Você está na página 1de 9

SECRETARIA DE ESTADO

DA SEGURANÇA PÚBLICA

EDITAL Nº 25/2008-GS/SESP

O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA, no uso de suas atribuições legais, considerando a


necessidade de contratar pessoal para auxiliar na carceragem das Delegacias de Polícia do Estado, sob
responsabilidade dos Delegados Chefes de cada unidade, tendo em vista o disposto na Lei Complementar nº 108,
de 18 de maio de 2005, com as alterações da Lei Complementar nº 121, de 29 de agosto de 2007, e a autorização
governamental exarada à fl. 28, do protocolado (SID) nº 9.804.461-2, TORNA PÚBLICO o presente edital, que
regulamenta o Processo de Seleção Simplificado – PSS para o preenchimento de 200 (duzentas) vagas para a
função de Auxiliar de Carceragem, discriminadas no item 1.2.

1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1 A coordenação e execução do Processo de Seleção Simplificado é de responsabilidade da Comissão
de Execução e Avaliação designada pela Resolução nº 199/SESP, de 9 de junho de 2008.
1.2 As vagas são as constantes no quadro abaixo.

LOCAL FUNÇÃO
UNIDADE POLICIAL AUXILIAR DE CARCERAGEM
CAPITAL
9º DISTRITO POLICIAL 1
11º DISTRITO POLICIAL 4
12º DISTRITO POLICIAL 3
CENTRO DE TRIAGEM 10
REGIÃO METROPOLITANA
DP METROPOLITANO DE ALTO MARACANÃ 2
DPOL DE ADRIANÓPOLIS 1
DPOL DE ARAUCÁRIA 2
DPOL DE ALMIRANTE TAMANDARÉ 2
DPOL DE BOCAIÚVA DO SUL 1
3ª DRP DE CAMPO LARGO 3
DPOL DE CAMPINA GRANDE DO SUL 1
DPOL DE CAMPO MAGRO 1
DPOL DE CERRO AZUL 1
5ª DRP DE COLOMBO 2
DPOL DE FAZENDA RIO GRANDE 2
DPOL DE MANDIRITUBA 1
DPOL DE PINHAIS 2
DPOL DE QUATRO BARRAS 1
4ª DRP DE RIO BRANCO DO SUL 2
1ª DRP DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS 4
INTERIOR
1ª SDP DE PARANAGUÁ 4
8ª DRP DE GUARATUBA 2
2ª SDP DE LARANJEIRAS DO SUL 3
3ª SDP DE SÃO MATEUS DO SUL 2
4ª SDP DE UNIÃO DA VITÓRIA 2
5ª SDP DE PATO BRANCO 3
DPOL DE CLEVELÂNDIA 2
DPOL DE PALMAS 2
6ª SDP DE FÓZ DO IGUAÇU 13
12ª DRP MEDIANEIRA 2
7ª SDP DE UMUARAMA 4
17ª DRP DE CRUZEIRO DO OESTE 2
15ª DRP DE IPORÃ 2
8ª SDP DE PARANAVAÍ 3
20ª DRP DE LOANDA 2
25ª DRP DE NOVA ESPERANÇA 2
9ª SDP DE MARINGÁ 4
26ª DRP DE COLORADO 2
DPOL DE SARANDI 4
10ª SDP DE LONDRINA 12
30ª DRP DE ARAPONGAS 2
DPOL DE CAMBÉ 2

1
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

DPOL DE IBIPORÃ 2
DPOL DE PORECATU 2
29ª DRP DE ROLÂNDIA 2
11ª SDP DE CORNÉLIO PROCÓPIO 3
12ª SDP DE JACAREZINHO 2
DPOL DE CAMBARÁ 2
38ª DRP DE SANTO ANTONIO DA PLATINA 2
13ª SDP DE PONTA GROSSA 6
42ª DRP DE JAGUARIAIVA 2
43ª DRP DE CASTRO 2
14ª DE GUARAPUAVA 6
DPOL DE PITANGA 2
15ª SDP DE CASCAVEL 11
46ª DRP DE MATELANDIA 2
16ª SDP DE CAMPO MOURÃO 3
51ª DRP DE CIANORTE 3
50ª DRP DE UBIRATÃ 2
17ª SDP DE APUCARANA 4
54ª DRP DE IVAIPORÃ 2
18ª SDP DE TELEMACO BORBA 3
19ª SDP DE FRANCISCO BELTRÃO 2
20ª SDP DE TOLEDO 3
48ª DRP DE ASSIS CHATEAUBRIAND 2
13ª DRP DE GUAIRA 4
DPOL DE PALOTINA 2
47ª DRP DE MARECHAL CÂNDIDO RONDON 2

