Você está na página 1de 26

Gás Natural:

Distribuição, Regulação e
Desenvolvimento Sustentável
Rio de Janeiro, 16 de Novembro de 2009

INSTITUTO BRASILEIRO
DE PETRÓLEO, GÁS E
BIOCOMBUSTÍVEIS

1
Fundado em Novembro de 1957
Roteiro

• IBP
• Indústria de Gás
– Histórico e estrutura
– A indústria hoje
– O futuro

2
O IBP
• Fundado em 21 de novembro de 1957

• Associação sem fins lucrativos, apartidária, congregando


empresas nacionais e internacionais, públicas e privadas, de
pequeno, médio e grande portes
– 200 empresas associadas (do poço ao posto)
– 47 Comissões com a participação voluntária de mais de mil
executivos e especialistas

• Missão: promover o desenvolvimento do setor nacional de


petróleo, gás natural e biocombustíveis, visando uma
indústria competitiva, sustentável, ética e socialmente
responsável

• Produtos: estudos, cursos, congressos, seminários, normas


técnicas, certificação e publicações, entre outros 3
Associados
Empresas de Petróleo e Gás

• ALE-SAT • GASMIG • PETRORECONCAVO


• ANADARKO • GRUPO SINERGY • PETROSERV
• BAHIAGAS • HESS • QUEIROZ GALVÃO
• BG • IBV • REPSOL
• BP • IPIRANGA • SHELL
• BRASOIL • KOCH • SINERGY
• CHEVRON • MAERSK OIL • SHV GAS
• CEG • NORSE ENERGY • STARFISH
• COPERGÁS • OGX • STATOIL HYDRO
• DEVON • ONGC CAMPOS • TOTAL
• EL PASO • PERENCO • TBG
• ENI OIL • PARTEX • ULTRAGAZ
• EXXON MOBIL • PETROBRAS • W. WASHINGTON
• PETROGAL • VALE
4
Eventos
2008 – 2010

5
Cursos

Cursos de Pós Graduação


Direito do Petróleo, Gás e Energia - 390 horas

Engenharia de Instrumentação Ind.– 380 horas

Engenharia de Petróleo – 500 horas

Gestão nos Negócios de E&P - 390 horas

Cursos de curta duração


2008 -123 realizados com 3.000 participantes

Certificados com ISO 9001

6
Publicações

7
A Indústria de Gás no Brasil

8
Matriz Energética
Participação crescente do gás natural

Outros renováveis
3,1%
Cana de açucar
16,1% Lenha e carv. veg.
12,5% 3,7% em 1998

Energia hid. e elet.


14,7%

12 % em
2015(1)
Petróleo e Derivado Uranio
36,7% Gás Natutal Carvão mineral 1,4%
9,3% 6,2% (1) Petrobras antes do Pré Sal

Fonte: Balanço Energético 2008 – MME


9
Estrutura

Fluxo Físico Produção


Produtor Importação
Contratos

Transporte
Transportadora Comercializador
Carregadores
ANP/MME
C.Gate
Agencias
Estaduais
Distribuição

Consumidores
10
Bm3

0
5
10
15
20
25
1970
1971
1972
1973
1974

Bahia
1975
1976
1977
1978
1979
1980
1981
1982
1983
1984
1985
1986
1987
1988
1989
1990
Campos
1991
1970 - 2008

1992
1993
1994
1995
Consumo de Gás no Brasil

1996
Histórico

1997
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
Brasil

2005
Elaboração IBP – Dados BP Statistical Review

2006
11
Gasoduto Bolivia

2007
2008
A Indústria de Gás Hoje

12
Reservas Provadas de Gás
(ex. Pré-sal)

Solimões Potiguar

16 %

Sergipe e
Alagoas
Recôncavo
Outros e
Amazonas Bahia
5,4%
São Paulo 14,3% Camamu 8,8%
13,3% Espírito Santo
Reservas Espírito Santo10,7%
(dez/2008) Rio de
Janeiro
364,2 Bilhões de m3 Campos
47,5%

Santos
Fonte: ANP

13
Produção de Gás
2008

Produção Belém

( média 2008)
57,33 Milhões m3/d Fortaleza
Manaus
Natal

Recife

Salvador

Espirito Santo

São Paulo

Rio de Janeiro

Fonte: ANP Porto Alegre

14
Outros
Oferta
GNL

GNL Pecém

Coari Fortaleza
Urucu

Porto Velho
Localização MM m3/d
Pecém - Ceara 6
Rio de Janeiro 14
Cuiabá

Cáceres
Rio Grande

Corumbá
Guararema

Paulínia
Bacia de
Campos
Bacia de
Uruguaiana
Santos
GNL Baía da Guanabara
P. Alegre

