Você está na página 1de 24

Publicação

mensal da
adbasto

Director - Gonçalo de Meirelles Director Adjunto - Albino Antunes Sub-Director - Marco Gomes
Ano V - N.º 60 - 20 de Dezembro de 2009 Preço: 0,60 cêntimos

Em época de Natal, com desemprego elevado e inúmeras famílias cabeceirenses a viver abaixo
do limiar da pobreza, “O Basto” revela:

“Quanto ganham os
nossos autarcas”?
Crianças de Ribeira
de Pena foram
ao circo Pág. 4

“Impacto das Barragens


no Vale do Tâmega” em
debate no Arco de
Baúlhe Pág. 7

Pág. 3

Câmara de Mondim Celorico de Basto Pág. 3

disponibiliza gabinetes Padre Rui foge por


aos vereadores da “amor” com jovem
adbasto completa sexto
aniversário Pág. 7
oposição de 18 anos

Fisgas de Ermelo
candidatas a maravilha
natural de Portugal Pág. 4 Pág. 4 Pág. 5

Deseja-lhe um
Feliz Na ta l
at
e um Bom Ano
No
Novvo

Restaurante: Lugar do Pinheiro - Refojos 4860 - 401 Cabeceiras de Basto


Quinta: Quinta da Mata, Caseiro II - Refojos 4860 - 401 Cabeceiras de Basto
Email. geral@acozinharealdebasto.com Telf. 253 661 795 Tlm. 962 455 740
O BAIXO-BARROSO
Minas da Borralha em livro Encontro do Natal dos
Cantadores ao Desafio
será realizado em Salto
Sérgio Mota
(Correspondente)

Trata-se de um evento que reúne alguns cantadores ao


desafio de vários pontos do Norte do país com o objectivo de
darem vida às já tradicionais desgarradas.
Os cantadores juntam-se no próximo dia 19 de Dezembro
na vila de Salto, a partir das 15:00h, no Ecomuseu. Pelas
19:00h celebra-se a Palavra de Deus, na Igreja Velha,
com a presença dos cantadores, tocadores e do
conhecido padre Fontes, que é um dos grandes
impulsionadores destes encontros. Às 20:00h, no
Padre Fontes es-
Restaurante Parque, terá lugar a Ceia Típica de Natal tará presente nes-
e, posteriormente, haverá ronda pelos vários cafés desta ta festa dos can-
vila barrosã. tares ao desafio

Presidente da Câmara ofereceu capa de burel ao escritor


Capitão do GDC Salto
agredido por guardião do
No passado dia 5 de Dezembro, foi apresentado no Pavilhão Multiusos de Montalegre o
livro “A Fárria”, da autoria do escritor barrosão Bento da Cruz. Antes ainda houve
oportunidade para observar uma exposição sobre o passado das Minas da Borralha (temática
central do livro) patente ao público no átrio do Multiusos. Nesta cerimónia merece destaque,
também, a passagem de um documentário que fez uma abordagem, séria, sobre a história das Barqueiros
Minas da Borralha, instituição que chegou a empregar mais de 1600 trabalhadores e que
encerrou portas em 1986. Terminou da pior forma, para o capitão do Grupo Desportivo e
Refira-se que Bento da Cruz tem sido alvo de várias homenagens por parte da Câmara Cultural de Salto, Marco Pereira, a partida do último domingo,
Municipal de Montalegre. Exemplo disto mesmo está a entrega da Medalha de Mérito no 9 disputada na vila saltense, frente à turma de Barqueiros que os
de Junho de 1991. Trata-se do «homem que melhor retrata o barrosão», garante Orlando barroões venceram por 4-1, referente à 10ª jornada, da 1ª divisão
Alves, vereador da cultura do município de Montalegre. distrital, da A.F. Vila Real.
A cerca de 10 minutos do final, e quando a partida há muito

Dia de Natal com chega


estava resolvida, uma quezília entre um jogador de cada equipa
terminou com uma agressão bárbara ao capitão saltense «houve
um desentendimento entre um jogador nosso e outro do

de bois em Salto Barqueiros e, eu como capitão, fui ao local na tentativa de


serenar os ânimos e, para meu espanto, vi o guarda-redes
visitante correr para o local de forma agressiva. Pedi-lhe calma, Marco Pereira foi
pus-lhe a mão no peito e de repente fui agredido com uma hospitalizado devido à
cabeçada na cana do nariz», conta Marco Pereira. Transportado gravidade da lesão
para o Centro de Saúde de Montalegre e, posteriormente, para o Hospital de Chaves, onde
lhe foi detectada uma fractura na cana do nariz, o capitão saltense pede justiça «apresentei
queixa na GNR e espero que as entidades competentes façam justiça porque nada justificava
uma atitude destas», rematou o capitão dos barrosões.

Juntas e Associação Florestal


estabelecem protocolo
Chega de bois é o desporto de eleição do barrosões As Juntas de Freguesia do Baixo Barroso e a Associação Agro
O Campo Padre Manuel José Jorge, propriedade do Grupo Desportivo e Cultural de Salto, Florestal Terras do Barroso, sediada em Salto, estabeleceram um
será palco de duas chegas de bois, no dia 25 de Dezembro, às 14H30. protocolo de colaboração. Assim, serão os sapadores florestais a
Na primeira chega estarão frente a frente o boi do Hélder de Salto e o boi do Nuno de fazer parte do serviço de limpeza e embelezamento destas autarquias.
Lamalonga. Na segunda, vão defrontar-se o boi do Minho e o boi do António de Bagulhão. Recorde-se que a Câmara Municipal de Montalegre já está a apoiar
Em ambas as chegas haverá bois suplentes. esta associação, bem como todas as outras existentes no concelho
Sabendo-se de antemão que as chegas de bois são o desporto favorito dos barrosões e de deste género, a fim de ajudar a sustentar os postos de trabalho.
alguns minhotos do concelho vizinho de Cabeceiras de Basto, espera-se boa adesão a este Em Salto, o asseio e a manutenção do Parque de Lazer do Torrão da AAFTB foi criada há
evento organizado pelo Grupo Desportivo e Cultural de Salto. Veiga, por exemplo, passa a ser responsabilidade desta entidade. 9 anos

Junta de Freguesia de Salto Junta DE FREGuESIa DE vEnDa nova


É no Natal que nos sentimos mais próximos Deseja a todos os seus habitantes um
das pessoas, é nesta época festiva que
estamos mais despertos para estes
Feliz Natal e um
sentimentos, quero, em nome do Executivo Próspero Ano 2010.
desta freguesia desejar-lhe Boas Expressa ainda os votos de que este período
festivo seja vivido em clima de paz,
Festas e um Ano Novo repleto de harmonia e boa vontade.
sucessos.
O Presidente,
O Presidente,
Alberto Martins Fernandes Jorge silva
20 de Dezembro de 2009
2
Em época de Natal, com desemprego elevado e inúmeras famílias Cabeceirenses
a viver abaixo do limiar da pobreza, “O Basto” revela:

“Quanto ganham os nossos autarcas?”


Remunerados “principescamente” (de acordo com a lei, é claro)!
Foi a conclusão que o nosso jornal retirou, após consultar a lei que determina os ordenados dos autarcas que o povo de Cabeceiras escolheu democraticamente para gerir (a tempo
inteiro) o nosso património colectivo.
Pela primeira vez com três Vereadores a tempo inteiro (Jorge Machado, Francisco Pereira e Stella Monteiro) mais Joaquim Barreto, o Presidente da autarquia (uma medida inédita
desde o 25 de Abril, mas considerada por muitos Cabeceirenses um “luxo” desnecessário), a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto viu substancialmente aumentados os custos com
os ordenados dos políticos locais eleitos no passado dia 11 de Outubro.
Se somarmos aos quatro autarcas a tempo inteiro na Câmara, o vencimento do Chefe de Gabinete do Presidente da autarquia, do adjunto, e de outros assessores do Gabinete de Apoio à
Presidência, bem como da Administradora da Empresa Municipal Emunibasto, Fátima Oliveira, que conforme “O Basto” informou na última edição, por deliberação tomada em reunião
de Câmara, vai auferir um ordenado de cerca de 2700 euros mensais, então concluiremos que os custos com pessoal político, a “suportar” pelo povo desta terra, vão “disparar” em 2010
e nos anos seguintes para valores impensáveis, tendo em conta um município pobre, pequeno e periférico como é o caso de Cabeceiras de Basto.

Joaquim Barreto, Presidente da Câmara: Jorge Machado, Vice-Presidente da Francisco Pereira, Vereador a tempo Stella Monteiro, Vereadora a tempo
Vencimento mensal: 3 433,65 € (688 Câmara: Vencimento mensal: 2746.92€ inteiro da Câmara: Vencimento mensal: inteiro da Câmara: Vencimento mensal:
Contos). Pode receber ainda mais 999, (550 Contos). Pode receber ainda mais 2746.92€ (550 Contos). Pode receber 2746.92€ (550 Contos). Pode receber
87€ (200 Contos) por mês em despesas 533,27€ (111 Contos) por mês em ainda mais 533,27€ (111 Contos) por mês ainda mais 533,27€ (111 Contos) por mês
de representação despesas de representação em despesas de representação em despesas de representação

“Cabeceirenses” não entendem porque é quatro desses elementos estejam a tempo sendo que aos líderes das Câmaras de mês, mais um máximo de 533,27 para
que a Câmara necessita de tantos inteiro, auferindo ordenados “chorudos” Lisboa e Porto cabe o equivalente a 55 por representações.
Vereadores a Tempo inteiro! que podem configurar uma falta de respeito cento do que recebe Cavaco Silva. Os Já os líderes de municípios que têm dez mil
para aqueles cabeceirenses que pouco ou presidentes de Câmara de municípios com eleitores ou menos ficam com o
Contactados pelo nosso jornal, vários nada têm e que não têm assistido a melhorias 40 mil ou mais votantes encaixam metade do equivalente a 40 por cento do salário do
cabeceirenses ligados a diferentes sectores na sua vida nos últimos anos”. Neste caso, valor reservado ao PR, ou seja, 3.815 euros PR. É o caso dos autarcas de Mondim de
de actividade do município, desde a área deveria ser a própria Câmara a adoptar uma de base, a que acrescem 1.110 de despesas Basto e Ribeira de Pena. Para além dos
comercial à área do ensino, passando pelo atitude moralizadora e de contenção nas de representação. 3.052,13 euros de salário, podem
sector empresarial, não entendem porque é despesas com pessoal político, o que No escalão imediatamente abaixo estão os apresentar despesas até 888,78 euros.
que a Câmara Municipal de Cabeceiras de manifestamente não está a acontecer. concelhos com menos de 40 mil e mais de 10 Nestas autarquias, os vereadores a tempo
Basto, necessita de tantos autarcas a tempo mil eleitores, com a tabela a indicar que, inteiro ganham 2.441,70, mais 474,01 em
inteiro, fazendo um paralelismo, com Afinal quanto ganham os nossos autarcas? nestes casos, os presidentes recebem 45 por representações.
municípios vizinhos, como Mondim de cento do salário-referência. Ainda de acordo com a lei, nº 29/87, que
Basto, que possui apenas dois autarcas em A lei nº 29/87, que determina os ordenados É neste que estão Celorico de Basto e é actualizada anualmente, em Janeiro, os
permanência. Na perspectiva destes dos eleitos locais, em função do número de Cabeceiras de Basto, que tem 17.140 eleitos locais recebem ainda dois
Cabeceirenses, “numa altura de crise eleitores, prevê quatro escalões, com o eleitores. Feitas as contas, o Presidente da subsídios extraordinários (férias e
económica e desemprego “galopante” em primeiro a pertencer exclusivamente a Lisboa Câmara de Cabeceiras de Basto, Joaquim Natal), pagos em Junho e Novembro.
Cabeceiras de Basto, em que muitas e Porto. Os vencimentos estão directamente Barreto, recebe 3.433,65 euros ao fim do Quanto aos vereadores que estão na
famílias vivem em sérias dificuldades indexados ao titular do mais alto cargo do mês. Para este escalão, as despesas de oposição, a lei dita que têm direito a uma
económicas e abaixo do limiar da pobreza, país, o Presidente da República, que ganha representação vão até aos 999,87 euros, senha de presença por cada reunião. Para
não é justificável que em sete elementos 7.630,30 euros por mês. Os salários da valor que o Presidente da Câmara poderá os que exercem funções em autarquias
eleitos na Câmara de Cabeceiras (seis restante hierarquia de Estado são legalmente acumular ao ordenado base. com 40 mil eleitores ou mais o valor é de
vereadores, mais o Presidente da Câmara), obrigatoriamente abaixo daquele montante, 76,30 euros por sessão, enquanto que nas
Já os vereadores a tempo inteiro (Jorge do escalão abaixo corresponde a 68,67 e
Machado, Francisco Pereira e Stella a 61,04 nas que têm menos de 10 mil
Monteiro) auferem 2.746,92 euros por votantes.

