Você está na página 1de 3

Busca Rápida

Siga-nos

Digite aqui o que você procura...

HOME

EM CARTAZ

PROMOÇÕES

DESCONTOS

PERSONAGEM

BASTIDORES

FICA DICA

CONCERTO DE ISPINHO E FULÔ

CRÍTICA

O RNT

« voltar

CLUBE RNT

TEATROS

CONTATO

PUBLICIDADE

+ Busca Detalhada

Digite aqui o que você procura...

BAIRRO

VÍDEOS

TEATRO

INFORMAÇÕES DO ESPETÁCULO

PEÇA

INFORMAÇÕES DO LOCAL

DATA

NEWSLETTER
Cadastre seu e­mail e receba conteúdo exclusivo do teatro
carioca, descontos e promoções em primeira mão
Digite seu e­mail

 

Digite seu nome

 

Sinopse:

Concerto de Ispinho e Fulô
Patativa do Assaré: um abraço e um bordado

 
 
Os Correios apresentam Concerto de Ispinho e Fulô – Patativa do Assaré: um abraço e um bordado. Concebido pela
premiada Cia do Tijolo (SP), o espetáculo está percorrendo sete estados e 13 cidades brasileiras com o propósito de
disseminar a inigualável obra do poeta Patativa do Assaré, construindo assim uma espécie de cartografia literária
afetiva do sertão.
 
O circuito nacional da Cia do Tijolo já passou pelo Ceará, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia e Minas Gerais. A
sétima etapa é no estado do Rio de Janeiro, momento em que o poeta Patativa do Assaré presta homenagem ao
escritor fluminense Euclides da Cunha e sua obra “Os Sertões”.
 
A Cia do Tijolo apresenta o Concerto de Ispinho e Fulo na cidade do Rio de Janeiro no período de 27 de agosto a 6 de
setembro, no Espaço da Cia de Mystérios e Novidades, na Gamboa.
 
No dia 1 de setembro, a companhia ministra Workshop de Dramaturgia, das 14h às 18h, para atores e estudantes
interessados pelas artes teatrais.
 
Todas as atividades têm entrada franca e a classificação é de 14 anos.
 
Um Encontro de Infinitos Abraços:
Concerto de Ispinho e Fulô é um espetáculo que fala sobre o Brasil, sobre a nossa identidade brasileira, sobre o Brasil
urbano e rural. O ponto de partida é a vida e obra poética de Patativa do Assaré, conhecido como “poeta matuto”, mas
reconhecidamente um dos poetas mais importantes do país. Patativa fez de sua palavra “ave poesia” pra falar da seca,
da miséria, das belezas e dores do homem do sertão. O poeta falou da sua terra local pra falar das dores universais.
Da sua poesia “matuta” - escrita no dialeto do sertanejo - teceu um retrato profundo de uma parte do Brasil.
 
Patativa foi também um brincante da palavra, que deu forma visível às belezas e misérias do Cariri. Na dramaturgia
coletiva construída pela Cia. do Tijolo, o poeta está na sua casa, e é dali que fala e recita poesia, fala dos seus
dramas e alegria. E é dali que abraça e presta homenagem a vários outros artistas que também ajudaram o Brasil a
pensar o sertão e a construir parte da nossa identidade nacional.
 

PUBLICIDADE

Anuncie aqui!

PARCEIROS

Seja um parceiro e apoie a cultura no Rio de Janeiro!

