Você está na página 1de 38
Nela estão as maiores cidades , a maior densidade populacional( 84,21 hab./km² ) , os
Nela estão as maiores cidades , a maior densidade populacional( 84,21 hab./km² ) , os

Nela estão as maiores cidades, a maior densidade populacional(84,21 hab./km²), os maiores depósitos de minério de ferro, as maiores hidrelétricas, a maior rede rodoferroviária e os melhores portos. É a mais importante região industrial, comercial e financeira do país. Emprega 70% do operariado brasileiro e usa 85%

do total da energia elétrica consumida no Brasil.

Ela tem o PIB: R$ 1.698.590.000.000,00 (IBGE/2008) e Área : 924 511,292 km²

Wikipédia, a enciclopédia livre

População: 20,5 milhões (2011) Área: 586.528 km² Capital :
População: 20,5 milhões (2011) Área: 586.528 km² Capital :
População: 20,5 milhões
(2011)
Área: 586.528 km²
Capital :
 Minas Gerais, com 241,3 bilhões de reais, detém o terceiro maior Produto Interno Bruto

Minas Gerais, com 241,3 bilhões de

reais, detém o terceiro maior Produto

Interno Bruto (PIB) do Brasil, atrás

somente dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro A composição do PIB mineiro é:

agropecuária 8,4%, indústria 31,9%,

serviços 59,7%.

São Paulo e Rio de Janeiro  A composição do PIB mineiro é: agropecuária 8,4%, indústria
 Relevo: As características do relevo de Minas Gerais fazem com que o Estado apresente

Relevo: As características do relevo de Minas Gerais fazem com que o Estado apresente a altitude mais elevada do país. A superfície do Estado é composta por relevo, com altitudes que oscilam entre 900 e 1500

metros.

Clima: no Território mineiro o clima que predomina é o tropical de altitude, além de apresentar o tropical

Os solos da região são de predominância de: argilosos, resultantes da decomposição das Rochas

 Conforme contagem populacional realizada em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),

Conforme contagem populacional realizada em 2010

pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),

a população total do estado é de 19.597.330

habitantes, quantidade que faz de Minas Gerais o segundo estado mais populoso do Brasil, atrás somente de São Paulo (41.262.199 habitantes).

O povoamento desse território iniciou-se no fim do século XVI em virtude da descoberta de ouro, fato que atraiu vários portugueses, juntamente com seus escravos africanos, em busca de lavras de ouro e diamante.

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado

possui média de 0,800 (10° colocado no ranking nacional). A taxa de mortalidade infantil é de 19,1 óbitos a cada mil nascidos vivos.

 O Estado de Minas Gerais detém boa parte do patrimônio histórico nacional e suas

O Estado de Minas Gerais detém boa parte do patrimônio histórico nacional e suas cidades

centenárias contêm importantes registros materiais que

narram episódios importantes da história do Brasil e são palco para manifestações artísticas.

As manifestações folclóricas em Minas têm suas origens nas tradições, nos usos e costumes dos colonizadores

portugueses, com forte influência das culturas indígena e africana. Essas influências estão presentes no artesanato, na culinária, nas danças típicas, nas músicas, na literatura, e no folclore, com as

manifestações populares. No campo do folclore, as

crendices e superstições dos mineiros são cultivadas de geração em geração.

Área : 46 077,519 km²
Área : 46 077,519 km²
Área : 46 077,519 km²
um importante porto exportador de minério de ferro.  Na agricultura, merecem destaque os seguintes

um

importante porto exportador de minério de ferro. Na agricultura, merecem destaque os seguintes produtos econômicos: o café, arroz, cacau, cana-de-açúcar, feijão e milho.

criação

A

capital

Vitória

é

Na

pecuária,

de gado de corte e leiteiro.

produtos

alimentícios, madeira, celulose, têxteis,

móveis e siderurgia.

Na

indústria,

são

fabricados

O

O estado também possui festas famosas, como:  Festa da Polenta  Festa da Penha (Vila

estado

também

possui festas famosas, como:

Festa da Polenta

Festa da Penha (Vila Velha)

Festival de Arte e Música (Alegre)

 40% do território do estado encontra-se em uma faixa de planície.  O clima

40% do território do estado encontra-se

em uma faixa de planície.

O clima é Tropical litorâneo úmido (média varia entre 22 °C e 24 °C)

A maior parte do estado caracteriza-se como um planalto.

O estado do Espírito Santo é governado por três poderes:  O executivo(representado pelo governador)

O estado do Espírito Santo é governado por três poderes:

O executivo(representado pelo governador)

O legislativo(representado pela

Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo)

O judiciário(representado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo)

 Área territorial de 248.196,960 Km²  O território do Estado é composto por três

Área territorial de 248.196,960 Km²

O território do Estado é composto por três unidades de relevo: planície litorânea,

planaltos e depressões

Estado de São Paulo o clima que predomina

é o tropical atlântico, nas áreas com

proximidade ao litoral, e tropical de altitude,

que prevalece no interior, nos lugares de

altitudes elevadas a temperatura média anual

 Taxa de natalidade de São Paulo1,7%  Idosos respondem por quase 20% da renda

Taxa de natalidade de São Paulo1,7%

Idosos respondem por quase 20% da

renda do país

 Taxa de natalidade de São Paulo1,7%  Idosos respondem por quase 20% da renda do
 Estado mais Rico do Brasil.  É um dos mais importante Polo econômico da

Estado mais Rico do Brasil.

É um dos mais importante Polo econômico da

America do Sul.

É a segunda maior Bolsa de Valores do

mundo.

PIB de R$ 1 Trilhão(2005).

Área

Agropecuária

Indústria

Serviços

Quantidade(%)

6,5

46,3

47,2

A cultura da cidade de São Paulo foi largamente influenciada pelos diversos grupos de imigrantes

A cultura da cidade de São Paulo foi largamente

influenciada pelos diversos grupos de imigrantes .

Tem uma ampla rede de Teatros, casas de show e

espetáculo, bares e grandes eventos culturais( a Bienal de São Paulo e a Virada Cultural)

Instituições de Ensino, Museus e Galeria de Arte

Sedia a maior Universidade Pública do país (Universidade de São Paulo) e também a maior

universidade privada ( Universidade Paulista) e a maior casa de espetáculos do país(Credicard Hall)

Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407

Sigla

Capital Rio de Janeiro

Área Total 43.696,054 km²

RJ

CLIMA:

Região

População 15.383.407 hab (2005)

EQUATORIAL SEMI- ÚMIDO

SULDESTE

 Muito VARIADO, apresentando: escarpas elevadas; mares de morros; colinas e vales; rochas diversificadas; extensa

Muito VARIADO, apresentando:

escarpas elevadas; mares de morros; colinas e vales; rochas diversificadas;

extensa área de planalto.

Ponto mais elevado: Pico das Agulhas Negras (2.787 metros de altura na Serra Mantiqueira)

Duas unidades de relevo: Baixada Fluminense e o

Planalto Fluminense

(A primeira ocupa quase a metade do território estadual e a segunda se estabelece no interior)

 Clima tropical SEMI-ÚMIDO, na área de relevo mais plano (Com elevados índices de pluviosidade

Clima tropical SEMI-ÚMIDO, na área de relevo mais plano (Com elevados índices de pluviosidade no verão e

inverno seco).

A temperatura média desse território é de 24ºC e a média de chuvas anuais é de cerca de 1.250 mm.

Entre a baixada Fluminense e o planalto desenvolve o

clima tropical de altitude que deriva invernos rigorosos e

verões quentes com grande ocorrência de chuvas,

atingindo aproximadamente 2.200 mm ao ano e temperatura média de 16ºC.

Clima tropical de altitude, nos planaltos. O que promove

verões quentes e úmidos (chuvosos) e invernos secos e

frios.

A temperatura média anual nesses locais é de 20ºC e índices pluviométricos que variam de 1.500 a 2.000mm anuais.

 Existe atualmente somente cerca de 9% de toda vegetação original (diante da ocupação passada,

Existe atualmente somente cerca de 9% de toda

vegetação original (diante da ocupação passada,

realizada no Estado do Rio de Janeiro para o

desenvolvimento da pecuária)

As áreas remanescentes estão dispersas em lugares de difícil acesso.

São identificadas três variações vegetativas, no

litoral e entorno o mangue e floresta Atlântica, no interior a floresta Tropical.

No Estado ocorrem as florestas do tipo Ombrófila,

vegetação costeira (manguezais, restinga, praia),

campos de altitude e campos de planície, embora essas características tenham perdido grande parte de suas reservas.

 O principal rio : Paraíba do Sul (Percorrendo o território em grande extensão) Nasce

O principal rio : Paraíba do Sul (Percorrendo o território em grande

extensão)

Nasce no Estado de São Paulo e deságua

Atlântico, esse importante

no Oceano

manancial tem como afluentes os rios Piabinha,

Piraí e Paraibuna, isso na margem direita e Pomba e Muriaé na margem esquerda.

Outros rios: Macaé, Muriaé, Piraí e Grande.

 Segundo maior PIB no Brasil.  Detém também o 30º maior PIB do planeta

Segundo maior PIB no Brasil.

Detém também o 30º maior PIB do planeta [cerca de R$ 139 559 354 000 em 2007 - equivalente a 5,4% do total nacional.]

Está entre as cidades mais caras do mundo, ( segundo consultoria Mercer )

colocada na posição 13 em 2012, 18 postos acima de sua classificação de 2010

O Rio de Janeiro também tem as diárias de hotel mais caras do Brasil.

O setor de serviços abarca a maior parcela do PIB (65,52%), seguido pela arrecadação de impostos (23,38%), pela atividade industrial (11,06%) e pelo agronegócio (0,04%).

Concentra 68% da força econômica do estado e 7,91% de todos os bens e serviços produzidos no país. Levando-se em consideração a rede de influência

urbana exercida pela metrópole (e que abrange 11,3% da população brasileira), esta

participação no PIB sobe para 14,4%, segundo o estudo divulgado em outubro de 2008 pelo IBGE.

Há muitos anos congrega o segundo maior polo industrial do Brasil , contando com refinarias de petróleo, indústrias navais, siderúrgicas, metalúrgicas, petroquímicas, gás- químicas, têxteis, gráficas, editoriais, farmacêuticas, de bebidas, cimenteiras e moveleiras.

No entanto, as últimas décadas atestaram uma nítida transformação em seu perfil

econômico, que vem adquirindo, cada vez mais, matizes de um grande polo nacional de serviços e negócios.

A Bolsa de Valores do Rio de Janeiro (BVRJ) foi a primeira Bolsa de valores fundada no Brasil, em 1845, e localiza-se na região central.

 Entre os principais eventos, destacam-se o Carnaval , o Festival Internacional de Cinema, a

Entre os principais eventos, destacam-se o Carnaval,

o Festival Internacional de Cinema, a Mostra do Filme

Livre, a Bienal do Livro, o Fashion Rio, o Anima Mundi e a festa do réveillon em Copacabana.

Eventos esportivos são: a etapa brasileira de MotoGP e as finais mundiais de vôlei de praia.

Em 2 de outubro de 2009, a cidade foi escolhida pelos

 Há quatro feriados municipais: Dia de São Jorge , que ocorre sempre em 23

Há quatro feriados municipais:

Dia de São Jorge, que ocorre sempre em 23 de

abril;

Dia de Zumbi dos Palmares, que sempre é

realizado no dia 20 de novembro, onde também é

comemorado o dia da Consciência Negra;

Dia do padroeiro, São Sebastião, comemorado em 20 de janeiro.

De acordo com a lei federal nº 9.093 de 12 de

setembro de 1995, os municípios podem ter no máximo quatro feriados religiosos, já incluída a Sexta-Feira Santa.

 Menor taxa de desemprego (Entre as regiões metropolitanas) : 5,5% contra 7,5% no país.

Menor taxa de desemprego (Entre as regiões metropolitanas) : 5,5% contra 7,5% no país. Isso se deve, em parte, ao dinamismo da economia informal.

Rendimento médio do trabalhador fluminense, em seis anos, subiu 33,4% acima da inflação. O salto é consequência do peso do setor de serviços na economia do estado e da alta informalidade do mercado de trabalho no Rio. Os mais beneficiados foram os trabalhadores "por conta própria" e os assalariados sem carteira assinada.

O sistema de água chega próximo a 87% das casas e o esgoto é

recolhido em mais de 88% delas, índices acima da média do país.

Por outro lado, o Rio de Janeiro enfrenta graves problemas socioeconômicos. O tráfico de drogas, ligado ao crime organizado, dita regras de convivência nos morros cariocas.

Cerca de 10% dos domicílios no estado são favelas ou

assemelhados, e nessas áreas há maior carência de serviços públicos.

Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407
Sigla Capital Rio de Janeiro Área Total 43.696,054 km² RJ CLIMA: Região População 15.383.407

Sigla

Capital Rio de Janeiro

Área Total 43.696,054 km²

RJ

CLIMA:

Região

População 15.383.407 hab (2005)

EQUATORIAL SEMI- ÚMIDO

SULDESTE

 Muito VARIADO, apresentando: escarpas elevadas; mares de morros; colinas e vales; rochas diversificadas; extensa

Muito VARIADO, apresentando:

escarpas elevadas; mares de morros; colinas e vales; rochas diversificadas;

extensa área de planalto.

Ponto mais elevado: Pico das Agulhas Negras (2.787 metros de altura na Serra Mantiqueira)

Duas unidades de relevo: Baixada Fluminense e o

Planalto Fluminense

(A primeira ocupa quase a metade do território estadual e a segunda se estabelece no interior)

 Clima tropical SEMI-ÚMIDO, na área de relevo mais plano (Com elevados índices de pluviosidade

Clima tropical SEMI-ÚMIDO, na área de relevo mais plano (Com elevados índices de pluviosidade no verão e

inverno seco).

A temperatura média desse território é de 24ºC e a média de chuvas anuais é de cerca de 1.250 mm.

Entre a baixada Fluminense e o planalto desenvolve o

clima tropical de altitude que deriva invernos rigorosos e

verões quentes com grande ocorrência de chuvas,

atingindo aproximadamente 2.200 mm ao ano e temperatura média de 16ºC.

Clima tropical de altitude, nos planaltos. O que promove

verões quentes e úmidos (chuvosos) e invernos secos e

frios.

A temperatura média anual nesses locais é de 20ºC e índices pluviométricos que variam de 1.500 a 2.000mm anuais.

 Existe atualmente somente cerca de 9% de toda vegetação original (diante da ocupação passada,

Existe atualmente somente cerca de 9% de toda

vegetação original (diante da ocupação passada,

realizada no Estado do Rio de Janeiro para o

desenvolvimento da pecuária)

As áreas remanescentes estão dispersas em lugares de difícil acesso.

São identificadas três variações vegetativas, no

litoral e entorno o mangue e floresta Atlântica, no interior a floresta Tropical.

No Estado ocorrem as florestas do tipo Ombrófila,

vegetação costeira (manguezais, restinga, praia),

campos de altitude e campos de planície, embora essas características tenham perdido grande parte de suas reservas.

 O principal rio : Paraíba do Sul (Percorrendo o território em grande extensão) Nasce

O principal rio : Paraíba do Sul (Percorrendo o território em grande

extensão)

Nasce no Estado de São Paulo e deságua

Atlântico, esse importante

no Oceano

manancial tem como afluentes os rios Piabinha,

Piraí e Paraibuna, isso na margem direita e Pomba e Muriaé na margem esquerda.

Outros rios: Macaé, Muriaé, Piraí e Grande.

 Segundo maior PIB no Brasil.  Detém também o 30º maior PIB do planeta

Segundo maior PIB no Brasil.

Detém também o 30º maior PIB do planeta [cerca de R$ 139 559 354 000 em 2007 - equivalente a 5,4% do total nacional.]

Está entre as cidades mais caras do mundo, ( segundo consultoria Mercer )

colocada na posição 13 em 2012, 18 postos acima de sua classificação de 2010

O Rio de Janeiro também tem as diárias de hotel mais caras do Brasil.

O setor de serviços abarca a maior parcela do PIB (65,52%), seguido pela arrecadação de impostos (23,38%), pela atividade industrial (11,06%) e pelo agronegócio (0,04%).

Concentra 68% da força econômica do estado e 7,91% de todos os bens e serviços produzidos no país. Levando-se em consideração a rede de influência

urbana exercida pela metrópole (e que abrange 11,3% da população brasileira), esta

participação no PIB sobe para 14,4%, segundo o estudo divulgado em outubro de 2008 pelo IBGE.

Há muitos anos congrega o segundo maior polo industrial do Brasil , contando com refinarias de petróleo, indústrias navais, siderúrgicas, metalúrgicas, petroquímicas, gás- químicas, têxteis, gráficas, editoriais, farmacêuticas, de bebidas, cimenteiras e moveleiras.

No entanto, as últimas décadas atestaram uma nítida transformação em seu perfil

econômico, que vem adquirindo, cada vez mais, matizes de um grande polo nacional de serviços e negócios.

A Bolsa de Valores do Rio de Janeiro (BVRJ) foi a primeira Bolsa de valores fundada no Brasil, em 1845, e localiza-se na região central.

 Entre os principais eventos, destacam-se o Carnaval , o Festival Internacional de Cinema, a

Entre os principais eventos, destacam-se o Carnaval,

o Festival Internacional de Cinema, a Mostra do Filme

Livre, a Bienal do Livro, o Fashion Rio, o Anima Mundi e a festa do réveillon em Copacabana.

Eventos esportivos são: a etapa brasileira de MotoGP e as finais mundiais de vôlei de praia.

Em 2 de outubro de 2009, a cidade foi escolhida pelos

 Há quatro feriados municipais: Dia de São Jorge , que ocorre sempre em 23

Há quatro feriados municipais:

Dia de São Jorge, que ocorre sempre em 23 de

abril;

Dia de Zumbi dos Palmares, que sempre é

realizado no dia 20 de novembro, onde também é

comemorado o dia da Consciência Negra;

Dia do padroeiro, São Sebastião, comemorado em 20 de janeiro.

De acordo com a lei federal nº 9.093 de 12 de

setembro de 1995, os municípios podem ter no máximo quatro feriados religiosos, já incluída a Sexta-Feira Santa.

 Menor taxa de desemprego (Entre as regiões metropolitanas) : 5,5% contra 7,5% no país.

Menor taxa de desemprego (Entre as regiões metropolitanas) : 5,5% contra 7,5% no país. Isso se deve, em parte, ao dinamismo da economia informal.

Rendimento médio do trabalhador fluminense, em seis anos, subiu 33,4% acima da inflação. O salto é consequência do peso do setor de serviços na economia do estado e da alta informalidade do mercado de trabalho no Rio. Os mais beneficiados foram os trabalhadores "por conta própria" e os assalariados sem carteira assinada.

O sistema de água chega próximo a 87% das casas e o esgoto é

recolhido em mais de 88% delas, índices acima da média do país.

Por outro lado, o Rio de Janeiro enfrenta graves problemas socioeconômicos. O tráfico de drogas, ligado ao crime organizado, dita regras de convivência nos morros cariocas.

Cerca de 10% dos domicílios no estado são favelas ou

assemelhados, e nessas áreas há maior carência de serviços públicos.