PEDRO SOUSA LOBO


Deseja a todos os seus ADVOGADO
clientes e amigos um Rua da Restauração, 477, 4.º andar,
4050-506 Porto
Feliz NataL e um Avenida General TLF. 226062416 - 226062422
Humberto Delgado

Bom Ano Novo! Tlf. 253 662 375


Tlm. 936 309 320
4860 - 351 Cabeceiras de Basto
FAX. 226062468 - TLM. 919970705
sousaloboadv@gmail.com

20 de Dezembro de 2009 3
Uma medida democrática e saudável…
Vereadores da oposição vão ter gabinetes
na Câmara de Mondim
Proposta foi aprovada por unanimidade na primeira reunião de Câmara
No passado dia 4 de Novembro naquela que foi a primeira reunião ordinária do novo executivo municipal, foi aprovada por unanimidade uma proposta que confere aos Vereadores eleitos
pelos partidos da oposição, a utilização de gabinetes de trabalho dentro do município.
Esta resolução agora aprovada, vai criar um encontrar um município onde seja respeitado
gabinete para os vereadores eleitos pelo o estatuto da oposição. Diz-se que em
CDS/PP e outro gabinete para o vereador Democracia é tão importante o papel que é
eleito pelo PSD, onde em dias ou horas ainda desempenhado por quem está no poder,
a determinar, Lúcio Machado e Augusto como o papel de fiscalização que é
Brito por um lado e Francisco Ribeiro por desempenhado pela oposição. Muitos
outro, irão receber os munícipes que a eles Presidentes de Câmara e alguns bem
se queiram dirigir para apresentar as suas próximos de nós, pelos vistos, não pensam
propostas ou os seus problemas que, assim. Cabeceiras é um exemplo: as
consoante a sua natureza, poderão ou não propostas apresentadas em devido tempo
ser posteriormente levadas a reunião do pelos Vereadores do PSD, para criar um
executivo municipal. gabinete de trabalho para os vereadores
Para o subscritor da proposta, o Vereador eleitos pela oposição, nunca foram acolhidas
Lúcio Machado, esta medida vai contribuir pela actual maioria PS. A ideia que fica é que Município de Mondim disponibiliza gabinetes de trabalho a todos os Vereadores
para aproximar os eleitores dos seus eleitos os Vereadores eleitos pela oposição servem município e que foi uma prática constante sobre a ordem de trabalhos que vai à reunião
e contribuir para o fortalecimento da apenas para ir às reuniões de Câmara de nas Câmaras presididas por Valdemar e sobre absolutamente mais nada.
Democracia Mondinense. quinze em quinze dias e pouco mais. Mesmo Gomes, Gaspar Miranda Teixeira e Mário O objectivo parece ser restringir e limitar
o período de antes da ordem do dia, que Campilho, foi abolido no segundo mandato a intervenção dos Vereadores eleitos pela
Seria esta medida possível em Cabeceiras? permitia a cada Vereador Cabeceirense presidido por Joaquim Barreto. oposição, que apesar de eleitos pelo povo,
Nas Câmaras Municipais do interior, onde a dispor de um período de 30 minutos na Tal situação, pode parecer insignificante mas “não contam para o campeonato”.
gestão fica entregue à figura tutelar do primeira reunião do mês, para se constitui um atentado à democracia local, Neste como noutros casos, Cabeceiras terá
Presidente da Câmara, à excepção de pronunciar sobre qualquer assunto de senão vejamos: os vereadores na Câmara de muito a aprender com o vizinho concelho de
Mondim de Basto, é quase impossível interesse para o desenvolvimento do Cabeceiras podem apenas pronunciar-se Mondim.

Câmara de Ribeira de Pena Fisgas de Ermelo poderá


levou” as crianças ao Circo tornar-se uma das 7 Maravilhas
Naturais de Portugal
A Câmara Municipal de Mondim de Basto
submeteu, recentemente, a candidatura
das Fisgas de Ermelo ao projecto “7
Maravilhas Naturais de Portugal”, pode
ler-se num comunicado enviado à nossa
redacção. Trata-se de um processo que
visa, primeiramente, identificar todos os
Monumentos Naturais passíveis de serem
qualificados como Maravilha da Natureza.
De seguida, a organização deste projecto
Circo encantou as crianças de Ribeira Pena irá submeter a lista de nomeados à
O circo abriu as portas na passada sexta-feira a cerca de 420 crianças do Ensino Pré-Escolar apreciação de especialistas, que
e 1 Ciclo e das Misericórdias de Ribeira de Pena e Cerva e proporcionou momentos de representarão as diversas áreas científicas,
alegria, diversão e muitas gargalhadas. bem como todas as regiões do país.
Esta iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Ribeira de Pena, traduziu-se assim num O objectivo é encontrar os 21
momento lúdico e de convívio, em que a maioria das crianças teve a ocasião de ver pela Monumentos Naturais mais significativos
primeira vez um espectáculo de circo. em cada uma das categorias a concurso, Fisgas de Ermelo poderão tornar-se uma
Os palhaços com as suas brincadeiras foram as grandes ‘vedetas” fazendo vibrar o jovem que serão, posteriormente, avaliados pelo maravilha natural de Portugal
público durante todo o espectáculo, ou não fossem momentos mágicos que ‘ ficar gravados público em geral, que votará nos 7
nas memórias de muitos dos presentes. melhores, elegendo assim as “7 Maravilhas Naturais de Portugal”.
O Município com esta acção pretendeu promover o contacto dos pequenos alunos com as O comunicado da Câmara de Mondim termina referindo que “oportunamente daremos conta
diferentes formas de expressão e a tomada de conhecimento de uma arte ancestral, dos desenvolvimentos da candidatura das Fisgas de Ermelo, para que em Setembro de 2010
“transportando-os “ numa verdadeira viagem de cor e de fascinação interactiva. possamos contribuir para a sua promoção ambiental e turística”.

A Junta de Freguesia de Basto A Junta de Freguesia de Alvite


(Stª senhorinha) deseja a Deseja a todos os seus habitantes

todos os seus habitantes um Feliz Natal


um Feliz Natal
e um Bom Ano
e um Bom Ano Novo!
Novo!
4 20 de Dezembro de 2009
Celorico de Basto

Padre Rui foge “por amor” com jovem de 18 anos


Até parece história de filme, mas é verdade. O padre de Carvalho, Celorico de Basto “perdeu a cabeça”, ou melhor, “o coração” e fugiu com uma
paroquiana. A história de amor proibido está a «encantar» os paroquianos que apoiam esta história de amor. Os dois fugiram para parte incerta, supostamente
para Espanha, mas antes o padre esperou que a jovem completasse 18 anos.
“Incrédulos e surpreendidos”. É assim que os habitantes de Carvalho, uma freguesia de Celorico de Basto, reagem à notícia de que o padre Rui fugiu
com Fátima. O padre Rui tem 26 anos e apenas 16 meses de sacerdócio. Fátima, a jovem, que frequentemente visitava a casa paroquial, fez 18 anos um
dia antes da fuga. Desapareceram a 20 de Novembro, depois de o padre Rui ter pedido ‘permissão’ à família para se casarem. Negaram-na, e eles
desapareceram. Nas localidades em que Rui era pároco (Basto, Santa Tecla e Borba da Montanha) a surpresa é geral. Mas é na freguesia de Carvalho,
onde residia a jovem, que todos se mostram mais surpreendidos.
Fátima sempre teve uma infância difícil, fugiu com ela, ao que Caniçada, concelho de Vieira
tendo perdido o pai muito cedo. Sem tudo indica para do Minho, Rui Manuel
condições para a criar, a mãe biológica Espanha. ‘Isto foi uma Saraiva Pereira foi ordenado
entregou-a à Segurança Social, que a foi surpresa total para padre em Braga, no dia 20 de
encaminhando para famílias de todos. Ele era um Julho do ano passado.
acolhimento. Fátima viveu muitos anos padre muito Desconhece-se há quanto
com uma família que a tratava como filha. organizado e muito tempo o casal mantinha um
Foi a eles que o padre Rui pediu Fátima exigente, nada fazia romance proibido pela Igreja
em casamento. Foi aí que viu a primeira prever um desfecho que ele servia.
recusa. desta natureza’, Pormenores:
Despedida - O sacerdote esperou então explicou o padre António Assistente - Em Carvalho,
que a rapariga completasse os 18 anos, Gonçalves, pároco do Padre Rui, na altura da sua onde Fátima residia, muitos
escreveu uma carta de despedida ao arciprestado de ordenação sacerdotal garantem que a jovem
arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, e Celorico. Natural de frequentava a casa do

População recebe sucessor de


padre, onde funcionava quase como sua
assistente particular. ‘Era a secretária
dele’, disse um vizinho ao Jornal “O
sacerdote que fugiu por amor Basto”.
O amor de Rui por Fátima é uma história
Era muito calado - Em Borba da digna de um filme.
A população da pequena freguesia de
Montanha, os vizinhos do padre garantem
Carvalho, Celorico de Basto está contente
que se trata de um homem muito Carvalho e Borba. Os moradores
com a nomeação do padre António Gomes
reservado. ‘Nunca falava com as recordam que outro padre também
Lima para substituir Rui Pereira, que fugiu
pessoas’, disseram ao Jornal “O Basto”, manteve relações amorosas com jovens.
por amor com uma jovem de 18 anos. “Este
criticando o comportamento do padre.
padre Lima é um padre de respeito, não
‘Teve um comportamento de criança’, Não quis conselhos - Ao que “O Basto”
tirando o valor ao outro. Temos de aceitar
disse um morador. conseguiu apurar, D. Jorge Ortiga, o
esta situação. São casos imprevistos. Há
comentários de tudo o que fez bem e mal arcebispo de Braga tentou demover o
sobre esta história da fuga”, disse Manuel Escândalo - A relação escandalosa do padre de abandonar o sacerdócio, ‘mas
Teixeira proprietário do Café Bons Costumes. padre com a jovem não será novidade em ele não quis conselhos’.
Padre António Lima, foi bem recebido
Adelaide Gonçalves, do café Gonçalves, pela população de Carvalho
acrescentou que António Gomes Lima já era
um pároco conhecido na freguesia vizinha e que as reacções à sua vinda foram boas:
“Ainda não fui a nenhuma missa com este padre, só fui com o anterior, mas pelo que
As Galerias S. Miguel
dizem é bom”, explicou. O sacerdote anterior, Rui Pereira, era considerado um bom
padre, desempenhava funções desde Agosto de 2008 nas paróquias de Celorico de Basto Desejam a todos os seus
e era sacerdote há precisamente um ano e quatro meses. “Era um padre exigente na
Igreja e fazia parte da Comissão de festas local. Estávamos a preparar as festas do clientes e amigos um
Feliz
próximo ano”, lembra Manuel Teixeira.
Na terra todos garantem que ainda não há novidades sobre o paradeiro de Rui e Fátima.

Natal
Fala-se na possibilidade de terem fugido para Espanha. Nas conversas, a população
recorda, porém, que o padre Rui Pereira era uma pessoa triste e de poucos amigos. Era de
Caniçada, em Vieira do Minho, e estava a residir com a irmã em Borba da Montanha.
“Era uma pessoa muito fechada. Ninguém nunca se queixava dele. Eu pessoalmente
gostava muito de falar com ele”, explicou ainda Adelaide Gonçalves, filha da proprietária
do Café Gonçalves. E acrescenta que “a população no fundo acha que a pessoa assumiu
a responsabilidade”. O caso de Rui Pereira é igual a de centenas de outros padres
e um Bom Ano
Galerias Sº Miguel
portugueses. “Foi uma paixão que surgiu”, diz José Serafim de Sousa, presidente da
associação de padres casados. Novo! Praça da Republica
Cabeceiras de Basto

A Junta de Freguesia de Moreira A Junta de Freguesia de São


do Castelo Romão do Corgo
deseja a todos os seus Deseja a todos os seus
habitantes um
habitantes um Feliz
Feliz Natal
Natal e um Bom
e um Bom Ano
Ano Novo! Novo!
20 de Dezembro de 2009 5
Cabeceiras de Basto
Novo espaço para Assembleia Municipal integra gabinetes
de trabalho para o seu Presidente e para os Partidos Políticos
“Desconhece-se se os Vereadores da oposição poderão utilizar o gabinete, ou se o mesmo é apenas disponibilizado aos Deputados
Municipais eleitos”
A nova Assembleia Municipal de Cabeceiras beneficiava a ala sul do Mosteiro de S. Miguel
de Basto, constituída em resultado das de Refojos, onde, como já se disse, funcionou
eleições autárquicas, do passado dia 11 de durante anos o Tribunal, e adaptava a antiga
Outubro, reuniu no passado dia 27 de Sala de Audiências, em Sala de Sessões da
Novembro, pelas 21h30. Assembleia Municipal, procedia também à
Segundo se pode ler no site da Câmara na afectação de espaços para os Partidos
Internet, “a sessão decorreu nas novas Políticos que compõem este órgão. De facto,
instalações que a Câmara Municipal as novas instalações contam com um sala de
disponibilizou para este Órgão Autárquico. trabalho para os Partidos, com dois postos de
Com efeito, após a saída do Tribunal da trabalho - secretárias, cadeiras, compu-
Comarca de Cabeceiras de Basto para o novo tadores, impressora e Internet - e uma sala
Palácio da Justiça, as antigas instalações de reuniões. Contam ainda com um gabinete
foram devolvidas ao Município. A Câmara para o Presidente da Assembleia e um
Municipal efectuou de imediato obras de gabinete para os seus serviços de apoio, com
beneficiação e restauro, instalando o mobiliário e a informática necessária ao
mobiliário restaurado e mobiliário novo, bom desempenho das funções. As entradas Assembleia Municipal foi transferida para as antigas instalações do Tibunal Judicial
adaptando os espaços, tornando-os funcionais nos diferentes espaços estão devidamente público”, lê-se na mesma nota publicada pela assuntos a apreciação e votação do Plano de
e confortáveis para receber a Assembleia sinalizadas e na Sala de Sessões não falta, Câmara na Internet. Da agenda desta Actividades e Orçamento da Câmara
Municipal. Ao mesmo tempo que a autarquia como não podia deixar de ser, o espaço para o Assembleia Municipal constam entre outros Municipal para 2010.

