Você está na página 1de 20

CORPO NACIONAL DE ESCUTAS

ESCUTISMO CATÓLICO PORTUGUÊS


Agrupamento 1143 - S. Simão de Oiã

c e r e
C r e s
n d e r
p r e
A

VIGÍLIA
Promessas
2010-03-07 1
VIGÍLIA
Concentração no adro da Igreja
Formação na adro da Igreja com: o Círio acesso, seguido da Biblía aberta,
ladeada por duas velas, o livro “Escutismo para rapazes”, o Assistente de
Agrupamento e por fim os Escuteiros pela seguinte ordem: Lobitos,
Exploradores, Pioneiros, Caminheiros, Escuteiros de outros Agrupamentos,
Dirigentes.

RENASCE EM MIM

Se um dia eu ficasse sem Ti,


olharia as estrelas do céu
p’ra lembrar que viveste por mim,
e para sempre guardar-Te, para sempre lembrar-Te
na marca de um gesto meu.

Renasce em mim, mostra como ama alguém


que precisa de mim
p’ra mostrar o melhor que Deus tem.

O que sinto não posso explicar,


é difícil saber e dizer...
O que eu tenho, não posso negar
que é aquilo que eu quero, é a Ti que eu desejo,
e não vou abandonar.

Renasce em mim, mostra como ama alguém


que precisa de mim
p’ra mostrar o melhor que Deus tem.

Reviver o que vivi, renascer conTigo,


conquistar o Teu espaço astral,
pois quem ama não teme o bem e o mal.

Renasce em mim, mostra como ama alguém


que precisa de mim
p’ra mostrar o melhor que Deus tem.

2
I PARTE
A PROMESSA ESCUTISTA: COMPROMISSO COMA FELICIDADE

(Dirigente)
Introdução e Acolhimento
Jesus de Nazaré passou noites inteiras em vigília de oração,
no silêncio, pedindo ao Pai que Lhe desse a conhecer o Seu plano
de salvação para toda a Humanidade.
Hoje, somos nós quem está em Vigília. Vimos aos pés do Senhor,
esta noite, pedir-Lhe a força para sermos fiéis à nossa Promessa de
Escuteiros, e acompanhar fraternalmente, em oração, aqueles que se
preparam para assumir esse compromisso. Pelo Baptismo, tornámo-
nos parte da Igreja. Agora reavivamos esse maravilhoso dom de Deus,
pelo compromisso da Promessa que nos exige responsabilidade,
coerência e fidelidade. A Promessa vem dar nova força à vida divina
que o Baptismo em nós inaugura. Por isso, temos de estar vigilantes
para que, na pista do ideal escutista em que a vida se torna para quem
se decide a olhá-la à maneira de Baden-Powell, Deus nos mostre o
caminho a seguir, para chegarmos até Ele, amando e servindo, na
fidelidade à Promessa.
(Assistente)
Oremos:
Ó Deus, Pai de infinito amor,
no fogo, ofereceis aos homens
um sinal claro do Espírito do Vosso Filho Ressuscitado
que anima o Vosso Povo
na sua peregrinação sobre a terra.
A nós, que hoje vamos caminhar, guiados por este círio,
percorrendo o caminho da Lei do Escuteiro,
concedei a consciência de que é o Espírito Santo,
o Espírito de Jesus Cristo,
quem nos faz descobrir em cada artigo
um horizonte novo de Graça e Liberdade,
um desafio permanente ao crescimento e à perfeição,
uma resposta cada vez mais fiel ao cumprimento da Promessa
que nos iniciou neste caminho e que hoje renovamos.
3
Nós Vo-lo pedimos por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho
que é Deus convosco, na unidade do Espírito Santo.
Ámen.
(Explorador)
Palavra de Deus: 2 Pedro 1, 1-11

