Você está na página 1de 2

Está farto de ter o velho XP no seu pequeno computador?

Faça o upgrade para o


mais recente sistema operativo da Microsoft

Um dos melhores atributos do Windows 7 é ser suficientemente leve e funcional para poder ser
instalado em netbooks. A Microsoft garantiu que qualquer uma das versões do 7 poderão ser
executadas, sem problemas, nestes pequenos dispositivos, no entanto, existe a possibilidade
de a multinacional lançar ainda uma versão criada à medida dos netbooks. A Microsoft Portugal
ainda não garantiu esta versão, nem esclareceu se esta trará algumas restrições em termos de
funcionalidades, como foi inicialmente avançado.

Actualmente, não há grande escolha possível, pelo que tivemos de usar a Release Candidate,
que traz a versão mais completa, ou seja, o Windows 7 Ultimate. E ainda que este não seja o
ideal para ser instalado num netbook, é sempre melhor e mais agradável do que o velho XP,
que apesar de funcionar bastante bem nestes computadores, já merece ser colocado na
prateleira de relíquias. Podemos dizer que o processo de instalação correu bastante bem no
nosso netbook.

A instalação do Windows 7 num netbook exige, logo à partida, que o utilizador ultrapasse uma
barreira: a ausência de uma drive de DVD. Nada que implique, porém, grandes dores de
cabeça. Felizmente, pode criar sem dificuldade uma drive USB de arranque, com os ficheiros
necessários. Este esquema também funciona se quiser pôr o Vista no seu netbook (ainda que
seja difícil perceber quem opte por tal coisa), ou mesmo se quiser usar uma drive USB para
“flashar” o BIOS.

Para a instalação necessitará de descarregar o Windows 7 (de 32 bits, naturalmente) gravado


em DVD, de uma drive USB de 4GB ou maior, e de alguns conhecimentos de DOS. Também
precisa de um netbook com, pelo menos, um gigabyte de memória (recomendamos dois), 16
GB de espaço no disco rígido e um processador com um mínimo de 1GHz.

Tenha cuidado: há um par de coisas que podem dificultar-lhe a vida. Um Windows 7 mal
gravado pode causar todo o tipo de problemas. Assim, se não estiver certo da integridade do
seu gravador de DVD, opte por utilizar o Deamon Tools para criar o seu ficheiro ISO como drive
virtual, e depois utilizá-la em vez da drive de CD-ROM.

Quando reiniciar a máquina pela primeira vez, após o começo da instalação, certifique-se de
que remove a drive USB, ou irá acabar por ter várias instalações.
Recorra a uma pen drive
01 - Insira a drive USB e faça cópias de segurança a
todos os ficheiros que possui. Vamos formatá-lo dentro
de um minuto. No XP clique em Iniciar, escolha
Executar… e escreva CMD. No Vista e 7, basta clicar em
Iniciar e escrever CMD. Certifique-se que selecciona
Executar como administrador clicando com o botão
direito do rato em CMD. Na prompt de comandos,
introduza diskpart, e depois list disk. Irá aparecer-lhe
uma lista de todas as drives ligadas ao seu computador.
Deverá ser fácil saber qual é a drive USB, tendo em
conta as capacidades.
02 - Escreva select disk seguido do número relativo à
sua drive. Por exemplo, select disk 7. Depois, escreva
clean, create partition primary. Seleccione então select
partition 1, active, e finalmente format fs=ntfs. Isto leva
um par de minutos, mas no final terá alguns megabytes
limpos, prontos para a sua instalação do Windows 7.
Quando tiver completado a formatação, escreva assign.
Isto irá atribuir uma letra à sua drive USB. Tome nota
dessa letra. A seguir escreva exit, mas não feche ainda a
prompt de comandos.
03 - Insira o disco do Windows 7 e escreva D:, sendo D
a letra da sua drive de CD-ROM. Depois escreva cd
boot, seguindo de bootsect.exe/nt60 E:, em que E é a
letra atribuída à drive que acabou de formatar. Pode
agora fechar a prompt de comandos e copiar o conteúdo
do seu disco de Windows 7 para a drive de arranque.
Finalmente, insira a drive USB no seu netbook e
arranque-o. Entre no BIOS e seleccione a drive USB
como disco de arranque. Reinicie e vá tomar um café
enquanto o Windows 7 é instalado. O processo é
bastante rápido.

Fonte: PCGuia