NÍVEL MÉDIO ASSISTENTE TÉCNICO LEGISLATIVO LÍNGUA PORTUGUESA 1. Compreensão de texto contemporâneo. 2.

Características dos diferentes modos de organização textual: descrição, narração, dissertação, injunção. 3. Ortografia – emprego de letras e acentuação gráfica – conforme o atual acordo ortográfico. 4. Sintaxe de concordância nominal e verbal. 5. Sintaxe de regência nominal e verbal; o fenômeno da crase. 6. Formação de palavras – significado e função de morfemas. 7. Reconhecimento do uso significativo dos diferentes recursos gramaticais e discursivos no texto escrito. 7.1 Emprego das diferentes classes gramaticais na construção de sentido. 7.2 Flexão verbal – valor semântico de locuções verbais, tempos, modos e vozes verbais. 7.3 Colocação de termos na oração. 7.4 Discurso direto, indireto e indireto livre. 7.5 Relações de sentido entre orações e segmentos de texto – conectores que conferem coerência e coesão ao texto. 7.6 Emprego dos sinais de pontuação. 8. Redação oficial. 9. Conotação e denotação – figuras de linguagem. OBS: A prova priorizará a consciência no uso da língua escrita e, não, a nomenclatura gramatical. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: AZEREDO, José Carlos. Gramática Houaiss da língua portuguesa. 2.ed. São Paulo: Publifolha, 2008. BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa (atualizada pelo Novo Acordo Ortográfico). Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009. CUNHA, Celso e Lindley Cintra, L. F. Nova gramática do português contemporâneo. 5. ed. Rio de Janeiro: Lexikon, 2008. FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. 5. ed. Curitiba: Positivo, 2010. Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. Manual de Redação Oficial da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. Patrícia Paschôa Guimarães. (coord.) 2008. Disponível em:

Raciocínio Lógico . Argumentação lógica e diagramas lógicos. Conhecimentos e utilização dos recursos de gerenciamento de arquivos (Windows Explorer/Computador. características.pdf RACIOCÍNIO LÓGICO QUANTITATIVO ANALÍTICO 1. Ambientes Microsoft Windows XP/Vista/7/8 BR e Ubuntu Linux: conceitos.pdf/RH_manual_redacao_oficial_2009. 2012. . Extranet. KDE e Nautilus). Intranet. atalhos de teclado e emprego de recursos de . NOÇÕES DE INFORMÁTICA Microinformática. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: CESAR. 6. Editora Impetus. Problemas de Contagem: Princípios aditivo e multiplicativo. CABRAL. Conexões. Quantificadores universal e existencial. 7. de entrada e de saída de dados. Samuel – Raciocínio Lógico para concursos – 1ª edição – Editora Saraiva. Barramentos. Raciocínio Lógico para Concursos . Luiz Cláudio – Raciocínio Lógico e Matemática Para Concursos. . Raciocínio lógico numérico: problemas envolvendo operações com números reais e raciocínio sequencial. Mauro César. características. Campus. Augusto C.gov. Características.br/dlstatic/10112/185333/DLFE193326. Ed.http://www. impressoras. 2009. LILÓ ABDALLA. Benjamin e MORGADO. atalhos de teclado e emprego dos recursos.rio. Conceitos. características.Quantitativo. ROCHA. WebMail: conceitos. CD-R. Operações com conjuntos.3ª ed. conectivos e negação. Web. DVD e Blu-Ray. atalhos de teclado e emprego dos recursos. Internet. 7ª edição – Editora Elsevier/Campus. Interfaces. planilhas eletrônicas e editor de apresentações (MS Office 2007/2010 BR e LibreOffice 4. 4. 2. comandos. 4ª edição. 2010. Série Provas e Concursos. pendrives. Conceito de proposição: valores lógicos das proposições. 2011. Noções básicas sobre hardware e software. Enrique.rj. Conhecimentos sobre editores de texto. Discos rígidos. 5. Equivalências e implicações lógicas.1): conceitos. Componentes e Funções. 3. NUNES. Dispositivos de armazenamento e de impressão. E-mail.

