Você está na página 1de 37

NOTAS

Os valores aqui apresentados são meramente indicativos e não dizem respeito à realidade

Quando estiverem a preencher os dados verifiquem a coerência. Pr ex: se a costa é lodosa não lhe
podem indicar espécies dunares. Caso a costa não seja rochosa não precisam preencher na coluna de
caracterização de costa rochosa. Pode acontecer que a costa seja indicada como rochosa e encontrem
uam situação mista, isto é, costa e arenosa. Neste caso, usem o bom senso.
A. INFORMAÇÃO SOBRE O LOCAL E SOBRE QUEM PREENCHE O QUESTIONÁRIO

A. 1 A. 2 A. 3
Nome da Unidade Identificação do participante/esco

País NUT Bloco Unidade Nome no mapa Nome do local Nome


12 171 11 1 Carcavelos Ponta do Carneiro EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 2 Carcavelos Praia da Parede EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 3 Carcavelos Hospital da Parede EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 4 Carcavelos Ponta de Rana EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 5 Carcavelos Praia de Carcavelos EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 6 Carcavelos Praia de Carcavelos EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 7 Carcavelos Bairro da Torre EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 8 Carcavelos Forte de S. Julião EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 9 Carcavelos Feitoria EB2,3 Roque Gameiro
12 171 11 10 Carcavelos Praia da Laje EB2,3 Roque Gameiro
A. 3 A. 4 A. 5 A
Identificação do participante/escola/associação Data Inquérito Conhecimento do local Unidade em área co

Morada e-mail Telemóvel dia/mês/ano Bom Regular 1ª visita Não Desc.


Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 1 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 2
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 2 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 3 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 3
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 3
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 2 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 2 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 2 1
Avenida da Aviação Portuguesa Portuguesa, 2720-059
AMADORA info@eb23-roque-gameiro.rcts.pt 2/2/2010 1 1
A. 6 A. 7
Unidade em área com designação especial Acesso à unidade
Sim VM Pé Inacessív interdi
1 2 3 4 5 6 7 1 2 el 3 to 4
2
3 2
2
2
3 2
3 2
2
2
2
2
B. ANÁLISE GERAL DA UNIDADE

A. 1 Caracterização do tipo de costa: ROCHOS


1.1. - Rochosa Altura da arriba Inclinação da arriba
>20m 5 a 20m < 5m >45º 20º a 45º

sim=1 Não=2 Forte a


Abrupta 1 Moderada
ALTA MÉDIA BAIXA 2
País NUT Bloco Unidade 1 2 3
12 171 11 1 2
12 171 11 2 2
12 171 11 3 2
12 171 11 4 2
12 171 11 5 2
12 171 11 6 2
12 171 11 7 2
12 171 11 8 2
12 171 11 9 2
12 171 11 10 2
B. 1
ção do tipo de costa: ROCHOSA Caracterização do tipo de costa: NÃ
clinação da arriba Sedimentos grosseiros na base arriba Tipo sedimento d
Não rochosa
< 20º dimensão grau de rolamento Lodoso Arenoso

Moderada Sim = Não Areias


1 =2 sim = Não Sim Não = Sim = Não finas =1
a Suave 1 2 3 1 2 3
1 =2 =1 2 1 =2
3
1 1 1
1 1
1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1
ização do tipo de costa: NÃO ROCHOSA
dimensão das areias Tipo de Formação Tipo de descarg
Grau de rolamento Praia Duna Drenagem Natural
Areias Areias mto
médias= grosseiras = Rolados Pouco Angulosos = não
Com sem
2 3 rolados sim =1 vegetação vegetação N1 = 1
=1 3 =2
=2 1 2
1
2 1
2 1
1
1
1
1 1
1 1
1 1
1 1
Descarga A
Tipo de descarga Dimensão da entrada
Drenagem Natural Drenagem artificial Linha de água/vala Tubo/conduto Surgência/escorrência

N2 = 2 A1=3 A2=4 A3=5 1 2 3 4 5 6 7 8

5
3

3 1

1
1
1
3
A
Tipo de descarga
Sinais Cor Vestigios Drenagem Natural
Mau Peixe Despejo Esgoto Valor
vida na alterada/ óleo ou
cheiro morto de lixo doméstico/ nitratos
água espuma derivados
10 12 13 industrial 14 mg/l
9 11 15

N1 =1 N2=2
100
0

10 13 50

9
Descarga B
Tipo de descarga Dimensão da entrada
Drenagem artificial Linha de água/vala Tubo/conduto Surgência/escorrência

