Você está na página 1de 4

Código de barras  

A tecnologia de código de barras foi desenvolvida visando a entrada de dados automatizados e a


abolição de erros humanos de digitação. Uma leitora própria joga um feixe de luz no símbolo e capta a
luz refletida. A imagem recebida é comparada com uma tabela interna e decodificada. Após a
decodificação, a leitora retorna para o computador os dígitos que compõem o símbolo lido, como se
tivessem sido digitados no teclado. Com isso, o código tem sua entrada no computador de forma muito
rápida e sem erros.

Código de barras do tipo EAN13

Em 1987 a International Article Numbering (EAN), após uma pesquisa realizada em diversos países
europeus, desenvolveu uma tecnologia para a geração de um tipo de código de barras para embalagens
de produtos comerciais. A base para o desenvolvimento deste novo código foi o código UPC (Universal
Product Code). Este código (EAN13) em pouco tempo foi adotado por inúmeros países tornando-se um
padrão internacional. Atualmente é utilizado por mais de 80 países em todo o mundo.

Veja como o código é composto. Ele apresenta 13 dígitos que correspondem a quatro informações. São
elas:

 Prefixo do país: os primeiros 3 dígitos


 Código do fabricante: os próximos 4 dígitos
 Código do produto: os próximos 5 dígitos
 Dígito de controle: o último dígito

Exemplo: A fita de vídeo Philips T-120 S-2 tem o seguinte código:

789 4401 00004 1

 789 corresponde ao Brasil (É produzida aqui no Brasil)


 4401 corresponde ao fabricante (Philips)
 00004 corresponde ao produto (Fita de vídeo T-120 S-2)
 1 corresponde ao dígito verificador

O código que identifica o nosso país (Brasil) é o 789.

Significado do código numérico do EAN-13


As quatro partes que compõem o código são:

 País de origem do produto


 Empresa fabricante
 Produto por ela produzido
 Dígito verificador
EE Francisco D´amico

Visite: http://profjuliocesar.blogspot.com
Administração de EAN
Utilização
Um EAN (Número de Artigo Internacional) é um número exclusivo, de padrão internacional, que
identifica um material. Esse número faz referência sempre a uma unidade de medida específica ou a um
tipo de embalagem, como um pacote de dez peças ou uma caixa. Para cada unidade de medida definida
em um registro mestre de material, o usuário pode atribuir um ou mais EANs e especificar dados de
embalagem (como dimensões, volume e peso bruto).

Nos Estados Unidos, o equivalente ao EAN é o UPC (Código Universal de Produto).

Em geral, o EAN é atribuído pelo fabricante do material. O EAN também pode ser atribuído por
uma sociedade, através de diferentes técnicas de numeração internas. Os EANs internos são conhecidos
somente na sociedade.

Conjunto de funções

Estrutura do EAN

Em geral, um EAN possui 13 dígitos e a seguinte estrutura:

 Prefixo do EAN

Pode ser um código de país que identifica o país de origem do material ou, no caso de EANs
internos, pode ser específico da sociedade.

 Número do artigo
 Dígito verificador

O objetivo desse dígito é assegurar que EANs incorretos não sejam entrados manualmente ou
digitalizados.

Posição Significado
1–3 Prefixo do EAN
1–12 Número do artigo (contém o prefixo do EAN)
13 Dígito verificador

Atribuição de números

Os EANs podem ser atribuídos através de um dos seguintes métodos:

 Internamente (pelo sistema)


 Externamente (pelo usuário)

A atribuição interna de números é preferível, pois o EAN tem de atender a vários critérios. Por exemplo,
ele deve pertencer a um intervalo de numeração válido, conter um prefixo de EAN válido (quase sempre
necessário) e satisfazer a um algoritmo predefinido de dígito verificador.
EE Francisco D´amico

O usuário só deve atribuir um EAN externamente se o número for predefinido pelo fornecedor ou se o
usuário estiver familiarizado com a configuração de EANs no Customizing do Mestre de Material.

O tipo de atribuição de números é definido pela categoria a que cada EAN é atribuído. A categoria do
EAN também determina o algoritmo do dígito verificador do EAN.
Visite: http://profjuliocesar.blogspot.com
Digito Verificador

PASSO 1: Abaixo do código completo (sem o dígito verificador) e começando pela direita, situe
alternadamente os números 3 e 1 para cada um dos dígitos, iniciando com peso 3.

