Você está na página 1de 2

Espíritos imortais encarnações da virtude, nascidos e

renascidos numa vida mortal no mundo.

TRAÇOS RACIAS
Altura Média: 1,85 m - 1,98 m
Peso Médio: 79 Kg - 127 Kg.

Valores de Habilidade: +2 Inteligência, +2 Sabedoria


Tamanho: Médio
Deslocamento: 6 quadros
Visão: Normal
Idioma: Comum, outras duas a escolher
Bônus de Perícia: +2 História, +2 Religião

Majestade Astral: Você recebe bônus de +1 para todas


as defesas contra ataques feitos por criaturas sangrando.

Resistência Astral: Você possui resistência a dano


Necrótico e radiante equivalente a 5+ metade do seu
nível.

Origem Imortal: Seu espírito é nativo do Mar Astral,


então você é considerado uma criatura imortal para
efeitos de origem de criaturas.

Memórias de Milhares de Vidas: Você possui o


Poder, Memórias de Milhares de Vidas.

Como sonhos, memórias de vidas passadas retornam


para lhe ajudar.
Encontro
Ação Livre Pessoal
Gatilho: Você faz uma rolagem de ataque, Save ou um
teste de Habilidade e se desagrada com o resultado.
Efeito: Você adiciona 1d6 na rolagem engatilhada.

Das profundezas de suas memórias, devas recordam


que uma vez foram: servidores imortais de deuses do
bem, espíritos que escolheram vincular-se com o mundo
num corpo mortal. Por milênios essas almas renascem
com a tarefa interminável de guerrear contra as forças
das Trevas. A maioria dos Devas são ferozmente
comprometidos com as causas do Bem, pois temem o
que podem se transformar se ficarem malignos: Um
Deva cuja alma se torne corrompida, corre o risco de
renascer como um rakshasa.

Jogue com um Deva se você quiser...


ter lembranças vagas das conexões com mil vidas
passadas
abraçar as causas do bem e dedicar-se com perfeição
a tudo que você fizer.
ser um membro de uma raça que favorece as classes
de: Vingador, Clérigo, Invocador, Mago.
Devas dispensam finas roupas de seda, armaduras de
Qualidades Físicas metais polidos com ombreiras ornamentadas, capacetes que
lembrem coroas ou halos. Em outras palavras, preferem viver
Em aparência, Devas são muito similares aos de maneira simples e sem extravagância.
Humanos, mas com uma beleza sublime e uma
misteriosa quietude sobre eles. São tão altos como um Características dos Devas: Dedicado, devoto, elegante,
Dragonborn, mas muito mais esbeltos. A coloração dos
iluminado, introspectivo, mystical, refinado, íntegro,
devas é mais distinta que a dos humanos. Todos os
devas possuem formas claras e escuras em sua pele. A espiritual, pensativo.
parte clara são traços brancos ou acinzentados, e as
escuras vão de azul ou púrpura para o cinza escuro ou
negro. Em qualquer indivíduo Deva o claro ou escuro Nomes masculinos: Adiah, Ansis, Ayab, Bavak, Beriah,
pode ser dominante, com oposta sombra aparecendo em Eben, Elyas, Galad, Gamal, Hiyal, Iannes, Kerem, Mahar,
simples e elegantes padrões na face, tórax e ombros. O Marach, Mathas, Natan, Nehem, Oris, Raham, Ronen, Samel,
cabelo de um Deva é geralmente da mesma cor da pele, Sered, Tavar, Vered, Zachar
com os mesmos padrões.
Quando sentado ou repousando, devas permanecem Female Names: Abea, Adara, Asha, Chana, Danel,
numa quase perfeita quietude, exceto para um ocasional Darah, Davi, Elka, Eranah, Hania, Hava, Idria, Isa, Jael,
piscar de olhos. Eles não movem ou contraem seus Kana, Kayah, Lihi, Mahel, Marek, Noma, Navah, Paziah,
olhos a não ser quando eles estão ativamente analisando Ravah, Riya, Sada, Shara, Tirah
algo.
Devas não têm filhos. Quando um Deva morre, o
seu espírito reencarna em um novo corpo adulto, que
Deva Adventurers
aparece em algum lugar sagrado, como o pico de uma
montanha, um rio, ou um deserto oásis. O novo Deva Três exemplos de aventureiros Devas serão descritos a
mantém suficiente memória de vidas passadas para falar seguir:
e compreender vários idiomas e oferece suas orações e Galad é um feiticeiro Deva que acredita que o
sacrifícios aos deuses do bem. objetivo de sua existência é alcançar o conhecimento
perfeito do universo. Acredita que seu poder misterioso
é uma manifestação de tudo que aprendeu ao longo de
Jogando com um Deva todas suas vidas passadas, e que nesta vida ou talvez na
próxima ele conseguirá o domínio perfeito e se
Devas são refinados e educados. Eles seguem os mais transformará um semi-deus, se livrando então do ciclo
altos padrões morais, mas eles não temem a violência. da reencarnação.
Eles acreditam que a busca do bem é uma eterna guerra Eranah é um Invocador de que utiliza o poder de
contra as forças do mal, sendo encarnações rakshasas, Bahamut. Assim como Bahamut guerreou com Tiamat
demônios do mal, e deuses malignos com seus servos quando o mundo era jovem, Eranah acredita que sua tarefa
anjos. Devas travam uma guerra em seus corações, nesta encarnação é lutar contra dragões malignos e
constantemente vigilantes e atentos para que o mal não dragonspawn que poluem o mundo. Palavras de o poder
corrompa suas almas, transformando-os nas criaturas ressoam em sua mente como um eco da voz do dragão de
que mais desprezam. Platina quando invoca sua ira contra seus inimigos.
Por recordarem vagamente de uma vida no Mar Astral
vivida à companhia dos deuses, a maioria dos Devas são
Raham é um Shaman que aceitou sua vida dentro deste
adoradores devotos dos deuses de bem, especialmente
mundo, abandonando todo pensamento de suas existências
de Bahamut, mas também de Moradin e de Pelor. Devas
Astrais precedente. Os espíritos primordiais do mundo são
procuram alcançar uma ligação pessoal com os deuses,
seus patronos e aliados, não deuses que deixou para trás. Vê
em vez de aproximar-se deles através de templos e
seu renascimento infinito como uma parte do ciclo da
sacerdotes. Eles os adoram às refeições em suas casas,
natureza e não tem nenhum desejo escapar dele.
ajustando um lugar vazio para os deuses ausentes, e
esforçam-se com a meditação e a oração para se
tornarem mais parecidos como os deuses que seguem.
Os aventureiros Deva, são geralmente Vingadores,
Clérigos, e Invocadores, que saboreiam da experiência
de canalizar o poder divino através deles sem nenhum
intermediário.
Devas não possui cidade ou sociedade própria, e seus
números são tão pequenos que um Deva pode gastar
vidas inteiras sem nunca encontrar outro da sua espécie.
Vivem entre outras raças e, em alguns casos, adotam
suas maneiras. Entretanto, todos os Devas recordam
elementos da vida que tiveram antes de sua encarnação
e início do seu ciclo de renascimento, e compartilham
alguns elementos culturais como vestimenta, religião e
costumes.
Tradução por: George Simionato