Você está na página 1de 1

PROVA DISCURSIVA

Nesta prova que vale cinco pontos , faa o que se pede, usando a pgina correspondente do presente caderno para
rascunho. Em seguida, transcreva o texto para a folha de TEXTO DEFINITIVO, no local apropriado, pois no sero avaliados
fragmentos de texto escritos em locais indevidos.
Qualquer fragmento de texto alm da extenso mxima de trinta linhas ser desconsiderado.

ATENO! Na folha de texto definitivo, identifique-se apenas no cabealho, pois no ser avaliado texto que tenha qualquer
assinatura ou marca identificadora fora do local apropriado.

O sistema de inteligncia artificial criado por brasileiros para o Conselho de Segurana da


Organizao das Naes Unidas (ONU) chamado de Olimpo foi selecionado em um universo de
762 outros trabalhos, de todas as partes do mundo, pelo comit cientfico da 5. Conferncia
Internacional de Sistemas de Informao de Empresas.
A metodologia empregada chama-se Pesquisa Contextual Estruturada e usa um sistema de
extrao de informao de textos combinado com a tcnica de inteligncia artificial conhecida como
raciocnio baseado em casos (RBC). Permite fazer buscas rpidas em textos de documentos com base
no conhecimento e no apenas em palavras-chave.
Isso quer dizer que, mesmo que o documento no contenha a palavra digitada na pergunta feita
pelo usurio, a busca ser feita, com base no conceito contido naquela palavra ou em idias
semelhantes a ela.
De acordo com Hugo Hoeschl, coordenador do trabalho, estratgico o Brasil ser detentor
de uma tecnologia to forte, com denso reconhecimento internacional, desenvolvida especialmente para
ser aplicada em segurana. Por sua rapidez e preciso, o sistema de busca importante para todos
os organismos da ONU e fornecer significativos benefcios para a soluo de conflitos internacionais.
Liana John. Internet: <http://www.estadao.com.br/ciencia/noticias/2003/jan/07/79.htm> (com adaptaes).

A origem remota da Atividade de Inteligncia no Brasil, outrora denominada Atividade de


Informaes, ocorreu com o advento do Conselho de Defesa Nacional, mediante o Decreto n. 17.999,
de 29 de novembro de 1927. Esse Conselho, constitudo pelo presidente da Repblica e pelos ministros
de Estado, tinha por destinao, entre outras, a tarefa de coordenar a produo de conhecimentos
sobre questes de ordem financeira, econmica, blica e moral referentes defesa da Ptria. Como
fica claro na misso, interessava ao governo a produo de informaes com finalidade precpua de
defender a Ptria, isto , informaes vinculadas a interesses estratgicos de segurana do Estado.
Internet: <http://www.abin.gov.br/abin/historico.jsp>.

Considerando que as idias apresentadas nos textos acima tm carter unicamente motivador, redija um texto dissertativo,
posicionando-se acerca do seguinte tema.

A informao como fator estratgico de segurana

UnB / CESPE ABIN Concurso Pblico Aplicao: 19/9/2004

Cargo: Analista de Informaes Cdigo 11

permitida a reproduo apenas para fins didticos, desde que citada a fonte.

10

Você também pode gostar