2 DO REGIME JURÍDICO
2.1 A contratação ocorrerá em regime especial, conforme dispõe a Lei Complementar nº 108, de 18 de
maio de 2005, com as alterações da Lei Complementar nº 121, de 29 de agosto de 2007.
2.2 A contratação terá o prazo máximo de 12 (doze) meses, podendo haver prorrogação, uma única vez,
por igual período, no interesse da administração.
2.3 A carga horária será de 40 (quarenta) horas semanais, na forma da legislação vigente, com jornada
diária adequada ao horário de funcionamento da unidade policial civil, ou em regime de escala de
12x36 horas e, neste caso, com duas folgas mensais.
2.4 A remuneração mensal bruta será equivalente a R$ 1.091,66 (mil e noventa e um reais, e sessenta e
seis centavos).
2.5 O salário dos contratados não poderá, em hipótese alguma, ser superior aos pagos a servidores que
exerçam a mesma função no Estado e sob as mesmas condições.

3 DAS INSCRIÇÕES
3.1 As inscrições serão realizadas no período de 16 a 18 de junho de 2008, no horário das 09 às 12
horas e das 13:30 às 17 horas, na sede do Grupo Auxiliar de Recursos Humanos – GARH, localizada
à rua José Loureiro, 540, Centro, 2º andar, Curitiba/PR e, nos demais municípios, conforme o
estabelecido no anexo III do presente edital.
3.2 O candidato somente poderá inscrever-se para um único município.
3.3 Os candidatos se apresentarão no local de inscrição com a ficha de inscrição preenchida. A ficha de
inscrição será disponibilizada na internet no seguinte endereço eletrônico: www.pr.gov.br/policiacivil.
3.4 A inscrição será feita pessoalmente pelo candidato ou através de procurador, mediante instrumento
particular de procuração com poderes específicos e firma reconhecida do candidato, sendo obrigatória
a entrega da procuração original e de fotocópia autenticada da carteira de identidade do candidato e
do seu procurador.
3.5 A formalização da inscrição implica na presunção de conhecimento e aceitação tácita do regulamento
contido neste edital.
3.6 A veracidade das informações prestadas no formulário de inscrição é de inteira responsabilidade do
candidato, que assume as conseqüências de eventuais erros de preenchimento, bem como pela
falsidade das declarações.

4 DOS REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO


4.1 Para se inscrever o candidato deverá:
4.1.1 ser brasileiro;
4.1.2 ter, no mínimo, 18 (dezoito) anos completos;
4.1.3 estar quite com as obrigações militares e eleitorais;
2
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

4.1.4 possuir escolaridade, no mínimo, de ensino médio completo (antigo segundo grau);
4.1.5 não registrar antecedentes criminais e não responder a processo penal ou administrativo
que o inabilite para o exercício da função;
4.1.6 não ter sofrido penalidades nem ter praticado atos desabonadores no exercício de função
pública, da advocacia ou da atividade privada;
4.1.7 não ter títulos protestados e não ter sofrido execução judicial, bem como não ter
respondido a ações civis desabonadoras, observada a contumácia e as razões do
inadimplemento da dívida;
4.2 O candidato deverá entregar os documentos comprobatórios dos itens 4.1.1 a 4.1.7, por ocasião da
contratação, na unidade de recursos humanos do órgão contratante, localizada à rua Deputado
Mário de Barros, 1.290, Centro Cívico, 5º andar, Curitiba/PR

5 DOS DOCUMENTOS DE COMPROVAÇÃO


5.1 No ato da inscrição o candidato deverá apresentar os documentos relacionados no Anexo I, deste
Edital, e indicar a localidade onde pretende concorrer à vaga.
5.2 É obrigatória a entrega de fotocópia autenticada da cédula de identidade (RG) juntamente com o
requerimento de inscrição, sem a qual a mesma será indeferida.