Presidente da Câmara em “tom crispado” na última reunião


da Assembleia Municipal
A última sessão da Assembleia Municipal de terá de novo pedido subsídio de reintegração. “doa a quem doer”, goste o senhor Presidente
Cabeceiras de Basto, ao que conseguimos O que o actual Presidente da Câmara se terá da Câmara ou não. E já agora, dado que falou
apurar, ficou marcada pelo tom “crispado” esquecido de referir, é que o pedido de no subsídio de reintegração pago legalmente
do Presidente da Câmara, Eng. Joaquim subsídio de reintegração era perfeitamente a um ex. Vereador da autarquia, porque é que
Barreto, na altura em que se discutia o estatuto legal porque estava enquadrado pela Lei V. Ex.cia não recordou aos Deputados
remuneratório dos Administradores das então em vigor. O que já não é admissível e Municipais de que foi censurado em Tribunal
Empresas Municipais. Segundo as nossas configura uma postura ética e moralmente por litigância e má fé e condenado a pagar
fontes, o Presidente da Câmara ter-se-á censurável é usar o púlpito da Assembleia pessoalmente do seu bolso as custas do
mostrado irritado com notícias publicadas em Municipal para lançar mentiras e “atoardas” processo, por se ter recusado a pagar o
jornais (cujo nome ele não terá precisado), sobre um ex. Vereador da Câmara subsídio de reintegração em devido tempo ao
que ofendem a honorabilidade da insinuando-se que “era necessário ir buscá- seu antecessor, o cidadão Mário Campilho
Administradora da Empresa Emunibasto, Dra. lo à cama para participar nas reuniões da Gonçalves Pereira? E já agora esqueceu-se
Fátima Oliveira. Recorde-se que o nosso autarquia”. Como o ex. Vereador não faz parte também de recordar aos Deputados
jornal, na sua última edição fez alusão ao facto de qualquer órgão do município e não estava O Presidente da Câmara “no seu melhor” Municipais que como consequência desse
de pela primeira vez desde a sua criação, a na referida reunião, não se pôde defender apontou “baterias” a quem estava facto, a Câmara de Cabeceiras, no final do
Empresa Municipal Emunibasto, passar a destas acusações mentirosas, atiradas de ausente da Assembleia Municipal e que processo foi condenada a pagar os juros
por isso não se podia defender
dispor de uma administradora remunerada a “sopetão” e encobertas “sob a capa da correspondentes ao subsídio de reintegração
tempo inteiro, com um salário mensal de 2700 covardia”. O Presidente da Câmara deveria adversários políticos, sempre por delito de do ex. Presidente da Câmara Mário Campilho.
euros, facto que pelos vistos, terá “irritado” ter explicado à Assembleia Municipal (e pelos opinião. Para que fique bem claro, este Jornal Já que V. Ex.cia pelos vistos se surpreende com
o actual Presidente da Câmara. Na mesma vistos esqueceu-se), que naquela época a esclarece que na sua última edição, quando o pedido de subsídio de reintegração, supomos
altura Joaquim Barreto, segundo as nossas Câmara possuía apenas dois autarcas em se referiu à Administradora remunerada da que no final do seu mandato como Presidente
fontes terá ido mais longe, tentando permanência (o Presidente da Câmara e o Empresa Municipal, não pôs em causa o da Câmara, se recusará a recebê-lo,
responsabilizar um ex. Vereador da Câmara de referido vereador) e não era por isso que a honorabilidade da referida cidadã. O Jornal principalmente para não prejudicar o “erário
Cabeceiras e antigo Deputado à Assembleia Câmara não funcionava com eficiência, ao limitou-se apenas a informar com público cabeceirense”. Ou então, irá recebê-
da República, como estando na origem das contrário do que hoje acontece, com a objectividade o teor de uma deliberação lo, decidindo entregá-lo a uma instituição de
referidas notícias. Pessoalizando a questão autarquia a suportar elevados encargos com tomada pela Câmara a autorizar que uma caridade do concelho de Cabeceiras. O que lhe
embora nunca referindo o nome do ex. três vereadores a tempo inteiro. Que o actual administradora da Empresa Municipal seja prometemos, é que na altura estaremos atentos
Vereador e antigo Deputado, mas que toda a Presidente da Câmara convive mal com a remunerada. Uma medida que é ao mais que previsível gesto de benevolência,
gente em Cabeceiras sabe quem é, Barreto imprensa livre e com a liberdade de expressão, perfeitamente legal, mas que entendemos que desprendimento e de desapego que V. Ex.cia, vai
terá confidenciado que o referido Vereador já todos nós sabíamos e a comprová-lo estão não deve ser escondida ou ocultada aos com certeza assumir, como homem corajoso e
quando regressou à sua profissão pediu o as dezenas de processos judiciais que tem cidadãos que pagam impostos, que são os amigo dos cabeceirenses.
subsídio de reintegração e que depois terá movido (na qualidade de Presidente da munícipes desta terra. É para isso que os Aproveitamos para lhe desejar um Santo e
ido para Deputado e acabando o seu mandato, Câmara), e que alguns ainda decorrem contra jornais existem, para dizer sempre a verdade, Feliz Natal.

PS Celorico vota contra taxas máximas de Imposto


sobre Imóveis impostas pela Câmara de maioria PSD
Socialistas dizem que a medida é errada numa altura
em que os Celoricenses atravessam dificuldades
Em comunicado enviado à nossa redacção, o competitivo em termos de aquisição de
Partido Socialista de Celorico de Basto afirma habitação própria”, pode ler-se no mesmo
que “se realizou uma Assembleia Municipal comunicado. O mesmo partido absteve-se no
extraordinária que aprovou a taxa máxima que se refere à nomeação do novo Conselho
de Imposto Sobre Imóveis para os prédios com de Administração da Empresa Municipal
avaliação recente. O PS Celorico, que votou Qualidade de Basto e quanto ao seu estatuto
contra, argumentou com as dificuldades que remuneratório, explicando “que dá o beneficio
os celoricenses atravessam e com a da dúvida aos novos responsáveis e que no
necessidade de tornar o concelho mais final do ano se verão os resultados obtidos”. Taxas Máximas de Imposto Sobre Imóveis em Celorico, preocupam o PS Local

6 20 de Dezembro de 2009
“Luta contra a falta de liberdade e democracia vai continuar em Cabeceiras…”

adbasto completa 6 anos de intervenção cívica


A adbasto comemorou no passado dia 25 de Novembro de 2009, seis anos de existência enquanto associação cívica. A ocasião foi aproveitada pelos dirigentes e amigos desta instituição
para promover um jantar que decorreu num conhecido Restaurante da freguesia de Alvite.
Ao longo de seis anos, a instituição e sectárias que pretendem silenciar a
proprietária do Jornal “O Basto” tem- “Trova do Vento que passa”.
se assumido na região, mas Na sua intervenção, o Dr. Nóbrega
principalmente em Cabeceiras de Basto, Moura, Presidente da adbasto, destacou
como um “símbolo” na luta a favor da o trabalho cívico e social que a
liberdade de expressão e contra a associação desenvolveu ao longo dos
“intolerância” e a “tirania” que 35 últimos seis anos, agradecendo aos
anos depois do 25 de Abril continua a dirigentes e associados todo o apoio que
“proliferar” numa terra que vive têm dado à afirmação deste projecto
“asfixiada” cívica e democraticamente. associativo, prometendo continuar a lutar
Seis anos depois, contra “ventos e por um concelho, mais livre, mais
marés contrárias”, a associação não tolerante e sobretudo mais solidário.
morreu e está bem viva. Tem resistido “Mesmo na noite mais triste
estoicamente a todos os que pretendem em tempo de servidão adbasto completou 6 anos de vida
calar a única voz verdadeiramente livre há sempre alguém que resiste
que resta no concelho de Cabeceiras de há sempre alguém que diz não”
Basto, denunciando através das páginas P.S Versos que simbolizam a luta Não conseguirão silenciar a nossa
Manuel Alegre (Trova
deste jornal, as atitudes anti-democráticas da adbasto nos últimos seis anos. voz!
do Vento que passa)

Sexta-feira, dia 18 de Dezembro, na Casa do Povo Câmara de Mondim cumpre promessa eleitoral
Impacto das Barragens no Vale Feira Bimensal transfere-se
de Tâmega discutido em Arco de para o novo espaço
Baúlhe “É já no próximo dia 2 de Janeiro de 2010 que a feira bimensal de comércio a retalho, que
se realiza no centro da Vila de Mondim de Basto, se vai instalar no recinto construído
Por iniciativa de membros cabeceirenses do especificamente para este fim”, informa a Câmara Municipal em comunicado enviado ao
Movimento Cidadania para o Desenvolvimento nosso jornal.
no Tâmega, vai ser realizado uma sessão/debate
sobre o impacto da construção das barragens
no rio Tâmega, projectadas no Plano Nacional
de Barragens de Elevado Potencial
Hidroeléctrico, apresentado pelo anterior e
continuado actual Governo.
Depois das objecções levantadas pela União
Europeia relativamente ao incumprimento da
Directiva-Quadro da Água Comunitária, o
debate surge, segundo os organizadores, para
esclarecimento da população local A sessão
contará com a presença do Prof. António
Crespí, professor auxiliar no departamento de
Engenharia Biológica e Ambiental da
Universidade de Trás-os-Montes e Alto
Douro, que foi também coordenador da Impacto da Barragens no Tâmega em
Apreciação dos Estudos de Impacte debate na Casa do Povo de Arco de Feira de Mondim transfere-se finalmente para o novo espaço
Ambiental no Tâmega. Na mesa também Baúlhe Apesar deste processo ter sido iniciado há alguns anos, a Câmara Municipal conseguiu
estarão, José Emanuel Queirós, geógrafo e agora dar cumprimento ao regulamento que define as condições de atribuição e manutenção
representante do Movimento Cidadania para o Desenvolvimento no Tâmega e João Branco, dos lugares no Recinto da Feira, tendo procedido ao sorteio dos referidos lugares, de
Engenheiro Florestal, Membro da Associação Ambientalista “Quercus”. acordo com a natureza dos produtos a comercializar. Nesta primeira fase foram atribuídos
Refira-se que a Região de Basto e Vale do Tâmega vão ser particularmente afectados por cerca de 80% dos lugares disponíveis aos concorrentes constantes na lista elaborada pela
estes empreendimentos que vão mudar radicalmente a sua paisagem, sem que as Comissão de Feirantes e que atesta a presença assídua na feira quinzenal da Vila de Mondim
consequências sócio-económicas, mas sobretudo as ambientais, tenham sido devidamente de Basto. Os restantes lugares serão oportunamente sorteados pelos demais interessados.
discutidas. A reter: “Impacto das Barragens no Vale do Tâmega”; 18 de Dezembro (Sexta- O executivo de Mondim de Basto vê assim cumprido um compromisso assumido no início
feira), às 21h30, na Casa do Povo de Arco de Baúlhe (Cabeceiras de Basto). deste mandato, de deslocar a feira bimensal do concelho para o recinto que lhe foi destinado.

Mini-Mercado Avenida A Junta de Freguesia de Basto


Carlos & Paulino, Lda (Stª Tecla) deseja a todos
Deseja a todos os Clientes e os seus habitantes um

Amigos um Feliz Natal Feliz Natal


e um Bom Ano
e um Bom Ano
Novo!
Nov
R. General Humerto Delgado - 4860 - 351 Cabeceiras de Basto Novo!
20 de Dezembro de 2009 7
O semáforo de Basto Por Marco Gomes A direcção da adbasto deseja
Numa notícia publicada em 02 de
Dezembro no “Diário do Minho”, os
concelhos do Vale do Tâmega
a todos os associados,
pertencentes ao distrito de Braga tinham
das mais altas taxas de jovens
residentes. Em média 31,73 por cento da
colaboradores e amigos
bOAS fEST
bOAS AS
fESTAS
população do Vale do Tâmega encontra-
se na faixa etária dos 15 aos 24 anos. Em
concreto, os concelhos de Celorico e
Cabeceiras de Basto apresentavam taxas
de jovens residentes superiores à taxa
verificada em Braga, capital do distrito que
usufruíra durante muito tempo do título
do “concelho mais jovem do país”. São boas e relevantes notícias tendo em conta a
posição geográfica e a situação sócio-económica de Celorico e Cabeceiras de Basto.
A Unidade de Internamento de
Cabeceiras de Basto estará a funcionar
até ao final do corrente ano. Esta unidade
de internamento de «longa duração e
manutenção» prestará apoio social e
cuidados de saúde (temporário ou
permanente) a pessoas com doenças ou
processos crónicos. Sem dúvida, a obra
é necessária principalmente num concelho como Cabeceiras de Basto com muitas
debilidades sócio-económicas. Porém, o projecto daquela unidade fora aprovado pelo
Ministério da Saúde em 2001 mas só no final (a acontecer) de 2009 estará a funcionar.
Infelizmente foram oito anos de espera. Quaisquer que sejam os argumentos
burocráticos ou económicos, num país que se quer moderno, oito anos para a
concretização de um projecto desta envergadura não pode e não deve acontecer.
O Estudo de Impacte Ambiental sobre a
barragem de Padroselos encontrou uma
espécie rara de mexilhão (mexilhão-de-
rio do norte) no rio Bessa (afluente do rio
Tâmega que nasce em Montalegre
passando por Gondiães até Cavez). Esta
espécie está protegida pelas leis nacionais e comunitárias. De facto, em causa poderá
estar a construção da barragem de Padroselos porque esta espécie somente vive
em águas límpidas, pouco eutróficas, bem oxigenadas e em pouca profundidade -que
são características contrárias à da água após a construção de uma barragem. Mais
uma vez se verifica aquilo que já se ouve há algum tempo: «se a legislação nacional
e comunitária for cumprida nenhuma barragem na bacia do Tâmega será construída».