LTC. Informática – Conceitos Básicos. BRASIL.1 X Google Chrome v29 X Safari). 3 Cidadania E Direitos Humanos. G. 35ªed. Guia Prático de Informática.gov. Ed. B. São Paulo: Contexto. Memória e Patrimônio.Economia. 4ª ed.Cultura.pdf> BARBOSA. 4 . Ana Lucia.2.9 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: CASTILHO. Pearson. p. 5 . 15. & GALVIN. Isaura. Outlook do pacote MSOffice 2007/2010BR e Mozilla Thunderbird 3.0. – Fundamentos de Sistemas Operacionais – Princípios Básicos. Érica. 2012.egov. F. 2011 ATUALIDADES Tópicos relevantes e atuais relacionados aos seguintes temas: 1 . José Augusto N.camara. 2010.br/portal/sites/default/files/anexos/25499-25501-1PB. Alexandre de Freitas. GAGNE. A Declaração dos Direitos Humanos na Pós Modernidade. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: ALVES. Redes de Computadores. LINDGREN. Constituição da República Federativa do Brasil. Informática para Concursos: Teoria e Questões: Série Concursos. 2012. Dimensões da Cultura e Políticas Públicas. G. Érica. Centro de Documentação e Informação. Disponível em: <http://bd.p df?se quence=26> BOTELHO. Disponível em: . 73-83. 2011. In: Revista São Paulo em Perspectiva [online].ufsc. 2013. VELLOSO. TANENBAUM & WETHERALL. Ubuntu Linux e LibreOffice). C.navegadores (browsers Internet Explorer 9 BR X Mozilla Firefox v23. MSOffice 2007/2010 BR. J.br/bd/bitstream/handle/bdcamara/1366/constituicao_federal_35ed. André Luiz N. MANZANO. n. A. 2001. Ferreira.1. A. Microsoft Windows 7 Professional. Campus.Ecologia.Política. Disponível em: <http://www. Brasília: Edições Câmara. Manuais técnicos oficiais dos fabricantes de equipamentos / periféricos e help/ajuda de hardware e software (Windows 7 BR. MANZANO. P. 2011. 2010. G. O Mundo Globalizado. v. & SILBERSCHATZ. 2 .

Curitiba. Sociedade civil. v.scielo. 2003. n.p df> JELIN. 2006. São Paulo: Atual.br/pdf/spp/v15n2/8580.2007.do?id=3201> OLIVEIRA. PIOVESAN. Jaime (org.pdf> POWER. Disponível em: <http://www.clacso. p. Disponível em: <http://www. Universidad Central de Venezuela.147.scielo. 95-110.pdf> CARVALHO. 15-25.21. Capital Social e Percepções sobre a Corrupção: uma investigação quantitativa em nível mundial.gov. Bernardo de Andrade. In: Revista do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. 3ª reimpressão. 51-69. Flávia. n. J. Disponível em: <http://www. p. Rio de Janeiro: FGV. p. 2010. 1999. p. participação e cidadania: de que estamos falando?. A Constituição Brasileira de 1988 e os Tratados Internacionais de Proteção dos Direitos Humanos. A Ordem Ambiental Internacional. RIO DE JANEIRO.camara. In: EOS Revista Jurídica da Faculdade de Direito. Wagner Costa.gov. T.rj. Elizabeth.org.ar/Venezuela/faces-ucv/20120723055520/Dagnino. n.br/APL/Legislativos/organica.pdf> RIBEIRO. nov. 20 -33. São Paulo: Contexto. Cultura Política. São Paulo: Contexto. Caracas: FACES. PINSK.). O Brasil no Contexto: 1987 .gov. GONZÁLEZ. Ano II. Disponível em: <http://200.br/controle_atividade_parlamentar. 2013.br/baixaFcdAnexo. Rio de Janeiro: IPHAN. Lúcia Lippi..camara.74/faculdade/revista_direito/3edicao/Artigo%203. Lei Orgânica do Município do Rio de Janeiro. DAGNINO. 2007.<http://www. Disponível em: <http://bibliotecavirtual. 1. 2004. In: Políticas de Ciudadanía y Sociedade Civil em tiempos de Globalización.nsf/leiorg?OpenForm&Start= 1& Count=30&Collapse=1> . Evelina.195. A Globalização em Xeque: incertezas para o século XXI.rj.br/pdf/rsocp/n21/a05n21. 2.php?m1=legislacao&m2=lei_o rga nica&url=http://mail. 2000. J. Cidadania e Alteridade: o reconhecimento da pluralidade.iphan. In: Revista de Sociologia Política. 24. Cultura é Patrimônio: um guia.