6 DA AVALIAÇÃO
6.1 O PSS consistirá na avaliação e pontuação das informações prestadas pelo candidato, no ato de sua
inscrição, sobre experiência, tempo de serviço e títulos de aperfeiçoamento profissional.
6.2 A avaliação terá caráter classificatório, sendo realizada pela Comissão de Execução e Avaliação
designada pela Resolução nº 199/SESP, de 9 de junho de 2008.
6.3 A Comissão atribuirá ao candidato pontos de 0,0 (zero) a 10,0 (dez).
6.4 O candidato será avaliado conforme os critérios objetivos descritos a seguir:
a) A cada 01 (um) ano de serviço comprovado na função de segurança de unidade policial civil
com carceragem será atribuído 2,0 (dois) pontos, até o máximo de 4,0 (quatro) pontos;
b) a cada 01 (um) ano de serviço comprovado na função de segurança de estabelecimento penal
será atribuído 1,0 (um) ponto, até o máximo de 3,0 (três) pontos;
c) a cada 01 (um) ano na função de chefia, gerência ou com responsabilidade funcional na área
de segurança de estabelecimento penal será atribuído 1,0 (um) ponto, até o máximo de 1,0
(um) ponto, considerando-se períodos ininterruptos ou não;
d) Para pontuação referente à Qualificação Profissional, serão atribuídos, no máximo, 2,0 (dois)
ponto, assim distribuídos:
d.1) para 40 (quarenta) horas comprovadas de curso de qualificação em segurança
penitenciária será atribuído 1,0 (um) ponto;
d.2) para 40 (quarenta) horas comprovadas de curso de qualificação em vigilância será
atribuído 1,0 (um) ponto.
6.4.1 No caso do item 6.4, alínea a, no ato da inscrição, o candidato deverá
apresentar duas certidões originais: (I) uma, de comprovação de tempo de serviço,
expedida pelo setor de pessoal do respectivo órgão público ou entidade privada, onde
conste o tempo líquido de serviço (em anos, meses e dias) prestado, bem como o cargo
e/ou função exercidas e o período trabalhado (com data de início e término) e; (II) outra,
de comprovação de exercício de função de segurança de unidade policial com
carceragem, expedida pela Autoridade Policial junto à qual prestou serviços.
6.4.2 Nos demais casos, a comprovação do tempo de serviço será feita no ato da inscrição,
através da apresentação de certidão ou declaração original, expedida pelo setor de
pessoal do respectivo órgão público ou entidade privada, onde conste o tempo líquido de
serviço (em anos, meses e dias) prestado às unidades mencionadas nos itens 6.4,
alíneas b e c, bem como o cargo e/ou função exercidas e o período trabalhado (com data
de início e término).
6.4.3 Em qualquer caso, será aceita, também, como comprovação, no ato da inscrição, a
apresentação da Carteira de Trabalho e Previdência Social acompanhada de cópias
legíveis e completas das páginas de identificação e das que contém o registro do tempo
de serviço que será utilizado para a seleção, quando se tratar de contratação em regime
da Consolidação das Leis do Trabalho.
6.4.4 A comprovação da participação em cursos de qualificação e/ou formação será feita no
ato da inscrição, mediante certificado, em que conste, obrigatoriamente, a freqüência e a
carga horária, devendo ser apresentados os certificados originais acompanhados de
cópias autenticadas.
6.5 Não será considerado, para efeito de pontuação, o tempo de serviço paralelo ou concomitante,
prestado na mesma instituição ou não, considerando-se, sempre, aquele de maior pontuação.
6.6 A fração igual ou superior a 06 (seis) meses será convertida em ano completo.
6.7 A certidão de que trata o item 6.4.1, segunda parte, deverá referir-se, especificamente, ao tempo de
atuação em carceragem de unidade policial civil.

