DESIGN

INSTRUCIONAL

Vani Kenski
USP

• Cursos de qualidade em EAD precisam ser produzidos por equipes de profissionais especializados. mesmo para professores com larga experiência em educação. . • Aprender a distância exige comportamentos e ações bem diferentes das propostas em cursos presenciais.EAD – uma modalidade diferente • Ensinar a distância é muito diferente de ensinar presencialmente.

tutores. técnicos e designers instrucionais. Interações síncronas e assíncronas.EAD – uma modalidade diferente Condições especiais de ensino-aprendizagem • • • • • • Relação tempo – espaço. Equipes com profissionais especializados: ‒ Professores. Produção em equipes. Usos de múltiplos recursos educacionais. . Multiálogos.

revisor. especialista no ambiente virtual . webdesigner. webdesigner. Gerente de projeto Equipe de Divulgação Tutor/monitor/professor responsável Suporte técnico: programador. equipe de vídeo. programador. especialista em TI.EAD Coordenador de EAD Coordenador do curso Conteudista Designer Instrucional Equipe de produção: ilustrador. design de jogos. roteirista. diagramador.

O termo DESIGN INSTRUCIONAL – Origem no inglês (Instructional Design). mestrado. planejamento + Instructional > Ensino = Planejamento do Ensino ou Planejamento didático – Nos EUA. – Designa uma PROFISSÃO reconhecida internacionalmente: Instructional Designer . a formação se dá em diversos níveis: graduação. – Tradução em português: Design > projeto. doutorado.

de acordo com as necessidades de formação. mas foi fortalecida com o avanço da EAD e o uso intensivo das tecnologias digitais. • Competências: 1986 > revista e reformulada em 2002 e 2012. • 0 foco central da atuação do Designer Instrucional está na aprendizagem das pessoas. Performance and Instruction com mais de mil DIs). • Competências (pesquisa do IBSTPI – International Board of Standards for Training. • Não é uma profissão nova. .DESIGN INSTRUCIONAL • Campo de estudos e ações sobre o desenvolvimento de projetos para os mais diversos modelos e formatos de cursos e processos educacionais. o tempo disponível e os recursos a que têm acesso.

criando e organizando mecanismos de participação em programas e projetos educacionais. aplicando metodologias e técnicas para facilitar o processo de ensino e aprendizagem. avaliam.Designer Instrucional • Implementam. facilitando o processo comunicativo entre a comunidade escolar e as associações a ela vinculadas. (MET/CBO. • Atuam em cursos acadêmicos e/ou corporativos em todos os níveis de ensino. coordenam e planejam o desenvolvimento de projetos pedagógicos nas modalidades de ensino presencial e/ou a distância. 2009) . • Viabilizam o trabalho coletivo.

Competências do Designer Instrucional * • FUNDAMENTOS DA PROFISSÃO • PLANEJAMENTO E ANÁLISE • DESIGN E DESENVOLVIMENTO • AVALIAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO • GESTÃO * IBSTPI. 2012 .

– Identificar e buscar resolver problemas éticos e legais que surjam no trabalho de design instrucional. por meio visual.Competências do Designer Instrucional • FUNDAMENTOS DA PROFISSÃO – Comunicar-se com eficiência. oral e escrito. – Aperfeiçoamento contínuo de suas competências. .

do tempo disponível e outras características de cada situação pedagógica” (Kenski. relativizado e definido de acordo com as condições específicas dos alunos. 2010). – Planejar cursos/disciplinas baseados nos resultados do levantamento de necessidades.Competências do Designer Instrucional • PLANEJAMENTO E ANÁLISE – Realizar levantamento de necessidades para o desenvolvimento de projetos. Deve ser contextualizado. do conteúdo. “Cada situação de aprendizagem. . dos recursos envolvidos. cada projeto educacional é único e especial.

– Desenvolver atividades de ensino que respeitem a diversidade dos alunos e suas necessidades de aprendizagem. . modificar ou criar um modelo apropriado para um determinado projeto educacional.Competências do Designer Instrucional DESIGN E DESENVOLVIMENTO – Selecionar. – Selecionar as estratégias mais adequadas para sequenciar o conteúdo e as atividades de um curso ou disciplina. – Selecionar materiais e recursos didáticos.

Avaliar o processo desenvolvido e seu impacto nos alunos. as parcerias e os relacionamentos entre os participantes de um projeto. Identificar pontos de melhoria e possibilidades de ajustes. Gestão das interações e integrações entre as equipes.Competências do Designer Instrucional AVALIAÇÃO ‒ ‒ ‒ ‒ Avaliar todo o processo para a produção do curso. Promover a colaboração. . Avaliação como processo contínuo e transversal: Avaliação –Validação – Ajustes – Reavaliação-Autoavaliação GESTÃO ‒ ‒ ‒ Gestão de projetos de design instrucional.

DI e as interações entre equipes .

Papel do DI na integração das equipes .

compreendendo: • Design de cursos para a modalidade on-line. sistema de ensino. organização. cursos e disciplinas. • Desenvolvimento de roteiros. Adequação de ações educacionais de acordo com o contexto. MICRO Desenvolvimento de unidades de estudo. .. • Adaptação de conteúdos para diferentes mídias..Níveis de atuação de um DI MACRO • Responsável pela definição de diretrizes gerais do processo educacional a ser desenvolvido pela instituição. conforme especificidades de cada projeto. MESO • • Estruturação de programas.

Relações e Mediações Processo Ensino-aprendizagem Docentes Design Instrucional Equipe de Produção Contexto sócio-técnico.educacional .

O futuro do Design Instrucional .

– Gestão em DI. – Mídias móveis. MOOCs). – Ações abertas e massivas (comunidades. mundos virtuais). passo a passo. redes.O futuro do Design Instrucional Especializações e atuações distintas: – Processos imersivos (games. – Ações treinamento e capacitação (autoinstrucionais. . – Acessibilidade e inclusão. simulações). – Ações extensivas de formação (acadêmico).

com.Obrigada! Vani Moreira Kenski vani@siteeducacional.br .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful