Você está na página 1de 31
Solução Completa de Pagamento Eletrônico Interface com Automação Comercial Por Troca de Arquivos Especificação
Solução Completa de Pagamento Eletrônico
Interface com Automação Comercial
Por Troca de Arquivos
Especificação Técnica Versão 01.00
Revisão:
03
Data:
02/01/2012
Responsável: Marcelo D. Fonseca

Informações Gerais

Leia antes de iniciar o desenvolvimento:

É imprescindível a leitura deste material para o entendimento do fluxo das transações e processos envolvidos na troca de arquivos entre o SCOPE e Automação Comercial.

Revisão

Data

Responsável

Histórico

 

00 24/11/2011

Marcelo D. Fonseca

Versão Preliminar

 

01 02/12/2011

Marcelo D. Fonseca

Revisão segundo necessidades da Eletropaulo e melhorias gerais

 

02 05/12/2011

Marcelo D. Fonseca

Definição arquivos Estorno e melhorias gerais

 

03 02/01/2012

Marcelo D. Fonseca

Formalização número seqüencial de 3 dígitos. Descrição do FAPI.

Índice

Prefácio

5

A quem se destina

5

Descrição do Produto

5

Objetivo

5

Definição

5

Benefícios

5

Maiores Informações

5

Referências

6

Regras Gerais

7

Organização dos Diretórios

7

Nomenclatura dos Arquivos

7

Fluxo da Troca de Arquivos

8

Visão Geral

9

Fluxos de Mensagens de uma TEF

10

Estrutura dos Arquivos

11

Padrões adotados neste documento

12

Legenda de Abreviações

12

Campos Previstos

12

Composição dos Arquivos

14

Solicitação de TEF

14

Resposta da TEF

14

Confirmar ou Desfazer TEF

15

Estorno de TEF

16

Solicitação de Estorno

16

Resposta do Estorno

16

Confirmar ou Desfazer Estorno

17

FAPI

18

Instalação

18

Configuração

18

Execução

18

Operação

19

Apêndice A – Exemplos de Arquivos

20

Apêndice B – Códigos de Resposta das Redes

23

Apêndice C – Códigos de Resposta do SCOPE

25

Apêndice D – Glossário

29

Prefácio

A quem se destina

Este documento se destina aos clientes ou parceiros da Itautec que desejam integrar seu sistema de Automação Comercial com o SCOPE através da interface de Troca de Arquivos.

Existem situações no mercado em que a integração de um sistema de Automação Comercial através de chamadas de funções do SCOPE Client é inviável.

Para estas situações o SCOPE pretende oferecer a alternativa de integração através de troca de arquivos.

Descrição do Produto

Objetivo

O sistema SCOPE – Solução Completa para Pagamento Eletrônico – permite ao software de

PDV (Automação Comercial) efetuar o pagamento através de TEF, por exemplo, cartões de crédito e débito, através da digitação do emboço ou leitura da tarja magnética ou chip.

Definição

O SCOPE foi concebido para gerenciar todas as etapas de uma TEF abstraindo a complexidade

inerente à transação do aplicativo PDV.

Benefícios

O sistema permite uma arquitetura flexível, multiempresa, multifilial, centralizada ou distribuída, adequando-se à necessidade do cliente.

Facilita a gestão do negócio, pois oferece ferramentas de consulta e relatórios operacionais e gerenciais.

Permite a gestão da sessão contábil, pelo estabelecimento ou pelo centro de processamento, de forma a indicar eventuais divergências nos créditos efetuados pelos bancos.

Permite mecanismos de alta-disponibilidade através de solução cluster e rotas de contingência.

Maiores Informações

Podem ser obtidas através dos documentos do produto SCOPE, conforme relação descrita nas Referências abaixo. Você pode solicitá-los ao seu representante comercial Itautec.

Referências

International Standard Financial Transaction Card Originated Messages

ISO–8583

Interchange Message Specification 2 nd Edition – 15/12/2003

American National Standard for Financial Services

X9.8–2003

BANKING - PERSONAL IDENTIFICATION NUMBER MANAGEMENT AND SECURITY Part 1: PIN protection principles and techniques for online PIN verification in ATM & POS systems

Documentos SCOPE

SCOPE – Manual Desenvolvedor

SCOPE – Manual de Instalação e Configuração

SCOPE – Manual de Administração

SCOPE – Guia de Codificação Segura

SCOPE – Guia de Implementação PA-DSS

Regras Gerais

Toda interação entre Automação Comercial e SCOPE é feita através de Troca de Arquivos.

Abaixo estão descritas as regras de organização, nomenclatura, manipulação e estrutura destes

arquivos.

Organização dos Diretórios

Devem existir dois diretórios configuráveis, um de entrada e outro de saída, usando o SCOPE

como referência. Por exemplo:

Diretório

Caminho

Entrada

C:\SCOPE\IN

Saída

C:\SCOPE\OUT

A Automação Comercial (AC) deve sempre gravar no diretório de Entrada do SCOPE.

O SCOPE deve sempre gravar no diretório de Saída.

Para evitar conflitos, as gravações dos arquivos devem necessariamente seguir os passos abaixo:

Criar o arquivo com nome temporário;

Gravar os dados do arquivo;

Forçar a gravação imediata através de comando do tipo flush.

Fechar o arquivo;

Renomear o arquivo para o nome definitivo.

Estas regras devem ser seguidas tanto pela AC quanto pelo SCOPE.

Após leitura com sucesso do arquivo, o mesmo deve ser eliminado do diretório. Portanto, a

responsabilidade de eliminar os arquivos do diretório de Entrada é do SCOPE. Analogamente, a

responsabilidade por eliminar os arquivos do diretório de Saída é da AC.

