Você está na página 1de 261
EBS da Madalena Departamento Curricular do Pré-Escolar Ano 2007
EBS da Madalena
Departamento Curricular
do Pré-Escolar
Ano 2007
Introdução Os sons, as palavras, os gestos e a dança são um todo que desde
Introdução Os sons, as palavras, os gestos e a dança são um todo que desde

Introdução

Os sons, as palavras, os gestos e a dança são um todo que desde cedo se tornam determinantes na formação da criança.

A música é importante para despertar e desenvolver as faculdades da criança,

assumindo um papel fundamental na formação da sua personalidade, desenvolvendo a sensibilidade auditiva, motora e estética. Sabe-se que é na idade pré-escolar que se verificam grandes contribuições da expressão musical no desenvolvimento da linguagem, sobretudo no domínio da voz e estímulo para a articulação, sendo para isso necessárias actividades baseadas em canções e jogos melódico – rítmicos. As canções podem usar-se como preciosos auxiliares para o desenvolvimento da linguagem na infância, pois desde a fase de embalar que brincamos com sons, juntamos sílabas e entoamos canções. Como já há algum tempo, era intento deste departamento compilar um dossier de canções temáticas, as educadoras reuniram todas as canções conhecidas, com o intuito

de as mesmas serem partilhadas, tornando-se assim um trabalho mais enriquecedor para

as suas práticas pedagógicas. Neste dossier temático, os temas das canções são apresentados por ordem alfabética, integrando temas diversificados a trabalhar no dia a dia do Jardim-de-infância.

A Coordenadora de Departamento

Canções Temáticas

2
2
Animais Canções Temáticas 3
Animais Canções Temáticas 3

Animais

Canções Temáticas

3
3

I

De olhos vermelhos De pêlos branquinhos Dou saltos bem altos Eu sou o coelhinho.

II

Sou muito assustado

Porém sou guloso Por uma cenoura Já fico manhoso.

III

Comi uma cenoura Com casca e tudo. Tão grande ela era Fiquei um barrigudo.

IV

Dou saltos p’rá frente Dou saltos p’ra trás Eu sou um coelhinho Que de tudo sou capaz.

V

Eu pulo p’ra frente Eu pulo p’ra trás Dou mil cambalhotas Eu sou forte demais!

COELHINHO

V Eu pulo p’ra frente Eu pulo p’ra trás Dou mil cambalhotas Eu sou forte demais!
V Eu pulo p’ra frente Eu pulo p’ra trás Dou mil cambalhotas Eu sou forte demais!

Canções Temáticas

4
4

Eu sou um coelhinho

Orelhudo e peludinho.

Eu sou um coelhinho

Minha vida é só pular

Minha sombra é engraçada

Ora curta, ora alongada

Uma sombra engraçada

Que me vai acompanhar.

Se eu pulo, ela também pula

Fica quieta se eu parar.

A SOMBRA

eu pulo, ela também pula Fica quieta se eu parar. A SOMBRA RATINHO FOI AO BAILE
eu pulo, ela também pula Fica quieta se eu parar. A SOMBRA RATINHO FOI AO BAILE

RATINHO FOI AO BAILE

I

Ratinho foi ao baile

De cartola e jaquetão

Sapato de bico fino

E

uma luva em cada mão.

II

Sapato de bico fino E uma luva em cada mão. II Encontrou uma carochinha Que dançava

Encontrou uma carochinha

Que dançava no salão

Ratinho se aproximou

Apertando a sua mão.

III

Convidou-a p’ra dançar

Ela respondeu que não

mão. III Convidou-a p’ra dançar Ela respondeu que não Bis Bis Carochinha estava noiva E não

Bis

Bis

Carochinha estava noiva E não quis complicação Ratinho muito triste Bis Retirou-se do salão.
Carochinha estava noiva
E não quis complicação
Ratinho muito triste
Bis
Retirou-se do salão.

Bis

estava noiva E não quis complicação Ratinho muito triste Bis Retirou-se do salão. Bis Canções Temáticas

Canções Temáticas

5
5

ATIREI O PAU AO GATO

Atirei o pau ao gato, to, to

Mas o gato, to, to

Não morreu, eu, eu

Dona Chica, ca, ca

Assustou, se, se

Com o berro, com o berro

Que o gato deu

Miau!

se, se Com o berro, com o berro Que o gato deu Miau! ERA UMA VEZ
se, se Com o berro, com o berro Que o gato deu Miau! ERA UMA VEZ

ERA UMA VEZ UM CAVALO

Era uma vez um cavalo

Que vivia no seu alto carrossel

Era tão lindo e tão belo

Cavalinho, cavalinho de papel

A correr, trá-lá-lá

A saltar, trá-lá-lá

Cavalinho não saía do lugar

Trá-lá-lá.

de papel A correr, trá-lá-lá A saltar, trá-lá-lá Cavalinho não saía do lugar Trá-lá-lá. Canções Temáticas

Canções Temáticas

6
6

ERA UMA VEZ UM CAVALO

ERA UMA VEZ UM CAVALO Era uma vez um cavalo Que vivia no seu alto carrossel

Era uma vez um cavalo Que vivia no seu alto carrossel Tinha as orelhas furadas E a cabeça era feita de papel.

Plop plop plop Vamos a galope Plop plop plop Vamos a galope.

Venho da feira Vou p’ro moinho E o meu cavalo Vai cansadinho.

da feira Vou p’ro moinho E o meu cavalo Vai cansadinho. Três galinhas a cantar, Vão

Três galinhas a cantar, Vão para o campo passear.

Uma à frente é a primeira, Logo as outras em fileira. Vão assim passear, Os bichinhos procurar.

TRÊS GALINHAS

é a primeira, Logo as outras em fileira. Vão assim passear, Os bichinhos procurar. TRÊS GALINHAS

Canções Temáticas

7
7

O CUCO

Estava na floresta, um cuco a cantar. Por trás de uma giesta, nós fomos escutar:

Cú-cú, cú-cú, cú-cú, cú-rú-cú-cú. Cú-cú, cú-cú, cú-cú, cú-rú-cú-cú.

A noite estava escura, não havia luar.

Ouvimos lá ao longe, um lobo a uivar:

Aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú. Aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú, aú.

Estava na cozinha, sozinha a trabalhar, Ouvi lá num cantinho, um gatinho a miar:

Miau, miau, miau, miau, miau, miau. Miau, miau, miau, miau, miau, miau.

miau, miau, miau, miau. Miau, miau, miau, miau, miau, miau. O NOSSO GALO O nosso galo

O NOSSO GALO

O nosso galo é bom cantor,

É bom cantor tem boa voz.

Está sempre a cantar, Có-có-ró, có-có-ró. Mas veio um dia e não cantou, Outro e mais outro e não cantou. Nunca mais se ouviu: Có-có-ró, có-có. Nunca mais se ouviu: Có-có-ró, có-có.

não cantou. Nunca mais se ouviu: Có-có-ró, có-có. Nunca mais se ouviu: Có-có-ró, có-có. Canções Temáticas

Canções Temáticas

8
8

O sapo, o sapo

Tem cores bem alegres Não tem, não tem Rabinho nem orelhas

Uá quá,quá, uá quá, quá Uá, uá, uá

nem orelhas Uá quá,quá, uá quá, quá Uá, uá, uá Bis O SAPO SAPO ZURURU Sapo

Bis

O SAPO

Uá quá,quá, uá quá, quá Uá, uá, uá Bis O SAPO SAPO ZURURU Sapo zururu À
Uá quá,quá, uá quá, quá Uá, uá, uá Bis O SAPO SAPO ZURURU Sapo zururu À

SAPO ZURURU

Sapo zururu

À beira do rio

Quando o sapo grita, oh maninha,

É porque tem frio.

A mulher do sapo

Deve estar doente Fazendo rendinha, oh maninha, P´ro seu casamento.

doente Fazendo rendinha, oh maninha, P´ro seu casamento. CACHORRO BONITO Cachorrinho está latindo, Lá no fundo

CACHORRO BONITO

Cachorrinho está latindo, Lá no fundo do quintal. Vai te embora cachorrinho, Deixa o meu benzinho entrar. Cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, Cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, Cre-o-lá-lá, não sou eu que caio lá.

Cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, cre-o-lá-lá, Cre-o-lá-lá, não sou eu que caio lá. Canções Temáticas 9

Canções Temáticas

9
9

I

Era uma vaca leiteira,

Não era uma vaca qualquer,

Dava leite e manteiguinha,

Era uma vaca bem fofinha.

Dlim dlão, dlim, dlão.

II

Um chocalho se comprou,

E vaquinha até gostou,

Passeava pelo prado,

Matava moscas como o rabo.

Dlim, dlão, dlim, dlão.

A VACA LEITEIRA

como o rabo. Dlim, dlão, dlim, dlão. A VACA LEITEIRA UM BURRO E UM BOI Um
como o rabo. Dlim, dlão, dlim, dlão. A VACA LEITEIRA UM BURRO E UM BOI Um

UM BURRO E UM BOI

Um burro e um boi,

Cansados de andar.

Á sombra da Oliveira,

Ficaram a descansar,

Ficaram a descansar

.Trá-lá-lá.

Cansados de andar. Á sombra da Oliveira, Ficaram a descansar, Ficaram a descansar .Trá-lá-lá. Canções Temáticas

Canções Temáticas

10
10

LÁ VAI UMA, LÁ VÃO DUAS

LÁ VAI UMA, LÁ VÃO DUAS I Lá vai uma, lá vão duas Três pombinhas a
LÁ VAI UMA, LÁ VÃO DUAS I Lá vai uma, lá vão duas Três pombinhas a

I

Lá vai uma, lá vão duas

Três pombinhas a voarem.

Uma é minha, outra é tua

Outra é de quem a apanhar.

II

Sete e sete são catorze

Com mais sete vinte e um

Tenho sete namorados

E não gosto de nenhum.

III

A criada lá de cima

É feita de papelão

Quando vai fazer as camas

Diz assim para o patrão.

IV

O preto fuma charuto

Charuto já ele o é

O preto fuma charuto

Ao canto da chaminé.

o patrão. IV O preto fuma charuto Charuto já ele o é O preto fuma charuto

Canções Temáticas

11
11

O LEÃO QUE NÃO ERA LEÃO

O LEÃO QUE NÃO ERA LEÃO I Eu conheci um leão, leão, leão Mas não era

I

Eu conheci um leão, leão, leão

Mas não era um leão, não era não

O que era então?

Não digo não, não digo não

era não O que era então? Não digo não, não digo não II Tinha orelhas de

II

Tinha orelhas de leão, leão, leão

Mas não era um leão, leão, leão

O que era então?

Não digo não, não digo não

Bisleão O que era então? Não digo não, não digo não Bis III Tinha patas de

Bis

O que era então? Não digo não, não digo não Bis Bis III Tinha patas de

III

Tinha patas de leão, leão, leão

Mas não era um leão, leão, leão

O que era então?

