Você está na página 1de 4

Como Posso Tornar-me a Mulher que Sempre Quis Ser?

Presidente Gordon B. Hinckley

"[Vocês] são filhas do Todo-Poderoso. Ilimitado é o seu potencial. Magnífico é o seu futuro, se
assumirem o controle dele."

Agradeço a vocês pela belíssima música. Agradeço suas orações; agradeço sua fé; agradeço por tudo o
que vocês são. Jovens da Igreja, muito obrigado. Obrigado a vocês; irmã Nadauld, irmã Thomas e irmã
Larsen pelos discursos maravilhosos que proferiram esta noite.
Que maravilhoso é ver vocês neste Centro de Conferências esta noite. Outras centenas de milhares
acham-se reunidas em todo o mundo e irão ouvir-nos em mais de vinte idiomas. Os discursos serão
traduzidos para sua língua nativa.
É uma enorme responsabilidade falar a vocês. E, ao mesmo tempo, uma grande oportunidade. Oro para
que tenha a direção do Espírito, o Espírito Santo, sobre o qual ouvimos muitas coisas esta noite.
Apesar das diversas nacionalidades, vocês são todas, parte de uma grande família. São filhas de Deus.
São membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Por serem jovens, falam a respeito
do futuro, que é cheio de promessas. Falam de esperança, fé e realização. Falam de bondade, amor e paz.
Falam de um mundo melhor que nunca conhecemos.
São criaturas da divindade, pois são filhas do Todo-Poderoso. Ilimitado é o seu potencial. Magnífico é o
seu futuro, se assumirem o controle dele. Não permitam que sua vida corra sem rumo e sem sentido.
Outro dia, alguém deu-me uma cópia do meu anuário da escola secundária. Parece que quando as
pessoas não querem mais seus livros velhos, enviam-nos a mim. Passei uma hora olhando, página por
página, as fotos dos meus amigos de classe em 1928, há 73 anos.
A maior parte dos que se encontram naquele anuário já faleceu. Alguns parecem ter levado uma vida sem
propósito. Outros tiveram grandes realizações.
Olhei para o rosto dos meninos que foram meus amigos e conhecidos meus. Eles eram jovens,
inteligentes e ágeis. Os que permanecem vivos estão agora enrugados e são lentos ao caminhar. Sua vida
ainda tem sentido, mas não são tão importantes como no passado. Observei o rosto das garotas que
conhecia naquele anuário. Muitas delas já faleceram e o restante vive nas sombras da vida. Mas ainda
são lindas e fascinantes.
Lembro daqueles rapazes e moças de minha juventude. De modo geral, formávamos um grupo bem
alegre. Apreciávamos a vida. Creio que éramos ambiciosos. A Grande Depressão econômica que varreu
a Terra só aconteceria no ano seguinte. O ano de 1928 foi uma época de grandes esperanças e de sonhos
esplêndidos.
Em nossos momentos mais calmos, somos todos sonhadores. Os rapazes sonham com montanhas a
serem escaladas e com carreiras a serem seguidas. As meninas sonham em ser como sua mãe.
Ao pensar nisso, concluí que o título do meu discurso para esta noite seria: Como Posso Tornar-me a
Mulher que Sempre Quis Ser?
Meses atrás falei a vocês e aos rapazes da Igreja. Sugeri que devem fazer seis "lições de casa". Acham
que poderíamos mencioná-las juntos? Vamos tentar. Sejam Gratos, Sejam Inteligentes, Sejam Puros,
Sejam Fiéis, Sejam Humildes, Orem Sempre.
Não tenho a menor dúvida de que esses padrões de comportamento resultarão em sucesso, felicidade e
paz. Recomendo-os a vocês novamente, com a promessa de que se os seguirem, sua vida produzirá
ótimos frutos. Acredito que serão bem-sucedidos em seus esforços. Ao envelhecerem, creio que olharão
para trás com gratidão pela forma como decidiram viver.
Esta noite, ao falar a vocês, moças, mencionarei algumas dessas mesmas coisas sem repetir a mesma
linguagem. Elas são dignas de repetição e recomendo-as a vocês novamente.
