Você está na página 1de 66

PASTA: CEDERJ-AP1 – GAB – AP1 – 1 SEM

PASTA: CEDERJ-AP1 – GAB – AP1 – 1 SEM GABARITO – AP1 – ADC - 2014/1º

GABARITO – AP1 – ADC - 2014/1º

Questão 01 (0,5 ponto)

A Análise das Demonstrações Contábeis tem como objetivo:

( ) a. extrair dados do departamento de contabilidade de uma empresa; ) b. transformar os dados financeiros em uma linguagem complicada, embora útil; ( x) c. extrair informações das Demonstrações Contábeis para a tomada de decisões; ) d. permitir ao contador a elaboração das Demonstrações Contábeis.

(

(

Questão 02 (0,5 ponto) "A análise horizontal é realizada extraindo-se relacionamentos percentuais entre itens pertencentes à mesma Demonstração Financeira." Analise a afirmativa.

Resposta comentada.

A afirmativa é falsa. A Análise Horizontal tem como o objetivo mostrar a evolução de cada conta (ou grupo) das demonstrações contábeis através de períodos sucessivos. Extrair percentuais entre itens pertencentes á mesma Demonstração financeira refere-se à Análise Vertical .

Questão 03 (0,5 ponto)

O que acontece com o quociente de liquidez corrente quando uma empresa substitui dívidas de longo prazo por dívidas de curto prazo?

Resposta comentada.

Diminue. Ao substituir dívidas de longo prazo por dívidas de curto prazo, o PC aumenta. Você viu na Aula 7 que o ILC é apurado pela fórmula:

ILC

AC

PC

Ao aumentar o denominador da fórmula o quociente diminui, conforme demonstrado a seguir:

Exemplo:

 

SITUAÇÃO 1

AC= 1.000

 

PC =

400

PNC= 100

ILC

1.000

= 2,5

400

SITUAÇÃO 2 AC = 1.000 PC = 500 PNC = 0

ILC

  • 1.000 = 2,0

500

Questão 04 (0,5 ponto)

"A análise de balanços só utiliza o Balanço Patrimonial." Analise a afirmativa.

Resposta comentada. Falsa, você viu na Aula 1 que o termo Análise de Balanços também chamada de análise das demonstrações financeiras ou contábeis (BP, DRE, DFC, ETC.) e não só do BP.

Questão 05 (1,0 ponto) CESPE - 2013 - TCE-RO - Contador

Com relação à análise econômico-financeira de empresas com base em demonstrações contábeis, julgue os itens seguintes.

  • a) A obtenção de empréstimos para pagamento no longo prazo é um meio empregado por empresas para

aumentar os seus índices de liquidez corrente e de liquidez imediata.

(

x

) a. Certo

(

) b. Errado

Resposta comentada. Você viu na Aula 7 que o ILC e ILI são apurados pelas respectivas fórmulas:

ILC

AC

ILI

PC

Disponibilidades

PC

Esta operação faz com que as disponibilidades aumentem, por conseguinte o AC também, visto que as disponibilidades fazem parte do AC. Como o empréstimo vencem a longo prazo (PNC) não interferem no PC, ou seja, permanece com o mesmo valor antes da obtenção do empréstimo. Exemplo:

 

ANTES

DEPOIS

AC= 1.000 (sendo disponibilidades 100 )

AC = 1.200 (disponibilidade 200

PC =

400

PC = 400

 

PNC = 0

PNC = 200

ILC

  • 1.000 = 2,5

ILC

 

ILI

400

100

= 0,25

ILI

  • 1.200 = 3,0
    400

    • 100

200

=

 

400

0,75
400

  • b) Uma empresa que apresenta índice de liquidez corrente igual a 1,2 e índice de liquidez seca igual a

1,1 depende da realização de ativos correntes com liquidez mais baixa, como os estoques e as despesas antecipadas, para saldar as suas dívidas de curto prazo.

(

) a. Certo

Resposta comentada.

(

x

) b. Errado

A empresa não depende da realização de ativos com liquidez baixa, como estoques e as despesas antecipadas,

para saldar as suas dívidas de curto prazo, pois seu ILS é superior a unidade.

Questão 06 (1,0 ponto)

Considerando as afirmações sobre a preparação das demonstrações financeiras para análise é necessário:

I. Proceder-se

a ajustes sempre

que estas contiverem valores que representam créditos incobráveis

classificados no Ativo Circulante. II. Proceder-se a ajustes sempre que estas contiverem contas que o analista externo não consiga esclarecer convenientemente. III. Proceder-se a ajustes sempre que estas contiverem valores de mercadorias obsoletas, retiradas de comercialização constantes da conta “Mercadorias em Estoques”. Estão corretas:

(

) a. I e a II.

(

) b. I e a III.

(

) c. II. e a III.

( x ) d. I, a II e a III.

(

) e. nenhuma está correta.

Resposta comentada.

Você viu na Aula 2 que o analista deverá ajustar as demonstrações financeiras afim de melhorar a eficiência da análise, conforme explicação a seguir:

- Afirmativa I: a exclusão dos créditos incobráveis do Ativo Circulante terá como contrapartida a diminuição do Patrimônio Líquido. Os créditos incobráveis não se realizarão financeiramente, portanto devem ser excluídos do Ativo circulante. - Afirmativa II: se não houver esclarecimento sobre as contas, o analista externo, deverá reclassificá-las contra a empresa. - Afirmativa III: Na conta Mercadorias em Estoques só deve constar mercadorias em condições para realização de vendas. A exclusão dos estoques obsoletos do item Estoques de Mercadorias terá como contrapartida a diminuição do grupo Patrimônio Líquido.

Portanto, todas as afirmações estão correta, ou seja: I, II e III.

Questão 07 (1,0 ponto) Tomando por base a Demonstração do Resultado do Exercício de X1 da Empresa São Gonçalo Ltda., efetue a análise vertical. Apure os percentuais com zero casas decimais.

DISCRIMINAÇÃO

 

X1

 

VALOR

 

%

Vendas Brutas

 

180.380

 

111

(-) Deduções de Vendas

 

17.980

11

(=) Vendas Líquidas

 

162.400

 

100

(-) CMV

 

107.222

 

66

(=) Lucro Bruto

 

55.178

 

34

(-) Despesas Operacionais

 

15.700

10

(=) Lucro Operacional

 

39.478

 

24

(-) Provisão para IR

 

10.000

6

(=) Lucro Líquido

 

29.478

 

18

Resposta comentada.

 
 

Conta (ou grupo) a analisar x 100

Para efetuar a AV na DRE a base é a ROL ou VL.

 
 

base

Legenda:

 

ROL Receita Operacional Líquida

 

VL

Vendas Líquidas

Questão 08 (2,0 ponto)

 

Efetuar a análise horizontal da Empresa Resende S.A, tomando com base o Ano X1. Apure os percentuais com zero casas decimais.

 

DISCRIMINAÇÃO

 

31-12-X1

31-12-X2

31-12-X3

 
 

R$

%

R$

%

R$

%

 

Vendas Brutas

 

39.200

100

102.816

262

252.000

 

643

(-) Deduções de vendas

 

5.600

100

11.200

200

19.600

 

350

(=) Vendas Líquidas

 

33.600

100

91.616

273

232.400

 

692

(-) CMV

 

16.800

100

50.120

298

148.960

 

887

(=) Lucro Bruto

 

16.800

100

41.496

247

83.440

 

497

(-) Despesas Operacionais

 

14.280

100

34.440

241

73.640

 

516

(=) Lucro Operacional

 

2.520

100

7.056

280

9.800

389

(-) Imposto de Renda

 

3.640

100

6.552

180

25.452

 

699

(=) Lucro Líquido

 

(1.120)

100

504

(45)

(15.652)

1.398

Resposta comentada.

Para efetuar a AH:

31/12/X2

31/12/X3

31/12/X1

31/12/X1

Questão 07 (1,0 ponto) Tomando por base a Demonstração do Resultado do Exercício de X1 da

31/12/X1 = ano base

OBS: muitos alunos erraram o sinal.

