ESTATUTO DO PARTIDO PACIFISTA BRASILEIRO.

Capítulo I. Do Partido, Princípios e Normas Básicas. Seção I. Da Duração, Sede
e Fórum. Art. ! " Partido Paci#ista Brasileiro $PPB% & uma associação
'rasileira li(re e (oluntária de seres )umanos *ue se prop+em a se re#ormarem e
serem instrumentos em cola'oração para o camin)o do 'em e do amor
incondicional, promo(endo re#ormas, mudanças e trans#ormaç+es em si mesmo
e e,emplo para os demais seres )umanos e para sociedade, cola'orando assim
para o processo e(oluti(o da )umanidade, adotando a PA- como principio
uni(ersal #undamental e pilar inicial para a no(a era de lu., amor e )armonia,
'aseada nas aç+es, nos ensinamentos e nas pre(is+es de /esus. Art. 0! " PPB
pessoa 1urídica de direito pri(ado, sem #ins lucrati(os, com sua sede e #oro em
Brasília 2 Capital Federal, e,ceto para as *uest+es administrati(as e #inanceiras,
*ue serão de responsa'ilidade da su'sede na capital do estado de Pernam'uco,
com a si3la PPB, de duração indeterminada, & re3ido pela Constituição Federal,
pela le3islação aplicá(el e por este 4statuto e pelo seu Pro3rama, estes
apro(ados em Con(enção Nacional $CN%5 6 ! " PPB tam'&m & re3ido pelas
diretri.es esta'elecidas pelos ór3ãos de sua direção nacional, na #orma da
le3islação (i3ente e do presente 4statuto5 6 0! " PPB tem a'ran37ncia e atuação
nacional, e representação re3ional, municipal e .onal, desde *ue nele
constituído5 6 8! " PPB & representado, ati(a e passi(amente, 1udicialmente e de
*ual*uer outra #orma, pelos presidentes das suas Comiss+es 4,ecuti(as $C49s% e
Comiss+es Diretoras Pro(isórias $CDP9s%, considerados os respecti(os :m'itos
de atuação, sendo permitida dele3ação de compet7ncia por meio de decisão
#undamentada5 6 ;< As cores do partido serão o a.ul e o 'ranco e as demais
características serão deli'eradas nas pró,imas Con(enç+es Nacionais $CN9s%5 6
=< " ór3ão o#icial de comunicação e pu'licação de noticias, editais e atos & o
seu /ornal In#ormati(o "#icial do Partido $/I"P%, editado mensalmente5 6 ><"s
mem'ros de suas direç+es não respondem su'sidiariamente pelas o'ri3aç+es
contraídas em nome do Partido. Seção II 2 Dos Princípios. Art. 8! São princípios
pro3ramáticos? I 2 A 'usca intermitente da cultura da PA- e da não (iol7ncia, o
#im das 3uerras, a luta contra a (iol7ncia, as desi3ualdades, os a'usos e os
en3anos, e o tra'al)o incansá(el na construção de um no(o mundo de Pa., @u. e
Aarmonia 2 Amor #raterno uni(ersal5 II 2 A #ormação da consci7ncia de *ue o
Amor, *ue & a ener3ia 'ásica deste uni(erso, sendo a ess7ncia pura do Criador 2
su'stituirá o con#lito e a tirania, pela pa. e a cooperação, e,tin3uindo a co'iça, a
corrupção e a (iol7ncia. 4sta ener3ia & a *ue comp+em as almas e & a c)a(e para
a'rir coraç+es e iluminar mentes5 III 2 A promoção de aç+es *ue le(em a
)umanidade a #ormar e empreender a cultura de respeito ao meio am'iente, ao
e*uilí'rio da nature.a, a conser(ação e ampliação do )a'itat dos animais, a
saBde dos oceanos com o #lorescer da (ida marin)a5 IC 2 " desen(ol(imento da
criação e a ampliação da consci7ncia, da import:ncia e da 3ratidão D nature.a, a
3eração de no(as t&cnicas e m&todos naturais *ue aumentem o culti(o a3rícola
para a alimentação, a utili.ação de #ontes de ener3ia reno(á(eis, de no(as
modalidades de transporte, de no(os tipos de materiais de construção, 'em como
para a e,pansão da medicina natural5 C 2 A procura permanente da ampliação da
)umildade5 CI 2 " respeito D coisa 1ul3ada, a )ierar*uia e as instancias
partidárias5 CII 2 A con(icção de *ue o pensamento e as necessidades coleti(as
so'rep+em Ds indi(iduais5 CIIl 2 A descentrali.ação *ue dá li'erdade a 'ase e
situação re3ular de e,ercer seu poder decisório5 IE 2 " entendimento de *ue a
política & a arte de ser(ir e não a de se ser(ir5 E 2 A não discriminação e o
tratamento i3ualitário a todos, independente de credo reli3ioso, raça, se,o, cor,
idade, taman)o, pre#er7ncias se,uais, poder econFmico, classes sociais, ou
*ual*uer di#erença. Art. ;! São normas 'ásicas? I 2 Permanente re(er7ncia a
Deus, cu1a proteção e orientação de(erão ser in(ocadas na a'ertura e no
encerramento de todas as ati(idades partidárias5 II 2 A participação e#eti(a dos
#iliados em situação re3ular nas deli'eraç+es e apreciação de suas su3est+es5 III
2 " comprometimento com as deli'eraç+es, Ds decis+es, D disciplina e D
#idelidade partidárias5 IC 2 " compromisso, o respeito e a di(ul3ação da
doutrina, do pro3rama e do estatuto partidários5 C 2 A #ormação política em
permanente aper#eiçoamento e atuali.ação, o re3ular contato e o direito D (o. de