mais do que uma tentativa de redefinir ou reapresentar um sertão estereotipado para os "sulistas".   Terceiro Vetor . formando seu conhecimento com as coisas da sua terra – daquilo que podia ver.O Espaço do Encontro: O terceiro vetor aponta para a pesquisa de linguagem da A Cia.   Durante duas horas. no período de de 27 de agosto a 6 de setembro. Hermínio Bello de Carvalho e Nelson Cavaquinho.Borges Michele Nascimento Estantes de Aço RJ Ana Grebler Megan Townsend phernandonando Plugin por MatiasMX . seguidas de workshops e bate papos. haverá encontros com grupos da região. cosendo e descosendo identidades. O estado do Rio de Janeiro é a sétima etapa do circuito. no Espaço da Cia de Mystérios e Novidades. ensinando o público a olhar para si mesmo de outras formas. e digna dela é esse espetáculo em que são clamorosos o entusiasmo e a dedicação de todo o elenco.   Ganhador do Prêmio Shell 2009 na categoria Música e do Prêmio CPT 2009 na categoria Projeto Sonoro.   O formato da circulação foi idealizado pela Cia. Patativa do Assaré relê e canta coisas da cidade grande.   Desse modo. do Tijolo para percorrer fisicamente os caminhos que Patativa do Assaré percorre em seu percurso dramatúrgico.   Esses dois primeiros vetores temáticos surgem em cena com a presença de textos de outros escritores com os quais Patativa se encontra em cena. O público que assiste ao espetáculo vê o sertão pelos olhos de vários artistas. ajudando ativamente na construção de sentido é um dos aspectos principais da arte de nosso tempo. ouvir e tocar. sendo visto por cerca de 40 mil pessoas. A primeira expressa uma tentativa de confrontar duas formas de literatura.Patativa abraça os repentes de Zé da Luz e Zé Limeira. Assim.   As Artes Migratórias: Concerto de Ispinho e Fulô traz em suas vias de comunicação três linhas principais. 27 de abril de 2012).) A obra de Patativa do Assaré é uma dessas muitas e fantásticas riquezas de que a cultura popular brasileira é tão farta. Na busca de querer saber quem somos nós. dramaturgia coletiva baseada em obras poéticas e forte interação com o público.art. dizendo poemas. pensando. Concerto de Ispinho e Fulô está realizando uma circulação em nível nacional.rnt. na Gamboa. assinadas pelo músico e compositor Jonathan Silva. com o objetivo é descentralizar a oferta cultural do país. oral e erudita e problematizar essa separação a partir da escrita de Patativa do Assaré. do Tijolo. workshops de dramaturgia nas capitais e debates com temas específicos em todos os locais de apresentação. analisa e avalia a poesia "culta" e a literatura em geral.. olhar para a sua origem. Barbara Heliodora afirmou que “(.. e traz como tema “Patativa abraça Euclides da Cunha”.. As apresentações acontecem na cidade do Rio de Janeiro. Concerto de Ispinho e Fulô faz uso da poesia para criar e desconstruir. cuja história dialogue com temáticas mobilizadas pelo espetáculo. como única possibilidade da criação de uma arte que deixe rastros para a plateia e para os artistas. intercâmbios para troca de experiências.806 curtidas Curtir Página Cadastre­se 7 amigos curtiram isso Rio No Teatro Ontem às 19:44 ​​ # NovaPromoção​  ​ #​ NovoDesconto​ #​ ​ Infantil​  ​ #​ PromoRNT​  ​ #​ RioNoTeatro​ #​ ​ ClubeRNT​  ​ #​ T eatroClaraNunes​ → OS AVENTUREIROS NO REINO CONGELADO ­ www. exercitando a liberdade..   GOOGLE+ Rio no Teatro google. Ver mais TWITTER Rio no Twitter Seguir Rio tem 2001 seguidores péia c. abraça os beatos Zé Lourenço no Caldeirão da Santa Cruz no Cariri e Antônio Conselheiro em Canudos.   Circulação: Com patrocínio dos Correios.   Workshops e Oficinas: Em cada estado. além de composições próprias da Cia do Tijolo. Mais do que isso.   O espetáculo presta homenagem maior ao pedagogo Paulo Freire – ele criou o método de ensino popular que tem tudo a ver como a forma que se instruiu o poeta Patativa: vendo as coisas do entorno. percorrendo sete estados e 13 cidades brasileiras – sempre visitando uma capital e uma cidade de pequeno porte. que possui como característica de pesquisa para seus trabalhos três pontos principais: músicas executadas ao vivo. A segunda diz respeito à imagem construída pela arte da ideia de sertão. divulgando a poesia de Patativa para um público direto aproximado de seis mil pessoas.   A presença viva do espectador. Concerto de Ispinho e Fulô é uma preciosa ajuda”. é necessário para a companhia o encontro real com o público. ele mesmo formado por gente de vários estados que sem dúvida encontrou nessa poesia e nessas histórias nordestinas uma medida considerável do ser brasileiro. Italine KrauzerDiego Thaddeu Deyvid Peres Fernando. o espetáculo coloca duas visões em confronto. Serão 30 apresentações gratuitas. além das apresentações do Concerto de Ispinho e Fulô. Por isso a dramaturgia é flexível para as modificações provocadas pelos encontros. Concerto de Ispinho e Fulô traz na sua bagagem a incrível marca de 200 apresentações em mais de 60 cidades do Brasil e algumas do exterior.com/+RionoteatroBrOficial Seguir +1 + 918 FACEBOOK Rio No Teatro 123. abraça o sertão duro e mítico de Euclides da Cunha.br/os­aventureiros­no­ reino­congelado ­ 50% de desconto (Apresentar voucher ou ​ #​ ClubeRNTcard​ ). e conhecendo um pouco mais da história do país. como Luiz Gonzaga.   Na crítica “Espetáculo rico em brasilidade” (Rio Show. mas é visto por ele também.O. a partir da literatura.   O espetáculo é um “concerto musical” – encenado e cantado por meio de músicas de compositores brasileiros. abraça a prosa seca de Graciliano Ramos.