Nomenclatura dos Arquivos

Os arquivos trocados entre AC e SCOPE devem seguir as seguintes regras de nomenclatura:

Arquivo

Diretório

Criado por

Nome Temporário

Nome Definitivo

Eliminado por

Solicitação

Entrada

AC

REQT<nnnn>.tmp

REQT<nnnn>.sc_

SCOPE

Resposta

Saída

SCOPE

RESP<nnnn>.tmp

RESP<nnnn>.ac_

AC

Confirmação/

Entrada

AC

COMP<nnnn>.tmp

COMP<nnnn>.sc_

SCOPE

Desfazimento

Sendo que <nnnn> representa um número seqüencial (entre 0001 e 9999) que deve ser mantido constante ao longo do ciclo de vida da transação, ou seja, deve ser o mesmo nos três arquivos.

Embora não haja tratamento de transações simultâneas, este número seqüencial é uma garantia

de que os três arquivos referem-se a uma mesma transação.

Este número é controlado pela AC e pode ser reiniciado diariamente ou não, a critério da AC.

Fluxo da Troca de Arquivos

A figura abaixo representa o fluxo da troca de arquivos entre AC e SCOPE:

representa o fluxo da troca de arquivos entre AC e SCOPE: Considerando <nnnn> como 0001, o

Considerando <nnnn> como 0001, o ciclo de vida de uma transação aprovada representado pelo diagrama acima seria:

1. AC grava arquivo REQT0001.sc_ com solicitação da TEF no diretório de entrada;

2. SCOPE lê arquivo REQT0001.sc_ e efetua a TEF;

3. SCOPE grava arquivo RESP0001.ac_ com resposta da TEF no diretório de saída;

4. AC lê arquivo RESP0001.ac_ e imprime comprovante de TEF;

5. AC grava arquivo COMP0001.sc_ confirmando (ou desfazendo em caso de erro no tratamento da resposta) a TEF;

6. SCOPE lê arquivo COMP0001.sc_ e envia confirmação (ou desfazimento) da TEF;

O arquivo de resposta sempre é gerado pelo SCOPE, mesmo em casos de erro, como nos

exemplos abaixo:

A transação foi negada pela rede autorizadora;

O SCOPE não recebeu resposta da rede (timeout);

A transação foi abortada pelo operador;

Os dados recebidos são inválidos ou insuficientes;

Ocorreu um erro interno inesperado;

Visão Geral

No diagrama abaixo está representada uma visão geral do processo:

abaixo está representada uma visão geral do processo: Descrição do Diagrama: A troca de arquivos ocorre

Descrição do Diagrama:

A troca de arquivos ocorre no PDV, onde estão sendo executados:

A

troca de arquivos ocorre no PDV, onde estão sendo executados:

 

Automação Comercial;

Módulo SCOPE gerenciador da interface de Troca de Arquivos, integrado ao SCOPE

Client;

O SCOPE Client interage com o SCOPE Server para consultar a configuração e solicitar a

O

SCOPE Client interage com o SCOPE Server para consultar a configuração e solicitar a TEF;

O SCOPE Server é responsável por interagir com os PDVs, armazenar as transações em Banco

O

SCOPE Server é responsável por interagir com os PDVs, armazenar as transações em Banco de

Dados e interagir com o SCOPE Gateway (que pode estar instalado na mesma máquina do SCOPE

 

Server);

O SCOPE Gateway gerencia as conexões com as redes autorizadoras, geralmente através de X.25,

O

SCOPE Gateway gerencia as conexões com as redes autorizadoras, geralmente através de X.25,

repassando as solicitações do SCOPE Server para as redes e as respostas das redes

autorizadoras ao SCOPE Server.

Fluxos de Mensagens de uma TEF

Para facilitar o entendimento de todo o processo envolvido na TEF, abaixo está descrito como funciona a troca de mensagens entre o SCOPE e a rede autorizadora:

Transação Aprovada e Confirmada Considerando um fluxo básico de sucesso, temos:

Confirmada Considerando um fluxo básico de sucesso, temos: S S C C O O P P

SSCCOOPPEE

00220000 00221100 00220022
00220000
00221100
00220022
S S C C O O P P E E 00220000 00221100 00220022 A A u

AAuuttoorriizzaaddoorr

O arquivo de solicitação é interpretado pelo SCOPE e uma perna ISO8583 cujo código de

mensagem é 0200 (primeira perna) é enviada à rede autorizadora. Esta por sua vez responde à solicitação com uma mensagem 0210 (segunda perna) aprovando ou negando a TEF. Caso a

transação tenha sido aprovada, o SCOPE precisa enviar uma 0202 (terceira perna) para informar

à rede que a transação deve ser confirmada. Para algumas redes, a 0202 é enviada também para transações negadas.

Desfazimento Em caso de timeout (a 0210 não chegou ao SCOPE em tempo hábil) ou falha na AC no tratamento da resposta, a perna de confirmação é substituída por uma perna de solicitação de

desfazimento:

substituída por uma perna de solicitação de desfazimento: S S C C O O P P

SSCCOOPPEE

00220000 00221100 00442200 00443300
00220000
00221100
00442200
00443300
C O O P P E E 00220000 00221100 00442200 00443300 A A u u t

AAuuttoorriizzaaddoorr

O desfazimento pode ocorrer um duas situações:

A resposta 0210 foi recebida e a transação foi aprovada, porém a AC sinalizou falha na

impressão do comprovante e/ou tratamento da resposta. Neste caso o envio da 0420

depende da geração do arquivo COMP<nnnn>.sc_, que é de responsabilidade da AC.

Caso não gerado, a transação ficará pendente.

A resposta 0210 não foi recebida, ou seja, ocorreu timeout. Neste caso a 0420 é enviada

automaticamente pelo SCOPE e um arquivo RESP<nnnn>.ac_ é gerado para informar

erro à AC. Neste caso não é necessário gerar o arquivo COMP<nnnn>.sc

Outro ponto importante a ser comentado é que a 0430 não é imprescindível, pois a transação já é

considerada desfeita no SCOPE. Podem existir situações em que a rede não está recebendo

nenhuma perna, por exemplo, quando há problemas no provedor X.25. Neste caso o motivo do

timeout pode ser o não recebimento da perna 0200 pela rede e, portanto, provavelmente a

mesma não irá receber a 0420 nem responder com 0430.

Estrutura dos Arquivos

Todos os arquivos trocados terão do tipo texto, múltiplas linhas, cada linha finalizada com CRLF

(carriage return e line feed), ou seja, 0x0D e 0x0A.

