Você está na página 1de 5
Ano letivo 2013_2014 Ficha informativa – CLASSES DE PALAVRAS Português Secundário Prfª Francisca Lopes ADVÉRBIOS •

Ano letivo 2013_2014

Ficha informativa

CLASSES DE PALAVRAS

Português Secundário

Prfª Francisca Lopes

ADVÉRBIOS

Palavra invariável em género e número, que geralmente modifica o grupo verbal ou a frase.

Modifica o grupo verbal:

Ex: O Pedro come

depressa
depressa

. (verbo +advérbio)

Modifica a totalidade da frase:

Ex:

Felizmente
Felizmente

, não concordo contigo. (o advérbio modifica/condiciona a interpretação de

toda a frase)

SUBCLASSES DOS ADVÉRBIOS

  • 1. Advérbio de predicado

  • 2. Advérbio de frase

  • 3. Advérbio conectivo

  • 4. Advérbio de negação

  • 5. Advérbio de afirmação

  • 6. Advérbio de quantidade e de grau

  • 7. Advérbio de inclusão e exclusão

  • 8. Advérbio interrogativo

  • 9. Advérbio relativo

1 - ADVÉRBIO DE PREDICADO

Pode ser o modificador do grupo verbal ou ter a função de complemento oblíquo ou predicativo do sujeito.

Pode ter diferentes valores semânticos:

  • a) Locativo Ex: O carteiro está

aqui
aqui

. (ali, acolá, aquém, abaixo, algures, defronte, etc)

  • b) Temporal

Ano letivo 2013_2014 Ficha informativa – CLASSES DE PALAVRAS Português Secundário Prfª Francisca Lopes ADVÉRBIOS •

Ex: O carteiro chegou

  • (ainda, hoje, outrora, e muitos terminados em mente:

ultimamente, primeiramente, atualmente, etc)

  • c) Modal (advérbios que possibilitam ao falante que no grupo verbal modalize/matize o predicado) Ex: Mãe e filho estão

    • . (mal, debalde, melhor e muitos terminados em mente:

calmamente, serenamente, etc)

  • d) Aspetual (indicam como algo se desenrola no tempo) Ex:

Bruscamente
Bruscamente

, tive uma ideia. (depressa, devagar, amiúde e muitos terminados em

mente: subitamente, continuamente, eternamente, momentaneamente, etc)

2 - ADVÉRBIO DE FRASE

Modifica a frase no seu todo. Na oralidade, é marcado por uma entoação diferente e, na escrita, por vírgula.

Apresenta grande mobilidade na frase muitas vezes, no princípio ou no fim.

Com diferentes valores semânticos, o advérbio de frase é um marcador da modalidade, ou seja, é um recurso com que o falante expressa a sua atitude, o seu juízo, a sua perspetiva sobre o que diz.

Ex:

Infelizmente
Infelizmente

, não vos poderemos acompanhar. (aliás, talvez, porventura e muitos

terminados em mente: afortunadamente, essencialmente, historicamente, etc)

3 - ADVÉRBIO CONECTIVO

Tem como função estabelecer nexos entre frases (relações de consequência, de contraste, e de ordenação).

Ex: A Raquel, concluiu o trabalho,

frases)

depois
depois

foi ao cinema. (ordem temporal entre duas

Tudo foi estudado,

designadamente

, o degelo na Antártida. (estabelece um nexo de

explicitação entre dois constituintes de frase)

Pode ter diferentes valores semânticos:

*

*

*

*

  • a) Valor de consequência (ou conclusivo): assim , logo , portanto , pois

.....

*

*

*

  • b) Valor de contraste (ou adversativo): contudo , todavia , porém , contrariamente....

  • c) Valor de ordenação: primeiramente, segundo, finalmente, depois, etc.

*

 

Estas formas podem ocorrer contiguamente com conjunções coordenativas e sem ser em início de frase, ao contrário das conjunções.

 

Ex: Não foram ao mesmo cinema

e , portanto
e
,
portanto

, não se poderiam encontrar.

Teste para verificar se são advérbios conectivos e não conjunções:

 

1.

Podem ocorrer, em simultâneo,com uma conjunção, na mesma frase.

Ex: A Inês está doente, e,

contudo

, vai trabalhar.

 
Ex : O carteiro chegou ( ainda, hoje, outrora, e muitos terminados em – mente: ultimamente,
  • 2. Só os advérbios conectivos podem ser intercalados entre o sujeito e o predicado, o que não acontece com as conjunções. Exemplos: a)Está na hora do almoço,

    • , o diretor permanece no gabinete.

a)’Está na hora do almoço, o diretor,

porém
porém

, permanece no gabinete.

b)Está na hora do almoço,

  • o diretor permanece no gabinete.

mas
mas

*

b)’ Está na hora do almoço, o diretor,

, permanece no gabinete.

frase agramatical
frase agramatical

Conclusão: “porém” (exemplo a)) é um

advérbio conectivo

e “mas” é uma

conjunção adversativa

.