Ajudamos a vender
Com o apoio

Deseja a todos os clientes e amigos um


Licença AMI: 7508 | APEMIP : 3835 Santo Natal e um Feliz Ano Novo!
R. 25 de Abril-Lote 109-R/C B | 4860-350 Cabeceiras de Basto

Bucos Viana do Castelo Riodouro Refojos Basto


Tlf.|Fax. 253 768 027 | Tlm. 961 403 167
geral@domusbasto.com

Moradia tipo T4 sita no lugar Moradia T4 em óptimo estado Casa rústica sita no lugar de Loja com 100m2, wc e Terreno p/ loteamento c/
de Vila Boa. Zona calma com de conservação. Cozinha Leiradas. Boas áreas e arrecadação com 20m2. No 15.000m2 de área, a destacar
bons acessos. regional e jardim! óptimos acessos. centro da Vila de prédio rústico.

Refojos Outeiro Refojos Pedraça Cavez

Espaçosa moradia tipo T3. Magnifica moradia com áreas Excelente apartamento T3 c/ Casa rústica para restauro. Bonita casa brasonada do sec.
Localização e acabamentos generosas, bonito jardim e 129m2 de área. Acabamentos Quintal anexo com 1550m2. A XVII com linda traça, para
de sonho… água própria. de qualidade! não perder… restauro.

Jaime Barros | Tlm. 968 876 427 www.domusbasto.com

8 20 de Dezembro de 2009
Mondim de Basto Ribeira de Pena
Câmara Municipal atribui Eleitas as “7 Maravilhas
subsídio de transporte a alunos do Concelho”
que estudam fora do concelho
“A Câmara Municipal de Mondim de Basto deliberou
atribuir um subsídio de transporte aos alunos que
frequentam o ensino secundário ou equivalente, fora do
concelho, porque as áreas de estudo que pretendem seguir
não são leccionadas na Escola do concelho”, informa a
autarquia em comunicado enviado à nossa redacção.
Esta medida pretende incentivar os alunos a prosseguirem
os estudos além do 3º ciclo do ensino básico, e a obterem,
pelo menos, um diploma de estudos secundários.
Segundo a mesma nota, “o subsídio a atribuir corresponde
a 50% do valor despendido em transportes, sendo para isso necessária a verificação de
alguns pressupostos, nomeadamente a residência do aluno no município de Mondim de
Basto; a frequência de um curso do ensino secundário ou equivalente, que não seja
leccionado nas escolas do concelho; estar a frequentar pela primeira vez o ano lectivo
objecto do subsídio e utilizar como meio de deslocação, os transportes públicos colectivos.
O pedido de atribuição deste subsídio deverá ser formalizado em requerimento próprio, Ponte de Arame, uma da sete maravilhas de Ribeira de Pena
que está disponível na Secretaria da Câmara até ao próximo dia 5 de Janeiro de 2010. “A população de Ribeira de Pena já elegeu as “7 Maravilhas” dos vinte e oito sítios do
O pagamento do subsídio concedido será efectuado mediante a apresentação do recibo Concelho de propostos a votação”, informa a Câmara no seu site na Internet. Este concurso
comprovativo da despesa com o transporte escolar utilizado”, conclui. teve o seu início no mês de Agosto na Feira do Linho, com uma exposição da autoria da
Arquitecta Maria João Pereira, onde estiveram patentes alguns dos motivos a eleger. Assim
nas maravilhas mais votadas constam, a Capela da Sra. Da Guia (Santa Marinha); Casa de
O Conselho de Administração Santa Marinha (Santa Marinha) ; Ponte de Arame (Santo Aleixo de Além Tâmega); Casa de
do Jornal “O Basto” deseja a Senra de Cima – Senra (Salvador); Igreja do Divino Salvador (Salvador); Espigueiro de
Agunchos (Cerva) e Ponte sobre o Rio Póio – Alvite / Cerva.
todos os leitores, assinantes, Promover e divulgar os valores patrimoniais culturais de maior referência do Concelho foi o
bem como às empresas e principal objectivo desta iniciativa. A Câmara Municipal de Ribeira de Pena “agradece às
447 pessoas que votaram, o interesse manifestado neste concurso, assegurando também
instituições que publicitam que irá continuar na prossecução de iniciativas no sentido de desenvolver, promover e
neste órgão de comunicação apoiar intervenções nos domínios da recuperação e reabilitação de lugares e imóveis de
valor significativo patrimonial e histórico do Concelho”
social, um Feliz Natal e um
excelente ano de 2010. Mondim de Basto
Estudo-prévio de Impacte
O Presidente do Conselho de Administração
Ambiental da Barragem de Fridão
Celestino Vaz
apresentado em Assembleia
Municipal
Eléctica de Cabeceiras “Realizou-se, no passado dia 30 de Novembro,

(Saraiva) Reparações de
Automóveis, Lda
uma sessão extraordinária da Assembleia
Municipal de Mondim de Basto, onde dois
dirigentes da EDP tiveram oportunidade de
Deseja a todos os seus apresentar um resumo prévio do Estudo de
Impacte Ambiental da Barragem de Fridão”,
clientes e amigos um pode ler-se num comunicado enviado pela
autarquia ao nosso jornal.

Feliz NataL
Esta sessão destinou-se a esclarecer os membros da Assembleia Municipal sobre os impactos
e identificados, as medidas de reposição e de compensação.
“A iniciativa surge no âmbito de uma nova atitude da autarquia que pretende abrir as
grandes questões à comunidade, de modo a conseguir identificar os reais anseios da

Cachada - Cabeceiras de Basto


um Bom Ano população, que posteriormente resultarão num documento reivindicativo assertivo”, lê-se
no mesmo comunicado.

Novo!
Fax: 253 666 218 / Tlf. 253 662 729 Entretanto, está prevista a realização de uma sessão pública de apresentação do referido
Email: electricab@iol.pt Estudo de Impacte Ambiental, que se prevê estar em discussão ainda durante o mês de
Dezembro.
Rua Antunes Bastos
(Campo do Seco)
4860-363 Cab. Basto
CABECEIRAS DE BASTO Tlf./Fax. 253 661 750

Deseja a todos os seus


clientes e amigos um
Feliz NataL Deseja a todos os seus clientes e amigos um
Feliz NataL e um Bom Ano Novo!
e um Bom Ano
Novo!
20 de Dezembro de 2009 9
“Visual Caffé” completa terceiro aniversário
Espaço de animação da noite cabeceirense
foi totalmente remodelado
“Orangotang” lançam um novo albúm no Visual Caffé
a 19 de Dezembro
O Visual Caffé um espaço de referência da noite cabeceirense,
completou no passado Sábado, dia 12 de Dezembro, o seu terceiro
aniversário.
Localizado no centro da vila de Cabeceiras de Basto, por detrás do
centro de saúde, este bar rapidamente se tornou um espaço de
convívio e animação obrigatório para a juventude cabeceirense, mercê
dos vários espectáculos que animam aquele espaço nas noites de fim
de semana.
Por este bar têm passado ao longo destes uma maior comodidade e conforto aos
três anos, figuras de referência do “jet clientes, na sua esmagadora maioria
set” nacional como a modelo e jovens.
apresentadora de televisão Merche A gerência do Visual Caffé, liderada
Romero e vários Dj,s de renome nacional pelo empresário cabeceirense Nuno
e internacional que têm projectado este Carvalho, assinalou os três anos do Bar, Visual Caffé recebeu os seus clientes com novas e modernas instalações
espaço de animação nocturna como uma com uma sessão de fogo de artifício que
referência nas Terras de Basto. encantou os clientes. Com um novo Dj
Recentemente, o Visual foi residente, “La Touche”, o Visual Caffé
recentemente remodelado, facto que vai continuar a animar as noites de fim
tornou o espaço mais atractivo, criando de semana em Cabeceiras de Basto.
F
E
L N
I A
Z t
a
L

Fabrico Próprio e Diário de Pastelaria Fina


e Bolos Tradicionais
Partido Socialista de Celorico de Basto
Boavista - Refojos - Cabeceiras de Basto Caro(a) Celoricense, aproveito esta
Tlf. 253 664 073 oportunidade para agradecer a
Rua Prof. Emídio Guerreiro - Cabeceiras de Basto confiança que depositou em mim.
Tlf 253 161 358 Mais de seis mil celoricenses, quase
Deseja a todos os seus metade dos votantes, acreditaram na
nossa equipa e, por isso, tenho
clientes e amigos um obrigação de dizer “muito obrigado”.
Desejo a todos, aos que acreditaram e
aqueles que muito legitimamente

Feliz NataL e um optaram por outro projecto, um Feliz


Natal e um Próspero Ano Novo.
Um abraço Amigo de
Bom Ano Novo!
Nov Manuel Lopes Machado

Quiosque e Papelaria Rua Fonte São João - Refojos


4860 - Cabeceiras de Basto
Tlm. 966 868 148
Fernandes
Deseja a todos os seus
clientes e amigos um Deseja a todos os seus
Feliz NataL clientes e amigos um

e um Bom Ano Feliz NataL e um


Novo! BOM ANO NOVO!
10 20 de Dezembro de 2009
Cabeceirense Ivo Fer nandes Clube de Ténis São Miguel de Refojos

brilha no Campeonato nacional de Estão abertas as inscrições


Motocross para a escola de Ténis
Depois da tempestade vem a Bonança. O provérbio popular ajusta-se perfeitamente aos
acontecimentos da 5ª jornada do Campeonato Nacional de Mx2, em Freixo de Espada à
Cinta. Com uma manhã de treinos algo atribulada sendo preciso recorrer a assistência
médica, depois de uma queda que deixou marcas no cotovelo esquerdo de Ivo, o piloto
cabeceirense conseguiu obter o quinto melhor tempo nos treinos cronometrados.
A primeira manga era aguardada com muito
entusiasmo pelo público presente. Os pilotos
saíram para a volta de reconhecimento e Ivo
Fernandes desanimado abandona a mota que
devido a problemas mecânicos o obrigou a
desistir da manga inicial. A prova onde se
decidiu o Campeão Nacional de Mx2 ficou
assim reduzida a metade para o piloto da
MotoSucia. Na segunda manga Ivo faz um
arranque excepcional conseguindo o
holeshot com uma mota de diferença para os
principais adversários. O jovem piloto rodou
em primeiro lugar durante duas voltas, mas
rapidamente começou a perder posições
chegando ao final no terceiro posto. Ivo
Fernandes com este resultado consegue o 7º Clube de Ténis quer fomentar a modalidade entre os mais jovens
lugar na classificação geral do Campeonato O Clube de Ténis São Miguel de Refojos (CTR), constituído no passado dia 14
Nacional de Motocrosse, Mx2. Em nome de Ivo Fernandes continua a brilhar no
de Outubro é uma associação sem fins lucrativos, tendo como sócios fundadores
Ivo Fernandes a equipa do site oficial do Nacional de Motocross
#501, congratula o novo Campeão Nacional
Paulo Jorge Leite Machado e Pedro Nuno Teixeira.
de Mx2, Hugo Basaúla #747. Assim como o “O Clube de Ténis, surgiu pelo gosto pela prática desta modalidade de um
piloto Luís Correia #311 que proporcionou sempre um grande espectáculo não desistindo grupo de amigos que têm como objectivo implementar esta modalidade
até ao fim. Luís Magalhães desportiva em Cabeceiras de Basto” pode ler-se num comunicado enviado por
aquela instituição à nossa redacção.

B Para essa finalidade, está já a funcionar nas instalações do Externato S. Miguel de


Refojos, a Escola de Ténis desta Associação. Contando com cerca de 50 Alunos, e

o
tendo como professor, Luís Alegre, professor profissional de ténis.
As aulas realizam-se ao fim de semana, sendo a idade mínima para a inscrição na
escola de ténis de 5 anos.

a Pode-se inscrever através dos números: 966 366 168 / 967 294 653.
“Para a implementação do Clube foi fundamental o protocolo de cooperação assinado

s
com o Externato São Miguel de Refojos, para a cedência das suas instalações
desportivas para a prática de ténis”, conclui o mesmo comunicado.

f Café Snack Bar


e Cervense
Deseja a todos os seus
s clientes e amigos um
Deseja a todos um Bom t Feliz NataL
NataL e um Próspero a e um Bom Ano
Ano Novo! s Cerva - Ribeira de Pena Novo!
Lugar do Quinchoso - 4860 Cabeceiras de Basto
Carlos Carvalho - 963 500 080
Gonçalo Carvalho - 964 892 897
Tlf. 253 662 329
Roupeiros c/portas de correr,
Cozinhas, Mobiliário de Banho, Deseja a todos os seus
Artigos sanitários e Decoração
Deseja a todos os seus de estabelecimentos clientes e amigos um
Feliz
Pronto a vestir
para criança clientes e amigos um
e arranjos
e costura
Tlm. 967 836 346
Feliz NataL e um NataL e um
Mondim de Basto BOM ANO NOVO! Bom Ano Novo!
20 de Dezembro de 2009 11
Av. João Pinto Ribeiro -
4890 - 221 Celorico de Basto
Tlf. 255 321 756 - Tlm. 963 106 752
Email: gri-grisaltao@hotmail.com

Deseja a todos os seus


clientes e amigos um
Feliz NataL
e um BOM ANO
NOVO!
Escola de Condução
A Nova Mondinense
Deseja a todos os seus
clientes e amigos um
Feliz NataL
Edifício Central de Camionagem e um Bom Ano
Novo!
fracção AL - Mondim de Basto
Tel. 255381009 – Tlm. 963280315 E-
mail: esc.mondinense@sapo.pt