-

 

 

e

 

-

Questão 09 (1,0 ponto) IDECAN - 2013 - COREN-MA - Contador A análise das demonstrações contábeis por índices consiste na confrontação entre os diversos grupos ou contas patrimoniais e de resultado de forma que se estabeleça uma relação lógica, dentre as informações apresentadas sobre a entidade. Relacione corretamente as colunas, de acordo com os preceitos e forma de obtenção de cada índice aplicado na análise das demonstrações contábeis.

  • 1. Índice de Liquidez Imediata.

  • 2. Índice de Liquidez Seca.

  • 3. Índice de Liquidez Corrente.

  • 4. Índice de Liquidez Geral.

) Confronta o ativo circulante com o passivo circulante, porém o ativo circulante não é considerado na sua totalidade. Os estoques são subtraídos. Esta subtração é uma forma de eliminar riscos de realização desse ativo.

(

) Confronta o total de ativos circulantes e realizáveis a longo prazo com o total dos passivos também circulantes e exigíveis a longo prazo.

(

) Confronta as disponibilidades (Caixa, Bancos e Aplicações Financeiras) com o total do passivo circulante.

(

) Confronta os ativos e passivos de curto prazo (circulantes) e estabelece a capacidade de pagamento no período de um ano.

(

A sequência está correta em:

( x

) a) 2, 4, 1, 3

(

) b) 2, 1, 3, 4

(

) c) 3, 2, 1, 4

(

) d) 1, 4, 3, 2

(

) e) 4, 2, 1, 3

Resposta comentada.

(2) Confronta o ativo circulante com o passivo circulante, porém o ativo circulante não é considerado na sua totalidade. Os estoques são subtraídos. Esta subtração é uma forma de eliminar riscos de realização desse ativo.

ILS = AC – Est./PC

( 4 ) Confronta o total de ativos circulantes e realizáveis a longo prazo com o total dos passivos também circulantes e exigíveis a longo prazo.

ILG = AC + ARLP / PE (PC + PNC) ( 1 ) Confronta as disponibilidades (Caixa, Bancos e Aplicações Financeiras) com o total do passivo circulante.

ILI = Disponibilidades / PC

( 3 ) Confronta os ativos e passivos de curto prazo (circulantes) e estabelece a capacidade de pagamento no período de um ano.

ILC = AC / PC

Considere os índices de liquidez da empresa ABC calculados com base no Balanço Patrimonial dos exercícios findos em 31/12/X1 e 31/12/X2:

 

Índice

31/12/X1

31/12/X2

Liquidez Geral

1,02

1,08

Liquidez Corrente

0,90

1,02

Liquidez Seca

0,50

0,60

Liquidez Imediata

0,01

0,02

Com base nos índices de liquidez apresentados, a ) a) empresa, no final dos dois exercícios, possuía ativos que já eram dinheiro ou se

(

(

transformariam em dinheiro, no curto e longo prazos, insuficientes para cobrir a dívida total. ) b) empresa, em 31/12/X2, possuía ativos que já eram dinheiro ou se

(

transformariam em dinheiro, no curto prazo, suficientes para cobrir despesas de curto prazo. ) c) capacidade de a empresa, no final dos dois exercícios, pagar dívidas de curto

(

prazo não se altera quando são excluídos os ativos de conversibilidade mais difícil. x ) d) empresa possuía, em 31/12/X2, para cada R$ 1,00 de dívida com vencimento no

(

curto prazo, R$ 1,02 de ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro no curto prazo. ) e) empresa possuía, em 31/12/X2, R$ 0,02 para cada R$ 1,00 de despesas operacionais incorridas durante o exercício.

Resposta comentada.

Analisando os índices temos:

a) A letra “A” refere-se ao Índice de Liquidez Geral (ILG):

ILG

AC

ARLP

- PC

PNC

ILG ≥ 1 indica que a empresa possui recursos de curto e longo prazo para fazer frente as suas dívidas de curto e longo prazo (dívida total).

ILG < 1não possui recursos de curto e longo prazo suficientes para honrar sua dívida total.

A empresa apresentou em X1 e X2 ILG > 1, portanto a afirmação é FALSA.

b) a A afirmação é FALSA , pois os indicadores de liquidez são extraídos das contas pertencente ao Balanço Patrimonial. A conta de despesa é uma conta de resultado (DRE) é não uma conta patrimonial (Balanço Patrimonial).

c) A letra ”C” é Falsa. Basta comparar os ILS com os ILC.

ILS

AC Estoques

- PC

e

ILC

AC

 

- PC

ILS ≥ 1 indica que a empresa possui recursos de curto prazo para fazer frente as suas dívidas de curto, sem precisar contar com ativos de conversibilidade mais difícil (estoques, despesas antecipadas, por exemplo).

ILS < 1não possui recursos de curto prazo suficientes para honrar sua dívida de curto prazo, sem contar com os ativos de conversibilidade mais difícil.

ILC ≥ 1 indica que a empresa possui recursos de curto prazo para fazer frente as suas dívidas de curto prazo.

ILC < 1não possui recursos de curto prazo suficientes para honrar sua dívida de curto prazo.

Se compararmos os ILS com os ILC percebe-se que ocorreu alteração na capacidade de pagamento das dívidas de curto prazo quando são excluídos os ativos de conversibilidade mais difícil nos exercício findos em 31/12//X1 e 31/12/X2.

31/12/X1

ILC = 0,90

ILS = 0,50

31/12/X2

ILC = 1,02

ILS = 0,60

  • d) A letra “D” é verdadeira.

O ILC indica se há ou não recursos no Ativo Circulante suficientes para quitar as dívidas a curto prazo (PC).

Em 31/12/X2, o ILC = 1,02, mostra que a empresa possui para cada R$ 1,00 de dívida com vencimento no curto prazo, R$ 1,02 de ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro no curto prazo.

Os recursos do ativo circulante podem ser dinheiro ou que se transformariam em dinheiro no curto prazo Ex. Estoque. A leitura do índice de X2 é para cada 1,00 real de dívida a curto prazo a empresa possuía 1,02 reais de ativo de curto prazo para pagamento da dívida. Por isso a afirmativa está correta.

  • e) A letra “E” é Falsa.

As contas de despesas operacionais são contas de resultado (DRE) e não contas patrimoniais (BP), conforme explicado na letra “b”.

Rubrica

Valor (R$)

Caixa

200,00

Bancos

550,00

Estoques

1.690,00

Instalações

680,00

Fornecedores

2.250,00

Impostos a recolher

500,00

O quadro acima mostra as informações extraídas de um balancete de verificação de certa empresa ao final de determinado exercício. Considerando apenas essas rubricas contábeis, julgue os itens seguintes, relativos à situação patrimonial dessa empresa nesse período. A liquidez geral foi menor que 1,25.

(

x

) a. Certo

Resposta comentada.

(

) b. Errado

O ILG é calculado pela seguinte fórmula:

ILG

AC

ARLP

ILG

PC

PNC

2.440

0

2.750

0

= 0,89

AC = 200 + 550 + 1.690 ARLP = 0 PC = 2.250 + 500 2.750 PNC = 0

AC = 2.440

A opção “a” é a correta, pois o ILG apurado (0,89) foi menor que 1,25.

QUESTÃO 01 (0,5 ponto)

"A análise horizontal é realizada extraindo-se relacionamentos percentuais entre itens pertencentes à mesma Demonstração Financeira." Analise a afirmativa.

Esta afirmativa refere-se à análise vertical e não à análise horizontal. A análise horizontal é realizada estabelecendo um ano como base, geralmente o primeiro ano da

série histórica, A esta demonstração referente ao ano base é chamada demonstração padrão. Na demonstração escolhida como base será atribuído o percentual de 100%, conta a conta ou grupo a grupo. Os valores das contas (grupos) das demonstrações da série histórica serão relacionados com aqueles correspondentes ao ano base, mediante aplicação de regra de três simples e direta.

