Você está na página 1de 603
www.odiferencialconcursos.com.br 1 “ Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que
www.odiferencialconcursos.com.br 1 “ Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que
www.odiferencialconcursos.com.br 1 “ Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina
www.odiferencialconcursos.com.br 1 “ Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

1

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br Veja os conselhos de quem passou em primeiro lugar em concursos Motivação Todo

Veja os conselhos de quem passou em primeiro lugar em concursos

Motivação

Todo projeto de longo prazo terá momentos de ânimo e vontade de desistir. Procure se preparar para os dias de baixa: eles virão e você vai precisar aprender a lidar com eles. A motivação deve ser trabalhada diariamente. Todos os dias você pode e deve lembrar os motivos que o estão fazendo estudar, ter planos, persistir.

Lazer e o estudo

Com organização, disciplina e força de vontade, é possível conciliar um estudo eficiente com uma vida onde haja espaço para lazer. A qualidade de vida associada às técnicas de estudo são muito mais produtivas do que a tradicional imagem da pessoa trancafiada estudando 14 horas por dia.

Administração do tempo

Faça um quadro horário, colocando nele todas as tarefas a serem realizadas, o que vai levá-lo

a estabelecer prioridades. Também é recomendável que você separe tempo suficiente para dormir, fazer algum exercício físico e dar atenção à família ou relacionamento.

Humildade

Não queira parecer mais inteligente que o examinador ou criticá-lo. Preste atenção mesmo às questões fáceis ou aparentemente simples. Ao fazer uma prova, nunca perca de vista o objetivo: passar. O objetivo não é ser o primeiro colocado, e sim acertar as questões, tentar fazer o máximo de pontos, mas ficar feliz se acertar o mínimo para passar.

Provas

Em provas objetivas, seja metódico ao responder. Nas dissertativas, seja objetivo e mostre seus conhecimentos. O início e o final das dissertativas devem ser breves; o desenvolvimento (miolo) serve para demonstrar seus conhecimentos sobre o tema. Nessa parte, anote tudo o que você se recordar sobre o assunto e estabeleça relações. Se não tiver certeza a respeito de um comentário, adendo ou exemplo, elimine-o.

Simulados

Para os simulados, resolva questões e provas da matéria que estudou, como forma de fixar o conteúdo. Periodicamente, faça um concurso simulado, observando o tempo real da prova e o uso apenas do material permitido pelo processo seletivo.

Mudança de paradigma

Se você está acostumado a pensar numa prova apenas como aluno, aprenda a vê-la com os olhos do examinador. Em duplas ou grupos, passe a fazer provas e trocá-las para correção. Corrija-as como se fosse o próprio examinador. Você aprenderá a ver a prova com outros olhos

e isto facilitará seu desempenho quando reassumir o papel de aluno. Treine para fazer provas orais reparando a postura e respostas do colega como se você fosse da banca.

2

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br Cores O uso de mais de uma cor nas anotações estimula mais a atenção

Cores

O uso de mais de uma cor nas anotações estimula mais a atenção e o lado direito do cérebro. Pode-se correlacionar cores com assuntos ou com referências. Por exemplo, o que está em vermelho são os assuntos mais “quentes” para cair, o que está em azul são as exceções, os princípios podem ficar na cor verde, e assim por diante.

Leitura

Na primeira leitura, procure apenas a ideia principal, conteúdos importantes que sejam rapidamente captados. Essa primeira leitura é rápida, descompromissada, sem a preocupação com a compreensão total. Na segunda leitura faça uma análise melhor, comece a tirar conclusões pessoais, a criticar, concordar, anotar, sublinhar. Na terceira leitura, você já pode sintetizar, resumir. Ao final dela você já deverá sentir-se apto a fazer um texto sobre o tema.

Escrita

Comece a redigir todos os dias ou, pelo menos, toda semana. Separe horários específicos apenas para isso. Experimente começar a escrever um diário, poesias, contos, fazer descrições de objetos, narrar fatos ou problemas, dissertações sobre assuntos em geral e assuntos da matéria da prova, resumos de livros e filmes.

Fonte: William Douglas, autor do livro "Como passar e

m provas e concursos", da Campus/Elsevier

passar e m provas e concursos", da Campus/Elsevier 3 “ Feliz é aquele que transfere o
passar e m provas e concursos", da Campus/Elsevier 3 “ Feliz é aquele que transfere o

3

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br “Quem é fiel nas coisas pequenas também será nas grandes; e quem é desonesto

“Quem é fiel nas coisas pequenas também será nas grandes; e quem é desonesto nas coisas pequenas também será nas grandes.” (Lucas 16,10)

“E, se não forem honestos com o que é dos outros, quem lhes dará o que é de vocês?” (Lucas 16,12).

quem lhes dará o que é de vocês?” (Lucas 16,12). Regras para uso desta apostila É

Regras para uso desta apostila

É proibida a distribuição de arquivos protegidos por direitos autorais.

Portanto, é proibida a distribuição desta apostila por qualquer meio. Ela serve apenas para uso pessoal.

uso pessoal. Denuncie: odiferencialconcursos@gmail.com SUMÁRIO  Apresentação  Questões 5 6  Respostas

SUMÁRIO

Apresentação



Questões

5

6

Respostas

456

Bibliografia

600

4

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br APRESENTAÇÃO O mundo dos concursos públicos tem ganhado uma importância cada vez

APRESENTAÇÃO

O mundo dos concursos públicos tem ganhado uma importância cada vez

maior a cada ano que passa. É surpreendente o número de pessoas que

ano que passa. É surpreendente o número de pessoas que concorrem todos os anos às oportunidades

concorrem todos os anos às oportunidades de emprego estável, boas condições de trabalho e salários.

Esta apostila é destinada especialmente a professores que se preparam para concorrer às oportunidades de emprego através de concursos púbicos.

O

o

estudo das leis, a princípio parecem fáceis, porém, ao se deparar com o caso

estudo por meio de resolução de questões é extremamente importante para

entendimento e a fixação da matéria. Por vezes, a leitura de um livro, o

concreto, surgem as complicações. Nada melhor do que resolver questões, principalmente quando estas são retiradas de provas recentes ou baseadas nas questões elaboradas pelas bancas examinadoras.

baseadas nas questões elaboradas pelas bancas examinadoras. A instrumento colocado à disposição do concursando para

A

instrumento colocado à disposição do concursando para auxiliá-lo no alcance

de

apostila de 1.000 questões de Conhecimentos Pedagógicos é mais um

seu objetivo, ou seja, aprovação num concurso público.

Nunca é demais frisar que é a prática de exercícios que fixa o conhecimento e prepara o candidato para reconhecer as armadilhas preparadas pelas bancas organizadoras dos certames, pois muitas vezes conhecer determinado assunto não é suficiente para assimilar a forma como este conhecimento é cobrado nas provas.

a forma como este conhecimento é cobrado nas provas. A compromisso de conduzir o candidato ao

A

compromisso de conduzir o candidato ao sucesso representam todo nosso

quantidade de questões aliada à qualidade, rapidez no envio e ao

diferencial.

Wilma G. Freitas

5

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

1.

1. www.odiferencialconcursos.com.br QUESTÕES A professora Cristina só conseguirá ajudar os seus alunos a progredirem,
1. www.odiferencialconcursos.com.br QUESTÕES A professora Cristina só conseguirá ajudar os seus alunos a progredirem,

QUESTÕES

1. www.odiferencialconcursos.com.br QUESTÕES A professora Cristina só conseguirá ajudar os seus alunos a progredirem,

A professora Cristina só conseguirá ajudar os seus alunos a progredirem, quando

a) conseguir diminuir as limitações que os cercam.

b) conhecer as famílias das crianças e seu modo de vida.

c) rever a sua concepção de ensino-aprendizagem.

d) retomar a organização dos conteúdos escolares.

e) pedir ajuda aos seus colegas de trabalho.

6

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 2. A discussão sobre a educação inclusiva nas últimas décadas tem evidenciado a

2. A discussão sobre a educação inclusiva nas últimas décadas tem evidenciado a importância da garantia de qualidade de ensino para todos os alunos, inclusive para os que apresentam necessidades educacionais especiais, decorrentes de alguma deficiência.

Entretanto, para que as escolas assumam orientação inclusiva, sendo espaços de aprendizagem e participação, uma série de ações precisam ser colocadas em prática pela própria escola e pelo sistema educacional. Entre elas:

Promover espaços para discussão, permitindo atualizar conhecimentos, trocar experiências e verbalizar sentimentos.

trocar experiências e verbalizar sentimentos. I. II. Contratar professores especializados para que

I.

II.

Contratar professores especializados para que auxiliem o professor em sala de aula, responsabilizando-se pela apropriação do conhecimento do aluno com necessidades educacionais especiais.

do aluno com necessidades educacionais especiais. III. Garantir uma série de mudanças no espaço escolar,

III.

Garantir uma série de mudanças no espaço escolar, como:

acessibilidade física e atitudinal; formação dos professores para atuar na educação inclusiva (inicial e continuada); revisão do papel político-social da escola; previsão e provisão de recursos humanos, físicos, materiais e financeiros, entre outros.

IV.

V.

físicos, materiais e financeiros, entre outros. IV. V. Reduzir o número de alunos em sala de

Reduzir o número de alunos em sala de aula, procurando trabalhar os conteúdos de forma homogênea.

Garantir uma série de mudanças no espaço escolar, como:acessibilidade física e atitudinal; formação dos professores para atuar na educação inclusiva (inicial e continuada); flexibilizar os conteúdos escolares e oportunizar o atendimento em classe especial para os alunos que apresentam dificuldades mais sérias de aprendizagem.

Está(ão) correta(s) apenas:

a) I, II e V.

b) III e IV.

c) IV e V.

d) I e III.

7

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) V. 3. A proposta da educação inclusiva como remoção de barreiras para a

e) V.