todos os seus componentes5 CI 2 " incenti(o D auto2or3ani.ação da sociedade e
o respeito por sua independ7ncia e por toda #orma de (ida5 CII 2 A eleição li(re e
periódica de seu *uadro de diri3entes em todos os ní(eis, sendo os mandatos de
dois anos e permitida uma Bnica reeleição consecuti(a ao mesmo car3o5 CIII 2 A
capacitação pr&(ia dos candidatos a *ual*uer car3o interno ou e,terno5 IE 2 A
prática e transpar7ncia na di(ul3ação das contas e dos atos5 E 2 A ampla de#esa
e,ercida no Consel)o de Gtica $CGH% de mesma inst:ncia da penalidade, e em
caso de recurso no imediatamente superior, limitado ao nacional5 EI 2 "
#inanciamento das aç+es partidárias asse3urado pelas contri'uiç+es dos #iliados,
dos 'ene#iciários diretos da ação, dos mandatários e dos ocupantes de car3os de
con#iança remunerados e, *uando das campan)as eleitorais, pelos candidatos,
al&m das parcelas rece'idas do Fundo Partidário e outros mecanismos de
#inanciamento pB'lico, nos termos da @ei5 EII 2 " desempen)o dos mandatos e
das aç+es políticas de #orma paritária entre o mandatário e o partido5 EIII 2 A
de#esa do Bem Comum, do interesse Coleti(o e da Gtica5 EIC 2 Proi'ição de
(oto secreto e (edação de (oto por procuração no PPB. Capítulo II 2 Da Filiação
Partidária. Seção I 2 Da Filiação. Art. =! Poderá solicitar #iliação a*ueles *ue de
li(re e espont:nea (ontade *ueiram e aceitem a #iloso#ia e a pratica das aç+es
e,istentes no nosso estatuto e no nosso pro3rama, e cu1a solicitação não se1a
impu3nada? 6 ! G #ormali.ada perante a Comissão 4,ecuti(a $C4% ou Comissão
Diretora Pro(isória $CDP% Iunicipal do seu domicílio eleitoral5 6 0!
Ine,istindo2a, 1unto D C4 ou a CDP de ní(el imediatamente superior, asse3urada
esta tam'&m nos casos de resist7ncia desmoti(ada5 6 8! " #ato & dado
pu'licidade a#i,ando2se nota em local de ampla circulação na respecti(a sede,
por pra.o de 8 dias para pedido de impu3nação, apreciando2se o em pra.o i3ual,
com direito de de#esa no mesmo pra.o perante o CGH, *ue deli'era no mesmo
pra.o, podendo decisão ser recorrida em 8 dias, apenas em Bnica (e. para o CGH
imediatamente superior, o *ual em > dias dará a decisão #inal, irrecorrí(el5 6 ;!
De#erida D #iliação, a Comissão *ue a ti(er pronunciado in#orma a /ustiça
eleitoral e, se #or o caso, o partido anterior, nos pra.os da lei5 6 =! A assinatura
das Declaraç+es Coleti(as de Apoio, *uando da or3ani.ação das CDP9s,
e*ui(ale a um pedido de #iliação. Seção II 2 Dos Direitos e De(eres dos Filiados.
Art. >! São direitos dos #iliados em situação re3ular? I 2 Cotar e ser (otado para
car3os de direção interna, mandatos eleti(os ou car3os de con#iança, sempre
com capacitação necessária5 II 2 Assistir ou participar das reuni+es a'ertas e
utili.ar2se dos ser(iços partidários disponí(eis5 III 2 Ser in#ormado dos atos e
contas, posiç+es e (otos das 'ancadas e dos pro1etos e aç+es de car3os do
e,ecuti(o5 IC 2 Participar dos cursos de #ormação política5 C 2 Jecorrer de penas
diante dos CGH9s5 CI 2 Des#iliar2se perante o ór3ão do *ual se #iliou. Art. K! São
de(eres dos #iliados? I 2 Su'ordinar2se ao 4statuto, ao Pro3rama, Ds deli'eraç+es
e diretri.es partidárias, e aos dispositi(os le3ais5 II 2 Acatar as deli'eraç+es das
Con(enç+es, participarem das campan)as de#endendo as plata#ormas e apoiando
os Candidatos do Partido5 III 2 4#etuar, con#orme normas de#inidas pela C4N, a
contri'uição #inanceira o'ri3atória esta'elecida pela mesma inst:ncia, destinada
a asse3urar a auto2su#ici7ncia partidária de #orma )onesta e di3na sem
necessidade de su'missão ou de #a(ores, e limitada a no má,imo L da renda
pessoal do #iliado, e a =L da renda do mandatário eleito ou ocupante de car3o de
direção, assessoria e de con#iança, ressal(adas as isenç+es e,pressas decididas
pelas Comiss+es correspondentes e o'1eto de re3istro indel&(el5 IC 2 Considerar
*ue os mandatos eleti(os são con*uistados em parceria i3ualitária pelo
mandatário e pelo PPB5 C 2 Aceitar os car3os e tare#as partidários *ue não
esti(er impedido de assumir5 CI 2 Participar dos e(entos a'ertos do Partido5 CII
2 Comunicar, por escrito, o seu e(entual desli3amento do PPB. Seção III 2 Das
Penalidades. Art. M! "s #iliados ao PPB estão su1eitos a penalidades? 6 ! As
de#inidas pelo Códi3o de Gtica do PPB para cada in#ração, escalonam2se da
ad(ert7ncia (er'al D e,pulsão5 6 0! As penas são impostas pela respecti(a C4 ou
CDP da ocorr7ncia5 6 8! Ca'e ao apenado recorrer ao CGH de mesmo ní(el *ue
o penali.ou, *ue tem pra.o de = dias, com direito as suas ra.+es e de#esas5 6 ;!
