Você está na página 1de 2

GLOSSÁRIO

(definição de conceitos-chave explicitados no NPP)

Anualidade (princípio da) – Princípio que permite a gestão dos programas


por ano de escolaridade.

Competência de aprendizagem – Conjunto dos conhecimentos e das


capacidades que permitem realização de acções e a compreensão de
comportamentos.

Competência de realização – Capacidade para articular o saber e o fazer.

Competência existencial – Capacidade para afirmar modos de ser e de


estar.

Competências específicas – Compreensão do oral e expressão oral, a


leitura e a escrita, e o conhecimento explícito da língua.

Competências gerais – Conjunto de actividades que contemplam a


experiência humana, a comunicação linguística, o conhecimento linguístico
e o conhecimento translinguístico.

Competências linguístico-comunicativas – São as que permitem a um


indivíduo agir, utilizando instrumentos linguísticos.

Competências(s) – Aquilo que permite realizar actividades de todos os


tipos, é o saber em acção.

Compreensão do oral – Capacidade para atribuir significado a discursos


orais em diferentes variedades do português.

Conhecimento declarativo – Capacidade para explicitar os resultados da


aprendizagem formal.

Conhecimento explícito da língua – Capacidade para sistematizar


unidades, regras e processos gramaticais do português.

Conteúdo(s) – São o resultado de uma reflexão sobre usos da língua,


visando o conhecimento da estrutura e das práticas do português-padrão;
são os termos que cobrem conceitos relativos às diferentes competências.

Corpus textual – Texto escrito devidamente seleccionado que visa o


desenvolvimento da competência discursiva e textual.

Descritor de desempenho – O que o aluno deve ser capaz de fazer.

Desempenho – O que se espera que o aluno faça, após uma experiência


de aprendizagem.
Escrita (competência de) – É o resultado de um processo de fixação
linguística que pressupõe o conhecimento do sistema de representação
gráfica adoptado bem como o seu planeamento, textualização, revisão,
correcção e reformulação.

Expressão oral (competência de) – Capacidade para produzir sequências


fónicas dotadas de significado e conformes à gramática da língua.

Indicador de desempenho – O que está associado às operações de


controlo, regulação e de avaliação.

Instrumentos (de apoio à aprendizagem) – Instrumentos que fomentam


a autonomia e a disponibilidade para a aprendizagem.

Leitura (competência de) – Capacidade que permite o estabelecimento


de um processo interactivo entre o leitor e um texto.

Multiliteracia – Domínio de literacias múltiplas, informacional e visual.

Progressão (princípio da) – Princípio segundo o qual o processo de


ensino e aprendizagem da língua progride por patamares sucessivamente
consolidados.

Recursos – Aquilo que pode fomentar e potenciar o desenvolvimento das


competências de saber fazer.

Resultados esperados – Conjunto de expectativas pedagógicas


formuladas em função das competências específicas.

Transversalidade (princípio da) – Princípio em que se afirma que a


aprendizagem do português está presente em todo o currículo do Ensino
Básico e para além dele.