Você está na página 1de 11
PARAMETRIZAÇÃO RECEPTOR NFS-E MASTERSAF DF-E
PARAMETRIZAÇÃO RECEPTOR NFS-E MASTERSAF DF-E
PARAMETRIZAÇÃO RECEPTOR NFS-E MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO RECEPTOR NFS-E

MASTERSAF DF-E

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

ÍNDICE

Login

1

Troca de senha

1

Administração do Sistema

2

Certificados

2

Usuários

3

Dados do Usuário

4

Permissões do Usuário

4

Empresas

5

Parâmetro do Receptor NFS-e

7

Módulo Integrador

8

Tipos de Eventos

9

Formato de nomenclatura dos arquivos de retorno

9

Publicado em 21/12/2012

Integrador 8 Tipos de Eventos 9 Formato de nomenclatura dos arquivos de retorno 9 Publicado em

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

LOGIN

Com o portal iniciado, vamos iniciar o navegador de internet com o seguinte link http://localhost:8080/portal/mvc/login (onde localhost deve ser o servidor onde a aplicação está hospedada).

deve ser o servidor onde a aplicação está hospedada). TROCA DE SENHA Na parte superior do

TROCA DE SENHA

Na parte superior do site, conforme figura abaixo, são apresentadas as seguintes opções:

Mastersaf >> Trocar senha: permite a alteração da senha;

Logout:Sair do sistema;

Trocar senha: permite a alteração da senha; Logout:Sair do sistema; Publicado em 21/12/2012 Opções na parte

Publicado em 21/12/2012

Opções na parte superior

1

Trocar senha: permite a alteração da senha; Logout:Sair do sistema; Publicado em 21/12/2012 Opções na parte

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

ADMINISTRAÇÃO DO SISTEMA

O link “Administração do Sistema” leva à tela com as funções administrativas.

do Sistema” leva à tela com as funções administrativas. CERTIFICADOS Administração do Sistema Nessa opção

CERTIFICADOS

Administração do Sistema

Nessa opção cadastra-se o certificado da(s) empresa(s). Selecionar o arquivo do certificado, digitar a senha e clicar em Cadastrar. Observar também se o mesmo poderá ser vinculado às filiais, de acordo regras de cada município. Em caso afirmativo, a opção Aplicar para matriz e filiais pode ser marcada;

a opção Aplicar para matriz e filiais pode ser marcada; Publicado em 21/12/2012 Atualização do certificado

Publicado em 21/12/2012

Atualização do certificado

2

a opção Aplicar para matriz e filiais pode ser marcada; Publicado em 21/12/2012 Atualização do certificado

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

USUÁRIOS

Na opção Usuários, são apresentados todos os usuários cadastrados no sistema. Para efetuar uma busca, utilizar a opção Filtrar Resultado. Itens dessa tela:

);
);

);

Cadastrar novo usuário (

Filtrar Resultado (

• Indicador de usuário habilitado. Clicar para desabilitar (

• Indicador de usuário desabilitado. Clicar para habilitar (

• Para Editar dados do Usuário (

Clicar para habilitar ( • Para Editar dados do Usuário ( ); ); ); E o

);

); );
);
);

E o módulo mensageria fica responsável pela comunicação com a SEFAZ para fazer a consulta da chave do CT-e.

o com a SEFAZ para fazer a consulta da chave do CT-e. Tela de listagem de

Tela de listagem de usuários

Para cadastrar um novo usuário, clicar em Cadastrar Usuário. Na tela que se abre, preencher os campos solicitados.

Publicado em 21/12/2012

3

usuário, clicar em Cadastrar Usuário . Na tela que se abre, preencher os campos solicitados. Publicado

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR
A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E DADOS DO USUÁRIO Cadastro de usuário

DADOS DO USUÁRIO

Cadastro de usuário

Login: preencher com o login do novo usuário;

Seu Nome: preencher com o nome do novo usuário;

Email: email do novo usuário;

Data de Expiração: data na qual expira o usuário sendo criado;

Status: se o usuário será incluído com o status habilitado ou desabilitado;

Grupo Empresa: grupo de empresas ao qual o usuário faz parte;

PERMISSÕES DO USUÁRIO

Aqui são selecionadas as permissões que o novo usuário receberá. Caso o usuário sendo criado seja um usuário para ser utilizado no Integrador, selecionar permissão de integração (NFSE Integrador).

Filtro: através do filtro de pesquisa pode-se buscar por usuário através de uma parte de seu login/nome.

Publicado em 21/12/2012

4

do filtro de pesquisa pode-se buscar por usuário através de uma parte de seu login/nome. Publicado

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR
A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E EMPRESAS Tela de listagem de usuários

EMPRESAS

Tela de listagem de usuários

Os seguintes dados são solicitados no cadastramento de uma nova empresa:

CNPJ: CNPJ da nova empresa;

Razão Social: razão social da nova empresa;

Inscrição Estadual: Para nota Mercantil / CT-e esse campo será Obrigatório;

Inscrição Municipal: Para nota de Serviço esse campo será Obrigatório;

Email Administrador: email do administrador da nova empresa;

Grupo Empresa: grupo de empresas ao qual a nova empresa faz parte;

Estado e cidade;

Status: indica se a empresa está habilitada ou não;

Parâmetro de Fuso Horário: O sistema adota por padrão a hora local do Servidor, caso o servidor não esteja no mesmo fuso onde serão emitidos os documentos fiscais é possível fazer o ajuste para mais ou menos horas de acordo com a hora do servidor.