Ca'e recurso #inal ao CGH respecti(amente superior, *ue deli'era em ;= dias,
asse3urado ar3umentação complementar por escrito5 6 =! "s recursos não t7m
e#eito suspensi(o e limitam2se Ds decis+es do Consel)o Nacional de Gtica
$CNGH%5 6 >! " Códi3o de Gtica do PPB será ela'orado e colocado em (i3or
pelo CNGH ad re#erendum da CN, 'em como possí(eis atuali.aç+es e
alteraç+es5 6 K! Após o 1ul3amento de caráter #inal, & admitido o acionamento da
/ustiça Comum ou 4leitoral, e este desrespeito & ra.ão de e,pulsão sumária5 6 M!
Casos omissos são decididos pela C4N, ca'endo recurso no CNGH. Capitulo III
N Da Fase Pro(isória de "r3ani.ação ou Jeor3ani.ação. Seção I N Das CDIP e
das CDJP. Art. O! A #ase pro(isória de or3ani.ação ou reor3ani.ação &
representado por CDP9s desi3nadas pela C4 ou CDP respecti(amente superior?
6 ! Inicia2se com a Declaração Coleti(a de Apoio ao 4statuto e ao Pro3rama
pelos postulantes *ue se aceita #orma uma CDP com pu'licação no pró,imo N!
do /I"P5 6 0! A CDJP & composta de Presidente, Cice Presidente, Secretário
Peral, Hesoureiro e @i'ero, com mandato de ano, e a CDIP de Presidente,
Secretário e Hesoureiro, com mandato de > meses, podendo e,istir para am'as
uma Bnica reno(ação5 6 8! Necessário endereço, tele#one, #a, e e2mail da
comissão e mem'ros. Seção II N Condiç+es Q. Con(enção Iunicipal. Art. R!
Filiado um mínimo de 0 eleitores e estar com suas o'ri3aç+es em dia. Art. !
@ançar edital e con(ocar a Q. Con(enção com pu'licação no pró,imo N! do
/I"P, com inscriç+es de c)apas completas at& ;M )oras antes da Q con(ocação,
na Secretaria Peral, permitido concorrer2se no mesmo car3o em mais de uma
lista. Seção III N Da Fase Pro(isória. Art. 0! As CDP9s participam das
Con(enç+es da inst:ncia imediatamente superior 2 Con(enç+es Je3ionais $CJ
9s% ou CN, com direito a (oto, pre#erencialmente por seu presidente5 6 Snico
Na #ase pro(isória, as compet7ncias da C4, da Con(enção, dos Consel)os e dos
Dele3ados, são incum'idas D CDP. Art. 8! A CDP pode ser destituída a
*ual*uer tempo por ato da comissão *ue a constituiu. Capítulo IC N Dos Tr3ãos
de Direção. Art. ;! São ór3ãos de direção? I 2 As Con(enç+es5 e II 2 As C49s.
Seção I N Das Con(enç+es. Art. =! As Con(enç+es podem ser? I 2 Iunicipais,
de UParticipação DiretaV5 II 2 Je3ionais5 e III 2 Nacional. Art. >! Con(ocadas
pelos presidentes das respecti(as C49s ou CDP9s com periodicidade, no mínimo,
semestral? 6 ! Na omissão do presidente, podem ser con(ocadas pela maioria
dos demais mem'ros da C4 ou CDP, pelo presidente do CGH correspondente,
pela maioria dos dele3ados em e,ercício de mandato, ou por um terço dos
#iliados para uma Iunicipal, nessa ordem. Hudo re3istrado em AHA5 6 0! Com
anteced7ncia mínima de K dias corridos, o'ri3atória & a pu'licação edital na
edição anterior do /I"P. Art. K! Jeali.adas em local de #ácil acesso, na sua
circunscrição, e o'ser(arão, em Q con(ocação, o *uorum mínimo e*ui(alente
ao nBmero de car3os *ue ele3em nos anos ímpares? mem'ros da C4, do CGH e
do Consel)o Fiscal $CF% e Dele3ados 1unto Ds CJ9s ou CN9s, não )a(erá
*uorum mínimo para a 0Q con(ocação *ue tem lu3ar 8R minutos após a Q? 6
Snico Hoda documentação & de responsa'ilidade do presidente da mesma, com
3uarda por pra.o não in#erior a 0 meses. Art. M! Compete Ds Con(enç+es? 6 !
