Você está na página 1de 27

Diagramas de equilíbrio ternário

Noções básicas de diagrama ternário  Número de componentes – C = 3 Componentes podem ser: três matérias-primas. três fases cerâmicas  Representado por um triângulo equilátero  Cada vértice do triângulo representa 100% de um componente puro e pode ser expressado em % molar ou % em peso  Através de intervalos de linhas conhecidos pode-se determinar a composição da mistura em termos dos seus componentes  Também é possível a partir de uma composição conhecida ( em que os três componentes perfazem 100%) representá-la no diagrama . três óxidos.

Ponto P – 20% A 40% B 40% C .

.

10% A | 70% B | 20% C = 100% 4. 60% A | 20% B | 20% C = 100% 2.1.0% A | 25% B | 75% C = 100% . 25% A | 40% B | 35% C = 100% 3. 0.

.

25 x 20% B + 0. tem-se: % M = (QN/MN) x 100 = 25% % N = (MQ/MN) x 100 = 75% .0% C Ponto Q.5% B 0. sobre o segmento MN. a mistura resultante terá a composição: 0. Aplicando a regra da alavanca a esse segmento.Mistura M = 70% A + 20% B + 10% C Mistura N = 40% A + 10% B + 50% C Se foram misturadas uma parte de M com três partes de N.75 x 50% C = 40.5% A 0.25 x 70% A + 0. isto é. 25% M + 75% N.75 x 10% B = 12.25 x 10% C + 0.75 x 40% A = 47.

 conhecidas as composições químicas das matérias-primas de interesse e a composição química da composição que se deseja obter (por exemplo a composição de uma fase cerâmica).Esse exemplo mostra que:  conhecidas as composições químicas das matérias-primas de interesse. pode-se determinar matemática e geometricamente as proporções da matérias-primas para que essa composição (ou fase) seja alcançada.  Se juntarmos duas misturas M e N. a composição Q da mistura resultante estará sobre o segmento de reta MN e num ponto tal que divida esse segmento em dois inversamente proporcionais às quantidades das misturas originais (regra da alavanca). determinar a composição química da mistura. . pode-se matemática e geometricamente.

20 x 70% B + 0.20 x 10% C + 0.Mistura R = 20% A + 70% B + 10% C Mistura S = 40% A + 40% B + 20% C Mistura L = 10% A + 30% B + 60% C Se se misturarem duas partes de R com três partes de S e cinco partes de L.20 x 20% A + 0. unindo cada um dos vértices ao ponto P até interceptar o lado oposto. S e L usando três alavancas lineares independentes. isto é.50 x 10% A = 21% A 0.30 x 40% B + 0. 20% R + 30% S + 50% L. tal que: %S = (PO/SO) x 100 = 30% % R= (PO’/RO’) x 100 = 20% % L= (PO”/LO”) x 100 = 50% .30 x 40% A + 0.30 x 20% C + 0. a mistura resultante terá a composição: 0.50 x 60% C = 38% C Pode-se calcular as proporções de R.50 x 30% B = 41% B 0.

quando uma mistura se desdobra em três fases de composições diferentes. essas três fases definem um triângulo (chamado de triângulo conjugado) cujo centro de gravidade é ocupado pela mistura original.  Inversamente.Para três misturas quaisquer num sistema ternário:  a composição da mistura resultante pertence ao triângulo formado pelas três misturas originais e localiza-se no seu centro de gravidade. .

. a mudança da composição segue através de uma linha reta interior ao triângulo que representa os 3 componentes.Se quantidade de um componente são adicionadas ou subtraídas de uma mistura ternária e os outros dois componentes são mantidos numa relação constante. A extensão do vértice de A até o eixo que une B e C. mostra que a uma proporção constante entre B e C. o componente A pode ser adicionado ou subtraído.

B e C) Regra das Fases: P + F = C + 1 Número máximo de fases que podem coexistir – F = 0 P+0=3+1 P = 4 fases .B+L A+L A+L B+L C+L C+L A+L C+L B+L Eutético ternário (A.

Campos primários – indicam fases que se cristalizam primeiro ou se desenvolvem por último Definem as composições e temperaturas em que a fase sólida é estável no líquido . devido ao surgimento de reações eutéticas.É comum encontrar ou representar a variação de temperatura através do uso de setas que indicam o sentido do abaixamento da temperatura. peritéticas ou outras. O interior do diagrama tem temperaturas mais baixas que os vértices do triângulo (que representam as temperaturas de fusão dos componentes puros).

esse componente é o primeiro sólido que se cristaliza a partir do líquido (último sólido a desaparecer num processo de fusão). .Qualquer composição pertença ao cristalização campo primária de que de um componente.

.

A linha tracejada é conhecida como Linha de Alkemade. ou linha de compatibilidade. É uma linha de compatibilidade pois toda composição que for formulada sobre ela. Isto é. . mas. AMC ou A-AxBy-B. elas são compatíveis e podem coexistir em equilíbrio. Esses novos triângulos são conhecidos como triângulos conjugados pois “conjugam” 3 fases em equilíbrio. e MBC ou AxBy-B-C. entre B e C também não há formação de nenhum composto (fase). entre A e B ocorre a formação de um composto estequiométrico Ax By . Ela também divide o triângulo total equilátero em outros dois triângulos.Diagrama de equilíbrio de fases para o caso em que entre os componentes A e C não há formação de compostos. resultará em duas fases que são C e AxBy.