Não digo não, não digo não

Bisleão O que era então? Não digo não, não digo não IV Tinha cauda de leão,

IV

Tinha cauda de leão, leão, leão

Mas não era um leão, leão, leão

O que era então?

Não digo não, não digo não

leão O que era então? Não digo não, não digo não Bis V Ora diga, diga,

Bis

V

Ora diga, diga, diga lá então

Ora diga, diga, diga lá então

Era a leoa a mulher do leão

(3 vezes)

Canções Temáticas

12
12

AS POMBINHAS DA CATRINA

AS POMBINHAS DA CATRINA I As pombinhas da Catrina Andaram de mão em mão Foram ter

I

As pombinhas da Catrina

Andaram de mão em mão

Foram ter à quinta nova

Ao pombal de S. João.

II

Ao pombal de S. João

À quinta da roseirinha

Minha mãe mandou-me à fonte

E eu parti a cantarinha.

III

Oh minha mãe não me batas

Que eu ainda sou pequenina

Não te bato porque achaste

As pombinhas da Catrina.

Não te bato porque achaste As pombinhas da Catrina. I O passarinho não sabe voar Porque
Não te bato porque achaste As pombinhas da Catrina. I O passarinho não sabe voar Porque

I

O

passarinho não sabe voar

Porque é pequenino

Mas já sabe cantar.

II

O

passarinho canta duas notas

Mi, mi, mi, sol

Que estão nesta canção.

O PASSARINHO

Mi, mi, mi, sol Que estão nesta canção. O PASSARINHO III O passarinho já canta muitas

III

O passarinho já canta muitas notas

Mi, mi, mi, sol

Mi, dó, dó, ré, ré , dó

Do, ré, mi, fa, sol, lá, si, dó Do, si, lá, sol, fa, mi, ré, do.

Canções Temáticas

13
13

Borboleta do jardim

Eu sou flor poisa em mim

Borboleta não te vás,

Vale a pena volta atrás.

I

Todos os patinhos

Sabem bem nadar

Cabeça para baixo

Rabinho para o ar.

BisSabem bem nadar Cabeça para baixo Rabinho para o ar. Bis II Quando estão cansados Da

BisSabem bem nadar Cabeça para baixo Rabinho para o ar. Bis II Quando estão cansados Da

II

Quando estão cansados

Da água vão sair

Depois em grande fila

P’ró ninho querem ir.

Bis Bis
Bis
Bis

BORBOLETA

Da água vão sair Depois em grande fila P’ró ninho querem ir. Bis Bis BORBOLETA OS
Da água vão sair Depois em grande fila P’ró ninho querem ir. Bis Bis BORBOLETA OS

OS PATINHOS

Da água vão sair Depois em grande fila P’ró ninho querem ir. Bis Bis BORBOLETA OS

Canções Temáticas

14
14

BORBOLETA BAILARINA

BORBOLETA BAILARINA I Sou borboleta bailarina Gosto muito de cantar No monte ou na campina Na

I

Sou borboleta bailarina

Gosto muito de cantar

No monte ou na campina

Na horta ou no pomar

Sou também muito vaidosa

E quando chego ao jardim

Beijo o cravo, beijo a rosa

E ponho-me a bailar assim.

REFRÃO

La la la la la

La la la la la la la

La la la la la

La la la la la la l a.

II

De noite, fico parada

Sem saber o que fazer

Mas se chega a madrugada

Ponho-me logo a mexer

E quando o sol aparece

Lá no monte a espreitar

Meu corpo todo estremece

E põe-se logo a bailar.

REFRÃO

La la la la la

La la la la la la la

La la la la la

La la la la la la la.

logo a bailar. REFRÃO La la la la la La la la la la la la

Canções Temáticas

15
15

LAGARTO PINTADO

LAGARTO PINTADO Lagarto pintado Quem te pintou? Foi uma velha que aqui passou. No tempo da

Lagarto pintado

Quem te pintou?

Foi uma velha que aqui passou.

No tempo da eira,

Fazia poeira,

Puxa lagarto,

Por esta orelha!

tempo da eira, Fazia poeira, Puxa lagarto, Por esta orelha! Salto eu Saltas tu Para ver

Salto eu Saltas tu Para ver o que mais salta Não sou eu Nem és tu Quem mais salta é o canguru.

CANGURU

Saltas tu Para ver o que mais salta Não sou eu Nem és tu Quem mais

Canções Temáticas

16
16

Mas o gato to Não morreu (eu-eu) D. Chica (ca-ca) Assustou (se-se) Com o berro Com o berro Que o gato deu Miau!

ATIREI UM PAU AO GATO

berro Com o berro Que o gato deu Miau! ATIREI UM PAU AO GATO II Sentadinha
berro Com o berro Que o gato deu Miau! ATIREI UM PAU AO GATO II Sentadinha

II

Sentadinha à chaminé(é-é) Veio uma pulga(ga-ga) Mordeu-lhe o pé (é-é) Ai ela chora (ra-ra) Ai ela grita (ta-ta) Ai vai-te embora Ai vai-te embora pulga maldita.

III

Havia uma casinha (nha-nha) Tão cheiinha (nha-nha) De capim (pim-pim) Saiu de lá (lá-lá) Uma lagarticha (cha-cha) Olhou p’ra mim Olhou p’ra mim E fez-me assim: (Põe-se a língua de fora)

Canções Temáticas

17
17

O PORQUINHO FOI À HORTA

O PORQUINHO FOI À HORTA O porquinho foi à horta E comeu uma bolota O cão

O

porquinho foi à horta

E

comeu uma bolota

O

cão também lá quis ir

Mas fecharam-lhe a casota

É bem feita porque o cão

Tem a mania de ser espertalhão. (Bis)

feita porque o cão Tem a mania de ser espertalhão. (Bis) O PORQUINHO FOI À FEIRA

O PORQUINHO FOI À FEIRA

O porquinho foi à feira

Não sabia o que comprar

Lá comprou uma cadeira P’rá mamã se sentar

A

mamã se sentou

E

a cadeira rebentou Pum!

Com o dinheiro que gastou.

Tenho cinco reis Tenho um alguidar Tenho um macaquinho De pernas p’ro ar. Quando me levanto Tiro-lhe o boné Aperto-lhe a mão Oh la-ri-ló-lé.

pernas p’ro ar. Quando me levanto Tiro-lhe o boné Aperto-lhe a mão Oh la-ri-ló-lé. O MACACO

O MACACO

pernas p’ro ar. Quando me levanto Tiro-lhe o boné Aperto-lhe a mão Oh la-ri-ló-lé. O MACACO

Canções Temáticas

18
18

Doidas, doidas, doidas Andam as galinhas

Para pôr o ovo

Lá no buraquinho.

Raspam, raspam, raspam

P’ra alisar a terra

Bicam, bicam, bicam

P’ra fazer o ninho.

AS GALINHAS

terra Bicam, bicam, bicam P’ra fazer o ninho. AS GALINHAS Arrebita a crista o galo vaidoso
terra Bicam, bicam, bicam P’ra fazer o ninho. AS GALINHAS Arrebita a crista o galo vaidoso

Arrebita a crista o galo vaidoso

Có-có-ró-có-có grita refilão

E todo emproado de olhar majestoso

É o comandante deste batalhão.

A barata diz que tem

Sete saias de filó

È mentira da barata

Ela tem é uma só

Ah, ah, ah!

Oh, oh, oh!

Ela tem é uma só.

A barata diz que tem

Sapatinho de veludo

È mentira da barata

Ela tem é o pé peludo

Ah, ah, ah!

Oh, oh, oh!

Ela tem é o pé peludo.

A BARATA

da barata Ela tem é o pé peludo Ah, ah, ah! Oh, oh, oh! Ela tem

Canções Temáticas

19
19

Os três gatinhos

Perderam os chapelinhos

Puseram-se a chorar

Oh mamãezinha

Os nossos chapelinhos

Não os podemos achar.

Perderam os chapelinhos?

Mas que feios gatinhos

Então não vão brincar

Miau fru-fru

Então não vão brincar Miau fru-fru

Os três gatinhos

Acharam os chapelinhos

Puseram-se a cantar

Oh mamãezinha

Os nossos chapelinhos

Já os podemos achar.

Acharam os chapelinhos?

Mas que lindos gatinhos

Então já vão brincar

Miau fru-fru

Miau fru-fru

Então já vão brincar.

OS TRÊS GATINHOS

Então já vão brincar Miau fru-fru Miau fru-fru Então já vão brincar. OS TRÊS GATINHOS Canções
Então já vão brincar Miau fru-fru Miau fru-fru Então já vão brincar. OS TRÊS GATINHOS Canções

Canções Temáticas

20
20

Peixinho vermelho

Nadou, nadou

E as migalhinhas

Papou papou

E cinco peixinhos

Vieram então

Comer migalhinhas

Na minha mão.

PEIXINHO VERMELHO

então Comer migalhinhas Na minha mão. PEIXINHO VERMELHO Bis PEIXINHO VERMELHO I Peixinho vermelho No mar

Bis

Comer migalhinhas Na minha mão. PEIXINHO VERMELHO Bis PEIXINHO VERMELHO I Peixinho vermelho No mar a
Comer migalhinhas Na minha mão. PEIXINHO VERMELHO Bis PEIXINHO VERMELHO I Peixinho vermelho No mar a

PEIXINHO VERMELHO

I

Peixinho vermelho

No mar a nadar

Olha o gato mau,

Olha o gato mau

Que te quer papar.

II

Muito cuidadinho

E muita atenção,

Que te quer papar. II Muito cuidadinho E muita atenção, Bis Bis Bis Que o gato

Bis

Biste quer papar. II Muito cuidadinho E muita atenção, Bis Bis Que o gato ao peixinho,

Bisquer papar. II Muito cuidadinho E muita atenção, Bis Bis Que o gato ao peixinho, Que

Que o gato ao peixinho,

Que o gato ao peixinho

Quer deitar a mão

muita atenção, Bis Bis Bis Que o gato ao peixinho, Que o gato ao peixinho Quer

Bis

muita atenção, Bis Bis Bis Que o gato ao peixinho, Que o gato ao peixinho Quer

Canções Temáticas

21
21

O LOBO MAU

O LOBO MAU Eu sou o lobo mau, lobo mau, lobo mau Eu pego os cabritinhos

Eu sou o lobo mau, lobo mau, lobo mau Eu pego os cabritinhos p’ra fazer mingau. Hoje estou contente Vai haver festança Tenho um bom petisco Para encher a minha pança.

festança Tenho um bom petisco Para encher a minha pança. BICHO-DA-SEDA O bicho-da-seda Sempre a trabalhar

BICHO-DA-SEDA

O bicho-da-seda Sempre a trabalhar Faz o seu casulo Para lá morar Que grande surpresa Veio acontecer Linda borboleta Vai de lá nascer.

surpresa Veio acontecer Linda borboleta Vai de lá nascer. MEU GATINHO Música: “Meu sininho, meu sininho”

MEU GATINHO

Música: “Meu sininho, meu sininho”

Meu gatinho, meu gatinho Vai dormir, vai dormir Muito bonitinho, muito bonitinho Ron, ron, ron Ron, ron, ron

meu gatinho Vai dormir, vai dormir Muito bonitinho, muito bonitinho Ron, ron, ron Ron, ron, ron

Canções Temáticas

22
22

Eu tenho um ursinho Que dorme ao pé de mim Quando eu vou p’rá cama Ele diz-me sempre assim Anda aqui vem sonhar.

