Você está na página 1de 5

Metodologia de Investigação em Educação

Mestrado em Comunicação Educacional Multimédia


Análise de conteúdo – Matriz
Entrevista

Questões de  1) O que pensam os 
investigação: professores sobre as redes 
sociais?

2) Como é que vêm a sua 
3) Que expectativas têm 
(hipotética/real) participação 
sobre o seu uso no ensino?
numa rede social?

Mestranda: Milena Jorge


Docente: Alda Pereira
2009|2010

1
Entrevistado: Professor de Matemática
Local da entrevista/meio de entrevista: Gabinete da DGIDC
Duração da entrevista: 25 minutos

Indicadores/unidades
Tema Categorias Sub-categorias Unidades de Contexto
de registo
- Sexo “Masculino”
Informações pessoais
- Idade “42 anos”

- Anos de serviço “21”


Informações
- Cargos de coordenação “não exerço nenhum cargo de coordenação”
profissionais

Formação académica Mestrado “Mestrado em Didáctica da Matemática”

Formação em Novas - Programação “algumas disciplinas de programação”


Tecnologias da
Comunicação - Autodidacta “a maioria da minha formação foi enquanto auto-didacta”
Redes Perfil pessoal e Utilização das TIC em “(…) disciplina na plataforma Moodle da escola”
sociais profissional -Plataforma Moodle
contexto educativo

“(…)promover o debate entre os alunos e centralizar a


- Interacção entre os alunos informação da disciplina”
- Ferramenta de trabalho
“Os alunos fazem a entrega dos trabalhos na plataforma,
Objectivos da utilização - Trabalho discutem os temas dos trabalhos a apresentar e
das TIC em contexto
cooperativo/individual comunicam, por exemplo a constituição dos grupos de
educativo
trabalho.
- Partilha
- Comunicação “…objectivo de os familiarizar com ferramentas de
comunicação on-line.
- Socialização

2
- Hi5 “Conheço o Hi5, facebook, twitter (…)”
Identificação de redes - Facebook
sociais - Twitter
- Delicious
- Diigo
Nível de
conhecimento e - Twitter “(…) mantenho conta activa no Twitter e no facebook”
participação em - Facebook
redes sociais - Delicious “Sou também utilizador de sistemas de
Participação em redes
- Diigo socialbookmarking nomeadamente delicious e diigo.”
sociais
- Olhares
- Jpg “Tenho como hobby a fotografia e neste âmbito participo
também em comunidades específicas (olhares e JPG)”

- Conectar “(…) manter ligado a pessoas com os mesmos


interesses(…)”

Objectivos das redes - Partilhar “(…)fonte de informação e uns locais virtuais de


sociais partilha.”

- Desenvolver comunidades “(…)pertencer a várias comunidades de prática(…)”


Perspectiva crítica de prática
sobre as redes sociais
Identificação de
actividades
- Partilha de recursos
desenvolvidas nas redes “(…) partilha de recursos e informação.”
- Partilha de informação
sociais

“Todos os dias acedo ao Facebook, recebo e envio


Nível de participação Diária mensagens via Twitter e participo activamente no
Olhares”

3
- Socialização “(…)tenho conhecido e mantido relação com algumas
pessoas que conheci por esta via.”
Nível interpessoal
“(…) estando geograficamente distantes, têm os mesmos
- Grupos de interesse
- Aproximação gostos, interesses ou objectivos que eu.”

(continuação…)
Perspectiva crítica Nível familiar Não usa “Ao nível familiar não uso as redes sociais (…)
sobre as redes sociais
“(…) podem ser uma mais-valia nomeadamente com
- Mais-valia
alunos mais velhos e em níveis de ensino mais
avançados.”
Nível pedagógico
- Utilizadores naturais
Redes “(…) as novas gerações são utilizadores naturais destas
sociais ferramentas e que será um erro a escola não as
aproveitar (…) ”

Expectativas sobre a
utilização das redes Opinião sobre a “Sim, como já referi, seria um erro se não fossem
sociais no ensino possibilidade de serem exploradas neste contexto.”
Positiva
utilizadas em contexto
educativo. “(…)podem ser encaradas como meios de
obter/pesquisar informação”
- Comunidades de “(…) criar uma rede social, sobre determinado tema (…)”
aprendizagem
Identificação de
- Lançamento de temáticas “(…)partilhar recursos, ideias (…)”
possíveis utilizações
- Partilha de recursos
educativas das redes
- Discussão
sociais “(…)uma base de comunicação entre todos os
- Interacção e comunicação
intervenientes envolvidos.”

4
A influência das redes - Auto-formação “(…)uma mais-valia na sua própria formação.”
sociais na prática
pedagógica dos - Fonte de recursos
professores - Actualização “(…) fonte de recursos e de constante actualização”.

(continuação…) “(…) aproveitadas para auto-formação por parte dos


Expectativas sobre a - Auto-formação alunos.”
utilização das redes
sociais no ensino
- Comunicação escrita “A comunicação nestas redes é essencialmente escrita
A influência das redes (…)”
sociais na aprendizagem
dos alunos
- Argumentação “(…) incentivar uma correcta utilização pode trazer, entre
outras, muitas vantagens no modo como partilham
informação e argumento na defesa das suas posições.”
Redes
sociais

Vantagens na utilização - Grupo de especialistas


“Contacto com especialistas (…)”
de redes sociais no
ensino - Partilha de informação
“(…) troca de informação entre pares”
Desvantagens na Desperdício de tempo em
“(…) desperdício de tempo em jogos.”
utilização de redes jogos e actividades
sociais no ensino secundárias
“(…)actividades secundárias associadas a estas redes.”

Unidade de contexto: segmento todo onde se insere a unidades de registo; esta por sua vez é uma parte da unidade de contexto que funciona como um
indicador que permite perceber porque razão está associada a uma determinada subcategoria. Categoria é mais geral e abstracta que engloba várias
subcategorias.