4 - ADVÉRBIO DE NEGAÇÃO

Ex: Já terminaste o trabalho?

Não
Não

, porque

não
não

tive tempo.

5 - ADVÉRBIO DE AFIRMAÇÃO

Ex: Terminaste o trabalho a tempo?

  • , terminei. (certamente, realmente,etc)

6 ADVÉRBIO DE QUANTIDADE E DE GRAU

Pode desempenhar as seguintes funções sintáticas:

  • a) Modificador do grupo verbal.

2. Só os advérbios conectivos podem ser intercalados entre o sujeito e o predicado, o que

Ex: “Trabalho excessivamente, sofro excessivamente, vivo

excessivamente.

Miguel Torga

  • b) Modificador do grupo adjetival. Ex: Considero este livro

    • interessante.

  • c) Modificador do grupo adverbial.

Ex: Não fales demasiado depressa.

  • d) Elemento de formação de grau de adjetivos ou advérbios. Ex: Este exercício é

    • difícil.

Outros exemplos: quase, mui, bastante, demasiado, excessivamente, etc

2. Só os advérbios conectivos podem ser intercalados entre o sujeito e o predicado, o que

7 ADVÉRBIO DE INCLUSÃO E EXCLUSÃO

Contexto sintático em que pode ocorrer:

  • a) Inclusão/exclusão de um conjunto

Ex:

Até
Até

o Fábio conseguiu resolver este problema.

Perdou tudo

menos
menos

a mentira.

  • b) Modificador de um grupo nominal, adverbial, preposicional ou verbal:

Ex: Respondi a todas as questões

excepto
excepto

a dos verbos.

Só

consegui fazer a primeira parte do exercício.

Outros exemplos: mesmo, inclusive, salvo, senão,somente, inclusivamente, etc

8 ADVÉRBIO INTERROGATIVO

Identifica o constituinte interrogado numa frase interrogativa

  • a) Em interrogativas diretas: Ex:

Quando
Quando

acabaste a leitura do livro?

  • b) Em interrogativas indiretas: Ex: Diz-me

como
como

conseguiste ler tudo em tão pouco tempo.

Outros exemplos: porque, porquê, onde, etc

9 ADVÉRBIO RELATIVO

Introduz uma oração relativa:

Ex: A casa

onde
onde

os Maias moraram era fantástica.

O modo

como
como

termina este capítulo não me agrada.

LOCUÇÕES ADVERBIAIS

  • 1. Valor locativo: até aqui, à direita, ao longe, à distância, etc

  • 2. Valor temporal: desde cedo, de manhã, de quando em vez, por aora, etc.

  • 3. Valor de modo: à pressa, às cega, de propósito, a torto e a direito,pé ante pé, etc.

  • 4. Valor de modalidade: de facto, sem dúvida, com certeza, com efeito, etc.

7 – ADVÉRBIO DE INCLUSÃO E EXCLUSÃO Contexto sintático em que pode ocorrer: a) Inclusão/exclusão de
  • 5. Valor de negação: de modo nenhum, de forma alguma, etc.

  • 6. Valor de quantidade e de grau: no máximo, no total, tão pouco, etc.

LOCUÇÕES ADVERBIAIS LATINAS

Ex aequo (em igualdade); ad hoc (para este fim); ab initio (desde o início); ab ovo

(desde a origem); in extremis (nos últimos recursos/limites); sine die (sem data

marcada); ipsis verbis (exatamente igual); sic (deste modo, com as mesmas palavras);

in loco (no próprio local) etc.

NOTA: À semelhança dos adjetivos, também alguns advérbios flexionam em grau. Exemplos: longe, longíssimo, muito longe, mais longe, etc. Exceções bem melhor ótimo; mal pior péssimo. Os advérbios bem e mal antes de um particípio passado:

O meu caderno está Esta proposta está

mais bem
mais bem
mais mal
mais mal

organizado do que o teu.

fundamentada do que a anterior.

5. Valor de negação : de modo nenhum, de forma alguma, etc. 6. Valor de quantidadehttp://rodrigocoppe.wordpress.com/2009/06/16/locucoes-adverbiais-e-adverbios- latinos/ NOTA: À semelhança dos adjetivos, também alguns advérbios flexionam em grau. Exemplos : longe, longíssimo, muito longe, mais longe, etc . Exceções bem – melhor – ótimo; mal – pior – péssimo. Os advérbios bem e mal antes de um particípio passado: O meu caderno está Esta proposta está mais bem mais mal organizado do que o teu. fundamentada do que a anterior. Ficha Informativa - Advérbios Página 5 " id="pdf-obj-4-74" src="pdf-obj-4-74.jpg">