Você está na página 1de 16

500

Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

Demo do e-book

Para adquirir o e-book 500 Questões comentadas de


Conhecimentos Bancários acesse o site:

www.odiferencialconcursos.com.br

CONTEÚDO
1. Estrutura do Sistema Financeiro Nacional: Conselho Monetário
Nacional, Banco Central do Brasil, Comissão de Valores Mobiliários,
Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional, bancos
comerciais, caixas econômicas, cooperativas de crédito, bancos
comerciais cooperativos, bancos de investimento, bancos de
desenvolvimento, sociedades de crédito, financiamento e investimento,
sociedade de arrendamento mercantil, sociedades corretoras de títulos e
valores mobiliários, sociedades distribuidoras de títulos e valores
mobiliários, bolsas de valores, bolsas de mercadorias e de futuros,
Sistema Especial de Liquidação e Custódia (SELIC), Central de
Liquidação Financeira e de Custódia de Títulos (CETIP), sociedades de
crédito imobiliário, associações de poupança e empréstimo;

2. Sistema de Seguros Privados e Previdência Complementar:


Conselho Nacional de Seguros Privados, Superintendência de Seguros
Privados, Conselho de Gestão da Previdência Complementar, Secretaria
de Previdência Complementar, Instituto de Resseguros do Brasil,
sociedades seguradoras, sociedades de capitalização, entidades
abertas e entidades fechadas de previdência privada, corretoras de
seguros, sociedades administradoras de seguro-saúde;

3. Sociedades de fomento mercantil (factoring), sociedades


administradoras de cartões de crédito;

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

4. Produtos e serviços financeiros: depósitos à vista, depósitos a prazo


(CDB, RDB), letras de câmbio, cobrança e pagamento de títulos e
carnês, transferências automáticas de fundos, commercial papers,
arrecadação de tributos e tarifas públicas, home/office banking, remote
banking, banco virtual, dinheiro de plástico, conceitos de corporate
finance, fundos mútuos de investimento, hot money, contas garantidas,
crédito rotativo, descontos de títulos, financiamento de capital de giro,
vendor finance/compror finance, leasing (tipos, funcionamento, bens),
financiamento de capital fixo, crédito direto ao consumidor, crédito rural,
cadernetas de poupança, financiamento à importação e à exportação,
repasses de recursos do BNDES, cartões de crédito, títulos de
capitalização, planos de aposentadoria e pensão privados, planos de
seguros;

5. Mercado de capitais: ações, características e direitos, debêntures,


diferença entre companhias abertas e companhias fechadas, operações
de underwriting, funcionamento do mercado à vista de ações, mercado
de balcão, operações com ouro;

6. Mercado de câmbio: instituições autorizadas a operar, operações


básicas, contratos de câmbio, características, taxas de câmbio,
remessas, SISCOMEX;

7. Operações com derivativos: características básicas do funcionamento


do mercado a termo, do mercado de opções, do mercado futuro e das
operações de swap;

8. Garantias do Sistema Financeiro Nacional: aval, fiança, penhor


mercantil, alienação fiduciária, hipoteca, fianças bancárias, Fundo
Garantidor de Crédito (FGC);

9. Crime de lavagem de dinheiro: conceito e etapas. Prevenção e


combate ao crime de lavagem de dinheiro: Lei nº 9.613/98 e suas
alterações, Circular Bacen n° 2.852/98, Circular Bacen nº 3.339/06,
Carta-Circular Bacen nº 2.826/98 e Carta-Circular Bacen nº 3.098/03

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

SUMÁRIO

Apresentação..................................................................................................5

Questões.........................................................................................................6

Respostas....................................................................................................182

Bibliografia...................................................................................................352

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

APRESENTAÇÃO

O e-book de 500 questões Comentadas de Conhecimentos Bancários


objetiva atingir os candidatos a concursos públicos, meta visada por grande
parte da população brasileira. Isto por que esses empregos oferecem
excelentes salários e estabilidade financeira a quem os busca , promovendo,
assim, a sua realização pessoal.
Aqui serão encontradas 500 questões com as respectivas respostas
comentadas, facilitando a rápida absorção dos conteúdos, bem como a
memorização dos mesmos.
Esse e-book teve uma elaboração voltada para os princípios didáticos a
fim de proporcionar ao estudante dessa disciplina bastantes conhecimentos,
facilitando, dessa forma, a sua aprovação em concurso.
Acreditando que esse e-book fará diferença em sua busca pela aspirada
aprovação, subscrevo-me desejando-lhe sucesso!

Wilma G. Freitas

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

QUESTÕES

1. O FGC não garante os créditos contra os fundos de investimento,


tendo em vista que os fundos se constituem como empresas
independentes e, apenas, são administrados pelas instituições
financeiras. São objetos da garantia proporcionados pelo FGC os
seguintes créditos:
a) Depósitos a prazo ou sacáveis mediante aviso prévio;
b) Depósitos de garantia;
c) Depósitos à vista, com ou sem emissão de certificado – cdb/rdb;
d) Letras de câmbio - lc;
e) Letras pignoratícias

2. Alienação Fiduciária é:
a) Transferência ao credor do domínio e posse de um bem, em garantia
ao pagamento de uma obrigação que lhe é devida por alguém. O
bem é devolvido a seu antigo proprietário depois que ele resgatar a
dívida.
b) Garantia de pagamento de uma dívida dada sob a forma de um bem
imóvel (com exceção de navios e aviões, que também podem ser
hipotecados). Embora conserve a posse do bem, o devedor só
readquire sua propriedade após o pagamento integral da dívida. Se a
dívida não for paga, ou se for paga uma parte dela, ao fim do prazo
contratado, o credor pode executar a hipoteca, assumindo a
propriedade total do bem.
c) Garantia dada por uma pessoa de que pagará parte ou total das
dívidas de outra pessoa, se esta não puder pagá-las.
d) Espécie contratual segundo a qual o devedor, ou alguém por ele,
entrega ao credor, coisa móvel, em garantia de uma obrigação.
e) A fiança prestada por um banco a um cliente que tenha assumido um
contrato de execução longa, de forma a proteger o contratante das
perdas resultantes da não eventual conclusão do contrato na forma
como foi contratado.

3. A fiança é normalmente baixada:

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

a) Quando do término do prazo de validade da Carta de Fiança, desde


que não assegurado o cumprimento das obrigações assumidas pelas
partes contratantes;
b) Mediante a devolução da Carta de Fiança;
c) Mediante a entrega, ao banco, da declaração do credor
(beneficiário), liberando a garantia prestada;
d) Quando aprovada pela área de crédito dos bancos e cujo custo ao
cliente negociado caso a caso, sendo, normalmente, cobrados custos
adicionais do registro dos contratos de fiança;
e) Da concessão de fianças para que as empresas industriais se
habilitem a linhas de crédito de financiamento de exportações junto
ao Banco do Brasil ou ao Banco Central.

4. Os bancos classificados informalmente de acordo com sua


segmentação no mercado conforme segue:
a) Bancos de varejo se dedicam a intermediação de grandes operações
tradicionalmente conhecidas como de engenharia financeira.
b) Bancos de negócios trabalham como poucos e grandes clientes.
c) Bancos de atacado trabalham como grande público , muitos
clientes, independente de tamanho.
d) Personal bank dá atendimento a grandes empresas e, algumas
vezes, até a bancos de menor porte. Em alguns casos os bancos
especializaram-se mais ainda, existindo bancos que atendem
especificamente a câmbio, outros a operações de mercados futuros
e, até mesmo, alguns funcionando especificamente como consultoria
financeira e/ou “hospital de empresas”.
e) Todas as alternativas acima estão erradas.

5. O produto mais importante desenvolvido pelas instituições nos


últimos 10 anos foi:
a) A cobrança bancária, um serviço indispensável para qualquer banco
comercial.
b) A ordem de pagamento que informa aos clientes todos os passos
executados.
c) O cofre de aluguel que é um contrato de prestação de serviço com
tarifa única.
d) A transferência automática entre contas correntes.
e) A arrecadação de tributos e tarifas públicas, pois existem mais de 60
tipos diferentes.

6. O leasing é:

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

a) Uma operação realizada mediante contrato, na qual o dono do bem


(arrendado) concede a outrem (arrendatário) a utilização do mesmo
por prazo determinado. Trata-se de financiamento de médio a longo
prazo, no sentido financeiro, podendo o contrato incluir cláusula
prevendo sua renovação ou compra do bem pelo arrendatário (opção
de compra), ao final do seu prazo de vigência.
b) Uma forma de ter sem comprar, dentro do princípio de que o lucro
vem da utilização do bem e não de sua propriedade.
c) Financiamento integralmente, a longo prazo, qualquer bem móvel ou
imóvel novo ou usado, de fabricação nacional ou estrangeira, para
uma empresa sem que ela precise descapitalizar-se.
d) A operação, regida por contrato, praticada diretamente entre o
produtor de bens (arrendador) e seus usuários (arrendatários),
podendo o arrendador ficar responsável pela manutenção do bem
arrendado ou de qualquer outro tipo de assistência técnica que seja
necessária para seu perfeito funcionamento.
e) Todas as alternativas acima estão corretas.

7. Títulos de Capitalização:
a) São investimentos com característica de um jogo onde se pode
recuperar parte do valor pago na aposta. Sem a ajuda da sorte, o
rendimento será inferior ao de um fundo ou uma cardeneta de
poupança.
b) São regulamentados pela circular 897/99 da SUSEP
(Superintendência de Seguros Privados).
c) São títulos cujas adesões somente podem ser efetuadas pelos
empregados de uma empresa ou de um grupo de empresas
denominada(s) patrocinadora(s).
d) São contratos, bilaterais, que gera direitos e obrigações de ambas as
partes.
e) É a aplicação mais simples e tradicional, sendo uma das poucas,
senão a única em que se pode aplicar pequenas somas e ter
liquidez, apesar da perda da rentabilidade para saques fora da data
de aniversário da aplicação.

8. Existem diversas espécies de títulos de crédito rural.


a) Cédula Rural Pignoratícia (CRP).
b) Cédula Rural Hipotecária (CRH).
c) Cédula Rural Pignoratícia e Hipotecária (CRPH).
d) Nota de Crédito Rural.
e) Todas as alternativas acima estão corretas.

9. Hot Money:

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

a) É o adiantamento de recursos aos clientes feito pelo banco, sobre


valores referenciados em duplicatas de cobrança ou notas
promissórias, de forma a antecipar o fluxo de caixa do cliente.
b) São linhas de crédito abertas com um determinado limite e que a
empresa utiliza à medida de suas necessidades, ou mediante
apresentação de garantias em duplicata. Os encargos (juros e IOF)
são cobrados de acordo com a utilização dos recursos, da mesma
forma que nas contas garantidas.
c) É uma operação onde se abre uma conta de crédito com um valor
limite que normalmente é movimentada diretamente pelos cheques
emitidos pelo cliente, desde que não haja saldo disponível na conta
corrente de movimentação.
d) É o empréstimo de curtíssimo prazo, normalmente por um dia, ou um
pouco mais, no máximo em 10 dias. É comum, de forma a simplificar
os procedimentos operacionais, para os clientes tradicionais neste
produto, cria-se um contrato fixo de hot, estabelecendo-se as regras
deste empréstimo e permitindo a transferência de recurso ao cliente
a partir de um simples telefonema ou fax, garantidos por uma NP já
previamente assinada.
e) É o financiamento concedido por uma financeira para aquisição de
bens e serviços por seus clientes. Sua maior utilização é
normalmente para aquisição de veículos e eletrodomésticos.

10. Contas Garantidas:


a) É o adiantamento de recursos aos clientes feito pelo banco, sobre
valores referenciados em duplicata de cobrança ou notas
promissórias, de forma a antecipar o fluxo de caixa do cliente.
b) São linhas de crédito abertas com um determinado limite e que a
empresa utiliza à medida de suas necessidades, ou mediante
apresentação de garantias em duplicata. Os encargos (juros e IOF)
são cobrados de acordo com a utilização dos recursos, da mesma
forma que nas contas garantidas.
c) É uma operação onde se abre uma conta de crédito com um valor
limite que normalmente é movimentada diretamente pelos cheques
emitidos pelo cliente, desde que não haja saldo disponível na conta
corrente de movimentação.
d) É o empréstimo de curtíssimo prazo, normalmente por um dia, ou um
pouco mais, no máximo em 10 dias. É comum, de forma a simplificar
os procedimentos operacionais, para os clientes tradicionais neste
produto, cria-se um contrato fixo de hot, estabelecendo-se as regras
deste empréstimo e permitindo a transferência de recursos ao cliente
a partir de um simples telefonema ou fax, garantidos por uma NP já
previamente assinada.
e) É o financiamento concedido por uma financeira para aquisição de
bens e serviços por seus clientes. Sua maior utilização é
normalmente para aquisição de veículos e eletrodomésticos.

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

RESPOSTAS

1.
Resposta: D
Comentário
Fundo Garantidor de Crédito (FGC) é uma entidade privada, sem fins lucrativos,
que administra o mecanismo de proteção aos correntistas, poupadores e
investidores, contra instituições financeiras em caso de intervenção, liquidação
ou falência.

O valor máximo, por instituição, é de R$ 60.000,00 (sessenta mil reais) por


depositante ou aplicador, independentemente do valor total e da distribuição em
diferentes formas de depósito e aplicação.

Créditos que são garantidos pelo FGC:


• Depósito à vista ou sacáveis mediante aviso prévio;
• Depósito em contas-correntes de depósitos para investimento;
• Depósitos de poupança;
• Depósitos mantidos em contas não movimentadas por cheques
destinadas ao registro e controle do fluxo de recursos referentes a
prestação de serviços de pagamento de salário, vencimentos,
aposentadorias, pensões e similares;
• Letras de Câmbio;
• Letras Imobiliárias;
• Letras Hipotecárias;
• Letras de Crédito imobiliário.

Créditos que não são garantidos pelo FGC:


• Os depósitos, empréstimos ou quaisquer outros recursos captados ou
levantados no exterior;
• As operações relacionadas a programas de interesse governamental
instituídos por lei;
• Os depósitos judiciais;
• Os depósitos a prazo autorizados a compor o nível II do Patrimônio de
Referência, de que trata a Resolução 2.837/2001

2.
Resposta: A
Comentário
Alienação fiduciária é a transferência da propriedade de um bem móvel ou

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

imóvel do devedor ao credor para garantir o cumprimento de uma obrigação.

Até a criação do SFI – Sistema Financeiro Imobiliário só existia a alienação


fiduciária de bens móveis. A partir do SFI, passou a existir a alienação
fiduciária de bens imóveis. O credor fiduciário passa a ter a posse indireta do
bem e o devedor permanece com a posse direta, na qualidade de depositário.
Também podem ser objeto de alienação fiduciária bens presos ao solo, desde
que possam ser retirados sem sofrer destruição, modificação, fratura ou dano.
A alienação fiduciária não admite novas vinculações em graus subseqüentes,
ainda que em favor do mesmo credor. Pela facilidade de execução, a alienação
fiduciária é tida atualmente como uma das formas mais seguras de garantia.

3.
Resposta: C
Comentário
Fiança Bancária é um contrato por meio do qual o banco, que é o fiador, garante
o cumprimento da obrigação de seus clientes (afiançado) e poderá ser
concedido em diversas modalidades de operação e em operações ligadas ao
comércio internacional. É uma garantia real, diferente do aval, que é uma
garantia pessoal.

4.
Resposta: E
Comentário
No atual arranjo do sistema financeiro, as principais instituições estão
constituídas sob a forma de banco múltiplo (banco universal), que oferece
ampla gama de serviços bancários. Outras instituições apresentam certo grau
de especialização, conforme exemplos a seguir:
• bancos comerciais, que captam principalmente depósitos à vista e
depósitos de poupança e são tradicionais fornecedores de crédito para
as pessoas físicas e jurídicas, especialmente capital de giro no caso
das empresas;
• bancos de investimento, que captam depósitos a prazo e são
especializados em operações financeiras de médio e longo prazo;
• caixas econômicas, que também captam depósitos à vista e depósitos
de poupança e atuam mais fortemente no crédito habitacional;
• bancos cooperativos e cooperativas de crédito, voltados para a
concessão de crédito e prestação de serviços bancários aos
cooperados, quase sempre produtores rurais;
• sociedades de crédito imobiliário e associações de poupança e
empréstimo, também voltadas para o crédito habitacional;
• sociedades de crédito e financiamento, direcionadas para o crédito ao
consumidor; e
• empresas corretoras e distribuidoras, com atuação centrada nos
mercados de câmbio, títulos públicos e privados, valores mobiliários,
mercadorias e futuros.

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

5.
Resposta: A
Comentário
O produto mais importante desenvolvido pelas instituições nos últimos dez anos
foi a cobrança bancária, um serviço indispensável para qualquer banco
comercial. Com a cobrança, os bancos estreitaram o relacionamento com as
empresas e engordaram as aplicações dos recursos transitórios em títulos
públicos. A cobrança é o carro-chefe do relacionamento com os clientes, pelo
fato de ser uma relação reforçada pelo contato diário com as empresas clientes.
Através dela, o banco vivencia o fluxo do caixa do cliente no seu lado mais
sensível: a receita. A cobrança bancária é feita através dos bloquetes que
substituem duplicatas, notas promissórias, letras de câmbio, recibos ou cheques
e tem o poder de circular pela câmara de compensação. O cliente informa ao
banco, via computador, os dados sobre seus fornecedores, com datas e valores a
serem pagos e, se for o caso, entrega os comprovantes necessários ao
pagamento.
Os valores resultantes da cobrança são creditados na conta do cliente em D+1 ou
D+2, de acordo com o contrato e são cobradas tarifas pelos serviços prestados,
normalmente por documento arrecadado. Existem vários tipos de cobrança:
Cobrança escritural, cobrança rápida, cobrança sem registro, cobrança de
cheques pré-datados, cobrança seriada, cobrança caucionada, cobrança
descontada.

6.
Resposta: E
Comentário
O leasing, também denominado arrendamento mercantil, é uma operação em
que o proprietário (arrendador, empresa de arrendamento mercantil) de um
bem móvel ou imóvel cede a terceiro (arrendatário, cliente, "comprador") o uso
desse bem por prazo determinado, recebendo em troca uma contraprestação.

Esta operação se assemelha, no sentido financeiro, a um financiamento que


utilize o bem como garantia e que pode ser amortizado num determinado
número de "aluguéis" (prestações) periódicos, acrescidos do valor residual
garantido e do valor devido pela opção de compra.

Ao final do contrato de arrendamento, o arrendatário tem as seguintes opções:

- comprar o bem por valor previamente contratado;

- renovar o contrato por um novo prazo, tendo como principal o valor residual;

- devolver o bem ao arrendador.

Existem 3 formas de Leasing:

• Financeiro;

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

• Operacional;
• Leasing back.

O Leasing Operacional a arrendadora é que arca com os custos de manutenção


dos equipamentos, arrendátaria pode desfazer o contrato bastando apenas
esperar o período mínimo de 90 dias do início do contrato como determina o
Banco Central e aviso prévio a empresa ou pessoa física contratante.

O Leasing Financeiro se assemelha a um aluguel, com a diferença que se pode


comprar o bem no final do prazo pré-determinado por um preço já estabelecido.

O Leasing Back ocorre quando uma empresa necessita de capital de giro. Ela
vende seus bens a uma empresa que aluga de volta os mesmos.

7.
Resposta: A
Comentário
Um Título de capitalização é um título de crédito comercializado por empresas
de capitalização, com o objetivo de formação de uma aplicação, mas também
com um caráter lotérico, de sorteio de prêmios de capitalização.

Neste tipo de plano, além de concorrer aos prêmios de sorteio, o capitalizador,


sendo sorteado ou não, recebe ao final da aplicação todo ou parte do seu
dinheiro acrescido dos reajustes e em algumas modalidades, de juros da
aplicação. Quando analisados quanto a rentabilidade, os títulos de
capitalização são desvantajosos em relação a outras aplicações, inclusive em
relação as contas de poupança, porém com o diferencial de concorrer aos
prêmios sorteados. A maiorias dos contratos também estipula um prazo de
carência para resgate e parte do valor capitalizado no caso de resgate anterior
ao estipulado no contrato.

