Você está na página 1de 36
Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011 BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 1
Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011
BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 1
República Federativa do Brasil
Ministério da Educação
BS
Boletimde Serviço
Boletim Oficial de
Atos Administrativos
FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL
ANO XXII - Nº 5157
TERÇA-FEIRA
25 DE OUTUBRO DE 2011

RESOLUÇÕES

CONSELHO UNIVERSITÁRIO

RESOLUÇÃO Nº 83, DE 24 DE OUTUBRO DE 2011.

A PRESIDENTE DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com a Portaria nº 870, de 24 de outubro de 2011, do Secretário Executivo do Ministé- rio do Planejamento, Orçamento e Gestão Interino, resolve, ad referendum:

Art. 1º Alterar, para 14 de novembro de 2011 (segunda- -feira), a data da comemoração alusiva ao Dia do Servidor Público, a que se refere a Portaria nº 786, RTR, de 7 de de- zembro de 2010.

Art. 2º As Unidades que, por sua natureza, não puderem ser paralisadas, desenvolverão suas atividades no dia mencionado no artigo anterior, a critério da che a imediata.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor nesta data.

CÉLIA MARIA SILVA CORREA OLIVEIRA

CONSELHO DE ENSINO E GRADUAÇÃO

RESOLUÇÃO Nº 230, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011.

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fun- dação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, resolve:

Art. 1º Aprovar o Regulamento do Comitê Local de Acom- panhamento do Programa de Educação Tutorial (CLA-PET) da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, nos termos do anexo desta Resolução.

Anexo da Resolução nº 230/2011-Coeg.

REGULAMENTO DO COMITÊ LOCAL DE ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL

Capítulo I Da Natureza e das Finalidades

Art. 1° O Comitê Local de Acompanhamento do Programa de Educação Tutorial (CLA-PET) da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul tem por nalidade o acompanhamento das atividades dos grupos do Programa de Educação Tutorial (PET) e PET/Conexões de Saberes da UFMS, doravante denominado Grupos PET da UFMS, de acordo com a legislação vigente.

Art. 2°

O CLA-PET/UFMS atua de forma representativa,

deliberativa e normativa na gestão dos Grupos PET da UFMS.

Parágrafo único. O CLA-PET/UFMS cará vinculado a Pró- -Reitoria de Ensino de Graduação (Preg).

Art. 3º O CLA-PET/UFMS tem como objetivos:

I - deliberar, assessorar e apoiar os Grupos PET da UFMS,

com o intuito de assegurar a indissociabilidade entre o ensino, a pesquisa e a extensão e colaborar com propostas de aprimoramento dos projetos pedagógicos dos cursos de graduação;

II - acompanhar os Grupos PET da UFMS; e

III - representar os Grupos PET da UFMS nas diversas ins-

tâncias que se zer necessário.

Capítulo II Da Composição e das Atribuições

Art. 4º O CLA-PET/UFMS será composto por nove membros, escolhidos e designados pelo Pró-Reitor de Ensino de Graduação, sendo:

I - dois tutores;

II - três Coordenadores de Curso de Graduação;

III - um Coordenador de programas e projetos institucionais

de extensão;

IV - um acadêmico bolsista, ouvido os tutores; e

Art. 2º

Esta Resolução entra em vigor na data de sua

V

- dois representantes da Pró-Reitoria de Ensino de Gradu-

publicação.

ação.

 

HENRIQUE MONGELLI,

§

O Presidente, um dos tutores, será escolhido pelos

Presidente.

membros do Comitê.

2 • BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

O mandato dos membros do CLA-PET/UFMS será

de dois anos, sendo permitida uma única recondução por igual período.

§ 2°

Art. 5° São atribuições do CLA-PET/UFMS:

I - deliberar sobre a expansão de bolsas dos Grupos PET da UFMS;

II - acompanhar o desempenho dos Grupos PET da UFMS e

dos professores tutores;

III - zelar pela qualidade e inovação acadêmica dos Grupos

PET da UFMS e pela garantia do princípio de indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão;

IV - apoiar institucionalmente as atividades dos Grupos PET

da UFMS; V - emitir parecer sobre as propostas de planejamento de

atividades anuais e os relatórios de atividade dos Grupos PET da UFMS, após aprovação pelo Colegiado de Curso competente;

VI - vericar a coerência da proposta de trabalho e dos re-

latórios com o Projeto Pedagógico Institucional (PPI) e com as políticas e ações para redução da evasão e insucesso nas formações em nível de graduação da UFMS; VII - referendar os processos de seleção e de desligamento de estudantes bolsistas dos grupos, por proposta do tutor; VIII - analisar e aprovar os processos de seleção e de desli-

BOLETIM DE SERVIÇO

DIÁRIO OFICIAL DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL

Reitora: Célia Maria Silva Correa Oliveira Vice-reitor: João Ricardo Filgueiras Tognini Pró-reitor de Administração Júlio Cesar Gonçalves Pró-reitora de Planejamento Marize Terezinha Lopes Pereira Peres Pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação Dercir Pedro de Oliveira Pró-reitor de Ensino de Graduação Henrique Mongelli Pró-reitor de Extensão e Assuntos Estudantis Thelma Lucchese Cheung Diretora do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Edna Scremin Dias Diretor do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia Amâncio Rodrigues da Silva Júnior Diretora do Centro de Ciências Humanas e Sociais Elcia Esnarriaga de Arruda Diretor do Campus de Aquidauana Antonio Firmino de Oliveira Neto Diretor do Campus de Bonito Noslin de Paula Almeida Diretor do Campus de Chapadão do Sul Gustavo Theodoro Faria Diretor do Campus de Coxim Gedson Faria Diretor do Campus de Naviraí Josiane Peres Gonçalves Diretor do Campus de Nova Andradina Marcelino de Andrade Gonçalves Diretor do Campus do Pantanal Wilson Ferreira de Melo Diretora do Campus de Paranaíba Eliana da Mota Bordin de Sales Diretor do Campus de Ponta Porã Amaury Antonio de Castro Diretor do Campus de Três Lagoas José Antonio Menoni Edição, Editoração e Impressão Editora UFMS/RTR Divulgação via Intranet/Internet Núcleo de Informatica/RTR

gamento de tutores, bem como sugerir à Comissão de Avaliação,

a substituição de tutores e emitir parecer sobre a extinção dos Grupos PET da UFMS;

IX - coordenar o acompanhamento anual dos grupos, de acor-

do com as diretrizes do Programa, elaborar o relatório consolidado, da Instituição, e encaminhá-lo à Sesu/MEC, com prévia aprovação da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação;

X - propor à Comissão de Avaliação critérios e procedimentos

adicionais para o acompanhamento e avaliação dos Grupos PET da UFMS;

XI - propor estudos e programas para o aprimoramento das

atividades dos Grupos PET da UFMS; XII - organizar dados e informações relativos aos Grupos PET da UFMS e emitir parecer, por solicitação da Comissão de Avaliação; e XIII- elaborar relatórios de natureza geral ou especíca.

§ 2° A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação designará um

interlocutor dos Grupos PET da UFMS, para apoiar administra- tivamente os grupos e representá-los institucionalmente junto à SESu/MEC.

Capítulo III Das Atribuições do Presidente do CLA-PET e da Avaliação do PET

Art. 6° Ao Presidente do Comitê compete:

I - coordenar os trabalhos do CLA-PET/UFMS;

II - submeter ao Pró-Reitor de Ensino de Graduação, atos e

normas do Comitê;

III - convocar as reuniões;

IV - estabelecer a pauta e presidir as reuniões;

V - resolver as questões de ordem;

VI - exercer o voto de qualidade, quando ocorrer empate nas

votações; VII - comunicar as deliberações do Comitê à Preg e aos Gru- pos PET da UFMS; e VIII - encaminhar as atas das reuniões à Preg para conheci- mento.

Capítulo IV

Das Reuniões

O CLA-PET/UFMS reunir-se-á ordinariamente, no

mínimo, uma vez a cada semestre letivo, conforme calendário aprovado, e extraordinariamente, sempre que convocada pelo seu

Presidente com antecedência mínima de quarenta e oito horas.

Art.7°

Parágrafo único. As decisões do Comitê se darão pelo voto da maioria dos presentes.

Art. 8° As reuniões serão secretariadas por um dos membros do CLA-PET/UFMS, indicado pelo Presidente.

