Você está na página 1de 10

PROCEDIMENTO DE AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO

DE SEGURANÇA, SAÚDE, MEIO AMBIENTE E QUALIDADE - SASSMAQ

1.

OBJETIVO
Este procedimento estabelece os requisitos para Avaliação da Conformidade para
Sistemas de Avaliação de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade –
SASSMAQ, através do mecanismo de avaliação de conformidade voluntária.

2.

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA

NBR ISO/IEC 17021 Avaliação da Conformidade – Requisitos para organismos que
fornecem auditoria e certificação de sistemas de gestão;
Diretrizes para auditoria de sistema de gestão da qualidade
NBR ISO 19011
e/ou ambiental;
Critérios para a acreditação de organismo de certificação de
NIT DICOR 008
sistemas de gestão da qualidade;
Critérios para Credenciamento de Entidade de Verificação e Regras para participação do Sistema – ABIQUIM.
Manual do Sistema de Avaliação de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade
Módulos: Transporte Rodoviário e Estação de Limpeza – ABIQUIM.
3.

DEFINIÇÃO
Organismo de Avaliação de Sistema de Gestão da Segurança, Saúde, Meio
Ambiente e Qualidade: Organismo de terceira parte acreditado pela Associação
Brasileira da Indústria Química - ABIQUIM com base nos princípios e políticas
adotadas no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade (SBAC),
para executar o programa de avaliação da conformidade do Sistema de Gestão da
Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade (SASSMAQ), baseado no Manual do
Sistema de Avaliação de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade – Módulos:
Transporte Rodoviário e Estação de Limpeza e nos critérios para acreditação de
Entidade de Verificação e Regras para participação do Sistema – ABIQUIM.

4.

CONDIÇÕES ESPECÍFICAS
Todos os serviços avaliados pelo IFBQ devem atender aos requisitos deste
procedimento em conformidade à NIT-DICOR-008 para certificação do SASSMAQ –
Sistema de Avaliação de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade –
Requisitos.
Sempre que houver revisão dos documentos que servem de base para o processo
de Avaliação da Conformidade, o IFBQ deve comunicar seus clientes e partes
interessadas, considerar suas opiniões, quando aplicável, e estabelecer um prazo
para a adequação às novas exigências.
Todos os serviços avaliados pelo IFBQ atenderão aos requisitos deste procedimento,
em conformidade ao SASSMAQ – Sistema de Avaliação de Segurança, Saúde, Meio

Elaborado por: Ricardo Assoni Verificado por:
Documento
PES-SBC- 008

Estabelecido em
17/07/2008

Aprovado por:
Revisão nº
02

Data
08/06/2011

Folha
1/10

de acordo com este procedimento. O Certificado do Sistema de Avaliação SSMAQ da Organização. g. por deliberação do Gerente Geral. ou de modo a poder ser interpretado como denotando conformidade ao produto.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 2/10 . As condições de utilização da identificação da conformidade estão descritos no Anexo A. c. 5. mediante o Contrato de Uso da Marca de Conformidade. pelo IFBQ. Toda exibição da identificação da certificação feita pela Organização. A identificação não pode ser usada em um produto. outorgando um certificado. Escopo da certificação. 4. para exercer o controle quanto à propriedade. Identificação Unívoca do certificado (número do certificado). a Organização deve comunicar este fato ao IFBQ que. Razão social. e.2 Certificado do Sistema de Avaliação SSMAQ Documento emitido com base em princípios e políticas adotadas no âmbito do SBAC. b. poderá exigir nova auditoria para verificação das modificações efetuadas.SQ nº xxx/ano. f. deverá ser antecipadamente encaminhada ao IFBQ. onde: xxx – número seqüencial da Organização certificado 4. nome fantasia. Razão social do IFBQ e número de registro no INMETRO. deve conter os seguintes dados: a. d. incluindo Filiais e Pontos de Apoio.3 Identificação da Certificação A Organização só deve utilizar a identificação da certificação.Requisitos e outros documentos do sistema da qualidade do IFBQ. 4. adotando como identificação seqüencial . Assinatura do responsável do IFBQ. Datas de emissão e validade. Caso haja modificação no serviço prestado. para indicar o sistema da qualidade. endereço completo e CNPJ da Organização. Mecanismo de avaliação da conformidade.1 Codificação da Certificação A codificação da certificação do sistema da qualidade deve obedecer às considerações do PSQ-IFBQ-003. uso da logomarca e do certificado do sistema da qualidade. FLUXO DO PROCESSO Documento PES-SBC.Ambiente e Qualidade .