A análise vertical é relativa aos itens ou subgrupos para um único ano, já a análise horizontal observamos a variação em dois ou mais anos, em relação a ano base.

QUESTÃO 02 (0,5 ponto)

O quociente de liquidez seco, do ponto de vista exclusivamente financeiro, é:

(X) a) quanto maior, melhor.

(

) b) quanto menor, melhor.

(

) c) quanto maior, pior.

(

) d) quanto mais próximo à mediana (padrão), melhor.

(

) e) N.R.A.

"A análise horizontal é realizada extraindo-se relacionamentos percentuais entre itens pertencentes à mesma Demonstração Financeira." Analise

QUESTÃO 03 (2,0 pontos, sendo 0,5 ponto para cada resposta certa)

A Empresa Algo Mais apresenta no exercício de 2012, capital circulante líquido positivo. Indique os possíveis efeitos no índice de liquidez corrente, decorrentes das operações abaixo, assinalando:

M – Quando a operação melhora o índice. P – Quando a operação piora o índice. I - Quando a operação não afeta o índice.

Considere cada operação independente das demais.

OPERAÇÃO

ILC

  • a) Pagamento de fornecedor.

M

  • b) Aumento de Capital em dinheiro.

M

  • c) Empréstimos de curto prazo tomado para aquisição de estoques adicionais

P

  • d) Aquisição de imobilizado com financiamento de longo prazo.

I

Uma das maneiras para resolver esta questão é utilizar um balanço patrimonial hipotético e calcular os
Uma das maneiras para resolver esta questão é utilizar um balanço patrimonial hipotético e calcular os
índices de acordo com o solicitado.
Como a empresa apresenta CCL positivo, significa que o AC é maior que o PC. Este dado é importante para
elaborar o BP.
BP hipotético
ATIVO
PASSIVO
AC
Caixa
400
PC
Fornecedores
Empréstimos a pagar
Total
200
Mercadorias
100
100
Total
500
300
ANC
Imobilizado
500
PNC
Empréstimos a Pagar
Total
100
100
Capital
600
TOTAL DO ATIVO
1.000
TOTAL DO PASSIVO
1.000
Testando as opções propostas:
  • a) Pagamento de fornecedor. Esta operação diminui tanto o AC e o PC pelo mesmo valor. Como o CCL é positivo, ou seja, AC > PC; ao reduzir às dívidas de curto prazo a empresa apresentará melhor situação financeira, pois quanto menor o denominador (PC) maior será o QUOCIENTE DE LIQUIDEZ CORRENTE.

Antes da operação

OPERAÇÃO ILC a) Pagamento de fornecedor. M b) Aumento de Capital em dinheiro. M c) Empréstimos
OPERAÇÃO ILC a) Pagamento de fornecedor. M b) Aumento de Capital em dinheiro. M c) Empréstimos

Após a operação

b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
  • b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como o ILC é apurado pela divisão do AC pelo PC, isto significa que o ILC aumenta.

b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
  • c) Empréstimos de curto prazo tomado para aquisição de estoques adicionais Esta operação aumenta o AC e aumenta o PC pelo mesmo valor. Como o CCL é positivo, ou seja, AC > PC; ao aumentar às dívidas de curto prazo a empresa apresentará pior situação financeira, pois quanto maior o denominador (PC) menor será o QUOCIENTE DE LIQUIDEZ CORRENTE.

b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como

d) Aquisição de imobilizado com financiamento de longo prazo.

Esta operação não afeta o AC e o PC e sim o Imobilizado e o PNC; portanto o ILC não se altera.

b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como
b) Aumento de Capital em dinheiro Esta operação aumenta o AC e aumenta o PL. Como

QUESTÃO 04 (1,0 ponto) Uma empresa possui um capital circulante líquido de $ 950, Passivo Circulante de $ 2.500 e estoque de

$ 1.000. Qual é o seu índice de liquidez corrente? E seu índice de liquidez seca? Demonstre os cálculos com duas casas decimais.

a)

ILC

b)

ILS

     
   

CCL = AC – PC 950 = AC – 2.500

     

AC =3.450

 
       

ILC = 1,38

ILS = 0,98

QUESTÃO 05 (0,5 ponto) CESGRANRIO – 2012 – Chesf – Profissional de Nível Superior - Administração

O índice que evidencia se os recursos financeiros aplicados no Ativo Circulante e no Ativo Realizável a Longo Prazo são suficientes para cobrir as obrigações totais é denominado Índice de Liquidez

(

) a) Corrente

( X ) b) Geral

(

) c) imediata

(

) d) Não Corrente

(

) e) Seca

$ 1.000. Qual é o seu índice de liquidez corrente? E seu índice de liquidez seca?

Explique o que significa uma empresa ter um índice de liquidez corrente igual a 0,5. A empresa estaria em melhor situação se tivesse um índice de liquidez corrente igual a 1,5? E se fosse 15,0? Explique suas respostas.

O ILC igual a 0,5 indica que para cada R$ 1,00 de dívidas de curto prazo, a empresa dispõe de recursos aplicados no seu AC de apenas R$ 0,50, ou seja, suficiente apenas para honrar metade de suas dívidas de curto prazo.

Um índice de liquidez de 1,5 mostra uma situação financeira bastante favorável, pois para cada R$ 1,00 de dívidas de curto prazo a empresa dispõe no seu AC de R$ 1,5.

Os índices de liquidez de um modo geral, quanto maior o índice de liquidez, melhor será a situação financeira da empresa. No entanto um índice muito elevado, por exemplo, ILC = 15,0 pode indicar uma situação anormal Cabe ao analista averiguar as contas que fazem parte do AC, para detectar alguns aspectos desfavoráveis, tais como: superinvestimentos em ESTOQUES, atrasos de DUPLICATAS A RECEBER, dinheiro parado na conta CAIXA, etc.

QUESTÃO 07 (1,0 ponto) CESGRANRIO – 2013 – BNDES – Profissional Básico – Engenharia

Uma empresa possui em seu Balanço Patrimonial, mais especificamente em seu Ativo Circulante, registros de valores financeiros maiores que zero em cada uma das seguintes contas: “Disponível”, “Clientes” e “Estoque”. Em seu Passivo Circulante, encontram-se valores financeiros maiores que zero nas contas: “Salários e Encargos Sociais”, “Fornecedores” e “Obrigações Fiscais”. Sendo assim, a relação entre o seu índice de liquidez corrente (ILC), o seu índice de liquidez seca (ILS) e o seu índice de liquidez imediata (ILI) será

(

X ) a) a) ILC > ILS > ILI

(

) b) b) ILC ≥ ILS = ILI

(

) c) c) ILI > ILS > ILC

(

) d) ILI ≥ ILS ≥ ILC

(

) e) ILS > ILC > ILI

O enunciado informa que as contas que compõem o AC e o PC apresentam saldos diferentes
O enunciado informa que as contas que compõem o AC e o PC apresentam saldos diferentes de
zero.
Nesta questão o AC é composto de disponível, clientes e estoque.
O ILI é apurado pela seguinte fórmula:
O ILS é apurado pela seguinte fórmula:
O ILC é apurado pela seguinte fórmula:
Observe que o denominador de todas as fórmulas tem o mesmo valor (PC), portanto quanto menor
for o valor do numerador, menor será o resultado da fração (índice).
O numerador do ILI é composto apenas de disponível, portanto apresenta um valor menor do que o
total do AC (numerador do ILC) e do AC – Estoque (numerador do ILS); portanto, o ILI é o menor
dos três.
O ILS o numerador é composto de AC – Estoque, portanto maior do que o valor disponível e menor
do valor do AC. Como o valor de estoque é diferente de zero, o ILS nunca poderá ser igual ao ILC;
portanto maior que ILI e menor que o ILC.
QUESTÃO 08 (2,0 pontos, sendo 0,083333333 para cada resposta certa)
Efetuar uma análise horizontal e vertical dos passivos da Empresa Alvorada S.A, tomando como base o ano
de 2009, arredondando os percentuais com duas casas decimais.
 