Simão Pedro, servo e Apóstolo de Jesus Cristo, àqueles que


receberam, pela justiça do nosso Deus e de Jesus Cristo, nosso
Salvador, uma fé tão preciosa como a nossa: Graça e paz vos sejam
dadas em abundância pelo conhecimento de Deus e de Jesus Cristo,
nosso Senhor.
O Seu divino poder deu-nos todas as coisas que contribuem
para a vida e piedade, ao dar-nos a conhecer Aquele que pela Sua
glória e pela Sua virtude, nos chamou. Por elas, entramos na posse
das maiores e mais preciosas promessas, a fim de que vós participeis
da natureza divina, fugindo da corrupção que a conconcupiscência
gerou no mundo. Por estes motivos, esforçai-vos, quanto possível,
por unir à vossa fé a virtude, à virtude a ciência, à ciência a
temperança, à temperança a paciência, à paciência a piedade, à
piedade o amor fraterno e ao amor fraterno a caridade.
Se estas virtudes se acharem em vós abundantemente, elas
não vos deixarão inactivos nem infrutuosos no conhecimento de
Nosso Senhor Jesus Cristo. Porque quem não tiver estas coisas é
cego, anda às apalpadelas e esquece-se de que foi purificado dos
antigos pecados. Logo, meus irmãos, cuidai cada vez mais em
assegurar a vossa vocação e eleição, porque, procedendo deste
modo, não sucumbireis jamais. Assim vos será aberta largamente
a entrada no Reino eterno de Nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo.
(Pioneiro)
Salmo 15;
Refrão: Mostrai-me, Senhor, o caminho da vida
Bendigo o Senhor por me ter aconselhado
até de noite me inspira interiormente.
O Senhor está sempre na minha presença,
com Ele a meu lado não vacilarei.

4
Por isso o meu coração se alegra e a minha alma exulta
e até o meu corpo descansa tranquilo.
Vós não abandonareis a minha alma na mansão dos mortos,
nem deixareis o vosso fiel conhecer a corrupção.

Dar-me-eis a conhecer os caminhos da vida,


alegria plena em vossa presença,
delícias eternas
à vossa direita.
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 32

«Fazes frequentemente a renovação da Promessa de Escuteiro,


com a disponibilidade de a cumprir. Que estas cerimónias rituais,
mais ou menos coloridas, não sejam um mero rito, mas tenham
uma grande influência no teu quotidiano. São momentos fortes,
durante os quais avivas dentro de ti esse fogo novo que leva a
viver sempre alerta para servir com qualidade».
(Assistente)
Comentário: Convite à renovação da Promessa.

(Todos)
Renovação da Promessa:
Prometo pela minha honra e com a graça de Deus, fazer todo o
possível por ...
· Cumprir os meus deveres para com Deus, a Igreja e a
Pátria;
· Auxiliar o meu semelhante em todas as circunstâncias;
· Obdecer à Lei do Escuta.

5
CANÇÂO DA PROMESSA

Minha promessa atende, Juro seguir Teus passos,


Meu Deus, Deus meu, Como cristão,
E sobre mim estende E depor em Teus braços
O manto Teu. Meu coração.

Eu te amo e quero amar, Minh’alma toda cega


Cada vez mais. De fé e de amor
Não deixes de escutar, Hoje e sempre se entrega
Senhor, meus ais. A Vós, Senhor.

Defende-me do mal
Jesus, meu rei
que em prol de Portugal
batalharei.

(Dirigente)
Convite para a caminhada:
A Promessa cumpre-se no cumprimento da Lei.
Aquela é compromisso com a Felicidade. A Lei é
caminho para a Felicidade.

