Você está na página 1de 5

13/12/2014

VO

NaGNR,aComandantedoDestacamentodeTrânsitodeCarcaveloseoex­companheirotentamtramarmilitar

NaGNR,aComandantedo

DestacamentodeTrânsitode

Carcaveloseoex­companheiro

tentamtramarmilitar

RuiCruz |28.11.201410:13:59

819

PARTILHAS

0 COMMENTS

CapitãoqueviveucomaComandanteCláudiaSantosdurantemais

demeiadécadaconduzinvestigaçãoondeaprincipalinteressadaé

aex­companheira.GNRdizqueéimparcial.

Temmaisde20anosaoserviçonaGNR.Medalhasdebom

comportamento,assiduidadeeumamençãohonrosafazem

partedoseupercurso.Chegouaestarreformado

compulsivamente,masoTribunaldeu­lherazão.Voltouareintegrara

GNRmasasortecontinuouafugir­lhedamão.Hojeencontra­se

emsituaçãoilegalnaGuardaporqueasordensda

ComandantenãosãocompatíveiscomoserviçodaGuarda,tal

OprovávelerrodoCaboM.foidizer“não”.

13/12/2014

NaGNR,aComandantedoDestacamentodeTrânsitodeCarcaveloseoex­companheirotentamtramarmilitar

EmMaiodoanopassado,oCabopassouváriosmodelosde

apresentaçãodemultaseentretanto,conformedocumentado,o

CaboesteveemserviçonaVoltaaPortugal.Posteriormente,

tambémdocumentado,foi­lheordenadoogozodefériasdurante

seismeses,acumuladasportersidoreinseridonaGuardaapósa

suareformacompulsivatersido“anulada”peloTribunal.Nãoteve

porissoformadeentregaratempadamenteosdocumentosdas

multas.

Foifeitorequerimentoparasolicitargozodefériasacumuladas,fruto

dasuareintegraçãonaGNRespaçadoaoComandantede

Lisboa,quefoinegado.

EmJaneirode2014,apósentraraoserviçoedepoisdetergozado

assuasférias,oSargentoAjudantedoDTCarcavelossolicitoua

documentaçãosobremultasjápassadas.Estesestavam

desatualizados,tendoemcontaaVoltaaPortugaleasférias.

Devidoaestasituação,oCabofoitransferido,comomedida

cautelar,em3deFevereirodoDTCarcavelosparaoComando

TerritorialdeLisboa.AnotificaçãofoifeitaporSMS,pela

ComandantedoDTCarcavelos.

SegundooMajorMarcoCruz,dasrelaçõespúblicasdaGuarda,“as

notificaçãonaGNRrelativamenteaprocedimentosinternosnão

são,oficialmente,realizadasnaformaquenosindicou,ouseja

pormensagemdetelemóvel”.

Aparentemente,oprocessodetransferênciacomeçoumal.O

Tugaleaksconseguiuacessoàsmensagensque,“oficialmente”,não

sãoenviadas.Masforam.

ParaJoséAlhodaASPIG,aassociaçãosindical“nãopodeestarde

acordocomestetipodenotificaçãoporSMS.Existemregulamentos

internosprópriosparanotificarosmilitares”.

13/12/2014

NaGNR,aComandantedoDestacamentodeTrânsitodeCarcaveloseoex­companheirotentamtramarmilitar

EX­COMPANHEIROCONDUZINVESTIGAÇÃO
EX­COMPANHEIROCONDUZINVESTIGAÇÃO

EX­COMPANHEIROCONDUZINVESTIGAÇÃO

provisóriaséde6meses.Noentanto,nãopareceseresseo

entendimentodaGNR.

EmOutubro,depoisdetersidoesgotadooprazolegalpara

abrirumprocessodeaveriguações,queeraatéAgosto,foi

abertooreferidoprocesso,conduzidopeloantigo

companheirodapessoamaisinteressadanoprocesso,a

ComandantedoDTCarcavelos.

NesseprocessoaspessoasqueforamouvidaspeloCapitão

Gomesnuncaforamnotificadas;foramchamadas,noseudiade

13/12/2014

NaGNR,aComandantedoDestacamentodeTrânsitodeCarcaveloseoex­companheirotentamtramarmilitar

trabalho,sempreparaçãoouaconselhamentosindical,paraserem

ouvidas.

AsconversaspodemserfacilmenteouvidaspelaComandanteeex­

companheira,pois,olocalondeosmilitaressãoouvidosé

separadoapenasporumaportaemrelaçãoaosítioondea

Comandantetemescritório,tendoinclusiveosgabinetesáreas

comunscomooWC.

“OCABOM.CHEIRAACÃO?”

Seoleitorpensaquealémdaparcialidadeprocessualexiste

imparcialidadenasperguntas,estáenganado.

Segundoinformaçõesobtidas,asperguntassãobastante

específicas.“Temalgumacoisacontraomilitar?”Searesposta

for“não”oCapitãoGomesindica“entãopode­seirembora”.

“EoCabocheiraacão?”,“oCaboandabemuniformizado?”,

“oCabotratamaloscondutoreseoscolegas?”.

Aparentemente,perguntaspositivasnumainvestigaçãoimparcial

nãoexistem.

Enofimdetodasasperguntas,aconclusãoéqueninguémdisse

maldomilitarnoDestacamento.

Logodepoisdasaídademilitares,oCapitãoGomesvaifalarcom

aComandante,nasalaaolado.

oCapitãoGomesvaifalarcom aComandante,nasalaaolado . COMANDANTEDIZ“MASEUESTOUADAR

COMANDANTEDIZ“MASEUESTOUADAR

13/12/2014

NaGNR,aComandantedoDestacamentodeTrânsitodeCarcaveloseoex­companheirotentamtramarmilitar

UMAORDEM!”

Noprocessodeaveriguações,aComandantedoDTdisseaos5

SargentosdoDestacamentoparadizeremmaldoCaboMarques.

Estes,aorecusaram,foraminformadospelacomandanteque“eu

estouadarumaordem”.

OsSargentos,comperigodeprocessopordesobediência,

recusaramincriminarinjustamenteoCaboM

GNRRESPEITAOPRINCÍPIODA

IMPARCIALIDADE

AmesmafonteoficialdaGNRafirmaque“todososprocessos

instruídosnaGNRrespeitamtodososprincípiosconsignados

constitucionalmente,nãoconstituindoporissopráticadaGNRa

violaçãodoprincipiodaimparcialidade”.

Questionadasobreoprocessodeaveriguaçõeseasituaçãodo

militar,aGNRinformouquenãocomentasituaçõesespecíficas,pois

sãosituaçõesdoforopessoaleoinquéritoaindaestáadecorrer.

COMANDANTEPODESERPROMOVIDAA

MAJOR

Depoisdetodaestasituação,aComandanteCláudiaSantos

pode,naspróximassemanas,viraserpromovidaaMajor.

depeculato,aGNRnuncaoenviouaoMinistérioPúblicopara

averiguações.Etudoistosepassaassimoprquesea

Comandanteforconstituídaarguida,apromoçãoficacongelada.