Capítulo V Do Desligamento e Seleção de Tutores

Art. 9° O Professor Tutor será desligado do Grupo PET da UFMS nas seguintes situações:

I - decisão do CLA-PET/UFMS;

II- avaliação insatisfatória feita pelo CLA-PET/UFMS ou

pela Comissão de Avaliação;

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 3

III - descumprimento do termo de compromisso e das atribui- ções contidas no art. 13 da Portaria nº 976/2010, MEC; ou IV- após o exercício da função de Tutor, por seis anos con- secutivos.

Art. 10. A seleção para substituição de Tutor será realizada

a partir de Edital publicado pela Preg, sendo o processo seletivo conduzido por comissão especíca.

Capítulo VI Disposições Finais

Art. 11. Os casos omissos serão resolvidos pelo Pró-Reitor de Ensino de Graduação.

RESOLUÇÃO Nº 231, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011.

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Funda-

ção Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, resolve:

Art. 1º Regulamentar a Mobilidade Interna entre as Unida- des da Administração Setorial localizadas em cidades diferentes, para os alunos dos cursos de graduação, presenciais, da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Art. 2º Entende-se por mobilidade interna:

I - a possibilidade de o acadêmico com afastamento de sua

unidade de origem por, no máximo dois semestres letivos, fre- quentar, com aproveitamento, disciplinas ofertadas pela UFMS em outra cidade; ou

Art. 6º Compete à Secretaria Acadêmica da Unidade Setorial

de origem do acadêmico anotar no Histórico Escolar do acadêmico

a dispensa das disciplinas concluídas em razão da mobilidade in-

terna e manter cópia do processo de mobilidade interna arquivada no prontuário do acadêmico.

Art. 7º No Histórico Escolar do acadêmico deverá constar (AMI) Afastamento para Mobilidade Interna durante o período em que estiver afastado.

Parágrafo único. O período em que o acadêmico estiver realizando Mobilidade Interna será computado para sua integra- lização curricular.

Art. 8º Os casos omissos serão resolvidos por este Conselho.

Art. 9º Esta Resolução entra em vigor a partir da data de sua publicação.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

RESOLUÇÃO Nº 232, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011.

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Funda-

ção Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais , resolve:

Art. 1º O art. 12 da Resolução nº 214, de 17 de dezembro de 2009, passa a vigorar com a seguinte redação:

II

- cursar disciplinas em período especial, em outra uni-

“Art. 12. Os Planos de Ensino deverão ser aprovados até o

Art. 2º Os casos omissos serão resolvidos por este Conselho.

dade.

primeiro dia de aula, pelo Colegiado de Curso, ou, no caso de

Art. 3º O acadêmico interessado em cursar, com aproveita- mento, disciplinas em outra cidade, deverá protocolizar na Secre- taria Acadêmica da Unidade do curso em que está matriculado, requerimento dirigido ao Coordenador do Curso explicando os

disciplinas ofertadas a múltiplos cursos, deverão ser aprovados pelo Conselho da Unidade da Administração Setorial que oferece as respectivas disciplinas”.

motivos e quais disciplinas pretende cursar, acompanhado de Histórico Escolar atualizado e ementa de disciplina, com antece- dência mínima de quinze dias da data de matrículas do período em que pretende cursar.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor a partir da data de sua publicação.

Art. 4º Compete ao Coordenador do Curso realizar, junto

à Unidade da Administração Setorial pretendida, a ementa das

disciplinas solicitadas, realizar estudo de possibilidade de apro-

veitamento e anexar parecer favorável garantindo que a discipli- na será aproveitada, em caso de aprovação, para integralização curricular do acadêmico.

Parágrafo único. O aluno não poderá se matricular, para ns de mobilidade interna, em Estágio Obrigatório, Atividades Com- plementares e/ou Trabalho de Conclusão de Curso.

Art. 5º É de responsabilidade do acadêmico, uma vez apro- vada sua mobilidade interna pelo Coordenador de Curso, buscar vagas e realizar sua inscrição nas disciplinas na Unidade da Ad- ministração Setorial em que as disciplinas são oferecidas e, após ter concluído as disciplinas, encaminhar o Histórico Escolar à Secretaria Acadêmica da respectiva Unidade da Administração Setorial de origem para a devida anotação de dispensa.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

RESOLUÇÃO Nº 233, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011.

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Funda-

ção Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas

atribuições legais, resolve:

Art. 1º O caput dos arts. 33, 34 e 35 da Resolução nº 30, de 4 de agosto de 2008, passam a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 33. Para ser aprovado na(s) disciplina(s) ou

conteúdo(s) o aluno deverá ter participado ao menos de setenta

e cinco por cento das atividades a distância, cem por cento das

atividades presencias, e ter obtido a Média de Aproveitamento- -MA igual ou superior a 5,0 (cinco), a ser registrada em seu

Histórico Escolar.”

4 • BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

“Art. 34. Para ser aprovado no módulo, nos cursos estruturados essencialmente em módulos e unidades temáticas, o aluno deverá ter participado ao menos de setenta e cinco por cento das atividades a distância, cem por cento das atividades presenciais programadas no módulo, e ter obtido a Média de Aproveitamento-MA igual ou superior a 5,0 (cinco), a ser registrada em seu Histórico Escolar.”

“Art. 35. O aluno que atender as condições determinadas nos arts. 33 e 34, mas com MA inferior a 5,0 (cinco), deverá submeter- -se ao Exame Final (EF), consistindo, obrigatoriamente, de uma prova escrita, podendo ser complementada por prova prática e/ ou oral, se prevista no Plano de Ensino.”

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor nesta data, retroagindo seus efeitos ao início do ano letivo de 2011.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

RESOLUÇÃO Nº 234, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011.

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fun-

dação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais e considerando o contido no Processo nº 23104.008731/2011-00, resolve:

Deferir a solicitação da requerente Vilma Aparecida Marques da Silva, quanto à sua reintegração ao Curso de Matemática - Licenciatura do Câmpus de Paranaiba, com matrícula e tranca- mento de matrícula fora de prazo, retroativos aos anos letivos de 2009/2 e 2010/2; e rematrícula fora de prazo no semestre letivo de 2011/2.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

RESOLUÇÃO Nº 235, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fun-

dação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições e considerando o contido no Processo nº 23104.007157/2011-64, resolve:

Art. 1º Aprovar a Estrutura Curricular do Projeto Pedagógi- co do Curso de Psicologia - Bacharelado do Centro de Ciências Humanas e Sociais.

Art. 2º O referido Curso, em respeito às normas superiores

pertinentes a integralização curricular obedecerá aos seguintes indicativos:

I - tempo útil:

a)

tempo útil CNE: 4.050 horas; e

b)

tempo útil UFMS: 4.455 horas.

II

- número de anos/semestres:

a)

mínimo CNE: 5 anos;

b)

mínimo UFMS: 10 semestres;

c)

máximo CNE: não denido; e

d)

máximo UFMS: 18 semestres.

III - turno de funcionamento: Integral

Art. 3º Fica assegurada a oportunidade de conclusão do Curso aos acadêmicos que estiverem vinculados à Estrutura Curricular desta Resolução, desde que estejam:

I - em 2010/2, matriculados no 9º e 10º semestres; ou II - em 2011/2, matriculados no 10º semestres.

Art. 4º Outras situações serão denidas com base nas Resolu- ções nº 166, de 13 de outubro de 2009; e nº 43, de 24 de fevereiro de 2010, ambas do Coeg, mediante consulta prévia à Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, para cada caso.

Art. 5º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publi- cação, retroagindo seus efeitos ao ano letivo de 2010/2.