3
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

7 CLASSIFICAÇÃO
7.1 Os candidatos serão classificados em ordem decrescente do total de pontos obtidos na avaliação,
observada a localidade indicada por ocasião da inscrição.
7.2 Em caso de igualdade de pontuação, terá preferência o candidato que declarar:
7.2.1 maior tempo de serviço na função exigida ou equivalente, na administração pública
estadual do Paraná, por meio das informações apresentadas, valendo, para este caso,
também o número de dias trabalhados;
7.2.2 maior encargo de família, mediante entrega, no ato da inscrição, de cópia de Certidão de
Nascimento dos filhos, de declaração de Imposto de Renda (onde conste a relação de
dependentes), bem como por documento judicial de guarda, tutela, curatela, adoção ou
ainda, por Declaração de União Estável feita por instrumento público;
7.2.3 ser o mais idoso.
7.3 A divulgação da classificação será feita através de Edital afixado na sede do Departamento da Polícia
Civil, no Grupo Auxiliar de Recursos Humanos, nas Subdivisões Policiais do Interior previstas no
anexo III e pelo site www.pr.gov.br/policiacivil.
7.4 O candidato poderá interpor recurso contra a classificação final, no prazo de 48 (quarenta e oito)
horas após a divulgação da lista de classificação, desde que por escrito e protocolado no Sistema
Integrado de Documentos, junto ao Protocolo Geral do Departamento da Polícia Civil, não sendo, em
nenhuma hipótese, consideradas reclamações verbais.
7.5 Não serão recebidos, e conseqüentemente indeferidos de plano, recursos remetidos através de
FAX, interpostos fora do prazo e que não estejam protocolados na forma do item anterior.
7.6 Após análise dos recursos, será divulgada a classificação final, da qual não caberão recursos
adicionais.
7.7 Será excluído do PSS o candidato que não apresentar toda a documentação exigida no ato da
inscrição, ou no processo de seleção, se ela não se apresentar em conformidade com as exigências
do presente edital.

8 DAS ATRIBUIÇÕES
8.1 São atribuições dos ocupantes da função temporária de Auxiliar de Carceragem, previstas na
Resolução nº 373/SESP, de 13 de novembro de 2006, as seguintes:
I – Velar pela integridade física e moral dos presos;
II – Conduzir internamente os presos custodiados na respectiva unidade policial civil, perante a
Autoridade Policial ou o Escrivão de Policia;
III – Auxiliar na distribuição das refeições;
IV – Proceder à contagem diária de presos;
V – Auxiliar os Investigadores de Polícia na guarda dos presos provisórios, bem como na vigilância
interna e externa da edificação;
VI – Cumprir, prontamente, com urbanidade e atenção, as ordens superiores;
VII – Comunicar à Autoridade Policial, Delegado de Polícia a que estiver subordinado, qualquer fato
grave ou potencialmente lesivo ou que demande investigação, do qual tenha conhecimento;
VIII – Manter-se em estado de permanente vigilância na prevenção de crimes, contravenções ou
atos anti-sociais que possam provocar insatisfações individuais ou coletivas e por em perigo o
patrimônio público ou privado;
IX – Não abandonar o posto sem ordem superior e até a chegada do substituto;
X – Vigiar e acompanhar os detentos nas diversas dependências da unidade policial, fiscalizando a
movimentação dos mesmos;
XI – Percorrer o estabelecimento, observando os presos com o objetivo de detectar problemas e
situações anormais;
XII – Inspecionar as celas, revistando os detentos e as instalações físicas, apreendendo objetos
suspeitos e exibindo-os à Autoridade Policial;
XIII – Comunicar à Autoridade Policial as solicitações dos detentos;
XIV – Acompanhar pessoas que têm acesso ao estabelecimento, abrindo as celas quando
necessário;
XV – Revistar os presos recém-chegados, entregando-lhes o material interno (cobertores, pratos,
talheres, etc.), se houver;
XVI – Cooperar, com dedicação e boa vontade, demonstrando espírito de colaboração com as
Autoridades Policiais e seus agentes e auxiliares;
XVII – Zelar pela conservação dos bens materiais sob sua responsabilidade direta ou indireta,
cuidando para que haja uso correto e manutenção permanente;
XVIII – Tratar o público com urbanidade e cortesia;
XIX – Guardar sigilo total e não divulgar quaisquer fatos vinculados a atividades de polícia e de
segurança;