Comum a todos os ní(eis5 I 2 A deli'eração so're os assuntos da pauta pre(istos
pelo edital de con(ocação, ca'endo a cada respecti(o ní(el, particularmente? a%
Analisar os pro3ramas e as contas, relatórios e pareceres, da C4 e dos
Consel)os5 '% Deli'erar a respeito da dissolução da C4 e dos Consel)os *ue
ti(er ele3ido5 c% Deli'erar so're os pro3ramas 3ratuitos de rádio e tele(isão
con#orme lei eleitoral5 d% De#inir ou re#erendar as posiç+es do seu ní(el em
mat&rias rele(antes e no *ue se re#erir á alianças, coli3aç+es, pro3ramas e
apoios, o'ser(adas as e,i37ncias estatutárias de ple'iscito5 e% Fiscali.ar os atos
de 3estão da C4 e dos Consel)os5 #% Deli'erar so're os assuntos da pauta de
con(ocação, relacionados no 4dital5 3% 4scol)er candidatos para concorrer a
mandatos eleti(os no poder e,ecuti(o e le3islati(o. 6 0! 4speci#icas de cada
ní(el? I 2 As Iunicipais são de participação de todos os #iliados da
circunscrição, com direito a (o. e (oto a*ueles re3ularmente em dia5 a% 4le3er a
C4, o CF, o CGH, at& ; dele3ados e 0 suplentes D CJ, para mandatos má,imos
de 0 anos, e,tin3uindo2se em 8 de março dos anos ímpares5 '% Iunicípios com
mais de -onal, podem reali.ar con(enç+es .onais, se3uindo os mesmos
par:metros da Con(enção Iunicipal, não ele3endo dele3ados eWou suplentes,
sendo seu Presidente Iem'ro Nato da C4I. II 2 As re3ionais5 a% 4le3er a C4, o
CF, o CGH, at& ; dele3ados e dois suplentes D CN, para mandatos má,imos de 0
anos, e,tin3uindo2se em 8R de a'ril dos anos ímpares. III 2 As nacionais5 a%
4le3er a C4N, o CFN, o CNGH, para mandatos má,imos de 0 anos,
e,tin3uindo2se em 8 de maio dos anos ímpares5 '% Deli'erar so're re#ormas do
4statuto e do Pro3rama, re#erendar o Códi3o de Gtica e o Je3imento Interno do
CFN, e os atos da C4N *ue de(am ser su'metidos D sua a(aliação por
determinação do presente 4statuto5 c% Decidir so're o patrimFnio do PPB5 d%
Fusão, incorporação ou dissolução do PPB. Art. O! Ple'iscito em mat&rias
eleitorais e de rele(ante interesse, respondendo apenas sim ou não? 6 !
Facultado a todos os Iunicípios a'ran3idos pela decisão5 6 0! A C4 reali.adora
de(e decidir so're seus dados5 6 8! Com 0; )oras do t&rmino a Ata & remetida D
inst:ncia coordenadora, para apuração e ta'ulação, e seu resultado di(ul3ado em
K dias para temas re3ionais e ; nacionais5 6 ;! Contestaç+es diri3idas aos CGH
9s do ní(el respecti(o, *ue dará caráter de ur37ncia5 6 =! A ta'ulação le(a em
conta o N!. de eleitores da cada unidade participante5 6 >! Jesultados são
le(ados D rati#icação pelas respecti(as Con(enç+es5 6 K! Documentos ar*ui(ados
e ao dispor pelo pra.o de um ano. Art. 0R! Iat&rias *ue podem ser de Ple'iscito?
I 2 4scol)a de candidatos Ds eleiç+es ma1oritárias5 II 2 Preenc)imento de c)apas
para eleiç+es proporcionais5 III 2 Política de alianças e coli3aç+es eleitorais5 IC 2
Iat&rias de especial rele(:ncia e cu1o 3rau de ur37ncia permita a ocorr7ncia do
ple'iscito5 C 2 Fusão, incorporação ou dissolução. Art. 0! As Con(enç+es
Iunicipais $CI9s% são reali.adas em locais de #ácil acesso, e com a
participação com (e. e (oto de todos os #iliados com suas o'ri3aç+es em dia.
