Você está na página 1de 7

RESOLUÇÃO CFC Nº 938/02

Aprova a NBC T 13 – IT – 01 Termo de


Diligência.

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no


exercício de suas atribuições legais e regimentais;

CONSIDERANDO que os Princípios Fundamentais de


Contabilidade, estabelecidos mediante as Resoluções CFC nº 750/93, nº 774/94 e nº
900/01, bem como as Normas Brasileiras de Contabilidade e suas Interpretações Técnicas
constituem corpo de doutrina contábil que estabelece regras de procedimentos técnicos a
serem observadas por ocasião da realização de trabalhos;

CONSIDERANDO que a constante evolução e a crescente


importância da perícia exigem atualização e aprimoramento das normas endereçadas à
sua regência para manter permanente justaposição e ajustamento entre o trabalho a ser
realizado e o modo ou processo dessa realização;

CONSIDERANDO que a forma adotada para fazer uso de


trabalhos de instituições com as quais o Conselho Federal de Contabilidade mantém
relações regulares e oficiais está de acordo com as diretrizes constantes dessas relações;

CONSIDERANDO que o Grupo de Estudo sobre Perícia Contábil


e o Grupo de Trabalho instituídos pelo Conselho Federal de Contabilidade em conjunto
com o Ibracon – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, atendendo o disposto
no artigo 3º da Resolução CFC nº 751, de 29 de dezembro de 1993, elaborou a
Interpretação Técnica em epígrafe para explicitar o item 13.3.4 da NBC T 13 – Da
Perícia Contábil, aprovada pela Resolução CFC nº 858, de 21 de outubro de 1999;

CONSIDERANDO que por tratar-se de atribuição que, para


adequado desempenho, deve ser empreendida pelo Conselho Federal de Contabilidade
em regime de franca, real e aberta cooperação com o Banco Central do Brasil, a
Comissão de Valores Mobiliários, o Instituto de Auditores Independentes do Brasil –
Ibracon, o Instituto Nacional de Seguro Social, o Ministério da Educação, a Secretaria
Federal de Controle, a Secretaria da Receita Federal, a Secretaria do Tesouro Nacional e
a Superintendência de Seguros Privados;

CONSIDERANDO a decisão da Câmara Técnica no Relatório nº


28, de 23 de maio de 2002, aprovada pelo Plenário deste Conselho Federal de
Contabilidade, em 24 de maio de 2002,

RESOLVE:

Art. 1º Aprovar a Interpretação Técnica NBC T 13 – IT – 01 – Termo de Diligência.

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor a partir da data de sua publicação.

Brasília, 24 de maio de 2002.

Contador ALCEDINO GOMES BARBOSA


Presidente

2
NORMAS BRASILEIRAS DE CONTABILIDADE

INTERPRETAÇÃO TÉCNICA NBC T 13 – IT – 01

TERMO DE DILIGÊNCIA

Esta Interpretação Técnica (IT) visa a explicitar e estabelecer um modelo


do Termo de Diligência, cuja adoção e utilização estão previstas no item 13.3.4 da NBC
T 13 – Da Perícia Contábil, a seguir transcrito:

“13.3.4. Nas diligências, o perito-contador e o perito-contador assistente devem


relacionar os livros, os documentos e os dados de que necessitem, solicitando-os, por
escrito, em termo de diligência.”

DEFINIÇÃO E APLICABILIDADE

1. Termo de diligência é o instrumento mediante o qual o perito solicita os elementos


necessários à elaboração do seu trabalho.

2. O perito-contador e o perito-contador assistente devem, no momento que entenderem


oportuno, nas diligências periciais, solicitar os elementos de que necessitem para o
desenvolvimento do seu trabalho, por meio do termo de diligência, previamente
elaborado.

3. O termo de diligência pode ser apresentado diretamente à parte ou ao diligenciado,


por qualquer meio pelo qual se possa documentar a sua entrega. O diligenciado é
qualquer pessoa ou entidade que possua os elementos e informações necessárias para
subsidiar o laudo pericial contábil e o parecer pericial contábil.

ESTRUTURA

4. O termo de diligência deve conter os seguintes elementos:

a) identificação do diligenciado;

b) identificação das partes ou interessados, e, em se tratando de perícia


judicial ou arbitral, o número do processo, o tipo e o Juízo em que tramita.

3
c) identificação do perito-contador ou perito-contador assistente, com
indicação do número do registro profissional no Conselho Regional de
Contabilidade;

d) indicação de estar sendo elaborado nos termos da NBC T 13 – Da Perícia


Contábil e da legislação específica;

e) indicação detalhada dos livros, documentos e demais dados a serem


periciados, consignando as datas e/ou períodos abrangidos, podendo identificar
quesito a que se refere;

f) indicação do prazo e local para a exibição dos livros, documentos e


dados necessários à elaboração da perícia, devendo o prazo ser compatível com
aquele concedido pelo juízo, ou ser convencionado pelas partes, considerada a
quantidade de documentos, as informações necessárias, a estrutura organizacional
do diligenciado e o local de guarda dos documentos;

g) após atendidos os requisitos da letra e, quando o exame dos livros,


documentos e dados tiver de ser realizado junto à parte que os detém, indicação
das data e hora para sua efetivação; e

h) local, data e assinatura.