Art. 7º Fica revogada a Resolução nº 194, de 14 de setembro de 2005.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

5. CURRÍCULO 5.1 ESTRUTURA CURRICULAR: (MATRIZ CURRICULAR) ANO DE IMPLANTAÇÃO: 2010/2

COMPONENTES CURRICULARES/DISCIPLINAS

CH

1 CURRÍCULO MÍNIMO

 

1.1

FORMAÇÃO BÁSICA

 

Anatomia Humana

68

Fisiologia Humana I

68

Fisiologia Humana II

68

Introdução à Psicologia

136

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia II

68

Modi cação de Comportamento

170

Psicologia da Personalidade

170

Psicologia do Desenvolvimento I

85

Psicologia do Desenvolvimento II

85

Psicologia Geral e Experimental

136

Psicologia Social

136

Psicopatologia Geral

170

Psicopatologia Infantil

68

1.2

FORMAÇÃO PROFISSIONAL

 

Abordagens Psicoterápicas

68

Dinâmica de Grupo e Relações Humanas

136

Ética Pro ssional

68

Orientação Educacional e Pro ssional

136

Pedagogia Terapêutica

136

Psicologia da Aprendizagem

102

Psicologia do Excepcional

136

Psicologia Escolar

136

Psicologia Organizacional

136

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico I

102

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico II

102

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Comportamental

136

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Psicodinâmico

136

1.3

ESTÁGIO OBRIGATÓRIO

 

ESTÁGIO OBRIGATÓRIO

 

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica I

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica II

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica III

102

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar I

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar II

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar III

102

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional I

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional II

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional III

102

Introdução aos Estágios Obrigatórios em Psicologia

102

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 5

2

COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS

   

Antropologia Cultural

 

68

Filoso a

 

68

Genética Humana

 

68

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia I

 

136

Sociologia Geral

 

68

Técnicas de Exame Psicológico

 

136

Técnicas de Redação

 

68

Trabalho de Conclusão de Curso

 

68

3

COMPLEMENTARES OPTATIVAS

   

Para o acadêmico integralizar o Curso de Psicologia - Formação de Psicólogo/ CCHS, deverá cursar, no mínimo, 136 horas aula de disciplinas optativas, a seguir relacionadas, bem como disciplinas de outros cursos, desde que aprovadas pelo Colegiado de Curso do Curso de Psicologia/CCHS.

 

Pensamento e Linguagem

DCH/CCHS

68

Psicodrama

 

DCH/CCHS

68

Psicofarmacologia

DCH/CCHS

68

Psicologia da Publicidade e Cultura de Massa

DCH/CCHS

68

Psicologia Hospitalar

DCH/CCHS

68

Psicologia Jurídica

DCH/CCHS

68

Psicoterapia Familiar

DCH/CCHS

68

Psicoterapia Infantil

DCH/CCHS

68

Representação Social: Teoria, Metodologia e Pesquisa

DCH/CCHS

68

Saúde Mental e Trabalho

DCH/CCHS

68

Sexualidade Humana

DCH/CCHS

68

Temas Atuais em Psicologia e Sociedade

DCH/CCHS

68

Terceira Idade

 

DCH/CCHS

68

4

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

   

Atividades Complementares

 

69

5.2 QUADRO DE SEMESTRALIZAÇÃO: 2010/2

 

SEMESTRE

DISCIPLINAS

LOTAÇÃO

CH

Anatomia Humana

DMF/CCBS

68

Antropologia Cultural

DCH/CCHS

68

Filoso a

DCH/CCHS

68

Fisiologia Humana I

DMF/CCBS

68

Genética Humana

DBI/CCBS

68

Introdução à Psicologia I

DCH/CCHS

68

SUBTOTAL

 

408

Introdução à Psicologia II

DCH/CCHS

68

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia I

DCH/CCHS

136

Psicologia do Desenvolvimento I

DCH/CCHS

85

Sociologia Geral

DCH/CCHS

68

Técnicas de Redação

DLE/CCHS

68

SUBTOTAL

 

425

Fisiologia Humana II

DMF/CCBS

68

Introdução aos Estágios Obrigatórios em Psicologia I

DCH/CCHS

51

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia II

DCH/CCHS

68

Psicologia da Aprendizagem I

DCH/CCHS

51

Psicologia da Personalidade I

DCH/CCHS

85

Psicologia do Desenvolvimento II

DCH/CCHS

85

Psicologia Geral e Experimental I

DCH/CCHS

68

Psicologia Social I

DCH/CCHS

68

Psicopatologia Geral I

DCH/CCHS

85

SUBTOTAL

 

629

Introdução aos Estágios Obrigatórios em Psicologia II

DCH/CCHS

51

Psicologia da Aprendizagem II

DCH/CCHS

51

Psicologia da Personalidade II

DCH/CCHS

85

Psicologia Geral e Experimental II

DCH/CCHS

68

Psicologia Social II

DCH/CCHS

68

Psicopatologia Geral II

DCH/CCHS

85

SUBTOTAL

 

408

Abordagens Psicoterápicas

DCH/CCHS

68

Dinâmica de Grupo e Relações Humanas I

DCH/CCHS

68

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica I

DCH/CCHS

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar I

DCH/CCHS

34

Ética Pro ssional

DCH/CCHS

68

Psicologia do Excepcional I

DCH/CCHS

68

Psicologia Escolar I

DCH/CCHS

68

Psicologia Organizacional I

DCH/CCHS

68

SUBTOTAL

 

476

Dinâmica de Grupo e Relações Humanas II

DCH/CCHS

 

68

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional I

DCH/CCHS

 

34

Psicologia do Excepcional II

 

DCH/CCHS

 

68

Psicologia Escolar II

DCH/CCHS

 

68

Psicologia Organizacional II

 

DCH/CCHS

 

68

Psicopatologia Infantil

DCH/CCHS

 

68

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico I

DCH/CCHS

 

102

SUBTOTAL

   

476

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica II

DCH/CCHS

 

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar II

DCH/CCHS

 

34

Modi cação de Comportamento I

DCH/CCHS

 

85

Orientação Educacional e Pro ssional I

DCH/CCHS

 

68

Pedagogia Terapêutica I

DCH/CCHS

 

68

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico II

DCH/CCHS

 

102

Técnicas de Exame Psicológico I

DCH/CCHS

 

68

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Psicodinâmico I

DCH/CCHS

 

68

SUBTOTAL

   

527

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional II

DCH/CCHS

 

34

Modi cação de Comportamento II

DCH/CCHS

 

85

Orientação Educacional e Pro ssional II

DCH/CCHS

 

68

Pedagogia Terapêutica II

DCH/CCHS

 

68

Técnicas de Exame Psicológico II

DCH/CCHS

 

68

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Psicodinâmico II

DCH/CCHS

 

68

SUBTOTAL

   

391

Trabalho de Conclusão de Curso I

DCH/CCHS

 

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica III

DCH/CCHS

 

102

Estágio Obrigatório em Psicologia Escolar III

DCH/CCHS

 

102

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Comportamental I

DCH/CCHS

 

68

SUBTOTAL

DCH/CCHS

 

306

10º

Trabalho de Conclusão de Curso II

DCH/CCHS

 

34

Estágio Obrigatório em Psicologia Organizacional III

DCH/CCHS

 

102

Teorias e Técnicas Psicoterápicas - Enfoque Comportamental II

DCH/CCHS

 

68

SUBTOTAL

   

204

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

DCH/CCHS

 

69

COMPLEMENTARES OPTATIVAS

DCH/CCHS

 

136

TOTAL

 

4.455

5.3 TABELA DE EQUIVALÊNCIA:

 

EM VIGOR ATÉ 2010/1

CH

A PARTIR DE 2010/2

CH

Abordagens Psicoterápicas

68

Abordagens Psicoterápicas

 

68

Anatomia Humana

68

Anatomia Humana

68

Antropologia Cultural

68

Antropologia Cultural

68

Atividades Complementares

69

Atividades Complementares

 

69

Dinâmica de Grupo e Relações Humanas

 

Dinâmica de Grupo e Relações

   

136

Humanas I

68

 

Dinâmica de Grupo e Relações Humanas II

 

68

Estágio Supervisionado em Psicologia Clínica I

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

34

Clínica I

34

Estágio Supervisionado em Psicologia Clínica II

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

34

Clínica II

34

Estágio Supervisionado em Psicologia Clínica III

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

102

Clínica III

102

Estágio Supervisionado em Psicologia Escolar I

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

34

Escolar I

34

Estágio Supervisionado em Psicologia

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

Escolar II

34

Escolar II

34

Estágio Supervisionado em Psicologia

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

Escolar III

102

Escolar III

102

Estágio Supervisionado em Psicologia Organizacional I

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

34

Organizacional I

34

Estágio Supervisionado em Psicologia Organizacional II

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

34

Organizacional II

34

Estágio Supervisionado em Psicologia Organizacional III

 

Estágio Obrigatório em Psicologia

   

