue os itens subsequentes

Na linha 31, a preposição “de” empregada antes de “que” é exigência sintática da forma verbal “dispõe”; portanto, sua retirada implicaria prejuízo à correção gramatical do período.

(

) Certo

(

) Errado

sua retirada implicaria prejuízo à correção gramatical do período. ( ) Certo ( ) Errado www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

7.

8.

c)

Deve-se obedecer o português padrão.

d)

Assistimos uma aula brilhante.

e)

Todos aspiram o término do curso.

(7655)

PETROBRÁS | 2011

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Substituindo o verbo destacado por outro, a frase, quanto à regência verbal, torna-se INCORRETA em:

a)

PORTUGUÊS

|

CESGRANRIO

|

O líder da equipe, finalmente, viu a apresentação do projeto. / O líder da equipe, finalmente, assistiu à apresentação do projeto.

Mesmo não concordando, ele acatou as ordens do seu superior. / Mesmo não concordando, ele obedeceu às ordens do seu superior.

b)

c)

Gostava de recordar os fatos de sua infância. / Gostava de lembrar dos fatos de sua infância.

d)

e)

O candidato desejava uma melhor colocação no ranking. / O candidato aspirava a uma melhor colocação no ranking.

Naquele momento, o empresário trocou a família pela carreira. / Naquele momento, o empresário preferiu a carreira à família.

(7651)

PETROBRÁS | 2011

PORTUGUÊS

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

Em qual das sentenças abaixo, a regência verbal está em DESACORDO com a norma- padrão?

a regência verbal está em DESACORDO com a norma- padrão? CESGRANRIO | ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E

CESGRANRIO

|

verbal está em DESACORDO com a norma- padrão? CESGRANRIO | ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL A

ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL

A leitura do trecho “A gente se acostuma a pagar por tudo o que deseja e o de que necessita. E a lutar para ganhar o dinheiro com que pagar” (L. 30-32) permite concluir que as preposições são exigidas, respectivamente, pelos seguintes verbos:

9. (5412) PORTUGUÊS LIQUIGÁS | 2012 | CESGRANRIO |
9.
(5412)
PORTUGUÊS
LIQUIGÁS | 2012
|
CESGRANRIO
|

|

a)

Esqueci-me dos livros hoje.

a)

desejar e ganhar.

b)

Sempre devemos aspirar a coisas boas.

b)

desejar e pagar.

c)

Sinto que o livro não agradou aos

c)

pagar e desejar.

alunos.

d)

necessitar e ganhar.

d)

Ele lembrou os filhos dos anos de tristeza.

e)

necessitar e pagar.

e)

Fomos no cinema ontem assistir o filme.

tristeza. e) necessitar e pagar. e) Fomos no cinema ontem assistir o filme. www.acasadoconcurseiro.com.br 51

www.acasadoconcurseiro.com.br

51

II - Quem quiser assistir filme, deve permanecer em silêncio. III - Certamente, essa decisão
II - Quem quiser assistir filme, deve permanecer em silêncio. III - Certamente, essa decisão
II - Quem quiser assistir filme, deve permanecer em silêncio. III - Certamente, essa decisão
II - Quem quiser assistir
filme, deve permanecer em silêncio.
III
-
Certamente,
essa
decisão
implicará
dissolução do grupo.
IV
-
Ao
chegar
casa,
verificarei
os
ordem alfabética.
se
documentos
estão
em
Em relação à regência verbal, a sequência
que preenche corretamente as lacunas é:
a) o - ao - na - em
b) o - o - a - a
c)
ao - o - na - em
d)
ao - ao - a - a
e)
ao - ao - na – em
12. (5351) PORTUGUÊS | FCC | MPE - PE | 2012
10. (5078) PORTUGUÊS | CESPE | BANCO DA
AMAZÔNIA | 2012
ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL
ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL
Seja qual for a resposta, em seu poema ele
lhe dizia que sua beleza era maior do que a
Em relação às ideias e às estruturas linguísticas
do texto acima, julgue os itens a seguir.
de
uma mortal.
O
verbo
que
exige
o
mesmo
tipo
de
Na linha 8, o emprego da preposição em
‘do qual’ é exigido pela presença da palavra
‘sistema’.
complemento
que
o
grifado
acima
está
empregado em:
a)
(
) Certo
(
) Errado
b)
como um legado que provê o
fundamento de nossas sensibilidades.
Poe certamente acreditava nisso
11. (7649)
PORTUGUÊS
|
CESGRANRIO
|
c)
PETROBRÁS | 2011
d)
ASSUNTOS: REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL
a primeira capaz de dar à palavra
escrita uma circulação geral
a primeira, em suma, a tornar-se
letrada no pleno sentido deste termo
Considere as frases abaixo.
e) Eis aí duas culturas, a grega e a romana,
que na Antiguidade se reuniram para
I - Manuel aspira
gerente na empresa.
cargo
de

E(7651)C 8.(7655)A 7.(5414)Certo 6.(5099)D 5.(5258)D 4.(5411)B 3.(4627)B 2.(5273)Gabarito: 1.

C(5351)D 12.(7649)Errado 11.(5078)E 10.(5412)9.

52

C(5351)D 12.(7649)Errado 11.(5078)E 10.(5412)9. 52 www.acasadoconcurseiro.com.br

www.acasadoconcurseiro.com.br

CEF – Português – Prof. Carlos Zambeli

Para ver a explicação do professor sobre as questões, clique no link a seguir ou baixe um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código.

http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33495

um leitor QR Code em seu celular e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33495
e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33495 www.acasadoconcurseiro.com.br 53
e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33495 www.acasadoconcurseiro.com.br 53
e fotografe o código. http://acasadasquestoes.com.br/prova-imprimir.php?prova=33495 www.acasadoconcurseiro.com.br 53

www.acasadoconcurseiro.com.br

53