A estrutura interna dos arquivos segue o seguinte formato:

 

CCC

.

NNN

:

DDD D

CRLF

Sendo:

 
 

Campo

Tamanho

Descrição

 

CCC

 

3

Código do campo

 

.

 

1

Caractere ‘.’ (ponto)

 

NNN

 

3

Número seqüencial da linha do campo.

 

000 - Se campo de linha única;

 

001 até nnn - Se campo de várias linhas

:

 

1

Caractere ‘:’ (dois pontos)

 

DDD D

variável

Dados do campo

 

CRLF

 

2

carriage return e line feed (0x0D e 0x0A)

Obrigatoriamente todos os arquivos deverão conter pelo menos 3 linhas, sendo:

Header

Ação

Linhas de Dados (se existir)

Finalizador

Padrões adotados neste documento

Legenda de Abreviações

Formato

Atributo

a

Caracteres alfabéticos.

n

Caracteres numéricos.

an

Caracteres alfabéticos e numéricos.

ans

Caracteres alfabéticos, numéricos e especiais.

MM

Mês.

DD

Dia.

AA

Ano.

hh

Hora.

mm

Minuto.

ss

Segundo.

LLvar

Tamanho de um campo variável. Ex. Se o conteúdo do campo = “AB1234CD”, teremos para representá-lo: “08 AB1234CD” .

LLLvar

Tamanho de um campo variável. Ex. Se o conteúdo do campo = “AB1234CD”, teremos para representá-lo: “008 AB1234CD” .

10

Tamanho fixo de 10 caracteres.

10

Tamanho variável de até 10 caracteres.

b

Representação binária dos dados.

Campos Previstos

Abaixo a relação de campos previstos:

Campo

Tamanho

Descrição

Formato

000 an3

 

Header

SCOPEvvv, Sendo:

vvv = versão, atualmente fixo em 001

001 a3

 

Ação

CCC, Sendo:

TEF – Solicitar TEF; CNF – Confirmar TEF; DSF – Desfazer TEF; CAN – Cancelar TEF; IMP – Imprimir Cupom; EXB – Exibir Negada; ERR – Tratar Erro;

002 n3

 

Código do Grupo de Serviço

GGG, Sendo:

001 – Débito;

 

002 – Crédito;

003 n3

 

Código do Serviço

SSS, Sendo:

006

– Débito à vista;

009

– Crédito à vista;

027

– Crédito parcelado Adm;

028

– Crédito parcelado Loja;

031

– Estorno Débito;

032

– Estorno Crédito;

050

– Débito Voucher;

051

– Estorno Voucher;

004 n12

 

Valor da Venda

999999999999 em centavos de Real, por exemplo: 000000001050 significa R$10,50.

005 n12

 

Taxa de Serviço

999999999999

006 n12

 

Taxa de Embarque

999999999999

007 n12

 

Valor do Saque

999999999999

Interface com Automação Comercial por Troca de Arquivos Solução Completa para Pagamento Eletrônico

12

008

n3

Qtd de Parcelas

999

009

an8

Identificação da AC

XXXXXXXX

 

010

an8

Versão do Software da AC

XXXXXXXX

 

011

n5

Código de Resposta do SCOPE

 

012

an3

Código de Resposta da Rede

 

013

ans40

Mensagem Final

 

014

n12

Valor Total Final

999999999999

 

015

n3

Código da Rede

 

016

ans40

Nome da Rede

 

017

n3

Código da Bandeira

 

018

ans40

Nome da Bandeira

 

019

ans22

Número do Cartão Mascarado

 

020

n4

Validade do Cartão

AAMM

021

ans40

Nome do Cliente

 

022

n8

Data da Transação

DDMMAAAA

 

023

n6

Hora da Transação

hhmmss

 

024

n6

NSU

NNNNNN

 

025

ans12

NSU Host

NNNNNNNNNNNN

026

n6

Código da Autorização

NNNNNN

 

027

n11

Controle

NNNNNNNNNNN

028

an15

Código do

 

Estabelecimento

029

n4

Código da Empresa

EEEE

030

n4

Código da Filial

FFFF

031

n3

Código do PDV

PPP

032

n4

Tamanho Total do Cupom via Estabelecimento

LLLL

033

LLvar

Cupom via

Linha do Cupom via Estabelecimento

Estabelecimento

034

n4

Tamanho Total do Cupom via Cliente

LLLL

035

LLvar

Cupom via Cliente

Linha do Cupom via Cliente

036

n4

Tamanho Total do Cupom via Reduzida

LLLL

037

LLvar

Cupom via Reduzida

Linha do Cupom via Reduzida

038

LLLvar

Atributo da Aplicação

LLLDDD

D

Sendo:

LLL tamanho dos dados a seguir;

DDD

D

dados

 

039

LLvar

Identificador da venda

Campo identificador da venda ou pedido gerado pela AC e fornecido no arquivo de solicitação a ser ecoado no arquivo de resposta

999

a3

Finalizador

FIM

Composição dos Arquivos

Nesta sessão estão descritos os campos por arquivo, mandatórios, opcionais, ecoados ou

condicionais, sendo:

M = Mandatório;

O = Opcional;

E = Ecoado;

C1 = Condicional, se aprovada;

C2 = Condicional, se negada;

C3 = Condicional, se aprovada ou negada;

C4 = Condicional, se existir;

C5 = Condicional, se aprovada e se existir.

Solicitação de TEF

 

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000

M

Header

SCOPE001

001

M

Ação

TEF

002

M

Código do Grupo de Serviço

001

– Débito;

002

– Crédito;

003

O

Código do Serviço

Opcional. Se não fornecido e configuração permitir a decisão será do operador.

004

M

Valor da Venda

999999999999

005

O

Taxa de Serviço

999999999999

006

O

Taxa de Embarque

999999999999

007

O

Valor do Saque

999999999999

008

O

Qtd de Parcelas

999

009

M

Identificação da AC

XXXXXXXX

010

M

Versão do Software da AC

XXXXXXXX

038

O

Atributo da Aplicação

LLLD

D

039

O

Identificador da venda

LLD

D

999

M

Finalizador

FIM

Resposta da TEF

 
 

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000 M

 

Header

SCOPE001

001 M

 

Ação

IMP – Imprimir Cupom; EXB – Exibir Negada; ERR – Tratar Erro.