Logotipo: logo da nova empresa (selecionar a imagem);

Parâmetros específicos: parâmetros dos módulos de NFS, NFE e CTE;

Os campos de preenchimentos obrigatórios estão sinalizados com um asterisco.

OBS: no caso de instalação in house, será solicitado o arquivo XML de licenciamento no cadastramento de uma nova empresa.

Publicado em 21/12/2012

5

in house, será solicitado o arquivo XML de licenciamento no cadastramento de uma nova empresa. Publicado

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR
A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E Dados da empresa Assim como na

Dados da empresa

Assim como na tela de usuários, uma empresa pode ser desabilitada ou habilitada. Para isso clicar no ícone Através da opção Filtrar Resultado pode-se buscar por uma empresa através de seu CNPJ/Razão Social.

pode-se buscar por uma empresa através de seu CNPJ/Razão Social. ou . Publicado em 21/12/2012 Listagem

ou

.
.
pode-se buscar por uma empresa através de seu CNPJ/Razão Social. ou . Publicado em 21/12/2012 Listagem

Publicado em 21/12/2012

Listagem de empresas

6

pode-se buscar por uma empresa através de seu CNPJ/Razão Social. ou . Publicado em 21/12/2012 Listagem

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

PARÂMETRO DO RECEPTOR NFS-E

DO RECEPTOR NFS-E PARÂMETRO DO RECEPTOR NFS-E Os parâmetros para o Receptor NFSE (notas de serviço)

Os parâmetros para o Receptor NFSE (notas de serviço) são os seguintes, por município:

• Ativo: indica se as notas tomadas pela empresa no município sendo parametrizado serão recebidas ou não. Em outras palavras, se a recepção estará ou não ativa;

• Periodicidade: indica qual a periodicidade com que a verificação e recepção de notas emitidas contra a empresa ocorrerão;

• Última consulta: esse parâmetro indica a data a partir de quando as notas recebidas devem ser consultadas. Por exemplo, se desejar se buscar todas as notas a partir de 01/01/2011, basta colocar essa data. Ela será atualizada conforme forem ocorrendo as consultas;

Publicado em 21/12/2012

7

01/01/2011, basta colocar essa data. Ela será atualizada conforme forem ocorrendo as consultas; Publicado em 21/12/2012

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

MÓDULO INTEGRADOR

O módulo Integrador é responsável pela integração/ recepção da Nota com o portal do Mastersaf DFE.

A forma de integração disponível:

Integração WebService: nesse modo de integração o portal DFE faz a consta na prefeitura das nota emitidas para cliente e retorna os arquivos com os dados da nota em uma pasta/diretório;

(consultar o portal http://docs.dfe.mastersaf.com.br para obter os layouts)

Sua configuração se dá através do arquivo integrador.properties, cujos principais parâmetros são:

Pastas para o Receptor NFS-e: aqui se define a localização para cada uma das pastas de integração:

Retorno: aqui serão gerados os arquivos com informações de retorno (parâmetro pasta_receptor_nfs_retorno);

Erro: aqui serão gravados os retorno de erros (parâmetro pasta_receptor_nfs_erro);

url_webservice: endereço do WebService para a integração;

portal_username: usuário do portal com permissão para integração;

portal_password: senha do usuário do portal para integração;

modulos: esse parâmetro indica quais módulos o integrador irá trabalhar poder ser: fs,recptor_nfs, nfe e cte, recebimento;

modo_operacional_manual: se esse parâmetro estiver como “true”, uma tela do integrador será exibida ao iniciar. Esse modo é utilizado na fase de testes de layout, pois nessa tela é possível colar o conteúdo de um arquivo e enviá-lo ao portal;

• Verificar se o ambiente necessita de Proxy para comunicação com o portal. Caso seja necessário, configurar os parâme- tros:

– proxy_url

– proxy_port

– proxy_username

– proxy_password

Publicado em 21/12/2012

8

configurar os parâme- tros: – proxy_url – proxy_port – proxy_username – proxy_password Publicado em 21/12/2012 8

MASTERSAF DF-E

PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR NFS-E

M A S T E R S A F D F - E PARAMETRIZAÇÃO DO RECEPTOR

Caso a integração não esteja ocorrendo, verificar:

1. Se os testes de comunicação passaram (visualizar em log/integrador.log);

comunicação passaram (visualizar em log/integrador.log); 2. Se as credenciais do usuário do portal estão config

2. Se as credenciais do usuário do portal estão configuradas corretamente no arquivo integrador.properties (portal_username, portal_password) e se esse usuário possui permissão de integração NFSE no portal.

TIPOS DE EVENTOS

Os arquivos de retorno podem conter os seguintes tipos de eventos

de retorno podem conter os seguintes tipos de eventos FORMATO DE NOMENCLATURA DOS ARQUIVOS DE RETORNO

FORMATO DE NOMENCLATURA DOS ARQUIVOS DE RETORNO

Para a geração do nome do arquivo de retorno a estrutura proposta consiste em:

<chave de acesso>_<cnpj da empresa>_<codigo do evento>

Exemplo:

12345678901234567890123456789012345678901234_12345678901234_1.txt

ou

12345678901234567890123456789012345678901234_12345678901234_1.xml

Publicado em 21/12/2012

9

ou 12345678901234567890123456789012345678901234_12345678901234_1.xml Publicado em 21/12/2012 9