Boavista - Refojos
4860- Cabeceiras de Basto
Tlm. 965 132 867
Tlf. 253 662 295

Deseja a todos os seus


clientes e amigos um
Feliz NataL e um
BOM ANO NOVO!
Talho 1 / Celorico de Basto
Tlm. 914 223 033 / Tlf. 255 321 599
Talho 2 / Fermil de Basto
Tlm. 914 208 130 / Tlf. 255 361 040

Deseja a todos os seus


PASTELARIA
SOBIRRINHAS clientes e amigos um
Carnes de Vitela e Porco
Pastelaria Variada
Bolos de Aniversário Feliz NataL
e um BOM ANO
Alheiras, Fumeiro e Presunto Caseiro Snack Bar: Hamburgers,
Rua José Falcão - 4890 - 232 Celorico
Francesinhas,
Pregos, Cachorros

NOVO!
Telf. 255 323 886 - Tlm 965 635 652

SERRALHARIA
ASSISTAUTO Cafetaria
“O BOTA” Unipessoal, Lda.
Assistência de “Acácias”
* Estruturas Metálicas
Automóveis, Lda
* Portões e Gradeamentos Rústicos Tlf.
* Todo o tipo de trabalho em ferro Telef. 253 655 434 253 661 789
Tel: 253 665 060/1Fax: 253 665 062 Telm: 961 957 435 Ferrã - Gandarela Rua Dr. Agostinho Moutinho (Acácias)
Zona Industrial de Olela - Cabeceiras de Basto 4890 Celorico de Basto 4860 - Cabeceiras de Basto

12 20 de Dezembro de 2009
PLACÔ CABECEIRENSE
Unipessoal, Lda

Com os cartões:

Telef./Fax: 253 664 239


Telem.: 966 282 481

AGORA ESTAMOS ABERTOS


24 HORAS!
Entre as 23 horas e as 7 Horas
abasteça com o seu cartão
multibanco PADARIA E PASTELARIA
Promoção menos 2 cêntimos
(4 escudos) por litro « A BIJOU » Casa das Carvalhas
Verde Bronze Verde Ouro Verde Honra
RUA DE CAMÕES
Parque Industrial de Lameiros CVRVV 2004 CVRVV 2004 CVRVV 2004
TELEFONE: 255 321 211 Casta Azal Casta Trajadura Casta Arinto
4860 - Cabeceiras de Basto Distribuidor:
FILIAL: PÃO QUENTE AVENIDA
Telef. 253 665 710 Fax 253 665 711 Almaverde S.A., Lda
AV. JOÃO PINTO RIBEIRO Rua do Paraíso, 73 4000 - 377 Porto - Portugal

PADARIA TELEFONE: 255 321 244 Eduardo A. P. Valente Leal


4890 CELORICO DE BASTO Tel 22 339 0303 - Tel/Fax. 22 3322635
PASTELARIA
De: Albano Oliveira da Silva & Filhos, Lda
Sede: R. Stº André, 49 - 4710 Braga Tel 253 277 996/Fax: 253 636
014 Filial 1: Centro Comercial Lafayete - Braga Filial 2: Rua
Rosaldo de Almeida - Braga Filial 3: R. Dr. Elísio de Noura -
Braga Tel 253 251 282

Organização de
Eventos
Convites, Ofertas, Menus, Missais,
Livro de Honra, Arte Floral, Quintas, Catering,
Carros Antigos, Dj’s
Telf. 255 386 181 - Telm. 964 014 059
BASDROGA
afectos.eventos@sapo.pt Drogaria,lda
Centro Comercial Senhora da Graça, Loja U
4880-231 Mondim de Basto

Parque Industrial
sete Fontes
Lote 9 4710 - 349 Braga

VISITE-NOS
Na Praça do Mercado! Tlfs: 253 262 615 / 253 216 300
Rua Emídio Guerreiro, Lote 57 - Loja 1 Tel./Fax 253 662 039 Fax: 253 617 463
4860 CABECEIRAS DE BASTO Telem. 962 947 245

Reparações Pichelaria
Eléctricas em DJALMA,LDA
Automóveis, MONTAGEM DE CASAS DE BANHO
EM TUBO INOX E PPR, COBRE E
AQUECIMENTO CENTRAL, ETC.
Camiões e RUFOS E CALEIROS EM COBRE,
ZINCO PURO E CHAPA ZINCADA AUTO PEÇAS DE BASTO
Tractores CHAPA INOXIDÁVEL COM TODOS Chaparia * Pintura
PLACA BASTO OS ARTIGOS SANITÁRIOS
Mecânica * Electricista
Parque Industrial
Placô Magalhães, Unipessoal, Lda.
de Lameiros
FABRICO PRÓPRIO E COLOCAÇÃO Lote 1 - Zona Indutrial de Olela - Basto
Montagem de tecto, falsos em placô, DE CALEIROS EM ALUMÍNIO 4860 - 105 Cabeceiras de Basto
metálicos, decorativos 4860-102 - Cabeceiras LACADO NA PROPRIA OBRA Telef./Fax: 253 665 024
e divisórias de Basto
Telefs. 253 655 236 Tlm. 967 017 949
Tlf. 253 662 787 Tlm. 96 331 9534
Telef./Fax: 253 663 573 253 655 311 / 253 655 380 E-mail:
Urbanização de Conselheiros - Pereiras
4860 - 338 Cabeceiras de Basto Telm.: 961 894 241 Telmv. 968 012 666 / 969 084 366 autopeçasdebasto@iol.pt

20 de Dezembro de 2009 13
Venha curtir o
litoral brasileiro!

DC
SERBASTO - GABINETE DE SERVIÇOS, LDA
CAMPO DO SECO - REFOJOS

Car
4860- 353 CABECEIRAS DE BASTO
serbasto@serbasto.mail.pt
TELEFONE: 253 664 557 TELEMÓVEL: 914 161 971
COMÉRCIO DE AUTOMÓVEIS
SENHOR EMPRESÁRIO, QUER ATENDIMENTO
Responsável: Fernando Salgado
PERSONALIZADO COM TÉCNICOS DE CONTAS INSCRITOS
NAORDEM DOS TÉCNICOS OFICIAIS DE CONTAS? Tel/Fax: 253 665 803
Lameiros - Cabeceiras de Basto
FALE NA SERBASTO, ONDE VERIFICARÁ BONS
PREÇOS PARA A SUA CONTABILIDADE
ORGANIZADA, POIS SÓ OS TÉCNICOS OFICIAIS
NOVOS E USADOS Alugam-se casas para férias, finais de semana
A destacar as marcas:
DE CONTAS PODEM FAZER E ASSINAR A SUA e feriados na praia peito de moça em Luís Correia
CONTABILIDADE.
PEUGEOT e MITSUBISHI - Piauí - Brasil. Casas mobiladas, ampla
NÓS ANALISAMOS TODOS OS MESES COM A
INFORMAÇÃO NECESSÁRIA, OS SEUS ELEMENTOS
garagem, poço artesiano, três suites,
CONTABILÍSTICOS PARAUMABOAGESTÃO FINANCEIRA. avarandada a 50 metros da praia.
NÃO ENTREGUE A SUA CONTABILIDADE Contactos:
ORGANIZADA A QUEM NÃO É TÉCNICO OFICIAL DE Cláudia 0055(86)9986-6797 / 0055(86)9982-4798
CONTAS, POIS ESTES ESTÃO PROÍBIDOS POR LEI E
NÃO SÃO CONTABILISTAS, PODEM SER, QUANDO LEITE & TEIXEIRA REBOQUES E COMÉRCIO DE
MUITO “ARRANJADINHOS” DA CONTABILIDADE.
AUTOMÓVEIS NOVOS E USADOS, LDA
CONTACTE LUÍS MEIRELES E ANA MARIA, TÉCNICOS o n tr o .. .
OFICIAIS DE CONTAS INSCRITOS NA CÂMARA D OS o s a o seu enc
Va m Serviço de Reboque 24/24 Horas
TÉCNICOS DE CONTAS. Trabalhamos com todas
A SERBASTO, ALÉM DE CONTABILIDADE FAZ as assistências EM VIAGEM
TAMBÉM SEGUROS NAS COMPANHIAS ONDE Desempanagem no local/Base
AS TAXAS SÃO MAIS BARATAS.
Carrazedo - Refojos 4860 - 322 Cabeceiras
Deseja a todos os clientes e amigos um Tlf/Fax (Escritório) 253 662 091
Tlms 968 026 131 (José Teixeira)
Feliz NataL e um BOM ANO NOVO! 961 336 295 Rui Teixeira
Email: reboques-lteixeira@mail.telepac.pt

Granitos Irmãos
Leite Oliveira Extracção e Comércio de Granitos
Terraplanagens
Tlm: 969 086 875
Parada de Atei - Mondim de Basto

14 20 de Dezembro de 2009
20 de Dezembro de 2009 15
Padaria e Pastelaria
Pastelaria

SILVA
Com estabelecimentos em:

FAFE, MONDIM DE BASTO E RIBEIRA DE PENA

Telfs. 253 597 915 / 255 382 601 / 259 493 048

Deseja aos seus clientes


lientes,, cola
clientes bor
colabor ador
borador es e
adores
amigos um Feliz Na
amigos tal e um Bom Ano No
Nat vo
Nov

Contactos: 968 039 756 - 962 768 019 - 962 372 147 * Vilar de Ferreiros - 4880 Mondim de Basto
16 20 de Dezembro de 2009
2º Aniversário
Filial: Praça da República. R/C
Mondim Automóveis
4860 - 355 Cabeceiras de Basto
Novos e Usados
Stand em frente ao Estádio do Mondinense
Tlf/Fax. 253 666 173 Tlm. 918 541
Lugar da Ponte D’Olo - Ermelo - Mondim de Basto
654 Email: turiermal@sapo.pt
Tlm. 962 665 251
Sede: C.C. Alto minho Loja 32 - 1º
Deseja a todos os seus
4850-521 Vieira do minho
Deseja a todos os seus
Tel 253 648 931 - Tel/Fax 253 647 853
Tlm. 919 956 676 clientes e amigos um
clientes e amigos um
Feliz NataL
Feliz NataL e e um BOM ANO
um BOM ANO NOVO! NOVO!
NOV
Edifício Nova vila, loja 8 0
486 sto
- a
5470 - 430 Salto s o eB
o d
Venda de plantas e nch ras
i
Tlf. 253 750 097 produtos de jardinagem ui e
Q ec
ab
C
Tlm. 96 914 4448
Deseja aos seus clientes
Deseja a todos os seus Freita - Refojos
4860 Cabeceiras de Basto Boas Fest
Boas as!
Festas!
clientes e amigos um
Feliz NataL e um
BOM ANO NOVO!
Ourivesaria

10% Desconto
Visite-nos: Cabeceiras de Basto,
Fafe e Póvoa de Lanhoso
913 047 615

AUTO ELÉCTRICA
GUEDES
REPARAÇÕES ELÉCTRICAS Manuel Joaquim N. Oliveira
Tlf: 253 666 087 - Tlm: 96 524 5770 Tlm. 93 425 5895
Parque Industrial de Olela
LUGAR DAS PEREIRAS DE BAIXO - REFOJOS
4860 - 337 CABECEIRAS DE BASTO 4860 Cabeceiras de Basto

Clínica Dentária da CALVEST


CALVEST
Boavista
Tratamentos Dentários
MODAS
MODAS Em Arco de Baúlhe, Cabeceiras

Cirurgia PRONTO A VESTIR Contacto: 253 663 009


Dentisteria Av. Capitão Elísio de Azevedo
(Zé António) Arco de Baúlhe
Endodontia
Tlm. 962 368 421 - Arco de Baúlhe 4860 - Cabeceiras de Basto
Implantologia
Paradontologia
Prótese Fixa e Removível
Radiologia
Material Eléctrico, iluminação,
Rx Intraoral Digital (RVG) Aquecimento Eléctrico
Odontopediatria
Porque a sua Ortodontia Fixa e Removível Tel/Fax 253 665 871 Tlf./Fax: 253 661 333
boca é importante! Branqueamento a laser Tlm 96 828 3947 luxarco@gmail.com Tlm. 96 195 3743
Largo da Boavista 1º Andar 4860 - 354 Cabeceiras de Basto Avenida Capitães de Abril Edifício Basto XXI - 1º Andar - Refojos
Email: clinicaboavista@gmail.com Tlf. 253 768 204 4860 - 041 Cabeceiras de Basto 4860 - 363 Cabeceiras de Basto

20 de Dezembro de 2009 17
Era irmão do saudoso médico Francisco Meireles O Basto – 20 de Dezembro de 2009 – Nº 60

Faleceu o Padre
-----------------------------------------Certificado-------------------------------------
---Certifico que no dia dezassete de Dezembro de dois mil e nove, perante mim, Notária,