No anuário de que falei, encontra-se a foto de uma jovem. Ela era inteligente, ativa e muito bonita. Todos
a conheciam. A vida para ela poderia resumir-se em uma só palavra--diversão. Saía com os rapazes e
passava a vida dançando e divertindo-se, estudando um pouco, mas não muito, apenas o suficiente para
que se formasse. Casou-se com um rapaz muito parecido com ela. O álcool passou a dominar sua vida.
Não conseguia abandonar o vício. Tornou-se escrava dele. Seu corpo sucumbiu a suas amarras
traiçoeiras. Lamentavelmente sua vida desvaneceu-se sem qualquer realização.
Há uma foto de outra jovem naquele anuário. Não era particularmente linda, mas tinha uma aparência
saudável e virtuosa, com um brilho nos olhos e um sorriso estampado no rosto. Ela sabia por que estava
na escola: estava lá para aprender. Sonhava com o tipo de mulher que queria tornar-se e moldou sua vida
de acordo com esse sonho.
Também sabia divertir-se, mas sabia quando parar e como voltar sua mente para outras coisas.
Na época, havia na escola um rapaz, que viera de uma cidadezinha do interior e tinha bem pouco
dinheiro. Trazia seu almoço em um saco de papel e lembrava um pouco a fazenda de onde viera. Não
havia nada de especialmente bonito ou de atraente nele. Era um bom aluno e tinha uma meta, que era
muito elevada e, por vezes, parecia quase impossível alcançar.
Os dois se apaixonaram. As pessoas diziam: " O que ele vê nela?" Ou, "O que ela vê nele?" Cada um
deles viu no outro algo maravilhoso que ninguém mais havia visto.
Casaram-se logo depois de se formarem na universidade. Economizaram o mais que puderam e
trabalharam. O dinheiro era escasso. Ele começou a fazer pós-graduação, e ela continuou a trabalhar por
mais algum tempo; então os filhos começaram a chegar. A atenção dela voltou-se para eles.
Poucos anos atrás, estava em um avião vindo do leste dos Estados Unidos. Era tarde da noite, e comecei
a caminhar pelo corredor do avião na penumbra. Vi uma mulher que dormia com a cabeça no ombro do
marido. Ela acordou quando me aproximei. Reconheci imediatamente a garota que conhecera na escola
secundária há tanto tempo. Reconheci também o rapaz. Estavam envelhecendo. Ao conversarmos, ela
explicou que os filhos haviam crescido e que eram avós. Com orgulho, contou-me que estavam voltando
do leste onde ele fora dar uma palestra acadêmica. Ele fora homenageado por seus colegas de profissão
de todo o país em uma grande convenção.
Fiquei sabendo que eram ativos na Igreja, servindo em todos os cargos a que eram chamados. Eram bem-
sucedidos, sob todos os aspectos. Haviam realizado as metas que estabeleceram para si próprios. Eram
admirados e respeitados e haviam feito uma importante contribuição à sociedade da qual faziam parte.
Ela tornara-se a mulher que sonhara. Havia até mesmo excedido o sonho.
Voltei para o meu lugar no avião, pensei nas duas jovens de quem falei esta noite. A vida dela se resumia
a uma palavra de oito letras D-I-V-E-R-S-Ã-O. Ela vivera sem propósito, sem estabilidade, sem uma
contribuição à sociedade, sem ambição. Terminou em sofrimento, dor e morte prematura.
A vida da outra fora difícil. Significara muita economia. Significara trabalho e esforço para ir em frente.
Significara alimentação simples, roupas comuns e um apartamento muito humilde nos anos em que o
marido se esforçava para iniciar o trabalho em sua profissão. Mas, do que parecera ser um terreno estéril,
uma planta havia crescido, sim duas plantas, lado a lado, que brotaram e floriram de maneira linda e
maravilhosa.
Esses lindos brotos falavam de serviço ao semelhante, de altruísmo um para com o outro, de amor,
respeito e fé no companheiro, de felicidade ao atenderem as necessidades dos outros nas diversas
atividades que seguiam.
Ao ponderar a conversa com aqueles dois, determinei-me a ser um pouco melhor, a ser um pouco mais
dedicado, a estabelecer metas mais elevadas, a amar um pouco mais minha esposa, a ajudá-la, a apreciá-
la e a cuidar mais dela.