(Dirigente)
Texto de Baden-Powell: Última Mensagem de BP

«... O melhor meio para alcançar a felicidade é contribuir para


a felicidade dos outros. Procurai deixar o mundo um pouco melhor
de que o encontrastes e, quando vos chegar a vez de morrer, podeis
morrer felizes, sentindo que ao menos não desperdiçastes o tempo
e fizestes todo o possível por praticar o bem. Estai preparados
desta maneira para viver e morrer felizes - apegai-vos sempre à
vossa Promessa escutista - mesmo depois de já não serdes rapazes,
e Deus vos ajude a proceder assim...»
6
II PARTE
A LEI DO ESCUTEIRO: PISTA DA FELICIDADE
(Dirigente dos Lobitos)
Introdução
Na pista em que a vida se torna para quem se quer fazer Escuteiro,
há sinais de orientação: são os princípios que norteiam o caminhar e os
valores a respeitar. É este o sentido da Lei do Lobito e do Escuteiro,
bem como d as Máximas e Princípios. Não são restrições ou
impedimentos à Liberdade, mas sim ideais a atingir livremente por
cada Escuteiro e por todos em conjunto. Por isso vamos, nesta noite de
Vigília, proclamá-los com solenidade. E por cada um, vamos acender
uma Luz, a dizer que se torna cada vez mais claro o caminho da vida,
quando orientado pela Pista do Ideal Escutista.
(Lobitos)
PROCLAMAÇÃO DA LEI DO LOBITO
· 1.° - O Lobito escuta Àquêlà.
Tal como na Selva Àquela – o velho Lobo Sábio – procurava sempre que os
seus lobitos seguissem os seus conselhos. O mesmo deve acontecer connosco.
O Lobito deve obedecer aos pais em casa, aos professores na escola e aos
chefes na Alcateia.
· 2.° - O Lobito não se escuta a si próprio
Quando o lobito estiver a cumprir uma tarefa, pode achar difícil e se se
escutar acabaria por abandona-la, mas o lobito nunca desiste, e esforça-se
para vencer.

PROCLAMAÇÃO DAS MÁXIMAS DO LOBITO


· 1.° - O Lobito pensa primeiro no seu semelhante.
O Lobito sabe partilhar com os outros aquilo que possui, sem esperar nada
em troca. Sabe que um simples gesto de partilha o vai fazer feliz, por isso
pensa tanto no bem dos outros como no seu.
· 2.° - O Lobito sabe ver e ouvir.
Na Selva, Maúgli apurava a visão e a audição para perceber a Natureza.
Também o Lobito deve estar de olhos bem abertos e ouvidos à escuta e assim
verá que nunca faltarão ocasiões para fazer a boa acção.
· 3.° - O Lobito é asseado.
O Lobito tem cuidado com a higiene e sabe que isso o ajuda a manter a
saúde e proporciona um aspecto agradável, é um primeiro passo para viver
melhor consigo e com os outros. Ele mantém o ambiente à sua volta cuidado
e limpo, preservando a natureza.
7
· 4.° - O Lobito é alegre.
A alegria é a maior qualidade de uma criança, como S. Francisco somos
alegres e sempre bem-dispostos. A nossa alegria vai contagiar todos aqueles
que convivem connosco ajudando-os a ultrapassar as tristezas e os
momentos mais difíceis.
· 5.° - O Lobito diz sempre a verdade.
O Lobito reconhece os seus erros sem faltar à verdade, pois sabe que a
mentira não é solução para nada e facilmente é descoberta. Já diz o ditado:
“É mais fácil apanhar um mentiroso do que um coxo”. Ao dizer sempre a
verdade, torna-se uma pessoa de confiança, uma pessoa melhor.

CANÇÃO DAS MÁXIMAS

Sou lobito pequenino Os lobitos


ainda tenho pouca idade, são como as flores
mas, na selva eu aprendi andam na Alcateia
a dizer sempre a verdade a aprender a ser melhores.

Na alcateia tenho amigos Àquêlà e o Bàlu


porque faço mesmo assim: andam sempre a repetir
penso primeiro nos outros o lobito que é lobito Eu já não sou pata tenra
antes de pensar em mim. sabe ver e ouvir. no covil ando aprumado.
E aqui aprendi
ATCHIM! O lobito é bem disposto que o lobito é asseado.
O lobito canta e ri
O lobito é alegre Na alcateia tenho amigos
E para todos sorri porque faço mesmo assim:
penso primeiro nos outros
HIHI! antes de pensar em mim.

ATCHIM!

(Dirigente)
Texto de Baden-Powell:
“Diante de cada Homem, abrem-se dois caminhos: o do
egoísmo ou o do Serviço.
Cada um terá que escolher por si próprio qual será verdadeiro
lema. O egoísmo é mais cómodo; o Serviço envolve sacrifício.
Se um indivíduo não é capaz de se sacrificar, não tem o direito de
se chamar Homem. Mas se se sacrifica para servir, exprimindo
da melhor maneira possível o seu amor, pode estar certo de que a
vida será para ele um bem muito real - cheia de Felicidade”.
8
PROCLAMAÇÃO DOS PRINCÍPIOS DO ESCUTISMO

(Aspirante a Explorador)
· 1.º - O Escuta orgulha-se da sua Fé e por ela orienta toda a sua
vida
(Aspirante a Pioneiro)
· 2.º - O Escuta é filho de Portugal e bom cidadão
(Aspirante a Caminheiro)
· 3.º - O dever do Escuta começa em casa

PROCLAMAÇÃO DA LEI DO ESCUTA

I
(Aspirante a Explorador)
A HONRA DO ESCUTA INSPIRA CONFIANÇA
(Explorador - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 98-99

«O 1º artigo da Lei é aquele de que depende todo o futuro


procedimento e disciplina do Escuteiro. Espera-se que o Escuteiro
seja recto. A confiança deve ser a base de toda a nossa formação
moral».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 34

«Estás disposto, amigo Escuteiro, a seres como Eu (J. Cristo),


um sinal de contradição na sociedade em que vives? Estás decidido
a remar contra a maré, se necessário, para defenderes os valores
pelos quais vale a pena gastares a vida? Na actual sociedade não
faltam ocasiões em que se tem de ser sinal de contradição, porque
a tua fé te interpela a seres coerente nas tuas atitudes com a fé que
professas. Nesses momentos, serás verdadeiramente um Escuteiro
segundo o Meu (J. Cristo) coração. E podes contar com o Meu (J.
Cristo) auxílio; serei a tua fortaleza».

9
II
(Aspirante a Pioneiro)
O ESCUTA É LEAL
(Pioneiro - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 57

«Ser leal para com Deus significa nunca te esqueceres d’Ele e


recordá-l’O em tudo o que fazes. Se nunca O esqueceres, nunca
farás nada de mal. E se te lembrares d’Ele quando estiveres a fazer
qualquer coisa errada, deixarás logo de a fazer».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 57-58

«Também tu, amigo Escuteiro, sentirás, por vezes a tentação.


Quero que saibas que também Eu (J. Cristo) tive essa experiência.
Eu sei o que é sentir-se arrastado para o mal. Serás tentado a
organizar a tua vida a partir de critérios onde o importante é ser
muito rico, ter um grande sucesso, fazer o que apetece, dominar
os outros. Deverás estar preparado para resistir, sabendo que as
tentações nunca serão superiores às tuas forças. Fortalecido pelo
Espírito Santo, vencerás».

III
(Aspirante a Caminheiro)
O ESCUTA É ÚTIL E
PRATICA DIARIAMENTE UMA BOA ACÇÃO
(Caminheiro - Chefe de Equipa)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 33

«O rapaz tem um instinto natural para o bem, contanto que


veja um modo prático de o realizar, e a prática da Boa Acção vai
ao encontro desse instinto e desenvolve-o, e desenvolvendo-o
desperta o espírito da caridade cristã para com o próximo».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 50

«Se queres ser um bom Escuteiro, os teus companheiros devem


sentir a tua presença como um convite a serem melhores. Deves
10
brilhar pelas tuas obras. Não te esqueças nunca da Boa Acção
diária que te recordará que tens de ser responsável na edificação
de uma sociedade melhor. E apenas uma Boa Acção por dia?
Certamente que não! Uma Boa Acção pode ser uma gota de água
no oceano. Mas a vastidão do mar é formada por uma imensidão
de pequenas gotas. Uma Boa Acção recorda-te todos os dias como
te deves sentir responsável pelo que acontece à tua volta,
contribuindo para tomar o mundo mais justo e fraterno».