Fernando Leite
Leonor da Conceição Moura, com cartório sito no Campo do Quinchoso, Refojos,
Cabeceiras de Basto, foi outorgada uma escritura de JUSTIFICAÇÃO notarial, iniciadas
a folhas 31 do Livro 47-A, intervindo como justificantes:-----------------------------------------
---Carlos Alberto Moreira da costa NIF 174 713 983 e mulher Maria Bernardina Andrade
Faleceu recentemente, com 89 anos Santos NIF 196 729 416 casados sob o regime da comunhão de adquiridos, naturais
de idade, o Padre Fernando Leite de ele da freguesia de Cavez e ela da de Pedraça, ambas deste concelho e residentes na
Castro Meireles, figura destacada da primeira no lugar de Palheiros.-------------------------------------------------------------------------
Igreja, cujo o trabalho ao serviço do ---Mais certifico que foi declarado:----------------------------------------------------------------------
Apostolado da Oração e na divulgação ---Que são donos e legítimos possuidores, com exclusão de outrem, do seguinte
da Mensagem de Fátima mereceu prédio, sito no lugar de Palheiros da dita freguesia de Cavez:---------------------------------
---Rústico – denominado de “Tapada de Palheiros” com a área de quatro mil e duzentos
reconhecimento nacional.
metros quadrados, a confrontar de norte com António Machado Pereira, de sul e poente
Nascido na freguesia de Cabeceiras com Margarida Laura Martins de Vasconcelos e de nascente com casa de Carlos
(São Nicolau), este emérito Alberto Moreira da Costas, omisso na conservatória, inscrito na matriz em nome do
cabeceirense ingressou na justificante sob o artigo 1831 com o valor patrimonial de • 90,00.----------------------------
Companhia de Jesus (Jesuítas), em ---Que este prédio foi adquirido por ambos ainda no estado de solteiros, no ano de mil
1937, e foi ordenado sacerdote, em novecentos e oitenta e cinco por compra verbal a António Leite e mulher Idalina de
meados de 1951, na cidade de Turim Jesus, residentes que foram no lugar de Cortinhas, da dita freguesia de Cavez, e já
(Itália). Durante décadas dirigiu o falecidos, tendo entrado nessa data na posse do referido prédio, mas não conseguindo
jornal “Clarim” e a revista “Cruzada”, comprovar pelos meios normais, actualmente, a referida aquisição não titulada, e
Padre Fernando Leite era um Sacerdote registar em seu nome, na conservatória, o mesmo.----------------------------------------------
duas publicações de referência no prestigiado na Igreja Bracarense
---Contudo e apesar de esse contrato não ter a virtualidade jurídica de transmitir o
panorama da imprensa religiosa, domínio e propriedade de tal prédio, o certo é que por via dele, os justificantes passaram
tendo ainda publicado dezenas de livros e opúsculos, sobretudo sobre a a usufruí-lo, limpando-o, cultivando-o, colhendo os seus frutos, pagando os respectivos
Mensagem de Fátima, de que era um apaixonado. impostos, realizando benfeitorias e obras de beneficiação, e gozando todas as
O Padre Fernando Leite foi também Director Espiritual dos Seminários Diocesanos utilidades por ele proporcionadas com animo de quem exercita direito próprio, de boa
de Braga, exercendo ainda o cargo de Assistente Religioso da Congregação fé, por ignorar lesar direito alheio, pacificamente, porque sem violência, continua e
Mariana dos Homens. A sua exemplar vida sacerdotal e religiosa teve sempre publicamente, com o conhecimentos de toda a gente e sem oposição de ninguém – e
um pendor social, nomeadamente como Capelão do Estabelecimento Prisional isto por lapso de tempo superior a vinte anos.——-------------------------------------------—
de Braga, durante cerca de 20 anos. —Que dadas as enumeradas características de tal posse, os justificantes adquiriram
aquele prédio por usucapião – titulo esse que, por natureza, não é susceptível de ser
Este nosso insígne conterrâneo era irmão do saudoso médico Francisco Meireles
comprovado pelos meios normais.--------------------------------------------------------------------
e tio do ilustre advogado Francisco Fraga, figura ligada à Santa Casa da ---Está conforme original.———————————————————————————-
Misericórdia de S. Miguel de Refojos. ---Cabeceiras de Basto, dezassete de Dezembro de dois mil e nove.----------------------
À família enlutada, os colaboradores do jornal “O Basto” e os dirigentes da adbasto
A NOTÁRIA
apresentam os sentidos pêsames. (Leonor da Conceição Moura)

! NECROLOGIA ! ! NECROLOGIA ! ! NECROLOGIA !

D. Elvira Francisco José D. Irene


Alves Pereira Pinto Leitão
(Passos) (Vilela - Riodouro) (Refojos de Basto)

Nasceu a 30/03/1924 Nasceu a 16/09/1912 Nasceu a 07/12/1932


Faleceu a 04/12/2009 Faleceu a 16/11/2009 Faleceu a 21/11/2009
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

José de Sousa Maria da Graça de D. Maria Joaquina


Teixeira Sousa Neiva Teixeira
(Refojos de Basto) (Stª Senhorinha) (Arco de Baúlhe)

Nasceu a 30/07/1944 Nasceu a 10/06/1931 Nasceu a 03/03/1925


Faleceu a 03/12/2009 Faleceu a 03/12/2009 Faleceu a 25/11/2009
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

FUNERÁRIA CABECEIRENSE, LDA GERÊNCIA DE PAULINO FERREIRA E ISIDRO FERREIRA


Tlm: 968 081 863 - 969 009 619 Telef: 253 662 203 - 253 662 365

18 20 de Dezembro de 2009
Não vou questionar-me porque havendo
blogspot.com outros cartazes da coligação PSD/
CDS_PP que ainda fazem poluição no
Arco de Baúlhe colocados em pontos
12 Dezembro 2009 estratégicos idênticos ao referido no

A Casa do Penedo - Lameira, Fafe


jornal, não são também referidos nesse
jornal… veja-se nas fotos tiradas hoje
dia 20, um cartaz colocado em frente à
igreja de S. Martinho para que o povo
ao sair daquele local de culto, depois
de venerar a Deus e a todos os Santos,
possam também venerar o PSD/CDS-
PP. e as “caras larocas” do cartaz; Veja
outro colocado noutro ponto fulcral da
vila, junto ao museu Ferroviário (Museu das Terras de Basto). Já não bastava os
“caixões” gigantes colocados na linha a fazer poluição visual?
Não vou questionar-me nem pronunciar-
me se realmente já passou mês e meio
tendo as eleições sido realizadas a 11
de Outubro e a foto tirada, segundo
dizem, a 16 de Novembro.
Na verdade, como ainda vivemos num
Certamente, pelos menos os habitantes de Terras de Basto e regulares visitantes, Estado de Direito Democrático, e ainda
conhecerão esta peculiar casa. No meio da serra da Lameira encontra-se esta me assiste como cidadão desta terra,
interessante e, digamos, rústica construção. No entanto, esta casa está a alimentar o direito à indignação, queiram V. Exas
a curiosidade de muitos outsiders (estrangeiros ou não). Convém ler este artigo no serem mais isentos e plurais nas
Obvious: casa do penedo - os flinstones à portuguesa. palavras e, não queiram demonstrar tanta clarividência partidária. O povo tem olhos
Publicada por Marco Gomes em www.remisso.blogspot.com para ver e cabeça para pensar.
TERÇA-FEIRA, DEZEMBRO 01, 2009 E a campanha eleitoral prossegue, aguarda-se cenas dos próximos capítulos.

Sessão de charme da EDP, “Um ARCO DE ESPERANÇA” - como a esperança é a última a morrer, os cartazes
fazem juz ao slogan.

na Assembleia Municipal! Publicada por Repórter Amador em www.reporterdebasto.blogspot.com


Terça-feira, 1 de Dezembro de 2009
Foi realizada, no dia 30 de Novembro, uma Assembleia Municipal extraordinária de
Mondim de Basto (com escassa divulgação!), com dois assuntos principais: Mau tempo provoca prejuízos...
Aprovação das taxas de IMI O mau tempo que se fez sentir no passado fim-de-semana está a provocar prejuízos
Apresentação/Esclarecimento (sessão de charme) da EDP, aos Senhores Membros e contratempos.
da Assembleia Estando marcada uma corrida de cavalos na pista para aeronaves de Cabeceiras de
No primeiro ponto, o CDS/PP apresentou uma proposta para alterar a taxa sugerida Basto, para o passado domingo, teve de ser adiada para o próximo.
pelo executivo, que tinha sido aprovada em reunião de executivo, pelos vereadores Para além dos contratempos que originou, está a provocar, durante uma semana, o fecho
do mesmo partido. Coerência!?...) Obviamente, gerou debate entre PS e CDS e da rota aérea de Abadim, impedida que está a pista do hipódromo da Serra do Oural.
aqueceu a sala. Os passageiros, os pilotos e os agentes turísticos estão já a manifestar a sua
No segundo ponto, foi apresentado o projecto e o plano de implementação da preocupação pelo sucedido.
Barragem de Fridão, e esclarecidas um conjunto de dúvidas: qualidade da água, Pensam até solicitar, a S. Pedro, a abertura de uma linha de financiamento para
datas. Ficou ainda claro, que a EDP não conhece os reais impactos desta estrutura fazer face aos prejuízos.
em Mondim. Reconheceram não conhecer, o GTM (Grupo Tamecanos de Mondim), Publicada por Mário Leite em www.bloguedoprofessor.blogspot.com
clube com mais de 30 anos de história (com algumas mudanças de nome pelo Segunda-feira, 16 de Novembro de 2009
meio) e que tem como principal actividade a prática da canoagem no rio Tâmega.
Será, que a EDP está disponível para redistribuir os recursos, que o nosso Estado (empresa
que gere o nosso condomínio) disponibilizou, pelos Concelhos afectados por este lago.
Marcas de Baúlhe | “Manel e Maria”
Publicada por Rui Miguel Borges em www.casadoeiro.blogspot.com O painel de azulejos que
encima o Largo da
sexta-feira, 20 de Novembro de 2009 Serra, é um verdadeiro

E a campanha para as próximas ex-libris da vila. Muitas


vezes ignorado pelos

autárquicas (2013) pro/segue arcoenses, a obra é um


belo postal de Arco de
Hoje, 20 de Novembro de 2009, chegou-me às mãos o prestigiado jornal O BASTO Baúlhe, digno de uma
com uma notícia publicada sobre um cartaz que faz poluição visual na Praça da foto para qualquer
República. forasteiro de passagem.
Já me habitei ao “pluralismo e isenção” deste jornal e não me vou pronunciar nem Não obstante, está
mesmo questionar-me do porquê da publicação desta notícia do cartaz do Partido degradado. Devia por
Socialista, porque sei que isso é poluição visual e já nada serve mesmo senão para isso ser recuperado, protegido e dignificado.
isso, poluir. Nisso estou de acordo. Publicada por Vitor Pimenta em www.malmaior.blogspot.com

Deseja a todos os seus


Pastelaria clientes e amigos um
Deseja a todos os
seus clientes e
Feliz Natal
e um Bom Ano Novo!
Feliz
amigos um Grupos ROCK - POP - Músicas de Baile - Fado
Ilusionismo - Palhaços - Discotecas - Festas de Casamento

Natal e um Av . General Humberto Delgado


Atracções Nacionais
Orquestras Espanholas
Som - Iluminação - Palcos - Geradores
Bom Ano Novo! Refojos - 4860 Cabeceiras de Basto (Para todo o género de eventos)
Tlf. 253 661 348 Tlm. 967 067 116 / 917 350 181 E-mail: intershow@iol.pt

20 de Dezembro de 2009 19
! NECROLOGIA ! ! NECROLOGIA !

D. Ana Henriqueta D. Ana


Aluga-se
Vitorino de Campos de Magalhães Armazém
(Cavez) (Cevez) Com instalações aprovadas para indústria.
Com 313 m2. Bons acessos.
Nasceu a 27/06/1936 Nasceu a 03/02/1920
Faleceu a 21/11/2009 Faleceu a 30/11/2009 Loja
Agradecimento Agradecimento Com 94 m2. Perto da Vila de Refojos
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o Contactos: 969 378 800 - 0033 545 692 597
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos ESTAÇÃO
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do DE
seu ente querido. seu ente querido. SERVIÇO
* Comércio de Pneus Novos e Reconstruídos

Domingos D. Elisa * Alinhamento de Direcções


de Sousa Gonçalves * Calibragem de Rodas
Telef./Fax: 253 663 325
(Basto-Stª Senhorinha) (Arco de Baúlhe)

Nasceu a 02/06/1928 Nasceu a 25/03/1924


Faleceu a 28/11/2009 Faleceu a 24/11/2009
Agradecimento Agradecimento e-mail: dc-cci@netc.pt
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o Sede e Armazém Frigorífico em:
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais Lugar de Sobreiro - Real 4700 - 272 BRAGA
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos Telefone 253 625 644 - Telef./Fax. 253 662 661
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. ! NECROLOGIA !