008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 3/10 .Contato com o cliente In ício F im Env iar o Pe rfi l da Co mpa nhi a Ava lia da R ece ber o P erfil d a C omp anh ia Aval iad a Nã Emitir Di mens ion amen to SASSMAQ Si SIM dev ida men te pre en chid o NÃO SIM NÃO Acei te da Propo sta Emitir Proposta Téc nic oComerc ial rene go ciaçã o N ÃO SIM Solicitar Documentaç ão Inic ial Realiz ar Auditoria Analisar a Doc umentaç ão Planejar a Auditoria Relatór io de Auditoria Entregar o Certific ado A empres a deve tomar as aç ões cor retivas SIM Acompanhar e analisar as aç ões c or retivas Há aç ões a serem NÃO Encaminhar pr oces so para Deliber ação Cadastr o no site ABIQUIM As sinatura de Contr ato Comunic ar R ecer tificaç ão Documento PES-SBC.

Análise do Processo de Certificação. Após o recebimento de “aceite” a Organização deverá apresentar os seguintes documentos: − − − − Cópia da proposta técnico-comercial com o respectivo “aceite”.1 Solicitação da Certificação A Organização deve formalizar ao IFBQ. item 5 deste Procedimento.Perfil da Companhia Avaliada. para a obtenção do certificado. ETAPAS DA AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE O modelo utilizado para Avaliação da Conformidade de Sistema de Avaliação de Segurança. através do preenchimento do impresso IMP 136 .008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 4/10 .2 Análise da Documentação O processo de certificação só terá início após a análise da documentação do sistema SASSMAQ da Organização pelo técnico responsável designado pelo Gerente Operacional do IFBQ. Meio Ambiente e Qualidade. 6.6. Cópia eletrônica do cartão de inscrição no CNPJ. Cópia autenticada ou original eletrônico do contrato social da empresa e sua última alteração. 6.3 Programação da Auditoria Inicial Após análise e aprovação da documentação supracitada. Documento PES-SBC. o recebimento da última página da Proposta. A Organização deverá obedecer às exigências do modelo a seguir. é a Certificação. em havendo necessidade de renegociação da proposta esta deverá ser registrada e reencaminhada a Organização onde novamente receberá o acompanhamento até o “aceite” formal da mesma. A Análise da documentação deverá ser registrada no IMP 065 . O Coordenador de Negócios de Sistema de Gestão do IFBQ. 6. seu pedido para a obtenção da certificação. Cópia do Manual do SASSMAQ atualizado (se aplicável). Saúde. Esta proposta der acompanhada pelo Coordenador de Negócios de Sistemas de Gestão do IFBQ. de posse do IMP 136. gera o IMP 137 – Dimensionamento SASSMAQ e posteriormente a Proposta Técnico-Comercial (Sistema Informatizado do IFBQ) a qual deverá ser encaminhada ao Gerente Comercial para aprovação e posterior entrega à Organização. o IFBQ entrará em contato com o Cliente para confirmação da data da Auditoria de Avaliação SASSMAQ. ou seja. de acordo com o demonstrado no Fluxograma do Processo.