Faz ó, ó, ao pé de mim Eu só gosto de estar junto a ti.

URSINHO

ó, ao pé de mim Eu só gosto de estar junto a ti. URSINHO Bis OS

Bis

ao pé de mim Eu só gosto de estar junto a ti. URSINHO Bis OS CABRITINHOS

OS CABRITINHOS

São os cabritinhos que saltam nos montes Saltam, saltam, saltam, saltam, saltam

São os peixinhos que nadam nos mares Nadam, nadam, nadam, nadam, nadam

São as pombinhas que voam nos céus Voam, voam, voam, voam, voam

São os macaquinhos que trepam às árvores Trepam, trepam, trepam, trepam, trepam

trepam às árvores Trepam, trepam, trepam, trepam, trepam São os bebés que dormem nos berços Dormem,

São os bebés que dormem nos berços Dormem, dormem, dormem, dormem, dormem

Canções Temáticas

23
23

TRÊS PINTAINHOS

TRÊS PINTAINHOS Três pintainhos Tem minha tia Tem minha tia Tem minha tia. Um que canta

Três pintainhos Tem minha tia Tem minha tia Tem minha tia. Um que canta Outro que pia Outro que chama Tia Maria.

Vamos todos piu, piu, piu A correr piu, piu, piu As ervinhas piu, piu, piu Vamos comer piu, piu, piu, piu

piu As ervinhas piu, piu, piu Vamos comer piu, piu, piu, piu Olha a joaninha Sempre

Olha a joaninha Sempre coradinha Nunca chora nunca É mesmo um amor

Viva a alegria Dos nossos petizes Nunca pára nunca São muito felizes.

E

encontra bem depressa

O

coelhinho a saltar.

A JOANINHA

Música: “Viva a alegria”

E encontra bem depressa O coelhinho a saltar . A JOANINHA Música: “Viva a alegria” Canções

Canções Temáticas

24
24

HISTÓRIA DUM OVINHO

HISTÓRIA DUM OVINHO I Era uma vez Uma história dum ovinho Tanto aqueceu Que nasceu Um

I

Era uma vez Uma história dum ovinho

Tanto aqueceu

Que nasceu

Um pintainho Com o seu biquinho

A

casca partiu

E

muito aflito

Com o seu biquinho A casca partiu E muito aflito Começou o seu piu-piu. Refrão Piu-piu-piu-piu

Começou o seu piu-piu.

Refrão

Piu-piu-piu-piu A chamar por sua mãe Piu-piu-piu-piu A galinha a correr vem.

II

Mas quando a fome Chega ao seu papinho

Esgravata o chão

À procura dum bichinho.

Um grão aqui Outro além vai buscar

Mas se tem frio Começa a piar.

Canções Temáticas

25
25

Refrão

Sete cores, de repente

O arco-íris se desata

Na água límpida e contente Do ribeirinho da mata

O sol tão resplandecente

Ilumina a floresta

E a lagarta lentamente

Do casulo se liberta.

I

Ela agora é borboleta

E feliz põe-se a voar

Para as suas lindas cores No arco-íris misturar.

II

Voa, voa borboleta Dando vida à floresta Ao som de uma trombeta Toda a vida é uma festa.

SETE CORES

voa borboleta Dando vida à floresta Ao som de uma trombeta Toda a vida é uma
voa borboleta Dando vida à floresta Ao som de uma trombeta Toda a vida é uma

Canções Temáticas

26
26
CANÇÕES DE RODA 27 Canções Temáticas

CANÇÕES DE RODA

CANÇÕES DE RODA 27 Canções Temáticas
27
27

Canções Temáticas

PONHA AQUI O SEU PEZINHO

Ora ponha aqui Ora ponha aqui o seu pezinho. Ora ponha aqui ao pé do meu. Ao tirar Ao tirar o seu pezinho Ai um abraço lhe dou eu.

Ora dizem mal Ora dizem mal dos caçadores Ai por matarem Ai por matarem os pardais Ai os teus olhos Ai os teus olhos menina Ainda matam Ainda matam muito mais.

Ai os teus olhos menina Ainda matam Ainda matam muito mais. A CAMINHO DE VISEU Indo
Ai os teus olhos menina Ainda matam Ainda matam muito mais. A CAMINHO DE VISEU Indo

A CAMINHO DE VISEU

Indo eu, indo eu A caminho de Viseu

mais. A CAMINHO DE VISEU Indo eu, indo eu A caminho de Viseu Bis Encontrei o

Bis

Encontrei o meu amor Ai Jesus que lá vou eu.

Ora zus truz truz Ora zás trás trás.

que lá vou eu. Ora zus truz truz Ora zás trás trás. Bis Bis Ora chega,

Bis

que lá vou eu. Ora zus truz truz Ora zás trás trás. Bis Bis Ora chega,

Bis

Ora chega, chega, chega Ora arreda lá p’ra trás.

truz truz Ora zás trás trás. Bis Bis Ora chega, chega, chega Ora arreda lá p’ra

Bis

truz truz Ora zás trás trás. Bis Bis Ora chega, chega, chega Ora arreda lá p’ra

Canções Temáticas

28
28

DANÇA DO CORRIDINHO

DANÇA DO CORRIDINHO Menina que estás no meio A dançar e a bailar Vem à roda

Menina que estás no meio

A dançar e a bailar

Vem à roda escolher uma

Que sirva para teu par Que dance muito bem

Com graça e com jeitinho Atenção vai começar

A dança do corridinho

La- la- la- la- la La- la- la- la- la La- la- la- la- la La- la- la- la- la

la La- la- la- la- la La- la- la- la- la La- la- la- la- la

Nota: Quando começa a roda está uma criança no meio que vai à roda escolhe outra. Enquanto cantam la- la-la, dançam as duas de mãos dadas e a levantar os pezinhos ao som da melodia.

ORA BATE PADEIRINHA

Ora bate padeirinha Ora bate o pé no chão. Ora bate padeirinha Amor do meu coração.

Fui à fonte p’ra te ver Ao rio para te falar. Nem na fonte nem no rio Nunca te pude encontrar.

Fui à fonte p’ra te ver Ao rio para te falar. Nem na fonte nem no

Canções Temáticas

29
29

BOIA BOIABINHA

Refrão

Bóia Boiabinha que faz assim assim Bóia Boiabinha que faz assim assim

Olha agora a costureira a fazer assim, assim (Bis)

Olha agora a lavadeira a fazer assim, assim (Bis)

Olha agora o alfaiate a fazer assim, assim (Bis)

(Bis) Olha agora o alfaiate a fazer assim, assim (Bis) Olha agora o sapateiro a fazer

Olha agora o sapateiro a fazer assim. (Bis)

Nota: Os versos sobre as profissões são acompanhados de gestos adequados a cada profissão.

BALANCÉ

(Todos numa roda de mãos dadas a andar à roda)

Encontrei um balancé

Da cidade para o monte Com uma cestinha no braço

E um pote de água da fonte.

Ó balancé, balancé

Balancé da neve pura

Ó minha salve rainha

Ó minha vida doçura.

da neve pura Ó minha salve rainha Ó minha vida doçura. Nota: (Bate palmas em balancé

Nota: (Bate palmas em balancé e em pura. No 3º e 4º versos as crianças dão as mãos 2 a 2 e andam à roda )

Canções Temáticas

30
30

Eu fui ao troloró Buscar água e não achei Encontrei uma menina Que no troloró deixei. Aguenta minha gente Que uma noite não é nada Quem não cantar agora Cantará de madrugada.

Ó, Ó, Ó, Adriana,

Ó Adrianinha,

Vais entrar na roda Vais cantar sozinha.

Eu cantar não sei Mas quero cantar Vou pedir à Marta Para me ajudar.

TROLORÓ

Mas quero cantar Vou pedir à Marta Para me ajudar. TROLORÓ Nota: É cantada numa roda
Mas quero cantar Vou pedir à Marta Para me ajudar. TROLORÓ Nota: É cantada numa roda

Nota: É cantada numa roda revezando-se as crianças, metendo os seus nomes na canção.

A BARCA

A barca virou

Deixai-a virar Foi por causa da menina (nome da criança) Que não se quis endireitar.

da menina (nome da criança) Que não se quis endireitar. Nota: (Faz-se uma roda com todas

Nota: (Faz-se uma roda com todas as crianças de mãos dadas. Canta-se este verso a cada criança introduzindo o respectivo nome e à medida que se diz o nome, essa criança volta-se ao contrário e permanece voltada e sempre de mãos dadas. Quando estiverem todas voltadas canta-se o seguinte verso e todas as crianças, ao mesmo tempo voltam-se ao contrário dando um salto)

Canções Temáticas

31
31

O mar está bravo

As ondas a bater

O mar está bravo

Meu amor vem ver. Se eu fosse peixinho Soubesse nadar Tirava os meninos Do fundo do mar.

MATA – TIRA

nadar Tirava os meninos Do fundo do mar. MATA – TIRA TERESINHA DE JESUS A Teresinha
nadar Tirava os meninos Do fundo do mar. MATA – TIRA TERESINHA DE JESUS A Teresinha

TERESINHA DE JESUS

A Teresinha de Jesus

Deu uma queda foi ao chão Acudiram três cavaleiros

Todos três de chapéu na mão.

O

primeiro foi seu pai

O

segundo seu irmão

O

terceiro foi aquele

Que a Teresinha deu a mão. Tanta laranja da China Tanto limão pelo chão Tanto sangue derramado Dentro do meu coração. Da laranja quero um gomo Do limão quero um pedaço Da menina mais bonita Quero um beijo e um abraço.

quero um gomo Do limão quero um pedaço Da menina mais bonita Quero um beijo e

Canções Temáticas

32
32

QUE LINDA FALUA

QUE LINDA FALUA Que linda falua que lá vem, lá vem É uma falua que vem

Que linda falua que lá vem, lá vem

É uma falua que vem de Belém.

falua que lá vem, lá vem É uma falua que vem de Belém. Vou pedir ao

Vou pedir ao João barqueiro que me deixe passar Tenho filhos pequeninos p’ra acabar de criar.

Passará, passará, mas algum ficará Se não for a mãe à frente, há-de ser o filho atrás.

NOIVA

Olha a noiva, olha a noiva, olha a noiva Bis O que está a fazer
Olha a noiva, olha a noiva, olha a noiva
Bis
O
que está a fazer lá dentro?
Bis
Está a pentear-se, está a pentear-se
P’ró dia do casamento.
- Não te quero, não te quero, não te quero
Não te quero a ti não
Só te quero a ti, só te quero a ti
Amor do meu coração
Bis

Nota: Repete-se com a menina do meio (noiva) a fazer diferentes situações

Canções Temáticas

33
33

A nossa linda roda,

Mata – tira – tira – ná. (Bis)

A nossa linda mais linda,

Mata – tira – tira – ná. (Bis)

Então quem é que queres?