102

Organizacional III

102

Ética Pro ssional

68

Ética Pro ssional

68

Filoso a

68

Filoso a

68

Fisiologia Humana I

68

Fisiologia Humana I

68

Fisiologia Humana II

68

Fisiologia Humana II

68

Genética Humana

68

Genética Humana

68

Introdução à Psicologia

136

Introdução à Psicologia I

68

Introdução à Psicologia II

68

6 • BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

Introdução aos Estágios Supervisionados em Psicologia

 

Introdução aos Estágios Obrigatórios

 

102

em Psicologia I

51

 

Introdução aos Estágios Obrigatórios em Psicologia II

51

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia I

 

Métodos e Técnicas de Pesquisa em

 

136

Psicologia I

136

Métodos e Técnicas de Pesquisa em Psicologia II

 

Métodos e Técnicas de Pesquisa em

 

68

Psicologia II

68

Modi cação de Comportamento

170

Modi cação de Comportamento I

85

Modi cação de Comportamento II

85

Orientação Educacional e Pro ssional

136

Orientação Educacional e Pro ssional I

68

Orientação Educacional e Pro ssional II

68

Pedagogia Terapêutica

136

Pedagogia Terapêutica I

68

Pedagogia Terapêutica II

68

Psicologia da Aprendizagem

102

Psicologia da Aprendizagem I

51

Psicologia da Aprendizagem II

51

Psicologia da Personalidade

170

Psicologia da Personalidade I

85

Psicologia da Personalidade II

85

Psicologia do Desenvolvimento I

85

Psicologia do Desenvolvimento I

85

Psicologia do Desenvolvimento II

85

Psicologia do Desenvolvimento II

85

Psicologia do Excepcional

136

Psicologia do Excepcional I

68

Psicologia do Excepcional II

68

Psicologia Escolar

136

Psicologia Escolar I

68

Psicologia Escolar II

68

Psicologia Geral e Experimental

136

Psicologia Geral e Experimental I

68

Psicologia Geral e Experimental II

 

Psicologia Organizacional

136

Psicologia Organizacional I

68

Psicologia Organizacional II

68

Psicologia Social

136

Psicologia Social I

68

Psicologia Social II

68

Psicopatologia Geral

170

Psicopatologia Geral I

85

Psicopatologia Geral II

85

Psicopatologia Infantil

68

Psicopatologia Infantil

68

Sociologia Geral

68

Sociologia Geral

68

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico I

 

Técnicas de Exame e Aconselhamento

 

102

Psicológico I

102

Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico II

 

Técnicas de Exame e Aconselhamento

 

102

Psicológico II

102

Técnicas de Exame Psicológico

136

Técnicas de Exame Psicológico I

68

Técnicas de Exame Psicológico II

68

Técnicas de Redação

68

Técnicas de Redação

68

Teorias e Técnicas Psicoterápicas – Enfoque Comportamental

 

Teorias e Técnicas Psicoterápicas –

 

136

Enfoque Comportamental I

68

 

Teorias e Técnicas Psicoterápicas – Enfoque Comportamental II

68

Teorias e Técnicas Psicoterápicas – Enfoque Psicodinâmico

 

Teorias e Técnicas Psicoterápicas –

 

136

Enfoque Psicodinâmico I

68

 

Teorias e Técnicas Psicoterápicas – Enfoque Psicodinâmico II

68

Trabalho de Conclusão de Curso

68

Trabalho de Conclusão de Curso I

34

Trabalho de Conclusão de Curso II

34

5.4 POLÍTICA DE IMPLANTAÇÃO DO NOVO

CURRÍCULO:

A implantação da semestralização do currículo deste Projeto Pedagógico de Curso, será a partir do ano letivo de 2010/2 para os acadêmicos matriculados no 9º e 10º semestres do curso.

5.5 EMENTÁRIO

ABORDAGENS PSICOTERÁPICAS: Sugestão hipnótica e origem da psicoterapia. Freud e o método psicanalítico. Psicote- rapias contemporâneas.

ANATOMIA HUMANA: Introdução: o corpo humano como um todo. Constituintes da matéria viva: tecidos, sistemas e apa- relhos. Estrutura do corpo: pele. Sistemas: esquelético, articular, muscular, nervoso, especiais (sentidos), circulatório, linfático, respiratório, digestivo e metabolismo, urinário, endócrino e re- produtor. Líquidos e eletrolitos. A anatomia como entendimento da organização estrutural e suas implicações no conhecimento das funções do organismo humano. Os limites das explicações siológicas para entendimento das funções psicológicas.

ANTROPOLOGIA CULTURAL: O progresso biológico e

adaptações logenéticas do comportamento humano. Importância

antropológica da antogenia geral. O signicado do evolucionismo.

O homem e o ambiente - um balanço cultural. Crescimento da

população mundial e conseqüências antropológicas. Contribuições

da pré-história para o conhecimento do homem. As armações

antropológicas da etnologia, mito e religião. Contos e literatura. Personalidade, sociedade e cultura. ATIVIDADES COMPLEMENTARES: Atividades extra- classe consideradas relevantes para a formação do acadêmico,

cujo cumprimento deve ser feito de acordo com o regulamento

especíco.

DINÂMICA DE GRUPO E RELAÇÕES HUMANAS I e II:

Origens da dinâmica de grupo: da psicologia social à dinâmica

de grupos, o conjunto de fenômenos psicossociais. As diferentes

interpretações da expressão dinâmica de grupo. Dinâmica de

grupo em instituições: familiares, educacionais, empresariais e

na clínica. Dinâmica de grupo e relações humanas: os limites de

suas contribuições. Exercícios de dinâmica de grupo. Aplicação

das técnicas.

ESTÁGIO OBRIGATÓRIO EM PSICOLOGIA CLÍNICA I, II e III: Atividades de estágio supervisionado de atendimento

clínico de crianças, adolescentes e adultos, de acordo com o Re-

gulamento de Estágio Supervisionado da COES/Psicologia/CCHS. ESTÁGIO OBRIGATÓRIO EM PSICOLOGIA ESCOLAR I, II e III: Atividades de estágio supervisionado em instituições

educacionais, de prevenção e terapêutica das questões de desen-

volvimento e da aprendizagem, de acordo com o Regulamento de Estágio Supervisionado da COES/ Psicologia/CCHS. ESTÁGIO OBRIGATÓRIO EM PSICOLOGIA ORGANI- ZACIONAL I, II e III: Atividades de estágio supervisionado em

instituições onde se manifeste o trabalho social humano, aplicando conhecimentos adquiridos nas disciplinas do curso, de acordo com

o Regulamento de Estágio Supervisionado da COES/Psicologia/ CCHS. ÉTICA PROFISSIONAL: Necessidade da ética e dos códigos

morais. Estudo das leis e decretos referentes a prossão. Código de Ética Pro ssional do Psicólogo. Responsabilidades do psi- cólogo: prossional, cientista, professor e cidadão. Campos de atuação do psicólogo. Relacionamento com os clientes: o sigilo pro ssional, aceitação e transferência, o relatório psicológico, os honorários, a conclusão do trabalho. Relacionamento do psicólogo com prossionais ans, com empregadores, superiores, colegas e subordinados. Divulgação de dados psicológicos. A publicidade dos serviços pro ssionais. A investigação cientíca, a escolha,

a aquisição e o uso de testes. Problemas da classe prossional.

Aspectos prossionais do psicólogo no Brasil e suas relações com

o mercado trabalho. FILOSOFIA: O pensamento clássico. Período ético. Pensa- mento cristão. A losoa moderna. A losoa contemporânea. As

relações dos princípios éticos particulares para o desenvolvimento social e as contribuições culturais para o desenvolvimento de tais princípios, os dois princípios losó cos da ética das condutas:

as condutas melhores em si mesma ou as condutas de acordo com os padrões morais. Os três modelos históricos da ética da conduta: a felicidade ou prazer; o dever, a virtude, a obrigação e

a perfeição; o pleno desenvolvimento harmonioso do potencial

humano. A ética cristã e a ética após a reforma protestante. A ética

na loso a secular. FISIOLOGIA HUMANA I: A siologia humana como condi- ção da interação do sujeito com o meio. As mútuas determinações entre o siológico e as funções psicológicas. A introdução ao es-

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 7

tudo da siologia. Sistema muscular. Sistema endócrino. Sistema

reprodutor. Sistema cardiovascular. Sistema respiratório. Sistema renal. Sistema digestório. FISIOLOGIA HUMANA II: Equilíbrio ácido básico. Sistema nervoso. Os limites das determinações siológicas do comportento humano. GENÉTICA HUMANA: Os fundamentos genéticos da logê- nese e suas determinações da ontogênese. Conceitos fundamentais

e aplicações. Noções de embriologia. Teorias das probabilidades.