A seleção da equipe auditora deve garantir que a competência coletiva seja apropriada às atividades a serem auditadas. Durante a reunião inicial a equipe auditora do IFBQ é apresentada aos membros da empresas.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 5/10 . a Estrutura de Processos. nas dependências da empresa solicitante. o qual deverá ser totalmente preenchido. Após a realização das constatações. Caso haja qualquer necessidade. discutir sobre Documento PES-SBC. os elementos estruturais do SASSMAQ (Manual do Sistema. 5. entregar o termo de compromisso de confidencialidade assinado por todos membros da equipe auditora do IFBQ. a Organização poderá apelar contra a designação de quaisquer auditores ou especialistas. a alta direção da empresa e por qualquer membro da empresa solicitante.Os auditores serão selecionados dentro do quadro de auditores internos ou auditores externos que fazem parte do banco de auditores do IFBQ. 2. confirmar com o solicitante a programação da auditoria. meio ambiente e qualidade . a equipe auditora deve se reunir.SASSMAQ. saúde. uma reunião inicial. Nesta auditoria a equipe auditora deverá buscar informações que sirvam para avaliar o Sistema Documental. Deve garantir que os relatórios de auditoria. utilizando-se o CKL 015 – Check-List SASSMAQ. acordar possíveis alterações devido a horários. e o auditor líder faz um breve relato de como as atividades da auditoria serão cumpridas. A quantidade de auditores/dia deve ser definida levando em conta a Proposta TécnicoComercial. 4. Estas informações devem ser evidenciadas através de registros. A solicitação de substituição de qualquer membro da equipe auditora por parte do solicitante deve ser encaminhada por escrito ao Gerente Geral do IFBQ.4 Auditoria Inicial Os integrantes da equipe auditora devem ter acesso às documentações pertinentes aos sistemas de gestão da empresa com um prazo mínimo de 3 dias úteis da data de realização da auditoria. confirmar os recursos a serem utilizados durante a auditoria. em particular. Controle de Documentos) e Regulamentações e/ou Legislações aplicáveis. pessoas ou locais a serem auditados. durante a reunião inicial: 1. 3. O auditor líder deve conduzir. O auditor líder deve. Para a seleção dos auditores devem ser analisados os critérios previstos no PSQ-IFBQ-008. Auditorias Internas. os termos de confidencialidade. esclarecer quaisquer dúvidas da Organização sobre a auditoria. as Listas de verificação e demais documentos estão disponíveis para os demais membros da equipe auditora. incluindo justificativas para utilização de “Não Aplicáveis”. na qual deve comparecer a área responsável pelo sistema de avaliação de segurança. aceita pela Organização. Análise Crítica pela Direção. 6. O auditor líder deve providenciar toda a documentação necessária para a realização da auditoria.

Após a realização das constatações. que com competência exclusiva. para discorrer sobre o processo de auditoria. o auditor líder convoca uma reunião de encerramento. o processo é analisado pelo Gerente Geral. observação de atividades. discutir sobre as atividades e fatos ocorridos durante o processo de auditoria e elaborar o relatório de auditoria. análise de documentação. 014. com amostragem apropriada. o auditor líder convoca uma reunião de encerramento. indicadores de desempenho. Devem ser relatados os pontos fortes dos sistemas e os pontos fracos e oportunidades de melhoria.5 Deliberação do Processo de Certificação Cumpridos todos os requisitos exigidos neste procedimento. Após a elaboração do relatório de auditoria. conforme Rel. comunicando os resultados (baseados nos critérios estabelecidos na tabela abaixo) e as decisões da equipe auditora do IFBQ. As informações coletadas devem ser evidenciadas através de registros. comunicando os resultados e as decisões da equipe auditora do IFBQ. 6. Após a elaboração do relatório de auditoria. conforme Rel. As informações podem ser coletadas através dos métodos abaixo. O relatório de auditoria deve ser assinado por todos os integrantes da equipe auditora e os representantes da empresa solicitante.todas as atividades e fatos ocorridos durante o processo de auditoria e elaborar o relatório de auditoria. delibera pela aprovação da certificação da Organização. bem como as não conformidades evidenciadas. Elementos Centrais Itens Mandatórios (M) 100% Itens da Indústria (I) >70% Itens Desejáveis (D) livre Elementos Específicos Itens Mandatórios (M) 100% Itens da Indústria (I) >70% Itens Desejáveis (D) livre As informações pertinentes aos objetivos. porém não se restringindo a eles: ƒ ƒ ƒ ƒ ƒ entrevistas. inclusive informações relativas às atividades e processos. Devem ser relatados os pontos fortes dos sistemas e os pontos fracos e oportunidades de melhoria. Documento PES-SBC. a equipe auditora deve se reunir.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 6/10 . escopo e critérios da auditoria. para discorrer sobre o processo de auditoria. consulta à bancos de dados e internet. 014 – Relatório de Auditoria SASSMAQ. devem ser coletadas de forma aleatória. bem como as não conformidades evidenciadas.