15
Fonte: SCM/ANP
Consumo de Gás
Nacional e Importado

Coari Fortaleza
Urucu

Porto Velho

Cuiabá

Cáceres
Rio Grande

Corumbá
média
Guararema
2005 2006 2007 2008
Paulínia 47,61 48,42 49,17 58,72
Bacia de
Campos 2009
Bacia de
jan fev mar abr mai jun jul ago set
Uruguaiana
Santos nacional 20,66 21,02 21,81 20,41 23,01 20,17 20,09 21,12 23,2
P. Alegre importado 20,51 19,82 20,17 20,78 25,93 27,52 24,77 22,68 22,22
total 41,17 40,84 41,98 41,19 48,94 47,69 44,86 43,8 45,42

Fonte: MME
16
Gasodutos de Transporte

Belém

Fortaleza
Manaus

Natal

Recife

Salvador

Brasília

Gasodutos: 9.110,2 km
Transferencia: 2.269,6 km
Rio de Janeiro
Transporte: 6.840,6 km São Paulo

Gasodutos

Fonte: ANP – maio de 2009


Porto Alegre
17
Distribuição

26 Empresas
17.715 km gasodutos
+ de 70 % no Rio e em São Paulo

Mercado
São Paulo 14777 40,19%
Rio de Janeiro 7367 20,04%
Outros estados 14620 39,77%

Gasodutos
São Paulo 7.981,2 44,73%
Rio de Janeiro 4.909,9 27,51%
Outros estados 4.953,7 27,76%
Fonte: ABEGAS – setembro de 2009 – elaboração IBP 18
Resumo
Setembro 2008

GNL Pecém

Fortaleza

Gasodutos deTransporte: 9.110 km


Rede de distribuição: 17.715 km
Set.2009
Salvador
Nacional: 23,2 MM m3/d
Importado: 22,2 MM m3/d
Bolívia
Consumo: 45,2 MM m3/d

LNG: 20 MM m3/d

GNL Baía da Guanabara

19
Consumo por segmento

MM m3/dia

50.000

40.000

Geração Elétrica
30.000 Industria
Ontros (incl. GNL)
GNV
20.000 Comerc.
Resid.
Cogeração
10.000

-
jan/07 mar/07 mai/07 jul/07 set/07 nov/07 jan/08 mar/08 mai/08 jul/08 set/08 nov/08 jan/09 mar/09 mai/09 jul/09 set/09

20
Perfil de Consumo
Rio de Janeiro
12.000
Industrial
10.000
GNV
8.000 Grande parque termoelétrico
Geração Termica
6.000 Maior mercado de GNV
4.000

2.000

-
jan/07 mai/07 set/07 jan/08 mai/08 set/08 jan/09 mai/09 set/09
São Paulo
12.000

10.000
Ancorado no consumo industrial
8.000
Industrial
6.000 GNV
Geração Termica
4.000

2.000

- 21
jan/07 mai/07 set/07 jan/08 mai/08 set/08 jan/09 mai/09 set/09
O Futuro

22
Transportate
Expansão e integração da malha existente

Belém

Manaus

Natal

Recife

Pilar - Ipujuca

Salvador
Cacimbas – Catu
Brasília
Paulinia - Jacutinga

GasBel II – Volta Redonda Betim


Gasduc III e Cabiunas-Reduc
Rio de Janeiro
Exisitente São Paulo

Caraguatatuba – Taubaté
Novos Gasodutos
Fonte: MME 23
Porto Alegre
Gasodutos Estados Unidos

Gasodutos: 479.376 km

Legenda:
Gosodutos Intersestaduais
Gasodutos Intraestaduais

Fonte: EIA/FERC
24
Pré Sal
estimativas iniciais

2000 1815
Óleo
1500 1336 Reservas de Petróleo e Gás
000 b/d

1000 Hoje: 14 bilhões de boe


500
219

0
2013 2017 2020
Reservas com Pré-Sal:
(bilhões boe)
Tupi – 5 a 8
Iara – 3 a 4
Guara – 2 a 3
mais 10 a 14 bilhões de boe

25
obrigado
www.ibp.org.br
gas@ibp.org.br

26