Você está na página 1de 32
OO ImImppacto acto Econômico Econômico ‐‐ Financeiro Financeiro da da Ausência de de Aplicação Ausência Aplicação
OO ImImppacto acto Econômico Econômico ‐‐ Financeiro Financeiro da da Ausência de de Aplicação Ausência Aplicação

OO ImImppacto acto Econômico

Econômico‐‐Financeiro

Financeiro da da

Ausência de de Aplicação

Ausência

Aplicação de de Reajustes

Reajustes

nas nas Operadoras

Operadoras de de Planos

Planos de de

Assistência àà Saúde

Assistência

Saúde

José Cechin

14Ago2010

jcechin@iess.org.br

55 11 3706-9747

Agenda

Agenda • Preço único para todos • C once it os – D es. Sé rg

Preço único para todos Conceitos – Des. rgio Cavalieri A saúde na idade Precificação limitações legais e escolhas Reajustes por faixa etária

Preço único para todos Preço único para todos 3

Preço único para todos

Preço

único para todos

Efeitos de preço único - US

Efeitos de p re ç o único - US 4
Efeitos de p re ç o único - US 4
Efeitos de p re ç o único - US 4

4

Efeitos de p re ç o único - US 4
AA saúde na idade saúde na idade 5

AA saúde na idade

saúde na idade

Prevalência de doenças por idade

Prevalência de doenças p or idade Internações por doenças do aparelho circulatório (%) 30 25 20

Internações por doenças do aparelho circulatório (%)

30 25 20 15 10 5 0 Menor 1 1 a 4 5 a 9 10
30
25
20
15
10
5
0
Menor 1
1 a 4
5 a 9
10 a 14
15 a 19
20 a 49
50 a 64
65 e mais60 e mais

Prevalência de doenças por idade

Prevalência de doenças p or idade Prevalência por faixa etária (% população da faixa) Doen ças
   

Prevalência por faixa etária (% população da faixa)

 

Doenças Crônicas

0-17

18-29

30-39

40-49

50-59

60-69

70 +

Coluna ou Costas

1,17

6,52

13,27

21,86

30,16

35,14

35,24

Cancer

0,04

0,13

0,29

0,63

1,22

1,93

3,2

Diabete

0,18

0,52

1,4

3,99

9,18

15,35

17,04

Hipertensão

0 25

,

2 86

,

8 9

,

19 34

,

35 53

,

50 46

,

56 48

,

Coração

0,69

0,98

1,89

3,98

8,36

13,88

21,16

Fonte: PNAD 2008 (IBGE); Elaboração: IESS

SUS - Taxa de utiliza ão por idade

SUS - Taxa de utiliza ão por idade Fonte: Nunes, 2004, p. 431 8
SUS - Taxa de utiliza ão por idade Fonte: Nunes, 2004, p. 431 8

Fonte: Nunes, 2004, p. 431

SUS - Taxa de utiliza ão por idade Fonte: Nunes, 2004, p. 431 8

Japão - Despesas com saúde por idade

Japão - Despesas com saúde por idade 9
Japão - Despesas com saúde por idade 9
Japão - Despesas com saúde por idade 9

EU - Gasto per capita por faixa etária

EU - Gasto p er ca p ita p or faixa etária Fonte: Pellikaan e Westerhout,
EU - Gasto p er ca p ita p or faixa etária Fonte: Pellikaan e Westerhout,

Gasto mensal per capita por faixa etária

Gasto mensal p er ca p ita p or faixa etária 11
Gasto mensal p er ca p ita p or faixa etária 11
Gasto mensal p er ca p ita p or faixa etária 11
P rec ifi caçã o limitaç õ es legais e escolhas 12

Precificação

limitações legais e escolhas

Precifica ão - princípio do seguro

Precifica ão - princípio do seguro Baseado no mutualismo Mutualismo: Grupo solidário com todos contribuindo com

Baseado no mutualismo

Mutualismo:

Grupo solidário com todos contribuindo com suas mensalidades para fundo comum.

A contribuição individual custeia as despesas do próprio indivíduo (se necessário) e as de todas as pessoas do grupo que necessitarem.