MOTIVAÇÃO E PUBLICIDADE. LEI DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA (LEI 8. Leis Orgânicas Municipais. Do Distrito Federal e dos Territórios. IMPESSOALIDADE. 9. Lei 8. Código Penal e Legislação Extravagante sobre os tipos penais relativos ao Servidor Público. 11. José Afonso da.319 de 20 de Outubro de 1994 e alterações DIREITO CONSTITUCIONAL 1. BRASIL. Espécies. 12. Da União. 4. . Da Política Urbana e Da Política Agrícola e Fundiária e da Reforma Agrária. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 e respectivas alterações. Poderes Executivo e Judiciário. Classificações.ÉTICA DO SERVIDOR NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 1.429/92). Do Meio Ambiente. 36 ed. DECRETO MUNICIPAL 13. 3. Constituição: Conceito. Direitos e Garantias Fundamentais. 10. Financeira e Orçamentária. Das Atribuições do Congresso Nacional. Intervenção Federal e Estadual. Malheiros. Reforma e Revisão da Constituição. 6. PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS DE NATUREZA ÉTICA: MORALIDADE. DOS CRIMES CONTRA AS FINANÇAS PÚBLICAS 3. DOS CRIMES CONTRA A FAZENDA PÚBLICA. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 e respectivas alterações. Da Fiscalização Contábil. Organização do Estado Brasileiro. 5. BRASIL. Da Câmara dos Deputados. SILVA. Poder Constituinte Originário e Derivado: Poder Constituinte Estadual. 2.429 de 02 de Junho de 1992 e alterações BRASIL. Do Processo Legislativo. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: BRASIL. NORMAS PENAIS RELATIVAS AO SERVIDOR PÚBLICO. Decreto Municipal 13. Lei Orgânica do Município do Rio de Janeiro. PROBIDADE. Do Senado Federal. Dos Municípios. 7. Poder Legislativo: Do Congresso Nacional. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: BRASIL. 2. Da Defesa do Estado e das Instituições Democráticas. Dos Estados Federados. Ações Constitucionais. Dos Deputados e Senadores.319 E ALTERAÇÕES. Curso de Direito Constitucional Positivo. 8. 2013.

Poder Discricionário. 2. Criação e Extinção. penal e administrativa do agente público. Agentes Públicos: classificação dos agentes públicos. servidores públicos. controle exercido pela Administração sobre seus próprios atos (controle administrativo). características dos bens públicos (inalienabilidade. responsabilidades dos servidores públicos. ação regressiva. Poderes e Deveres dos Administradores. Responsabilidade Civil do Estado: conceito. Autarquias. Bens Públicos: conceito.666/93. Administração Federal. impenhorabilidade e não-oneração). Estadual e Municipal. direitos e deveres dos servidores públicos. 4. 12. 10. anulação e revogação. afetação e desafetação. Princípios Básicos. Lei 10. Órgãos Públicos: Conceito. da responsabilidade objetiva do Estado. conceito e composição. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 e respectivas alterações. imprescritibilidade. sujeitos e espécies. 7. Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista. Fundações Públicas. controle de mérito e de legalidade. Contratos administrativos: conceito. controle parlamentar (controle legislativo). Lei 8. 8. concurso público.DIREITO ADMINISTRATIVO 1. 6. Serviços Públicos: conceito. responsabilidades civil. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: BRASIL. concessões. 5. intervenção na concessão. dispensa e inexigibilidade. aplicação da responsabilidade objetiva constitucional e direito de regresso. meios de controle jurisdicional. tipos e classificação das formas de controle. . 3. modalidades. Atos administrativos: elementos. extinção da concessão. Regulamentar. serviços delegados a particulares. características. Classificações. Princípios Básicos do Direito Administrativo. Hierarquia e Disciplina na Administração. evolução. classificação e regime jurídico dos bens públicos. Administração Direta e Indireta.520/2002. Controle da Administração Pública: conceito. princípios que regem os serviços públicos. controle jurisdicional (controle judiciário). 13. revogação e anulação. características e classificação. licitação prévia à concessão. controle interno e externo. tipos de licitação. formas e meios de prestação do serviço público. Poder de Polícia. 9. 11. Administração Pública: Conceito. Licitação: Conceito. desfazimento. permissões e autorizações. normas constitucionais específicas concernentes aos servidores públicos.