7. Essas auditorias são realizadas seguindo os mesmos critérios à partir do item 6. Caso seja constatado que o sistema do cliente não mais atende os requisitos descritos em normas apropriadas. uma auditoria extraordinária para verificação da manutenção das condições que deram origem ao seu processo de certificação. onde sejam constatadas interferências nas operações das Organizações. receber a solicitação por escrito. quando solicitada extensão de escopo de certificação por parte da Organização. quando solicitada a redução de escopo de certificação por parte da Organização. Redução. de comum acordo com a mesma. Filiais e Pontos de Apoio). e a empresa não apresentar não conformidades. OBRIGAÇÕES DA EMPRESA CERTIFICADA 7.br/sassmaq). 6.SASSMAQ. prospectos comercial ou publicitário.1. Imediatamente o Gerente Geral comunica a ABIQUIM o nome da empresa suspensa e a mesmo dará o tratamento adequado. conforme orientações da mesma.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 7/10 . Saúde. Este certificado deverá ser emitido individualmente por cada unidade avaliada (Matriz. a certificação será imediatamente suspensa e a Organização deve informar ao IFBQ o fato. 6. Saúde. e programar uma auditoria para verificação da manutenção do sistema SASSMAQ para os outros itens do escopo.1. o IFBQ deve emitir novo certificado onde a redução do escopo de certificação não seja mais evidenciado. Meio Ambiente e Qualidade – SASSMAQ. Caso sejam verificadas mudanças significativas no sistema. o qual deverá também ser cadastrado no site da ABIQUIM (www.org. O IFBQ deve. estas só podem Documento PES-SBC.7 Reavaliação (recertificação) A cada período de dois anos. nova avaliação de documentação do sistema SASSMAQ da empresa e programará uma auditoria para verificação da adequação dos novos processos. será emitido novo certificado contemplando a extensão solicitada. 6. o IFBQ realiza uma auditoria de reavaliação. Meio Ambiente e Qualidade .abiquim. o IFBQ comunica a Organização a deliberação da mesma e envia a Organização o contrato de concessão da certificação. referenciando o seu Sistema de Avaliação se Segurança.4 – Auditoria Inicial – deste procedimento. Mudança e Extensão do Escopo de Certificação O IFBQ realizará.6 Entrega do Certificado Após a assinatura do contrato é enviada à Organização o Certificado de Sistema de Avaliação de Segurança. Após a constatação de que os sistemas SASSMAQ para os demais itens do escopo de certificação continuam atendendo aos requisitos das normas específicas. Quando a Organização possuir propagandas em catálogos.Com o parecer do Gerente Geral. Caso sejam considerados adequados. o IFBQ deve realizar.

