Você está na página 1de 6
FACULDADE ANHANGUERA DE RONDONÓPOLIS ATPS - 1ª SÉRIE / MATEMÁTICA (AGRONOMIA) RAFAEL MARQUES DA SILVA GUILHERME

FACULDADE ANHANGUERA DE RONDONÓPOLIS

ATPS - 1ª SÉRIE / MATEMÁTICA (AGRONOMIA)

RAFAEL MARQUES DA SILVA GUILHERME ARAÚJO SANTOS

RA: 5899081913 RA: 5661129838

Rondonópolis/MT

2012

RAFAEL MARQUES DA SILVA GUILHERME ARAÚJO SANTOS

RA: 5899081913 RA: 5661129838

ATPS 1ª SÉRIE / MATEMÁTICA (AGRONOMIA)

ATPS da disciplina de Matemática, realizado em grupo de 02 alunos do 1º semestre do curso de Agronomia da Faculdade Anhanguera Educacional de Rondonópolis- MT. Com o objetivo de apresentar soluções matemáticas aos exercícios propostos na atividade prática supervisionada em questão, etapas nº 3 e nº 4.

Orientador: Profº. Ivan de Oliveira

Rondonópolis/MT

2012

1.

ETAPA Nº 3 FUNÇÕES EXPONENCIAIS

DEFINIÇÃO

Toda relação de dependência, em que uma incógnita depende do valor da outra, é denominada função. A função denominada como exponencial possui essa relação de dependência e sua principal característica é que a parte variável representada por x se encontra no expoente.

y = 2 x

3

x + 4

= y = 0,5 x y = 4 x

y

A lei de formação de uma função exponencial indica que a base elevada ao expoente x precisa

ser

maior

que

zero

e

diferente

de

um,

conforme

a

seguinte

notação:

f: R→R tal que y = a x , sendo que a > 0 e a ≠ 1.

Uma função pode ser representada através de um gráfico, e no caso da exponencial, temos duas situações: a > 0 e 0 < a < 1. Observe como os gráficos são constituídos respeitando as condições propostas:

1. ETAPA Nº 3 – FUNÇÕES EXPONENCIAIS DEFINIÇÃO Toda relação de dependência, em que uma incógnita

Uma função exponencial é utilizada na representação de situações em que a taxa de variação é considerada grande, por exemplo, em rendimentos financeiros capitalizados por juros compostos, no decaimento radioativo de substâncias químicas, desenvolvimento de bactérias e micro-organismos, crescimento populacional entre outras situações. As funções exponenciais devem ser resolvidas utilizando, se necessário, as regras envolvendo potenciação.

EXERCÍCIOS

Exercício 01 Sabe-se que o comportamento da quantidade de um determinado insumo, quando ministrado a uma muda, no instante t, é representado pela função Q(t)=250.(0,6) t , onde Q representa a quantidade (em mg) e o t o tempo (em dias). Então, encontre:

  • a) A quantidade inicial administrada

  • b) A taxa de decaimento diária

  • c) A quantidade de insumos presentes 3 dias após a aplicação

  • d) O tempo necessário para que seja completamente eliminado

Exercício 02 Uma certa quantidade de um elemento radioativo decai de forma que a massa remanescente F(t), em gramas, no instante t, t em anos, é dada pela função F(t)=60.(2) -0,2t

  • a) Qual é a massa inicial desse elemento?

  • b) Qual é a taxa de decaimento?

  • c) Em que instante a massa será metade da massa inicial

Exercício 03 O montante de uma aplicação financeira no decorrer dos anos é dado pela função M(x)=5.000.1,03 x , onde x representa o ano após a aplicação e x=0 o momento em que foi realizado a aplicação.

  • a) Qual foi o capital investido inicialmente ?

  • b) Qual o percentual de aumento ?

  • c) O gráfico desta função é crescente ou decrescente ? Justifique

  • d) Qual será o montante após 5 anos ?

Exercício 04 Inicialmente, uma medição apresentou cerca de 1.000.000 de bactérias numa determinada amostra contaminada por uma praga. Sabendo que a reprodução dessas bactérias pode ser descrita como uma função exponencial, determine:

  • a) A função que descreve a quantidade de bactérias com o passar do tempo, sabendo que elas

se reproduzem a uma taxa de 12% por hora

  • b) A quantidade de bactérias presentes nesta amostra após 5 horas.

Exercício 05 Uma nova máquina foi adquirida por um produtor rural. Essa máquina tem seu valor depreciado a uma taxa de 9% ao ano. Sabendo que o valor pago por essa máquina foi de R$ 60.000,00, responda:

  • a) Qual é a função exponencial que descreve o valor da máquina em função do tempo?

  • b) Qual será o preço da máquina daqui a 5 anos ?

  • c) Qual será o tempo necessário para que essa máquina perca completamente seu valor

comercial ?

1.

RESPOSTAS / ETAPA Nº 3 - FUNÇÕES EXPONENCIAIS

Exercício 01 A

Q=250.0,216

Exercício 04 A

 

R: 250mg

Q=54mg

Q=1.000.000 . (0,12) x

Exercício 01 B R: 0,6=60%

Exercício 03 A R: 5.000

Exercício 04 B Q=1.000.000 . (0,12) x Q=1.000.000 . 0,00002

Exercício 01 C Q=250.(0,6) 3

Exercício 03 B

Q=24,88

Q=250.0,216

R: 1,03

Q=54mg

Exercício 03 C

Exercício 03 D

Exercício 05 A V=60.000 . (0,09) x

 

Exercício 02 A R: 60g

R: Decrescente, pois o x está entre 0 e 1

Exercício 05 B V=60.000 . (0,09) 5 V=60.000 . 0,00001 ...

 

Exercício 02 B R: 2 = 200%

M=5.000 . 1,03 5 M=5.000 . 1,19

Exercício 05 C

 

M=5,950

Não, pois

a

reta

do

Exercício 02 C Q=250.(0,6) 3

gráfico não toca o eixo x

2.

ETAPA Nº 4 DERIVADAS

DEFINIÇÃO

 

A

derivada de uma função

de uma

variável

é definida como um processo de limite.

Considera-se a inclinação da secante, quando os dois pontos de intersecção com o gráfico de f convergem para um mesmo ponto. No limite, a inclinação da secante é igual à da tangente.

O limite de [f(x + i) - f(x)] / i quando i se aproxima de 0. A forma da função que serve como o limite da razão [f(x + i) - f(x)] / i dependerá da forma da função proposta y = f(x). Para indicar sua dependência, dá-se à nova função o nome de função derivada.

A derivada representa a taxa de variação instantânea de uma função [1] . Um exemplo típico é a função velocidade que representa a taxa de variação (derivada) da função espaço. Do mesmo modo a função aceleração é a derivada da função velocidade. Diz-se que uma função f é derivável (ou diferenciável) se, próximo de cada ponto a do seu domínio, a função f(x) f(a) se comportar aproximadamente como uma função linear, ou seja, se o seu gráfico for aproximadamente uma reta.

APLICAÇÃO

Presente em nosso cotidiano, podemos usá-la entre outras coisas para mediar a taxa de crescimento econômico do país, taxas de redução de mortalidade infantil, taxa de variação de temperaturas, taxas de velocidade de corpos ou objetos em movimento. Em agronomia podemos usá-la para determinar e estimar taxas de crescimento ou decaimento de diversas situações que envolvem o assunto, população de plantas, bactérias, taxa de temperatura e muitos outros fatores são algumas das utilidades do uso de derivadas.