Você está na página 1de 2

Introduo

O poeta portugus Jos Joaquim Cesrio Verde nasceu em Lisboa, a 25 de


Fevereiro de 1855 e morreu em 19 de Julho de 1886 com 31 anos. A sua morte
deveu-se a tuberculose, doena que, por lhe ter j tirado os irmos, veio a
inspirar um dos seus principais poemas, Ns.
considerado um dos precursores da poesia que seria feita em Portugal no
sculo XX.
Filho do lavrador e comerciante, Cesrio matriculou-se no Curso Superior de
Letras em 1873, mas apenas o frequentou alguns meses. Ali conheceu Silva
Pinto, um grande amigo seu que, aps a sua morte, vai organizar O Livro de
Cesrio Verde, compilao da sua poesia publicada em 1901.

Temticas da obra
1. Poetizao do Real Capta e transmite impresses causadas pela
realidade, centrando a sua ateno no quotidiano
2. Contraste entre a Cidade / Campo

Tema fundamental da sua poesia

Cidade: local de agitao e de progresso, mas tambm de


opresso social, de melancolia, de doena, de morbidez e de
aprisionamento

Campo: local de refgio, de sade, de fertilidade e de vitalidade

3. A mulher

Associada cidade (e portanto morte): figura feminina fatal,


bela, fria, distante e altiva que ignora e humilha o sujeito potico

Associada ao campo (e portanto vida): figura feminina simples e


angelical

4. Questo social preocupao e revolta com a opresso social, com o


abandono e a humilhao dos desfavorecidos

Influncias Artsticas e Estticas


1. Realismo

Real como motivo e como ponto de partida, o qual vai ser


observado e analisado nos poemas

Atitude crtica em relao sociedade

2. Naturalismo
3. Impressionismo o real apreendido atravs de impresses que
estimulam o sujeito potico e lhe despertam as sensaes, emoes e
reflexes
4. Parnasianismo busca da perfeio formal e regularidade estrfica e
mtrica (decasslabo e alexandrino)

Estilo

Expresso clara, objectiva e concreta

Vocabulrio preciso e expressivo

Adjectivao abundante

Recursos estilsticos frequentes (metfora, comparao e sinestesia)