Você está na página 1de 2

04 – Roteiro de entrevista com um integrante da equipe diretiva

Escola Municipal Pedro Ajala


Localidade: Rua Pantaleão Ramos esquina com BR 060
Estagiária: Maria Vilma Romero

A Escola Municipal Pedro Ajala possui proposta pedagógica elaborada em


conjunto, trabalha com projetos, interdisciplinarmente com atividades diferenciadas
para a melhoria de expressão e melhor desenvolvimento das atividades diferenciadas em
conjunto com a equipe escolar. Tudo se é trabalhado após discussões e reuniões com
professores, direção da escola e funcionários.
O conselho de classe é realizado normalmente de maneira tradicional, mas se a
turma está com problemas, principalmente de comportamento, realizam-se o conselho
de classe de maneira participativa, com a participação da equipe diretiva, pais,
professores e alunos, com tópicos já discutidos com os professores e equipe diretiva,
como a maneira de o professor avaliar seus alunos, a participação e interesse destes
alunos com problemas nos resultados das avaliações e muitas vezes sugerem-se novas
medidas para que esta situação se resolva, é discutida também os índices de evasão e
reprovação que são maiores nos anos iniciais.
Em 2008 a escola implantou recuperações paralelas para os alunos que
apresentaram dificuldades de aprendizagem; realizaram reuniões bimestrais entre
docentes para elencar as dificuldades encontradas em sala de aula. Elaborando assim
planos de trabalho anual e depois semanalmente.
A escola possui biblioteca, usada para pesquisas e trabalho dos alunos e
professores.
A organização do horário das aulas é combinada no início do ano letivo.
Os intervalos são em horários diferenciados, primeiro saem os alunos dos anos
iniciais e depois os alunos dos anos finais.
As aulas de Educação Física são realizadas na quadra de esportes da escola,
sendo ministradas 02 (duas) horas/aulas semanais em cada sala. São desenvolvidas
várias atividades extra-classe na escola como: palestras, festas em datas comemorativas,
passeios, torneios, gincanas e jogos.
Dessa forma a escola constrói o conhecimento com liberdade e
responsabilidade, garantindo que não haja exclusão, preconceito, descriminação ou
autoritarismo. A comunidade deve ser fazer ouvir por meio da participação, do
comprometimento e do interesse para que o ensino-aprendizagem se dê de maneira
lúdica, com atividades planejadas e utilizadas para a geração de conhecimentos, novas
investigações num processo de aprimoramento das idéias discutidas, pois os alunos
necessitam agir, discutir, realizar e avaliar junto com o seu grupo, vivenciando as
condições favoráveis, para a aprendizagem, além da busca contínua de novos
conhecimentos.