4
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

1 DA CONTRATAÇÃO
8.2 Os candidatos classificados serão convocados mediante Edital, contendo dia, hora e local, para que
apresentem os documentos relacionados no Anexo II deste Edital, dentre os quais constará a
apresentação de Atestado de Saúde expedido por médico registrado no Conselho Regional de
Medicina do Paraná, considerando-o apto para o exercício da função, objeto da contratação.
8.3 O candidato que aceitar a contratação e não possuir todos os documentos, terá o prazo de 24 horas,
a partir da data em que se der o comparecimento, para apresentá-los.
8.4 O candidato que não apresentar os documentos nesse prazo será excluído do PSS.
8.5 O candidato somente poderá iniciar suas atividades na unidade após a assinatura do contrato.

9 DISPOSIÇÕES GERAIS
9.1 A inscrição no PSS implicará na aceitação, por parte do candidato, das normas contidas no Edital
9.2 Comprovada, a qualquer tempo, irregularidade ou ilegalidade na apresentação das informações, o
candidato será excluído no processo.
9.3 As informações contidas na ficha de inscrição são de inteira responsabilidade do candidato.
9.4 É de responsabilidade do candidato manter, na unidade de recursos humanos do órgão contratante,
endereço e telefone atualizados.
9.5 Por ocasião da convocação, será desclassificado e excluído do PSS, o candidato que não atender
qualquer das condições exigidas, não cabendo recurso administrativo.
9.6 O candidato classificado que não aceitar a vaga ofertada, assinará termo de desistência e será
eliminado da lista de classificação. Também será eliminado o candidato que não atender à
convocação prevista no item 8.1.
9.7 Não será efetivada a contratação, se o candidato não preencher quaisquer dos requisitos exigidos
para a inscrição, previstos no item 4.1 do presente edital.
9.8 Caso haja dúvidas quanto às informações e documentos apresentados, poderá ser solicitada à
autoridade policial competente, a realização de diligências, para apurar a veracidade das informações
consignadas pelo candidato.
9.9 Não será efetivada a contratação se esta implicar em acúmulo ilegal de cargos, nos termos da
Constituição Federal e Estadual.
9.10 Não será contratado o candidato que, em investigação, registrar indícios de envolvimento em suposta
prática de ilícitos.
9.11 Os candidatos classificados e não contratados no primeiro momento, para preenchimento das vagas
ofertadas, constituirão cadastro de reserva para eventual necessidade da unidade, a critério da
administração.
9.12 Os casos omissos serão resolvidos pelo Secretário de Estado da Segurança Pública.
Curitiba, 10 de junho de 2008.

Luiz Fernando Ferreira Delazari,


Secretário de Estado da Segurança Pública.

5
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

ANEXO I – EDITAL Nº 25/2008-GS/SESP

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA A INSCRIÇÃO

DOCUMENTOS FORMA DE
APRESENTAÇÃO
Carteira de Identidade fornecida pelo Instituto de Identificação do Paraná, conforme Original e fotocópia
exigência do Decreto Estadual nº 2704, de 27/10/1972
Certidão ou declaração comprobatória de tempo de serviço na função de segurança Original
de unidade policial civil com carceragem expedida pelo setor de pessoal competente
(item 6.4.1)
Certidão comprobatória de exercício de função de segurança de unidade policial com Original
carceragem expedida pela Autoridade Policial junto à qual prestou serviços (item 6.4.1)
Certidão ou declaração de tempo de serviço na função de segurança de Original
estabelecimento penal, expedida pelo setor de pessoal de órgão público ou entidade
privada (item 6.4.b e 6.4.2)
Certidão ou declaração do exercício de função de chefia, gerência ou com Original
responsabilidade funcional na área de segurança de estabelecimento penal, expedida
pelo setor de pessoal de órgão público ou entidade privada (item 6.4.c e 6.4.2)
Carteira de Trabalho e Previdência Social acompanhada de cópias legíveis e Original e fotocópia
completas das páginas de identificação e das que contém o registro do tempo de
serviço que será utilizado para a seleção, quando se tratar de contratação em regime
da Consolidação das Leis do Trabalho (item 6.4.3)
Certificado de participação em curso de qualificação em segurança penitenciária, onde Original e fotocópia
conste a freqüência e a carga horária (item 6.4.d.1 e 6.4.4)
Certificado de participação em curso de qualificação em vigilância, onde conste a Original e fotocópia
freqüência e a carga horária (item 6.4.d.2 e 6.4.4)
Cópia da certidão de nascimento dos filhos, de declaração de Imposto de Renda (onde Original e fotocópia
conste a relação de dependentes), bem como documento judicial de guarda, tutela
curatela, adoção, ou ainda, de declaração de união estável feita por instrumento
público, para fins de desempate (item 7.2.2)

