Você está na página 1de 2
POR QUE A GREVE DEVE CONTINUAR? MANIFESTO DOS PALMAS, TO. 27/08/2015 PROFESSORES UNIDOS.
POR QUE A GREVE DEVE CONTINUAR?
MANIFESTO DOS
PALMAS, TO.
27/08/2015
PROFESSORES UNIDOS.

Porém, mais um passo e sairemos com a vitória.

O governo permanece

mentindo, enganando e oprimindo os professores. Marcelo Me Engana e Adão Trairão ameaçam cortar

nosso ponto, na tentativa de nos amedrontar. Contudo, sabemos que o Estado não

pode realizar este corte, não

apenas porque é obrigado a cumprir os 200 dias letivos (conforme lei 9.394/96), mas também porque o recurso impetrado pelo SINTET ainda não foi julgado. A

decisão de um só membro, Des. Marcos Villas Boas, não deve valer mais que a decisão de todo o Tribunal de Justiça. Conforme liminares concedidas pelos ministros do STF, Luiz Fux e Dias Toffoli Reclamação (Rcl) nº 16535, e Agravo de Instrumento (AI 853275) , o desconto do salário do trabalhador grevista representa a negação do direito à greve, na medida

que retira dos servidores

seus meios de subsistência”; compelindo os integrantes

do movimento a voltarem às suas tarefas.

Fonte:

http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNot

iciaDetalhe.asp?idConteudo=251000;

http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNot

iciaDetalhe.asp?idConteudo=203377

Diante disso, não podemos ceder, tendo em vista que

estamos assegurados juridicamente por decisões

da mais alta corte do país.

Resta-nos apenas permanecer firmes em nossa luta. Observemos que Marcelo Me Engana procura

mascarar a situação caótica

da educação tocantinense e

desestruturar o movimento grevista usando todos os meios de comunicação, o próprio Tribunal de Justiça do Estado e seus demais capatazes diretores regionais, gestores de escola

e alguns colegas que ainda estão confusos. O governador tenta manipular a opinião pública ao fabricar

a impressão de que a

educação no Tocantins vai bem, e ao colocar o povo

tocantinense contra os professores.

Até agora Adão Trairão tem

se mostrado indiferente e

irredutível, mas sua imagem e a de seu chefe já estão desgastadas. O cargo e o status de Adão Trairão e outros ex-dirigentes do SINTET já estão em perigo. Suas cabeças estão a prêmio. Nosso movimento deve resistir mais um pouco, pois uma nova atmosfera está surgindo: um clima de maior liberdade (com elei-

 Após anunciar o aumento inconstitucional de impostos, extinção de órgãos, publicação de

Após anunciar o aumento
inconstitucional de
impostos, extinção de
órgãos, publicação de
dezenas de milhares de
nomeações, e uso de outros
recursos indisponíveis,
Marcelo Me Engana não
quer greve durante o salão
do livro, pois quer
preservar sua imagem
desgastada.
O Salão do Livro 2015 é uma
vitrine cultural para a atual
gestão que será usado para
promover a farsa educacional
de Marcelo Me Engana. Nesse
palco teremos a oportunidade
de expor as precárias
condições da educação pública
tocantinense, e especialmente
a tirania Marcelista com os
educadores do nosso estado.
Igualmente, não podemos
esquecer que o Salão do Livro
é a ocasião perfeita para dar
visibilidade nacional ao nosso
movimento grevista e
desarticular as estratégias
sujas e baixas do governo do
Sr. Marcelo Me Engana.
Este momento de resistência é
ÚNICO e está muito
próximo!!! VALE A PENA
RESISTIR MAIS UMA VEZ E
CONTINUAR NOSSA GREVE
ATÉ O SALÃO DO LIVRO!!!
Preferimos morrer de pé do que
viver o resto de nossas vidas
ajoelhados!!!
JUNTE-SE A NÓS!!!

ção direta para gestor escolar), de conquista (com o ganho de 13% do custo aluno, e equiparação PRONO- PROEB), e garantia de outros direitos (pagamento do passivo das progressões). Essa é nossa oportunidade de consolidar as batalhas que temos travado até agora. A luta é grande, mas vale a pena quando alcançarmos o mínimo do que temos reivindicado. Observemos que a única alteração na proposta do Marcelo Parcela foi

a mera redução de 6 para 5 parcelas

relativas ao pagamento do passivo de progressões 2013. Dos 9 motivos pelos quais lutamos, o governo não cedeu praticamente em nenhum deles. Marcelo Me Engana e Adão Trairão não apresentaram nada de novo. Na verdade, não entendemos

o porquê desta assembleia de hoje.

Compare a proposta do SINTET e a do governo (vejamos ao lado), e veja

não avançamos em nada.

PROPOSTA DO SINTET.

Fonte: Facebook do Sintet.

em nada. PROPOSTA DO SINTET . Fonte: Facebook do Sintet. 1- PROPOSTA DO GOVERNO Passivo das

1-

PROPOSTA DO GOVERNO Passivo das progressões de 2013 em 5 parcelas, de

2-

agosto a dezembro de 2015 ????????? SEM PROPOSTA

3-

????????? SEM PROPOSTA

4-

????????? SEM PROPOSTA

5-

Eleição para diretor com pré-seleção de candidatos realizada pela COPESE-UFT.

6-

????????? SEM PROPOSTA

7-

????????? SEM PROPOSTA

8-

????????? SEM PROPOSTA

9-

????????? SEM PROPOSTA

Fonte:

proposta-a-grevistas-da-educacao-sintet-analisa

http://conexaoto.com.br/2015/08/21/governo-apresenta-nova-

ADÃO TRAIRÃO NÃO ESTEVE NA AUDIÊNCIA (20-08-2015), MAS NO DIA SEGUINTE ESTAVA COM DIRIGENTES DO SINTET, APRESENTANDOSUA FALSA PROPOSTA. O desrespeito e o descaso do secretário para conosco só nos impulsionam a lutar ainda mais pelos nossos direitos.

nos impulsionam a lutar ainda mais pelos nossos direitos. Fonte:

Fonte: http://www.secad.to.gov.br/gcs/opencms/portal_secad/noticias/news_0528.html

Obs.: Por não se tratar de publicação periódica, este folheto não está sujeito a todos os critérios da LEI No 5.250/67, que regula a liberdade de manifestação do pensamento e de informação. Por outro lado, estamos amparados pelo direito à liberdade de expressão contido no artigo 5º, inciso IX, da Constituição Federal.