002 E

 

Código do Grupo de Serviço

001

– Débito;

002

– Crédito;

003 M

 

Código do Serviço

006

– Débito à vista;

009

– Crédito à vista;

027

– Crédito parcelado Adm;

028

– Crédito parcelado Loja;

004 E

 

Valor da Venda

999999999999

005 O

 

Taxa de Serviço

999999999999

Interface com Automação Comercial por Troca de Arquivos Solução Completa para Pagamento Eletrônico

14

006

O

Taxa de Embarque

999999999999

007

O

Valor do Saque

999999999999

008

O

Qtd de Parcelas

999

011

M

Código de Resposta do SCOPE

 

012

M

Código de Resposta da Rede

 

013

M

Mensagem Final

 

014

M

Valor Total Final

 

015

M

Código da Rede

 

016

M

Nome da Rede

 

017

M

Código da Bandeira

 

018

M

Nome da Bandeira

 

019

O

Número do Cartão Mascarado

 

020

O

Validade do Cartão

AAMM

021

O

Nome do Cliente

 

022

C3

Data da Transação

DDMMAAAA

023

C3

Hora da Transação

hhmmss

024

C1

NSU

NNNNNN

025

C4

NSU Host

NNNNNNNNNNNN

026

C4

Código da Autorização

NNNNNN

027

C1

Controle

NNNNNNNNNNN

028

C3

Código do

 

Estabelecimento

029

O

Código da Empresa

EEEE

030

O

Código da Filial

FFFF

031

O

Código do PDV

PPP

032

C1

Tamanho Total do Cupom via Estabelecimento

LLLL

033

C1

Cupom via

Linha do Cupom via Estabelecimento

Estabelecimento

034

C1

Tamanho Total do Cupom via Cliente

LLLL

035

C1

Cupom via Cliente

Linha do Cupom via Cliente

036

C5

Tamanho Total do Cupom via Reduzida

LLLL

037

C5

Cupom via Reduzida

Linha do Cupom via Reduzida

039

E

Identificador da venda

LLD

D

999

M

Finalizador

FIM

Confirmar ou Desfazer TEF

Somente se recebido o arquivo de resposta com ação IMP.

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000

M

Header

SCOPE001

001

M

Ação

CNF – Confirmar; DSF – Desfazer.

015

E

Código da Rede

 

017

E

Código da Bandeira

 

022

E

Data da Transação

DDMMAAAA

023

E

Hora da Transação

hhmmss

024

E

NSU

NNNNNN

028

E

Código do

 

Estabelecimento

039

E

Identificador da venda

LLD

D

999

M

Finalizador

FIM

Estorno de TEF

Abaixo estão descritos os arquivos envolvidos em um Estorno (Cancelamento) de TEF.

Solicitação de Estorno

 

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000

M

Header

SCOPE001

001

M

Ação

CAN

004

M

Valor

999999999999

009

M

Identificação da AC

XXXXXXXX

010

M

Versão do Software da AC

XXXXXXXX

027

M

Controle

NNNNNNNNNNN Identifica a transação a ser cancelada

999

M

Finalizador

FIM

Resposta do Estorno

 
 

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000

M

Header

SCOPE001

001

M

Ação

IMP – Imprimir Cupom; EXB – Exibir Negada; ERR – Tratar Erro.

002

M

Código do Grupo de Serviço

Código do Grupo de Serviço da transação original

003

M

Código do Serviço

Código do Serviço da transação original

004

M

Valor

999999999999

011

M

Código de Resposta do SCOPE

 

012

M

Código de Resposta da Rede

 

013

M

Mensagem Final

 

015

M

Código da Rede

 

016

M

Nome da Rede

 

017

M

Código da Bandeira

 

018

M

Nome da Bandeira

 

022

C3

Data da Transação

DDMMAAAA

023

C3

Hora da Transação

hhmmss

024

C1

NSU

NNNNNN

025

C4

NSU Host

NNNNNNNNNNNN

026

C4

Código da Autorização

NNNNNN

028

C3

Código do

 

Estabelecimento

032

C1

Tamanho Total do Cupom via Estabelecimento

LLLL

033

C1

Cupom via

Linha do Cupom via Estabelecimento

Estabelecimento

034

C1

Tamanho Total do Cupom via Cliente

LLLL

035

C1

Cupom via Cliente

Linha do Cupom via Cliente

999

M

Finalizador

FIM

Confirmar ou Desfazer Estorno

Somente se recebido o arquivo de resposta com ação IMP.

Campo

Presença

Descrição

Conteúdo

000

M

Header

SCOPE001

001

M

Ação

CNF – Confirmar; DSF – Desfazer.

015

E

Código da Rede

 

017

E

Código da Bandeira

 

022

E

Data da Transação

DDMMAAAA

023

E

Hora da Transação

hhmmss

024

E

NSU

NNNNNN

028

E

Código do

 

Estabelecimento

999

M

Finalizador

FIM

  Estabelecimento 999 M Finalizador FIM IMPORTANTE : Algumas redes autorizadoras não permitem o

IMPORTANTE: Algumas redes autorizadoras não permitem o desfazimento do estorno.

Portanto, o recomendável é que a AC sempre solicite a confirmação do mesmo.

Caso a AC solicite o desfazimento de um estorno para uma rede que não possua este

recurso, pode ser necessário um ajuste na conciliação.

Além disso, as regras de quanto tempo um estorno pode ser executado varia de rede para

rede. Normalmente o estorno somente é possível no dia em que a transação foi realizada.

FAPI

Nesta sessão estão descritas as regras de instalação e configuração do módulo

FAPI File Application Programming Interface.

Instalação

A instalação é feita através de cópia simples dos arquivos abaixo para o mesmo diretório onde

está instalado o SCOPE Client, em ambiente Windows 32 bits.

