Você está na página 1de 4

Indicadores Implementação Análise Plano de Avaliação

B.1
Trabalho da BE ao serviço . Garantir uma gestão de verbas para
fundo documental que satisfaça os A biblioteca deve visar o . Optimização de espaços,
da conhecimento integral e mobiliário e equipamentos
domínios curriculares e os diferentes
promoção da leitura na públicos. aprofundado de toda a dinâmica da
escola/agrupamento. escola. É um pilar da extensão e da . Elaboração, discussão e
. Garantir prioridades na aquisição de ramificação do projecto educativo, apreciação regular do plano de
• A BE disponibiliza uma fundo documental, relativamente às do agrupamento à escola, e à sala; trabalho
colecção necessidades identificadas. do plano de intenções de cada
variada e adequada aos gostos, professor ao perfil de cada aluno. . Inventariação e catalogação
interesses e necessidades dos . Manter o banco de leitura informativa
utilizadores. actualizado. . Produção e promoção da
• A BE identifica novos públicos e Como um centro de observação utilização de instrumentos de
adequa a colecção e as práticas . Procurar inovação na literatura de atenta, crítica e criativa, ela prepara regulação da actividade da
às ficção recomendada a adquirir, na com a escola e com a comunidade, Biblioteca Escolar e sua
necessidades desses públicos articulação entre texto e ilustração, e os instrumentos que visam
boa adequação à faixa etária. articulação com as escolas e os
(CEF, capacitar valores e competências,
EFA, CNO, outros). adquirindo e mobilizando docentes.
• A BE identifica problemáticas e . Seleccionar, no processo de documentos, saberes,
aquisição documental, factores de . Produção e promoção da
dificuldades neste domínio e disponibilidades e interesses.
delineia desenvolvimento de competências de utilização de guiões de
interpretação e de mecanização da orientação para o uso
acções e programas que
leitura. Procurando ampliar o seu leque de
melhorem responsável dos recursos de
as situações identificadas. actividades, o seu raio de acção, e informação
. Promover ambientes de trabalho, e alargar os seus públicos, apropria-
• A BE promove acções
estratégias lúdicas e diversificadas que
formativas que ajudem a garantam:
se, articulando préstimos e funções . Leituras e análise de livros
desenvolver com outras bibliotecas e recomendados pelo M.E. para
as competências na área da - a utilização de todos os recursos
colaboradores, de matérias que, implementação do P.N.L., já
leitura. disponibilizados pela biblioteca; filtradas pela sensibilidade e saber lidos pelos alunos ou
• A BE incentiva o empréstimo técnico do professor bibliotecário,
apresentados pela B.E. , com
domiciliário. - a expectativa, o interesse e o levarão mais e melhor informação à
• A BE está informada escola.
elaboração de ficha de leitura.
entusiasmo nas visitas à biblioteca;
relativamente Identificar/ caracterizar, com
às linhas de orientação e - o desenvolvimento de competências registo em diferentes suportes…
actividades Do relacionamento com a
e a supressão de lacunas na formação.
propostas pelo PNL e desenvolve comunidade, surgem os eventos - Autores/discursos
as . Conhecer os alunos: saber das suas que exibem o livro e a leitura como
acções implicadas na sua forma de enriquecimento cultural e - Dados biográficos/ marcas
competências, efectuando
implementação. empréstimos para as salas e para estruturação pessoal e social. de identidade/ caracterização da
• A BE incentiva a leitura casa, de documentos que visem personalidade e do discurso
informativa, articulando com os promover o desenvolvimento daquelas.
departamentos curriculares no Da proximidade entre bibliotecas, - Estilo/ género
desenvolvimento de actividades . Promover a dinamização de eventos advém maior oportunidade de
de em diferentes espaços, com promoção do livro e da leitura, - Conteúdo
ensino e aprendizagem ou em
projectos e acções que personalidades das artes e das - Origem/ contexto histórico,
incentivem a ciências, articulados com parceiros assim como do conhecimento e geográfico ou outro
leitura. sociais e toda a comunidade educativa. salvaguarda do património literário.
• A BE desenvolve, de forma - Valores transmitidos
sistemática, actividades no . Dinamizar feiras do livro, concursos,
Por sua vez, o cariz associativo
âmbito da promoção da leitura: exposições, dedicando especial - Leituras várias e produções
configura a expressão do aluno no
sessões e atenção às sugestões veiculadas pela adequadas
RBE e PNL. grupo, integrado numa rede de
clubes de leitura, fóruns, blogs
acontecimentos em que participa, . Portefólios
ou
. Incentivar, entre alunos e professores ao experimentar as vivências da
outras actividades que associem
formas de leitura, de escrita ou de diferentes departamentos, a criação escola enquanto instituição . Composições de imagem:
de de clubes que promovam a visibilidade académica e palco de partilhas. ilustrações/ fotos/ clips vídeo
da actividade da escola, usando meios
comunicação em diferentes
ambientes e suportes.
de comunicação diversos, e produzindo . Registo de textos livres e
em vários suportes. Por último, os responsáveis pelas
• A BE promove encontros com sugeridos
bibliotecas escolares deverão
escritores ou outros eventos inovar, criar ambientes lúdicos,
. Cooperar com a biblioteca municipal . Produção de Enigmas/
culturais na construção e execução do plano de espaços acolhedores, sessões de
que aproximem os alunos dos adivinhas/ lengalengas…
actividades, distribuindo tarefas e sensibilização e de motivação à
livros garantindo oportunidades, na leitura, apetrechar-se de . Explorações da voz e do
ou de outros abrangência de todos os documentação e tecnologia que gesto, com captação áudio.
materiais/ambientes e estabelecimentos e população do
provoque a procura do espaço
incentivem o gosto pela leitura. agrupamento.
• A BE incentiva a leitura em
biblioteca. . Encontros com autores, com
ambientes digitais explorando as ficha de actividade.
possibilidades facultadas pela
WEB, . Actividades livres de carácter
como o hipertexto, o e-mail, lúdico e cultural, com registo
blogs, áudio ou vídeo.
wikis, slideshare, youtube…
• A BE organiza e difunde . Apoio ao estudo autónomo
recursos documentais que,
. Feira do Livro
associando-se a diferentes
temáticas . Jogos/ concursos/ prémios/
ou projectos, suportam a acção
educativa e garantem a
exposições
transversalidade e o . Manutenção do site
desenvolvimento
de competências associadas à . Jornal/ Blog *
leitura.
• A BE apoia os alunos nas suas . Desdobráveis e cartazes para
escolhas e conhece as novidades divulgação
literárias e de divulgação que
melhor . Música, Literatura e cinema
se adequam aos seus gostos.
. Utilizar progressivamente a O progressivo número de utilizadores . Pesquisa temática na Internet
B.3
biblioteca escolar. da biblioteca escolar revela, por si só…
Impacto do trabalho da BE e uso de ferramentas Office
nas - bem-estar, em espaços preparados para apresentação
atitudes e competências dos para actividades lúdicas e de lazer;
alunos, no - etapas metacognitivas de . Uso do e-mail e da
âmbito da leitura e da reconhecimento de necessidades/ videoconferência
literacia. reconhecimento do erro e da lacuna; e
procura autónoma do saber; . Utilizações de CD-Rom, CD-
- gradação da consciência de si, do
Áudio e DVD
saber adquirido, dos processos de
aprendizagem, e dos recursos para
. Acções para a promoção da
progredir. leitura

