Você está na página 1de 5

CME PREVEST DANIELY CAMPOS BARTZ

Questo 12 41979
UFPR 2013
Considere a seguinte informao extrada de uma notcia de jornal:
43% dos domiclios do Brasil so inadequados para moradia, diz IBGE. Taxa representa 24,7 milhes dos 57,5
milhes de lares no pas em 2008. Em 1992, porm, 63,2% das casas no eram consideradas adequadas.
A conexo entre as afirmaes feita com o uso de porm destaca que os ndices de domiclios inadequados
para moradia em 2008 e 1992:
a) so semelhantes: os ndices eram muito altos em 1992 e continuam altos em 2008.
b) esto em oposio: mesmo altos, os ndices de 2008 revelam uma melhoria em relao a 1992.
c) so contraditrios: os dados de 2008 mostram resultados opostos ao que se poderia prever a partir dos dados
de 1992.
d) apontam para direes contrrias: revelam um retrocesso na adequao das moradias entre 1992 e 2008.
e) so complementares: os ndices de 2008 eram previsveis a partir dos dados de 1992.
Questo 26 44681
UNEMAT 2 dia - especfico 2012/2

Na frase: H indcios de sua existncia ou indivduos foram avistados, mas eles no tm contato com a
sociedade nacional e outros grupos indgenas, a palavra mas pode ser substituda, sem prejuzo de sentido,
por:
c) assim.
a) portanto.
d) ento.
b) pois.
e) contudo.
Questo 7 42688
UERJ 2 exame de qualificao 2012

CME PREVEST DANIELY CAMPOS BARTZ

A linguagem potica inverte essa relao, pois, vindo a se tornar, ela em si, coisa, oferece uma via de
acesso sensvel mais direto entre ns e o mundo. (l. 31-32)
O vocbulo destacado estabelece uma relao de sentido com o que est enunciado antes. Essa relao de
sentido pode ser definida como:
a) explicao
c) conformidade
b) finalidade
d) simultaneidade

CME IFPE- DANIELY CAMPOS BARTZ


Observe as conjunes abaixo e indique o valor semntico de cada uma delas.

Esse o sonho de apenas uma


das quase 69 mil pessoas que
esto na fila de espera por
uma doao. Ele pode at no
ser realizado, mas todos tm o

CME IFPE- DANIELY CAMPOS BARTZ


Geir Campos

Morder o fruto amargo e no cuspir


mas avisar aos outros quanto amargo,
cumprir o trato injusto e no falhar
mas avisar aos outros quanto injusto,
sofrer o esquema falso e no ceder
mas avisar aos outros quanto falso;
dizer tambm que so coisas mutveis...
E quando em muitos a noo pulsar
do amargo e injusto e falso por mudar
ento confiar gente exausta o plano
de um mundo novo e muito mais humano.
Disponvel em:
http://www.releituras.com/geircampos_tarefa.asp

1. No poema, h uma sugesto: passar ao outro o conhecimento decorrente de experincias penosas.

a. Identifique e classifique a conjuno que introduz a ideia de se repassar a experincia vivida.

b. Qual o valor semntico assumido por essa conjuno?

2. Observe o verso:

Morder o fruto amargo e no cuspir

CME IFPE- DANIELY CAMPOS BARTZ


a. Qual o valor da conjuno e, nesse contexto?

b. Que efeito de sentido a repetio dessa conjuno proporciona ao texto?

Você também pode gostar