FAPI.EXE

FAPI.INI

Configuração

A configuração é feita através do arquivo FAPI.INI, conforme exemplo abaixo:

[FAPI] ArquivoCaminhoEntrada=C:\SCOPE\IN ArquivoCaminhoSaida=C:\SCOPE\OUT

ScopeEmpresa=0001

ScopeFilial=0001

ScopePdv=001

LogoCliente=c:\meulogo.wmf

Sendo:

ArquivoCaminhoEntrada

Caminho completo do diretório de entrada

ArquivoCaminhoSaida

Caminho completo do diretório de saída

ScopeEmpresa

Código da Empresa deste PDV (4 dígitos)

ScopeFilial

Código da Filial deste PDV (4 dígitos)

ScopePdv

Código deste PDV (3 dígitos)

LogoCliente

Logotipo do cliente (opcional) Formato bmp, gif, jpg, wmf, emf ou ico

Execução

Para realizar uma TEF, o sistema SCOPE deve estar em execução no servidor, com as devidas

redes configuradas e em operação.

No PDV, o módulo FAPI.EXE também deve estar em execução. Este módulo, enquanto está a

espera por arquivos, não apresenta nenhuma tela. Pode-se perceber que o mesmo está em

execução devido ao ícone

no exemplo abaixo:

está em execução devido ao ícone no exemplo abaixo: na barra de tarefas, no canto inferior

na barra de tarefas, no canto inferior direito da tela, como mostrado

de tarefas, no canto inferior direito da tela, como mostrado Este módulo não é finalizado a

Este módulo não é finalizado a cada TEF. O mesmo permanece sempre em operação a espera

pelo próximo arquivo.

Se necessário, o FAPI pode ser finalizado clicando-se neste ícone com o botão direito do mouse e selecionando-se Sair.

Operação

Quando o FAPI percebe que um arquivo de solicitação foi gravado no diretório de entrada, a tela abaixo é apresentada para permitir a coleta das informações necessárias para a execução da TEF:

das informações necessárias para a execução da TEF: O operador do PDV deve então realizar o

O operador do PDV deve então realizar o passo-a-passo do fluxo de coleta da TEF até a conclusão da mesma.

No passo mostrado acima, o SCOPE está solicitado a leitura do cartão, que pode ser digitado, por tarja magnética ou chip. Nos dois últimos casos é necessário que esteja conectado e configurado um PINPad compatível.

que esteja conectado e configurado um PINPad compatível. NOTA : Durante a execução da TEF recomenda-se

NOTA: Durante a execução da TEF recomenda-se que a Automação Comercial garanta que não seja possível iniciar nova TEF até que a que está em execução seja finalizada. Caso necessário, a Automação Comercial poderá apresentar informações complementares em outra tela, como por exemplo, valor total dos produtos, valor da TEF que está em andamento, etc.

Apêndice A – Exemplos de Arquivos

Os arquivos abaixo devem ser usados apenas como exemplos de formato. As transações representadas pelos mesmos foram realizadas através do ScopeAUT e portanto são simuladas. Alguns campos, principalmente os cupons, podem possuir diferenças de formatação do conteúdo. Não é recomendada a extração de conteúdo diretamente dos cupons formatados, já que os mesmos podem ter sido montados diretamente pela Rede Autorizadora e, portanto, seu conteúdo pode sofrer alterações sem aviso prévio.

Exemplo de um arquivo de solicitação de TEF de crédito de R$1,00 deixando-se a seleção do serviço a cargo do Operador de TEF:

000.000:SCOPE001

001.000:TEF

002.000:002

004.000:000000000100

009.000:AC001

010.000:1.0

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de solicitação de TEF de crédito parcelado loja de R$100,00 em 3 parcelas:

000.000:SCOPE001

001.000:TEF

002.000:002

003.000:028

004.000:000000010000

008.000:3

009.000:AC001

010.000:1.0

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de solicitação de TEF de crédito à vista de R$32,53:

000.000:SCOPE001

001.000:TEF

002.000:002

003.000:009

004.000:000000003253

009.000:AC001

010.000:1.0

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de solicitação de TEF de débito à vista de R$20,00:

000.000:SCOPE001

001.000:TEF

002.000:001

003.000:006

004.000:000000002000

009.000:AC001

010.000:1.0

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de resposta:

000.000:SCOPE001

001.000:IMP

002.000:002

003.000:009

004.000:000000005000

011.000:00000

012.000:000

013.001:AUTORIZADO 013.002:Controle 01200181000 014.000:000000005000 015.000:103 016.000:REDECARD-L0500 017.000:002
013.001:AUTORIZADO
013.002:Controle 01200181000
014.000:000000005000
015.000:103
016.000:REDECARD-L0500
017.000:002
018.000:MASTERCARD
019.000:548826XXXXXX0000
020.000:0316
022.000:0102
023.000:145459
024.000:001081
025.000:SIMULADOR
026.000:001081
027.000:01200181000
028.000:000100010000103
029.000:0001
030.000:0001
031.000:001
032.000:680
033.001:38
REDECARD
033.002:00
033.003:38
MASTERCARD
033.004:00
033.005:00
033.006:38COMPR:123456789
VALOR:
9.999,99
033.007:00
033.008:38ESTAB:013932594 SCOPE TESTE SIMULADO
033.009:38DD.MM.AA-HH:MM:SS TERM:PV123456/pppnnn
033.010:24CARTAO: 548826XXXXXX0000
033.011:38AUTORIZACAO: 123456
033.012:38
033.013:38
RECONHECO E PAGAREI A DIVIDA
AQUI REPRESENTADA
033.014:00
033.015:38**************************************
033.016:38
D E
M
O N
S T
R A C A O
033.017:38 Transacao sem validade para reembolso
033.018:38
Autorizacao gerada por simulador
033.019:38**************************************
033.020:00
033.021:38
033.022:38
033.023:00
033.024:00
033.025:00
033.026:00
033.027:00
033.028:15AAAAA 111 AAAAA
033.029:15BBBBB 222 BBBBB
033.030:00
033.031:38CONTROLE 01200181000
ITAUTEC SCOPE
034.000:680
035.001:38
REDECARD
035.002:00
035.003:38
MASTERCARD
035.004:00
035.005:00
035.006:38COMPR:123456789
VALOR:
9.999,99
035.007:00
035.008:38ESTAB:013932594 SCOPE TESTE SIMULADO
035.009:38DD.MM.AA-HH:MM:SS TERM:PV123456/pppnnn
035.010:24CARTAO: 548826XXXXXX0000
035.011:38AUTORIZACAO: 123456
035.012:38
035.013:38
RECONHECO E PAGAREI A DIVIDA
AQUI REPRESENTADA
035.014:00
035.015:38**************************************
035.016:38
D E
M
O N
S T
R A C A O
035.017:38 Transacao sem validade para reembolso
035.018:38
Autorizacao gerada por simulador
035.019:38**************************************
035.020:00
035.021:38
035.022:38
035.023:00
035.024:00
035.025:00
035.026:00
035.027:00