D. Aurora
Firmino Alves Francisco
Gonçalves Pereira
Fernandes de Gonçalves Portela
Magalhães Moura (Lugar de Stº António - (Vila Boa - Bucos)
(Boadela - Pedraça) Abadim)
Nasceu a 15/06/1928
Nasceu a 24/03/1928 Nasceu a 01/01/1923
Faleceu a 26/11/2009
Faleceu a 05/12/2009 Faleceu a 14/11/2009
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

Joaquim Leite Luciano da Costa D. Maria Gonçalves


de Andrade Campos Angustinha

(Pedraça) (Reboriça - Cavez) (São Niculau)

Nasceu a 31/12/1917 Nasceu a 30/10/1950 Nasceu a 26/12/1932


Faleceu a 22/11/2009 Faleceu a 30/11/2009 Faleceu a 16/11/2009
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

Todos os serviços fúnebres estiveram a cargo da Todos os serviços fúnebres


Agradecimento estiveram a cargo
Dignidade Funerária Carvalho Pompas
Prestígio
Fundada em 1880
fúnebres Funerária Casa Sousa
Profissionalismo exclusivas
S. Nicolau - Cabeceiras - Tlf. 253 662 175
Telf. 253 663 404 - Tlm.s 96 706 6045 / 96 611 0549 Tlm.s 96 611 0549 / 96 116 1683

20 20 de Dezembro de 2009
Blogue do Professor Da paz e da Guerra
O que se passa com o Centro Escolar? O novo Nobel da Paz, não da paz conseguida mas da paz
Ainda há poucos meses foi inaugurado o Centro Escolar, designado prometida, uma novidade no critério de mérito desta
de Padre Dr. Joaquim Santos, em Cabeceiras de Basto. nomeação, é Obama, o todo poderoso Presidente dos
A sua construção foi acelerada para que em vésperas de eleições Estados Unidos da América.
pudesse ser inaugurado e o novo ano lectivo aí tivesse início. O homem, Júlio César, líder político e militar da maior
Mário Leite* *António Basto potência da sua época, depois de ter - note-se a ironia –
Desde os primeiros dias da sua utilização, têm ocorrido diversos casos
(Professor)
e problemas. pacificado a Península Ibérica pelas armas, - é que havia por cá um povo que não
Primeiro, de relação entre a gestão dos espaços e da sua utilização pela comunidade educativa. se governava nem se deixava governar - e de ter ganho militarmente a Gália para
Depois, o mau funcionamento de muitos dos equipamentos instalados, como o sistema de a esfera do poder de Roma, façanha militar que o seu dito “ ueni, uidi, uinci” (fui
ventilação, algumas portas, os quadros interactivos e a falta de um quadro alternativo para o vi e venci) imortalizou e cujo génio militar a obra que ele próprio escreveu, “De
caso de avaria daqueles. O elevador só funcionou no dia da visita da Sr.ª Ministra. As cortinas bello Gaulico”, consagrou (é esta uma das poucas obras clássicas traduzidas
caem com facilidade. Os corrimões das escadas tiveram que ser cobertos com madeira por no nosso idioma e disponível nas nossas boas livrarias), disse, no Fórum de
causa das mãos das crianças que sujavam a tinta. As torneiras das casas de banho estão Roma, há 2000 anos, “Si uis pacem parat bellum” (se queres a paz prepara a
constantemente a avariar. O chão do recreio da pré já começou a ceder. Há falta de material de guerra). Pelo feito até foi dado o seu nome ao sétimo mês do calendário, agora
apoio: impressoras, internet, uma só fotocopiadora para 500 crianças e vinte e tal professores. grafado como Julho, e ao seu sobrinho, Imperador César Augusto, o oitavo mês,
Há falta de placards para se afixarem os trabalhos das crianças. As salas são exíguas para 25 o agora Agosto.
alunos por turma. Os acessos ao Centro Escolar, na hora de entrada e de saída é um caos, para Ora, é neste século, Obama, o líder da maior potência mundial, que, Nobel da
mais agora com as obras e com acessos condicionados. Paz, vem dizer, no acto de receber aquela elevada distinção, o mesmo que César
Neste período de chuvas, inundações no exterior e inundações das salas de aulas no piso in illo tempore dissera no seu triunfo.
superior, com infiltrações para o piso inferior. O mesmo já tinha acontecido numa sala da pré. Mudam-se os tempos, mudam-se os protagonistas das vontades.
Afinal, o que se passa com o Centro Escolar? Mera coincidência… ou não…
Uma obra nova, que custou “os olhos da cara”, como se costuma dizer, e no fim não está em *Colaborador
condições de satisfazer convenientemente a sua finalidade.
Noutras circunstâncias, o que ali se passa daria para fazer tremer as torres do Mosteiro.
Porém, agora, parece que tudo se pretende esconder…
Já lá vai um ano
Foi há um ano que iniciei a participação neste espaço de “O Basto”.
Doze crónicas que procuraram reflectir sobre cada um dos momentos mensais que se viviam.
Crónicas que motivaram a criação, em Maio, de um blogue, com actualização diária, o que
tem acontecido de forma regular.
Cerca de trezentos e cinquenta post’s publicados sobre as mais diversas temáticas.
Sempre na defesa da liberdade, da democracia e da livre expressão do pensamento.
Festas Felizes!

Bom Natal e Feliz


Os tempos não vão para grandes festas, nem auguram melhores dias.
No entanto, vivemos a época de Natal e de recepção ao Ano Novo.
São momentos de relevo para valores que prezamos: a Família e a Paz.
Deseja
Que a Paz inunde as Famílias Cabeceirenses (e todas as outras) e que 2010 nos traga os
ventos de mudança, tão necessária que se torna para invertermos a situação em que vivemos.
Feliz Natal, Bom Ano Novo!
Ano Novo! a todos os familiares, clientes e
*Colaborador
Acompanhe todos os dias a actualização do “Blogue do Professor” imigrantes, fornecedores e amigos.
em http://bloguedoprofessor.blogspot.com/

Quinchoso
Desejam a todos os seus Cabeceiras de
Basto
clientes e amigos um Tlf. 253 661 481
253 661 845

Feliz Natal Deseja a todos os seus


clientes e amigos um
Bom
e um Feliz NataL
e um Bom Ano
Ano Novo!
Novo!
Nov

Deseja a todos os seus Deseja a todos os seus clientes e amigos

clientes e amigos um Feliz Natal


Lugar do Quinchoso 4860
um Feliz Natal
e um Bom Ano Novo! e um Bom Ano Novo!
Cabeceiras de Basto
Tlf. 253 662 717
Tlm. 964 261 528

20 de Dezembro de 2009 21
As minhas Memórias de Cabeceiras!
Postal de Natal
«Os Zés Zucas» Quatro da tarde de um sábado
Há uma locução latina que desta crónica, nunca desconfiando que era o grupo cinzento e húmido de Outono. No
serviu de mote para esta minha que quase diariamente ía encutir nas cavidades superlotado parque de esta-
crónica: Sublata Causa, estomacais, uns copos de vinho tinto ou branco ou cionamento, percebe-se já a
Tollitur Effectus e que então cervejas fresquinhas nos locais mais aproximação do Natal, nas árvores,
significa: Cessada a Causa, apropriados e familiarizados no Largo Cabeceirense, Paulo Pinto*
José Luciano (Professor)
laços, renas e folhas de azevinho
Desaparece o Efeito. sempre ao redor da Praça da República.
Gonçalves Basto* Quanto a mim aquela referida iluminadas que decoram o edifício
Até que, certa semana, fui atacado pelos «Zés Zucas», de
(Bombarral) locução latina, na sua plena uma forma pouco democrática, que não encaixava na da catedral do consumo a abarrotar de gente.
tradução, está correcta, minha maneira de ser e de estar na vida, sem contudo, me Não é surpresa: o tempo está de má cara, é final do mês, muitos
porquanto, relativamente aos «Zé Zucas», o que se ferir a sensibilidade. E no artigo que então escrevi em receberam subsídio de Natal, a publicidade convida a aproveitar
passou de concreto, tornou-se vibrante nas páginas resposta, declarei a dada altura: “faz parte integrante dos as promoções.
de «O Jornal de Cabeceiras» e que apenas me «Zés Zucas» uma pessoa que em vez de incutir no espírito Estrategicamente colocados no acesso ao hipermercado, um
provocaram reacções esporádicas como causas e que dos seus paroquianos, os dogmas da religião, se entretém punhado de voluntários do Banco Alimentar contra a Fome
tive de suportar pelos efeitos, mas que valeu a pena o a ajudar os seus colegas do grupo, a espicaçar um filho de estendem aos passantes um saco de plástico vazio: uma ou
combate jornalístico, entre mim e um grupo anónimo de Deus, nas colunas do jornal regional existente nesta vila”. duas embalagens de farinha, ou bolcahas, ou leite, ou conservas,
amigos, que só muito mais tarde, é que vim a descobrir. É uma verdade, que tudo acabou num ápice, sem enfim, ofertas de alimentos para famílias que passam
Certo dia o meu saudoso amigo António Ferreira de vencidos, nem vencedores, todavia, a quebra
necessidades nestes tempos de vacas magras. Sim, que as
Sousa, o qual, durante muitos anos, foi uma chama momentânea da publicação de artigos, causou
prestações sociais não resolvem tudo, e as dívidas e encargos
viva em «O Jornal de Cabeceiras», convidou-me a estranheza aos leitores e cheguei a receber cartas de
estrangulam muitos orçamentos familiares já ameaçados pelo
escrever uma série de artigos, cujo conteúdo dos assinantes, radicados em várias partes do país, a pedir
desemprego e pela precariedade.
mesmos, seria da minha inteira responsabilidade. Aceitei informações sobre a extinção da minha coluna semanal
o desafio e lembro-me que, todos os meus trabalhos e dos «Zés Zucas». Só sei dizer, que de tal grupo, Passa um casal bem vestido de meia-idade, com um filho
jornalísticos, se baseavam, fundamentalmente, em temas infelizmente, só um é que respira os ares puros da região adolescente que prefer ir dar uma volta em vez de mergulhar nos
culturais. Tudo corria às mil maravilhas, com agradáveis de Basto, com oitenta anos como eu, porque os corredores dos lacticínios e congelados. O homem recusa o
felicitações por parte de alguns leitores. No entanto, restantes já não pertencem ao número dos vivos. É de saco de plástico levantando apenas o queixo e olhando com
comecei a receber «Ferroadas Ligeiras», através de notar, que até tive pena de ter cessado as acesas colunas displicência por cima da cabeça da jovem que o interpela; a
críticas, aliás bem intencionadas de um grupo, que se jornalísticas, mas foi melhor assim, continuando todos mulher segue entretida com o telemóvel. Moeda no carrinho de
intitulava «Zés Zucas». É de notar, que desconhecia, a conservar a amizade, em paz e harmonia. compras, avançam os dois em direcção à secção de vinhos.
inteiramente, a identidade dos seus autores. Confesso, abertamente, que a dada altura, já não tinha Sei bem que não faltam motivos para recusar contribuir:
Recordo-me, que num dos meus escritos, afirmei, que argumentos para responder às perguntas muito sólidas dificuldades financeiras, excesso de solicitações nesta época,
“gostava de possuir o espírito criativo de Eça de Queirós, por parte dos meus adversários, que me obrigavam a convicções anti-assistencialistas, desconfianças quanto ao
o raciocínio brilhante e evolutivo dos historiadores dormir mal, pelas horas que perdia em constantes «verdadeiro» destino das ofertas… Há pretextos para todos os
Alexandre Herculano e Oliveira Martins; a força poética pesquisas, no sentido de manter bem firme, a difícil gostos. Não há que julgar ninguém, cada um sabe de si.
de João de Deus e como não podia deixar de ser, do colaboração. E só em pensar que tudo ocorreu há tantos Uma hora e tal mais tarde – sim, que nos hipermercados o
imortal Camões e a visão de Camilo Castelo Branco”. anos, me provoca inúmeras saudades dos tempos em tempo parece voar – descubro o mesmo casal numa daquelas
Logo os «Zés Zucas» me atacaram, esclarecendo que o que as pessoas valiam ouro, bem como os amigos que caixas cujas operadoras mexem em milhões mas apenas
célebre escritor de São Miguel de Seide, era cego, e, a morte levou para todo o sempre. Admirava o espírito ganham 500 euros. As compras são postas no tapete rolante.
consequentemente, nunca eu poderia ter a visão do criativo de pessoas evoluídas e «O Jornal de Acho que há algo de íntimo nesta exposição: hábitos, gostos,
sublime romancista. Respondi então, que Camilo Castelo Cabeceiras» vivia enriquecido com a colaboração de manias, necessidades, segredos, tudo transparece no conteúdo
Branco, só se suicidou no dia 1 de Junho de 1890, tais personalidades, sempre activas e dinâmicas, cada de um carrinho de compras. Sinto que não devo olhar, por
precisamente pelo facto de deixar de ver, mas que teve uma mantendo o seu estilo próprio, diferenciado na escrúpulo e boa educação, mas não resisto. O fiambre é de
uma visão fantástica nas obras que publicou, muitos sua argumentação, mas, o que escreviam, era de
categoria extra, em fatias finíssimas, o vinho é de garrafeira, os
anos antes de cegar. Procurei saber a identidade dos interesse para os leitores, cujas publicações por vezes
iogurtes são gourmet, a comida para cão é vitaminada e com
componentes do grupo e fiquei ciente, que eram pessoas esgotavam, dado o valor de conteúdo dos trabalhos
«suculentos bocados de carne». O tapete rolante resplandece
que falavam comigo todos os dias, limitando-se a esperar inseridos no referido jornal, que, lembro-me bem,
de artigos de qualidade superior, pagos com um dos muitos
até que ponto eu aguentava tão diversificadas críticas, chegou a ser conhecido por «Folha de Couve».
mas sempre em sentido construtivo. Tive que fazer Foi pena «O Jornal de Cabeceiras» ter acabado, no cartões que recheiam a carteira da senhora.
pesquisas demoradas para me sair bem. qual participei desde muito jovem, até à idade de Aproximo-me do carrinho do Banco Alimentar. Ainda a pensar
E o que é certo, é que duraram muitas semanas, a troca adulto, bem como outros colaboradores, que já no casal, verifico com surpresa que, afinal, está bem mais cheio
de mimos inofensivos, entre os «Zés Zucas» e o autor dormem na Paz do Senhor. *Colaborador do que há pouco. Uma senhora jovem acaba de oferecer, mesmo
à minha frente, um saco a abarrotar de géneros. Lá se vão as

O QUE OS OLHOS MORTAIS


ideias sobre o materialismo feroz e a crise de valores. Quase
sinto vergonha da pobre lata de feijão e do pacote de Nestum

NÃO ENXERGAM (CAPÍTULO LVII)


que ali deixo. Talvez os necessitados não gostem de feijão e os
filhos detestem Nestum. Mas quem é que espera que o mundo
seja perfeito?
Neste capítulo vou, dentro do catástrofes e se houvesse passavam ao lado , não *Colaborador
possível, mostrar que nem tínhamos que nos preocupar, deixámos tudo nas mãos
Saramago nem Velho Testamento de Deus. Quando Saramago diz que o Deus da Bíblia simbiose. O Deus que ama toda a humanidade por igual,
Albino Antunes* e que Deus não é um velhinho de é um Deus mau, seguindo o pé da letra penso que tem independentemente da cor, do estatuto cultural ou do seu estado
barbas compridas, mas sim uma alguma razão ou teria toda a razão se na verdade espiritual, porque o caminho é de todos e os que estão mais afastados da
Superior Consciência em forma de Luz. acreditasse na existência de Deus. Quem acredita em meta também lá vão chegar. Pelo exposto, não seria possível que Deus
Não foi Deus que escreveu o Velho Testamento, mas Deus não pode acreditar em várias passagens do preferisse Abel a Caim nem Deus interfere no livre arbítrio da humanidade,
sim profetas e historiadores do tempo. Também não Velho Testamento como desígnios de Deus, mas sim apenas permite que os Mestres nos enviem alguns sinais de orientação.
foi Jesus Cristo que escreveu o Novo Testamento, como histórias reais ou inventadas pelos homens. O caro leitor, talvez se interrogue sobre a veracidade destes factos, mas
apenas lhe deu corpo com os seus feitos e A Bíblia é uma obra literária em que cada um pode pode olhar para cima, para os lados e para si e perguntar pela causa. A
ensinamentos, mas nos dois testamentos como é interpretar os seus textos a seu belo prazer, assim como ciência evidencia a causa e efeito. Como é óbvio sem causa não há efeito
evidente, surgem erros, hiperbolizam-se as obras de Saramago podem ter várias interpretações, e nada não cria nada. A partir daqui tudo o que existe que não é obra do
frases e contam-se histórias ao belo prazer dos além de estarmos no século XXI. Então onde está o homem por alguém foi feito, mesmo a obra do homem requer materiais
escritores da época, embora como é evidente o Novo busílis? Está nas pessoas. É a humanidade que atribui existentes ou transformados, mas existem para o efeito, portanto para
Testamento evidencie uma consciência mais adequada poderes sagrados a coisas sem nexo. Sabemos que há encontrarmos uma força superior é procurar a causa.
ao género humano. Mesmo hoje com os avanços da pessoas que confundem livros ou objectos ditos Como nos devemos relacionar com Deus? Simplesmente ligar as nossas
comunicação surgem erros e excessos. Agora o leitor sagrados com Deus e é por isso que Saramago diz que mentes ao Universo, à figura de Jesus Cristo ou de outros mestres e não
transporte-se para aquele tempo e compare. o Deus da Bíblia é mau. Devemos manter o equilíbrio e fazer aos outros aquilo que não desejaríamos que nos fizessem.
Não li a obra de Saramago, apenas me guio pela não confundirmos Deus com objectos ou imagens que Sem ligação da mente ao Universo não recebemos energia nem graças, assim
polémica televisiva. Pelas palavras de Saramago se não têm nada a ver com a energia de Deus. como na nossa casa à noite não vemos se não ligarmos o interruptor da luz.
pergunta porque é que Deus não evitou a morte de Então quem é Deus? É uma Energia de uma Elevada Por lapso o capítulo anterior foi numerado LV, deve ser considerado o
Abel! Se assim fosse podíamos estar todos Consciência que faz movimentar todo o Universo número LVI. No próximo capítulo vou falar sobre aquilo que normalmente
sossegados, não havia acidentes, não havia Infinito. O Deus que ordena que tudo funcione em anda distorcido, a felicidade e infelicidade. *Colaborador
Os textos de Opinião reproduzidos são exclusivamente da responsabilidade dos seus autores, não vinculando o Jornal “ O Basto”.

22 20 de Dezembro de 2009
Editorial Opinião ALERTA
Vox populi vox dei
vo Portugal é um País oculto.
No conclave da Associação Nacional de Municípios, o seu Presidente Fernando
Ruas aproveitou a presença do Primeiro Ministro e, no seu discurso, tratou
No final do mês de Novembro a fuga de um pároco de Celorico de juntar a sua voz à daqueles que querem a Regionalização a todo o vapor. O
de Basto tornou-se um evento noticiado e reportado nos tempo urge.
principais meios de comunicação deste país. Causa: uma Como compreendo o desespero deste verdadeiro exército de Presidentes de
suposta história de amor shakespeariano. A paixão, a intriga, Câmara, cuja especialização de longos anos na academia do poder, lhes limita
Marco Gomes a saída para o mundo dos comuns.
(Sub-Director)
o choque social e a negação das famílias ao amor incontrolável
Ilídio Santos* Ainda há dias, o jubilado Mário de Almeida, tecia rasgados elogios à inteligência
e incompreendido foram os principais ingredientes desta
do povo votante, para justificar a sua soberania e exigir que seja ele (o povo)
história. De um lado a família da jovem, do outro lado a grande e poderosa família a decidir se querem ou não manter os capatazes.
católica -família adoptiva do jovem. Ambas negaram o consentimento ao amor: O Presidente da ANMP, o senhor Ruas, manifestou também o seu desagrado e o dos seus excelsos
uma por opção e a outra por zelo à norma do celibato. Vincaram a sua decisão pares, por não ver decidida pelo poder central a decantada delegação de competências, não a qualquer
contrariando algo tão lúcido e atómico que é a indiferença do conceito «amor» às preço como o próprio afirma.
leis e às crenças dos Homens. Perderam ambas, como seria de esperar. Percebe-se a boa intenção e a afirmação de competência destes insaciáveis do poder local, porém, há
Não é algo novo em Terras de Basto. Houve, provavelmente há e haverá histórias que ter muito cuidado, não vão eles continuar a espalhar benesses, para que na hora das escolhas,
com ingredientes e personagens semelhantes. No entanto, as reacções populares chamem ao povo de soberano.
foram interessantes. A «vox populi» é um excelente “medidor” social. Permite que É escandaloso que num momento em que o País só não desaparece porque faz parte da União Europeia, esta
gente se revele de um oportunismo canhestro que só pode resultar de uma verdadeira incapacidade cerebral.
determinemos, embora com um erro de aproximação considerável, o estado da
A comprová-lo e neste congresso sem qualquer proveito útil, a não ser para os séquitos que se
«mentalidade colectiva» das nossas gentes. Vejamos, nas reacções imediatas instalaram em Viseu à custa de todos nós, apreciem mais esta reveladora pérola:
houve populares que apelidaram de «escândalo» o acontecimento amoroso. Outros, “Foi pedida a alteração da lei das finanças locais, que limita os municípios de se financiarem à
que o apelidaram como «compreensível». Posições diferentes sobre um mesmo tripa forra (entenda-se contrair dívidas), dando como garantia os altos, probos e equidistantes
acontecimento. Mas, pelo menos não li nem ouvi qualquer comentário em contrário, critérios dos respectivos presidentes de Câmara”.
ninguém questionou o que deveria ser questionado: a razão social para a fuga Direi: nada mais justo. De resto, todos conhecemos a selectividade e a parcimónia de alguns na
deste casal. Porque, com o pároco renegando à norma e a jovem entregando-se distribuição do bolo, respeitando critérios (atentos à crise) de absoluta exigência ao mérito e,
ao amor, não puderam comungar o amor deles na terra onde ambos viveram? Fica especialmente, manifestando o respeito devido aos mais de 600 mil desempregados deste País.
a questão porque a resposta é, infelizmente, óbvia demais para ser enunciada. Este País, que vive na opacidade e que diariamente nos brinda com efeitos especiais, como estes
sucessivos números rascas de circo, onde se faz de conta que a justiça persegue gente importante, para
que, o tal povo soberano, fique de queixos à banda, estupidamente iludido, está, como diz o sociólogo

Discurso Directo!
António Barreto, à beira da irrelevância. (Isto dito por um sociólogo…vale!...)
Um País que alimenta uma enorme clique de comentadores na imprensa (especialmente a televisiva),
cada um com a respectiva bíblia debaixo do braço, falando…falando e não dizendo nada…, é um sítio
cujo terrorismo verbal se alimenta do lado mais irracional e frágil da sociedade – a ignorância -.
“Por último convém lembrar que não há Educação de Para terminar, senhores autarcas mãos largas… olhem para isto, tomem “juizinho” e procurem
Esquerda nem Educação de Direita, porque antes de inverter esta criminosa situação:
serem de Direita ou de Esquerda , as pessoas são sérias - O rendimento de um lisboeta é 36,9% superior à média nacional
ou desonestas, corruptas ou incorruptíveis, boas ou - O rendimento de um nortenho é 13,8% inferior à média nacional.
Gaspar Miranda más, com carácter ou sem vergonha na cara. BOM NATAL e que Deus guarde os portugueses e ponha a virtude aos autarcas. * Colaborador
Teixeira* Devemos prezar as pessoas de bem e de carácter,
sejam elas de Esquerda, do Centro ou de Direita”
Os efeitos da TV, da Internet e do telemóvel na vida dos jovens, a desagregação
da família tradicional que deixa a maioria deles, desde muito cedo, sem referências
sólidas e à mercê de mensagens avulsas, rápidas e ruidosas, o alargamento da
contestação a todas as formas de autoridade, hierarquia e saber, a exacerbação
dos direitos das minorias e o culto do “politicamente correcto” são os factores
novos que estão a minar toda a possibilidade de a escola ser, como devia ser, o Deseja a todos os seus
primeiro e o mais importante factor de formação dos espíritos, de exercício da
memória, da curiosidade e do esforço. clientes e amigos um
Feliz NataL
A civilização que conhecemos e que nos trinta anos que se seguiram ao fim da II
Guerra e em que tivemos na Europa níveis de paz, justiça, liberdade e progresso
como o mundo provavelmente nunca tinha conhecido, está a chegar ao fim, perdida

e um Bom Ano
na armadilha das suas próprias conquistas, da distribuição generosa dos direitos,
do colapso do Estado e da ilusão da igualdade.
As respostas para esta grande crise que se segue, devem continuar a ser dadas
na escola.
Aqui os professores devem a todo o custo manter o equilíbrio entre autoridade e
Novo!
Refojos
Tlf. 253 662 148 - Fax. 253 666 137
companheirismo e prepararem-se para lidar com jovens que deixaram de perceber
4860 - 364 Cabeceiras de Basto
para que serve o conhecimento.
Não nos esqueçamos que a raiz do problema há-de ser sempre a falta de definição
de liberdade. Poucos têm coragem de discutir liberdade como conceito, aceitando
apenas o facto consumado da liberdade “vale tudo”.
Ora a discussão da liberdade só pode ser feita dentro de um quadro de valores
Loja Super Preços
que defina critérios. Daí o perigo da ausência de valores que afirmam o que é
desejável e o que não é.
(Loja dos 300) Deseja a
Por último convém lembrar que não há Educação de Esquerda nem
Educação de Direita, porque antes de serem de Direita ou de Esquerda , todos os seus clientes e
as pessoas são sérias ou desonestas, corruptas ou incorruptíveis, boas ou
más, com carácter ou sem vergonha na cara.
Devemos prezar as pessoas de bem e de carácter, sejam elas de Esquerda,
Feliz
amigos um

Natal e um
do Centro ou de Direita. Perguntaram aqui há uns tempos a um senhor
importante do nosso País, qual era o seu posicionamento político. Ele
respondeu ser um conservador de esquerda. Explicou então: “sou de
esquerda porque defendo o Estado Social e sou conservador, porque
defendo a preservação do património e a defesa do ambiente, por
Rua Antunes Basto
exemplo…
Como se vê, até se pode ser dos dois lados ao mesmo tempo…
Bom Ano Novo! 4860 - Cabeceiras de Basto

* Colaborador
Tlf. 253 664 886 - 253 664 887

Nome: O Basto | Registado no Instituto da Comunicação Social com o n.º 124655 | Nº de Depósito Legal: 293509/09 | Propriedade: adbasto-Associação de Desenvolvimento
Técnico- Profissional das Terras de Basto | NIF: 506 749 509 | Conselho de Administração: Celestino Vaz, Ilídio dos Santos, Fernando Meireles, José Manuel Marques, Gaspar
Miranda Teixeira e Manuel António| Director:Gonçalo de Meirelles | Director-Adjunto: Albino Antunes| Sub-Director e Editor: Marco Gomes | Colaboradores: Sérgio Mota,
Carlos Sousa, Helder Vaz, José Marinho, Luís Meireles, Júlio Pires, Joaquim Teixeira, Augusto Costa, Manuel Gonçalves, Francisco Pires, Fernando Felix, António Basto, Miguel
Coelho, Artur Coelho.| Paginação: João André Teixeira | Sede do Editor, Redacção e Publicidade: Largo Barjona de Freitas s/n - Refojos, 4860-909 Cabeceiras de Basto |
Contactos: Telef./Fax: 253 662 071; Telemóvel:96 5738864/ 96 9597829 | e-mail: obasto@sapo.pt | Assinatura Anual: 15,00 Euros (Continente e ilhas) 20,00 Euros (Estrangeiro)
| Impressão: CIC-CORAZE, Oliveira de Azeméis, Telefone: 256 661 460, Fax: 256 673 861, e-mail: grafica@coraze.com | Tiragem: 3000 Exemplares.

20 de Dezembro de 2009 23
Baloutas - Painzela (Junto à E.N.205)
Cabeceiras de Basto
Contactos: 253 664 097 / 964 062 283

Vende: - Vivendas em banda T2 e T3


- Vivenda T3 em fase de acabamentos
- Lotes de terreno

24 20 de Dezembro de 2009

Interesses relacionados