IV
(Aspirante a Explorador)
O ESCUTA É AMIGO DE TODOS E
IRMÃO DE TODOS OS OUTROS ESCUTAS
(Explorador - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 91

«Se todos os homens tivessem desenvolvido em si mesmos


o sentido da fraternidade, o hábito de pensar em primeiro lugar
nas necessidades dos outros e de subordinarem a elas as suas
ambições, prazeres ou interesses pessoais, teríamos um mundo
muito melhor onde viver. “Um sonho utópico”, diriam alguns,
“mas não passa de um sonho, por isso nem vale a pena tentar”.
Mas se, ao sonharmos, nunca estendêssemos as mãos para agarrar
a substância dos nossos sonhos, jamais conseguiríamos progredir».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 82

«É evidente que amais a todos e também aos que andam por


outros caminhos; mas não é com esses que fazeis a união fraterna,
uma união que dá força para praticar o bem. Se viverdes muito
unidos nas vossas patrulhas e nas vossas Secções, quando um
membro sofre é como se todos sofressem; quando um membro se
alegra é como se a alegria fosse de todos. Unidos na dor e na
alegria. E não é verdade que é na união que sereis uma força capaz
de transformar a sociedade? Cada qual sozinho não é nada; mas,
juntos, tendes o futuro nas mãos».

11
V
(Aspirante a Pioneiro)
O ESCUTA É DELICADO E RESPEITADOR
(Pioneiro - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 73

«O interesse próprio é a primeira meta de nove décimos das


pessoas. A promoção do interesse próprio significa, em última
instância, a guerra: o império do demónio no mundo. A sua antítese,
o amor e o serviço altruísta, exprimiriam o reino de Deus no
mundo».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 116-117

«Conjugar o verbo amar em todos os tempos e modos. Amar


com todo o coração, com toda a alma e com todas as forças. Não
serás como os outros Escuteiros que dizem amar toda a gente, mas
desaparecem sempre que é preciso realizar obras de amor».

VI
(Aspirante a Caminheiro)
O ESCUTA PROTEGE AS PLANTAS E OS ANIMAIS
(Caminheiro - Chefe de Equipa)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 124

«Não é só no que se refere às capacidades materiais que a


vida no meio do mato faz um homem ser homem, mas sobretudo o
seu desenvolvimento espiritual - quando ele se apercebe de que
não passa de uma pequena partícula em comunhão diária com a
natureza, cara a cara com ela e pulsando no seu coração».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 122-123

«Amigo Escuteiro, terás que ser tu a olhar para a natureza


com uns olhos novos. Vives num momento em que são grandes as
ameaças à natureza. Facilmente se poluem os ares que respiramos,
se sujam as paisagens com lixos, se sujam os rios, se acabam com
espécies animais... Serás tu a sensibilizar todas as pessoas para o
12
respeito pela criação inteira. Uma atitude nova que deverá nascer
no coração de cada pessoa. Preciso de ti para proteger e embelezar
a obra que Meu Pai confiou aos homens de todas as gerações».

VII
(Aspirante a Explorador)
O ESCUTA É OBEDIENTE
(Explorador - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 62-63

«As nossas regras são regras, não normas regulamentares.


Isto é, são como as regras do futebol, necessárias para que este
jogo possa ser jogado com lealdade por todos. Pretende-se que
ajudem a estabelecer linhas de orientação, e não sejam sinais de
proibição. Toda a disciplina que há no Movimento tem origem na
liberdade, no desejo que cada um tem de jogar o jogo para o bem
da sua equipa».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 16

«Tu, amigo Escuteiro, és convidado a seres como Maria. O


teu fundador, Baden-Powell, pediu que lesses frequentemente as
Escrituras, para veres como foi a fé das grandes personagens
bíblicas do Antigo e do Novo Testamento. Medita na atitude
confiante de Abraão, que deixa as suas seguranças para se lançar
numa nova caminhada; na imensa confiança de Moisés, que aceita
uma longa caminhada no deserto. Entre estes modelos de fé, Maria
ocupa um lugar muito particular. Aceitou ser a Serva do Senhor,
estando presente ao longo de toda a Minha (J. Cristo) vida terrena,
desde o nascer, ao morrer e ressuscitar. Como ela, és
convidado a confiar totalmente em Meu
Pai, na certeza que Ele quer para ti a
Felicidade. É esta a Sua vontade».