A entrada é gratuita e as inscrições devem ser feitas no local e no dia do evento. Rodrigo Mercadante.. EmCartaz Empreendimentos Culturais e Spiral Criativa Gestão e administração EmCartaz Empreendimentos Culturais e Spiral Criativa PUBLICIDADE Anuncie aqui! Dias e horários: Quinta às 19:00 Sexta às 19:00 Sábado às 19:00 Domingo às 19:00 Temporada: De 27/08/2015 Até 06/09/2015 Contato: (21) 2252-4103 Classificação: 14 Anos Genero: Drama   Curtir 428 Tweetar 3 1 0 comentários Classificar por  Mais recentes Adicionar um comentário.Essas atividades fazem parte do processo de produção do conhecimento da Cia.   No Rio de Janeiro. Maurício Damasceno Músico convidado Anderson Areias. no espaço da Cia de Mystérios e Novidades. Facebook Comments Plugin HOME EM CARTAZ PROMOÇÕES DESCONTOS PERSONAGEM BASTIDORES FICA DICA CRÍTICA O RNT CLUBE RNT TEATROS VÍDEOS CONTATO . Marcos Coin Composições Jonathan Silva. do Tijolo. será realizado o Workshop de dramaturgia no dia 1 de setembro. Dinho Lima Flor Figurino e Cenografia Silvana Marcondes e Cia do Tijolo Consciência Corporal Érika Moura Coreografia Jorge Garcia Iluminação Fábio Retti Comunicação Visual Fábio Viana Edição de material gráfico Fernando Alax Fotografia e Cenotecnia Alécio Cézar Assessoria de Imprensa Breno Procópio – Diversa Cultural Produção e Realização Cia do Tijolo. Karen Menatti. que sempre busca dialogar com os artistas locais. construindo novas redes. processos e espaços de criação coletiva. Thaís Pimpão Atriz convidada Cris Raséc Músicos Jonathan Silva..   Ficha Técnica: Direção Rogério Tarifa Direção Musical William Guedes Dramaturgia Cia do Tijolo Supervisão Dramatúrgica Iná Camargo Atores Dinho Lima Flor. Aloísio Oliver. Fabiana Barbosa.

Interesses relacionados