6
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

ANEXO II – EDITAL Nº 25/2008-GS/SESP

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA A CONTRATAÇÃO

DOCUMENTO FORMA DE APRESENTAÇÃO


Carteira de Identidade fornecida pelo Instituto de Identificação do Original e cópia
Paraná, conforme exigência do Decreto Estadual nº 2704, de 27/10/1972
Número do PIS/PASEP Original e cópia
Certidões negativas fornecidas pela Justiça Comum (Estadual e Federal) Original
e da Justiça Militar (Estadual e Federal), expedidas por órgãos com
jurisdição no (s) local (is) de residência do candidato nos últimos 05
(cinco) anos, abrangendo ações penais e cíveis em que os candidatos
sejam ou tenham sido partes intervenientes
Certidão do órgão disciplinar a que estiver vinculado o candidato, Original
comprovando não ter sido punido por faltas no exercício da profissão,
cargo ou função
Declaração de próprio punho, com indicação de haver sido ou não Original
indiciado em inquérito policial, processado ou condenado em ação penal
e na esfera administrativa, se servidor público, e que não é dependente
de álcool ou substância entorpecente
Atestado de antecedentes criminais expedido pelo Instituto de Original
Identificação do Paraná
Prova de quitação das obrigações eleitorais e militares Original e cópia
Atestado de Saúde expedido por médico registrado no Conselho Original
Regional de Medicina do Paraná, que considere o candidato em
condições plenas de saúde física e mental, apto para o exercício da
função de auxiliar de carceragem
Diploma ou certificado de conclusão, com aproveitamento, do Ensino Original e cópia
Médio, em estabelecimento de ensino oficial ou reconhecido
2 fotos 3x4 recentes e datadas Original
Comprovante de tipo sangüíneo Cópia
Comprovante de residência atual Original e cópia
Certidão de casamento Original e cópia
Certidão de nascimento de filho (s) Original e cópia
Comprovante de Conta Corrente no Banco do Brasil Cópia
Declaração de Imposto de Renda, quando houver inclusão de Cópia
dependentes
Ficha Cadastral Original (fornecida pela SESP)
Ficha de Declaração de Acúmulo de cargos Original (fornecida pela SESP)

7
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

ANEXO III – EDITAL Nº 25/2008-GS/SESP

RELAÇÃO DE UNIDADES POLICIAS RECEPTORAS DA INSCRIÇÃO

1ª.SDP- PARANAGUÁ
RUA: VIEIRA DOS SANTOS, Nº.200- CENTRO
CEP: 83.203-050- PARANAGUÁ – PR.
FONE: (41) 3423-3622
(41) 3423-1101