A relação entre a genética e os fatores sócio-ambientais. Panmi- xia. Tipos de herança. Genética das populações. Aconselhamento genético. Genética e doenças transmissíveis. Genética e doenças degenerativas. As implicações das contribuições da genética para a psicologia clínica, educacional e social. Os limites das determina- ções genéticas na constituição dos aspectos psicológicos humanos. INTRODUÇÃO À PSICOLOGIA I e II: Origens epistemoló- gicas e históricas do pensamento psicológico. Análise crítica das marcas ideológicas da psicologia. Principais teorias psicológicas. A ciência psicológica e a prática prossional da psicologia. INTRODUÇÃO AOS ESTÁGIOS OBRIGATÓRIOS EM PSICOLOGIA I e II: Estágio supervisionado em instituições onde se desenvolvam atividades inerentes aos aspectos psicológicos humanos, para suas análisees e aplicação dos conhecimentos ad- quiridos nas disciplinas do curso, de acordo com o Regulamento de Estágio Supervisionado da COES/Psicolo-gia/CCHS. MÉTODOS E TÉCNICAS DE PESQUISA EM PSICOLO- GIA I: Métodos e objetos na história das ciências: o veto positi- vista à psicologia. A subjetividade cartesiana e as psicologias da consciência. O antiempirismo do inconsciente. O método beha-

viorista e a análise da conduta. O método clínico Piaget e o sujeito epistêmico. O método dialético de Vigotski e análise das funções psicológicas superiores. Método analítico e o inconsciente. Ciência

e pesquisa em psicologia. Psicologia como ciência natural. Psico-

logia como ciência social. As teorias psicológicas e seus objetos de estudo: a psicanálise, a psicogenética, a teoria sócio-histórica

e o behaviorismo. Ciência e pesquisa em pesquisa: implicações

cientícas, sociais e políticas. A pesquisa em psicologia e campos ans. Metodologia de pesquisa: pressupostos e procedimentos. Ciência e pesquisa em psicologia. Psicologia como ciência natu- ral. Psicologia como ciência social. Pesquisa básica e aplicada. Estratégias de pesquisa em psicologia. Tecnologia e processo de pesquisa em psicologia. Comunicação e ordem social. MÉTODOS E TÉCNICAS DE PESQUISA EM PSICOLO- GIA II: A relação entre o objeto de pesquisa, o método e as técni- cas. A estatística como uma das técnicas de análise em pesquisa empírico-analítica. A pesquisa cientíca. Situação da pesquisa

e estratégias metodológicas aplicáveis ao campo psicológico e

outras áreas de saúde. Os limites dos métodos estatísticos nas ciências humanas e sociais. Estatística descritiva. Amostragem.

MODIFICAÇÃO DE COMPORTAMENTO I e II: Conceito de modicação de comportamento. As bases teórico-experimentais da modicação de comportamento. Atendimento infantil, ado- lescente e adulto. Diagnóstico comportamental. A modicação de comportamento como agente de mudança social. Elaboração

e aplicação de um programa simples de intervenção em uma das

áreas estudadas. ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL E PROFISSIONAL I e II: Trabalho, indivíduo e sociedade. Trabalho no capitalismo e produção do trabalhador. Conhecimento e prossão na sociedade capitalista. Escola, sociedade e prossão. Produção da vocação. Orientação vocacional e prossão na sociedade brasileira (leis, prossionais, orientadores, origem e práxis) e papel do psicólogo.

Modalidades em orientação vocacional. Psicometria (princípios, referências teóricas, métodos e técnicas). Outras modalidades. PEDAGOGIA TERAPÊUTICA I e II: Fundamentos episte- mológicos da psicopedagogia e suas implicações para a prática do psicólogo. Principais modelos de atuação psicopedagógica. Problemas da aprendizagem: conceitos e tipologias. Diagnóstico

do problema de aprendizagem: fatores orgânicos, especícos, psi-

cossociais e/ou ambientais. Modelos de intervenção: atendimento psicopedagógico - intervenção grupal - e uso da informática no atendimento. Atividade prática de atendimento psicopedagógico. PENSAMENTO E LINGUAGEM: A relação pensamento e linguagem. As teorias psicológicas acerca do pensamento e da linguagem. A linguagem como mediação na constituição do psi- quismo humano. A linguagem como construção e produto social.

A linguagem e a cognição. Análise comparativa dos teóricos:

Piaget, Vigotski, Luria e Bakhtin. PSICODRAMA: Fundamentos e história. Conceitos básicos:

matriz de identidade, conservas culturais, tele/espontaneidade,

teoria de papéis, etc. O psicodrama e suas aplicações. O psico- drama tematizado. Análise crítica das possibilidades e limites do psicodrama. PSICOFARMACOLOGIA: Aspectos siológicos da neu- rotransmissão central. Princípios gerais do tratamento psicofar- macológico. Farmacocinética. Farmacodinâmica. Psicotrópicos:

classicação, mecanismo de ação, indicações, efeitos colaterais

e interações, anti-depressivos, neurolépticos, ansiolíticos, esta- blizadores do humor. PSICOLOGIA DA APRENDIZAGEM I e II: A constituição

do processo de aprendizagem. A aprendizagem como uma consti-

tuição psicológica, cultural e social. A aprendizagem e sua relação com o desenvolvimento humano. Relação professor x acadêmico. As teorias psicológicas e os processos de aprendizagem social, sócio-histórico, etc. Limitações e implicações das teorias de aprendizagem na prática prossional. PSICOLOGIA DA PERSONALIDADE I e II: Enfoques sociais da subjetividade. Conceito e evolução. Contextualização histórico-social do conceito. Pressupostos teóricos da subjetivi- dade: psicanalítica de Freud, analítica de Jung e teoria do corpo

de Reich, culturalistas, humanistas, teorias existenciais e teorias

sócio-históricas. PSICOLOGIA DA PUBLICIDADE E CULTURA DE MAS-

SA: Compreensão psicológica dos processos de propaganda e publicidade. Análise da indústria cultural. Consumo e consumi- dores. Marketing e massicação do sujeito. PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO I: Historicidade

da infância. Desenvolvimento humano em períodos de transição

e em condições especiais de vida. As fases da vida e sua consti-

tuição histórica, social e psicológica. Abordagens psicológicas do desenvolvimento humano. PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO II: Estudo das articulações entre os processos de desenvolvimento, da intersubjeti-

vidade, da efetividade e da saúde. Implicações na formação de pros- sionais de saúde, das relações entre prossionais e pacientes, formas

de intervenção em instituição de saúde, educacionais e assistenciais. PSICOLOGIA DO EXCEPCIONAL I e II: Normal e pa-

tológico: estigma, preconceitos e estereótipos. As diferentes evoluções psíquicas peculiares determinadas pela manifestação

da excepcionalidade. Principais posições teóricas e as formas de

atuação relevantes na educação e na clínica voltada ao indivíduo excepcional. A sociedade frente a excepcionalidade: conhecimen-

to dos recursos institucionais disponíveis na comunidade para o

atendimento especializado.

8 • BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

PSICOLOGIA ESCOLAR I e II: Educação - sociedade e

psicologia escolar: relação educação - sociedade e a instituição escolar. Pobreza e escolarização. Psicologia escolar: visão crítica do seu papel - análise institucional. A emergência da escola moder- na. Escola, o aluno e o professor na perspectiva da epistemologia genética, psicanálise e da teoria sócio-histórica. As relações ins- tituídas na escola: a escola enquanto produtora de autonomia ou heteronomia das crianças. Os processos interpessoais envolvidos na relação professor-aluno-concepções ideológicas. A ruptura dos esteriótipos tradicionais de professor e de aluno. Subjetividade e trabalho docente. PSICOLOGIA GERAL E EXPERIMENTAL I e II: Behavio- rismo e análise experimental do comportamento. Aprendizagem humana e animal. Condicionamento: re exo operante e auto- -modelagem. Aprendizagem vicariante. Controle de estímulos:

discriminação, generalização e encadeamento de respostas. Es- quemas de reforçamento contínuo e intermitente. O laboratório

e o mundo real: pesquisa com humanos e animais inferiores.