Meio Ambiente e Qualidade – SASSMAQ pertinente à certificação concedida e assegurar a conformidade.10.9. Informar ao IFBQ a ocorrência de situações especiais tais como: suspensão definitiva ou temporária da produção. 8. Gerenciar e manter o Sistema de Avaliação se Segurança.5. Facilitar o acesso dos auditores do IFBQ a todos os meios necessários para realização dos controles definidos neste procedimento. para análise do IFBQ. modificação jurídica ou mudança da razão social da empresa. Documento PES-SBC. Notificar às Organizações sobre quaisquer alterações que se pretenda fazer nos seus requisitos para certificação. 8. Saúde. 7.ser feitas para os escopos certificados.7. 7.SASSMAQ. acordados em documentos contratuais e propostas técnico-comerciais. previsto neste procedimento.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 8/10 . Notificar imediatamente a ABIQUIM. 7. 7.8. Neste caso.2. Fazer uso da certificação somente em documentos que façam referência aos escopos certificados. Manter um arquivo com registro de reclamações e ações corretivas de suas Organizações para serem evidenciadas nas auditorias subseqüentes. Meio Ambiente e Qualidade . que possam afetar a avaliação já realizada. através do banco de dados supra. o IFBQ notificará à Organização das ações a serem tomadas.1. para manter atualizadas as informações acerca dos serviços certificados.3. 7. conforme inicialmente aprovado. Informar. extensão. 7. quando aplicáveis. Implementar o Programa de Avaliação da Conformidade. abandono da licença. 7. Aceitar todas as condições que constam dos Procedimentos do IFBQ.4. 7.6. Saúde. do processo de fabricação ou do Sistema Avaliação se Segurança. Efetuar todos os pagamentos pertinentes ao processo de certificação. 8 OBRIGAÇÕES DO IFBQ 8.4. 7. redução e cancelamento da certificação. Aceitar as decisões tomadas na aplicação deste procedimento e nas condições estabelecidas para cada caso. conforme Anexo A e no contrato entre IFBQ e a Organização.2.3. transferência do local de fabricação. qualquer modificação do escopo. 8. a suspensão. fornecido pela ABIQUIM. dirimindo obrigatoriamente as dúvidas com a ABIQUIM. Utilizar o sistema de banco de dados.

008 Motivo Elaboração do Procedimento Atualização do item 6. logomarca. licenças e marcas de conformidade.9 USO INDEVIDO DA IDENTIFICAÇÃO DA CERTIFICAÇÃO A Organização que fizer o uso indevido do certificado. estará sujeito às penas previstas na Lei de Propriedade Industrial nº 9279/96. 10 CONTROLE DE ALTERAÇÕES Revisão 00 01 02 Documento PES-SBC. conforme descrito no procedimento PSQ-IFBQ-015.3 Inclusão do Módulo Estação de Limpeza Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 9/10 .

O uso e a divulgação da certificação é de responsabilidade única e exclusiva do solicitante. relatório. outras atividades que não sejam cobertas pela licença de uso da identificação da certificação. relatórios ou certificados de serviços ou atividades não incluídos no escopo certificado. abusiva ou falsa. Quando o material promocional e publicitário envolver. 8. 2. correspondência ou material publicitário. Não deve haver publicidade envolvendo a certificação que seja depreciativa. 3. Caso a licença para uso da identificação da certificação seja cancelada. esses serviços ou atividades devem estar claramente identificados como não fazendo parte do escopo da certificação. Não é permitido o uso da identificação da certificação ou de referência à conformidade antes da assinatura do contrato entre o solicitante e o IFBQ. 4. Não é permitido o uso da identificação da certificação em cartões de visita. 5. 7.008 Estabelecido em 17/07/2008 Revisão nº 02 Data 08/06/2011 Folha 10/10 . incluindo cancelamento da certificação. A identificação da conformidade pode ser utilizada em material promocional e publicitário. Quando envolver cotações.ANEXO A As condições para uso da identificação da certificação pelas empresas solicitantes devem atender aos requisitos abaixo: 1. também. A identificação da conformidade pode ser utilizada em papel timbrado. a apresentação da identificação deve deixar claro que a mesma se aplica somente aos casos das atividades certificadas. Caso se configure comportamento infrator. relacionados aos escopos envolvidos na certificação e dar ciência do fato aos seus clientes. e seu uso somente deve ocorrer em situações que referenciem a atividade acreditada. 6. o solicitante deve interromper imediatamente a utilização e distribuição de qualquer certificado. A empresa solicitante não deve utilizar a identificação da certificação em embalagens ou aposta em seus produtos Documento PES-SBC. o solicitante estará sujeito às penalidades pertinentes. suspensa ou reduzida. 9. propostas.