31/12/2

31/12/2

31/12/2

           

DISCRIMINAÇÃO

009

010

011

 

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

$ MIL

%

%

$ MIL

%

%

$ MIL

%

%

PC

34.000

38,96

100,00

100.000

99,40

294,12

150.000

64,99

441,18

PNC

8.260

9,47

100,00

5.600

5,57

67,80

12.800

5,55

154,96

PL

45.000

51,57

100,00

(5.000)

(4,97)

(11,11)

68.000

29,46

151,11

PT

87.260

100,00

100,00

100.600

100,00

115,29

230.800

100,00

264,50

Exemplo: Aplicação da AV no PC, em 2009.

=

AH => comparação dos valores de um ano em relação à ano base escolhido (2009). A
AH => comparação dos valores de um ano em relação à ano base escolhido (2009).
A demonstração referente ao ano base é chamada demonstração padrão. Na demonstração de 2009 será
atribuído o percentual de 100%, conta a conta ou grupo a grupo. Os valores das contas (grupos) das
demonstrações de 2010 e 2011 serão relacionados com aqueles correspondentes a 2009 (ano base),
mediante aplicação de regra de três simples e direta.
Fórmulas:
Exemplo: Aplicação da AH no PC, em 2010.

QUESTÃO 09 ( 1,0 ponto) FCC – 2012 – TER-PR – Analista Judiciário – Contabilidade

Considere os índices de liquidez da empresa ABC calculados com base no Balanço Patrimonial dos exercícios findos em 31/12/X1 e 31/12/X2:

Índice

31/12/X1

31/12/X2

Liquidez Geral

1,02

1,08

Liquidez Corrente

0,90

1,02

Liquidez Seca

0,50

0,60

Liquidez Imediata

0,01

0,02

Com base nos índices de liquidez apresentados, a

(

) a) empresa, no final dos dois exercícios, possuía ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro, no curto e longo prazos, insuficientes para cobrir a dívida total.

(

) b) empresa, em 31/12/X2, possuía ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro, no curto prazo, suficientes para cobrir despesas de curto prazo.

(

) c) capacidade de a empresa, no final dos dois exercícios, pagar dívidas de curto prazo não se altera quando são excluídos os ativos de conversibilidade mais difícil.

( X ) d) empresa possuía, em 31/12/X2, para cada R$ 1,00 de dívida com vencimento no curto prazo, R$ 1,02 de ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro no curto prazo.

(

) e) empresa possuía, em 31/12/X2, R$ 0,02 para cada R$ 1,00 de despesas operacionais incorridas durante o exercício.

QUESTÃO 09 ( 1,0 ponto) FCC – 2012 – TER-PR – Analista Judiciário – Contabilidade ConsidereCESPE - 2010 - DETRAN-ES - Contador (0,5 ponto) " id="pdf-obj-15-78" src="pdf-obj-15-78.jpg">

A respeito de elaboração e análise dos demonstrativos contábeis de entidades públicas ou privadas, julgue o item seguinte.

Na análise da evolução nominal ou análise horizontal, o analista estabelece que determinado período representa a base 100 e o compara percentualmente aos demais períodos, desconsiderando os efeitos da inflação.

) a) certo Resposta comentada

(

x

(

) b) errado

Quando aplicamos a AH com os valores constantes das demonstrações, isto é, valores originais, a evolução é nominal, isto é, não levamos em conta os efeitos inflacionários. E quando eliminamos os efeitos da inflação, isto é, todos os valores das demonstrações financeiras convertidos à moeda de uma mesma data, a evolução é real.

II – CESPE – 2012 – MPE-PI – Analista Ministerial – Controle Interno – Cargo 3 (0,5 ponto)

rubrica

Valor (R$)

Caixa

200,00

Bancos

550,00

Estoques

1.690,00

Instalações

680,00

Fornecedores

2.250,00

impostos a recolher

500,00

O quadro acima mostra as informações extraídas de um balancete de verificação de certa empresa ao final de determinado exercício. Considerando apenas essas rubricas contábeis, julgue os itens seguintes, relativos à situação patrimonial dessa empresa nesse período.

A liquidez geral foi menor que 1,25.

(

x

) a) certo

(

) b) errado

Resposta comentada.

Para resolver esta questão é necessário apurar os valores do AC, ARLP, PC e PNC, que fazem parte da fórmula do ILG.

AC = 2.440 (200 + 550 + 1.690) ARLP = 0 PC = 2.750 (2.250 + 500) PNC = O

Aplicando a fórmula do ILG tem-se :

ILG = 0,89 0,89 < 1,25,, portando letra a

III - Se o número-índice for positivo, a taxa de variação é o próprio número-índice. (0,5 ponto)

(

) a) certo

(

x

) b) errado

Resposta comentada. Você viu na Aula 5 que a taxa de variação é dada pela seguinte fórmula:

Taxa de variação = Número-índice – 100% Se o número índice for positivo temos duas situações, conforme demonstrado a seguir:

  • a. Número-índice > 100% Por exemplo, número-índice = 110% Taxa de variação = 110% – 100% Taxa de variação = 10%

  • b. Número- índice < 100% Por exemplo, número-índice = 90% Taxa de variação = 90% – 100% Taxa de variação = - 10%

Donde se conclui que se o número-índice for positivo, a taxa de variação é o que exceder a 100% ou o que faltar para 100%.

IV - CESPE - 2009 - ANTAQ - Especialista em regulação – Economia (ADAPTADA) (0,5 ponto)

Considere os seguintes dados, em milhares de reais, extraídos do balanço da empresa hipotética Transporte Maritimo S.A

Ativo circulante

500

Ativo realizável a longo prazo

100

Ativo imobilizado

50

Passivo circulante

400

Passivo não circulante

80

A partir dessas informações, julgue os itens que se seguem.

Com índice de liquidez geral de 1,25, a Transporte Marítimo S.A. possui bens e direitos de curto e longo prazos suficientes para cobrir as dívidas assumidas no seu passivo.

) a) certo Resposta comentada.

(

x

(

) b) errado

Você viu na Aula 7 que o ILG mostra a capacidade financeira da empresa para saldar todas as suas exigibilidades (PC e PNC) , contando com os recursos aplicados no AC e no ARLP.

O ILG = 1,25 significa que para cada R$ 1 de dívida a empresa possui R$ 1,25 para pagar.

QUESTÃO 02 (1,0 ponto) FCC – 2010 – Sergipe Gás S.A – Contador (1,0 ponto)

O patrimônio de uma empresa possui a seguinte formação: (Valores em reais):

Ativo Circulante

820.000

Ativo Não Circulante

2.180.000

Passivo Circulante

800.000

Passivo Não Circulante

1.200.000

Patrimônio Líquido

1.000.000

Se essa empresa não possuir estoque inicial ou final, o índice de liquidez

(

) a) geral é igual a 2.

( x ) b) seca será igual ao de liquidez corrente.

(

) c) geral será 0,5.

(

) d) seca é igual a 1,8.

(

) e) corrente será igual ao de liquidez geral.

A opção correta é a “b” Como a questão informa que a empresa não possui estoque inicial nem final, significa que o ILS será igual ao ILC conforme demonstrado a seguir:

Estoque = 0

QUESTÃO 02 (1,0 ponto) FCC – 2010 – Sergipe Gás S.A – Contador (1,0 ponto) O

Algebricamente, teríamos:

QUESTÃO 02 (1,0 ponto) FCC – 2010 – Sergipe Gás S.A – Contador (1,0 ponto) O

QUESTÃO 03 (1,0 ponto)

CESGANRIO – 2008 – Petrobrás – Contador

Um analista, fazendo a análise de Balanço de duas Companhias diferentes, apurou os seguintes índices de liquidez corrente:

Companhia "Alfa" 1,825 Companhia "Beta" 1,979

Admita agora que foram realizadas as seguintes operações, nas Companhias:

● “Alfa”: compra de mercadorias a prazo; ● “Beta”: pagamento de uma dívida de curto prazo.