MODELOS DE TERMO DE DILIGÊNCIA

5. Atendidas as disposições da NBC T 13 – Da Perícia Contábil, e desta Interpretação


Técnica, o perito elaborará o termo de diligência, podendo adotar os modelos
sugeridos a seguir.

4
Modelo 1: na Perícia Judicial

TERMO DE DILIGÊNCIA

IDENTIFICAÇÃO DO DILIGENCIADO

REF.: PROCESSO Nº
VARA:
PARTES:
PERITO-CONTADOR: (categoria e nº do registro)
PERITO-CONTADOR ASSISTENTE: (categoria e nº do registro)

Na qualidade de perito-contador nomeado pelo MM. Juízo em referência


e/ou perito-contador assistente indicado pelas partes, nos termos do artigo 429 do Código
de Processo Civil e das Normas Brasileiras de Contabilidade – NBC T 13 – Da Perícia
Contábil – itens 13.3.4, 13.3.5 e 13.3.6, solicita-se que sejam fornecidos ou postos à
disposição, para análise, os documentos a seguir indicados:

1.
2.
3.
4.
5.
6.
etc.

Para que se possa cumprir o prazo estabelecido para elaboração e entrega


do laudo pericial contábil ou parecer pericial contábil, é necessário que os documentos
solicitados sejam fornecidos ou postos à disposição da perícia até o dia __-__-__, às __h,
no endereço ........(do perito-contador e/ou perito-contador assistente, e/ou parte).
Solicita-se que seja comunicado quando os documentos tiverem sido remetidos ou
estiverem à disposição para análise.

Em caso de dúvida, solicita-se esclarecê-la diretamente com o perito.

Local e data
Assinatura
Nome do Perito-Contador ou Perito-Contador Assistente
Contador – Nº de registro no CRC

5
Modelo 2: na Perícia Extrajudicial

TERMO DE DILIGÊNCIA

ENDEREÇAMENTO DO DILIGENCIADO

EXTRAJUDICIAL
PARTE CONTRATANTE:
PERITO-CONTADOR: (categoria e nº do registro)
PERITO-CONTADOR ASSISTENTE: (categoria e nº do registro)

Na qualidade de perito-contador e/ou perito-contador assistente


escolhidos pelas partes, em consonância com as Normas Brasileiras de Contabilidade –
NBC T 13 – Da Perícia Contábil – itens 13.3.4, 13.3.5 e 13.3.6, nos termos contratuais,
solicita-se que sejam fornecidos ou postos à disposição, para análise, os documentos a
seguir indicados:

1.
2.
3.
4.
5.
6.
etc.

Para que se possa cumprir o prazo estabelecido para elaboração e entrega


do laudo pericial contábil ou parecer pericial contábil, é necessário que os documentos
solicitados sejam fornecidos ou postos à disposição da perícia até o dia __-__-__, às __h,
no endereço ........(do perito-contador e/ou perito-contador assistente, e/ou parte).
Solicita-se que seja comunicado quando os documentos tiverem sido remetidos ou
estiverem à disposição para análise.

Em caso de dúvida, solicita-se esclarecê-la diretamente com o perito.

Local e data
Assinatura
Nome do Perito-Contador ou Perito-Contador Assistente
Contador – Nº de registro no CRC

6
Modelo 3: na Perícia Arbitral

TERMO DE DILIGÊNCIA

ENDEREÇAMENTO DO DILIGENCIADO

ARBITRAL
CÂMARA ARBITRAL:
ÁRBITRO:
JUIZ ARBITRAL:
PARTES:
PERITO-CONTADOR: (categoria e nº do registro)

Na qualidade de perito-contador escolhido pelo árbitro e/ou perito-


contador assistente indicado pelas partes, nos termos da Lei nº 9.307/96, ou do
regulamento da Câmara de Mediação e Arbitragem, ....... e ainda em consonância com as
Normas Brasileiras de Contabilidade – NBC T 13 – Da Perícia Contábil – itens 13.3.4,
13.3.5 e 13.3.6, solicita-se que sejam fornecidos ou postos à disposição, para análise, os
documentos a seguir indicados:
1.
2.
3.
4.
5.
6.
etc.
Para que se possa cumprir o prazo estabelecido para elaboração e entrega
do laudo pericial contábil ou parecer pericial contábil, é necessário que os documentos
solicitados sejam fornecidos ou postos à disposição da perícia até o dia __-__-__, às __h,
no endereço ........(do perito-contador e/ou perito-contador assistente, e/ou parte).
Solicita-se que seja comunicado quando os documentos tiverem sido remetidos ou
estiverem à disposição para análise.
Em caso de dúvida, solicita-se esclarecê-la diretamente nos endereços,
horários e telefones indicados.

Local e data
Assinatura
Nome do Perito-Contador ou Perito-Contador Assistente
Contador – Nº de registro no CRC

Interesses relacionados