7 8 9 1 2 3 4 5 0 0 0 1 DV
131313131313

PASSO 2: Multiplique todos os dígitos pelos pesos correspondentes:

7 8 9 1 2 3 4 5 0 0 0 1 DV
1 3 1 3 1 3 1 3 1 3 1 3
7 24 9 3 2 9 4 15 0 0 0 3 resultado das multiplicações

PASSO 3: Some todos os resultados das multiplicações:

7+24+9+3+2+9+4+15+0+0+0+3 = 76

PASSO 4: O resultado obtido na soma(76) deve ser subtraído do múltiplo de 10 imediatamente


maior do que ele.
Então: 80 - 76 = 4

CONCLUSÃO: O dígito de controle será o resultado dessa subtração. No exemplo acima, é o


número 4.
OBS: Quando a soma total resultar em um múltiplo de 10 (EX: 80,100, 120 ETC), o dígito de
controle será "0" (zero).

Código de barras do tipo EAN8

O código de barras do tipo EAN8 foi desenvolvido a partir do EAN13. Na verdade ele é uma versão
compacta do EAN13 visando embalagens pequenas, como cigarros, caixa de fósforos, lápis, canetas, etc.
A diferença para o EAN13 está no método de codificação e no menor número de caracteres de dados.
Veja no exemplo abaixo como o código de barras EAN8 é bem menor que o EAN13:

Exemplo: Para o EAN13 A fita de vídeo Philips T-120 S-2 tem o seguinte código:

789 4401 00004 1

 7894401000041 é o código completo


 789 corresponde ao Brasil (É produzida aqui no Brasil)
 4401 corresponde ao fabricante (Philips)
 00004 corresponde ao produto (Fita de vídeo T-120 S-2)
 1 corresponde ao dígito verificador

Se fôssemos codificar a mesma fita utilizando o código EAN8, o símbolo gerado ficaria bem mais
compacto. Veja a figura abaixo:

789 0004 1

 789 0004 1 é o código completo


 789 corresponde ao Brasil (É produzida aqui no Brasil)
 0004 corresponde ao produto (Fita de vídeo T-120 S-2)
EE Francisco D´amico

 1 corresponde ao dígito verificador

Observe que o código que identifica o fabricante é omitido e o código do produto fica com quatro casas
em vez de cinco. Com isto o código utilizado fica com oito dígitos em vez de treze; e o símbolo gerado
fica mais compacto.
Visite: http://profjuliocesar.blogspot.com
Veja na lista abaixo os códigos dos principais países que utilizam o EAN13 atualmente:

Código Localidade Código Localidade


00-13 USA & Canada 20-29 Reservado para uso local
30-37 France 400-440 Germany
45 Japan 46 Russian Federation
471 Taiwan 474 Estonia
475 Latvia 477 Lithuania
479 Sri Lanka 480 Philippines
482 Ukraine 484 Moldova
485 Armenia 486 Georgia
487 Kazakhstan 489 Hong Kong
49 Japan 50 UK
520 Greece 528 Lebanon
529 Cyprus 531 Macedonia
535 Malta 539 Ireland
54 Belgium & Luxembourg 560 Portugal
569 Iceland 57 Danmark
590 Poland 594 Romania
599 Hungary 600-601 South Africa
609 Mauritius 611 Morocco
613 Algeria 619 Tunisia
622 Egypt 625 Jordan
626 Iran 64 Finland
690-692 China 70 Norway
729 Israel 73 Sweden
740-745 Guatemala 746 Republica Dominicana
740-745 El Salvador 746 Republica Dominicana
740-745 Honduras 746 Republica Dominicana
740-745 Nicaragua 746 Republica Dominicana
740-745 Costa Rica 746 Republica Dominicana
740-745 Panama 746 Republica Dominicana
750 Mexico 759 Venezuela
76 Switzerland 770 Colombia
773 Uruguay 775 Peru
777 Bolivia 779 Argentina
780 Chile 784 Paraguay
785 Peru 786 Ecuador
789 Brazil 80-83 Italy
84 Spain 850 Cuba
858 Slovakia 859 Czech
860 Yugoslavia 869 Turkey
87 Netherlands 880 South Korea
885 Thailand 888 Singapore
890 India 893 Vietnam
899 Indonesia 90-91 Austria
93 Australia 94 New Zealand
955 Malaysia 977 ISSN
978 Internat. Stand.Book Number (ISBN) 979 Int.St. Music Number (ISMN)
980 Refund receipts 99 Coupons

Fonte da Pesquisa:
EE Francisco D´amico

http://pt.wikipedia.org/wiki/EAN-13
http://www.u2sistemas.com.br/codibar.htm#in_cbean13
http://www.scriptbrasil.com.br/forum/lofiversion/index.php/t66834.html
http://help.sap.com/saphelp_40b/helpdata/pt/ff/51602d49d811d182b80000e829fbfe/content.htm

Visite: http://profjuliocesar.blogspot.com