13
VIII
(Aspirante a Pioneiro)
O ESCUTA TEM SEMPRE BOA DISPOSIÇÃO DE ESPÍRITO
(Pioneiro - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 89

«Acredito que Deus nos colocou neste mundo encantador para


sermos felizes e apreciarmos a vida. O verdadeiro caminho para
alcançar a felicidade é contribuir para a felicidade dos outros».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 145-146

«Consegues imaginar um Agrupamento onde não haja alegria?


Achas que é possível viveres em família, se nela falta a alegria? A
alegria é fundamental. E se Eu (J Cristo) vos dou um Mandamento
Novo e vos digo que sou o Caminho, a Verdade e a Vida, é para
que a vossa alegria seja completa. Eu e o Meu Pai somos
plenamente felizes. E desejamos que todos vós participeis desta
alegria que o mundo não vos poderá tirar. Se estiverdes em
dificuldade, orai ao Pai em Meu nome, pedindo-Lhe que vos dê o
Espírito Santo. Sereis fortalecidos com esse Espírito de fortaleza,
vencereis as dificuldades e a vossa alegria jamais se esgotará».

IX
(Aspirante a Caminheiro)
O ESCUTA É SÓBRIO, ECONÓMICO E
RESPEITADOR DO BEM ALHEIO
(Caminheiro - Chefe de Equipa)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 61

«Não podes permitir-te gastar dinheiro nos teus luxos,


enquanto houver à tua volta pessoas que não têm o indispensável
à vida».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 60-61

«Também podes ser tentado, amigo Escuteiro, a veres apenas


como importante na vida a riqueza e a frequentares apenas os
14
supermercados onde se vendem e se compram as mais variadas
coisas, que são para consumir e deitar fora. Verás à tua volta outros
jovens e adultos que na vida só vêem ouro, dinheiro, ricas moradias,
bons automóveis, festas luxuosas... Recorda-te que, mais
importante que o ter, é o ser. Ser cada dia mais cumpridor da Lei
do Escuteiro, que se resume em ser cada dia mais responsável
pelos outros, mais serviçal, mais empenhado no trabalho pelos
outros e mais alegre. Não cedas à tentação tão actual do
consumismo, de ter todos os bens do mundo. Não adores as coisas.
Só a Deus adorarás. As coisas escravizam e só Deus liberta».

X
(Aspirante a Explorador)
O ESCUTA É PURO NOS PENSAMENTOS,
NAS PALAVRAS E NAS ACÇÕES

(Explorador - Guia)
Texto de Baden-Powell: Rasto do Fundador, 55
«O rapaz tem de compreender que o seu dever para com Deus
está em guardar e em desenvolver, como depósito sagrado, aqueles
talentos de que Deus o dotou para a sua passagem por esta vida; o
corpo, com a sua saúde, o seu vigor e a sua faculdade de reprodução,
para serem empregues ao serviço de Deus; a mente com o seu
raciocínio, a memória e o discernimento admiráveis que a colocam
acima do mundo animal; e a alma, essa parcela de Deus que traz
dentro de si - ou seja, o amor, que se pode desenvolver e fortalecer
por contínua expressão e prática».
(Escuteiro JC)
Meditação Escutista sobre o Evangelho: Evangelho do Escuteiro, 123

«Amigo Escuteiro, mantém-te sensibilizado para a outra


poluição que torna irrespirável a atmosfera do mundo, que são as
injustiças sociais, a miséria não merecida, a droga, a prostituição,
o alcoolismo, a exploração de menores, o roubo, a imoralidade, a
violência nas ruas, etc. Estas e outras coisas sujam a nossa terra e
é preciso que ela se torne mais habitável».

15
DESPERTOU DE UM SONHO

Despertou de um sonho E quando ele olhou


um homem viu... em seu redor,
e fez nascer em cada olhar não reparou que a noite,
a semente da nova alegria agora não era tão noite.
Dando a mão a quem precisa, E ao romper de um novo dia,
sempre certos da divisa, vendo a gente que o seguia,
caminhando monte a cima fez-se raiz de uma árvore
renovando a vida. renovando a vida.

Refrão: Nas palavras de montanha, a verdade


Olhar o mundo como ele o vê a chamar por coerência e compromisso
queremos ser a imagem de B.P. o evangelho feito comunidade
o dom que está mais perto vivido em atitude de serviço.
dentro de nós De B.P. vem, o apelo a navegar
vamos levar ao mundo caminhos de triunfo, a felicidade
a sua voz em Jesus Cristo a meta a alcançar
a sua voz na razão de viver o Homem novo chamado à eternidade.
o seu viver para construir
deixando o mundo sempre um pouco melhor
sempre Alerta para Servir

Mensagem da Chefe de Agrupamento

III PARTE
POR CRISTO, COM CRISTO E EM CRISTO
(Assistente)
Acolhimento:
O Escutismo procura o que o Homem procura.
O Homem procura a Felicidade. O Escutismo oferece um
modo de realizar essa procura. Pela Promessa a pessoa adere,
compromete-se com a Felicidade e, na Lei, encontra um caminho
para a realização desse compromisso.
Para nós, que somos cristãos, tudo isto adquire um horizonte
novo na Pessoa de Jesus Cristo. Tanto o compromisso como a
pista são assumidos por Cristo, com Cristo e em Cristo, na
Comunidade Católica, já que somos Escutismo Católico.
16
É Jesus Cristo quem salva. O melhor que o Escutismo pode
fazer é transmitir o Seu Nome. A Promessa surge como
compromisso com Ele e a Lei como pista para Ele.

(Caminheiro)
Palavra de Deus: João 15, 1-17

«Eu sou a videira verdadeira e Meu Pai é o agricultor. Toda a


vara que em Mim não dá fruto, Ele corta-a, e limpa toda aquela
que dá fruto, para que dê mais fruto. Vós já estais limpos, devido
à palavra que vos tenho dirigido. Permanecei em Mim e Eu
permanecerei em vós. Como a vara não pode dar fruto por si mesma
se não estiver na videira, assim acontecerá convosco se não
estiverdes em Mim. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em
Mim e Eu nele, esse dá muito fruto; porque sem Mim nada podeis
fazer. Se alguém não estiver em Mim, será lançado fora, como a
vara, e secará; lançá-lo-ão ao fogo e arderá. Se vós estiverdes em
Mim e as Minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que
quiserdes e ser-vos-á concedido. Dando vós muito fruto, Meu Pai,
é glorificado; e assim sereis Meus discípulos.
Como o Pai Me amou, também Eu vos amei; permanecei no
Meu amor. Se guardardes os Meus mandamentos, permanecereis
no Meu amor, do mesmo modo que Eu tenho guardado os
mandamentos de Meu Pai, e permaneço no Seu amor. Digo vos
isto para que a Minha alegria esteja em vós e o vosso gozo seja
completo. O Meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos
outros, como Eu vos amei. “Ninguém tem maior amor do que
aquele que dá a vida pelos seus amigos.
Vós sereis Meus amigos se fizerdes o que Eu vos mando. Já
não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu
senhor; chamei-vos amigos, porque tudo quanto ouvi de Meu Pai
vo-lo dei a conhecer. Não fostes vós que Me escolhestes, fui Eu
que vos escolhi e vos nomeei para irdes e dardes fruto, e o vosso
fruto permanecer, de sorte que tudo quanto em Meu nome pedirdes
ao Pai, Ele vo-lo concederá. Isto vos mando: Que vos ameis uns
aos outros».

17
ABRIU-SE A MANHÃ
Abriu-se a manhã
E eu te encontrei.
A chama brilhou,
E o seu fogo entrou em mim.
Mesmo se distantes,
Para nós o longe é perto.
O nosso horizonte
É o céu unido ao mar.
Amar é a partida
De um sonho sem chegada
Voar nas asas do vento
E subir ao infinito
Não há fronteiras que separem
Nossa amizade é sermos um só
Só o amor [só o amor] faz renascer
A vida em nós
A vida em nós
Em nós...

(Assistente)
Oração:
Oremos:
Ó Deus,
Senhor da Promessa de Aliança e da Lei da Liberdade, no Vosso
Filho cumpristes a Promessa de Aliança com o Povo que educastes
para a verdadeira Liberdade, pela Lei que lhe propusestes como
caminho de progresso humano integral, ouvi a nossa oração:
Nós Vos damos graças por sermos, na Igreja,
os depositários deste Dom que é o Escutismo, para anúncio de
Jesus Cristo como Salvador e como Homem Novo, modelo do
Homem que procuramos construir pela educação integral dos
jovens;
Nós Vos pedimos que nos conserveis fiéis
à responsabilidade de cumprirmos a Promessa no cumprimento
da Lei, de modo exemplar, a fim de testemunharmos com a vida
o Ideal de Felicidade que professamos.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho que é Deus
convosco na unidade do Espírito Santo.
Ámen.
18
Bênção das Insígnias

Assistente:
Ó Deus, fonte de toda a santidade, que no Vosso Filho nos
oferecestes um modelo de todo o verdadeiro serviço, como entrega
livre e amorosa ao Vosso projecto de salvação, no cumprimento
da lei nova do Amor, escutai a oração que Vos apresentamos:
sobre estas insígnias derramai a Vossa benção (+) para que aqueles
que as vão usar, como sinal de adesão ao ideal escutista, sejam,
cada vez mais, homens novos em Jesus Cristo, cumprindo com
fidelidade e perseverança a sua Promessa e testemunhando o Vosso
Reino entre os homens. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso
Filho que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

Todos: Ámen.

Exortação final

Bênção final:
- Deus Pai
que conduziu a História pela Promessa e guiou o Homem pela Lei
do Sinai até ao Seu Filho, vos ajude a assumir o cumprimento da
vossa Promessa e da Lei do Escuteiro como compromisso e pista
da Felicidade.
Ámen.
- Jesus Cristo,
cumprimento da Promessa do Pai, que nos chamou à Lei da
Liberdade, vos conduza do Homem Velho ao Homem Novo pelo
cu mprim ento da Promessa e da Lei do Escuteiro como
compromisso e pista da Felicidade.
Ámen.
- O Espírito Santo,
prometido pelo Senhor Ressuscitado e princípio da verdadeira
Liberdade vos anime e alente na fidelidade ao cumprimento da
Promessa e da Lei do Escuteiro como compromisso e pista da
Felicidade.
Ámen.
19
Depois da benção final canta-se “Impele a tua própria canoa” e
depois sairemos para o adro da Igreja onde formaremos um circulo,
onde terminaremos este dia com a “Canção do silêncio”.

IMPELE A TUA PRÓPRIA CANOA

Não deixes cair teus olhos


Não te deixes enganar
Olha de frente os escolhos
Olha: Podes encalhar.

É urgente estar atento


Ver para onde corre a maré
Ver de onde sopra o vento
Não vás tu perder o pé.

B.P. é quem t’o diz


Impele a tua própria canoa
Se queres mesmo ser feliz CANÇÃO DO SILÊNCIO
Não te deixes ir à toa
Impele a tua própria canoa. O dia chegou ao fim.
Silêncio! A noite desceu.
A vida não é deserto Boa noite, Paz em Deus!
Não queiras ficar no cais
Lenço rubro é rumo certo Por tudo quanto nos destes
Decide tu aonde vais Saúde, Paz e Amor
Não queiras ficar no cais. Obrigado, Oh Senhor!

NOME: _______________________________________

BANDO/PATRULHA /EQUIPA _______________________

SECÇÃO ______________________________________

20