• Os alunos usam o livro e a BE . Utilizar os recursos de forma O exercício da utilização variada dos - Direccionadas a professores,
recursos documentais e tecnológicos pais e encarregados de
para ler de forma recreativa, livre para produzir trabalho. promovidos pelos professores nas
para se informar ou para realizar sessões de trabalho explicita relações educação
trabalhos escolares. de causa-consequência que,
associados à versatilidade impressa . Promoção de formação para a
nas actividades, é passível de modelar equipa da Biblioteca Escolar
um quadro oportuno de soluções para
situações emergentes. A frequência . Discussão da elaboração com
cumulativa de utilização de recursos, parceiros e colaboradores.
com resultados positivos nas
• Os alunos, de acordo com o produções dos alunos, a par da . Apreciação de produções no
seu ano/ciclo de escolaridade, utilização de guiões de consulta, final de cada período escolar.
manifestam progressos nas desmobiliza os alunos da utilização
competências de leitura, lendo gratuita e furtiva das ferramentas e dos . Apresentação e divulgação de
mais e com maior profundidade. documentos disponibilizados pela
produtos em vários formatos
biblioteca, redireccionando-os para a
produtividade, tanto quanto contribui
. Questionários de satisfação
para o raciocínio crítico.
. Gerir, com progressiva . Estatísticas de utilização
Paralelamente ao desenvolvimento da
autonomia, os clubes e organização pessoal e das estratégias
• Os alunos desenvolvem
associações. de cooperação nos grupos que a
trabalhos onde interagem com escola procura estabelecer, estas
formas associativas começam pela
equipamentos e ambientes
definição e instituição da regras. As
informacionais variados,
normas e valores de gestão dos grupos
manifestando progressos nas são estrategicamente previstas pelos
suas competências no âmbito da professores, e problematizadas.
leitura e da literacia. Projecta-se a criação da necessidade e
da hipótese de solução, incentivando a
experimentação e a consequente
definição contratual de consensos no
seio do grupo. A autonomia
progressiva é uma conquista que
depende não só da experiência
cooperada da actividade do grupo e
das funções de cada elemento, mas do
balanço do trabalho desenvolvido, e da
• Os alunos participam apropriação individual do conteúdo
activamente em diferentes exercitado. Neste sentido, a temática
desenvolvida deve respeitar as formas
actividades associadas à
de conduta da população escolar, os
promoção da leitura: clubes de projectos da escola, os interesses dos
leitura, fóruns de discussão, alunos e as expectativas dos grupos
jornais, blogs, outros. em relação aos destinatários das
produções.