Aquisição e manutenção de comportamento. Controle social aver-

sivo: punição física e social. Comportamento de fuga e esquiva. Ansiedade e conseqüência psicossomática. Exercícios práticos:

condicionamento operante, esquemas de reforçamento contínuo e intermitente, e extinção. Treino discriminativo na aprendizagem verbal e procedimentos para aquisição de cadeias de comporta- mento em crianças. PSICOLOGIA HOSPITALAR: Bases epistemológicas. Con- ceito de saúde e doença. Aspectos psicológicos do adoecimento.

A morte e o morrer no contexto hospitalar. Atuação do psicólogo

nas diferentes clínicas. Atuação do psicólogo junto à equipe in- terdisciplinar. Psicopatologia no hospital geral. Psiconcologia. Psicossomática. Relacionamento da equipe interdisciplinar com

o paciente e a família. Psicogeriatria. Gestação, parto e puerpério. Atendimento em CTI. Pré e pós-operatório. Paciente odontológico especial. Equipe multiprossional: papel do prossional da área de saúde. Características especícas no papel do psicólogo, médico, enfermeiro, assistente social, fonoaudiólogo, sioterapeuta, etc;

relacionamento intra e interdisciplinar. Rotinas de atendimento. Expectativas da instituição e da população quanto ao atendimento. Limites de atuação. Contato com outras instituições de saúde. PSICOLOGIA JURÍDICA: Técnicas de mediação. Vitimo- logia. Psicologia e delito. Sociabilidade e agressão. Violência doméstica. Violência contra a mulher. A testemunha. Delinqüência. Drogadição. Deveres éticos e morais. A arte de julgar. Crianças vitimizadas. Laudo judicial. Visão geral do divórcio: dinâmicas

e

tratamentos. PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL I e II: O neoliberalismo

e

o mundo do trabalho - novas exigências para o indivíduo. A

evolução da psicologia organizacional. A abordagem sistêmica das organizações. A administração de recursos humanos, seus sistemas e subsistemas. Motivação e trabalho. O poder nas or- ganizações. Subjetividade e trabalho: as condições do sujeito e

as mudanças no mundo do trabalho. A teoria das competências e

os novos modelos das relações humanas nas empresas. Seleção e avaliação de desempenho. Análise dos processos de treinamento

e desenvolvimento de recursos humanos. Ergonomia: engenharia

dos fatores humanos. Segurança e saúde mental no trabalho. Psi- cologia do consumidor. Análise crítica da atuação do psicólogo em organizações. PSICOLOGIA SOCIAL I e II: O campo da psicologia e a especicidade da psicologia social. A constituição histórica da psicologia social e as principais teorias formuladas. A psicologia social no Brasil e na América Latina. As principais temáticas abor-

dadas pelas teorias e as suas contribuições para o entendimento

da mente individual nos diferentes contextos sociais: os outros,

a identidade social e a consciência de si. A inuência social da

constituição da atividade individual: as determinações histórico-

-sociais para a conformação da visão de mundo, dos sistemas de

valores e, conseqüentemente, das ações, sentimentos e emoções.

A função social da linguagem, do trabalho e da cultura. Categorias

fundamentais para a psicologia social: consciência, atividade e identidade. Os movimentos sociais. PSICOPATOLOGIA GERAL I e II: Conceitos de normal e patológico, saúde e doença. Aparelho mental: organização da per- sonalidade; etiologias das doenças mentais. Evolução das doenças mentais. Diagnóstico. Características e objetivos. Classicação internacional das doenças mentais. Alteração das funções men- tais: cognição, afetividade, psicomotricidade, funções de ligação. Transtornos afetivos, esquisopáticos, de ansiedade, orgânicos ce- rebrais, psicosiológicos e psicossexuais. Farmacodependências. Organização do campo da saúde mental. Organização de serviços:

níveis de prevenção e atenção. Legislação e psiquiatria. PSICOPATOLOGIA INFANTIL: A noção de normal e pato- lógico na criança. Aspectos e formas de desorganização mental. Bases teóricas da psicopatologia infantil. Estudo psicopatoló- gico das condutas infantis. Epilepsia infantil. Psicoses infantis. Autismo. Neuroses infantis. Psicopatias - patologias de caráter. Disfunção cerebral mínima. As oligofrenias. Desorganizações

neuróticas nas crianças: ansiedade, fobias, obsessões e histeria. A criança bordelinie. Distúrbios psicossomáticos infantis. Avaliação psicodiagnóstica da criança. PSICOTERAPIA FAMILIAR: Sistemas familiares. Processo

de diferenciação da família. Nascimento e organização fantasmá-

tica da família. Crises familiares. Estruturas da neurose familiar. Técnicas da terapia familiar. PSICOTERAPIA INFANTIL: Individual, grupal, abordagem dinâmica e cognitiva. REPRESENTAÇÃO SOCIAL: TEORIA, METODOLOGIA

E PESQUISA: Aspectos históricos, teóricos e metodológicos.

A representação social e o cotidiano. As representações e suas

implicações para a pesquisa de fatos sócio-culturais. Análise da dimensão prática das representações. Análise de estudos e pes- quisas sobre representação social. SAÚDE MENTAL E TRABALHO: Processos de constituição

da relação saúde e trabalho. Sofrimento psíquico e trabalho. Tipos

de trabalho e o “stress” ocupacional. O trabalho, a instituição e

a doença mental. SEXUALIDADE HUMANA: Educação sexual: orientação sexual, DST e sexualidade, sexualidade do adolescente. Disfunção sexual: distúrbio e tratamento. SOCIOLOGIA GERAL: A vida social e o conhecimento. O nascimento da sociologia como ciência social. Os principais pen- sadores da sociologia: Comte, Durkheim, Weber. A contribuição Max. A sociologia hoje. TÉCNICAS DE EXAME E ACONSELHAMENTO PSICO- LÓGICO I: Noções gerais das técnicas projetivas. O conceito de projeção em psicologia. A psicologia projetiva e a teoria psicodi- nâmica da personalidade. Técnicas de entrevistas e observação. Técnicas projetivas: natureza e características - aplicabilidade; validação. Integração das técnicas projetivas ao processo psico- diagnóstico. Teoria e aplicação dos testes de personalidade: gra- smo; teste de apercepção temática; teste de apercepção infantil. Psicodiagnóstico de Rorschach. TÉCNICAS DE EXAME E ACONSELHAMENTO PSICO- LÓGICO II: Testes de aptidão, inteligência e interesse. Avaliação neuropsicológica. Laudo de avaliação psicológica.

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 9

TÉCNICAS DE EXAME PSICOLÓGICO I e II: Conceitos básicos. Histórico. Características. Tipos de testes psicológicos. Usos de testes psicológicos. Pré-requisitos de um teste: validade, precisão, padronização e aferição. Aspectos éticos do processo diagnóstico. Diferentes tipos de diagnóstico. Principais técnicas de exame psicológico. Técnicas de contato e inter-relação do psicólogo com o sujeito. Registro e confecção de relatórios de diagnóstico. Elaboração de atestado, declaração, laudo, parecer, relatório, solicitação de acompanhamento interdisciplinar. Téc- nicas de entrevistas psicológicas. Testes de inteligência. Testes de desenvolvimento psicomotor. Testes educacionais. Medidas de interesse. Teste de aptidão. Baterias de aptidões especícas. Bateria de aptidões múltiplas. TÉCNICAS DE REDAÇÃO: Revisão gramatical: concor- dância verbal e colocação pronominal. Ortograa. Redação: texto técnico-cientíco; descrição e dissertação técnicas; e relatório. Técnicas de redação: dissertação - delimitação do assunto; xação do objetivo e elaboração da frase núcleo. Redação: introdução; desenvolvimento; e conclusão. Aperfeiçoamento das técnicas de redação: dissertação técnica e descrição técnica. Elaboração de resenha. Fichamento bibliográco. Redação de artigo cientíco. Produção e análise do texto acadêmico. TEMAS ATUAIS EM PSICOLOGIA E SOCIEDADE: Ques- tões teórico-metodológicas atuais de pesquisa em psicologia. A tecnologia e a dominação do sujeito. A teoria das competências. Terapias “alternativas”. Ética, cultura e saúde mental. TEORIAS E TÉCNICAS PSICOTERÁPICAS - ENFOQUE COMPORTAMENTAL I e II: Teorias e técnicas psicoterápicas. Terapia comportamental na clínica. Diagnóstico comportamental. Estudos de casos. Atividades práticas. TEORIAS E TÉCNICAS PSICOTERÁPICAS - ENFOQUE PSICODINÂMICO I e II: Aconselhamento psicológico. Entrevista inicial, contato terapêutico, estratégias e recursos psicoterápicos. Abordagens: psicanalítica, gestáltica, cognitivista e existencia- lista. Psicoterapia individual, de grupo, familiar, de casal, breve e infantil. TERCEIRA IDADE: Histórico da concepção da terceira ida- de. A terceira idade como construção social e histórica. Aspectos psicológicos do envelhecimento. TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO I e II: Produção monográca, através de realização de pesquisa, de acordo com o regulamento especíco.