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA Conceito. Contingenciamento de Dotações. GIACOMONI. João Eudes. Despesas de Exercícios Anteriores. Controle e Fiscalização.520/2002. disposição sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias. 2012. BRASIL. José dos Santos. Relatório da Gestão Fiscal. 5ª ed. Receita Pública: Conceito. Reserva de Contingência. finalidade e objetivos. BEZERRA FILHO. 2013: Atlas. 26 ed. Editora Atlas. 14ª ed. Princípios Orçamentários. Classificação Orçamentária. Execução Orçamentária. Restos a Pagar. Heilio. Rio de Janeiro. Nilton de Aquino. Constituição Federal de 1988 (Título VI. Lei Federal nº 10. Créditos Adicionais.BRASIL. Noções Gerais. Orçamento-Programa: conceito. Lei Federal nº 8. Lei de Responsabilidade Fiscal: Introdução.666/93. Contabilidade Pública na Gestão Municipal. Seção II – art 163 a 169). Estágios da Despesa. Atlas: 2013. Ciclo Orçamentário. Lei Orçamentária Anual. São Paulo: Atlas. Gestão Patrimonial.320. e suas alterações. James. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: ANDRADE. Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA). Orçamento Aplicado ao Setor Público. Dívida Pública. 2012. Tipos de Orçamento. Classificação Orçamentária. de 17 de março de 1964. Receita Corrente Líquida. Manual de Direito Administrativo. Contabilidade Pública: teoria e prática. Despesa Pública: Conceito e classificações. Orçamento Público. Orçamento Público: conceito. Despesa Pública. LEI nº 4. Capítulo II. Despesa Orçamentária e Extra-orçamentária. Instrumentos de Planejamento Governamental: Plano Plurianual (PPA). Classificações. CARVALHO FILHO. 2007 KOHAMA. Editora Atlas. Transparência. Receita Orçamentária e Extra-orçamentária. Campo de Atuação. Exercício Financeiro. Transferências Voluntárias. Adiantamento ou Suprimento de Fundos. . Relatório Resumido da Execução Orçamentária. Receita Pública. Dívida Ativa. Estágios da Receita. Dívida e Endividamento. e suas alterações. 12a ed.

Aquisição de recursos materiais e patrimoniais. CHIAVENATO. 15. 7. P. Rio de Janeiro: Makron book. 25. de 4 de maio de 2001 (e atualizações posteriores). Custos dos estoques. Higiene e segurança do trabalho. FRANÇA. Atlas: S. 10. ERP e Just-in-time. Paulo. Gestão de compras. Distribuição física.tesouro. Técnicas de previsão de vendas. Liderando a equipe de trabalho 23. Custeio Baseado em atividade. 2004. HABERKORN. Orçamento e Gestão.IV e V) – 5ª edição. de 4 de maio de 2000. Administração de materiais e recursos patrimoniais. Desenho. Relações trabalhistas. Paulo. Ministério da Fazenda e Ministério do Planejamento. Gerenciando pessoas. & ALT. Paulo. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: CHIAVENATO. P. Licitações. Paulo. Idalberto. Saraiva: S. Os desafios do comércio eletrônico. MARTINS. Teoria do ERP. Eernesto.gov. MANUAL DE DEMONSTRATIVOS FISCAIS – 5ª edição 2013. 20. Administração de Materiais. Canais de distribuição.gov. Remunerando a equipe de trabalho. ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS E DE RECURSOS HUMANOS 1. 24.br. 4. Dando significado ao trabalho. 19. www. 3. descrição e análise de cargos.: S. Elsevier: Rio de Janeiro. 26.Lei Complementar nº 101. 24. 16. 17. Estoque de segurança. 1997. 1997. Atlas: S. 21. O sistema de administração de recursos humanos.III. Paulo Sérgio. Sistemas de controle de estoques. 2. 3. 12. 13. Preparando a equipe de trabalho. Macron Books: S. 1999. 6. 18. Paulo. 5.br MANUAL DE CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO – (Parte I. Idalberto. 2013. Recursos logísticos. processo gestão e informação. 9. Recursos humanos. www. 14. 8.II.tesouro. MRP. . Os recursos. Repensando a organização empresarial e a cultura organizacional. 22. O subsistema de provisão de recursos humanos. Práticas de Recursos Humanos. Cadeia de valor e logística. Motivando a equipe de trabalho. Portaria Interministerial nº 163. Escolhendo a equipe de trabalho. Ana C. Avaliando a equipe de trabalho. 28. Portaria MOG nº 42 de 14 de abril de 1999. GONCALVES. 27. Tecnologia: produto. Projeto do sistema logístico. 11.

Regimento Interno da Câmara Municipal do Rio de Janeiro. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: BRASIL. 4. 3. e alterações. LEGISLAÇÃO MUNICIPAL 1. Logística e gerenciamento da cadeia de distribuição. BRASIL. Estatuto dos Funcionários Públicos do Poder Executivo do Município do Rio de Janeiro. Lei Municipal 94/79 (Estatuto dos Funcionários Públicos do Poder Executivo do Município do Rio de Janeiro) e alterações. . BRASIL. NOVAES.2000. 2004. Regimento Interno da Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Lei Municipal 207/80 (Código de Administração Financeira e Contabilidade Pública do Município do Rio de Janeiro). Paulo. BRASIL. Antônio G. Lei Orgânica do Município do Rio de Janeiro. 2. Lei Orgânica do Município do Rio de Janeiro. Atlas: S. Código de Administração Financeira e Contabilidade Pública do Município do Rio de Janeiro.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful