Você está na página 1de 13

Margarida Terra 2009/10

Margarida Terra 2009/10


 Estudos internacionais revelam que a
biblioteca, a escola e o sucesso educativo
estão estreitamente ligados.
 Trata-se de um processo que deverá
conduzir à reflexão e deverá originar
mudanças concretas na prática.
 É necessário aferir qualidade e eficiência dos
serviços que a BE presta à comunidade
escolar.

Margarida Terra 2009/10


Com a implementação do modelo pretende-se :
 Avaliar o impacto que o funcionamento da BE tem nas aprendizagens
dos alunos.

 Melhorar práticas.

 Envolver no processo todos os elementos da comunidade educativa.

 Melhorar comportamentos.

 Contribuir para uma melhoria contínua da BE

 Melhorar continuamente os pontos fracos e fortes através das boas


práticas.

 Desenvolver planos de acção com vista à sua melhoria

Margarida Terra 2009/10


A. Apoio ao Desenvolvimento Curricular

A.1. Articulação curricular da BE e as


estruturas pedagógicas e os docentes
A.2. Desenvolvimento da literacia da
informação

B. Leitura e Literacias

Margarida Terra 2009/10


C. Projectos, Parcerias e Actividades Livres e de
Abertura à Comunidade
C.1. Apoio a actividades, livres, extra-curriculares
e de enriquecimento curricular
C.2. Projectos e Parcerias
D. Gestão da Biblioteca Escolar
D.1. Articulação da BE com a Escola . Acesso e
serviços prestados pela BE
D.2. Condições humanas e materiais para a
prestação dos serviços
D.3. Gestão da Colecção

Margarida Terra 2009/10


 Cada domínio/subdomínio inclui indicadores,
factores críticos de sucesso e recolha de
evidências.

 Um domínio a avaliar cada ano

Margarida Terra 2009/10


Nível Descrição
4 A BE é muito forte neste domínio. O trabalho
desenvolvido é de grande qualidade e com um impacto
bastante positivo.
3 A BE desenvolve um trabalho de qualidade neste
domínio, mas ainda é possível melhorar alguns aspectos.
2 A BE começou a desenvolver trabalho neste domínio,
sendo necessário melhorar o seu desempenho para que
o seu impacto seja mais efectivo.
1 A BE desenvolve pouco ou nenhum trabalho neste
domínio, o seu impacto é bastante reduzido, sendo
necessário intervir com urgência.

Margarida Terra 2009/10


 Perfil da Biblioteca Escolar
 Escolha fundamentada do domínio a avaliar (sem
descurar os restantes).
 Recolha de evidências ( PE,RI, PAA da BE e da Escola
, Actas das reuniões, Inquéritos aos alunos e aos
professores, estatísticas,…)
 Interpretação da informação recolhida
 Relatório final a enviar à RBE e a analisar no CP
 Integração da avaliação da BE na avaliação interna
da escola
 Divulgação dos resultados

Margarida Terra 2009/10


Recursos Humanos:
 Coordenador da BE (liderança tendo em vista o
VALOR da BE, através da demonstração de
evidências)
 Equipa da BE
 Professores da Escola
 Utilizadores da BE
 Alunos
 Conselho Pedagógico
 Direcção

Margarida Terra 2009/10


 Recursos técnicos

 Contínuo apetrechamento de equipamento


multimédia

 Actualização do acervo documental

 Melhoramento e manutenção do material da


BE

Margarida Terra 2009/10


 Melhoria dos resultados dos alunos
 Envolvimento de todos no processo
 Trabalho colaborativo BE, professores e
alunos
 Aceitação da mudança/desafios
 Interiorização de uma cultura de avaliação
 Reconhecimento do papel da BE

Margarida Terra 2009/10


 Texto da Sessão (domínio nº3)
 Modelo de Auto-Avaliação da Biblioteca
Escolar – Rede de Bibliotecas Escolares

Margarida Terra 2009/10