Não há, portanto, acumulação

Modelos de financiamento

Modelos de financiamento Preço Único Mutualismo em todo o grupo Preço por Faixa Etária Mutualismo em
Preço Único
Preço Único
Modelos de financiamento Preço Único Mutualismo em todo o grupo Preço por Faixa Etária Mutualismo em

Mutualismo em todo o grupo

Preço por Faixa Etária

Modelos de financiamento Preço Único Mutualismo em todo o grupo Preço por Faixa Etária Mutualismo em

Mutualismo em

subgrupos

Pacto intergeracional

Modelos de financiamento Preço Único Mutualismo em todo o grupo Preço por Faixa Etária Mutualismo em
Misto
Misto

Modelos de financiamento - escolhas

Modelos de financiamento - escolhas Preço Ú nico Mutualismo em todo o grupo 15
Preço Ú nico
Preço
Ú
nico

Mutualismo em todo o

grupo

Precificação – preço único

Precifica ção – p re ç o único Optam por não ter plano Risco/custo médio Optam
Optam por não ter plano Risco/custo médio Optam por plano
Optam por não ter plano
Risco/custo médio
Optam por plano

Precificação – preço único

Precifica ção – p re ç o único Novo Risco/custo médio 17
Novo Risco/custo médio
Novo Risco/custo médio

Modelos de financiamento - escolhas

Modelos de financiamento - escolhas Preço por Faixa Etária Mutualismo em subgrupos 18

Preço por Faixa Etária

Modelos de financiamento - escolhas Preço por Faixa Etária Mutualismo em subgrupos 18

Mutualismo em subgrupos

Preço diferente para cada idade

Pre ç o diferente p ara cada idade Fonte: Pellikaan e Westerhout, 2005 19
Pre ç o diferente p ara cada idade Fonte: Pellikaan e Westerhout, 2005 19

Mutualismo na faixa etária

Mutualismo na faixa etária P reço por Fai xa Etária Mutualismo em subgrupos • Mutualismo e

Preço por Faixa Etária

Mutualismo na faixa etária P reço por Fai xa Etária Mutualismo em subgrupos • Mutualismo e

Mutualismo em subgrupos

Mutualismo e solidariedade em

cada

faixa etária (sub

g

ru

p

os

com perfil de uso semelhante) Preço por faixa calculado com base nos custos de cada faixa • Perfis de utilização semelhantes inibem a seleção adversa

  • - Todos pagam um valor equivalente ao seu perfil de uso

  • - É igualmente atraente para todos

  • - Não há pacto entre gerações

  • - Idosos podem não ter capacidade de pagar o alto custo

Modelos de financiamento

Modelos de financiamento Pacto intergeracional Misto Beneficiários de menor custo assumem parte da mensa lid ade

Pacto intergeracional

Misto
Misto

Beneficiários de menor custo assumem parte da mensalidade dos que têm custo mais elevado

Legisla ão

Legisla ão Lei 9.656 - lei dos p lanos de saúde veda discriminar preços de planos

Lei 9.656 - lei dos planos de saúde veda discriminar preços de planos entre pessoas exceto por idade

Lei n.º 10.741/03 - Estatuto do Idoso

“Art. 1º É instituído o Estatuto do Idoso, destinado a regular os direitos assegurados às pessoas com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos. ........................................................ Art. 15 § 3º É vedada a discriminação do idoso nos planos de saúde pela cobrança de valores diferenciados em razão da idade.”

Vigência a partir de janeiro de 2004

Para planos contratados a partir de janeiro de 2004 - controverso

Normas

Normas Res. CONSU nº 06/98 Res. RN nº 63/03 Até 1998 1999 a 2003 2004 em
Res. CONSU nº 06/98 Res. RN nº 63/03
Res. CONSU nº 06/98
Res. RN nº 63/03

Até 1998

1999 a 2003

2004 em diante

Normas Res. CONSU nº 06/98 Res. RN nº 63/03 Até 1998 1999 a 2003 2004 em

0 a 18

0 a 17

18

a 29

30

a 39

40

a 49

50

a 59

60 a 69;