Art. 00! As CJ9s são reali.adas nas capitais ou em cidades principais e de #ácil
acesso, com direito a (o. e (oto a C4J ou a CDJP, e as municipais *ue este1am
em dia com as suas o'ri3aç+es, por at& ; dele3ados eleitos da C4I9s ou das
CDIP9s, e os Deputados Federais, Senadores, Presidente da JepB'lica e o seu
Cice, Iinistros com domicilio no estado, al&m de at& ; dele3ados de mandatos D
CN, todos com suas o'ri3aç+es partidárias em dia? 6 Snico A Q CJ pode ser
con(ocada após a e,ist7ncia de um d&cimo de C4I9s. Art. 08! As CN9s podem
ser reali.adas na capital da JepB'lica ou nas capitais dos estados, de #ácil
acesso, com participação da C4N, por at& ; dele3ados eleitos de cada CJ ou por
representante das CDJP9s, al&m dos Presidentes dos CNGH e CFN, todos em
dia com suas o'ri3aç+es para com o Partido. Seção II N Das C49s. Art. 0;! A
C4I & composta por todos os Presidentes das respecti(as C49s -onais,
Cereadores de Iandato, Secretários Iunicipais, Pre#eitos e Cices, *ue são
mem'ros natos, e por mem'ros eleitos e#eti(os, a crit&rio da C4J ou da CDJP,
por um mínimo de = e um má,imo de K mem'ros, al&m de suplente, sendo
'ásicos os car3os de presidente, (ice2presidente de administração e (ice2
presidente de Formação Política, secretário e tesoureiro e #acultati(os os de <
(ice2presidente e li'ero. Art. 0=! A C4J & composta por todos os Presidentes
das respecti(as C4I9s, Pre#eitos e Cices, Deputados, Secretários 4staduais,
Po(ernadores e Cices, *ue são mem'ros natos, e por mem'ros eleitos e#eti(os,
constituído por K $presidente, < (ice2presidente, (ice2presidente de Formação
Política, (ice2presidente de Administração, Secretário, tesoureiro e li'ero%, al&m
de dois suplentes. Art. 0=! A C4N & composta por todos os Presidentes das C4J
9s, o Presidente da JepB'lica e os Po(ernadores e seus respecti(os (ices, os
Senadores, os Deputados Federais, os Iinistros de 4stado, *ue são mem'ros
natos, e por mem'ros e#eti(os eleitos, constituídos por O $Presidente, < Cice
Presidente, Cice Presidente de Formação Política, Cice Presidente
Administrati(o, Secretario Peral, 0< Secretário, Hesoureiro, 0< Hesoureiro e
@i'ero%, *ue contarão com tr7s suplentes $<, 0< e 8<%, pelos presidentes, ou seus
representantes, do CNGH e do Consel)o Fiscal Nacional $CFN%5 e pelos
Coordenadores das Je3i+es Peo3rá#icas $CJP9s% 2 $Centro "este, Nordeste,
Norte, Sudeste e Sul% em mat&rias especi#icas de suas re3i+es. Art. 0K! A C4N &
assessorada pelos CJP9s, *ue são eleitos pelos respecti(os mem'ros de sua
re3ião no col&3io de presidentes das C4J9s, presentes *uando das CN9s *ue
escol)er as C4N9s, para mandatos correspondentes5 I 2 " Je3imento Interno
será ela'orado e re(isado pelos CJP9s, e su'metido D C4N no pra.o de OR dias
após o re3istro de#initi(o do partido e para (otação em 8R dias, ad2re#erendum
da CN imediatamente posterior5 II 2 São compet7ncias dos CJP9s? a% Participar
dos de'ates e das (otaç+es, no seio da C4N, so're temas de interesse de cada
Je3ião e pelo Coordenador respecti(o, nos termos do caput deste arti3o5 '%
4coar os interesses das re3i+es5 c% 4stimular a or3ani.ação e a Formação
Política5 c% Assessorar a C4N no diálo3o com as Je3ionais5 d% Contri'uir para a
a3ilidade na mo'ili.ação dos Paci#istas em todo o território nacional5 e%
Jepresentar o pensamento das Xreas 1unto a todas as inst:ncias partidárias de
cun)o nacional, inclusi(e 'ancadas e mandatários, eleitos ou desi3nados5 #%
Contri'uir para a correta o'edi7ncia ao 4statuto e Ds diretri.es le3itimamente
adotadas5 3% "pinar 1unto D C4N, *uando da desi3nação de uma CDJP ou da
inter(enção em C4J. Art. 0M! "s mem'ros e#eti(os das C49s de#inem a
repartição das tare#as entre eles, na *ual de(e constar de ata o#icial, sendo
o'ri3atória a assinatura dos documentos e c)e*ues por 0 de seus mem'ros
dentre ; claramente desi3nados. Art. 0O! Compete Ds C49s? 6 ! Comum a todos
os ní(eis5 I 2 Jeunir2se, pelo menos, trimestralmente, mediante 4dital de
Con(ocação pu'licado na 4dição imediatamente anterior do /I"P? a% Praticar os
atos de 'oa 3estão de sua compet7ncia, o *ue implica em e(itar omiss+es e
in(as+es de compet7ncias5 '% PFr em prática as deli'eraç+es da Con(enção
correspondente, inclusi(e as decis+es ple'iscitárias após a sua ta'ulação5 c%
Con(ocar a Con(enção correspondente, pre#erencialmente atra(&s de seu
Presidente5 d% Je#erendar os diri3entes dos ór3ãos de ação setorial e apro(ar a
sua pro3ramação de tra'al)o5 e% Je#erendar a aceitação dos con(ites a #iliados
do PPB para ocuparem car3os de con#iança no seu ní(el de atuação, *uando não
#orem de compet7ncia especí#ica de mandatário do Partido5 #% Aplicar as sanç+es
pre(istas pelo Códi3o de Gtica e cumprir as deli'eraç+es dos CGH9s e CF9s,
res3uardado o direito de recurso nos termos estatutários5 3% Desi3nar
consel)eiros e consultores, a título 3racioso ou remunerado, para assessoria nas
aç+es de sua responsa'ilidade e nos limites de suas próprias compet7ncias e
possi'ilidades5 )% Ha'ular os resultados dos ple'iscitos de sua compet7ncia. 6 0!