RESOLUÇÃO Nº 236, DE 16 DE SETEMBRO DE 2011

O CONSELHO DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fun- dação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições e considerando o contido no Processo nº 23104.007410/2011-80, resolve:

Art. 1º Aprovar a semestralização do Currículo Pleno do Curso de Medicina Veterinária da Faculdade de Medicina Vete- rinária e Zootecnia.

Art. 2º O referido Curso, em respeito às normas superiores pertinentes à integralização curricular, obedecerá aos seguintes indicativos:

I - tempo útil:

a) tempo útil CNE: 3.600 horas; e

b) tempo útil UFMS: 4.834 horas.

II

- número de anos/semestres:

a)

mínimo CNE: 5 anos;

b)

mínimo UFMS: 10 semestres;

c)

máximo CNE: indenido; e

d)

máximo UFMS: 16 semestres.

III

- turno de funcionamento: manhã e tarde e sábado de

manhã.

Art. 3º Fica assegurada a oportunidade de conclusão do Curso aos acadêmicos que estiverem vinculados a Estrutura Curricular desta Resolução, desde que estejam:

I - em 2010, matriculados no 7º, 8º, 9º e 10º semestres;

II - em 2011, matriculados no 9º e 10º semestres; e

III - em 2012, matriculados no 10º semestre.

Parágrafo único. Desde que não haja acadêmicos matricula- dos na situação prevista no inciso III deste artigo, esta Resolução será revogada no m do ano letivo de 2012.

Art. 4º Outras situações serão denidas com base nas Resolu- ções nº 166, de 13 de outubro de 2009; e nº 43, de 24 de fevereiro de 2010, ambas do Coeg, mediante consulta prévia à Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, para cada caso.

Art. 5º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publi- cação, retroagindo seus efeitos ao ano letivo de 2010, para os acadêmicos matriculados nas situações a que se referem o art. 3º.

Art. 6º Fica revogada a Resolução nº 111, de 22 de dezembro de 1993.

HENRIQUE MONGELLI, Presidente.

5 CURRÍCULO 5.1 ESTRUTURA CURRICULAR:

ANO DE IMPLANTAÇÃO : 2010

MATÉRIAS/DISCIPLINAS

CH

1 CURRÍCULO MÍNIMO

 

1.1 FORMAÇÃO BÁSICA

 

QUÍMICA

 

Bioquímica Veterinária I

51

Bioquímica Veterinária II

51

MORFOLOGIA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Anatomia dos Animais Domésticos I

85

Anatomia dos Animais Domésticos II

85

Embriologia Veterinária

68

Histologia dos Animais Domésticos

68

Histologia Básica

51

FISIOLOGIA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Biofísica

34

Fisiologia Veterinária I

51

Fisiologia Veterinária II

34

Farmacologia Veterinária I

51

Farmacologia Veterinária II

34

GENÉTICA ANIMAL

 

Melhoramento Genético Animal

51

Genética Animal

34

MICROBIOLOGIA

 

Microbiologia Veterinária I

68

Microbiologia Veterinária II

68

IMUNOLOGIA

 

10 • BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

Imunologia Veterinária

85

PARASITOLOGIA

 

Parasitologia Veterinária I

68

Parasitologia Veterinária II

68

MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA

 

Bioestatística I

34

Bioestatística II

34

1.2

FORMAÇÃO GERAL

 

CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS

 

Deontologia, Medicina Veterinária Legal e Legislação Sanitária

34

CIÊNCIAS DO AMBIENTE

 

Ecologia e Manejo Sustentável

34

1.3

FORMAÇÃO PROFISSIONAL

 

ANATOMIA PATOLÓGICA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Anatomia Patológica I

51

Anatomia Patológica II

51

Patologia Geral

85

CLÍNICA MÉDICA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Semiologia Veterinária

68

Diagnóstico pro Imagem

68

Patologia Clínica Veterinária I

85

Patologia Clínica Veterinária II

68

Clínica Médica e Terapêutica de Pequenos Animais

119

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais I

119

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais II

119

Toxicologia e Plantas Tóxicas

68

CIRURGIA MÉDICA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Técnica Cirúrgica e Anestesiologia Veterinária

85

Clínica Cirúrgica Veterinária

102

Obstetrícia Veterinária

102

FISIOLOGIA E FISIOPATOLOGIA DA REPRODUÇÃO DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS

 

Clínica e Biotecnologia da Reprodução I

102

Clínica e Biotecnologia da Reprodução II

102

MEDICINA VETERINÁRIA PREVENTIVA E SAÚDE PÚBLICA

 

Epidemiologia

68

Doenças Infecciosas I

68

Doenças Infecciosas II

68

Doenças a Vírus

68

Doenças Parasitárias

85

Higiene e Saúde Pública

51

TECNOLOGIA DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL

 

Tecnologia de Produtos de Origem Animal I

68

Tecnologia de Produtos de Origem Animal II

68

HIGIENE E INSPEÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL

 

Inspeção de Produtos de Origem Animal I

68

Inspeção de Produtos de Origem Animal II

68

ZOOTECNIA

 

Agrostologia e Conservação de Solos

68

Alimentação e Nutrição Animal

119

 

Avicultura

51

Suinocultura

51

Piscicultura

68

Bovinocultura de Corte

68

Bovinocultura de Leite

68

Equideocultura

68

Introdução à Produção Animal

160

ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO RURAL

 

Planejamento Agropecuário

51

Economia Rural

51

EXTENSÃO RURAL

 

Sociologia e Extensão Rural

51

ESTÁGIO CURRICULAR

 

Estágio Obrigatório

451

2.

COMPLEMENTAR OBRIGATÓRIA

 

INICIAÇÃO À MEDICINA VETERINÁRIA

 

Iniciação à Medicina Veterinária

143

3.

COMPLEMENTARES OPTATIVAS

 

Para ns de integralização curricular do Curso de Medicina Veterinária/CCBS, da obrigatoriedade do acadêmico cursar, no mínimo, 51 horas aula de disciplinas complementares optativas escolhidas entre as previstas no rol da Estrutura Curricular ou de outros cursos de graduação, desde que aprovadas pelo Colegiado do Curso de Medicina Veterinária/CCBS.

 

Apicultura

DZO

51

Caprinocultura

DZO

51

Comunicação e Expressão

DLE

51

Diagnóstico Pós-Morten

DMV

51

Estudos de Problemas Brasileiros

DCH

51

Etologia

DMV

51

Homeopatia Veterinária

DTA

51

Informática Aplicada a Medicina Veterinária

DCT

51

Introdução a Metodologia Cientí ca

DED

51

Ornitopatologia

DMV

51

Ovinocultura

DZO

51

Podologia dos Eqüídeos

DMV

51

Psicultura

DZO

51

Processamento Industrial de Carnes e Derivados

DTA

51

Processamento Industrial de Leite e Derivados

DTA

51

Vigilância Sanitária

DTA

34

5.1 QUADRO DE SEMESTRALIZAÇÃO:

 

ANO DE IMPLANTAÇÃO: 2010

SEMESTRE

DISCIPLINA

 

CH

Anatomia dos Animais Domésticos I

DMF

85

Bioestatística I

DZO

34

Bioquímica Veterinária I

DMF

51

Ecologia e Manejo Sustentável

DBI

34

Embriologia Veterinária

DBI

68

Genética Animal

DZO

34

Histologia básica

DMF

68

Iniciação à Medicina Veterinária

DMV

143

SUBTOTAL

 

