Você está na página 1de 8

Quando Deus Não Responde

l Samuel 28:6 – “Consultou Saul ao SENHOR,


porém o SENHOR não lhe respondeu, nem por sonhos,
nem por Urim, nem por profetas”.

Esta é uma história muito interessante do rei


Saul. Ele estava sendo guerreado pêlos inimigos – os
filisteus. Saul tinha se afastado de Deus e, diz o
relatório sagrado, "o Senhor lhe não respondeu, nem
por sonhos, nem por Urim, nem por profetas". Ora,
surge a questão, se Deus não respondia mais através
dos Seus próprios meios, quem teria respondido a Saul,
porque a história é a seguinte: I Samuel 28:7-19

"Então disse Saul aos seus criados: Buscai-me


uma mulher que tenha o espírito de feiticeira, para que
vá a ela e a consulte. E os seus criados lhe disseram:
Eis que em En-Dor há uma mulher que tem o espírito
de adivinhar. E Saul se disfarçou e vestiu outros
vestidos, e foi ele, e com ele dois homens, e de noite
vieram à mulher; e disse: Peço-te que me adivinhes
pelo espírito de feiticeira, e que me faças subir a quem
eu te disser. Então a mulher lhe disse: Eis aqui tu sabes
o que Saul fez, como tem destruído da terra os adivi-
nhos e os encantadores: por que, pois, me armas um
1
laço à minha vida, para me fazer matar? Então Saul lhe
jurou pelo Senhor, dizendo: Vive o Senhor, que
nenhum mal te sobrevirá por isso. A mulher então lhe
disse: A quem te farei subir? E disse ele: faze-me subir
a Samuel. Vendo pois a mulher a Samuel, gritou em
alta voz; e a mulher falou, dizendo: Por que me tens
enganado? Pois tu mesmo és Saul. E o rei lhe disse:
Não temas: Porém, que é o que vês? Então mulher
disse a Saul: Vejo deuses que sobem da terra. E disse:
Como é a sua figura? E disse ela: Vem subindo um
homem ancião, e está envolto numa capa. Entendendo
Saul que era Samuel, inclinou-se com o rosto em terra,
e se prostrou. Samuel disse a Saul: Por que me
desinquietaste, fazendo-me subir? Então disse Saul:
Mui angustiado estou porque os filisteus guerreiam
contra mim, e Deus Se tem desviado de mim, e não
me responde mais, nem pelo ministério dos profetas,
nem por sonhos; por isso te chamei a ti para que me
faças saber o que hei de fazer. Então disse Samuel: Por
que pois a mim me perguntas, visto que o Senhor te
tem desamparado, e Se tem feito teu inimigo? Porque
o Senhor tem feito para contigo como pela minha boca
te disse, e tem rasgado o reino da tua mão, e o tem
dado ao teu companheiro Davi. Como tu não deste
2
ouvidos à voz do Senhor, e não executaste o fervor da
Sua ira contra Amaleque, por isso o Senhor te fez hoje
isto. E o Senhor entregará também a Israel contigo na
mão dos filisteus, e amanhã tu e teus filhos estareis
comigo; e o arraial de Israel o Senhor entregará na
mão dos filisteus."

Aqui temos a triste história de alguém que não


teve mais revelações de Deus. Quem teria então
aparecido e falado com Saul?

A Escritura Sagrada é muito clara sobre esse


importante assunto. Diz São João no Apocalipse 12:7-9,
12:

"E houve batalha no Céu: Miguel e os Seus anjos


batalhavam contra o dragão, e batalhava o dragão e os
seus anjos; mas, não prevaleceram, nem mais o seu
lugar se achou nos Céus. E foi precipitado o grande
dragão, a antiga serpente, chamada o diabo, e
Satanás, que engana todo mundo; ele foi precipitado
na Terra, e os seus anjos foram lançados com ele”.

"Pelo que alegrai-vos ó Céus, e vós que neles


habitais Ai dos que habitam na Terra e no mar: porque
o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já
tem pouco tempo."
3
Portanto houve uma divisão entre os anjos, por
isso há anjos bons, os nossos anjos de guarda, e há
anjos maus que nos tentam e procuram tomar posse
de nós. São anjos rebeldes que seguiram Lúcifer, o
anjo que encabeçou a rebelião, por isso diz o profeta
admirado: "Como caíste do Céu, ó estrela da manhã ..
." (Isaías 14:12-15. Comparar com Ezequiel 28:19).
Seu motivo de rebelião era querer ser igual a Deus,
portanto queria compartilhar dos conselhos da
Divindade, mas como ser criado não era possível, e
orgulhosamente se rebelou contra Deus e levou um
bom número de anjos com ele.

Iniciou-se então a luta entre o Bem e o Mal. No


Éden o anjo rebelde venceu os nossos primeiros pais,
pondo dúvida sobre a Palavra de Deus e fazendo o
homem escravo do pecado. Tendo domínio sobre os
habitantes da Terra, iniciou-se um reino de rebelião
aqui na Terra, onde ainda sofremos as conseqüências.

O apóstolo Paulo explica a nossa luta,


escrevendo: "Não temos que lutar contra a carne e o
sangue, mas sim contra os principados, contra as
potestades, contra os príncipes das trevas deste
século, contra as hostes espirituais da maldade nos

4
lugares celestiais." (Efésios 6:12)

Por isso Jesus, quando veio, encontrou muitos


endemoninhados, possessos pelo demônio, com forças
sobrenaturais, procurando enganar e misturar o Bem
com o Mal. São os príncipes das trevas, porque o seu
aparecimento é no escuro, enquanto Jesus é a luz do
mundo. Hoje ainda encontramos as mesmas vítimas do
inimigo de Jesus. Eles falam de "aparecimentos dos
mortos", de "espíritos desencarnados", de "espíritos
protetores" e outras coisas semelhantes. Não nos
enganemos, pois o profeta adverte: "Quando vos
disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e
os adivinhos, que chilreiam e murmuram entre dentes:
— não recorrerá um povo ao seu Deus? a favor dos
vivos interrogar-se-ão os mortos?" (Isaías 8:19). Jesus
disse que os mortos dormem até o dia da ressurreição,
quando justos e remidos ressuscitarão. (S. João 11:11.
Comparar com l Coríntios 15). O profeta Daniel diz:
"uns para a vida eterna e outros para vergonha e
desprezo eterno." Daniel 12:3. Portanto, a nossa vida
eterna depende de Jesus o Doador da vida. Ele é a
nossa vida, sem Ele estamos condenados à morte, mas
Ele veio para aniquilar a morte e nos dar a vida eterna.
Romanos 6:23 Portanto não temos vida eterna em nós
5
mesmos, mas é um dom de Deus.

Mas voltemos ao rei Saul, na sua experiência,


quando não mais recebia instruções de Deus. Ora, se
Deus não lhe respondeu, e se houve resposta, é
porque o outro, o inimigo de Deus, respondeu, pois
comenta o apóstolo S. Paulo "não é maravilha, porque
o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz ..." II
Coríntios 11:14. Assim são todas as aparições de
pessoas já mortas e coisas semelhantes. São enganos,
imitações, mentiras provindos do "pai da mentira" (São
João 8:44), e que não combinam com as Escrituras
Sagradas, porque a prova do verdadeiro espírito é a
seguinte: Se falarem segundo Lei e ao Testemunho! se
eles não falarem segundo esta palavra, nunca verão a
alva". (Isaías 8:20) A outra prova acha-se na epístola
de São João: "Nisto conhecereis o Espírito de Deus:
todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em
carne é de Deus; e todo o espírito que não confessa
que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas
este é o espírito do anti-cristo..."( I São João 4:2 e 3).
Assim, corroborados pelas Sagradas Escrituras, não foi
Deus que respondeu à feiticeira de En-Dor, mas foi o
diabo.

6
Outra prova perfeita de que não foi o espírito de
Samuel que apareceu é o seguinte fato: falando do rei
Saul: "amanhã tu e teus filhos estareis comigo: ..." (I
Sam. 28:19) Ora, Samuel, sendo um homem virtuoso
e servo de Deus, não poderia estar unido com o suicida
Saul (I Sam. 31:4) no Céu e nem no inferno, portanto
mais uma vez vemos o engano desta feiticeira. Real-
mente a verdade é que ambos foram à sepultura,
esperando o Justo Juiz na vinda do Senhor Jesus nas
nuvens do céu, conforme a Sua promessa.

Portanto, meu amigo, quando Deus não mais


responde, é necessário procurá-Lo, confessando os
pecados, pedindo o perdão dos males cometidos e Ele
não Se negará de nos atender novamente, pois: "Se
confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo,
para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a
injustiça." (I São João 1:9) Nunca, no entanto ir ao
inimigo em busca de auxílio, pois poderemos ser
levados a caminhos errados.

Quando Deus não responde, procure saber qual a


causa e verá que a culpa está conosco e não com
Deus, pois Ele nos assevera: "Vinde a Mim, todos os
que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei."

7
São Mateus 11:28.