4speci#icas de cada ní(el? I 2 As re3ionais5 a% Inter(ir nas C4I9s5 II 2 As
nacionais5 a% Inter(ir nas C4J9s5 '% Deli'erar so're todos os casos omissos no
presente 4statuto, atra(&s de decis+es re3istradas de #orma indel&(el, ad
referendum da CN, na primeira con(ocação *ue se3uir2se ao ato5 c% Pu'licar,
pelo menos mensalmente, o /I"P, so' a sua e,pressa responsa'ilidade, a ser
remetida compulsoriamente a todas as Je3ionais e #acultati(amente aos
inte3rantes de ór3ãos de direção, controle, assessoria e ação, e aos militantes,
mediante assinaturas anuais *ue asse3urem a co'ertura dos custos de redação,
editoração, impressão e remessa. Art. 8R! Ficam instituídos os car3os de
Presidente e Cice Presidentes de Aonra do PPB, de caráter )onorí#ico, com a
compet7ncia de aconsel)ar e alertar a C4N e desen(ol(er aç+es políticas em
sintonia com a mesma. Capítulo C N Do Controle e Ação. Art. 8! São ór3ãos de
controle do PPB? os CGH9s e os CF9s, correspondentes aos tr7s ní(eis? nacional,
re3ional e municipal. 4 de ação setorial a crit&rio da C4N. Art. 80! "s CF9s,
or3ani.ados nos tr7s ní(eis de administração, respondem pela conta'ilidade e a
administração do patrimFnio, emite pareceres pelo menos anuais e encamin)a
o'ser(aç+es a *ual*uer tempo á C4 correspondente, e D Con(enção de mesmo
ní(el no caso da C4 não adotar as medidas saneadoras ca'í(eis? 6 ! "s CF9s
são compostos por 8 mem'ros e#eti(os, as (ac:ncias são preenc)idas por
indicação do CF de ní(el imediatamente superior, ou no caso do CFN por
indicação do CNGH5 6 0! "s mem'ros dos CF9s não podem e,ercer mandato na
Con(enção, na C4 ou no CGH de mesmo ní(el ca'endo a e,ceção do Presidente
do CFN *ue tem assento na CN5 6 8! "s mem'ros do CF ele3em o seu
Presidente e seu Secretário, e 3uiam as suas aç+es pelo Je3imento Interno
ela'orado pelo CFN e re#erendado pela CN5 6 ;! Na ine,ist7ncia de um CF, as
suas #unç+es são assumidas pelo CF de ní(el imediatamente superior. Art. 88!
"s CGH9s, or3ani.ados nos 8 ní(eis de administração, por sua iniciati(a ou
apreciando as aç+es e os recursos de *ual*uer #iliado, representam ou recorrem
contra atos *ue, a seu (er, #iram a le3islação pertinente, o 4statuto, o Pro3rama,
diretri.es le3itimamente esta'elecidas ou princípios &ticos do Partido? 6 ! G
responsá(el pela ela'oração e atuali.aç+es do Códi3o de Gtica, as *uais passam
a (i3orar a partir de sua adoção, caso não #iram a le3islação pertinente nem o
4statuto, e ad referendum da CN5 6 0! G composto por = mem'ros e#eti(os e
suplente, eleitos dentre #iliados *ue 3o.em de 3eral respeito no seio do PPB,
ca'endo2l)e escol)er o seu presidente e seu secretário, de#inir o Je3imento
Interno dos CGH9s ad referendum da CN, e distri'uir as tare#as *ue l)e
incum'em entre seus mem'ros, re3istrando as suas deli'eraç+es em re3istro
indel&(el5 6 8! "s CGH9s de ní(el Je3ional ou Iunicipal, são compostos por
tr7s mem'ros e#eti(os, *ue ele3em o seu presidente e seu secretário, de(endo as
e(entuais (ac:ncias serem preenc)idas pelo CGH de ní(el imediatamente
superior ou, no caso do CNGH, pela CN5 6 ;! "s mem'ros do CGH não podem
e,ercer mandato na Con(enção, na C4 ou no CF de mesmo ní(el ca'endo a
e,ceção do Presidente do CNGH *ue tem assento na CN5 6 =! Na ine,ist7ncia de
um CGH, as suas #unç+es são assumidas pelo CGH de ní(el imediatamente
superior. Art. 8;! A C4N pode criar os ór3ãos de ação setorial a ní(el nacional
*ue ac)ar con(eniente, deles deri(ando or3ani.aç+es re3ionais e municipais, a
serem criadas por decis+es das respecti(as C49s, todas operando se3undo
normas de#inidas pela C4N, de(em possuir? desi3nação, metas, pra.os,
estruturas, recursos, or3ano3rama, pro3rama, orçamento, *uantitati(o e outros.