Interface com Automação Comercial por Troca de Arquivos Solução Completa para Pagamento Eletrônico

21

035.028:15AAAAA 111 AAAAA 035.029:15BBBBB 222 BBBBB

035.030:00

035.031:38CONTROLE 01200181000 ITAUTEC SCOPE

036.000:171

037.001:38MASTERCARD 548826XXXXXX0000 03/16 037.002:35AUT:001081 NSU:001081 DOC:SIMULADOR 037.003:22VENDA CREDITO A VISTA 037.004:38VALOR: 50,00 CTR:01200181000

037.005:00

037.006:15AAAAA 111 AAAAA

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de confirmação:

000.000:SCOPE001

001.000:CNF

015.000:103

017.000:002

022.000:0102

023.000:145459

024.000:001081

028.000:000100010000103

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de desfazimento:

000.000:SCOPE001

001.000:DSF

015.000:103

017.000:002

022.000:0102

023.000:145459

024.000:001081

028.000:000100010000103

999.000:FIM

Exemplo de um arquivo de solicitação de estorno:

000.000:SCOPE001

001.000:CAN

004.000:000000005000

009.000:AC001

010.000:1.0

027.000:01200181000

999.000:FIM

Apêndice B – Códigos de Resposta das Redes

Os códigos de resposta abaixo são exemplos de conteúdo do campo 012 – Código de Resposta da Rede.

A AC deve sempre verificar o conteúdo deste campo no arquivo de resposta. Se ‘000’ a transação foi

aprovada. Se diferente de ‘000’ a transação foi negada.

Os códigos de resposta de transações negadas variam de rede para rede. O quadro abaixo deve ser

utilizado apenas como uma referência básica, pois não há garantias de que todas as redes seguem este

padrão.

Para saber exatamente o significado de um código, entre em contato com a rede para a qual a transação foi

enviada (Redecard, Cielo, Amex, etc).

Código

 

Resposta

Descrição

000

Aprovada, transação executada.

003

Estabelecimento comercial inválido

006

Erro no processamento

009

Transação em andamento (somente para transação de consulta de status de transação).

012

Transação inválida

013

Valor da transação inválido

014

Cartão inválido

015

Instituição não cadastrada

019

Refaça a transação

030

Erro de formato

031

Instituição não pertence à rede

038

Excedido número de tentativas do PIN

041

Cartão extraviado

043

Cartão roubado

051

Saldo insuficiente

055

Senha incorreta

057

Transação não permitida a esse cliente

060

Entrar em contato com a instituição

061

Excedido limite de saque

065

Excedido frequência de saque

076

Cartão bloqueado

077

Pendente de confirmação

078

Transação cancelada

080

Transação não existe

083

Time-out

084

Log-on (terminal não aberto)

085

Problema rede local

086

Transação desfeita

091

Instituição temporariamente fora de operação

Apêndice C – Códigos de Resposta do SCOPE

Os códigos de resposta abaixo são exemplos de conteúdo do campo 011 – Código de Resposta do

SCOPE. A maioria destes erros nunca deve ocorrer, pois são situações tratadas pelo módulo gerenciador

de arquivos, já que é este módulo que está integrado ao SCOPE Client.

Porém, alguns destes erros podem ocorrer no dia-a-dia e não necessariamente representam um problema.

Exemplos:

65280 – Indica que o servidor SCOPE não está disponível. Pode ser problema de configuração (IP)

ou falha de conexão (rede);

65281 – Instituição offline. A rede autorizadora está fora-do-ar no momento. Pode ser um problema

temporário do autorizador e o restabelecimento será automático quanto o mesmo retornar a operar.

Pode ser também uma falha no provedor X.25.

65283 – Serviço ou BIN não configurado. O SCOPE não encontrou nenhum serviço e/ou nenhuma

rede para rotear esse cartão. Por exemplo, ocorre quando se tenta pagar com um cartão de

bandeira que não está sendo contemplada por nenhuma rede com as quais o estabelecimento

possui contratos.

rede com as quais o estabelecimento possui contratos. IMPORTANTE : Como o presente documento possui uma

IMPORTANTE: Como o presente documento possui uma versão de especificação

independente da versão do SCOPE, a tabela abaixo pode estar desatualizada. A mesma

está sendo fornecida neste documento como um facilitador de entendimento, porém

recomenda-se usar a tabela presente no documento “SCOPE - Manual Desenvolvedor

como referência atualizada.

Código

 

Resposta

Significado

65024

A transação em andamento – a aplicação deve aguardar

65025

SCOPE API não foi inicializada corretamente

65026

SCOPE API já foi inicializada corretamente

65027

Existe transação suspensa

65028

Não existe transação suspensa

65029

API ainda não fez nenhuma transação após a inicialização. A aplicação está tentando obter um handle sem ter feito nenhuma transação desde última conexão com o ScopeSRV

65030

Logon duplicado

65031

Protocolo não suportado – SCOPE Client com versão de protocolo superior ao SCOPE Server

65032

POS não cadastrado

65033

Servidor não configurado no arquivo scope.ini

65034

Não há mais PDV’s disponíveis. Erro retornado quando a aplicação passa o caractere “#” como PDV para que o SCOPE Server lhe dê um número de PDV válido, mas não há mais PDV’s disponíveis

65035

Protocolo incompatível – SCOPE Client com versão de protocolo extremamente antigo (P00, P01 ou P02).