Então, minhas queridas jovens amigas, esta noite, tenho o sincero desejo de dizer-lhes algo muito
importante, que as ajudará a tornarem-se a mulher que idealizam ser.
Para começar, deve haver pureza, porque a imoralidade arruinará sua vida e deixará uma cicatriz que
nunca desaparecerá totalmente. É necessário que haja um propósito em sua vida. Estamos aqui para
realizar algo, para abençoar a sociedade com nossos talentos e nosso aprendizado. Pode haver diversão,
sim. Mas deve haver a admissão do fato de que a vida é séria, que os riscos são grandes, mas que vocês
podem sobrepujá-los caso se disciplinem e busquem a força inesgotável do Senhor.
Em primeiro lugar, deixem-me assegurar-lhes de que se houver um erro, se estiverem envolvidas em um
comportamento imoral, nem tudo está perdido. A recordação do erro provavelmente permanecerá, mas o
feito poderá ser perdoado e poderão deixar o passado para trás para viverem uma vida totalmente
aceitável para o Senhor, se houver arrependimento. Ele prometeu que perdoará seus pecados e não Se
lembrará mais deles. (Ver D&C 58:42.)
Ele preparou com pais e líderes um plano que as ajudará em suas dificuldades. Podem deixar para trás
quaisquer pecados em que estiverem envolvidas. Podem seguir adiante com uma esperança e aceitação
renovadas para um modo de vida muito melhor.
Mas permanecerão cicatrizes. A melhor forma, a única forma para vocês é evitar qualquer armadilha do
mal. O Presidente George Albert Smith costumava dizer: "Fiquem do lado da linha em que está o
Senhor". (Sharing the Gospel with Others, selecionado por Preston Nibley [1948], p. 42) Dentro de
vocês existem instintos poderosos e terrivelmente persuasivos, instando-as a ceder e experimentar uma
pequena aventura. Não o façam. Não podem fazê-lo. Vocês são filhas de Deus com um enorme
potencial. Ele tem grandes expectativas para vocês como para outros. Não podem baixar a guarda nem
por um minuto sequer. Não podem entregar-se a um impulso. Deve haver disciplina, força e firmeza.
Fujam da tentação, como José fugiu dos artifícios da mulher de Potifar.
Não há nada em todo este mundo tão magnificente quanto a virtude. Ela brilha infinitamente. É linda e
preciosa. É inestimável. Não pode ser comprada nem vendida. É o fruto do autodomínio.
Vocês moças passam muito tempo pensando nos rapazes. Podem divertir-se com eles, mas nunca
atravessem a linha da virtude. Qualquer rapaz que convide, incentive, ou exija que vocês se envolvam
em qualquer comportamento sexual é indigno de sua companhia. Tire-o de sua vida antes que tanto a sua
vida quanto a dele seja arruinada. Se puderem se disciplinar, ficarão agradecidas enquanto viverem. A
maioria de vocês irá casar-se e seu casamento será muito mais feliz devido ao auto- controle que tiveram
enquanto eram jovens. Serão dignas de irem à Casa do Senhor. Não existe substituto adequado para essa
bênção maravilhosa. O Senhor deu um mandamento divino. Ele disse: "Que a virtude adorne teus
pensamentos incessantemente". (D&C 121:45) Esse se torna um mandamento a ser seguido com
diligência e disciplina. E está ligado à promessa de bênçãos incríveis e maravilhosas. Ele disse para as
pessoas que vivem virtuosamente:
"Então tua confiança se fortalecerá na presença de Deus. ( . . . )
"O Espírito Santo" -- de que falamos esta noite -- "será teu companheiro constante, e teu cetro, um cetro
imutável de retidão e verdade; e teu domínio será um domínio eterno e, sem ser compelido, fluirá para ti
eternamente." (D&C 121: 45–46)
Poderia haver uma promessa maior ou mais bela que essa?
Encontrem um propósito para a sua vida. Escolham as coisas que gostariam de fazer e eduquem-se para
serem mais eficazes em sua busca. Para a maioria é muito difícil decidirem-se por uma vocação. Vocês
têm esperança de que se casarão e que tudo dará certo. Atualmente, uma jovem precisa estudar. Ela
precisa ter meios de sustentar-se caso venha deparar-se com uma situação em que isso seja necessário.