3. A proposta da educação inclusiva como remoção de barreiras para a aprendizagem e para a participação tem como pressuposto que todos são capazes de aprender. Isso implica que os professores:

Assimilem a inclusão como um valor e como um principio, tratando todos os alunos de forma igualitária, para que todos tenham as mesmas oportunidades de aprendizagem.

a)

b)

todos tenham as mesmas oportunidades de aprendizagem. a) b) Compreendam a inclusão como um valor e

Compreendam a inclusão como um valor e como um principio e em vez de ficarem indiferentes à diferença, tratem de reconhecê-la e de identificar as necessidades de todos e de cada um para ajustar sua prática pedagógica centrando-a na aprendizagem e não no ensino.

c)

Conheçam as necessidades educacionais de seus alunos e organizem projetos individuais de aprendizagem que levem em conta essas necessidades e, quando for o caso, solicitem à equipe pedagógica o encaminhamento do aluno aos serviços especializados.

o encaminhamento do aluno aos serviços especializados. Compreendam que o principio da educação inclusiva envolve

Compreendam que o principio da educação inclusiva envolve a integração do aluno na sala de aula, cabendo ao professor tratar o aluno com deficiência da mesma forma que trata os demais.

Assimilem a inclusão como um princípio e reconhecendo as necessidades do aluno com deficiência, procurem ajustar sua prática pedagógica centrando-a no ensino.

d)

e)

4. O curso de Educação Profissional Técnica de nível médio realizado na forma integrada com o Ensino Médio, deve ser:

a)
a)

Considerado como um curso único, plenamente integrado e ser desenvolvido como tal, desde o primeiro dia de aula até o último. Todos os seus componentes curriculares devem receber tratamento integrado, nos termos do projeto pedagógico da instituição de ensino.

b) Considerado como um curso único, representando a somatória de dois cursos distintos, embora complementares, que possam ser desenvolvidos de forma bipolar, com uma parte de educação geral e outra de Educação Profissional.

8

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br c) Cuidadosamente pensado, no sentido de garantir a qualidade de formação profissional

c) Cuidadosamente pensado, no sentido de garantir a qualidade de formação profissional que se pretende alcançar e as necessidades econômicas da região onde o curso será desenvolvido.

d) Discutido anteriormente com os professores que constituirão o corpo docente do curso, de forma que se possa definir a linha filosófica que orientará a formação do futuro profissional na área técnica.

e) Organizado a partir dos interesses políticos da região a qual pertence

a instituição escolar.

5. O pedagogo da rede federal de ensino, entre outras atribuições relacionadas à organização do
5. O pedagogo da rede federal de ensino, entre outras atribuições
relacionadas à organização do trabalho pedagógico, deve estar
atento à legislação educacional, que estabelece:
I.
A inclusão de Libras como disciplina curricular obrigatória nos
cursos de formação de professores para o exercício do
magistério, em nível médio e superior, e nos cursos de
Fonoaudiologia, e como disciplina curricular optativa nos demais
cursos de educação superior e na educação profissional.
II.
O Sistema nacional de avaliação da educação superior - SINAES.
III.
O plano de carreira do servidor federal.
IV.
A
obrigatoriedade
do
ensino
sobre
História
e
Cultura
Afro-
Brasileira.
V.
A inclusão de filosofia e psicologia como disciplina curricular dos
cursos técnicos como forma de desenvolver a sensibilidade ética
e o equilíbrio emocional do aluno.
Está(ão) correta(s) apenas:
a)
II, IV e V.
b) II, III e IV.
I,
c) II e IV.
I,
d) IV e V.
I,

e) I.

9

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 6. O Projeto Político Pedagógico politicamente comprometido deverá (re)estruturar a

6. O Projeto Político Pedagógico politicamente comprometido deverá (re)estruturar a escola em articulações coerentes, imprimindo-lhe uma unidade interna que se expressa:

I. Nos interesses da comunidade escolar e no contexto político regional.

II. No modo de conceber, organizar e desenvolver o currículo.

III. Nas formas de orientar o processo metodológico de condução do ensino.

orientar o processo metodológico de condução do ensino. IV. Nas relações intrínsecas do cotidiano escolar que

IV. Nas relações intrínsecas do cotidiano escolar que expressam os valores e crenças do coletivo pedagógico.

V. Nas relações amplas e complexas do cotidiano escolar responsáveis pela aprendizagem mais significativa, uma vez que consolidam valores e desenvolvem cultura.

Somente estão corretas:

valores e desenvolvem cultura. Somente estão corretas: a) II e IV. b) I, II e V.

a) II e IV.

b) I, II e V.

c) I, III e IV.

d) II, III e V.

e) II, IV e V.

7. Sabe-se que o Projeto Político Pedagógico (PPP) tem sido alvo de estudos e pesquisas em busca da melhoria da qualidade do ensino. No entanto, ainda mantém-se como um grande desafio para as instituições de ensino. A esse respeito, analise as afirmativas a seguir:

O PPP é entendido como a própria organização do trabalho pedagógico na escola como um todo.

I.
I.

II. A escola é o lugar de concepção, realização e avaliação de seu projeto educativo, e é fundamental que transfira as responsabilidades para as esferas administrativas superiores.

III. O PPP é um agrupamento de planos de ensino e de atividades diversas.

10

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br IV. No PPP, o termo Político é utilizado no sentido de compromisso com a

IV. No PPP, o termo Político é utilizado no sentido de compromisso com a formação do cidadão para um tipo de sociedade. E o termo Pedagógico reside na possibilidade de efetivação da intencionalidade da escola, que é a formação do cidadão crítico e participativo. Político e Pedagógico têm assim uma significação dissociável.

V. O PPP tem a ver com a organização do trabalho pedagógico em dois níveis: como organização da escola com um todo e como organização da sala de aula.

da escola com um todo e como organização da sala de aula. Estão corretas apenas: a)

Estão corretas apenas:

a) I, II e V.

b) I e V.

c) II, III e IV.

d) II e III.

e) I, II, III e IV.

I e V. c) II, III e IV. d) II e III. e) I, II, III

Ao iniciar um novo conteúdo, propor problemas relacionados ao assunto chamando a atenção do aluno; deixar claro o objetivo da atividade a ser realizada; instigar o aluno para evocar os conhecimentos prévios que têm.

Ao iniciar um novo conteúdo, expor detalhadamente o conteúdo e, após isto, deixar livre para que os alunos tirem suas dúvidas.

8. A motivação do aluno de ensino médio para realização das tarefas escolares é uma preocupação constante de professores e normalmente este assunto vem à tona nas reuniões pedagógicas. Embora a motivação para aprender seja um constructo intrínseco, algumas atitudes do professor podem favorecer este comportamento. Como pedagogo, você pode sugerir ao professor:

I. II.
I.
II.

III. Durante a explicação do conteúdo, favorecer a participação dos alunos, de forma que possam gradativamente ir assimilando os novos conhecimentos.

IV. Ao propor uma atividade, orientar os alunos sobre a direção a seguir e como superar as dificuldades da tarefa, caso existam.

11

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br V. Ao propor uma atividade, tomar o cuidado de elaborar tarefas com alto grau

V. Ao propor uma atividade, tomar o cuidado de elaborar tarefas com alto grau de desafio e deixar que o aluno encontre a solução, pois, na fase de desenvolvimento em que se encontra (adolescência), ele se motiva quando percebe que tem uma tarefa muito difícil pela frente.

Estão corretas somente:

a) I, II e V.

b) II, IV e V.

c) I, II e III.

d) I, III e IV.

e) I e V.

b) II, IV e V. c) I, II e III. d) I, III e IV. e)

9. Conforme a perspectiva de José Carlos Libâneo em Organização e Gestão da Escola: teoria e prática, como premissas essenciais da atuação do Pedagogo e da organização do trabalho pedagógico, é importante destacar alguns pontos:

I.

II.

III. IV.
III.
IV.
é importante destacar alguns pontos: I. II. III. IV. O objetivo da escola é o ensino

O objetivo da escola é o ensino e a aprendizagem dos alunos; a organização, a gestão, as condições físicas e materiais são meios para se atingir esse objetivo.

A equipe escolar pode construir formas de autonomia, pode auto- organizar-se e tomar decisões próprias no interesse da equipe, em função dos objetivos educativos visados.

A escola não está isolada do sistema social, político, cultural, estabelecendo uma relação hierárquica de gestão.

O projeto pedagógico deve representar uma forma de controlar o trabalho dos professores, visando mudanças que orientem na qualidade da aprendizagem e na melhoria do desempenho profissional.

V. Os objetivos e práticas escolares não se limitam às suas condições internas de funcionamento, mas também às condições externas, como os fatores econômicos, sociais e políticos, as várias culturas que atravessam a escola, as políticas

12

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br educacionais, as condições materiais de vida e de trabalho dos professores, alunos e

educacionais, as condições materiais de vida e de trabalho dos professores, alunos e pais.

Estão corretas:

a) somente I, III e IV.

b) somente III, IV e V.

c) somente I, II e V.

d) somente I, II e III.

e) I, II, III, IV e V.

I, II e V. d) somente I, II e III. e) I, II, III, IV e

10. De acordo com as considerações de José Carlos Libâneo em

Organização e Gestão da Escola: teoria e prática, é importante o educador atentar-se sobre o quanto as mudanças no cenário econômico e produtivo influenciam as relações educacionais e a organização do trabalho pedagógico. Com base em seus escritos sobre a temática, leia as afirmativas a seguir:

I.

Estamos sob vigência da reestruturação produtiva, de globalização da economia, avanços tecnológicos, em que as políticas econômicas, sociais, educacionais são levadas a se ajustar ao modelo de desenvolvimento capitalista que ora se consolida.

modelo de desenvolvimento capitalista que ora se consolida. II. O objetivo da organização do trabalho pedagógico

II.

O objetivo da organização do trabalho pedagógico é implantar políticas educacionais que contribuam para o estabelecimento de processos formativos de acordo com os interesses do capitalismo internacional e dos interesses financeiros.

III.

capitalismo internacional e dos interesses financeiros. III. É crucial a função social da escola de atender

É crucial a função social da escola de atender aos interesses dos mercados e do Estado gestor, buscando mecanismos de eficiência e qualidade total.

IV. As transformações advindas da reestruturação produtiva não se introduzem no contexto da educação.

V. O desafio da escola é proporcionar uma educação de boa qualidade, apta para preparar os alunos para a empregabilidade, participar da vida política e cultural, desenvolver capacidade para atuar na sociedade conforme os ditames da realidade econômica

13

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e produtiva aos intentos do interesses financeiros. capitalismo internacional e dos

e produtiva aos intentos do interesses financeiros.

capitalismo

internacional

e

dos

Está(ão) correta(s) somente:

a) I, II, III e V.

b) II, IV e V.

c) I, II e III.

d) I e V.

e) I.

III e V. b) II, IV e V. c) I, II e III. d) I e

11. Com base nas considerações de José Carlos Libâneo em

Organização e Gestão da Escola: teoria e prática, o estudo da organização e gestão da escola tem como objetivos de aprendizagem:

O conhecimento da organização escolar - a sua cultura, as relações de poder, o seu modo de funcionamento, os seus problemas - bem como das formas de organização e gestão, das competências e dos procedimentos necessários para a atuação, de forma eficiente e participativa, nas decisões e ações dirigidas

I.

ao
ao

atendimento dos objetivos educacionais.

II.

A compreensão das relações entre as orientações gerais do sistema escoar e as escolas e o trabalho do professor, de modo a desenvolver capacidade crítica para avaliá-las em função das realidades da escola e das necessidades individuais e sociais dos alunos.

III.

e das necessidades individuais e sociais dos alunos. III. O desenvolvimento de saberes e competências para

O desenvolvimento de saberes e competências para fazer análises de contextos de trabalho, identificar e solucionar problemas (previsíveis e imprevisíveis) e reinventar práticas diante de situações novas ou inesperadas, na organização escolar e na sala de aula.

IV. A capacitação para participação no planejamento, organização e gestão da escola, especialmente na viabilização das ações de realização do projeto pedagógico curricular, com competência técnico-científica, sensibilidade ética e compromisso com a democratização das relações sociais na instituição escolar e fora dela.

14

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br V. O enfrentamento dos problemas da organização escolar, como educadores responsáveis

V. O enfrentamento dos problemas da organização escolar, como educadores responsáveis pela formação intelectual, afetiva, ética, sob o enfoque de estratégias de gestão democrática, pautada nos princípios de ordem econômica e financeira e nos interesses do Banco Mundial regidos pelo mercado internacional, propiciando uma orientação prática de como lidar com as situações cotidianas do contexto escolar.

lidar com as situações cotidianas do contexto escolar. Estão corretas: a) somente II, III, IV e

Estão corretas:

a) somente II, III, IV e V.

b) somente I, II, IV e V.

c) somente I, II, III e IV.

d) somente I e V.

e) I, II, III, IV e V.

12. Gaudêncio Frigotto em Educação e crise do trabalho: perspectivas de final de século, propõe a análise sobre a problemática educação e trabalho. Com base em seus escritos, leia as afirmativas a seguir:

I.

II.

III. IV.
III.
IV.
escritos, leia as afirmativas a seguir: I. II. III. IV. O pensamento marxista volta-se para a

O pensamento marxista volta-se para a perspectiva harmônica, derivada de uma escolha da vontade.

Marx parte do idealismo hegeliano em que o processo de produção do conhecimento é entendido de maneira abstrata.

O trabalho é um processo pelo qual o homem constitui a sua especificidade.

Para Marx, as relações materiais de produção social da existência não têm relação com a especificidade humana.

V. Não é possível transformar a realidade com o trabalho, pois este só aliena e explora os indivíduos.

Está(ão) correta(s), somente:

a) V.

b) III.

c) II, IV e V.

d) IV e V.

15

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) I, II e III. 13. Com o intuito de analisar criticamente a relação

e) I, II e III.

13. Com o intuito de analisar criticamente a relação entre educação e trabalho, Mariano Fernández Enguita em A face oculta da escola, relaciona a expansão da escola com o processo de industrialização. Segundo a perspectiva do autor, considere as afirmativas a seguir:

A proliferação da indústria iria exigir um novo tipo de trabalhador.

da indústria iria exigir um novo tipo de trabalhador. I. A escola visava a formação de

I.

A escola visava a formação de um novo tipo de homem adaptado

às exigências do novo modelo de produção.

II.

III.

Muitos reformadores viam na educação do povo a melhor forma de amansá-lo e trazê-lo ao redil da nova ordem.

A meta da escola era educar, mas não demasiadamente. O bastante para que aprendessem a respeitar a ordem social, mas não tanto que pudessem questioná-la.

a ordem social, mas não tanto que pudessem questioná-la. IV. Muitos reformadores identificavam a educação escolar

IV.

Muitos reformadores identificavam a educação escolar como meio de adquirir ou instilar o hábito da laboriosidade, sendo o espaço propício para trabalhar a ordem e a regularidade.

V.

O processo de industrialização e a assimilação da população às novas relações industriais se deu por meio da escola. A escola iria exercer o papel de socializar as gerações jovens para o trabalho assalariado, por meio de alguns dos artefatos mais representativos da cultura industrial, como à pontualidade e regularidade, a campainha, a sincronização, entre outros.

a)
a)

Está(ão) correta(s):

somente II e III.

b) somente I.

c) somente I, III, IV e V.

d) somente I, IV e V.

e) I, II, III, IV e V.

16

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 14. Dermeval Saviani propõe o pensar sobre o restabelecimento dos vínculos entre

14. Dermeval Saviani propõe o pensar sobre o restabelecimento dos vínculos entre educação e trabalho, entendendo o sistema de ensino com base no princípio educativo do trabalho. Segundo o autor:

I.

Trabalho e educação são atividades especificamente humanas, isto é, somente o ser humano trabalha e educa.

II.

O ato de agir sobre a natureza transformando-a em função das necessidades humanas é o que conhecemos como nome de trabalho.

humanas é o que conhecemos como nome de trabalho. O trabalho educativo é o ato de

O trabalho educativo é o ato de produzir, direta e intencionalmente, em cada indivíduo singular, a humanidade que é produzida histórica e coletivamente pelo conjunto dos homens.

O processo de produção da existência humana implica no trabalho material, que é a produção de bens materiais; e no trabalho não material, que é a produção de ideias, conceitos, valores, símbolos, hábitos, atitudes e habilidades, em que se situa a educação.

O objeto da educação diz respeito à identificação dos elementos culturais que precisam ser assimilados e à descoberta das formas mais adequadas para atingir esse objetivo.

III.

IV.

formas mais adequadas para atingir esse objetivo. III. IV. somente II, III, IV e V somente

somente II, III, IV e V somente II, III e IV. somente I, III e V. somente I, IV e V. I, II, III, IV e V.

V.

Estão corretas:

a)

b)

c)

d) e)
d)
e)

15. Dermeval Saviani em Pedagogia Histórico-Crítica faz importantes considerações sobre o currículo. Segundo suas proposições, considere as seguintes afirmativas:

I. Saviani faz a distinção entre as atividades nucleares e as atividades secundárias e não essenciais à escola; em outras palavras, enfatiza a importância em manter a diferenciação entre atividades curriculares e extracurriculares.

17

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br II. De acordo com o autor, o currículo irá viabilizar o clássico na escola,

II. De acordo com o autor, o currículo irá viabilizar o clássico na

escola, isto

é, a transmissão-assimilação do saber

sistematizado.

III. Conceito de currículo: é a organização do conjunto das atividades nucleares distribuídas no espaço e tempo escolares, isto é, todas as atividades realizadas na escola.

isto é, todas as atividades realizadas na escola. IV. A especificidade dos estudos pedagógicos diz respeito

IV. A especificidade dos estudos pedagógicos diz respeito à identificação dos elementos naturais e culturais necessários à constituição da humanidade em cada ser humano e à descoberta das normas adequadas para se atingir esse objetivo.

V. A ação escolar é viabilizada pelo currículo num movimento dialético: é a passagem da cultura popular à cultura erudita.

Estão corretas:

a)

b)

c)

d)

e)

somente I, II, IV e V. somente I, II e IV. somente III e IV.
somente I, II, IV e V.
somente I, II e IV.
somente III e IV.
somente II, IV e V.
I, II, III, IV e V.

16. O currículo é um importante elemento constitutivo da organização escolar. Com base nos estudos sobre o currículo, leia as afirmativas a seguir:

I.

estudos sobre o currículo, leia as afirmativas a seguir: I. O currículo é uma construção cultural,

O currículo é uma construção cultural, é o modo de organizar uma série de práticas educativas que deve contemplar o contexto social e real dos envolvidos, desempenha um papel social, político e ideológico, é um instrumento neutro.

II. O currículo deve contemplar os conteúdos, os códigos pedagógicos e as respectivas ações, a partir da noção de qual profissional se quer formar, de qual o papel do professor e da escola neste processo.

III. O currículo deve ser uma construção coletiva repensada a partir da ação-reflexão-ação, entendido como processo, sendo

18

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br necessária sua constante verificação, análise, interpretação e reelaboração. IV.

necessária sua constante verificação, análise, interpretação e reelaboração.

IV. O currículo é entendido como grade curricular, ou seja, um agrupamento de assuntos a serem desenvolvidos durante alguns anos de uma determinada série.

V. O currículo é entendido como grade curricular, ou seja, um agrupamento de atividades a serem realizadas na escola.

um agrupamento de atividades a serem realizadas na escola. Estão corretas somente: a) I e V.

Estão corretas somente:

a) I e V.

b) I, II e III.

c) II e III.

d) II, III e V.

e) I, II, III e IV.

e III. c) II e III. d) II, III e V. e) I, II, III e

É organizado a partir das diretrizes nacionais para a formação de professores.

É organizado considerando-se os dados da avaliação docente pelo discente.

É organizado a partir da política de capacitação continuada estabelecida pelos gestores escolares.

Concentra-se em dois pilares: a própria pessoa do professor, como

agente, e a escola como lugar de crescimento profissional permanente. É centrado nos interesses do próprio docente.

17. Segundo Antonio Nóvoa, um programa de formação continuada que efetivamente contribua na profissionalidade docente é aquele que:

a)

b)

c)

d) e)
d)
e)

18. O quadro abaixo sintetiza o compromisso do professor em fazer a recuperação das aprendizagens não ocorridas para a superação das dificuldades e a efetiva aprendizagem dos alunos no decorrer do processo de ensino:

19

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br Como estratégias para a superação das dificuldades apresentadas no decorrer do
www.odiferencialconcursos.com.br Como estratégias para a superação das dificuldades apresentadas no decorrer do
www.odiferencialconcursos.com.br Como estratégias para a superação das dificuldades apresentadas no decorrer do

Como estratégias para a superação das dificuldades apresentadas no decorrer do processo de ensino-aprendizagem, o professor deve:

I.

Alterar a dinâmica de sala de aula: passar a dar atenção ao aluno com dificuldades no processo.

II.

III.

IV.

ao aluno com dificuldades no processo. II. III. IV. Conceber e organizar situações que favoreçam a

Conceber e organizar situações que favoreçam a efetiva construção do conhecimento.

Procurar outras formas de abordagem do mesmo assunto/conceito junto ao aluno.

Ajudar o aluno a se reintegrar no processo de aprendizagem, respeitando seu ritmo e suas experiências de vida, adequando os conteúdos e métodos aos seus estágios de desenvolvimento.

V.

Organizar períodos de aulas especiais para os alunos com dificuldade.

Somente II está correta.

a)
a)

Assinale a alternativa que corresponda às afirmativas corretas.

Somente I e V estão corretas.

b)

c) Somente III e V estão corretas.

d) Somente I, III e V estão corretas.

e) I, II, III, IV e V estão corretas.

19. De acordo com Maria da Graça Nicoletti Mizukami (1986), o processo ensino aprendizagem apresenta várias abordagens. Leia

20

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br as afirmativas a seguir sobre o conceito avaliação e numere a coluna 2 de

as afirmativas a seguir sobre o conceito avaliação e numere a coluna 2 de acordo com a coluna 1. Coluna 1 (1) Abordagem tradicional

(2) Abordagem comportamentalista

(3) Abordagem humanista

(2) Abordagem comportamentalista (3) Abordagem humanista (4) Abordagem cognitivista (5) Abordagem sociocultural

(4) Abordagem cognitivista

(5) Abordagem sociocultural

Coluna 2

(

pode ser julgada a partir de critérios internos do organismo. O aluno deverá assumir formas de controle de sua aprendizagem, definir e aplicar os critérios para avaliar até onde estão sendo atingidos os objetivos que pretende, com responsabilidade. As avaliações são de acordo com padrões prefixados, por auto avaliação dos alunos.

) Só o indivíduo pode conhecer realmente sua experiência, esta só

pode conhecer realmente sua experiência, esta só ( prática educativa por professor e alunos. Qualquer

(

prática educativa por professor e alunos. Qualquer processo formal de notas, exames etc., deixa de ter sentido em tal abordagem. Nesse processo tanto os alunos como os professores saberão quais suas dificuldades e quais os seus progressos.

) Consiste na auto avaliação e/ou avaliação mútua e permanente da

(

propostos quando o programa foi conduzido até o final de forma adequada. E, é decorrente do progresso do aluno em seu ritmo próprio, em pequenos passos, sem cometer erros.

) Consiste em constatar se o aluno aprendeu e atingiu os objetivos

(
(

) É realizada predominantemente visando a exatidão da reprodução

do conteúdo comunicado em sala de aula. Mede-se, portanto, pela quantidade e exatidão de informações que se consegue reproduzir.

( ) Terá de ser realizada a partir de parâmetros extraídos da própria

teoria e implicará verificar se o aluno adquiriu noções, conservações,

realizou operações, relações, etc. O rendimento poderá ser avaliado de acordo com a sua aproximação a uma norma qualitativa pretendida. O controle do aproveitamento deve ser apoiado em múltiplos critérios,

21

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br considerando-se principalmente a assimilação e a aplicação em situações variadas.

considerando-se principalmente a assimilação e a aplicação em situações variadas. Não há, pois, pressão no sentido de desempenho acadêmico e desempenhos padronizados, durante o desenvolvimento cognitivo do ser humano.

Assinale a alternativa que apresenta a numeração correta, de cima para baixo:

a) 2, 5, 3, 1, 4.

b) 1, 3, 4, 2, 5.

c) 3, 5, 2, 1, 4.

d) 4, 2, 5, 1, 3.

e) 5, 4, 3, 1, 2.

5. c) 3, 5, 2, 1, 4. d) 4, 2, 5, 1, 3. e) 5, 4,

20. Segundo José Carlos Libâneo em Didática, planejar é uma atividade consciente para prever as ações do professor, e não se reduz a um simples preenchimento de formulários para controle administrativo; e sim, deve ser fundamentada em opções político pedagógicas e ter como referências permanentes as situações didáticas concretas (isto é, a problemática social, econômica, política e cultural que envolve a escola, os demais professores, os alunos, os pais, a comunidade, que interagem no processo de ensino). Portanto, é no planejamento escolar que o professor estabelece suas ações com o processo ensino-aprendizagem, devendo:

I. II.
I.
II.
ações com o processo ensino-aprendizagem, devendo: I. II. Prever objetivos, conteúdos e métodos a partir da

Prever objetivos, conteúdos e métodos a partir da consideração das exigências postas pela realidade social, do nível de preparo e das condições socioculturais e individuais dos alunos.

Prever que no processo de ensino, o conteúdo trabalhado com os alunos terá apenas o significado educativo e de reprodução social.

III. Assegurar a racionalização, organização e coordenação da sua prática em sala de aula, de modo que possibilite a realização de um ensino de qualidade e evite a improvisação e a rotina.

IV. Atualizar o conteúdo sempre que necessário, aperfeiçoando-o em relação aos progressos feitos no campo do conhecimento, adequando-os às condições de aprendizagem de seus alunos,

22

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br bem como os métodos, técnicas e recursos de ensino que vão sendo incorporados à

bem como os métodos, técnicas e recursos de ensino que vão sendo incorporados à experiência cotidiana.

V.

Assegurar a unidade e a coerência da sua atuação, uma vez que isso torna possível inter-relacionar, os elementos que compõem o processo de ensino: os objetivos (para que ensinar), os conteúdos (o que ensinar), os alunos e suas possibilidades (a quem ensinar), os métodos e técnicas (como ensinar) e a avaliação, que está intimamente relacionada aos demais.

a avaliação, que está intimamente relacionada aos demais. Está(ão) correta(s): a) somente II, III, IV e

Está(ão) correta(s):

a) somente II, III, IV e V.

b) somente I, II, III e IV.

c) somente III.

d) somente I, III, IV e V.

e) I, II, III, IV e V.

III. d) somente I, III, IV e V. e) I, II, III, IV e V. 21.

21. Maria Helena Souza Patto (1999), ao abordar as teorias que buscam explicar o fracasso escolar enfatiza que estas análises, quase sempre, associam esse processo aos alunos. Buscando compreender a temática a partir dos seus nexos constitutivos, a autora é enfática ao ratificar a complexidade do fracasso escolar na medida em que envolve as dimensões políticas, históricas, socioeconômicas, ideológicas e institucionais, bem como dimensões pedagógicas em estreita articulação com as concepções que caracterizam os processos e as dinâmicas em que se efetivam as práticas escolares. Segundo a autora, assinale a alternativa correta.

a)
a)

As explicações do fracasso escolar baseadas nas teorias do déficit e da diferença cultural precisam ser revistas a partir do conhecimento dos mecanismos escolares produtores de dificuldades de aprendizagem.

b) O fracasso escolar deve ser analisado a partir de uma perspectiva psicológica.

c) O fracasso escolar é decorrente dos indivíduos que sofrem da carência cultural e daqueles provenientes de famílias de baixa renda.

d) O fracasso escolar é originado devido às condições econômicas (desigualdades sociais, concentração de rendas), atingindo a escola pública.

23

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) O fracasso escolar é decorrente da dificuldade de se adaptarem às crescentes

e) O fracasso escolar é decorrente da dificuldade de se adaptarem às crescentes exigências do mercado de trabalho.

22. Segundo Vitor Henrique Paro (2003), abordar a questão da gestão escolar sem considerar a importância dos recursos financeiros mínimos necessários é desviar o foco do indispensável e fixar-se no acessório. Para o autor, é descabido atribuir o fracasso escolar à incompetência administrativa de diretores e professores, e pondera a necessidade do Estado assumir sua incumbência de efetivamente financiar o ensino público. Considerando a idéia do autor, é correto afirmar que:

A existência da escola para todos, conforme propagado pela mídia, reflete uma questão de quantidade e não de qualidade da educação brasileira.

O atual sistema de distribuição de valores destinados pelo governo às escolas é suficiente, entretanto mal administrado pelos dirigentes das mesmas, afetando dessa forma o bom desenvolvimento das instituições escolares e, conseqüentemente, da educação.

escolares e, conseqüentemente, da educação. a) b) c) d) A administração racional de recursos é eficaz

a)

b)

escolares e, conseqüentemente, da educação. a) b) c) d) A administração racional de recursos é eficaz

c)

d)

A administração racional de recursos é eficaz na gestão da escola, mesmo que inexistam procedimentos e recursos mínimos necessários para fazer frente às suas atividades inerentes.

A autonomia administrativa da escola envolve a descentralização efetiva de todos os recursos que podem ser geridos pela mesma, desvinculando-se da prestação de contas direta ao Estado, sem necessidade de mecanismos institucionais que viabilizem a fiscalização da aplicação dos recursos disponíveis.

e)

fiscalização da aplicação dos recursos disponíveis. e) O Estado é o único responsável pela administração

O Estado é o único responsável pela administração competente da educação no país.

23. A pedagogia Histórico-Crítica se diferencia de outras pedagogias por diversos motivos. Um deles situa-se na questão metodológica. Segundo Saviani (2002) "Os métodos tradicionais assim como os novos implicam uma autonomia da pedagogia em relação à sociedade. Os métodos que preconizo [Pedagogia Histórico-Crítica] mantêm continuamente presente a vinculação entre educação e sociedade." Este autor irá propor uma metodologia que contempla cinco passos: 1) Prática social; 2) Problematização; 3)

24

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br Instrumentalização; 4) Catarse; 5) Prática social. A partir disso, considere as

Instrumentalização; 4) Catarse; 5) Prática social. A partir disso, considere as seguintes afirmativas:

I. A prática social é o ponto de partida e o ponto de chegada metodológico. O que diferencia é que, ao final, a prática social está em um nível distinto. O aluno ascende ao nível que, por suposto, já se encontrava o professor no ponto de partida.

II. A instrumentalização consiste em assimilar os conteúdos transmitidos pelo professor por comparação com conhecimentos anteriores e coleta de dados dos referidos conhecimentos.

anteriores e coleta de dados dos referidos conhecimentos. III. A catarse é o momento em que

III. A catarse é o momento em que os alunos expõem seus conhecimentos prévios acerca do conteúdo.

IV. A problematização é a identificação dos principais problemas postos pela prática social. É o momento de detectar o que precisa ser desenvolvido na prática social e, em conseqüência, que conhecimento é necessário dominar.

em conseqüência, que conhecimento é necessário dominar. Está(ão) correta(s) somente: a) I, II e IV. b)

Está(ão) correta(s) somente:

a) I, II e IV.

b) III e IV.

c) II e III.

d) I e IV.

e) I.

24. Sobre a educação profissional técnica de nível médio, estabelecida pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, observe as seguintes afirmativas:

I.
I.

Será desenvolvida de forma articulada com o ensino médio.

II. Deverá observar os objetivos e definições contidos no projeto pedagógico estabelecido pelo Conselho Nacional de Educação.

III. Será desenvolvida de forma subseqüente, em cursos destinados a quem já tenha concluído o ensino médio.

25

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br IV. Deverá observar as normas complementares dos respectivos sistemas de ensino. Estão

IV. Deverá observar as normas complementares dos respectivos sistemas de ensino.

Estão corretas apenas:

a) I e II.

b) I, II e IV.

c) I, III e IV.

d) II e III.

e) II, III e IV.

I, II e IV. c) I, III e IV. d) II e III. e) II, III

25. Sobre o tema educação e trabalho considere as alternativas abaixo e identifique as afirmativas a seguir como verdadeiras (V) ou falsas (F):

) Comparando-se a teoria e a prática, pode-se dizer que a educação é a teoria e o trabalho é a prática.

(

(

atender as demandas do sistema capitalista e da ideologia neoliberal.

demandas do sistema capitalista e da ideologia neoliberal. ) As propostas dominantes de políticas educacionais tendem

) As propostas dominantes de políticas educacionais tendem a

(

separadamente até o Ensino Médio, pois sua relação só se estreita no Ensino Superior.

) Trabalho e educação devem ser estudados e tratados

(

do trabalho segundo o taylorismo/fordismo da sociedade capitalista foi necessária a ampliação/criação de cursos profissionalizantes e técnicos.

) Para atender a produção industrial em larga escala e a organização

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta, de cima para baixo.

F - V - F - F F - V - F - V

c) V - F - V - F

d) V - V - F - V

e) F - F - V V

a) b)
a)
b)

26. "O planejamento é um processo de racionalização, organização e coordenação da ação docente, articulando a atividade escolar e a

26

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br problemática do contexto social"(LIBÂNEO, 1994) Considerando a afirmação de José

problemática do contexto social"(LIBÂNEO, 1994) Considerando a afirmação de José Carlos Libâneo sobre a relevância do Planejamento para a ação educativa, é correto afirmar que:

a) Os acontecimentos do meio escolar não sofrem influências econômicas, políticas e culturais, uma vez que já há muitos conflitos na sociedade.

b) A essência do Planejamento é preencher os requisitos solicitados em formulários que servirão de suporte para o controle administrativo.

c) Para que o plano de ensino seja instrumento para a ação, ele deve ser como um guia de orientação e deve apresentar ordem sequencial, objetividade, coerência, flexibilidade.

ordem sequencial, objetividade, coerência, flexibilidade. d) Ao planejar o processo de ensino, tanto escola como

d) Ao planejar o processo de ensino, tanto escola como professores devem ter claro como a educação pode colaborar com a sociedade por meio de conteúdos que atendam às exigências profissionais, à exceção das questões políticas e culturais postas na sociedade.

e) Plano de ensino, plano de aula, plano da escola são sinônimos que representam uma ação desenvolvida pelo professor em sua disciplina.

uma ação desenvolvida pelo professor em sua disciplina. 27. Sobre a Lei de Diretrizes e Bases

27. Sobre a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, assinale a alternativa correta que representa uma das finalidades da educação superior.

b) c)
b)
c)

Estimular a criação cultural e o desenvolvimento do pensamento científico, técnico e específico. Incentivar o trabalho de pesquisa e investigação científica, visando ao desenvolvimento da ciência e da tecnologia e da criação e difusão da cultura, e, desse modo, ao desenvolvimento do entendimento do homem e do meio em que vive. Estimular o conhecimento dos problemas do mundo presente, regionais, nacionais e internacionais, prestando serviços especializados à comunidade e estabelecendo com esta uma relação de reciprocidade.

d) Promover a divulgação de conhecimentos culturais, científicos e técnicos que constituem patrimônio da humanidade e comunicar o saber através do ensino, da pesquisa e da extensão.

a)

e) Formar diplomados nas diferentes áreas de conhecimento, aptos para a inserção em setores profissionais e para a participação no desenvolvimento da sociedade brasileira, de forma a atender às necessidades do mercado de trabalho.

27

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 28. Sobre o Sistema de Seleção Unificada (SISU), considere as seguintes afirmativas:

28. Sobre o Sistema de Seleção Unificada (SISU), considere as seguintes afirmativas:

I. O SISU é um sistema informatizado, gerenciado pelo Ministério da Educação, que seleciona candidatos a vagas em cursos de graduação disponibilizadas pelas instituições públicas de educação superior participantes.

públicas de educação superior participantes. II. A seleção dos candidatos às vagas disponibilizadas

II. A seleção dos candidatos às vagas disponibilizadas por meio do SISU ocorre exclusivamente pelos resultados obtidos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

III. O SISU é a única forma de seleção aos cursos de graduação da Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

IV. O candidato pode se inscrever, por meio da ficha de inscrição do SISU, em até duas opções de vaga em instituição, curso, turno e modalidade.

apenas II, III e IV. apenas I, II e IV. I, II, III e IV.
apenas II, III e IV.
apenas I, II e IV.
I, II, III e IV.
apenas I, II e III.
apenas I, III e IV.

Estão corretas:

a)

b)

c)

d)

e)

e III. apenas I, III e IV. Estão corretas: a) b) c) d) e) 29. Dos

29. Dos princípios e objetivos constitucionais foram desdobrados seis pilares, com a finalidade de expressar o enlace necessário entre educação, território e desenvolvimento, de um lado, e o enlace entre qualidade, equidade e potencialidade, de outro. São eles:

visão sistêmica da educação, territorialidade, desenvolvimento, regime de colaboração, responsabilização e mobilização social. Em qual dos documentos citados abaixo estão definidos tais pilares?

a) REUNI.

b) SINAES

c) PDE.

d) LDB.

28

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) PNE. 30. De acordo com Ilma Passos Veiga (1995), a essencialidade do Projeto

e) PNE.

30. De acordo com Ilma Passos Veiga (1995), a essencialidade do Projeto Político-Pedagógico (PPP) reside no fato de se constituir no principal documento de referência de uma instituição escolar: "A escola é o lugar de concepção, realização e avaliação do seu

Nessa perspectiva, é fundamental que ela

projeto educativo (

assuma suas responsabilidades, sem esperar que as esferas administrativas superiores tomem essa iniciativa, mas que lhe dêem as condições para levá-la adiante."

).

que lhe dêem as condições para levá-la adiante." ). Com base na afirmação, identifique as afirmativas

Com base na afirmação, identifique as afirmativas a seguir como verdadeiras (V) ou falsas (F).

(

) O PPP é a própria essência do trabalho que a escola desenvolve no

âmbito de seu contexto histórico, o que significa a singularidade de cada projeto.

histórico, o que significa a singularidade de cada projeto. emancipatório. ( instituição escolar, não trata de

emancipatório.

(

instituição escolar, não trata de uma relação de reciprocidade entre a dimensão política e a dimensão pedagógica.

) O PPP, por representar um documento de referência para a

) Na elaboração do PPP, a escola deve ser concebida como espaço social isento de manifestações, de práticas contraditórias.

(

(

descentralização, democratização do processo de tomadas de decisões e instalação de um processo coletivo de avaliação de cunho

) A construção do PPP requer continuidade das ações,

) A construção do PPP requer continuidade das ações, Assinale a alternativa que apresenta a sequência

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta, de cima para baixo.

a) V -V - F - V.

b) F - V - F - F.

c) V - F - F - V.

d) V - V - V - F.

e) F - F - F V

29

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 31. Assinale qual das alternativas abaixo NÃO corresponde às diretrizes estabelecidas

31. Assinale qual das alternativas abaixo NÃO corresponde às diretrizes estabelecidas no art. 2º do Decreto nº 6.096, de 24 de abril de 2007, que Institui o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais - REUNI.

a) Redução das taxas de evasão, ocupação de vagas ociosas e aumento de vagas de ingresso, especialmente no período noturno.

b) Ampliação da mobilidade estudantil, com a implantação de regimes curriculares e sistemas de títulos que possibilitem a construção de itinerários formativos, mediante o aproveitamento de créditos e a circulação de estudantes entre instituições, cursos e programas de educação superior.

c) Articulação da graduação com a pós-graduação e da educação superior com a educação básica.

d) Revisão da estrutura acadêmica, com reorganização dos cursos de graduação e atualização de metodologias de ensino-aprendizagem, buscando a constante elevação da qualidade.

buscando a constante elevação da qualidade. e) Diversificação das modalidades de graduação,

e) Diversificação das modalidades de graduação, voltadas preferencialmente à profissionalização especializada.

e) Diversificação das modalidades de graduação, voltadas preferencialmente à profissionalização especializada.

32. Considerando as teorias da educação, relacione corretamente os termos abaixo com as explicações correspondentes:

(1) Pedagogia Tecnicista

(2) Pedagogia Histórico-Crítica

(3) Pedagogia Nova

(4) Pedagogia Tradicional

(
(

) Na época que surgiu essa teoria pensava-se que a causa da

marginalidade era a ignorância. Logo, a escola se torna um antídoto para a ignorância. O professor tem uma tarefa central, transmitir um acervo cultural aos alunos. A estes cabe apenas assimilar os conhecimentos que são transmitidos.

