Você está na página 1de 3

A Radiestesia aplicada de outras maneiras 

A Radiestesia é uma ciência que detecta todos os tipos de manifestações energéticas. É a


maneira de detectar ou melhor, descobrir objetos ocultos, doenças, alimentos e
medicamentos adequados, e desgaste de energia no corpo humano, seja nos sectores
psíquicos, seja nos sectores físicos. A Radiestesia pode ser aplicada com os seguintes
instrumentos radiestésicos:

Cone:

É um aparelho com determinados pontos energéticos, que servem para enviar energias.


Funções: Limpeza da Aura, desobssessivo, equilibrador energético, usado para perda de
memória, labirintite, cefaleias, dificuldade de aprendizagem e de concentração, neutralizador
das irradiações nocivas do solo (energias telúricas e cursos de água subterrâneos).Também
serve para energizar pessoas á distância (com um testemunho) e é neutralizador das
irradiações nocivas do Sol. 

Pêndulo:

Serve de amplificador e captador das diversas radiações. As radiações são processadas


no cérebro através da sensibilidade do radiestesista e depois como resposta, atuam na mão
do, fazendo oscilar o pêndulo, através de movimentos musculares.

Pirâmides:

Acumuladora  e emissora de energias benéficas, equilibrando o ser humano a nivel físico e a


nivel psiquico. A energia que emana da pirâmide possui a capacidade de agir sobre os
elementos, promovendo a cura das doenças, atenuando as dores, equilibrando o sistema
nervoso e o próprio ambiente onde está inserida. Deve ser alinhada com uma das suas quatro
faces laterais voltadas para o Norte magnético. 

Anel Atlante:

O anel atlante possui três retas, seis pontas e dois triângulos e atendem às exigências de uma
fórmula esotérica. Foi descoberto por Howard Carter quando encontrou o túmulo do
faraó Tutankamon. Após o regresso aos respectivos países, os 41 cientistas que estiveram
nessa expedição, juntamente com Carter, tiveram mortes diversificadas, mas com algo em
comum, apenas um deles sobreviveu, o que usou o anel (Howard Carter). Através de pesquisas
realizadas sobre o anel, até na foto Kirlian, constatou que possui energias, sendo um milagre
da física micro vibratória, onde as ondas de forma são os agentes invisíveis que constituem
hoje, aquilo que é a ciência do futuro, a Radiónica, atuando como proteção, cura e intuição na
pessoa que o usa.

Aurameter:

O Aurameter é um aparelho de metal, de precisão, que detecta todas as variações da aura,


inclusive a sua extensão e ajuda no diagnóstico dos Chakras. Para medir a aura, devemos
segurar levemente no punho, permitindo no inicio da leitura, que a ponta toque na pessoa
para uma rápida ligação e sintonia aurica. Depois devemos estar atentos aos seus movimentos
á medida que percorremos o corpo da pessoa e interpretar.

Bastão Cromático:

Desde a mais remota antiguidade, encontramos o uso de cajados ou bastões, aos quais eram
atribuídos grandes poderes. O bastão é constituído de um tubo de cobre fechado numa
extremidade, tendo na outra, uma ponta de cristal de quatzo.

Funciona como armazenador de partículas subatómicas, ampliando, acumulando e emitindo


energia, cabendo ao cristal de quartzo, através da sintonia mental do operador, o
direcionamento e a emissão desta energia acumulada no seu interior, para a pessoa que
recebe o tratamento. Além disso, este bastão tem um ponto de inserção para lâminas
coloridas, atuando assim, através da cromoterapia.

Dual Rod:

O Dual Rod é um aparelho radiestesico, com a finalidade de detectar o fluxo energético


de lugares ou de objetos. É formado de duas varetas, nas quais o operador segura na
pega, deixando-as ficar paralelas uma á outra, na horizontal e apontadas para a frente. Com os
braços estendidos a um nível confortável, devemos deslocar o aparelho na direção do objeto
ou da pessoa, de modo que ao aproximarmo-nos do fluxo, as varetas cruzam-se, formando
um "X". Quando as varetas se afastam é porque não existe um fluxo energético.

O pêndulo, indispensável na Radiestesia

Materiais mais usados no fabrico dos pêndulos: Cristal, Latão, Cobre, Madeira

Os vários modelos existentes no mercado: cónico, pião, caneta, espiralado, esférico,


testemunho.

Sobre as pirâmides radiestésicas

A pirâmide é uma forma geométrica capaz de captar a energia cósmica que é inesgotável
e gratuita. Melhora a qualidade dos alimentos e do ambiente. As medidas desta pirâmide
devem ser proporcionais às da pirâmide de Quéops. Isto foi comprovado pelo radiestesista
francês Antonie Bovis, em 1930, o qual percebeu que havia pequenos animais mortos em
perfeito estado de conservação, como se estivessem "mumificados". Fez as experiências e o
resultado é a sua utilização em trabalhos radiestésicos actuais. Também devemos levar em
consideração o material utilizado no seu fabrico e a situação a tratar. Segue uma lista de
exemplos:

Pirâmide de cristal: É utilizada para curas de doenças físicas, +ara energizar água, no Chakra
Frontal (5 minutos apenas, para aumentar a clarividência).

Pirâmide de cobre: É utilizada para captar as energias negativas e transformá-las em positivas.


Indicada para ambientes de trabalho. A nível de saúde, ajuda a restabelecer de uma doença.

Pirâmide de alumínio: É indicada para exercícios de relaxamento e de meditação.  Dependendo


da sua de cor, pode atuar terapêuticamente, tal como o bastão cromático, utilizado na
cromoterapia.

Pirâmide de latão: É indicada para trabalhar a aceitação de mudanças e a adaptação a novas


situações. Ajuda também a conservar alimentos e plantas.

Pirâmide de madeira: É recomendada principalmente para a cura de problemas físicos (deixar


15 minutos no local).

Pirâmide de ferro: É recomendada para combater as fobias e traumas.

Você também pode gostar