Mata – tira – tira – ná.

(Bis)

TIRA – NÁ

queres? Mata – tira – tira – ná. (Bis) TIRA – NÁ Eu quero “….”, (um

Eu quero “….”, (um nome) Mata – tira – tira – ná. (Bis) Então o que lhe dás? Mata – tira – tira – ná. (Bis) Vou dar “….”, (um objecto ao agrado) Mata – tira – tira – ná. (Bis)

objecto ao agrado) Mata – tira – tira – ná. (Bis) TORRADINHAS COM MANTEIGA ( Formam

TORRADINHAS COM MANTEIGA

(Formam pares ao lado uns dos outros)

Torradinhas com manteiga Sai aqui, sai acolá Sai o cravo, mais a rosa Foram ambos passear.

) Torradinhas com manteiga Sai aqui, sai acolá Sai o cravo, mais a rosa Foram ambos

Canções Temáticas

34
34

O LIMÃO DA MARIQUINHAS

Chora Mariquinhas, chora

Chora porque não tens um limão Anda na roda Procura o limão, Mariquinhas Que ele aqui não está Que ele aqui não está Está no meio da roda

A dançar o solidó

Quem tem?

está Está no meio da roda A dançar o solidó Quem tem? Nota: As crianças estão
está Está no meio da roda A dançar o solidó Quem tem? Nota: As crianças estão

Nota: As crianças estão todas numa roda. No meio está uma criança a tapar os olhos a outra. Na roda há uma criança que tem o limão fechado na mão. Quando cantamos “Quem tem?” a que estava com os olhos tapados vai pela roda a bater nas mãos das outras crianças, que estão com as mãos fechadas no ar, até encontrar o limão, Quando encontra, vai para o meio da roda e tapa os olhos à que tinha o limão e o limão é dado a outra criança na roda.

MACHADINHA

Ah, ah, ah, minha machadinha. (Bis)

Quem te pôs a mão sabendo que és minha. (Bis)

Sabendo que és minha, eu também sou tua. (Bis)

Salta machadinha lá para o meio da rua. (Bis)

O meu par já eu sei quem é. (Bis)

É um rapazinho chamado José. (Bis)

eu sei quem é. (Bis) É um rapazinho chamado José. (Bis) Chamado José, chamado João. (Bis)

Chamado José, chamado João. (Bis)

É o rapazinho do meu coração. (Bis)

Canções Temáticas

35
35

Vai correndo o lindo anel, Corre, voa sem parar. Onde está onde se encontra? Quem o pode adivinhar?

Quem o pode adivinhar, Se é que não adivinhou. Onde pára o lindo anel, Que da minha mão voou?

O ANEL

Onde pára o lindo anel, Que da minha mão voou? O ANEL Nota : A criança
Onde pára o lindo anel, Que da minha mão voou? O ANEL Nota : A criança

Nota: A criança tem de passar o anel, com as suas mãos fechadas, nas mãos dos colegas e depois perguntar ao grupo quem o tem.

O lenço fugiu,

Quem é que o viu? Meu tonto deves olhar, Atrás das costas pode estar.

O

lenço fugiu,

ao chão caiu,

Fica, fica caladinho, Que este moço é tontinho.

Lá-lá-lá, lá-lá-lá, Lá-lá-lá, lá-lá-lá, Fica, fica caladinho, Que este moço é tontinho.

O LENÇO

lá-lá-lá, Lá-lá-lá, lá-lá-lá, Fica, fica caladinho, Que este moço é tontinho. O LENÇO Canções Temáticas 36

Canções Temáticas

36
36

ROSA BRANCA

Rosa branca ao peito, A todos está bem.

ROSA BRANCA Rosa branca ao peito, A todos está bem. Bis À menina “…” o-la-ré, Melhor

Bis

À menina “…”

o-la-ré, Melhor que a ninguém!

( ao menino “…”,)

o-la-ré, Melhor que a ninguém! ( ao menino “…”,) Bis NO ALTO DAQUELA SERRA (Uma roda

Bis

o-la-ré, Melhor que a ninguém! ( ao menino “…”,) Bis NO ALTO DAQUELA SERRA (Uma roda
o-la-ré, Melhor que a ninguém! ( ao menino “…”,) Bis NO ALTO DAQUELA SERRA (Uma roda

NO ALTO DAQUELA SERRA

(Uma roda grande e vão duas ou três crianças para o meio)

No alto daquela serra (bis) Está um lenço Está um lenço de mil cores Está dizendo viva, viva Está dizendo viva, viva Morra quem não tem amores

Ajoelha-te aos meus pés Ajoelha-te aos meus pés Manuel, Manuel do coração

Levanta-te e dá um beijo Levanta-te e dá um beijo Manuel, Manuel do coração.

do coração Levanta-te e dá um beijo Levanta-te e dá um beijo Manuel, Manuel do coração.

Canções Temáticas

37
37

O

preto, minha senhora,

O

preto, minha senhora.

Não gosta de bacalhau, Não gosta de bacalhau. Só gosta de arroz doce, Só gosta de arroz doce. Mexido com a colher de pau,

Mexido com a colher de pau. Preto para aqui, preto para acolá.

É o preto ah, ah, ah.

Preto para aqui, preto para acolá.

É o preto ah, ah, ah.

O PRETO

para aqui, preto para acolá. É o preto ah, ah, ah. O PRETO ALARGA A RODA
para aqui, preto para acolá. É o preto ah, ah, ah. O PRETO ALARGA A RODA

ALARGA A RODA

Alarga a roda, alarga a roda Que eu também, que eu também Lá quero entrar. Eu perdi, eu perdi

O meu lencinho no terreiro

No terreiro a brincar.

Minha mãe, minha mãe Não me dá outro Só aqui, só aqui

O vai achar.

No terreiro a brincar. Minha mãe, minha mãe Não me dá outro Só aqui, só aqui

Canções Temáticas

38
38

FUI AO JARDIM DA CELESTE

FUI AO JARDIM DA CELESTE I Eu fui ao Jardim da Celeste, Giroflé, giroflá. Eu fui

I

Eu fui ao Jardim da Celeste,

Giroflé, giroflá.

Eu fui ao Jardim da Celeste,

Giroflé, flé-flá-flá.

II

O

que foste lá fazer?

Giroflé, giroflá.

O que foste lá fazer?

Giroflé, flé-flé-flá.

giroflá. O que foste lá fazer? Giroflé, flé-flé-flá. III Fui lá buscar uma rosa, Giroflé, giroflá.

III

Fui lá buscar uma rosa,

Giroflé, giroflá.

Fui lá buscar uma rosa,

Giroflé, flé-flé-flá.

IV

Para quem é essa rosa?

Giroflé, giroflá.

Para quem é essa rosa?

Giroflé, flé-flé-flá.

V

É para a menina…

Giroflé, giroflá.

É para a menina…

Giroflé,flé-flé-

Canções Temáticas

39
39

TRISTE VIUVINHA

Esta triste viúva Que anda por aqui além Quer casar não acha com quem Dá-lhe tudo para seu bem

Quer casar não acha com quem Dá-lhe tudo para seu bem Uma menina que está no
Quer casar não acha com quem Dá-lhe tudo para seu bem Uma menina que está no

Uma menina que está no meio da roda, pergunta a outra que está na roda:

-Queres casar comigo? Ela responde:

-Não!

As meninas da roda cantam:

-Apanhastes um cabaço colhido da cabeceira, já te podes ir gabar, que não achas quem te queira, já te podes ir gabar que não achas quem te queira!

Pergunta novamente:

-Queres casar comigo?

A outra responde:

-Sim!

Quem ela escolhe vai juntar-se no meio da roda com a outra

Casadinhos há três dias Olha os noivos a dançar Todo o pai que tiver filhos Que os trate de casar Todo o pai que tiver filhos Que os trate de casar!

Canções Temáticas

40
40

A TRISTE VIUVINHA

I

Olha a triste viuvinha

Que anda na roda a chorar.

Anda a ver se encontra noivo

Para com ela casar.

II

Casadinha há três dias

Ela ali vai a chorar

ela casar. II Casadinha há três dias Ela ali vai a chorar É bem feito, é

É bem feito, é bem feito

Não acha com quem casar.

A mãezinha leva já-á

Belo leite com café-é

P’ra merenda da Lili-i

Que está em casa da avó-ó

A brincar com a Lulu-u

A, e, i, o, u

A, e, i, o, u

Senhor guarda venha cá-á

Venha ver o que isto é-é

O barulho é aqui-i

Por causa da minha avó-ó

Que matou um peru-u

A, e, i, o, u

A, e, i, o, u

Por causa da minha avó-ó Que matou um peru-u A, e, i, o, u A, e,

Bis

Bis

Por causa da minha avó-ó Que matou um peru-u A, e, i, o, u A, e,

A, E, I, O, U

Por causa da minha avó-ó Que matou um peru-u A, e, i, o, u A, e,
Por causa da minha avó-ó Que matou um peru-u A, e, i, o, u A, e,

Canções Temáticas

41
41
Carnaval Canções Temáticas 42
Carnaval Canções Temáticas 42

Carnaval

Carnaval Canções Temáticas 42
Carnaval Canções Temáticas 42

Canções Temáticas

42
42

OS TRÊS PALHACINHOS

I

Os três palhacinhos

Cantando lã vão

Pela estrada fora

Até ao portão.

II

E

batem à porta

Pois querem entrar

E

sai de lá um cão

E

põe-se a ladrar.

III

Ão, ão faz o cão

Miau, miau faz o gato

Piu, piu faz o pardal

Quá, quá faz o pato.

IV

Os três palhacinhos

Não querem fazer mal

Só querem brincar

Pois é Carnaval.

faz o pato. IV Os três palhacinhos Não querem fazer mal Só querem brincar Pois é
faz o pato. IV Os três palhacinhos Não querem fazer mal Só querem brincar Pois é

Canções Temáticas

43
43

EU FIZ O MEU PALHAÇO

I

Eu fiz o meu palhaço

Com o dedo na areia

Ficou tão engraçado

Cara de lua cheia.

II

Os olhos a sorrir

E a boca muito grande

Nariz muito comprido

Parece um elefante. (bis)

III

Na cabeça uma cartola

E as mãos que lindas são

Comecei a olhar p`ra ele

E disse: - olá pá, estás bom pá?

- Eu estou bem

Muito obrigada

Eu estou bem

Muito obrigada.

- Eu estou bem Muito obrigada Eu estou bem Muito obrigada. O PALHACINHO VAIDOSO O palhacinho
- Eu estou bem Muito obrigada Eu estou bem Muito obrigada. O PALHACINHO VAIDOSO O palhacinho

O PALHACINHO VAIDOSO

O palhacinho vaidoso,

Bate duas vezes com a mão (bater duas vezes palmas).

O palhacinho vaidoso,

Dá dois pulinhos no chão (dar dois pulinhos).

O palhacinho vaidoso,

Toca o sininho,

Dlim, dlim (pode-se ter uma campainha para fazer o som).

O palhacinho vaidoso,

Troca os olhinhos assim (trocar os olhos).

uma campainha para fazer o som). O palhacinho vaidoso, Troca os olhinhos assim (trocar os olhos).

Canções Temáticas

44
44

Olha o circo, vem o circo

A sessão vai começar

Três palhaços engraçados

Bem depressa vão chegar.

O

primeiro é o Dada

O

segundo é o Dede

O

terceiro é o Didi

Prelim pim-pim

Prelim pim-pim

Prelim pim-pim

Pim-pim

Refrão

Olha o palhaço

Olha o palhacinho

Olha o palhaço

Vai tocando o cornetinho.

I

Se tu visses o que eu vi

Lá no adro da igreja

m palhaço a correr

Sem poder calçar as meias.

OLHA O CIRCO

m palhaço a correr Sem poder calçar as meias. OLHA O CIRCO O PALHAÇO Música: “Olha
m palhaço a correr Sem poder calçar as meias. OLHA O CIRCO O PALHAÇO Música: “Olha

O PALHAÇO

Música: “Olha o balão”

a correr Sem poder calçar as meias. OLHA O CIRCO O PALHAÇO Música: “Olha o balão”

Canções Temáticas

45
45

PALHACINHO BRINCALHÃO

PALHACINHO BRINCALHÃO I Palhacinho brincalhão Pula e salta pelo ar Tem na boca um coração E

I

Palhacinho brincalhão

Pula e salta pelo ar

Tem na boca um coração

E o nariz sempre a pingar.

Refrão

Bate as mãos (palmas 3 vezes)

Bate os pés (palmas 3 vezes)

Dá estalinhos de alegria

Lá, lá, lá, lá, lá, lá, lá

II

Palhacinho foi ao circo

P’ra mostrar o seu chapéu

Deu um salto e caiu

Ai Jesus meu Deus do céu.

foi ao circo P’ra mostrar o seu chapéu Deu um salto e caiu Ai Jesus meu

Canções Temáticas

46
46
Dias Festivos 47 Canções Temáticas
Dias Festivos
47
Canções Temáticas

Papai,

Dos bons és o melhor, Dos grandes, o maior, Ternura e amor!

Papai,

Tua vida - uma lição, Canção que faz o coração!

PAPAI

Papai,

Contigo em meu viver, Feliz eu hei-de ser

E a vida aprender.

Papai,

Desejo todo bem

A quem assim me ama como mais ninguém.

Papai,

Me deste a vida que é de Deus!

Papai, papai, Te dou todos meus os sonhos!

que é de Deus! Papai, papai, Te dou todos meus os sonhos! PAI AMIGO! Como estás

PAI AMIGO!

Como estás amigo Como estás As tuas amizades Como vão Faremos os possíveis Para sermos
Como estás amigo
Como estás
As tuas amizades
Como vão
Faremos os possíveis
Para sermos bons amigos
Como estás amigo
Como estás.
48
Canções Temáticas

I

Vou cantar a canção

Mais linda que eu senti

Ao meu querido paizinho

Para o ver sorrir.

II

Quando falo, quando rio

Quando sigo o meu caminho

Vejo os olhos do meu pai

Cheios de carinho.

O PAI

Música: “O balão do João”

Cheios de carinho. O PAI Música: “O balão do João” Refrão: Hoje é dia do pai,

Refrão:

Hoje é dia do pai,

Querido pai do coração,

Vou te dar um presentinho

Trá-lá-rá-lá-lá-rá-lá-lá-rá-lá

Trá-lá-rá-lá-lá-rá-lá-lá-rá-lá. (bis)

Trá-lá-rá-lá-lá-rá-lá-lá-rá-lá. (bis) GOSTO DO MEU PAI Gosto muito do meu pai Que está sempre a

GOSTO DO MEU PAI

Gosto muito do meu pai

Que está sempre a trabalhar

Nunca falta ao serviço

Para nada me faltar.

Mas

Tem…

Um lindo sorriso quando sorri

Lindo sorriso quando sorri

Para mim e para ti.

me faltar. Mas Tem… Um lindo sorriso quando sorri Lindo sorriso quando sorri Para mim e

Canções Temáticas

49
49

O PAPÁ É MEU HERÓI

O PAPÁ É MEU HERÓI Música: “O nosso galo é bom cantor”. I O papá é

Música: “O nosso galo é bom cantor”.

I

O

papá é o meu herói

É

o meu amigo do coração

Brinca comigo e ajuda-me a crescer

Ao que ele me diz eu presto atenção. (Bis)

II

Dá-me um beijinho ao acordar

Ai que bem que sabe assim crescer

Ansioso eu estou pela hora dele chegar

Para coisas bonitas poder aprender. (Bis)

hora dele chegar Para coisas bonitas poder aprender. (Bis) III Ele vem cansado pronto p´ra jantar

III

Ele vem cansado pronto p´ra jantar

Conta as aventuras do dia passado

O soninho chega e os dentes vou lavar

Feliz e contente vou dormir descansado. (Bis)

VEM AMIGO, VEM

Vem amigo, vem

Escuta esta canção

Traz o teu amigo

Pela tua mão

E juntos faremos

Festas de alegria

Festas de amizade

Festas de alegria.

o teu amigo Pela tua mão E juntos faremos Festas de alegria Festas de amizade Festas

Canções Temáticas

50
50

GOSTO MUITO DO MEU PAI

Gosto muito do meu pai Que gosta de me ajudar. Não tenho medo de nada Pois ao meu lado vai estar.

A brincar ou a trabalhar

Ele está sempre comigo. Nele posso confiar

Ele é um grande amigo.

Se algum dia ele se zanga

É que não me portei bem.

Mas eu gosto muito dele

E ele de mim.

Vou cantar a canção

Mais linda que a ouvi

À minha querida mãezinha

Para a ver sorrir.

Quando falo, quando riu Quando sigo o meu caminho Vejo os olhos da minha mãezinha Cheios de carinho.

riu Quando sigo o meu caminho Vejo os olhos da minha mãezinha Cheios de carinho. DIA

DIA DA MÃE

riu Quando sigo o meu caminho Vejo os olhos da minha mãezinha Cheios de carinho. DIA
riu Quando sigo o meu caminho Vejo os olhos da minha mãezinha Cheios de carinho. DIA

Canções Temáticas

51
51

Vou cantar a canção

Mais linda que eu sentir

A meu pai, a minha mãe

Para os ver sorrir.

São verdadeiros amigos Em quem posso confiar De mãos dadas comigo Para me ajudar.

Minha mãe, minha mãe Teu sorriso e teu olhar São a mais linda prenda Que me podes dar.

A meu pai, meu bom amigo

Tua mão, teu braço aberto

Serão sempre na vida

O meu rumo certo.

Viva o tempo que for Hei-de sempre amar na vida Meu paizinho tão bom Minha mãe querida.

Quando falo, quando rio Quando sigo o meu caminho Vejo os olhos de meus pais Cheios de carinho.

CANÇÃO AOS PAIS

Música: “O balão do João”

Vejo os olhos de meus pais Cheios de carinho. CANÇÃO AOS PAIS Música: “O balão do
Vejo os olhos de meus pais Cheios de carinho. CANÇÃO AOS PAIS Música: “O balão do

Canções Temáticas

52
52

PARABÉNS, MAMÃE!

Mamã, Te quero tanto, mamã, Que hoje meu canto é festa, vida!

Mamã, Esta palavra linda, Sempre feliz, bem-vinda, No meu coração!

Mamã, Nesse teu dia, mamã, Com toda alegria Eu canto esta canção!

Mamã, Mulher divina e santa, Na terra o céu já planta, Vivendo em oração!

Parabéns, mamã! (Bis) Parabéns, mamã! Que Deus te faça bem feliz!

Vivendo em oração! Parabéns, mamã! (Bis) Parabéns, mamã! Que Deus te faça bem feliz! Canções Temáticas
Vivendo em oração! Parabéns, mamã! (Bis) Parabéns, mamã! Que Deus te faça bem feliz! Canções Temáticas

Canções Temáticas

53
53

MÃE TU ÉS UMA FLOR

MÃE TU ÉS UMA FLOR I Mãezinha tu és uma rosa Mãezinha és uma flor Tão

I

Mãezinha tu és uma rosa

Mãezinha és uma flor

Tão linda, tão airosa

Um cheirinho de amor.

Tu és, tu és

Tu és a minha flor. (bis)

II

Mãezinha acordas cedo

Com esse sorrir

E trazes-me um abraço

Eu deixo de dormir.

Olá, olá vamos os dois dançar

Já sei, já sei são horas de acordar.

III

Mãezinha dou trabalho

Porque sou pequenino

Mas hoje dia da mãe

Trago-te este beijinho.

Vem lá, vem cá, só tens de te baixar,

Vem lá, vem cá, mil beijos te vou dar.

este beijinho. Vem lá, vem cá, só tens de te baixar, Vem lá, vem cá, mil

Canções Temáticas

54
54

MÃE, MINHA MÃE

Refrão

Mãe, gosto de ti, minha mãe. (Bis)

I

Tu és o amor

Tu és o meu carinho

Preciso de ti, mãe.

Bem vês, sou pequenino.

II

Se estou perto de ti

Eu sinto-me feliz

A ti eu devo tudo

O coração m’o diz.

Eu sinto-me feliz A ti eu devo tudo O coração m’o diz. MINHA MÃE PARABÉNS I
Eu sinto-me feliz A ti eu devo tudo O coração m’o diz. MINHA MÃE PARABÉNS I

MINHA MÃE PARABÉNS

I

Juventude alegre

Flores em botão

Vamos ao compasso

Da nossa canção.

Tudo é alegria

Tudo a sorrir

Na festa da mãe

Tudo a colorir.

Refrão

Minha mãe, parabéns,

Parabéns, felicidades.

Na festa da mãe Tudo a colorir. Refrão Minha mãe, parabéns, Parabéns, felicidades . Bis Canções

Bis

Na festa da mãe Tudo a colorir. Refrão Minha mãe, parabéns, Parabéns, felicidades . Bis Canções

Canções Temáticas

55
55

MAMÃ

I

Vamos à mamã, mamã, mamã

Vem aí o papá, papá, papá

Tu és o bebé, bebé, bebé

Estamos todos cá, olá, olá, olá.

II

Olha o teu nariz, nariz, nariz

Dá-me a tua mão, a mão, a mão

Põe aqui o teu pé, o pé, o pé

Senta-te no chão, no chão, no chão.

