Você está na página 1de 4

Língua Portuguesa

elaborado por professores do Curso Apostilas Opção

01. Na frase: “Gosta-se muito de sorvete “, o sujeito é:


a) inexistente
b) indeterminado
c) composto
d) simples
e) oculto

02. Assinale a frase em que o sujeito é inexistente:


a) Faz dois meses que não saímos.
b) As crianças fazem os doces.
c) Os garotos e o pipoqueiro subiam a rua.
d) Dorme-se logo.
e) Ganhei o prêmio.

03. Assinale a frase em que o sujeito é composto:


a) Contribuíram para sua formação.
b) Trouxeram os livros pela manhã.
c) Optaram pelo sorteio.
d) Aparece logo depois.
e) João e Maria são primos.

04. Em: “Nem nos preocupamos com você”, o sujeito é:


a) indeterminado
b) inexistente
c) simples
d) composto
e) você

05. “Existem crianças castigadas.”


“Há crianças castigadas.”
Determine o sujeito das frases acima:
a) são ambos inexistentes
b) são ambos simples
c) o primeiro é simples; o segundo, inexistente
d) o primeiro é indeterminado; o segundo, inexistente
e) n.d.a.

06. Assinale a oração sem sujeito:


a) Já não há essa precisão de termos.
b) Figura o anúncio no jornal.
c) Essa besta é muito mansa.
d) Repousas suavemente no pequeno cemitério.
e) Não conheço o lugar.

07. Assinale a oração sem sujeito:


a) Possuía um país secreto.
b) Mas havia os sábados.
d) Todos gostavam dele.
d) A cozinheira vivia entre dois fogos.
e) A criança dorme.

08. Assinale a alternativa em que o predicado é verbo-nominal e o sujeito, indeterminado:


a) Pedi-lhe silêncio.
b) O exame foi fácil.
c) Deixe seu coração quieto.
d) Viram seu irmão triste.
e) Ele estuda muito.

09. Assinale a frase em que o predicado é verbo-nominal e o verbo, intransitivo:


a) Saíram alegres.
b) Dediquei-lhe muito carinho.
c) Considerei a criança abatida.
d) Assistimos ao filme.
e) Respeite os mais velhos.

10. Assinale a alternativa que contém predicado nominal:


a) Gostava de tocar flautim.
b) Ele explicou a farsa.
c) Não tencionava vender o flautim.
d) O apartamento era pequeno.
e) Comprei um carro novo.

11. Assinale a alternativa em que o predicado é verbal:


a) Os soldados continuavam aflitos.
b) As autoridades visavam os documentos.
c) Os civis caminhavam dispostos.
d) Julgaram os professores competentes.
e) O animal permanece imóvel.

12. Na oração: “Não esperei muito”, a palavra muito é:


a) adjunto adverbial de intensidade
b) adjunto adnominal
c) objeto direto
d) complemento nominal
e) sujeito

13. Na oração: “Forte se tornava seu corpo”, seu corpo é:


a) sujeito
b) objeto direto
c) adjunto adnominal
d) predicativo do sujeito
e) vocativo

14. Em: “Marilene é apenas uma brasileirinha valente”, brasileirinha é:


a) sujeito
b) objeto direto
c) adjunto adnominal
d) predicativo do sujeito
e) aposto

15. Em: “Você está sendo homenageada pelos seus co-legas, criatura de Deus”, a expressão criatura
de Deus é:
a) aposto
b) vocativo
c) sujeito
d) adjunto adverbial
e) adjunto adnominal

16. Em: “... já tendo feito a recomendação cabível às pessoas mais íntimas”, a função sintática da
expressão sublinhada é:
a) objeto indireto
b) complemento nominal
c) adjunto adnominal
d) adjunto adverbial
e) sujeito

17. Na oração: “Um dia eu o deixei”, a palavra o é:


a) predicativo do sujeito
b) predicativo do objeto
c) objeto indireto
d) objeto direto
e) sujeito

18. Em: “O rapaz tem força para recuperar-se’” a palavra se é:


a) sujeito
b) objeto direto
c) objeto indireto
d) adjunto adverbial
e) predicativo

19. Em: “Cada um sabe de que são feitos seus sofrimentos”, sofrimentos é:
a) sujeito
b) complemento nominal
c) adjunto adverbial
d) objeto direto
e) objeto indireto

20. Em: “Mas havia os sábados”, o termo sublinhado é:


a) sujeito
b) predicativo do sujeito
c) adjunto adverbial de tempo
d) objeto direto
e) vocativo

21. “Seguia-me o menino, curioso, que perguntou quando nos aproximamos do fosso”.
A oração: “que perguntou” é:
a) subordinada substantiva objetiva direta;
b) subordinada substantiva objetiva. indireta;
c) subordinada substantiva subjetiva;
d) subordinada adjetiva;
e) principal

22. A oração: “Seguia-me o menino, curioso” é:


a) subordinada adverbial temporal;
b) subordinada adverbial condicional;
c) subordinada adverbial causal;
d) subordinada adverbial proporcional;
e) principal.

23. “Fico pensando que há outras Marilenes por aí”.


A segunda oração é:
a) subordinada adverbial consecutiva;
b) subordinada adverbial comparativa;
c) subordinada substantiva subjetiva;
d) subordinada substantiva objetiva direta;
e) principal.

24. Em: “Marilene mostrou quanto podia”, a primeira oração é:


a) substantiva objetiva direta;
b) adjetiva restritiva;
c) adverbial comparativa;
d) adverbial proporcional;
e) principal.

25. Em: “Ela não fez nada por se mostrar”, a segunda oração é reduzida de infinitivo:
a) completiva nominal;
b) objetiva indireta;
c) causal;
d) final;
e) principal.

26. Em: “Um cidadão em Santa Teresa possuía um país secreto que lhe consumia os melhores
minutos da existência”, a segunda oração é:
a) subordinada adjetiva;
b) subordinada substantiva;
c) subordinada adverbial;
d) coordenada sindética;
e) principal.

GABARITO
01-B 02-A 03-E 04-C 05-C 06-A 07-B 08-D 09-A 10-D 11-B 12-A 13-A 14-D 15-B 16-C 17-D 18-B 19-A 20-D
21-D 22-E 23-D 24-E 25-D 26-A