Capítulo CI N Do NBcleo Administrati(o $NA%. Art. 8=! A C4N & assessorada
pelo NA, incum'ido de desen(ol(er as aç+es de conta'ilidade, tesouraria,
administração do patrimFnio, cumprimento da le3islação 3eral e especí#ica N
partidária e eleitoral N ar*ui(os, in#ormati.ação, edição do /I"P. Art. 8>! "s
recursos #inanceiros são oriundos de? I 2 Contri'uiç+es estatutárias dos #iliados,
mandatários, assessores e ocupantes de car3os de con#iança, con#orme de#inição
do Inciso III do Art. K<5 II 2 Doaç+es de pessoas #ísicas e 1urídicas5 III 2 Jendas
de e(entos promo(idos pelo PPB5 IC 2 Cenda de pu'licaç+es e materiais
didáticos, e inscrição em cursos de #ormação5 C 2 Contri'uiç+es Ds campan)as
partidárias5 CI 2 Dotaç+es le3ais rece'idas de #undos pB'licos5 CII 2 Yual*uer
outra #onte, não (edada por lei nem por consideraç+es de cun)o &tico. Art. 8K!
"s recursos arrecadados pelos tr7s ní(eis de administração? nacional, re3ional e
municipal, terão a sua destinação deli'erada pela C4 ou CDP correspondente.
Art. 8M! Hodos os or3anismos de direção, controle e ação setorial de(em
ela'orar, anualmente e contando com a orientação t&cnica dos NA9s
correspondentes, os seus orçamentos para o e,ercício se3uinte e as suas
prestaç+es de contas do e,ercício #indo. Art. 8O! Nos períodos das campan)as
eleitorais, os NA9s editam notas internas para a 'oa e,ecução das normas le3ais
re#erentes Ds *uest+es de tesouraria, conta'ilidade e cumprimento das
#ormalidades de re3istro dos candidatos, campan)a, apuração dos resultados e
diplomação dos eleitos. Art. ;R! Ca'e ao NA, *uando completo o seu *uadro de
consultores contá'eis, #inanceiros e 1urídicos, in#ormar2se *uanto D le3islação
3eral e especí#ica #ederal aplicá(el, estudar a sua incid7ncia na (ida partidária e
orientar todos os ór3ãos de direção, controle e ação setorial no sentido da
ade*uada o'ser(:ncia das normas em (i3or? 6 Snico N As diretri.es e,pedidas
pelo NA, atra(&s da Secretaria Peral da C4N, de(em ser consideradas como
instruç+es da própria Comissão, e de(em ser imediatamente o'ser(adas. Art. ;!
Ca'e ao NA Nacional coordenar a in#ormati.ação das inst:ncias partidárias,
com uso de? Internet, e2mail, site, le3islação em (i3or, 'anco de dados, lista de
li(ros e documentos, /I"P, Boletins Je3ionais, *uadro de #iliados, dados das
re3ionais e municipais, calendário de ati(idades, das atas e outros. Capítulo CII
N Dos Iandatos. Art. ;0! "s pretendentes a candidatos para mandatos eleti(os
de(em ter pr&(ia capacitação atra(&s de cursos atuali.ados reali.ados pelo
partido, con)ecimento e ampla identi#icação com o pro3rama, com as posiç+es
políticas do PPB, o estatuto, o pro3rama, as e,i37ncias da #unção pretendida e as
*uest+es &ticas en(ol(idas pelo mandato. Art. ;8! "s mandatos são entendidos
como con*uista con1unta do PPB e do Candidato eleito, a*uele contri'uindo
com a sua ima3em, a sua doutrina, o seu pro3rama, a sua tra1etória e o es#orço
de toda a sua milit:ncia e dos demais candidatos. Art. ;;! " *uádruplo crit&rio
da compet7ncia, da &tica, da disponi'ilidade e da adesão aos documentos de
'ase do PPB, de(e ser o'ser(ado na escol)a dos nomes dos diri3entes do Partido
e no preenc)imento dos car3os de con#iança e de assessoria, em'ora de li(re
escol)a dos mandatários, sendo *ue sua ino'ser(:ncia permite o recurso ao (eto
do nome escol)ido, por parte da C4 correspondente, *ue tam'&m restrin3irá a
prática do nepotismo aos casos t&cnicos e moralmente recomendá(eis, e estes
*uando #iliados de(em reali.ar cursos de Formação Política promo(idos pelo
PPB. Art. ;=! "s ór3ãos de direção, controle e ação setorial, podem decidir e
e#etuar a inter(enção nos ór3ãos de mesma nature.a *ue deles dependam
)ierár*uica e diretamente, em caso de trans3ressão ao disposto pelo 4statuto,
Pro3rama e diretri.es le3itimamente adotadas, pelas leis 3erais e especí#icas
$eleitorais e partidárias% e pelos princípios de &tica *ue re3em o Partido, e esta,
de(idamente moti(ada, com re3istro indel&(el o#icial, reali.ada por Comissão
