Você está na página 1de 2
C–Esquema de montagem para sistema de elevação do equipamento 250 mm 2000 mm Chaminé 100
C–Esquema de montagem para sistema
de elevação do equipamento
250 mm
2000 mm
Chaminé
100 Kg
Parâmetros analisados
❊ Caudal
❊ Óxidos de Azoto
❊ Humidade
❊ Metais
❊ Massa
❊ Sulfureto de
molecular
Hidrogénio
❊ Partículas
❊ COV Totais
❊ Dióxido de
❊ COVNM
Enxofre
❊ Especiação de
❊ Fluoretos
Compostos
Orgânicos
❊ Cloretos
Voláteis
❊ Monóxido de
❊ Dióxinas e
Carbono
Furanos
❊ Formaldeído
❊ Outros
parâmetros
❊ PAH´s

Informação Útil

Legislação

Decreto-Lei n.º 78/2004 de 3 de Abril

Consagra a reforma das normas vigentes em matéria de emissões e institui um novo regime legal de protecção e controlo da poluição atmosférica.

Portaria n.º 286/1993 de 12 Março

Estabelece os valores limite de emissão das fontes fixas.

Portaria n.º 80/2006 de 12 Março

Estabelece um regime de monitorização diferenciado em função do caudal mássico dos poluentes.

Portaria n.º 1058/1994 de 2 de Dezembro

Estabelece os valores limite de emissão para instalações de co-geração.

Portaria n.º 263/2005 de 17 de Março

Define condições de descarga de poluentes para a atmosfera e fixa requisitos para o dimensionamento de chaminés.

Norma Portuguesa NP-2167/2007

Emissões de fontes fixas. Secção de amostragem e plataforma para chaminé ou conduta circular de eixo vertical.

Decreto-Lei n.º85/2005 de 23 Janeiro

Estabelece

o

regime

a

que

fica

sujeita

a

incineração e co-incineração de resíduos.

IDAD - Instituto do Ambiente e Desenvolvimento Campus Universitário 3810-193 AVEIRO – Portugal Tel: 234

IDAD - Instituto do Ambiente e Desenvolvimento Campus Universitário 3810-193 AVEIRO – Portugal

Tel: 234 400800 Fax: 234 382876 E-mail: sec@idad.ua.pt

Caracterização de Efluentes Gasosos

Montagem do equipamento

de Efluentes Gasosos Montagem do equipamento ∑ Local de amostragem em fontes fixas ∑ Esquema de

Local de amostragem em fontes fixas

Esquema de montagem da plataforma

Esquema de montagem da sonda

Informação útil

Condições a que deve obedecer o local de amostragem em fontes fixas

Situar-se a uma distância a juzante de qualquer perturbação (curva, expansão,

igual ou superior a cinco

vezes o diâmetro interno de conduta (d1 no

contracção, etc

)

esquema).

Situar-se a uma distância a montante de qualquer perturbação igual ou superior a duas vezes o diâmetro interior da conduta ou cinco vezes no caso do topo de uma chaminé (d2 no esquema).

Saída para a atmosfera d2 Secção de Conduta amostragem Chaminé d1
Saída para a
atmosfera
d2
Secção de
Conduta
amostragem
Chaminé
d1

A-Esquema de montagem da sonda sem calha

Orifício de

Unidade de

amostragem Sonda 410 mm Chaminé 700 a 900 mm
amostragem
Sonda
410 mm
Chaminé
700 a
900 mm
de amostragem Sonda 410 mm Chaminé 700 a 900 mm Plataforma de apoio dos técnicos Plataforma

Plataforma de apoio dos técnicos

Plataforma para apoio do equipamento com as seguintes caracteristicas:

- comprimento igual ou superior a 2600 mm;

- largura igual ou superior a 600 mm;

- capacidade para suportar ~ 50 kg de equipamento;

Vista de topo

Orificio de amostragem

≥≥≥≥ 2600 mm Chaminé Plataforma para o equipamento ≥≥≥≥ 600 mm Plataforma de apoio dos
≥≥≥≥ 2600 mm
Chaminé
Plataforma para o equipamento
≥≥≥≥ 600 mm
Plataforma de apoio dos técnicos
≥≥≥≥ 250 mm

Plataforma de apoio de técnicos com as

seguintes caracteristicas:

B-Esquema de montagem da sonda com calha e apoios necessários

Argola para fixar cabo à chaminé

3 parafusos fixos à chaminé 1200 mm Calha 350 mm Chaminé 500 mm Sonda 1500
3 parafusos fixos
à chaminé
1200 mm
Calha
350 mm
Chaminé
500 mm
Sonda
1500 mm
Unidade de
1000 mm
amostragem

Plataforma com capacidade para suportar no mínimo duas pessoas e ~ 50 kg de equipamento, com barras laterais de protecção

96 mm

Argola para fixar cabo de aço 1200 mm 3 parafusos de 10 mm 48 mm
Argola para fixar
cabo de aço
1200 mm
3 parafusos de 10 mm
48 mm
350 mm
Plataforma de apoio
dos técnicos
Orifício de 100 mm
1500 mm