8.
Resposta: E
Comentário
Decreto-lei nº 167, de 14.02.67
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Decreto-Lei/Del0167.htm

9.
Resposta: D
Comentário
Hot money, em sua origem, designa fundos aplicados em ativos financeiros,
em diversos países, que atraem pela possibilidade de ganhos rápidos devido
a elevadas taxas de juros ou a grandes diferenças cambiais. São operações
de curtíssimo prazo, em que os recursos podem ser deslocados de um
mercado para outro com muita rapidez. Esses recursos são administrados
por especuladores no mercado de câmbio (Foreign Exchange Market) e

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

caracterizam-se por alta volatilidade, em oposição às aplicações de bancos


centrais, bancos de investimento ou investidores domésticos. Por essa
particularidade, são considerados causadores de turbulências nos mercados
financeiros, em algumas situações.

No Brasil, o termo hot money, amplamente empregado por bancos


comerciais, por extensão de sentido aplica-se também a empréstimos de
curtíssimo prazo (de 1 a 29 dias). Esses empréstimos têm a finalidade de
financiar o capital de giro das empresas para cobrir necessidades imediatas
de recursos, sem contrato de empréstimo de caráter complexo.

10.
Resposta: C
Comentário
Abre-se uma conta de crédito (conta garantida) com um valor-limite que
normalmente é movimentada diretamente pelos cheques emitidos pelo
cliente, desde que não haja saldo disponível na conta corrente de
movimentação. À medida que, nessa última, existam valores disponíveis,
estes são transferidos de volta, para cobrir o saldo devedor da conta
garantida.
Para o cliente, o produto garante uma liquidez imediata para suas
emergências. Para o banco, é um instrumento mercadológico forte, mas que,
se mal administrado, pode representar uma perda significativa, tendo em
vista seu impacto sobre a administração de reservas bancárias, já que é
necessário deixar recursos de suas reservas de livre movimentação em Stand
by para atender à eventual demanda e, portando, sem aplicação.
Algumas contas garantidas têm caráter apenas de conta devedora, funcionam
separadas da conta corrente e, normalmente, exigem do cliente o aviso com
antecedência dos valores a serem sacados, razão pela qual trabalham com
taxas de juros menores.
Os juros sobre esse produto são calculados diariamente sobre o saldo
devedor e cobrados normalmente, no primeiro dia útil do mês seguinte ao de
movimentação.

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

BIBLIOGRAFIA

• Manual do Crédito Rural – MCR -


http://www.cosif.com.br/mostra.asp?arquivo=MCR-indice

• Manual das Perguntas mais freqüentes sobre o Banco Central-


http://www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/pergCidadao.asp?IDPAI=por
talbcb

• FREITAS, Wilma Gomes de. E-book de Conhecimentos Bancários.

• Legislação: http://www.presidencia.gov.br/legislacao/

• Decreto nº 60.459/1967
• Decreto-Lei nº 73/1966
• Decreto-Lei nº 167/1967
• Instrução Normativa SRF nº 257/2002
• LC 105/2001 – Lei do sigilo das operações de instituições financeiras
• LC 109/2001
• Lei 4.131/1962 – Lei do capital estrangeiro
• Lei 4.595/1964 – Lei do Sistema Financeiro Nacional
• Lei 4.728/1965 – Lei do Mercado de Capitais
• Lei 6.024/1974 – Lei de Intervenções e Liquidações
• Lei 6.099/1974
• Lei 6.385/1976 – Lei do Mercado de Valores Mobiliários
• Lei 6.830/1990
• Lei 7.357/1985 – Lei do Cheque
• Lei 7.491/1986 – Lei do Colarinho Branco / Crimes Financeiros
• Lei 8.023/1990
• Lei 9.613/1998 – Lei da Lavagem de Dinheiro
• Lei 10.214/2001 – Lei do Sistema de Pagamentos Brasileiros
• Lei 7.357/1985
• Resolução 2.303/1996
• Resolução 3.161/2003
• Resolução 006/2008 – Altera a classificação do porte dos produtores
rurais
• Resolução CMN/BACEN 3.402/2006

Nós somos a soma das nossas decisões


500
Questões comentadas
Conhecimentos Bancários

Demo do e-book

Para adquirir o e-book 500 Questões comentadas de


Conhecimentos Bancários acesse o site:

www.odiferencialconcursos.com.br

OBS.: Na compra desse e-book serão enviados, também, todas


as Leis, Resoluções e todos os Decretos que serviram de
base para a fundamentação dessa apostila.

Nós somos a soma das nossas decisões