Código

 

Resposta

Significado

65036

Não pode mais desfazer uma transação que já iniciou o ciclo de finalização – situação que pode ocorrer apos queda de energia ou na inicialização da aplicação.

65037

Não há arquivo com dados da transação anterior salvo

65280

ScopeSrv off-line ou o IP configurado no arquivo scope.ini está apontando para a máquina errada

65281

Instituição off-line

65282

Transação cancelada pelo operador ou no caso de um estorno via REDECARD: estorno fora do prazo permitido, validade não confere.

65283

Serviço ou BIN não configurado

65284

Transação já foi cancelada

65285

Transação não encontrada

65286

Transação não permite cancelamento

65287

Dados informados não conferem com a transação original

65288

Erro no acesso ao banco de dados

65289

Time-out no acesso ao banco de dados

65290

Banco de dados off-line

65291

Transação abortada pelo aplicativo

65292

Transação não implementada

65293

Handle inválido (ver Obtendo handle)

65294

Taxa de serviço é inválida

65295

Taxa de serviço excede limite

65296

Dado inválido

65297

Não existe cupom válido

65298

Área reservada para o buffer é insuficiente para o SCOPE Client preencher com os dados solicitados

65299

Limite inválido – inferior ao permitido

65300

Transação desfeita

65301

Digitação não permitida

65302

Memória insuficiente

65303

Service Code” inválido

65304

Data inválida

65305

Cartão vencido

65306

Cartão inválido

65307

Desfazimento não disponível

65308

Erro na impressão do cupom

65309

Sessão em andamento – a transação solicitada deve ser única numa sessão de TEF, ou seja, não pode ser chamada se há transações na sessão de TEF atual

65310

Transação já efetuada

65311

Inserir chip do cartão

65312

Controle obrigatório

65313

Pré-autorização obrigatória

65314

Serviço não configurado

65315

Serviço não definido

65316

Número de parcelas inválidas

65317

Valor inválido

65318

Serviço ou BIN não configurado para Visanet

65319

Estado de coleta não definido

65320

Operação não permitida

65321

CNPJ/CPF inválido

65322

Primeiro bloco do código de barras está inválido

65323

Segundo bloco do código de barras está inválido

65324

Terceiro bloco do código de barras está inválido

65325

Quarto bloco do código de barras está inválido

65326

Dados adicionais AID do chip do cartão inexistente

65328

Autorizador retornou dados inválidos

65329

Conta não permitida

Interface com Automação Comercial por Troca de Arquivos Solução Completa para Pagamento Eletrônico

26

Código

 

Resposta

Significado

65330

Conta vencida

65331

Não existe resumo

65332

Código de barra inválido

65333

Erro na consistência do DAC

65334

Erro no envio da confirmação ou desfazimento da transação anterior

65335

Serviço invertido – a aplicação está tentando fazer uma transação de débito com um cartão de crédito ou vice-versa

65336

Cartão não permitido

65337

Permitido somente a coleta do CPF – consulta de cheque

65338

Erro interno na execução da coleta

65339

Lista (de produtos, de medicamentos, etc.) não está disponível.

65340

Erro de leitura do cartão

65341

Controle inválido

65342

Erro ao enviar mensagem para o servidor

65343

Interface SAB não inicializada

65344

Erro: dados ainda não disponíveis (SAB)

65345

Erro: dados indisponíveis (SAB)

65346

Servidor SAB off-line

65347

Erro de conexão entre SCOPE e SAB

65348

Erro no NSU recebido

65349

Erro no logon do PDV

65350

Erro no processamento do chip

65351

Operadora inválida

65352

Dados, da recarga de celular, não encontrados.

65353

Transação cancelada pelo cliente

65360

Transação aprovada off-line

65361

Versão do banco de dados incompatível

65362

Cancelamento fora do prazo permitido

65363

Mensagem inválida

65364

PIN-Pad não foi aberto

65365

PIN-Pad já foi aberto – a aplicação abriu o PIN-Pad antes de conectar ao ScopeSRV, mas não deveria ter-lo feito, pois no ScopeCNF está configurado com uso exclusivo do SCOPE

65366

Estado inválido – a aplicação está tentando obter os serviços disponíveis num estado de coleta inadequado

65367

PIN-Pad compartilhado não está configurado, mas a rede exige que seja compartilhado

65368

PIN-Pad compartilhado não trabalha com a versão 2000 da VISA

65369

Função de uso exclusivo na interface coleta

65370

Área insuficiente para os atributos do serviço

65371

O SCOPE está configurado para uso de PIN-Pad compartilhado, mas a aplicação informou que está com o kit Visanet para PIN-Pad

65372

O SCOPE não está configurado para uso de PIN-Pad compartilhado, mas a aplicação informou que está com PIN-Pad compartilhado

65373

Erro ao inicializar periféricos – na interface HLAPI

65374

Erro ao desmontar a estrutura ISO

65375

Bandeira não está configurada

65376

Função indisponível

65377

Valor mínimo da parcela é inválido

65378

Valor da consulta Vale Gás ainda não está disponível

65379

Número de Telefone inválido

65380

DDD inválido

65381

Erro Rede – Modelo 2

65382

Erro Rede – Modelo 3

65383

Confirmação Positiva Inconsistente

65384

Transação Offline – Permitido apenas reimpressão offline

65385

Contrato Suspenso

65386

Transação permite somente digitado

Interface com Automação Comercial por Troca de Arquivos Solução Completa para Pagamento Eletrônico

27

Código

Resposta

Significado

65387

Não Encontrado (para quando não veio menu dinâmico na carga de tabelas).

65535

Erro genérico

Apêndice D – Glossário

A

Acquirer: veja Adquirente

Adquirente: é a entidade ou associação de entidades

financeiras que a partir de transações efetuadas com

cartões nos estabelecimentos comerciais (Merchant)

associados, estabelece o devido vínculo com as

entidades autorizadoras (authorizing agent) (VISA,

MasterCard, Amex).