Estudem suas opções. Ore ao Senhor sinceramente pedindo orientação. Então siga seu caminho com
determinação.
Todas as oportunidades de desenvolvimento estão abertas agora às mulheres. Não há nada que não
possam fazer se estiverem decididas. Podem incluir em seu sonho o tipo de mulher que querem tornar-se,
o retrato de uma pessoa qualificada para servir a sociedade e fazer uma contribuição significativa para o
mundo de que fará parte.
Outro dia, passei algumas horas no hospital. Aproveitei para conversar com minha enfermeira que era,
por sinal, muito animada e eficiente. Ela é o tipo de mulher cujo exemplo vocês, jovens, poderiam seguir.
Quando era jovem decidiu que queria ser enfermeira. Estudou tudo o que era exigido para atingir o nível
mais elevado da profissão. Exerceu sua profissão e tornou-se especialista nela. Casou-se e teve três
filhos. Agora trabalha quando e o quanto quer. Há tanta procura por pessoas com suas habilidades que
ela pode fazer quase tudo o que quiser. Ela serve na Igreja. Tem um bom casamento e uma vida estável.
É o tipo de mulher cujo exemplo pode ser seguido.
O céu é o limite para vocês, minhas queridas jovens amigas. Podem ser excelentes de todas as formas.
Podem ser as melhores. Não há necessidade de serem inferiores. Respeitem-se. Não sintam pena de si
mesmas. Não se preocupem com comentários cruéis que outros possam fazer de vocês. Não prestem
atenção especialmente ao que algum rapaz possa dizer para humilhá-la. Ele não é melhor do que vocês.
De fato, ele mesmo tornou-se inferior devido às suas ações. Melhore e aperfeiçoe os talentos que o
Senhor lhes deu. Sigam adiante com um brilho nos olhos e um sorriso no rosto, mas com um propósito
firme e grandioso no coração. Tenham amor à vida, procurem as oportunidades que ela oferece sejam
sempre fiéis para com a Igreja.
Jamais se esqueçam de que vieram à Terra como filhas do Pai divino, com um pouco de divindade em
sua personalidade. O Senhor não as enviou aqui para fracassarem. Ele não lhes deu a vida para a
desperdiçarem. Ele deu a vocês o dom da mortalidade para que adquiram experiências -- boas,
maravilhosas e significativas --que as levarão para a vida eterna. Ele deu a vocês esta gloriosa Igreja, a
Sua Igreja, para guiar e orientar; ensinar e encorajar cada uma de vocês; dar-lhes oportunidades para
crescer e adquirir experiência; abençoá-las com o casamento eterno e estabelecer com cada uma um
convênio que as farão Suas filhas especiais, a quem Ele olhará com amor e desejo de ajudar. Que Deus
derrame numerosas e grandiosas bênçãos sobre vocês, minhas jovens queridas, filhas maravilhosas do
Pai Celestial.
Naturalmente encontrarão problemas ao longo do caminho. Haverá dificuldades a serem sobrepujadas.
Mas elas não durarão para sempre. Ele não esquecerá de vocês.

Se da vida as vagas procelosas são


Se com desalento julgas tudo vão
Conta as muitas bênçãos, dize-as de uma vez
E verás surpreso quanto Deus já fez ( . . . )
Quando defrontares os conflitos teus,
Não te desanimes, mas espera em Deus
Seu divino auxílio minorando o mal
Te dará consolo sempre até o final.
("Conta as Bênçãos", Hinos, nº 57)
Vejam o lado positivo das coisas. Saibam que Ele as está protegendo e que Ele ouve suas orações e as
responderá, que Ele as ama e manifestará esse amor a vocês. Esforçem-se para tornarem-se o tipo de
mulher ideal. Vocês conseguirão. Vocês têm amigos e entes queridos que irão ajudá-las. E Deus irá
abençoá-las ao buscarem seu caminho. Esta é minha promessa e humilde oração por vocês. Em nome do
Senhor Jesus Cristo. Amém.