2ª.SDP- LARANJEIRAS DO SUL


RUA: XV DE NOVEMBRO, Nº.1282- CENTRO
CEP: 85.301-000-LARANJEIRAS DO SUL – PR.
FONE: (42) 3635-1202
(42) 3635-1738

3ª.SDP- SÃO MATEUS DO SUL


AV.: OZY MENDONÇA DE LIMA, S/ Nº. - CENTRO
CEP: 83.900-000-SÃO MATEUS DO SUL – PR.
FONE: (42) 3532-1767
(42) 3532-1202

4ª.SDP- UNIÃO DA VITÓRIA


RUA: MARECHAL TEODORO, Nº.150- CENTRO
CEP: 84.600-000-UNIÃO DA VITÓRIA – PR.
FONE: (42) 3522-4145
(42) 3522-4014

5ª.SDP- PATO BRANCO


RUA: XAVANTES.Nº.269- CENTRO
CEP: 85.501-220- PATO BRANCO- PR
FONE: (46) 3225-2982
(46) 3225-3581

6ª.SDP- FOZ DO IGUAÇÚ


AV: PARANÁ, Nº.1199- CENTRO
CEP: 85.852-000- FOZ DO IGUAÇÚ- PR
FONE: (45) 3522-2331
(45) 3522-3258

7ª.SDP- UMUARAMA
AV: RONDONIA, Nº.3299- ZONA VII
CEP: 87.503-470- UMUARAMA- PR
FONE: (44) 3639-6464

8ª.SDP- PARANAVAÍ
AV: HEITOR ALENCAR FURTADO, Nº.4300-CENTRO
CEP: 87.707-000- PARANAVAÍ- PR
FONE: (44) 3423-1212
(44) 3423-8029

9ª.SDP- MARINGÁ
AV: MANDACARU, Nº. 560-V. PROGRESSO
CEP: 87.080-000- MARINGÁ- PR
FONE: (44) 3225-6899
(44) 3225-1933

10ª.SDP- LONDRINA
RUA: SERGIPE, Nº.52- CENTRO
CEP: 86.010-360- LONDRINA- PR
8
SECRETARIA DE ESTADO
DA SEGURANÇA PÚBLICA

FONE: (43) 3322-2000

11ª.SDP- CORNÉLIO PROCÓPIO


RODOVIA PR.160-KM-1.9 NR.1800-JD. VENEZA
CEP: 86.300-000- CORNÉLIO PROCÓPIO- PR
FONE: (43) 3524-1200
(43) 3524-1256

12ª.SDP- JACAREZINHO
RUA: CORONEL BATISTA.Nº.15- CENTRO
CEP: 86.400-000- JACAREZINHO- PR
FONE: (43) 3527-1125
(43) 3527-1668

13ª.SDP- PONTA GROSSA


AV: JOÃO MANOEL S. RIBAS,Nº.667- CENTRO
CEP: 84.051-410- PONTA GROSSA- PR
FONE: (42) 3223-1011

14ª.SDP- GUARAPUAVA
RUA: GUAIRA,Nº.4284- VILA PEQUENA
CEP:85.015-280- GUARAPUAVA- PR
FONE: (42) 3623-2112
(42) 3623-2162

15ª.SDP- CASCAVEL
RUA: DA BANDEIRA.Nº.1301- CENTRO
CEP: 85.812-270- CASCAVEL- PR
FONE: (45) 3223-1881
(45) 3223-1614

16ª.SDP- CAMPO MOURAO


RUA: MAMBORE,Nº.850- CENTRO
CEP: 87.302-140- CAMPO MOURAO- PR
FONE: (44) 3525-1161
(44) 3525-1338

17ª.SDP- APUCARANA
RUA:NOVA UCRANIA,Nº.690- VILA NOSSA SENHORA
DA CONCEIÇÃO CEP: 86.902-500- APUCARANA- PR
FONE: (43) 3422-0525
(43) 3425-3270

18ª.SDP- TELEMACO BORBA


AV: OSÓRIO DE ALMEIDA TAQUES,Nº.481- CENTRO
CEP: 84.260-680- TELEMACO BORBA- PR
FONE: (42) 3272-1202
(42) 3272-1595

19ª.SDP- FRANCISCO BELTRÃO


RUA: TENENTE CAMARGO.Nº.733- PRESIDENTE KENNEDY
CEP: 85.605-090- FRANCISCO BELTRAO- PR
FONE: (46) 3524-6353
(46) 3524-3371

20ª.SDP- TOLEDO
RUA: ARMANDO LUIZ ARROSI,Nº.633- CENTRO
CEP: 85.901-020- TOLEDO- PR
FONE: (45) 3252-1313
(45) 3277-1806