517

Anatomia dos Animais Domésticos II

DMF

85

Bioestatística II

DZO

34

Biofísica

DMF

51

Bioquímica Veterinária II

DMF

34

Histologia dos Animais Domésticos

DMF

68

Imunologia Veterinária

DPA

85

Melhoramento Genético Animal

DZO

51

Introdução à Produção Animal

DMV

160

SUBTOTAL

 

568

Alimentação e Nutrição Animal

DZO

119

Avicultura

DZO

51

Epidemiologia

DMV

68

Fisiologia Veterinária I

DMF

51

Microbiologia Veterinária I

DPA

68

Parasitologia Veterinária I

DPA

68

SUBTOTAL

 

425

Agrostologia e Conservação de Solos

DZO

68

Fisiologia Veterinária II

DMF

34

Microbiologia Veterinária II

DPA

51

Parasitologia Veterinária II

DPA

68

Patologia Geral

DPA

85

Suinocultura

DZO

51

SUBTOTAL

 

357

Anatomia Patológica I

DMV

51

Diagnóstico por Imagem

DMV

68

Doenças Infecciosas I

DMV

68

Farmacologia Veterinária I

DMF

51

Patologia Clínica Veterinária I

DMV

85

Semiologia Veterinária

DMV

68

Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal I

DTA

68

SUBTOTAL

 

459

Anatomia Patológica II

DMV

51

Doenças Infecciosas II

DMV

68

Farmacologia Veterinária II

DMF

34

Patologia Clínica Veterinária II

DMV

68

Técnica Cirúrgica e Anestesiologia Veterinária

DMV

85

Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal II

DTA

68

SUBTOTAL

 

374

Bovinocultura de Corte

DZO

68

Clínica Cirúrgica Veterinária

DMV

102

Clínica Médica e Terapêutica de Pequenos Animais

DMV

119

Nº 5157 • TERÇA-FEIRA • 25 DE OUTUBRO DE 2011

BOLETIM DE SERVIÇO-UFMS • 11

 

Doenças à Vírus

DMV

68

Clínica e Biotecnologia da Reprodução I

DMV

102

Inspeção de Produtos de Origem Animal I

DTA

68

Toxicologia e Plantas Tóxicas

DMV

68

SUBTOTAL

 

595

Doenças Parasitárias

DMV

85

Inspeção de Produtos de Origem Animal II

DTA

68

Bovinocultura de Leite

DZO

68

Obstetrícia Veterinária

DMV

102

Clínica e Biotecnologia da Reprodução II

DMV

102

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais I

DMV

119

Piscicultura

DZO

68

SUBTOTAL

 

612

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais II

DMV

119

Deontologia, Medicina Veterinária Legal e Legislação Sanitária

DMV

34

Economia Rural

DZO

51

Equideocultura

DZO

68

Higiene e Saúde Pública

DTA

51

Planejamento Agropecuário

DZO

51

Sociologia e Extensão Rural

DZO

51

SUBTOTAL

 

425

10º

Estágio Obrigatório

DMV

451

SUBTOTAL

 

451

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

DMV

0

COMPLEMENTARES OPTATIVAS

DMV

51

TOTAL

 

4.834

5.2 TABELA DE EQUIVALÊNCIA DAS DISCIPLINAS:

EM VIGOR ATÉ 2009

CH

A PARTIR DE 2010

CH

Bioquímica Veterinária

144

Bioquímica Veterinária I

51

Bioquímica Veterinária II

51

Anatomia dos Animais Domésticos

216

Anatomia dos Animais Domésticos I

85

Anatomia dos Animais Domésticos II

85

Embriologia

72

Embriologia Veterinária

68

Histologia dos Animais Domésticos

180

Histologia dos Animais Domésticos

68

Histologia Básica

51

Iniciação à Medicina Veterinária

36

Iniciação à Medicina Veterinária

143

Biofísica

54

Biofísica

51

Fisiologia Veterinária

144

Fisiologia Veterinária I

51

Fisiologia Veterinária II

34

Farmacologia Veterinária

108

Farmacologia Veterinária I

51

Farmacologia Veterinária II

34

Genética Animal

36

Genética Animal

34

Melhoramento Genético Animal

72

Melhoramento Genético Animal

51

Microbiologia Veterinária

108

Microbiologia Veterinária I

68

Microbiologia Veterinária II

51

Imunologia

108

Imunologia Veterinária

85

Parasitologia Veterinária

144

Parasitologia Veterinária I

68

Parasitologia Veterinária II

68

Bioestatística

72

Bioestatística I

34

Bioestatística II

34

Deontologia, Medicina Veterinária Legal e Legislação Sanitária

36

Deontologia, Medicina Veterinária Legal e Legislação Sanitária

34

Ecologia

36

Ecologia e Manejo Sustentável

34

Introdução à Produção Animal

54

Introdução à Produção Animal

160

Patologia Geral

72

Patologia Geral

85

Anatomia Patológica

144

Anatomia Patológica I

51

Anatomia Patológica II

51

Semiologia e Radiologia Veterinária

144

Diagnóstico por Imagem

68

Semiologia Veterinária

68

Patologia Clínica

144

Patologia Clínica Veterinária I

85

Patologia Clínica Veterinária II

68

Clínica Médica e Terapêutica de Pequenos Animais

126

Clínica Médica e Terapêutica de Pequenos Animais

119

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais I

126

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais I

119

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais II

108

Clínica Médica e Terapêutica de Grandes Animais II

119

Toxicologia e Plantas Tóxicas

72

Toxicologia e Plantas Tóxicas

68

Técnica Cirúrgica e Anestesiologia

90

Técnica Cirúrgica e Anestesiologia Veterinária

85

Clínica Cirúrgica Veterinária

108

Clínica Cirúrgica Veterinária

102

Obstetrícia Veterinária

108

Obstetrícia Veterinária

102

Clínica e Biotecnologia da Reprodução

216

Clínica e Biotecnologia da Reprodução I

102

Clínica e Biotecnologia da Reprodução II

102

Epidemiologia

54

Epidemiologia

68

Doenças Bacterianas e Micóticas

72

Doenças Infecciosas I

68

Doenças Infecciosas II

68

Doenças à Vírus

72

Doenças a Vírus

68

Doenças Parasitárias

72

Doenças Parasitárias

85

Higiene e Saúde Pública

54

Higiene e Saúde Pública

51

Tecnologia de Produtos de Origem Animal

108

Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal I

68

Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal II

68

Inspeção de Produtos de Origem

108

Inspeção de Produtos de Origem Animal I

68

Animal

Inspeção de Produtos de Origem Animal II

68

Agrostologia

72

Agrostologia e Conservação de Solos

68

Alimentação e Nutrição Animal

108

Alimentação e Nutrição Animal

119

Avicultura

54

Avicultura

51

Suinocultura

54

Suinocultura

51

Piscicultura

72

Piscicultura

68

Eqüideocultura

54

Equideocultura

68

Bovinocultura de Corte e de Leite

144

Bovinocultura de Corte

68

Bovinocultura de Leite

68

Planejamento Agropecuário

54

Planejamento Agropecuário

51

Economia Rural

54

Economia Rural

51

Sociologia e Extensão Rural

54

Sociologia e Extensão Rural

51

Estágio Supervisionado

576

Estágio Obrigatório

451

AGROSTOLOGIA E CONSERVAÇÃO DE SOLOS: Solo,

Fertilidade manejo do solo. Sementes de forrageiras. Gramíneos e leguminosas tropicais. Formação de pastagem. Capineira. Banco

de proteína. Manejo de pastagens. Fenação. Ensilagem. Consor- ciação de pastagens. Degradação e recuperação de pastagens. Bibliogra a Básica: ALCÂNTARA, P. B. Plantas Forrageiras:

Gramíneas e Leguminosas. São Paulo: Nobel, 1999. PRIMAVE-

SI, A. Manejo Ecológico de Pastagens. São Paulo: Nobel. 1985. PRIMAVESI, A. Manejo Ecológico do Solo. São Paulo: Nobel, 1990. Bibliograa Complementar: COSTA, C. Solos Tropicais sob Pastagens. Ed Ícone, 1992. NATIONAL RESEARCH COUN- CIL. Nutrient Requirement of Dairy Cattle. Washington, NAS. NATIONAL RESEARCH COUNCIL. Nutrient Requirement of Beef Cattle. 5th. ed. Washington, NAS.