Tais operações iriam provocar mudança no índice da liquidez corrente?

( X ) a) Sim, diminuição na Companhia Alfa e aumento na Companhia Beta.

(

) b) Sim, redução nas duas Companhias.

(

) c) Sim, aumento nas duas Companhias.

(

) d) Sim, aumento na Companhia Alfa e diminuição na Companhia Beta.

(

) e) Não, continuaria exatamente igual, nas duas Companhias.

A resposta correta é a letra “a”.

Resposta comentada. Considerando os dados fornecidos pela questão, podemos atribuir valores hipotéticos para o AC e PC, conforme demonstrado a seguir:

 

ALFA

BETA

 

Se ILC = 1,825, por hipótese tem-se:

 

Se ILC = 1,979, por hipótese tem-se:

AC = 1.825 PC = 1.000

AC = 1.979 PC = 1.00

       

Mercadorias = 100 Fornecedores = 100

Pagamento de uma dívida de curto prazo, Por exemplo de 100,00

Após operação:

Após operação:

 

AC = 1.979 – 100

 

AC = 1.825 + 100 AC = 1.925

AC = 1.879

 

PC = 1.000 - 100

PC = 1.000 + 100 PC = 1.100

PC =

900

DIMINUIU O ILC APÓS OPERAÇÃO

AUMENTOU O ILC APÓS OPERAÇÃO

QUESTÃO 04 (1,0 ponto)

UFPR – 2010 – UFPR - Contador

Uma empresa apresentou os seguintes índices: Liquidez Corrente = 1,80; Liquidez Seca = 0,70; Liquidez Geral = 0,70. Com base nesses dados, assinale a alternativa correta.

(

) a) A empresa não recorre a financiamento de terceiros.

(

) b) O índice de Liquidez Corrente é muito baixo.

( X ) c) Os estoques representam mais da metade do Ativo Circulante. ( ) d) Para resolver a situação financeira de curto prazo, a empresa terá de utilizar os valores aplicados no imobilizado. ) e) Evidenciam-se a capacidade de pagamentos e a viabilidade econômica do empreendimento.

(

A opção correta é a letra “c”.

Resposta comentada:

A questão forneceu os seguintes dados:

Atribuindo valores hipotéticos na fórmula do ILC:

ILC = 1,8

AC = 1,80 PC

Se PC = 100, então AC = 1,80 x 100, ou seja AC = 180

Substituindo o AC e o PC na fórmula do ILS apura-se o valor dos Estoques

  • 180 – Estoques = 0,70 x 100

  • 180 – Estoques = 70

  • 180 – 70 = Estoques

  • 110 = Estoques

Logo os Estoques representam mais da metade do AC que é $ 90 ($ 180/2).

QUESTÃO 05 (1,0 ponto)

FCC – 2012 – TRT – 6ª Região (PE) – Analista Judiciário - Contabilidade

A partir da análise das demonstrações financeiras da empresa AGA, obteve-se os seguintes indicadores: Grau de Endividamento (participação de capitais de terceiros em relação ao capital próprio) 200%; Composição do Endividamento 40%, Liquidez Corrente 1,6 e Liquidez Geral 1,0. Sabendo que o Ativo Total era R$ 375.000,00, o seu Ativo Circulante era, em reais,

(

) a) 240.000.

( x) b) 160.000.

(

) c) 150.000.

(

) d) 125.000.

(

) e) 100.000.

A opção correta é a letra “b”.

Resposta comentada.

O enunciado da questão informa que o Grau de Endividamento é calculado pela seguinte fórmula:

QUESTÃO 05 (1,0 ponto) FCC – 2012 – TRT – 6ª Região (PE) – Analista Judiciário

PE = 2 PL

AT = PE+ PL

375.000

= 2 PL + PL

375.000

= 3 PL

PL = 125.000

PE = 2PL

PE = 2 x 125.000

PE = 250.000

Você viu em Contabilidade que o PE = PC + PNC

250.000

= PC + PNC

Para apurarmos o Passivo Circulante vamos utilizar a fórmula da Composição do Endividamento

Substituindo o PE na fórmula, temos: 0,40 x 250.000 = PC PC = 100.000 Para apurarmos
Substituindo o PE na fórmula, temos: 0,40 x 250.000 = PC PC = 100.000 Para apurarmos

Substituindo o PE na fórmula, temos:

Substituindo o PE na fórmula, temos: 0,40 x 250.000 = PC PC = 100.000 Para apurarmos

0,40 x 250.000 = PC

PC = 100.000

Para apurarmos o AC basta utilizar a fórmula do ILC

  • =

AC = 160.000

Substituindo o PE na fórmula, temos: 0,40 x 250.000 = PC PC = 100.000 Para apurarmos

AC = 1,6 x 250.000

=>

QUESTÃO 06 (1,0 ponto)

FCC – 2012 – TER-PR – Analista Judiciário – Contabilidade

Considere os índices de liquidez da empresa ABC calculados com base no Balanço Patrimonial dos exercícios findos em 31/12/X1 e 31/12/X2:

QUESTÃO 06 (1,0 ponto) FCC – 2012 – TER-PR – Analista Judiciário – Contabilidade Considere os

Com base nos índices de liquidez apresentados, a ) a) empresa, no final dos dois exercícios, possuía ativos que já eram dinheiro ou se

(

transformariam em dinheiro, no curto e longo prazos, insuficientes para cobrir a dívida total.

) b) empresa, em 31/12/X2, possuía ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro, no curto prazo, suficientes para cobrir despesas de curto prazo.

(

) c) capacidade de a empresa, no final dos dois exercícios, pagar dívidas de curto prazo não se altera quando são excluídos os ativos de conversibilidade mais difícil.

(

( X ) d) empresa possuía, em 31/12/X2, para cada R$ 1,00 de dívida com vencimento no curto prazo, R$ 1,02 de ativos que já eram dinheiro ou se transformariam em dinheiro no curto prazo.

) e) empresa possuía, em 31/12/X2, R$ 0,02 para cada R$ 1,00 de despesas operacionais incorridas durante o exercício.

(

A opção correta é a letra “d”.

Resposta comentada.

  • a. Errada, pois o indicador responsável pela capacidade de pagamento (ILG), nos dois exercícios apresentam-se maiores que a unidade.

  • b. Errada, pois todos os índices de liquidez têm como denominadores exigibilidades e não despesas.

  • c. Errada, ao excluirmos os ativos de conversibilidades mais difíceis iria reduzir o AC e o ARLP, portanto, reduziria a capacidade de pagamento da empresa.

Em outras palavras, o numerador iria diminuir e consequentemente o resultado também.

  • d. Correto, pois o ILC = 1,02 significa que para cada R$ 1,00 de dívida de curto prazo, a empresa possui no AC ( bens ou direitos realizáveis a curto prazo) R$ 1,02.

  • e. Errada, pois todos os índices de liquidez têm como denominadores exigibilidades e não despesas

QUESTÃO 07 (1,0 ponto)

FCC – 2011 – TRCE-SE – Técnico de Controle Externo (adaptada)

Uma pessoa jurídica apresenta o seguinte Balanço Patrimonial em 31-12-2010:

QUESTÃO 07 (1,0 ponto) FCC – 2011 – TRCE-SE – Técnico de Controle Externo (adaptada) Uma

O índice de endividamento dessa companhia, definido como a proporção, em percentagem, do Ativo Total que é financiado por capital de terceiros, foi, nesse exercício, igual a

(

) a) 55,0

(

) b) 12,0

(

) c) 62,5

(

) d) 15,0

(

X

) e) 45,0

A opção correta é a letra “e “.

Resposta comentada.

Nesta questão o ET determina a proporção dos ativos totais financiados com recursos de terceiros.

PE = PC + PNC

PE = 120.000 + 240.000

PE = 360.000

ET = 45%

QUESTÃO 08 (1,0 ponto) A Indústria de Tecidos Matarazzo apresenta o seguinte dados de produção no período de 2009 a 2012.

Milhares de m2

TECIDO

2009

2010

2011

2012

Algodão

1

2

3

3

Brim

28

34

40

50

Cetim

16

22

28

34

Tafetá

20

24

28

36

Use o ano de 2010 como base. Calcule o que se pede a seguir:

 

a.

Qual a participação do tecido Brim na produção de 2011, com uma casa decimal? (0,25 ponto)

 

b.

Qual a participação do tecido Tafetá na produção de 2012, com uma casa decimal? (0,25 ponto)

c.

De quanto foi a evolução ou involução da produção do tecido Algodão em 2011, com uma casa decimal? (0,25 ponto)

d.

De quanto foi a evolução ou involução da produção do tecido Cetim em 2012, com uma casa decimal? (0,25 ponto)

Resposta comentada Para resolver esta questão você deverá utilizar as técnicas de AV e AH. A técnica de AV indica a participação de cada item em relação ao total de que faz parte.

 

A técnica de AH indica a evolução ou involução de cada item em relação ao ano-base, através da taxa de variação.

 

Você vi na Aula 5 que na AH você deverá escolher um ano como base. Nesta questão o ano-base escolhido foi o de 2010.

TECIDO

 

2010

2011

2012

       
   

Milhares de

AH

Milhares

 

AV

AH

Milhares

AV

AH

m2

 
 

%

de m2

 

%

%

de m2

%

%

Algodão

 

2

100,

3

3,0

150,

 

3

2,4

150,

 

0

 

0

   

0

Brim

 
  • 34 100,

0

 
  • 40 117,6

40,4

 
  • 50 147,

40,7

1

Cetim

 
  • 22 100,

0

 
  • 28 127,

28,3

3

 
  • 34 154,

27,6

5

Tafetá

 
  • 24 100,

0

 
  • 28 116,7

28,3

 
  • 36 150,

29,3

0

TOTAL

 
  • 82 100,

 
  • 99 120,

100,

 

123

100,

150,

0

 

0

7

 

0

 

0

a.

Qual a participação do tecido Brim na produção de 2011, com uma casa decimal? AV => 40,4 %

 

b.

Qual a participação do tecido Tafetá na produção de 2012, com uma casa decimal?

 

AV => 29,3 %

  • c. De quanto foi a evolução ou involução da produção do tecido Algodão em 2011, com uma casa decimal? A evolução ou involução é dada pela Taxa de variação. Taxa de Variação = Nº índice – 100,0¨% Taxa de Variação = 150,0% - 100,0% Taxa de Variação = 50,0% A produção de Algodão em 2011 cresceu de 50,0% em relação ao ano-base (2010).

  • d. De quanto foi a evolução ou involução da produção do tecido Cetim em 2012, com uma casa decimal? (0,25 ponto)

A evolução ou involução é dada pela Taxa de Variação para tanto você precisará determinar o nº

índice.

Taxa de Variação = Nº índice – 100¨% Taxa de Variação = 154,5% - 100% Taxa de Variação = 54,5 % A produção de Cetim em 2012 cresceu de 54,5% em relação ao ano-base (2010).

QUESTÃO 09 (1,0 ponto)

O índice de participação de capitais de terceiros em relação ao capital próprio da Empresa Almas Gêmeas Ltda. é igual a 1,8 e o índice de composição do endividamento é de 0,50. Aplicando a técnica de Análise Vertical, a que percentual corresponde o Passivo Circulante (zero casa decimal)?

Resposta

PC representa 32% do Passivo Total

Resposta comentada.

Índice de participação dos capitais de terceiros em relação ao capital próprio = 1,8

QUESTÃO 09 (1,0 ponto) O índice de participação de capitais de terceiros em relação ao capital

PE = 1,8 PL

Se PL = 100, então PE = 180

Índice de composição do endividamento é dado pela seguinte fórmula:

QUESTÃO 09 (1,0 ponto) O índice de participação de capitais de terceiros em relação ao capital

PC = 0,50 PE

PE = PC + PNC

Se PC representa a metade de PE, então PNC representa a outra metade do PE, então PC = PNC

PC = PNC = 0,50 PE

PC = PNC = 0,50 x 180

PC = PNC = 90

PT = PC + PNC + PL

PT = 90 + 90 + 100

PT = 280

Aplicando a AV no PT temos:

DISCRIMINAÇÃO

VALOR

AV

R$

%

PC

90

32

PNC

90

32

PL

100

36

TOTAL

280

100

GABARITO da AD1 2º. SEMESTRE DE 2012

Questão 1: Sanear (ajustar) os Balanços Patrimoniais e aplicar as técnicas de análise vertical e horizontal

INDUSTRIA ANA BELA S.A.

 

31/12/X1

 

31/12/X2

 

31/12/X3

 

ATIVO

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

R$ MIL

%

%

R$ MIL

%

%

R$ MIL

%

%

ATIVO CIRCULANTE:

Disponibilidades (1)

93.052

6,2

100,0

93.612

5,2

100,6

96.768

4,3

104,0

Direitos Realizáveis a CP (2)

271.652

18,1

100,0

394.253

21,9

145,1

501.845

22,3

184,7

Soma (3) = (1+2)

364.704

24,3

100,0

487.865

27,1

133,8

598.613

26,6

164,1

Estoques (4)

463.770

30,9

100,0

563.475

31,3

121,5

756.143

33,6

163,0

TOTAL DO AC (5) = (3 + 4)

828.474

55,2

100,0

1.051.340

58,4

126,9

1.354.756

60,2

163,5

ATIVO NAO-CIRCULANTE:

. Ativo Realizável a LP (6)

15.008

1,0

100,0

7.201

0,4

48,0

6.751

0,3

45,0

. Investimentos (7)

139.578

9,3

100,0

102.614

5,7

73,5

103.520

4,6

74,2

. Ativo Imobilizado (8)

499.780

33,3

100,0

619.283

34,4 123,9

760.644

33,8

152,2

. Ativo Intangível (9)

18.010

1,2

100,0

19.802

1,1

110,0

24.754

1,1

137,4

TOTAL ANC (10) = (6+7+8+9)

672.376

44,8

100,0

748.900

41,6

111,4

895.669

39,8

133,2

ATIVO TOTAL (11) = (5 +10)

1.500.840

100,0

100,0

1.800.240

100,0

119,9

2.250.425

100,0

125,0

 
 

31/12/X1

 

31/12/X2

 

31/12/X3

 

PASSIVO

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

R$ MIL

%

%

R$ MIL

%

%

R$ MIL

%

%

PASSIVO CIRCULANTE (1)

303.170

20,2

100,0

331.244

18,4

109,3

366.819

16,3

121,0

PASSIVO NÃO-CIRCULANTE (2)

291.163

19,4

100,0

320.443

17,8

110,1

351.066

15,6

120,6

PASSIVO EXIGÍVEL (3) = (1 + 2)

594.333

39,6

100,0,

651.687

36,2

109,7

717.885

31,9

120,8

PATRIMÔNIO LÍQUIDO (4)

 

906.507

60,4

100,0

1.148.553

63,8

126,7

1.532.540

68,1

169,1

PASSIVO TOTAL (3+$)

1.500.840

100,0

100,0

1.800.240

100,0

119,9

2.250.425

100,0

125,0

Questão 2: Sanear (ajustar) as Demonstrações dos Resultados dos Exercícios e aplicar as técnicas de análise vertical e horizontal

INDUSTRIA ANA BELA S.A.