A1=3 A2=4 A3=5 1 2 3 4 5 6 7

5 1
B2 - Caracterização das Descargas Líquidas no Mar
B
Tipo de descarga
Esgoto Vestigi Drenagem Natural
Surgência/escorrência Cor
Sinais Mau Peixe Despejo doméstic os óleo Valor
alterada/
vida na cheiro morto de lixo o/ ou nitratos
espuma
água 9 10 12 13 industrial derivad mg/l
11
14 os 15
8 N1 N2

9 11
scargas Líquidas no Mar
Descarga C
Tipo de descarga Dimensão da entrada
Drenagem artificial Linha de água/vala Tubo/conduto Surgência/escorrência Sinais
Mau
vida na
cheiro
água
X= 10
X= 9

A1 A2 A3 1 2 3 4 5 6 7 8
Tipo de descarga
Cor Esgoto Vestigios Drenagem Natural Drenagem artificial
Peixe Despejo Valor
alterada/ doméstico/ óleo ou
morto de lixo nitratos
espuma industrial derivados
X= 12 X= 13 mg/l
X=11 X= 14 X=15

N1 =1 N2=2 A1=3 A2=4


Descarga D
carga Dimensão da entrada
renagem artificial Linha de água/vala Tubo/conduto Surgência/escorrência Sinais
vida na
água 9

A3=5 1 2 3 4 5 6 7 8

5 1 9
Esgoto Vestigi Nº total
Cor descargas
Mau Peixe Despejo doméstic os óleo Valor
alterada/
cheiro morto de lixo o/ ou nitratos líquidas na
espuma
10
11
12 13 industrial derivad mg/l unidade
14 os 15

1
1
0
11 2
0
0
1
1
1
1
C. ZONA SUPRATIDAL

C. 1 C2

A. 1 Largura Indique o tipo de coberto na ZONA SUPRATIDAL

Canas/
0-1m = 2-5m 6-50m > 51m Areia Outra
País NUT Bloco Unidade Juncos vegetação =3
1 =2 =3 =4 =1
=2
12 171 11 1 3 1
12 171 11 2 2 1
12 171 11 3 3 1
12 171 11 4 2 3
12 171 11 5 1
12 171 11 6 2 1
12 171 11 7 2
12 171 11 8 2 1
12 171 11 9 2 1 3
12 171 11 10 4 1 3
C2 C3

coberto na ZONA SUPRATIDAL (até 5 opções) Principais re


Principais representantes da Flora Supratidal
Lodosa Rochosa Arenosa
Formas de Construção
Rocha
controle de de edifícios
=5
erosão =4 =6 1 2 3 4 1 2 3 4 1 2 3 4 5 1 2
6 3
6
6 1 1
4 6
4 4 3
4 5 6 5 2
4 5 1
3
3 1
3 3
C4

Principais representantes da Avifauna

3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
6
3 10
10
7 9 10
10

10
10 11
7 10
10
D. ZONA INTERTIDAL

D. 1 D2
Indique a principal composição da superficie
A. 1 Largura
opções)

Calhaus
6-50m 51-250m >250m Rocha Gravilha
País NUT Bloco Unidade <5m =1 rolados
=2 =3 =4 =1 =3
=2
12 171 11 1 2
12 171 11 2 2
12 171 11 3 2
12 171 11 4 1 2
12 171 11 5 1 2 3
12 171 11 6 1
12 171 11 7 2 3
12 171 11 8 2
12 171 11 9 2 3
12 171 11 10 3 3
D2 D. 3
Principais representantes da Flora Intertidal
pal composição da superficie intertidal (até 2
opções)
Lodosa Rochosa Arenosa Alforrecas Anémonas

Construção
Areia =4 Lodo =5 1 2 3 4 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4
artificial = 6
V=1 M=2 V =1 M=2
4 6 3 2 3 1
4 6 3 6
4 3 5 1
2 3 4 3
4 6
6 2 6
4 1 2 5 6 1
6 1 6
4 1 2 6 1 3
4 1 2 6 1 2 3
D4
Principais representantes da Fauna Intertidal
Taínhas/
Anelídeos Mexilhões Lapas Caranguejos Cracas Cabozes Ouriços Estrelas Fataças Golfinhos

V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 V =1


1 1

1 1 1
1 1 1
1 1 1
1 1 1 1 1 1 1
1 1 1 1 1 1 1 1
1 1 1
1 1 1
D. 5
Nº Aves encontradas

Golfinhos Ratos Outros Com petróleo Sem petróleo

Vivas
M=2 V =1 M=2 V =1 M=2 1-10 11-50 >50 1-10 Mortas
11-50 >50 Vivas
1-10 11-50 >50 1-10 Mortas
11-50
2
2
2
2 1
1

