Você está na página 1de 3

As 7 Renuncias de Pedro

Lc 5:1-11 / At.3:6
1 – A renuncia da sabedoria humana V 3-5
Pedro tinha hábito de pescar sempre em
determinado perímetro e constantemente lançava as
suas redes com base em sua experiência de campo.
Jesus disse: “vá para onde às águas são mais
profundas... Lancem as redes para pesca” E você
tem se submetido às ordens que Jesus tem te dado?
2 – A renuncia do Ego V5b
Pedro sempre dirigia a pescaria, todos
procuravam Pedro para saber onde jogar as redes.
Mas desta vez Pedro está sendo dirigido por alguém
que é maior do que ele. Você é uma pessoa que
reconhece quando Deus coloca alguém maior do
que você para dirigi-lo?
3 – A renuncia do individualismo V7a
Pedro nunca havia demonstrado fraqueza para
seus companheiros de pesca. Quando pescava e a
quantidade de peixes superava a capacidade do
barco Pedro tinha a satisfação de chegar no porto
com seu barco arrastando de peixes para que todos
dissessem “ele é o bom”. Porém, desta vez Pedro ao
ver a quantidade de peixes, faz um sinal para seus
irmãos participarem das bênçãos. Você pede ajuda
aos seus irmãos, ou quer fazer tudo sozinho?
Preocupa-se mais com o resultado individual ao
invés de buscar o resultado coletivo? O Reino de
Deus é um corpo você precisa buscar a coletividade.
4 – A renuncia da avareza V7b
Pedro como pescador hábil que era sempre
costumava levar os grandes peixes para a sua casa
como troféu. Entretanto, como já havia se
aproximado de Jesus e compreende que quando
Deus abençoa um homem as bênçãos transbordam
e se multiplicam sobrenaturalmente, Pedro tem o
prazer em dar, em dividir, em ajudar seus irmãos, ele
reparte sua pescaria e todos saem com seus barcos
a ponto de afundar. Quando dividimos as nossas
bênçãos Deus ainda nos mantém com o Barco
cheio. Você tem prazer em abençoar seu próximo?
Ou é avarento e não tem a capacidade de dividir?
5 – A renuncia do Orgulho V8
Pedro após ter feito uma pescaria diferente e
inusitada ele se depara com o responsável por toda
aquela fartura. Pedro reconhece que para continuar
recebendo aquelas bênçãos precisaria se render aos
pés de Jesus. E você é grande demais para se
render ao Senhor, é sábio de mais receber
comandos de homens? É importante demais que
não tem tempo para participar das reuniões de
lideres? É orgulhoso demais que não pode dizer que
Jesus tem sido teu provedor?
6 – A renuncia do apego as riquezas At. 3:6a
Pedro estava pregando a palavra, porém a sua
situação não era fácil. Não havia fartura em sua
mesa, as coisas haviam mudado. Sua casa
anteriormente era repleta de alimentação de
recursos financeiros que ele trazia de seu trabalho
como pescador. Agora Pedro não é mais um
pescador de peixes, ele se transformou num
pescador de homens. Quando Pedro diz “não tenho”
ele literalmente sabia do que estava falando.
Realmente ele não tinha como ajudar aquele homem
financeiramente.
7 – A renuncia da dependência de suas próprias
forças At. 3:6b
Pedro estava diante de uma situação facilmente
resolvível com as suas próprias forças. Bastaria
meter à mão no bolso e repassar aquele homem
algum recurso. Bastaria usar de sua influência, pois
era um homem conhecido. Os outros homens que
passaram por ali ajudavam aquele com suas
próprias forças. Pedro, reconhece que aquela
situação vai além de suas forças, que ele precisa se
colocar na dependência de Deus. “...mas o que
tenho, isto lhe dou.” Pedro lança sua rede sobre
aquele homem, ali estão as águas profundas que
Jesus disse. Pedro lança a sua rede pensando...
“Debaixo da tua palavra irei lançar as minhas redes”.
E você qual é a impossibilidade que tem enfrentado?
Por que esse problema não tem sido resolvido?
Sabe por quê? Pelo fato de que você não tem
lançado a sua rede sobre a palavra do Senhor. O
que ainda falta para você confiar no poder de Jesus?

Interesses relacionados