70 ou mais
70 ou mais
  • 19 a 23

  • 24 a 28

  • 29 a 33

  • 34 a 38

  • 39 a 43

  • 44 a 48

  • 49 a 53

  • 54 a 58

Faixas

Não definidas

59 ou mais
59 ou mais

% do contrato

Outras

regras

Valor da última faixa 6 vezes o valor da primeira

Normas Res. CONSU nº 06/98 Res. RN nº 63/03 Até 1998 1999 a 2003 2004 em

Veda variação aos 60, para quem tem

plano há 10+ anos

variação da 7ª a10ª

variação da 1ª a 7ª

Precificação: pacto intergeracional

Precificação: pacto inter g eracional 6 Jovens tendem a adiar a adesão a planos 5,106 5
6 Jovens tendem a adiar a adesão a planos 5,106 5 O envelhecimento solapa a base
6
Jovens tendem a adiar a adesão a planos
5,106
5
O envelhecimento solapa a base da solidariedade
4
3
2,484
2,087
2
1,697
1,463
1,380
1,415
1,096
1
0,835
0,630
0
00 - 18
19 - 23
24 - 28
29 - 33
34 - 38
39 - 43
44 - 48
49 - 53
54 - 58
59 - +
R$ de 200 4 per capita
R ea j us t es por fai xa e tá ria 25

Reajustes por faixa eria

Publicações do IESS

Publica ç ões do IESS 26
Publica ç ões do IESS 26
Publica ç ões do IESS 26
Variação % do custo anual por faixa etária Preç o - p ossibilidades F. Etárias (R$)

Variação % do custo anual por faixa etária

Custo

Preço - possibilidades

F. Etárias

(R$)

Reajuste %

R$

%

R$

%

018

502,95

 

550

 

550

1923

677,00

35

639

16,1

639

16,1

2428

914,00

35

 
  • 741 16,1

 
  • 741 16,1

2933

1.111,58

22

  • 861 16,1

  • 861 16,1

3438

1.144,98

3

 
  • 999 16,1

  • 999 16,1

3943

1.226,96

7

  • 1.160 16,1

  • 1.160 16,1

4448

1.343,35

9

 
  • 1.347 16,1

  • 1.347 16,1

4953

1.512,46

13

  • 1.816 34,8

  • 1.347 0,0

5458

1.863,53

23

 
  • 2.448 34,8

  • 1.347 0,0

59 ou +

3.844,95

106

  • 3.300 34,8

  • 3.300 145,0

Segmento de Autogestão: custo assistencial anual (2007)

Variação % do custo anual por faixa etária Preç o - p ossibilidades F. Etárias (R$)
C en á r i o alternativo - sem reajus t e na 8 ª e

Cenário alternativo - sem reajuste na 8ª e 9ª

C en á r i o alternativo - sem reajus t e na 8 ª e

Cenários para reajustes por faixa eria

C en á r i os para reajus t es por faixa e tá r i

Cenário 1

Não aplicação do percentual de variação de mensalidade por mudança de faixa etária (para todas faixas etárias)

Cenário 2

Não aplicação do percentual de variação de mensalidade por mudança de faixa etária para os beneficiários de 60 anos ou

mais

Cenário 3

Aplicação de percentual máximo de reajuste por mudança de

faixa etária de 30%, independente do percentual previsto em contrato

Resultados dos Cenários

Resultados d os C en á r i os Δ zero % p. idosos Δ 30%
Δ zero % p. idosos Δ 30% Δ previsto Δ zero % p. idosos Fonte: Milliman
Δ zero %
p. idosos
Δ 30%
Δ previsto Δ zero %
p. idosos
Fonte: Milliman – Parecer Atuarial – Im acto do Descum rimento de Cláusulas Contratuais e
p
p

Não Aplicação de Reajuste por Mudança de Faixa Etária (2009)

Considerações

Considerações A não a p lica ç ão dos rea j ustes ( le g ais

A não aplicação dos reajustes (legais e parte do cálculo atuarial) rompe o equilíbrio econômico-financeiro do contrato

Sua persistência leva a operadora à falência

Em sua defesa a operadora aumenta o preço das novas vendas

Elitiza saúde suplementar

Difícil prever custos médicos para futuro distante

Incorporação de tecnologia pressiona custos e deve ser precedida de avaliações de custo-efetividade

Transição demográfica solapa base solidária de financiamento

ões

José Cechin INSTITUTO DE ESTUDOS DE SAÚDE SUPLEMENTAR jcechin@iess . or g . br www.iess.org.br 55
José Cechin INSTITUTO DE ESTUDOS DE SAÚDE SUPLEMENTAR jcechin@iess . or g . br www.iess.org.br 55

José Cechin

INSTITUTO DE ESTUDOS DE SAÚDE SUPLEMENTAR

jcechin@iess.org.br

www.iess.org.br

55 11 3706-9747