Inter(entora de 8 mem'ros, sendo indicado presidente, e sua ação (isa o
retorno D normalidade democrática interna ou, se impossí(el esta, D dissolução
do ór3ão so' inter(enção. Art. ;>! Ca'e Ds C49s tirar o má,imo partido do
acesso 3ratuito Ds redes de rádio e tele(isão de :m'ito correspondente,
o'ser(adas as direti(as 3erais, de#inidas pelas Con(enç+es e pelas normas le3ais
(i3entes? 6 ! N A C4N de#ine as normas práticas para ela'oração dos pro3ramas
de seu ní(el, e 'ali.a a ela'oração dos pro3ramas de ní(el re3ional ou
municipal5 6 0! N " acesso 3ratuito Ds redes de rádio e tele(isão de(e priori.ar o
interesse 3eral do PPB e o apoio D campan)a do con1unto dos nossos candidatos
em curso, (edado o #a(orecimento a pessoas, 3rupos ou tend7ncias, em
detrimento de outros candidatos do PPB5 6 8! N Nos termos da @ei, as
campan)as são administradas nos seus aspectos contá'eis e #inanceiros, por
Comit7s Financeiros especialmente desi3nados para esse #im pelas C49s
correspondentes, *ue podem tam'&m desi3nar Comiss+es de Campan)a para
completar a sua ação5 6 ;! N "s NBcleos Administrati(os asse3uram o respaldo
t&cnico e seus responsá(eis inte3ram, pre#erencialmente, os Comit7s
Financeiros5 6 =! N As diretri.es e,pedidas pelos Comit7s Financeiros e, *uando
#or o caso, pelas Comiss+es de Campan)a, são consideradas respaldadas pelas
C49s correspondentes5 6 >! N "s mem'ros dos Comit7s e das Comiss+es
Financeiras de Campan)a podem ser su'stituídos, a *ual*uer tempo, pelas C49s
*ue os nomearam. Capítulo IE N Das Disposiç+es Perais. Art. ;K! " Presidente
de cada C4 credencia Dele3ados 1unto D /ustiça 4leitoral correspondente D sua
inst:ncia, de acordo com os dispositi(os le3ais, podendo su'stituí2los a *ual*uer
tempo, por atuarem os Dele3ados como seus Jepresentantes. Art. ;M! A #usão,
incorporação ou ainda a e,tinção do PPB são deli'eradas por (otação mínima de
dois terços em CN, precedido o de'ate por ple'iscito de :m'ito nacional? 6
Snico N 4m caso de dissolução, o seu patrimFnio de(erá ser destinado a
entidades 'enemerentes de inspiração paci#ista e cristã. Art. ;O! "s mandatos em
curso *uando da entrada em (i3or do presente estatuto, ainda *ue contemplem
car3os suprimidos ou modi#icados, serão normalmente completados, de(endo as
ade*uaç+es ao 4statuto dar2se por ocasião das eleiç+es imediatamente
su'se*Zentes. Art. =R! N A C4N, ad referendum da CN, pode criar ou incorporar
Fundação ou Instituto de direito pri(ado, destinado ao estudo e pes*uisa, D
doutrinação e D educação política, tendo autonomia para contratar com
instituiç+es pB'licas e pri(adas, prestar ser(iços e manter esta'elecimentos de
acordo com suas #inalidades, podendo, ainda, manter interc:m'io com
instituiç+es não2nacionais $Art. =8 da lei ORO>WO=%. Art. =! "s casos omissos
são o'1etos de deli'eração pela C4N, ad referendum da CN, a *ual poderá
rati#icar ou re#ormar a decisão, nesse caso sem e#eito retroati(o. Art. =0 Yue
Deus, atra(&s de /esus e sua e*uipe, em especial a Nossa Sen)ora, a Be.erra de
Iene.es, a Iartin @ut)er [in3, a Iel*uisedec, a Ast)ar S)eran, ao Arcan1o
Ii3uel, ao An1o Ismael e a Nsa. da Conceição Aparecida, nos a'ençoe, ilumine,
prote1a, oriente e 3uie. Art. =8 N 4ste 4statuto entra e (i3or após a sua
Pu'licação no Diário "#icial da \nião, re3istro do mesmo no Cartório de "#ício
de Je3istro Ci(il de Hítulos, Documentos e Pessoas /urídicas do Distrito Federal
e apresentação ao H.S.4. N Hri'unal Superior 4leitoral. Jeci#e, P4. 0 de
Fe(ereiro de 0R0. Jaimundo ]ellin3ton Araruna Santana 2 Presidente
Nacional. 4d(aldo /os& Caiçara 2 Secretário Peral Nacional
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Presidente? Jaimundo ]ellin3ton Araruna Santana CPF? >0R.=>K.;8;28;
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Secretário? 4d(aldo /os& Caiçara 2 CPF? 8MR.=R8.OR;20R
Cisto?
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
4u#lates Celestino de @ima
"ABWSP 0R0O; 2 CPF? R80.>M;.08M2 K

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful