Você está na página 1de 2

Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão

Conhecimento na área Biblioteca escolar

Aspectos críticos que


Desafios. Acções a
Domínio a Literatura identifica Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças
implementar

Formação/qualificação - Evidenciar os seus - Não existir


do professor contributos no apoio reconhecimento do - Reforçar a acção da
bibliotecário; ao desenvolvimento seu contributo no BE no apoio às
- Liderança (mobilizar a - Prof. Bibliotecário a curricular; apoio ao actividades de
- Carência de
escola/agrupamento e tempo inteiro; desenvolvimento ensino/aprendizagem;
formação em
equipa para o - Ser professor curricular; - Realizar acções
- Formação contínua algumas áreas por
cumprimento dos bibliotecário a tempo informais de
e Formação parte dos elementos
Competências do professor objectivos da BE e para inteiro; - Impossibilidade formação para os
da equipa;
a sua integração na /dificuldade dos docentes;
bibliotecário - Capacidade de
escola); - Ter contacto professores aderirem - Apresentação de
trabalho em equipa. - Dificuldade de
- Gerir, organizar e permanente com a mais às projectos, de planos
articulação entre os
facilitar aos utentes o rede concelhia; iniciativas/actividades de trabalho em
diferentes ciclos.
acesso à informação e propostas pela BE parceria com os
aos meios para a - Possibilidade de devido à falta de docentes que visam o
transformar em aceder a formação tempo dos mesmos. sucesso educativo.
conhecimento. especializada.
- Apoio prestado pela - Possibilidade de
- Adequação da BE em
RBE e - Falta de recursos definir normas em - Dificuldade em
termos de equipamento
Organização e Gestão da Coordenadores tecnológicos e conjunto com os manter e actualizar - Dividir e definir as
às necessidades dos
BE Interconcelhios; multimédia nas BE professores e com os recursos. tarefas da equipa.
utilizadores.
do 1.º ciclo. outros eventuais
- Trabalho em equipa. parceiros.
- Acções de formação - Divulgar a colecção,
- Disponibilização de - Fundo documental - Possibilidade de
na área das BE; em especial as
recursos de informação adequado, nos mais - Ausência de uma não se constituir uma
- Partilha de novidades e
em diferentes variados suportes, política de gestão, equipa e de, como
Gestão da Colecção experiências e destacando as obras
ambientes e suportes, indo ao encontro das aquisição e consequência, o
documentos nas que poderão
actualizado e adequado necessidades dos desenvolvimento da trabalho de gestão da
reuniões do grupo de interessar a cada
às necessidades dos utilizadores. colecção. colecção poder, em
trabalho concelhio. professor num dado
utilizadores. parte, ser atrasado.
momento.
A BE como espaço de - A BE é um espaço
(central) formativo, de
conhecimento e - Produção de
aprendizagem, de
- Planificar com os documentos para
aprendizagem. Trabalho construção do - Fraca valorização
professores - Fraco envolvimento levantamento de
conhecimento; do papel da BE por - Elaborar documento
colaborativo e articulado actividades de alguns docentes oportunidades de
parte de alguns de politica de gestão
diversificadas a na dinâmica da BE. colaboração com os
com Departamentos e - Necessidade de professores. documental.
realizar na BE. diferentes
promover e aprofundar
docentes. departamentos.
progressivamente a
colaboração entre a BE
e os docentes.
Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Pouca colaboração
dos docentes na - Resistência por
Formação para a leitura e - Formação de
- A BE contribui para o - Dinamização de articulação de parte de alguns
- Implementação do leitores;
para as literacias desenvolvimento das actividades de actividades que professores às
Plano Nacional da - Formação de
literacias. promoção da leitura. visam o sugestões que lhe
Leitura. utilizadores da
desenvolvimento das são dadas;
Internet.
competências da
informação.
-Insuficiência dos
- Importância da
meios; exiguidade do
- A BE tem de organização de - Organizar a
espaço.
BE e os novos ambientes acompanhar os novos informação digital e - Falta de verbas para informação digital/
- Implementação do
desafios tecnológicos. da criação de a manutenção do criar ambientes
digitais. - Vícios no uso dos Plano Tecnológico
ambientes virtuais de material digital. digitais de
computadores e
aprendizagem, com aprendizagem
outros meios
ligação ao currículo.
electrónicos.
- A avaliação permite
aferir a eficácia dos - Desenvolver rotinas - Dificuldade de
- Aplicação do - A recolha de - Implementação do
Gestão de evidências/ serviços, identificando de análise e de implementar o
modelo de auto- evidências não é modelo de auto-
avaliação. pontos fracos e fortes e aperfeiçoamento modelo de auto-
avaliação. contínua. avaliação.
estabelecer acções constante. avaliação.
para a melhoria.

Gestão da mudança
SÍNTESE Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias

- Rever as Normas de funcionamento da BE.


- Produzir documento de política de gestão
documental
- Produção de documentos de referência da BE; - Uniformizar procedimentos.
A mudança exige - Sensibilizar todos os professores, os pais e
- Construção, em articulação com os docentes,
os alunos que a biblioteca cumpre objectivos
capacidade de adaptação e, - Formação/qualificação dos professores que de um programa planeado, coerente e
semelhantes àqueles em que toda a restante
compõem a equipa. sistemático de fomento das competências da
sobretudo, de antecipação. escola se empenha e que algum do sucesso
- Trabalho cooperativo. leitura e escrita e do prazer e hábitos de
obtido tem a sua participação.
leitura, que integre o Projecto Educativo do
Agrupamento, articulando-o com o Plano
Nacional de Leitura.

Formanda: Maria Teresa Tomás Jorge Pedro