III

Dá-me uma bolacha, bolacha, bolacha

Também quero pão, mais pão, mais pão

Quero uma banana, banana, banana

Não comes mais, não, não, não, não, não.

banana Não comes mais, não, não, não, não, não. MAMÃ, MINHA MAMÃ I Quantos beijos e
banana Não comes mais, não, não, não, não, não. MAMÃ, MINHA MAMÃ I Quantos beijos e

MAMÃ, MINHA MAMÃ

I

Quantos beijos e ternura

Mamã tu sabes dar

Teus braços estão abertos

Prontos para me abraçar.

Refrão

Mamã, minha mamã

Minha amiga, meu amor.

Mamã, minha mamã

Minha amiga, meu amor

II

Quero estar sempre contigo

Para aprender a viver

Contigo a meu lado

Nada tenho a temer.

Refrão

Bis
Bis

Canções Temáticas

56
56

DIA DA MÃE

DIA DA MÃE Refrão: Hoje eu digo a toda a gente, Que és o melhor que

Refrão:

Hoje eu digo a toda a gente, Que és o melhor que o mundo tem. Quando me abraças sou feliz. Porque me amas, E eu te amo querida mãe.

I

Mãe, obrigado pelo amor, Eu te agradeço neste dia Todos os mimos que me dás,

Com ternura e alegria. Refrão:

II

Quem deu a papa ao bebé? Quem foi que limpou o rabinho? Quem chorou lágrimas de amor? Foi a mãe, com o seu carinho.

Refrão:

foi que limpou o rabinho? Quem chorou lágrimas de amor? Foi a mãe, com o seu

Canções Temáticas

57
57

Bom dia, oh pai

Bom dia, oh mãe. (Bis) Que Jesus vos guarde

E a mim também. (Bis)

Bom dia oh avó Bom dia oh avô. (Bis) Bom dia oh mano Bom dia oh mana. (Bis)

BOM DIA À FAMÍLIA

Música: “Olha a Borboleta”.

(Bis) BOM DIA À FAMÍLIA Música: “Olha a Borboleta”. GOSTO DA MINHA FAMÍLIA Gosto muito da
(Bis) BOM DIA À FAMÍLIA Música: “Olha a Borboleta”. GOSTO DA MINHA FAMÍLIA Gosto muito da

GOSTO DA MINHA FAMÍLIA

Gosto muito da minha família Onde todos me querem bem

O avô, a avó e os manos

Ainda mais o pai e a mãe.

Ao papá e á mamã Quero sempre com carinho P’ro papá e p’ra mamã Vai agora o meu beijinho.

e á mamã Quero sempre com carinho P’ro papá e p’ra mamã Vai agora o meu

Bis

e á mamã Quero sempre com carinho P’ro papá e p’ra mamã Vai agora o meu

Canções Temáticas

58
58

HOJE É O NOSSO DIA

HOJE É O NOSSO DIA I Hoje é o nosso dia Vamos lá cantar O dia

I

Hoje é o nosso dia

Vamos lá cantar

O dia da criança

Vamos festejar.

Bis
Bis

Bis

II

Dizem que nós somos

Os homens do futuro

E olham para nós

Cheios de esperança.

III

O que nós queremos

É viver felizes

Num mundo de paz

Cheio de esperança.

Bis

Canções Temáticas

59
59

I

Jogar pular e brincar

Cantar a nossa canção.

É dia de mudança

Dia de animação.

Refrão

Hoje nós temos um dia,

Dia de muita esperança

Com sonhos e alegria

Pois é dia da criança.

II

Não importa a tua raça,

Não importa a tua cor.

Junta-te a nós neste dia

Vem com muita alegria

Faz um mundo de amor.

Refrão

Todos os dias são dias

Não é só este dia

O dia da criança.

DIA DA CRIANÇA

de amor. Refrão Todos os dias são dias Não é só este dia O dia da
de amor. Refrão Todos os dias são dias Não é só este dia O dia da

Canções Temáticas

60
60
Diversas Canções Temáticas 61

Diversas

Diversas Canções Temáticas 61
Diversas Canções Temáticas 61

Canções Temáticas

61
61

I

Eu tenho um pião

Um pião que dança

Eu tenho um pião

Mas não t`o dou não.

Refrão

Gira que gira

O meu pião

Mas não t`o dou,

Nem por um tostão.

I

Josezito,

Já te tenho dito,

Que não é bonito

Andares me a enganar!

II

Chora agora,

Josezito, chora

Que me vou embora,

P’ra não mais voltar.

EU TENHO UM PIÃO

agora, Josezito, chora Que me vou embora, P’ra não mais voltar. EU TENHO UM PIÃO JOSÉZITO
agora, Josezito, chora Que me vou embora, P’ra não mais voltar. EU TENHO UM PIÃO JOSÉZITO

JOSÉZITO …

agora, Josezito, chora Que me vou embora, P’ra não mais voltar. EU TENHO UM PIÃO JOSÉZITO

Canções Temáticas

62
62

CANÇÃO DAS FIGURAS

I

Eu sou o quadrado

Bonito de mais

Tenho quatro lados

E todos iguais.

II

Eu sou o triângulo

Tenho três biquinhos

De chapéu eu sirvo

Para os palhacinhos.

III

Eu cá sou o círculo

Sou igual à lua

Sou o mais redondo

Cá da minha rua.

IV

Eu sou o rectângulo

Dos campos relvados

Sou porta e sou mesa

Tenho quatro lados.

V

Nós somos diferentes

Mas muito amiguinhos

Muito nós brincamos

Mas sempre juntinhos.

lados. V Nós somos diferentes Mas muito amiguinhos Muito nós brincamos Mas sempre juntinhos. Canções Temáticas
lados. V Nós somos diferentes Mas muito amiguinhos Muito nós brincamos Mas sempre juntinhos. Canções Temáticas

Canções Temáticas

63
63

RESINEIRO ENGRAÇADO

RESINEIRO ENGRAÇADO I Resineiro engraçado, engraçado no falar Ó, i, ó, ai, eu hei-de ir à

I

Resineiro engraçado, engraçado no falar

Ó, i, ó, ai, eu hei-de ir à terra dele

Ó, i, ó, ai se ele me quiser levar.

II

tenho papel e tinta, caneta e mata -borrão

Ó, i, ó, ai, p’ra escrever ao resineiro

Ó, i, ó, ai, que trago no coração.

III

Resineiro é casado, é casado e tem mulher

Ó, i, ó, ai, vou escrever ao resineiro

Ó

i ó ai quantas vezes eu quiser.

escrever ao resineiro Ó i ó ai quantas vezes eu quiser. O BALÃO DO JOÃO O

O BALÃO DO JOÃO

O balão do João,

Sobe, sobe, pelo ar.

Está feliz o petiz,

A cantarolar.

Mas o vento a soprar,

Leva o balão pelo ar.

Fica então o João

A cantarolar.

A cantarolar. Mas o vento a soprar, Leva o balão pelo ar. Fica então o João

Canções Temáticas

64
64

Ó JOSÉ APERTA O LAÇO

Ó JOSÉ APERTA O LAÇO I Como ninguém lhe ligava O José foi à cidade Só

I

Como ninguém lhe ligava

O José foi à cidade

Só p’ra ver se encontrava

Por lá qualquer novidade.

Viu um laço, que rica ideia

Disse logo e foi comprar

E toda a gente da aldeia

Começou logo a cantar.

Refrão

E toda a gente da aldeia Começou logo a cantar. Refrão Ó José aperta o laço

Ó

José aperta o laço

Ó

José aperta-o bem

O

laço bem apertado

Ai, ó José fica-te bem. (Bis)

II

Com um laço tão catita

Toda a vida se mudou

Até a tia Maria

Logo o José cobiçou.

Combinou-se o casamento

Que foi bem curto o namoro

Pois até nesse momento

Ele ouviu cantar em coro.

Refrão

III

Diz agora toda a gente

Que o José sem desatinos

Já guardou todo contente

Muitos laços pequeninos.

Há-de ser p’rós Josezinhos

Que o casal espera por fim

E é a sorrir com carinho

Que hoje o povo canta assim. Refrão

Canções Temáticas

65
65

I

De segunda a sexta-feira

Vou à escola trabalhar

Ao sábado e ao domingo

Fico em casa a descansar.

II

Na escola todos juntos

Aprendemos a crescer

Nunca ninguém sabe tudo

Todos temos que aprender.

III

Aprendemos matemática

Um e dois e três e quatro

Às vezes representamos

Uma peça de teatro.

IV

Aprendemos a ouvir

Quando alguém está a falar

Para pedir a palavra

Pomos o dedo no ar.

V

Desenhamos e cantamos

No recreio temos bola

Somos todos muito amigos

Eu gosto de estar na escola.

ESCOLA

Música: “Lá vai uma, lá vão duas…”

muito amigos Eu gosto de estar na escola. ESCOLA Música: “Lá vai uma, lá vão duas…”
muito amigos Eu gosto de estar na escola. ESCOLA Música: “Lá vai uma, lá vão duas…”

Canções Temáticas

66
66

CAI, CAI, BALÃO

Cai cai balão Cai cai balão Bolinhas de sabão Não cai não Não cai não Não cai não Cai aqui na minha mão.

cai não Não cai não Não cai não Cai aqui na minha mão. A MODA DA

A MODA DA RITA

Esta é que era a moda Que a Rita cantava.

Lá na praia nova, olaré, Ninguém lhe ganhava.

Ninguém lhe ganhava, Ninguém lhe ganhou.

Bis Bis
Bis
Bis

BisNinguém lhe ganhava, Ninguém lhe ganhou. Bis Bis Esta é que era a moda, olaré, Que

Esta é que era a moda, olaré, Que a Rita cantou.

ganhava, Ninguém lhe ganhou. Bis Bis Bis Esta é que era a moda, olaré, Que a

Bis

ganhava, Ninguém lhe ganhou. Bis Bis Bis Esta é que era a moda, olaré, Que a
ganhava, Ninguém lhe ganhou. Bis Bis Bis Esta é que era a moda, olaré, Que a

Canções Temáticas

67
67

I

Minha vida é bem útil

Apesar de ser um grão

Quem me cultivar no campo

Não terá falta de pão.

II

O

grão lançado à terra

Germina pois sem sarilho

Basta um pouco de rega

E logo nasce o milho.

III

Depois de estar crescido

E

de estar bem criado

É

preciso com a foice

O

milho então ser cortado.

IV

Virá depois a desfolhada

Entre cantigas e vinho

E depois de estar bem seco

Levamo-lo p´ró moinho.

V

Nesse lugar bem sagrado

Do moinho que é casinha

O

grão será esmagado

E

transformado em farinha.

O MILHO

Música: “ Rosa arredonda a saia”

em farinha. O MILHO Música: “ Rosa arredonda a saia” VI A farinha que é branca
em farinha. O MILHO Música: “ Rosa arredonda a saia” VI A farinha que é branca

VI

A farinha que é branca

É símbolo de alegria

Será pois então levada

Por nós para a padaria.

VII

O homem que quer comer

Terá pois de trabalhar

Basta-nos cuidar da terra. Para ela nos dar o pão.

Canções Temáticas

68
68

I

As mulheres do monte

Quando vão à vila

Levam cestos de o vos

Galinhas em cima.

II

Ao subir a escada

E ao virar a esquina

Quebraram-se os ovos

Fugiu a galinha.

III

Chegando ao outeiro

Pira, pira, pira

Quanto mais chorava

Mais ela fugia.

A GALINHEIRA

pira, pira Quanto mais chorava Mais ela fugia. A GALINHEIRA TENHO UMA BONECA Tenho uma boneca,
pira, pira Quanto mais chorava Mais ela fugia. A GALINHEIRA TENHO UMA BONECA Tenho uma boneca,

TENHO UMA BONECA

Tenho uma boneca, assim, assim,

Veio de Paris, p’ra mim p’ra mim,

Ela diz: papá e mamã também.

Abre e fecha os olhos

E dorme bem.

Paris, p’ra mim p’ra mim, Ela diz: papá e mamã também. Abre e fecha os olhos

Canções Temáticas

69
69

SALTA A BOLA

Salta a bola, salta, salta;

Salta a bola pelo ar.

Salta a bola, salta, salta;

Salta a bola, até parar.

Gira a roda, gira, gira;

Gira a roda e vai virar.

Vira a roda, vira, vira;

Vira a roda até parar.

vai virar. Vira a roda, vira, vira; Vira a roda até parar. SÃO CORADINHAS I Eu
vai virar. Vira a roda, vira, vira; Vira a roda até parar. SÃO CORADINHAS I Eu

SÃO CORADINHAS

I

Eu dei-te duas maçãs

Que apanhei no meu quintal

São coradinhas, coradinhas são,

São coradinhas do meu coração!

II

São boas e madurinhas

Não te podem fazer mal.

São coradinhas, coradinhas são,

São coradinhas do meu coração.

Não te podem fazer mal. São coradinhas, coradinhas são, São coradinhas do meu coração. Canções Temáticas

Canções Temáticas

70
70

OLHA A BOLA MANEL

Refrão

Olha a bola, Manel

Olha a bola, Manel

Foi-se embora, fugiu

I

O

Manel tinha uma bola

Que rolava pelo chão

Na calçada ela rola

Deu-lhe uma dentada, um cão.

II

O

Manel tinha uma bola

Mas por falta de atenção

Lá deixou ele ir a bola

Presa nos dentes de um cão.

III

O Manel tinha uma bola

Mas agora não tem não

Agente a ver se o consola

Vai cantar-lhe esta canção.

não Agente a ver se o consola Vai cantar-lhe esta canção. O MEU CHAPÉU O meu

O MEU CHAPÉU

O meu chapéu tem três bicos,

Tem três bicos o meu chapéu.

Se não tivesse três bicos

O chapéu o chapéu não era meu.

Tem três bicos o meu chapéu. Se não tivesse três bicos O chapéu o chapéu não
Tem três bicos o meu chapéu. Se não tivesse três bicos O chapéu o chapéu não

Canções Temáticas

71
71

TÃO-BALALÃO

Tão-balalão, cabeça de cão, Orelhas de gato, não tem coração.

Tão-balalão, cabeça de cão, Cozida e assada no meu caldeirão.

cabeça de cão, Cozida e assada no meu caldeirão. A SAQUINHA DAS SURPRESAS A saquinha das

A SAQUINHA DAS SURPRESAS

A saquinha das surpresas Ninguém sabe o que lá vem Tão calada, tão quietinha Vamos ver o que lá vem!.

das surpresas Ninguém sabe o que lá vem Tão calada, tão quietinha Vamos ver o que

Canções Temáticas

72
72

PROTEGER A NATUREZA

PROTEGER A NATUREZA Refrão Temos de deixar de poluir, Não deitar lixo p`ro chão, Não deitar

Refrão

Temos de deixar de poluir,

Não deitar lixo p`ro chão,

Não deitar lixo no mar.

Vamos preservar a natureza,

Aprender a reciclar,

Preparar o amanhã.

a natureza, Aprender a reciclar, Preparar o amanhã. Quadras declamadas I Para a natureza ajudar Vamos

Quadras declamadas

I

Para a natureza ajudar

Vamos ter que nos juntar

Eu aqui e tu ali

Vamos lá a trabalhar.

A natureza está a morrer

Sem ninguém para a proteger

Os animais que lá estão a morar

Têm de ir para outro lugar.

Quadras declamadas

II

A

terra está a ser destruída

Um dia nada vai restar

Alguma coisa temos de fazer

Para o nosso mundo salvar.

Para o ambiente proteger

Vamos ter que nos juntar

Temos muito de fazer

Para o mundo renovar.

Refrão 2x

Canções Temáticas

73
73

MADALENA

I

Madalena senhora corajosa

Quando vê um cão.

Importante e toda majestosa

Faz-lhe festas com a mão.

Madalena sentada não chega com os pés ao chão.

a mão. Madalena sentada não chega com os pés ao chão. II Madalena menina traquina Quando

II

Madalena menina traquina

Quando vê um gato

Corre logo a esconder-se numa esquina

E dá-lhe com o sapato.

Madalena não é coisa que se faça ao gato.

II

Madalena perde o ar valentão

Se ao pé de mim vem

Não tem medo do gato nem do cão

Mas, ai de mim tem.

Madalena, os animais não fazem mal a ninguém.

Canções Temáticas

74
74

I

O

meu menino é de oiro

É

de oiro fino

Não façam caso

Que é pequenino.

É de oiro fino Não façam caso Que é pequenino. Bis II O meu menino é

Bis

II

O

meu menino é de oiro

De oiro fagueiro

Hei-de levá-lo

No meu veleiro.

Bisé de oiro De oiro fagueiro Hei-de levá-lo No meu veleiro. III Venham aves do céu

III

Venham aves do céu

Pousar de mansinho

Por sobre os ombros

Do meu menino.

céu Pousar de mansinho Por sobre os ombros Do meu menino. Bis IV Venham, comigo venham

Bis

IV

Venham, comigo venham

Que eu não vou só

Levo o menino

No meu trenó.

venham Que eu não vou só Levo o menino No meu trenó. Bis MENINO DE OIRO

Bis

MENINO DE OIRO

não vou só Levo o menino No meu trenó. Bis MENINO DE OIRO VI Quantos sonhos
não vou só Levo o menino No meu trenó. Bis MENINO DE OIRO VI Quantos sonhos

VI

Quantos sonhos ligeiros

Pra teu sossego

Menino avaro Não tenhas medo.

ligeiros Pra teu sossego Menino avaro Não tenhas medo. Bis VII Onde fores no teu sonho

Bis

VII

Onde fores no teu sonho

Quero ir contigo Menino de oiro
Quero ir contigo
Menino de oiro

Bis

Sou teu amigo.

VIII

Venham altas montanhas

Ventos do mar

Que o meu menino

Nasceu p`ra amar.

montanhas Ventos do mar Que o meu menino Nasceu p`ra amar. Bis XIX Venham, comigo venham

Bis

XIX

Venham, comigo venham

Que eu não vou só

Levo o menino

No meu trenó.

p`ra amar. Bis XIX Venham, comigo venham Que eu não vou só Levo o menino No

Bis

Canções Temáticas

75
75

Refrão

Ó

rama ó que linda rama

Ó

rama da oliveira

O

meu par é o mais lindo

Que anda aqui na roda inteira. Que anda aqui na roda inteira Aqui em qualquer lugar.

I

Eu gosto muito de ouvir Cantar a quem aprendeu, Se houvesse quem me ensinara Quem aprendia era eu.

Ó rama, ó que linda rama

Ó rama do olival.

Refrão

II

Não me inveja de quem tem Carros parelhas e montes, Só me inveja de quem bebe

A água em todas as fontes.

Refrão

Ó RAMA

Carros parelhas e montes, Só me inveja de quem bebe A água em todas as fontes.

Canções Temáticas

76
76

MALMEQUER MENTIROSO

MALMEQUER MENTIROSO I Oh malmequer mentiroso Quem te ensinou a mentir Tu dizes que me quer

I

Oh malmequer mentiroso

Quem te ensinou a mentir

Tu dizes que me quer bem

Quem de mim anda a fugir.

II

Desfolhei um malmequer

Num lindo jardim de Santarém

Malmequer, bem me quer

Muito longe está quem me quer bem.

Malmequer, bem me quer Muito longe está quem me quer bem. III Coitado do malmequer Sem

III

Coitado do malmequer

Sem fazer mal a ninguém

São todos a desfolhá-lo.

Para ver quem lhe quer bem.

IV

Malmequer não é constante

Malmequer muito varia

Vinte folhas dizem morte

Treze dizem alegria

Canções Temáticas

77
77

ESCRAVOS DE JÓ

Escravos de Jó, Jogam cachangá. Tira, põe, deixa ficar. Guerreiros com guerreiros, Fazem zigui, zigui, zag.

Meu almoço, meu almoço, Vou comer, vou comer. P’ra ficar gordinho, P’ra ficar gordinho,

E

E

crescer,

crescer.

ficar gordinho, P’ra ficar gordinho, E E crescer, crescer. MEU ALMOÇO MEU LEITINHO Meu leitinho, meu

MEU ALMOÇO

P’ra ficar gordinho, E E crescer, crescer. MEU ALMOÇO MEU LEITINHO Meu leitinho, meu leitinho Vou

MEU LEITINHO

Meu leitinho, meu leitinho Vou beber, vou beber P’ra ficar fortinho P’ra ficar fortinho

E crescer, e crescer.

leitinho Vou beber, vou beber P’ra ficar fortinho P’ra ficar fortinho E crescer, e crescer. Canções
leitinho Vou beber, vou beber P’ra ficar fortinho P’ra ficar fortinho E crescer, e crescer. Canções

Canções Temáticas

78
78

DE MANHÃ CEDINHO

DE MANHÃ CEDINHO De manhã muito cedinho Bebo o leite bem quentinho Leite só, isso não

De manhã muito cedinho

Bebo o leite bem quentinho

Leite só, isso não

Bebo leite e como pão.

Como pão com manteiguinha

Como pão com queijinho

Limpo a boca bem limpinha

Deixo tudo arrumadinho.

queijinho Limpo a boca bem limpinha Deixo tudo arrumadinho. COME A PAPA Refrão Come a papa,

COME A PAPA

Refrão

Come a papa, Joana come a papa,

Come a papa, Joana come a papa.

I

Um, dois, três, é uma colher de papa,

Quatro, cinco, seis, é uma história de reis,

É uma colher de papa.

seis, é uma história de reis, É uma colher de papa. Refrão II Sete, oito, nove,

Refrão

II

Sete, oito, nove, e ainda nada se resolve,

Dez, onze, doze, dá-se a colher e acabou-se a pose,

É uma colher de papa.

Refrão

Canções Temáticas

79
79

A ani cu uni

A au ani

Au au au Bi ca na Sa ê a

A au ani

Bit si ni

cu uni A au ani Au au au Bi ca na Sa ê a A au

Bis

A NI CUNI

Au au au Bi ca na Sa ê a A au ani Bit si ni Bis
Au au au Bi ca na Sa ê a A au ani Bit si ni Bis

CHEGAR À ESCOLA

Chegando à nossa Escola, Eu canto com alegria, Saúdo os amiguinhos, Eu digo BOM DIA.

Eu canto com alegria, Saúdo os amiguinhos, Eu digo BOM DIA. BOM DIA AMIGUINHOS Bom dia,

BOM DIA AMIGUINHOS

Bom dia, bom dia, amiguinhos Que grande alegria Estarmos juntinhos.

De manhã quando aqui chego Saltitando alegremente Começo por desejar Um bom dia a toda a gente. (Bis)

quando aqui chego Saltitando alegremente Começo por desejar Um bom dia a toda a gente. (Bis)

Canções Temáticas

80
80

Entrando na nossa escola, Cantando com alegria, Saudamos os coleguinhas:

“Bom dia, bom dia.”

Depois ao entrar na sala, Cantamos com alegria, Saudamos os professores:

“Bom dia, bom dia.”

Saindo da nossa escola, Cantamos com alegria, Saudamos os coleguinhas:

“Adeus, até outro dia.”

Depois ao sair da sala, Cantamos com alegria, Saudamos os professores:

“Adeus, até outro dia”

Anãozinho Anãozinho Que trazes no teu saco? Ocus pocus Ocus pocus Plim, plam, plum!

BOM DIA

Anãozinho Que trazes no teu saco? Ocus pocus Ocus pocus Plim, plam, plum! BOM DIA ANÃOZINHO
Anãozinho Que trazes no teu saco? Ocus pocus Ocus pocus Plim, plam, plum! BOM DIA ANÃOZINHO

ANÃOZINHO

Anãozinho Que trazes no teu saco? Ocus pocus Ocus pocus Plim, plam, plum! BOM DIA ANÃOZINHO

Canções Temáticas

81
81

I

Tchim tchim tchim

Os chinesinhos

Andam lá na China

Sempre aos passinhos.

II

Tchim tchim tchim

Os chinesinhos

Não comem com garfos

Mas sim com pauzinhos

III

Tchim tchim tchim

Os chinesinhos

Lá se cumprimentam

Mas sem dar beijinhos.

CHINESINHOS

Lá se cumprimentam Mas sem dar beijinhos. CHINESINHOS FRANCESINHA Eu cá vi passar Uma linda pastorinha

FRANCESINHA

Eu cá vi passar

Uma linda pastorinha

Cabelos cortados à moda francesinha

Vesti o meu capote

Corri atrás dela

Com toda a meiguice chamando por ela:

P’st, p’st oh menina

P´st, p’st olha a gente

Eu sou da marinha

Eu cá sou tenente.

por ela: P’st, p’st oh menina P´st, p’st olha a gente Eu sou da marinha Eu
por ela: P’st, p’st oh menina P´st, p’st olha a gente Eu sou da marinha Eu

Canções Temáticas

82
82

Ainda não comprei Mas eu vou comprar Um lençinho branco P’ro papá usar

BisMas eu vou comprar Um lençinho branco P’ro papá usar Ainda não comprei Mas eu hei-de

Ainda não comprei Mas eu hei-de comprar Um chapéu bonito P’rá maninha usar

Bis

Ainda não comprei Mas eu hei-de comprar Um vestido novo P’rá mamã passear

Ainda não comprei Mas eu hei-de comprar Um sapato branco Para eu calçar

Bis

Bis

AS COMPRAS

Ainda não comprei Mas eu hei-de comprar Um sapato branco Para eu calçar Bis Bis AS
Ainda não comprei Mas eu hei-de comprar Um sapato branco Para eu calçar Bis Bis AS

Canções Temáticas

83
83
MINHA MÃE MANDOU-ME À LOJA I Minha mãe mandou-me à loja Comprar um tostão de

MINHA MÃE MANDOU-ME À LOJA

I

Minha mãe mandou-me à loja

Comprar um tostão de vinho

É de noite faz-se escuro

Tenho medo do caminho

de vinho É de noite faz-se escuro Tenho medo do caminho Bis Refrão Bis Ai, li,

Bis

de vinho É de noite faz-se escuro Tenho medo do caminho Bis Refrão Bis Ai, li,

Refrão

Bis

de noite faz-se escuro Tenho medo do caminho Bis Refrão Bis Ai, li, ai, li ai

Ai, li, ai, li ai li

O, la, ré, pum, pum

Ai li ai li ai li

Toma lá dá cá

Toma lá este raminho

Que tão bem te ficará

lá dá cá Toma lá este raminho Que tão bem te ficará Bis II Minha mãe

Bis

II

Minha mãe mandou-me à loja

Comprar um tostão de pão

É de noite faz-se escuro

Tenho medo do papão.

de pão É de noite faz-se escuro Tenho medo do papão. Bis Refrão III Minha mãe

Bisde pão É de noite faz-se escuro Tenho medo do papão. Refrão III Minha mãe mandou-me

Refrão

III

Minha mãe mandou-me à loja

Comprar um tostão de café

É de noite faz-se escuro

Tenho medo de ir a pé.

à loja Comprar um tostão de café É de noite faz-se escuro Tenho medo de ir

Bis

à loja Comprar um tostão de café É de noite faz-se escuro Tenho medo de ir

Bis

Bis

Canções Temáticas

84
84

PINTAR É DIVERTIDO

Com as cores Pinto magia

Bonecos, palhaços

E muita alegria.

BisCom as cores Pinto magia Bonecos, palhaços E muita alegria. Vermelho, amarelo Cores de Verão Pinto

Vermelho, amarelo Cores de Verão Pinto o sol

E o coração.

Vermelho, amarelo Cores de Verão Pinto o sol E o coração. Bis O azul no céu

Bis

O azul no céu

Na água do mar Branca é a neve Na serra a brilhar.

Bisno céu Na água do mar Branca é a neve Na serra a brilhar. Pintando assim

Pintando assim

É tão divertido

Fazer o mundo Mais colorido.

a neve Na serra a brilhar. Bis Pintando assim É tão divertido Fazer o mundo Mais

Bis

a neve Na serra a brilhar. Bis Pintando assim É tão divertido Fazer o mundo Mais
a neve Na serra a brilhar. Bis Pintando assim É tão divertido Fazer o mundo Mais

Canções Temáticas

85
85

CAIXINHA DE CORES

I

Tenho uma caixinha

Com lápis de cores

Vou pintar o mar

O sol e as flores.

Refrão

O sol é vermelho

Azul é o mar

Verdinha é a folha

Ao vento a dançar. (Bis)

II

Com amarelo

Vou pintar a lua

Com o preto e branco

As pedras da rua. (Bis)

Refrão

III

Vou pintar com roxo

Um baguinho d’ uva

Com azul clarinho

Vou pintar a chuva. (Bis)

Refrão

IV

Se eu quiser eu pinto

A noite e o vento

Sete são as cores

E as outras mais invento. (Bis)

IV Se eu quiser eu pinto A noite e o vento Sete são as cores E
IV Se eu quiser eu pinto A noite e o vento Sete são as cores E

Canções Temáticas

86
86

Lá estava a Amélia no corredor Tão pequenina a tocar tambor.

Lá estava a Amélia na chaminé Tão pequenina a tomar café.

Lá estava a Amélia no buraquinho Tão pequenina a fazer caldinho.

Lá estava a Amélia no arvoredo Tão pequenina cheia de medo.

Lá estava a Amélia no campo só Tão pequenina metia dó.

Lá estava a Amélia à beira do rio Tão pequenina cheia de frio.

Ó Júlia, ó Júlia, ó Júlia!

Que é, que é, que é. Se queres dançar oh Júlia, Tens de pôr aqui o pé.

Ó Júlia, ó Júlia, ó Júlia!

Que é, que é, que é. Quebraste a caneca, Já não bebes mais café.

A AMÉLIA

Júlia! Que é, que é, que é. Quebraste a caneca, Já não bebes mais café. A

Ó JÚLIA

Júlia! Que é, que é, que é. Quebraste a caneca, Já não bebes mais café. A
Júlia! Que é, que é, que é. Quebraste a caneca, Já não bebes mais café. A

Canções Temáticas

87
87

OS OLHOS DA MARIANITA

I

Os olhos da Marianita

São verdes cor do limão

Ai sim Marianita ai sim

Ai não Marianita ai não.

II

Os olhos da Marianita

São negros cor do carvão

Ai sim Marianita ai sim

Ai não Marianita ai não.

III

Os olhos da Marianita

Tenho os aqui na minha mão

Ai sim Marianita ai sim

Ai não Marianita ai não.

mão Ai sim Marianita ai sim Ai não Marianita ai não. SE VOCÊ ESTÁ FELIZ Se
mão Ai sim Marianita ai sim Ai não Marianita ai não. SE VOCÊ ESTÁ FELIZ Se

SE VOCÊ ESTÁ FELIZ

Se você está feliz bata as palmas

Se você está feliz bata as palmas

Se você está feliz e nos quer

Bata as palmas duas vezes a seguir.

Se você está feliz dê beijinhos

Se você está feliz dê beijinhos

Se você está feliz e nos quer

Dê beijinhos duas vezes a seguir.

está feliz e nos quer Dê beijinhos duas vezes a seguir. Nota: Repete cantando por exemplo,

Nota: Repete cantando por exemplo, estala os dedos, estala a língua, mexe os pés, etc….

Canções Temáticas

88
88

AO PASSAR O RIBEIRINHO

AO PASSAR O RIBEIRINHO I Ao passar o ribeirinho, Pus o pé, molhei a meia (Bis

I

Ao passar o ribeirinho,

Pus o pé, molhei a meia (Bis – 3 vezes)

Não casei na minha terra,

Fui casar à terra alheia. (Bis – 3 vezes).

minha terra, Fui casar à terra alheia. (Bis – 3 vezes). II Ao passar o ribeirinho,

II

Ao passar o ribeirinho,

Água sobe, água desce (Bis – 3 vezes)

Dei a mão ao meu amor

Antes que alguém soubesse. (Bis – 3 vezes)

III

Passei um dia em Lisboa

Estava tudo à janela (Bis – 3 vezes)

Parece que nunca viram

Gente de fora da terra. (Bis – 3 vezes)

O PRETINHO BARNABÉ

O

pretinho Barnabé, tiro-liro-liro,

O

pretinho Barnabé, tiro-liro-lé.

A

saltar quebrou um pé, tiro-liro-liro,

A

saltar quebrou um pé, tiro-liro-lé.

Salta agora só num pé tiro-liro-liro,

Salta agora só num pé, tiro-liro-lé.

tiro-liro-lé. Salta agora só num pé tiro-liro-liro, Salta agora só num pé, tiro-liro-lé. Canções Temáticas 89

Canções Temáticas

89
89

MARCHA SOLDADO

Refrão

Marcha soldado, cabeça de papel Se não marchares direito Vais preso p’ro quartel

E