 

X1

X2

X3

DISCRIMINAÇÃO

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

R$

%

%

R$

%

%

R$

%

%

ROB (1)

1.476.855

115,3

100,0

1.640.039

116,4

111,0

1.672.727

16,6

113,3

(-) Deduções de Vendas (2)

195.975

15,3

100,0

231.071

16,4

117,9

238.141

16,6

121,5

(=) ROL (3) = (1 – 2)

1.280.880

100,0

100,0

1.408.968

100,0

110,0

1.434.586

100,0

112,0

(-) CPV (4)

728.821

56,9

100,0

786.204

55,8

107,9

791.892

55,2

108,7

(=) LUCRO BRUTO (5) = (3 – 4)

552.059

43,1

100,0

622.764

44,2

112,8

642.694

44,8

116,4

(-) Desp. Operac (6) = (7 + 8 + 9 + 10)

477.769

37,3

100,0

483.276

34,3

101,2

473.414

33,0

99,1

. Vendas (7)

227.997

17,8

100,0

222.617

15,8

97,6

218.057

15,2

95,6

. Gerais e Administrativas (8)

188.289

14.7

100,0

201.482

14,3

107,0

199.408

13,9

105,9

. Financeiras Líquidas (9)

46.112

3,6

100,0

43.678

3,1

94,7

43.038

3,0

93,3

. Outras Despesas. (10)

15.371

1,2

100,0

15.499

1,1

100,8

12.911

0,9

84,0

(=) Lucro Operacional (11) = (5 – 6)

74.290

5,8

100,0

139.488

9,9

187,8

169.280

11,8

227,9

(+ou-) Outras Receitas/ Outras Desp. (12)

-

-

100,0

-

-

-

-

-

-

(=) Lucro antes do IR (13) = (11 + 12)

74.290

5,8

100,0

139.488

9,9

187,8

169.280

11,8

227,9

(-) Provisão para IR (14)

11.528

0,9

100,0

29.588

2,1

256,7

34.430

2,4

298,7

(-) Participações (15)

8.966

0,7

100,0

22.544

1,6

251,4

27.257

1,9

304,0

(=) Lucro Líquido (16) = (13 – 14 – 15)

53.796

4,2

100,0

87.356

6,2

162,4

107.593

7,5

200.0

Com base na análise Vertical/Horizontal da INDÚSTRIA ANA BELA S.A responda as questões a

seguir:

 

Questão 3

No ano X2, o crescimento da ROL foi inferior ao aumento do CMV, em relação ao ano X1.

(

X

) certo

(

) errado

A ROL cresceu 10% (110% - 100%), enquanto o CMV cresceu 7,9% (107,9% - 100%)

Questão 4 Diminuiu a participação das despesas financeiras líquidas ao longo do período analisado.

(

X

) certo

(

) errado

seguir: Questão 3 No ano X2, o crescimento da ROL foi inferior ao aumento do CMV,

Em X1 a participação das Despesas Financeiras líquidas foi de 3,6%, em X2 de 3,1% e finalmente no ano X3 foi de 3,0%

Questão 5

No período em análise, comparado com a ROL, o CMV:

(

) apresenta ritmo crescente

( X ) apresenta ritmo decrescente

(

) mantém-se constante

seguir: Questão 3 No ano X2, o crescimento da ROL foi inferior ao aumento do CMV,

Em X1 a participação do CVM em relação a ROL foi de 56,9%, no ano X2 foi de 55,8% e em X3 de 55,2%.

Questão 6 Em que ano do período analisado as despesas financeiras tiveram a maior participação em relação a ROL.

(

X

) ano X1

(

) ano X2

(

) ano X3

seguir: Questão 3 No ano X2, o crescimento da ROL foi inferior ao aumento do CMV,

Em X1 a participação das despesas financeiras em relação a ROL foi de 3,6%, contra 3,1% em X2 e 3,0% em X3.

Questão 7 Comparando-se o Ativo Total do ano X3 em relação a X1, de quanto foi o crescimento real?

seguir: Questão 3 No ano X2, o crescimento da ROL foi inferior ao aumento do CMV,

51%

Resposta comentada:

Para responder esta questão os valores do Ativo Total devem ser deflacionados ou inflacionados. a) Valores deflacionados:

IGP da demonstração mais antiga Fator de conversão = IGP do ano a ser corrigido
IGP da demonstração mais antiga
Fator de conversão =
IGP do ano a ser corrigido

Fator de conversão de 31/12/X2 para 31/12/X1 = 1,1120 / 0,9824 = 1,132

Fator de conversão de 31/12/X3 para 31/12/X1 = 1,1120 / 1,1076 = 1,004

Deflacionando os valores do Ativo Total, teríamos:

DISCRIMINADO

31/12/X1

31/12/X2

31/12/X3

Ativo Total (valores originais) (1) – R$ MIL

1.500.840

1.800.240

2.250.425

Fator de conversão (2)

1,000

1,132

1,004

Ativo Total (valores deflacionados) (1 x 2) – R$ MIL

1.500.840

2.037.872

2.259.427

AH - %

100

136

151

Taxa de variação = Nº índice – 100% Taxa de variação = 151% - 100% Taxa de variação = 51%

b) Valores inflacionados

IGP do último ano Fator de conversão = IGP do ano a ser corrigido
IGP do último ano
Fator de conversão =
IGP do ano a ser corrigido

Fator de conversão de 31/12/X1 para 31/12/X3 = 1,1076 / 1,1120 = 0,996

Fator de conversão de 31/12/X2 para 31/12/X3 = 1,1076 / 0,9824 = 1,127

Inflacionando os valores do Ativo Total, teríamos:

DISCRIMINADO

31/12/X1

31/12/X2

31/12/X3

Ativo Total (valores originais) (1) – R$ MIL

1.500.840

1.800.240

2.250.425

Fator de conversão (2)

0,996

1,127

1,000

Ativo Total (valores inflacionados) (1 x 2) – R$ MIL

1.494.837

2.028.970

2.250.425

AH - %

100

136

151

Taxa de variação = Nº índice – 100% Taxa de variação = 151% - 100% Taxa de variação = 51%

Deflacionando ou inflacionado os valores do Ativo Total, o resultado é o mesmo, ou seja, crescimento real de 51%.

Questão 8 Comparando-se o Ativo Total do ano X3 em relação ao ano X1, de quanto foi o crescimento nominal?

25,0 %
25,0 %

Taxa de variação = Nº índice – 100,0% Taxa de variação = 125,0% - 100,0% Taxa de variação = 25,0%

Questão 09 Comparando-se o Lucro Operacional do ano X3 em relação ao ano X1, de quanto foi o acréscimo nominal?

127,9 %
127,9 %

Taxa de variação = Nº índice – 100% Taxa de variação = 227,9 – 100,0%

Taxa de variação = 127,9 %

Questão 10 Levando-se em conta os dados da DRE da INDÚSTRIA ANA BELA S.A., podemos afirmar que, em termos relativos, o Resultado Final do ano X3 (cresceu ou decresceu) em 100,0 % em relação ao ano X1. Resposta comentada: Cresceu de 100%

Taxa de variação = Nº índice – 100,0% Taxa de variação =200,0% – 100,0% Taxa de variação = 100,0%

Questão 11 Analisando o Ativo da INDÚSTRIA ANA BELA S.A., nos anos X1, X2 e X3, qual foi o grupo que teve a maior evolução nominal se comparado ao ano X1?

( X ) Ativo Circulante

(

) Ativo Não Circulante

Em todo o período analisado o AC teve crescimento superior ao ocorrido no ANC, conforme demonstrado a seguir:

AC =>

X2 em relação a X1 => crescimento de 26,9%

ANC => X2 em relação a X1 => crescimento de 11,4%

AC =>

X3 em relação a X2 => crescimento de 63,5%

ANC => X3 em relação a X2 => crescimento de 33,7%

Questão 12 Em que ano a INDÚSTRIA ANA BELA S.A. apresentou maior dependência aos capitais de terceiros?

(

X

) ano X1

(

) ano X2

(

X

) ano X3

DISCRIMINAÇÃO

X1

X2

X3

 

AV

AV

AV

PASSIVO EXIGÍVEL

39,2%

36,2%

31,9%

Questão 01 (2,0 pontos, sendo 0,08333333 para cada resposta certa) Efetuar uma análise horizontal e vertical dos passivos da Empresa Alvorada S.A, tomando como base o ano de 2008, arredondando os percentuais com duas casas decimais.

DISCRIMINAÇÃO

31/12/2008

31/12/2009

31/12/2010

 

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

VALOR

AV

AH

$ MIL

%

%

$ MIL

%

%

$ MIL

%

%

Passivo Circulante

10.000

10,00

100,00

6.000

10,91

60,00

24.000

18,46

240,00

Passivo não Circulante

20.000

20,00

100,00

15.000

27,27

75,00

45.000

34,62

225,00

Patrimônio Líquido

70.000

70,00

100,00

34.000

61,82

48,57

61.000

46,92

87,14

Total

100.000

100,00

100,00

55.000

100,00

55,00

130.000

100,00

130,00

O patrimônio de uma empresa possui a seguinte formação: (Valores em reais):

Ativo Circulante

820.000

Ativo não Circulante

2.180.000

Passivo Circulante

800.000

Passivo Não Circulante

1.200.000

Patrimônio Líquido

1.000.000

Se essa empresa não possuir estoque inicial ou final, o índice de liquidez

(

) a) geral é igual a 2.

( x ) b) seca será igual ao de liquidez corrente.

(

) c) geral será 0,5.

(

) d) seca é igual a 1,8.

(

) e) corrente será igual ao de liquidez geral.

Resposta comentada:

A opção b é a correta.

Como a empresa não possui EI e nem EF, o ILC = ILS, bastando aplicar as fórmulas:

ILS

AC - Estoques PC

ILC

AC

PC

ILS

820.000 - 0

1,025
800.000

ILC

  • 820.000 1,025
    800.000

Questão 03 (1,0 ponto)

Foram extraídas as seguintes informações do Balanço Patrimonial de 31-12-2010 da Cia. Hortênsias (em R$):

Patrimônio Líquido

488.000,00

Ativo Circulante

520.000,00

Ativo Não Circulante

680.000,00

Passivo Não Circulante

270.000,00

Calculado o valor do Passivo Circulante e efetuada a análise vertical e por indicadores do Balanço Patrimonial da companhia, esse grupo representou

( x

) a) quase 37% do valor do Ativo Total da companhia.

(

) b) 85% do valor do Ativo Não Circulante da companhia.

(

) c) 65% do valor do Ativo Circulante da companhia.

(

) d) aproximadamente 75% do Passivo Não Circulante da companhia.

(

) e) cerca de 110% do Patrimônio Líquido da companhia.

Resposta comentada:

A opção a é a correta.

Para resolver esta questão o primeiro passo é calcular o PC, que será calculado da seguinte maneira:

ATIVO TOTAL = PASSIVO TOTAL AC + ANC = PC + PNC + PL 520.000,00 + 680.000,00 = PC + 270.000 + 488.000

1.200.000

= PC + 758.000

  • 1.200.000 – 758.000 = PC

442.000 = PC

Calculado o valor do PC aplica-se a técnica da AV

PC

x

100

442.000

x

100

36,83333

AT

1.200.000

Considere:

 

Companhia X

Companhia Y

Companhia Z

Companhia T

Companhia W

ATIVO CIRCULANTE

Disponível

50.000

55.000

33.000

100.000

200.000

Contas a Receber

190.000

250.000

125.000

380.000

100.000

Estoques

170.000

230.000

115.000

340.000

30.000

Valores e bens

110.000

170.000

85.000

220.000

60.000

Despesas Antecipadas

80.000

95.000

42.000

160.000

120.000

TOTAL

600.000

800.000

400.000

1.200.000

510.000

 

PASSIVO CIRCULANTE

Fornecedores

60.000

120.000

30.000

140.000

250.000

Empréstimos

80.000

160.000

40.000

180.000

220.000

Salários a pagar

20.000

40.000

10.000

60.000

50.000

Contas a pagar

10.000

20.000

5.000

40.000

20.000

Provisões

30.000

60.000

15.000

80.000

100.000

TOTAL

200.000

400.000

100.000

500.000

640.000

A melhor situação de liquidez corrente é a da Companhia

(

) a) T

(

) b) X

(

) c) Y

(

X

) d) Z

(

) e) W

Resposta comentada:

A opção d é a correta.

AC

PC

Companhia

Questão muito fácil, basta aplicar a fórmula:

ILC

 

Companhia

Companhia

 

Companhia

Companhia

X

Y

Z

T

W

ILC

AC

600.000

3

600.000

2

400.000

4

1.200.000

2,

  • 510.000 0,80

PC

200.000

400.000

100.000

500.000

640.000

Questão 05 Cesgranrio – 2009 – BNDES – Profissional Básica – Ciências Contábeis (adaptado) (1,0 ponto)

A Cia. Patagõnica S/A, ao realizar sua análise anual, apresentou os seguintes demonstrativos de resultados, em reais:

CONTAS

2007

2008

Receita bruta de Vendas

1.436.109,00

834.049,00

(-) Impostos sobre Vendas

254.524,00

149.117,00

(=) Receita líquida de Vendas

1.180.585,00

684.932,00

(-) Custo dos produtos Vendidos

946.378,00

552.724,00

(=) LUCRO BRUTO

234.207,00

132.208,00

(-0 Despesas Comerciais

25.403,00

33.153,00

(-) Despesas Administrativas

163.926,00

216.104,00

(-) Despesas financeiras Líquidas

587.560,00

439.305,00

(=) RESULTADO OPERACIONAL

(542.682,00)

(556.354,00)

(+) Resultado não operacional

17.740,00

0

(=) Resultado Líquido antes IR e CLS

(524.942,00)

(556.354,00)

(-) Provisão para IR e CLS

0

0

(=) Resultado Líquido do Exercício

(524.942,00)

(556.354,00)

Com base exclusivamente nos dados acima, o percentual de participação relativa do item de Despesas Administrativas (análise vertical) do exercício de 2008 foi:

(

) a) 21,55

(

) b) 4,84

(

) c) 13,89

(

) d) 25,91

(

x

) e) 31,55

Resposta comentada:

A opção e é a correta.

No cálculo da AV na DRE que a ROL é a base (é igualada a 100% e todos os demais itens têm seu percentual calculado em relação a ela)

Despesas Administrativas

ROL

x 100

  • 216.104 31,55
    684.932

x

100

Questão 06 - FEPESE – 2010 – SEFAZ-SC – Auditor Fiscal da Receita Estadual (1,0 ponto) A empresa Curitiba tem um Ativo Circulante de R$ 7.200.000 (representado por aplicações financeiras, duplicatas a receber e dinheiro em espécie) e Passivo Circulante de R$ 2.800.000,00 (representado por obrigações com terceiros de curto prazo), em 30 de dezembro de 2009.

Se no dia 31 de dezembro de 2009, fizer apenas uma aquisição de mercadorias, a prazo, no valor de R$ 1.600.000,00, seu índice de Liquidez Seca será de:

(

) a) 1,3

(

x

) b) 1,6

(

) c) 2,0

(

) d) 3,1

(

) e) 3,6

Resposta comentada:

A opção b é a correta.

AC em 30/12 = 7.200.000 PC em 30/12 = 2.800.000

AC em 31/12 = 8.800.000 (7.200.000 + 1.600.000) PC em 31/12 = 4.400.000 (2.800.000 + 1.600.000)

Basta agora aplicar a fórmula:

ILS

AC - Estoques

ILS

PC 8.800.000 -1.600.000

4.400.000

ILS = 1,6

Questão 07 (1,0 ponto)

Levando em conta os dados da tabela, calcule, em termos absolutos, o valor do Lucro auferido no ano 2.

DISCRIMINAÇÃO

ANO 1

ANO 2

AH

R$

R$

%

Lucro

 

2.000

?

50

(

) a)

R$ 2.000

(

) b)

R$ 3.000