1
1
2
2
róleo

Mortas >50
E. RESÍDUOS E POLUIÇÃO

E. 1

A. 1 Objectos de grandes dimensões


Vidro

1a5 6-50 51-100


País NUT Bloco Unidade 1 2 3 4 5 6
12 171 11 1
12 171 11 2
12 171 11 3
12 171 11 4
12 171 11 5 1
12 171 11 6 1
12 171 11 7 1
12 171 11 8
12 171 11 9
12 171 11 10 1
Embalagens

Vidro Metal Latas com produtos potencialmente perigosos Plástico

>100
1a5 6-50 51-100 >100 1a5 6-50 51-100 >100 1a5 6-50 51-100
1

1
1

1
ns

Papel e Cartão (pacotes de


Plástico Sacos plást. Caixas de madeira Aparelhos pesca
sumo, leite,etc.)

>100 1a5 6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50
1 1 1
1

1 1 1
1

1
1

1 1 1
E. 2

papel e cartão (revistas, livros, Resíduos verdes (Tro


Aparelhos pesca Material médico e sintético Texteis
etc.) de madeira)

51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1 a 5
1
1

1 1
Não embalagem

Resíduos verdes (Troncos Tábuas e outra madeira não Pilhas, baterias de telemóveis e outras,
Pneus
de madeira) incluida em resíduos verdes) excepto as de veículos automóveis

6-50 51-100 >100 1 a 5 6-50 51-100 >100 1a5 6-50 51-100 >100 1a5 6-50 51-100

1 1

1 1
Outros como por exemplo: Outros não quantificáveis
de telemóveis e outras, Baterias de veículos
cerãmica, copos de plástico,
veículos automóveis automóveis Beatas de
lâmpadas incandescentes Alcatrão,
Restos de Fezes cigarro
óleo e afins
alimentos=2 =3 Estimativa
=1
=4
>100 1a5 6-50 51-100 >100 1a5 6-50 51-100 >100
1 1

1 1 5

1 1 3 5
E. 3

Modificações na aparência
antificáveis Sim

Serviço de Condições Não Desconhecido =3


Limpeza meteorológicas
Outros =5

2
2
2
2
2
6 3
3
3
2
1 3
A. 1 1

Erosão costeira Extracção de inertes Pressão turística


País NUT Bloco Unidade Risco Desconhecido Risco Desconhecido Risco
12 171 11 1
12 171 11 2
12 171 11 3
12 171 11 4 1 2
12 171 11 5 1
12 171 11 6 1
12 171 11 7 1
12 171 11 8 1
12 171 11 9 1

12 171 11 10
F. Ordenamento do território
F1

1 - Percepção de Risco

Presença de espécies Perda de


Perda qualidade ambiental
Pressão turística infestantes Biodiversidade Outros
Desconhecido Risco Desconhecido Risco Desconhecido Risco Desconhecido Risco

2 2 1 1 1
ório

Percepção de degradação paisagística 2.2.

2.1. Artificialização da Costa 2.2.1. Tipo de Cob

Não
Pouco Muito Pastagem Culturas
Outros articializada Sapal =1
artificializada =2 artificializada =3 =2 agrícolas =3
Desconhecido =1
F2
2.2. Uso, ocupação e transformação do solo na zona interior contígua
2.2.2. Dissonância urbanística - Identifica intrusões paisag
2.2.1. Tipo de Coberto
área?

Imóveis
Floresta Matos Áreas Eminantemente Altura dos
Outros =8 degradados
=4 =5 Verdes =6 urbana =7 edifícios =1
=2
ontígua
nância urbanística - Identifica intrusões paisagísticas na
área?

Proximidade dos Excesso de


edifícios à praia e/ou construção Outros =5
arriba =3 =4
H. OBSERVAÇÕES/Sugestões

construções nas rochas


Praia artificial

de 2007 para 2008 houve arranjos nos acessos à praia do Lizandro o que permite uma melhor preservação das dunas. H
Relatório de Compatibilidade para protótipo-BD-2008.xls
Executar em 11-12-2008 14:33

As seguintes funcionalidades neste livro não são suportadas por versões


anteriores do Excel. Estas funcionalidades poderão ser perdidas ou anuladas
quando guardar o livro num formato de ficheiro anterior.

Perda mínima de fidelidade N.º de


ocorrências

Algumas células ou estilos neste livro contêm formatação não suportada pelo 104
formato de ficheiro seleccionado. Estes formatos serão convertidos no formato
mais aproximado disponível.