Aplicação frente de caixa: software executado no

PDV com a finalidade de realizar a venda de produtos

da empresa.

Aplicação de PDV: veja Aplicação frente de caixa.

Authorizing agent: veja Autorizador

Autorizador: é a organização (VISA, MasterCard,

Amex) que gerencia e controla operações com cartões

de crédito, passando informações entre o Adquirente e

o Banco emissor.

B

Banco de dados: também conhecido como base de

dados, são arquivos ou sistemas com uma estrutura

regular que organizam informações. Essas estruturas

podem ter a forma de uma tabela: cada tabela é

composta por linhas e colunas. As informações

utilizadas para um mesmo fim são agrupadas em uma

base de dados.

Bandeira: entidade detentora de marcas e logotipos

utilizados em cartões de crédito, débito e outros meios

de pagamentos. Exemplos: Visa, Mastercard, American

Express, Visa Electron, Maestro, Cheque Eletrônico.

Banco emissor: é a entidade financeira associada a

uma ou mais organizações autorizadoras e que é

responsável pela emissão de cartões para seus

clientes.

BIN (Bank Identification Number): número de

identificação do banco representado pelos primeiros 6

dígitos do cartão.

C

CHIP: também conhecido como Circuito Integrado ou

CI. Nos cartões é usado como alternativa mais segura

às tradicionais tarjas magnéticas.

E

EMV (Europay Mastercard Visa): norma estabelecida

por estas três entidades para estabelecer regras de

autenticidade e segurança em TEF através de cartões

com chip.

Endereço IP (Internet Protocol): trata-se de uma

tecnologia que permite a comunicação padronizada

entre computadores, mesmo que estes sejam de

plataformas diferentes, cada máquina possui um

endereço IP que a diferencie das demais.

Estabelecimento: ou estabelecimento comercial é a

entidade que aceita o cartão (card acceptor) como

forma de pagamento referente à comercialização de

um bem ou serviço prestado ao portador do cartão

(card holder).

F

FAPI (File Application Programming Interface):

Módulo SCOPE gerenciador da interface de

programação através de arquivos.

Fatura: documento emitido pela administradora do

cartão relacionando as compras realizadas no período

através do cartão de crédito.

G

Grupo de serviço: um serviço no SCOPE pertence

sempre a um grupo, que pode definir a forma de

pagamento, ou ainda, a tecla finalizadora do PDV.

Exemplos: cartão de crédito, cartão de débito, consulta

de cheque, recarga de celular, estorno. Ver Serviço.

GUI: do inglês ‘Graphic User Interface’ que é a

interface gráfica exibida para o usuário da aplicação.

I

Issuer: Veja Banco emissor.

M

Módulo residente: São aplicativos para DOS que

rodam e permanecem em memória volátil. É uma forma

de diminuir o programa executável para que a memória

convencional não ficasse carregada.

P

PDV: acrônimo para ‘Ponto de Venda’. Terminal

inteligente utilizado na operação de pagamento. Veja

também PoS.

PIN (Personal Identification Number): número de

identificação pessoal, senha do cartão digitada em

PINPad.

PINPad: equipamento utilizado para ler um cartão, via

tarja magnética ou chip. Possui um pequeno teclado

numérico para permitir a coleta da senha.

PoS: termo em inglês ‘Point of Sale’. Veja também

PDV.

Private Label: bandeira emitida por um

estabelecimento comercial, também conhecida como

Bandeira do Lojista.

R

Rede autorizadora: empresa que concentra o

recebimento de transações TEF de diversos

estabelecimentos, e as autoriza através de um sistema

autorizador. Exemplos: Visanet, Redecard, TecBan.

S

SCOPE: O SCOPE é a solução Itautec para

pagamentos eletrônicos

ScopeADM (SCOPE Administrador): é o módulo

responsável por realizar consultas operacionais e

gerenciais das transações realizadas além de permitir a

geração de relatórios.

ScopeCNF (SCOPE Configurador): é o módulo

responsável pela configuração e cadastramento de

parâmetros para a solução SCOPE.

SCOPE Client: conjunto de bibliotecas localizadas na

máquina em que a aplicação de frente de loja. O

conjunto de bibliotecas pode variar conforme o sistema

operacional e a linguagem de programação utilizada.

ScopeGW (SCOPE Gateway): funciona como um

roteador de mensagens entre um ou mais servidores

SCOPE e uma ou diversas redes.

ScopeSRV (SCOPE Server): é o módulo principal da

solução SCOPE. É responsável por estabelecer o

contato inicial de todos os contratos cadastrados na

base de dados com as respectivas redes, garantindo

também o fluxo de transações com estas redes

Serviço: o termo serviço no contexto do SCOPE define

o objetivo de uma transação. Exemplos: compra com

cartão de crédito à vista, compra com cartão de crédito

parcelada pelo estabelecimento (sem juros), compra

com cartão de crédito parcelada de administradora

(com juros), compra com cartão de débito à vista,

compra com cartão de débito pré-datado, compra com

cartão de débito voucher, consulta cheque, estorno

crédito, estorno débito.

Servidor: é o computador que administra e fornece

programas e informações para os outros computadores

conectados em rede.

T

TEF (Transferência Eletrônica de Fundos): termo

utilizado para se referir a uma transação de

transferência de fundos, como ocorre em uma compra

com cartão de crédito ou débito.

TSR: abreviação do termo em inglês ‘Terminate and

Stay Resident’. Veja Módulo residente.

2011

Esse documento é propriedade da Itautec S.A. – Grupo Itautec.

Tem caráter técnico/informativo. Todos os direitos são reservados.

Não pode, no todo ou em parte, ser copiado, fotocopiado, reproduzido, traduzido ou reduzido a qualquer meio eletrônico

ou forma legível por máquina, sem a autorização escrita da I t a u t e c S . A . - G r u p o

I t a u t e c .

Esta se reserva, por outro lado, o direito de alterar seu conteúdo e forma, sem qualquer aviso prévio.

Produzido no Brasil.