( ) Com essa perspectiva o aspecto individual é o mais importante. O

conceito de "anormalidade psíquica" detectada por testes de inteligência e de personalidade começa ser usado frequentemente. O professor age

30

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br como estimulador e orientador da aprendizagem. A principal iniciativa cabe aos alunos. (

como estimulador e orientador da aprendizagem. A principal iniciativa cabe aos alunos.

( ) Essa pedagogia defende a reordenação do processo educativo de

maneira a torná-lo objetivo e operacional. De modo semelhante ao trabalho fabril, descreve a objetivação do trabalho pedagógico. O professor e o aluno ocupam posição secundária, sendo somente executores de um processo em que o controle está a cargo de especialistas supostamente habilitados, neutros, objetivos e imparciais.

supostamente habilitados, neutros, objetivos e imparciais. ( conhecimento, a discriminação e o rebaixamento do ensino

(

conhecimento, a discriminação e o rebaixamento do ensino das classes populares. O professor deve instrumentalizar e alterar qualitativamente a

) Assume o papel de retomar a luta contra a seletividade do

prática de seus alunos como agentes sociais.

Assinale a seqüência correta, de cima para baixo.

a) 4 - 3 - 1 - 2

b) 2 - 1 - 3 - 4

c) 3 - 4 - 1 - 2

baixo. a) 4 - 3 - 1 - 2 b) 2 - 1 - 3 -

d) 4 - 2 - 3 - 1

e) 3 - 2 - 1 4

33. As pesquisas de Celso dos Santos Vasconcelos (2003) acerca da avaliação educacional apontam-na como pauta de grande relevância nas discussões sobre educação. Denunciada como umas das possíveis causadoras de evasão e repetência, mantenedoras públicas e privadas adotam várias iniciativas em busca de modificar a forma de trabalhar a avaliação da aprendizagem no sentido de reverter o quadro de fracasso escolar. Para o pesquisador, muito se tem analisado o papel político da avaliação, muito se tem criticado as práticas avaliativas dos professores, mas não existem sugestões de caminhos concretos na perspectiva crítica. Segundo o mesmo, muitos educadores deixam para um plano secundário a dimensão técnica do seu trabalho pelo medo de cair no tecnicismo e afirma que o professor anseia por sugestões, propostas, orientações para sua prática e aponta a necessidade de uma discussão coletiva sobre a avaliação aliada a um projeto político-pedagógico, inserido num projeto social mais amplo.

inserido num projeto social mais amplo. 31 “ Feliz é aquele que transfere o que sabe

31

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br Com base de nas idéias do autor e em seu conhecimento a respeito da

Com base de nas idéias do autor e em seu conhecimento a respeito da avaliação escolar, considere as seguintes afirmativas:

I. A forma de avaliação atualmente adotada pelo professor é a grande responsável pelo baixo nível de qualidade do ensino.

II. A avaliação educacional deve-se constituir em um processo contínuo no qual a dimensão qualitativa deve prevalecer sobre a quantitativa.

dimensão qualitativa deve prevalecer sobre a quantitativa. III. A diversidade de práticas avaliativas durante o

III. A diversidade de práticas avaliativas durante o processo de ensino-aprendizagem facilita ao educando expressar qualitativamente o que aprendeu.

IV. A avaliação da aprendizagem é um momento em que o aluno comprova o domínio do conteúdo, sendo desnecessário considerá-la como instrumento importante para auto-avaliação docente.

como instrumento importante para auto-avaliação docente. Está(ão) correta(s) somente: a) I. b) II. c) III. d)

Está(ão) correta(s) somente:

a) I.

b) II.

c) III.

d) I e IV.

e) II e III.

34. O Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), enquanto plano executivo, organiza seus programas em quatro eixos norteadores. São eles:

Educação básica, educação superior, educação profissional e alfabetização.

b) Formação de professores, financiamento, avaliação e responsabilização.

a)
a)

c) Financiamento, avaliação, responsabilização e planejamento.

d) Educação básica, educação profissional, educação superior e pós- graduação.

e) Expansão da oferta de vagas, garantia de qualidade, promoção de inclusão social e ordenação territorial.

32

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 35. Considere o excerto: "Acompanhando processos de mudança na avaliação,

35. Considere o excerto: "Acompanhando processos de mudança na

avaliação, percebemos que há necessidade de serem realizadas alterações tanto na avaliação em si (finalidade, conteúdo, forma), quanto no campo onde ela se dá (vínculo pedagógico) e nas suas relações (com a instituição na qual está inserida e com o sistema educacional e social)" (VASCONCELLOS, 2009). Sobre o processo de avaliação, assinale alternativa INCORRETA.

a)

A avaliação deve ser pensada como um recurso que localiza as necessidades da sala de aula e um levantamento que promove a superação.

A questão fundamental em que deve-se pautar o professor não deve ser o de traduzir em uma nota o desempenho do aluno, mas sim o de como encontrar estratégias para que o aluno aprenda.

o de como encontrar estratégias para que o aluno aprenda. b) c) d) e) Para uma

b)

c)

d)

e)

Para uma boa avaliação é necessário recuperar o significado dos conteúdos, pois assim o aluno poderá ver sentido no que está sendo apresentado.

o aluno poderá ver sentido no que está sendo apresentado. O professor deve ter uma intenção

O professor deve ter uma intenção clara. Ele deve superar o caráter de punição e de prêmio da avaliação.

A avaliação deve ser aplicada somente após a exposição de todo conteúdo. Centralizar a avaliação em uma etapa facilita a levantamento das dificuldades. Desse modo, o professor poderá mais facilmente visualizar o aproveitamento dos alunos.

36. Sobre a Lei nº 10.861, de 14 de abril de 2004, que institui o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - SINAES, analise as seguintes afirmativas:

Dentre as suas finalidades, o SINAES define, especialmente, a promoção do aprofundamento dos compromissos e responsabilidades sociais das instituições de educação superior, por meio da valorização de sua missão pública, da promoção dos valores democráticos, do respeito à diferença e à diversidade, da afirmação da autonomia e da identidade institucional.

I.
I.

II. A avaliação do desempenho dos estudantes dos cursos de graduação será realizada mediante aplicação do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes - ENADE, que será aplicado a

33

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br cada dois anos, admitida a utilização de procedimentos amostrais, aos alunos de todos

cada dois anos, admitida a utilização de procedimentos amostrais, aos alunos de todos os cursos de graduação, ao final do primeiro e do último ano de curso.

III. A participação do corpo discente, docente e técnico-administrativo das instituições de educação superior e da sociedade civil, por meio de suas representações, deverá ser assegurada pelo SINAES ao promover a avaliação de instituições, de cursos e de desempenho dos estudantes.

de instituições, de cursos e de desempenho dos estudantes. IV. A avaliação das instituições de educação

IV. A avaliação das instituições de educação superior terá por objetivo identificar o seu perfil e o significado de sua atuação, por meio de suas atividades, cursos, programas, projetos e setores, considerando as diferentes dimensões institucionais.

São verdadeiras apenas as afirmativas:

a) I e II.

b) I, II e IV.

c) I, III e IV.

as afirmativas: a) I e II. b) I, II e IV. c) I, III e IV.

d) II, III e IV.

e) II e IV.

É um documento elaborado pelo pedagogo em função das abordagens extremamente pedagógicas relativas ao processo educacional, entretanto deve ser conhecido por todos os profissionais que atuam na escola.

37. Com relação ao Projeto Político-Pedagógico, documento que dá suporte à prática das instituições educativas em seus diversos níveis e modalidades de ensino, considere as seguintes afirmativas:

I.

de ensino, considere as seguintes afirmativas: I. II. É um projeto que expõe a filosofia institucional

II. É um projeto que expõe a filosofia institucional da escola em qualquer nível ou modalidade, nele contém as concepções de formação que a instituição deseja promover e serve de subsídio para a prática dos profissionais que objetivam construir coletivamente a autonomia da instituição na qual atuam.

34

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br III. Projeto Político pedagógico é o agrupamento de planos de ensino e de atividades

III. Projeto Político pedagógico é o agrupamento de planos de ensino e de atividades diversas, à disposição no arquivo da escola para comprovar o atendimento de uma solicitação burocrática.

IV. Além de estar articulado com os interesses reais de formação do cidadão, o PPP explicita as ações educativas e as características necessárias para a escola cumprir seus propósitos e intencionalidades, sendo decorrente de uma construção coletiva.

sendo decorrente de uma construção coletiva. Somente está(ão) correta(s): a) I. b) II. c) IV. d)

Somente está(ão) correta(s):

a) I.

b) II.

c) IV.

d) I e III.

e) II e IV.

38. As diretrizes para o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais - REUNI foram estruturadas em seis dimensões. Dentre elas constam:

a)

b)

c)

d)

e)

em seis dimensões. Dentre elas constam: a) b) c) d) e) Ampliação da oferta de educação
em seis dimensões. Dentre elas constam: a) b) c) d) e) Ampliação da oferta de educação

Ampliação da oferta de educação superior pública, reestruturação acadêmico-curricular e redução das desigualdades sociais. Renovação pedagógica da educação superior, mobilidade intra e interinstitucional e promoção de inclusão social. Compromisso social da instituição, redução das desigualdades sociais e ampliação da oferta de educação superior pública. Reestruturação acadêmico-curricular, promoção de inclusão social e mobilidade intra e interinstitucional. Compromisso social da instituição, reestruturação acadêmico- curricular e ampliação da oferta de educação superior pública.

39. Sobre o Projeto Político-Pedagógico, segundo VASCONCELLOS (2009), considere as seguintes afirmativas:

I. Pode ser entendido como a sistematização de um processo de planejamento participativo, que se aperfeiçoa e se objetiva na caminhada que define claramente o tipo de ação educativa que se quer realizar, a partir de um posicionamento da intencionalidade e de uma leitura da realidade.

35

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br II. Deve ser planejado e elaborado por técnicos especialistas da educação. Assim, as

II. Deve ser planejado e elaborado por técnicos especialistas da educação. Assim, as funções serão bem distribuídas dentro do espaço escolar, cabendo ao professor a função de executá-lo.

III. Não se esgota na elaboração de um texto ou documento. Deve ser avaliado permanentemente, na articulaçãoconstante entre ação-reflexão-ação.

na articulaçãoconstante entre ação-reflexão-ação. IV. São algumas finalidades do Projeto

IV. São algumas finalidades do Projeto Político-Pedagógico: ser um instrumento de transformação da realidade; resgatar a potencia da coletividade; fortalecer o grupo para enfrentar conflitos, contradições e pressões.

Estão corretas:

a)

b)

c)

d)

e)

I, II, III e IV. somente I e IV.

somente I, III e IV.

somente II, III e IV. somente III e IV. ]
somente II, III e IV.
somente III e IV.
]

40. "[

IV. somente II, III e IV. somente III e IV. ] 40. "[ a escola tem

a escola tem uma função especificamente educativa,

propriamente pedagógica, ligada à questão do conhecimento; é preciso, pois, resgatar a importância da escola e reorganizar o trabalho educativo, levando em conta o problema do saber sistematizado, a partir do qual se define a especificidade da educação escolar" (SAVIANI, 2008). Considerando o excerto e com base nos conhecimentos da Pedagogia Histórico-Crítica, é correto afirmar:

a) Nos dias atuais, com a crescente transformação e a inovação tecnológica, faz-se necessário rever a função da escola. Nesse contexto, a escola deve buscar o conhecimento em outros meios, como a internet, revistas, jornais, televisão, etc., e levá-los até a sala

36

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br de aula. A escola faz o arremate final dos conteúdos e a verificação das

de aula. A escola faz o arremate final dos conteúdos e a verificação das informações obtidas nesses meios.

A escola e o trabalho escolar são elementos essenciais para o desenvolvimento humano em geral. Pela mediação da escola acontece a passagem do saber espontâneo ao saber sistematizado, da cultura popular à cultura erudita. A ação escolar permite que se acrescentem novas determinações que enriquecem as anteriores.

A proposta de "desescolarização" significa a negação da escola. Nessa concepção, a escola é desnecessária e prescindível. Nos dias atuais, com o aumento da violência e da indisciplina nas escolas, com a falta de interesse no conhecimento científico e com a facilidade do acesso ao conhecimento através dos meios de comunicação, essa proposta se torna viável e interessante.

b)

c)

essa proposta se torna viável e interessante. b) c) d) Na sociedade atual, a escola tem

d)

Na sociedade atual, a escola tem cada vez mais diminuído o tempo de escolarização. Existe uma tendência de diminuir o tempo do ensino médio para a universidade, da graduação para a pós graduação. Essa tendência tem promovido profissionais cada vez mais despreparados para o mercado de trabalho, pois com o tempo reduzido não se qualificam adequadamente.

cada vez mais despreparados para o mercado de trabalho, pois com o tempo reduzido não se

A função educativa da escola não deve se restringir ao conhecimento científico e ao saber sistematizado. Novas formas de conhecimento precisam ser trabalhadas, como os chamados temas transversais, tal como educação no ambiental, educação sexual, educação para o trânsito, etc. Tais temas devem ser tratados até mesmo anteriormente ao conhecimento científico, pois é com eles que os alunos terão que lidar no dia-a-dia.

e)

é com eles que os alunos terão que lidar no dia-a-dia. e) 41. Avalie se os

41. Avalie se os direitos à profissionalização e à proteção no trabalho do adolescente incluem, dentre outros, os seguintes aspectos:

I. Respeito à condição peculiar de pessoa em desenvolvimento.

II. Capacitação profissional adequada ao mercado de trabalho.

III. Capacitação

pública.

específica

a

sua

área

de

trabalho

sob guarda

37

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br IV. Escolarização adequada e de qualidade. V. Remuneração ao trabalho laborial de

IV. Escolarização adequada e de qualidade.

V. Remuneração ao trabalho laborial de acordo com o desenvolvimento pedagógico do trabalhador.

Estão corretos os itens:

a) I e II;

b) I e III;

c) II e IV;

d) II e III;

e) I e V.

I e II; b) I e III; c) II e IV; d) II e III; e)

42. O ensino está centrado na pessoa, o que implica orientá-lo para a experiência pessoal, de modo que ela possa estruturar-se e agir. Essa abordagem descreve a aprendizagem denominada:

a)

b)

c)

d)

e)

cognitivista; comportamentalista; humanista; tradicional; sócio-interacionista.
cognitivista;
comportamentalista;
humanista;
tradicional;
sócio-interacionista.

43. A educação inclusiva pressupõe algumas ações do professor que podem criar uma relação com os alunos marcada pela participação, maturidade, criatividade e inclusão. Como exemplos dessas ações incluem-se as seguintes, EXCETO:

a) b)
a)
b)

respeitar e fazer respeitar diferenças de opinião; favorecer situações em classe para que o aluno se sinta à vontade para expressar suas opiniões, seus pontos de vista e seus sentimentos;

c) incentivar a participação, a iniciativa, a cooperação dos alunos entre si;

d) elogiar o aluno cujas idéias são repetições da fala dos professores;

e) relacionar os temas estudados com as vivências dos alunos.

38

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 44. Ao utilizar as técnicas de prova discursiva, de múltipla escolha, com consulta e

44. Ao utilizar as técnicas de prova discursiva, de múltipla escolha, com consulta e com questões de lacunas, o docente deseja avaliar os objetivos:

a) de habilidades;

b) cognitivos;

c) atitudinais;

d) programáticos;

e) comportamentais.

c) atitudinais; d) programáticos; e) comportamentais. 45. O Projeto Político Pedagógico é entendido como a

45. O

Projeto

Político Pedagógico é entendido como a própria

organização do trabalho pedagógico da escola. A construção do

projeto

EXCETO:

a)

b)

c)

d)

e)

político pedagógico parte dos seguintes princípios,

acomodação de liberdade;

liberdade de ações;

gestão democrática;

qualidade de ensino; educação continuada.
qualidade de ensino;
educação continuada.

46. A Didática como reflexão sistemática compreende:

a pesquisa dos conhecimentos que o professor irá adquirir na sua prática pedagógica bem como o que ele vai pensar e refletir sobre suas ações; o estudo das teorias de ensino e aprendizagem aplicadas ao processo educativo que se realiza na escola bem como dos resultados obtidos; as teorias que se apresentam válidas para solucionar os problemas da prática pedagógica usando-as para produzir novos alunos capacitados;

d) as posições políticas de um processo intencional que visa a orientação de objetivos a serem alcançados por seus participantes;

a)

b) c)
b)
c)

e) a definição de objetivos a serem alcançados, seleção de conteúdos, técnicas e recursos de ensino, organização do processo de avaliação da dimensão educativa.

39

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 47. Relacione os objetivos citados a seguir com seus respectivos exemplos. Objetivos 1-

47. Relacione os objetivos citados a seguir com seus respectivos exemplos.

Objetivos

1-

objetivos de conhecimentos

2-

objetivos de habilidades

3-

objetivos de atitudes

objetivos de habilidades 3- objetivos de atitudes Exemplos ( ( ( científica; ( ) utilizar a

Exemplos

(

(

(

científica;

(

) utilizar a comunicação, a co-responsabilidade pela aprendizagem, capacidade crítica.

(

) usar a criatividade, integração de conhecimentos e curiosidade

) relacionar fatos, conceitos e princípios;

) descobrir, experimentar e organizar trabalhos;

) relacionar informações, comparar fatos e trabalha em equipe;

Os exemplos dados correspondem respectivamente aos objetivos:

exemplos dados correspondem respectivamente aos objetivos: a) 1,3,3,2,1; b) 2,3,1,2,3; c) 3,2,1,1,2; d) 2,1,3,1,2;

a) 1,3,3,2,1;

b) 2,3,1,2,3;

c) 3,2,1,1,2;

d) 2,1,3,1,2;

e) 1,2,3,2,3.

48. Quando um docente planeja suas aulas de forma a romper com isolamentos ou compartimentalizações do ensino e da

a)
a)

aprendizagem, estará trabalhando para que os Temas Transversais e as áreas de conhecimento se dêem de forma que:

ocorram situações escolares não programáveis, emergentes, que devem ser questionadas e não respondidas, necessitando clareza e articulação pontual oferecidas pela abrangência dos Temas Transversais;

b) haja momentos em que as questões relativas aos temas sejam explicitamente trabalhadas e conteúdos de campos e origens diferentes sejam colocados em perspectivas distanciadas e sem respostas;

40

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br c) as diferentes áreas contemplem os objetivos e os conteúdos (fatos, conceitos e

c) as diferentes áreas contemplem os objetivos e os conteúdos (fatos, conceitos e princípios; procedimentos e valores;normas e atitudes) que os temas da convivência propõem;

d) ambos possam apontar para a complexidade do real e a considerar a teia de relações entre os diferentes aspectos sem nenhum julgamento de valores;

e) ofereça somente ao grupo discente um sentido social com a visão de procedimentos e conceitos educacionais que vão além das áreas convencionais, superando o simples aprender na escola.

convencionais, superando o simples aprender na escola. 49. Uma das funções do planejamento escolar é: a)

49. Uma das funções do planejamento escolar é:

a)

b)

facilitar a preparação das aulas, selecionando conteúdos e o material didático para que o professor execute o trabalho frente aos seus interesses e práticas avaliativas; assegurar a racionalização, organização e coordenação do trabalho docente, de modo que a previsão das ações docentes sejam asseguradas para a efetiva realização de transmissão dos conteúdos; prever objetivos, conteúdos e métodos a partir da consideração das exigências postas pela realidade social, do nível de preparo e das condições sócio-culturais e individuais dos alunos; explicitar princípios, diretrizes e procedimentos do trabalho docente e discente que assegurem a hierarquia dos conteúdos escolhida pelos coordenadores e gestores escolares garantindo o processo de participação democrática; expressar os vínculos entre o posicionamento filosófico, político- pedagógico e profissional em ações efetivas em sala de aula, através de uma vinculação hierárquica e sequencial dos conteúdos e temas selecionados.

e sequencial dos conteúdos e temas selecionados. c) d) e) 50. Segundo Paulo Freire (2009), a

c)

d)

e)

e sequencial dos conteúdos e temas selecionados. c) d) e) 50. Segundo Paulo Freire (2009), a

50. Segundo Paulo Freire (2009), a análise do fracasso escolar deve levar em contra três importantes dimensões que se inter- relacionam. Identifique essas dimensões dentre as cinco apresentadas a seguir:

I. O clima institucional que media a práxis escolar e social.

41

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br II. O processo de interação de sala de aula, envolvendo a relação professor-aluno.

II. O processo de interação de sala de aula, envolvendo a relação professor-aluno.

III. A relação aluno-aluno com a aprendizagem escolar.

IV. A relação com a história de cada sujeito, que se manifesta no cotidiano escolar.

V. A composição do cotidiano escolar, com os conteúdos elaborados pelos Parâmetros Curriculares Nacionais, facilitadores da aprendizagem.

As dimensões corretas são:

a) I, II e IV;

b) II, III e IV;

c) I, III e IV;

d) I, II e V;

e) II, III e V.

III e IV; c) I, III e IV; d) I, II e V; e) II, III
III e IV; c) I, III e IV; d) I, II e V; e) II, III

51. A gestão democrática, citada na LDB 9394/96, garante à equipe pedagógica e aos professores da escola o direito de estabelecer os princípios, finalidades e objetivos do Conselho de Classe, que desempenha um papel de:

avaliação para discutir o aluno de modo integral, e para dar suporte aos professores apontando os insucessos dos alunos e acentuando os pontos negativos; avaliação dos alunos e de avaliação de práticas docentes, com o objetivo de diagnosticar a razão das dificuldades dos alunos e dos professores, e apontar as mudanças necessárias nos encaminhamentos pedagógicos; mecanismo democrático que possibilita uma gestão democrática, com a participação de todos os agentes educativos;

d) lócus de observação para que os professores indiquem os alunos com dificuldades de aprendizagem e com problemas comportamentais, de assiduidade, de relacionamento, de agressividade e de concentração para serem discutidos entre os alunos e os docentes;

a)

b) c)
b)
c)

42

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) instância de avaliação institucional onde a interação pedagógica ocorre devido

e) instância de avaliação institucional onde a interação pedagógica ocorre devido a busca de solução de problemas dos discentes levantados num bimestre, trimestre ou semestre.

52. A

avaliação

escolar

apresenta

as

seguintes

características,

EXCETO:

a) reflexo da unidade objetivos-conteúdos-métodos;

a) reflexo da unidade objetivos-conteúdos-métodos; b) possibilidade de revisão do plano de ensino; c) ajuda

b) possibilidade de revisão do plano de ensino;

c) ajuda para desenvolver capacidades e habilidades;

d) retorno para a atividade dos alunos;

e) restrição das verificações e provas no final de bimestres.

53. A educação de jovens e adultos será destinada àqueles que não tiveram acesso ou continuidade de estudos no ensino fundamental e médio na idade própria. Para tanto, o Poder Público:

a)

b)

c)

d) e)
d)
e)
públicas; o
públicas;
o

promoverá a extensão, aberta à participação da população adulta, visando à difusão das conquistas e benefícios resultantes da criação

cultural e da pesquisa científica e tecnológica geradas em instituições

incentivará o trabalho de pesquisa e investigação científica, visando

desenvolvimento da ciência e da tecnologia e da criação e difusão

da cultura destinada a jovens e adultos;

desenvolverá, em articulação com o ensino regular ou por diferentes estratégias de educação continuada, um ambiente de futuro trabalho para os jovens e adultos;

manterá cursos e exames de madureza que compreenderão a base nacional comum do currículo, habilitando ao prosseguimento de estudos em caráter regular; viabilizará e estimulará o acesso e a permanência do trabalhador na escola, mediante ações integradas e complementares entre si.

54. A interdisciplinaridade questiona:

a) a segmentação entre os diferentes campos de conhecimento

produzida por um abordagem que não leva em conta a inter-relação

e a influência entre eles;

43

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br b) a visão compartimentada, integrada e disciplinar da realidade sobre a escola, tal

b) a visão compartimentada, integrada e disciplinar da realidade sobre a escola, tal como é conhecida e como se constituiu historicamente;

c) os diversos campos de poder que envolvem a luta entre a gestão democrática, os docentes e os técnico-administrativos no espaço escolar;

d) a falta de integração dos saberes extra-escolares com os da comunidade acadêmica com vistas a uma proposta de maior acesso aos membros sociais participarem das decisões da vida escolar;

e) a necessidade de maior envolvimento de todos os participantes no processo de definição de trabalho pedagógico e das prioridades a serem eleitas.

de trabalho pedagógico e das prioridades a serem eleitas. 55. A Lei de Diretrizes e Bases

55. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional 3934/96, em seu Art. 4º, preconiza que o dever do Estado com a educação escolar pública será efetivado mediante a garantia de, EXCETO:

a)

b)

c)

d)

e)

efetivado mediante a garantia de, EXCETO: a) b) c) d) e) ingresso no ensino fundamental, obrigatório

ingresso no ensino fundamental, obrigatório e gratuito, inclusive para os que a ele não tiveram acesso na idade própria;

ingresso no ensino fundamental, obrigatório e gratuito, inclusive para os que a ele não tiveram acesso

oferta de ensino noturno regular, adequado às condições do educando;

apoio educacional especializado gratuito aos educandos com necessidades especiais, preferencialmente na rede regular de ensino;

atendimento gratuito em creches e pré-escolas às crianças de zero a seis anos de idade, quando houver vaga disponível na rede municipal e estadual;

acesso aos níveis mais elevados do ensino, da pesquisa e da criação artística, segundo a capacidade de cada um.

56. Dentre os desafios que a escola confronta para romper com o fracasso escolar incluem-se, dentre outros, os seguintes, EXCETO:

a) desenvolver uma pedagogia centrada na criança, capaz de educar com êxito todas as crianças;

b) ajudar a mudar atitudes discriminatórias;

c) fomentar uma pedagogia inclusiva entre os sujeitos da escola;

d) desenvolver todas as potencialidades de alunos com sérias desvantagens e deficiências;

44

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) compreender que as deficiências e as dificuldades escolares são da própria

e) compreender que as deficiências e as dificuldades escolares são da própria criança.

57. As famílias podem se envolver ativamente nas decisões tomadas pelas escolas de seus filhos.
57. As famílias podem se envolver ativamente nas decisões tomadas
pelas escolas de seus filhos. Candidatar-se a uma vaga no
Conselho Escolar é uma boa maneira de acompanhar e auxiliar o
trabalho dos gestores escolares. Avalie as seguintes afirmativas
acerca do Conselho Escolar:
I.
É constituído por representantes de pais, estudantes,
professores, demais funcionários, membros da comunidade local
e o diretor da escola.
II.
Destina-se a zelar pela manutenção da escola e participar da
gestão administrativa, pedagógica e financeira.
III.
É composto por docentes, estudantes, técnico-administrativos,
familiares, membros da comunidade e diretor da escola.
IV.
É responsável pelas funções deliberativas, consultivas, fiscais e
mobilizadoras, para garantir a gestão democrática nas escolas
públicas.
V.
Constitui um espaço escolar para se discutir o projeto pedagógico
com a direção da escola.
Estão corretas as afirmativas:
a)
b)
c)
d)
e)
I, II e IV;
I, II e V;
II, III e IV;
III, IV e V;
II, IV e V.

58. Para elaborar um projeto político-pedagógico, o educador precisa conhecer os níveis a serem alcançados. O nível a seguir que NÃO está correto é:

a) executar um projeto, exemplo: abertura de um novo curso;

b) executar um programa, exemplo: reorganização curricular da escola;

45

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br c) executar o marco financeiro, exemplo: distribuir o dinheiro da caixa escolar de que

c) executar o marco financeiro, exemplo: distribuir o dinheiro da caixa escolar de que se dispõe;

d) elaborar e executar um plano de um setor, exemplo orientação pedagógica;

e) elaborar e executar um plano geral, exemplo: envolver toda a escola.

59. Os sistemas de ensino promoverão a valorização dos profissionais da educação, assegurando-lhes, inclusive nos termos dos estatutos e dos planos de carreira do magistério público:

estatutos e dos planos de carreira do magistério público: I. ingresso exclusivamente por concurso público de

I. ingresso exclusivamente por concurso público de provas e títulos;

II. aperfeiçoamento profissional continuado, inclusive com licenciamento periódico remunerado para esse fim;

III. piso salarial profissional.

do Plano Decenal de Educação; da LDB nº 9394/96; da Lei nº 10.639/03; do Conselho
do Plano Decenal de Educação;
da LDB nº 9394/96;
da Lei nº 10.639/03;
do Conselho Federal de Educação;
da Lei nº 11.645/08.
Constituição

Estas propostas fazem parte:

a)

b)

c)

d)

e)

60. A

Brasileira/88 determina que o ensino será

ministrado com base nos seguintes princípios, EXCETO:

a) b)
a)
b)

igualdade de condições para o acesso e permanência na escola; liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber;

c) progressiva democratização da rede pública da educação básica;

d) pluralismo de idéias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições públicas e privadas de ensino;

e) gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais.

46

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 61. A Lei n° 9.394/96, LDB, estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.

61. A Lei n° 9.394/96, LDB, estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Nessa lei, a educação é perspectivada sob dois aspectos: um mais conceitual/filosófico e outro mais legal, através dos quais essa mesma educação é:

I. Abrangente quanto aos processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana,
I.
Abrangente quanto aos processos formativos que se
desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no
trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos
sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações
culturais.
II.
Definida como processo formal, ou seja, educação escolar que se
desenvolve, predominantemente, por meio do ensino, em
instituições próprias.
III.
Um dever da família e do Estado, inspirada nos princípios de
liberdade e nos ideais de solidariedade humana, tendo por
finalidade o pleno desenvolvimento do educando, seu preparo
para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.
IV.
Um processo formal, em que a educação escolar deverá vincular-
se ao mundo do trabalho e à prática social.
V.
Um processo de reprodução do conhecimento, através do ensino
formal, que prepara o educando para o mundo do trabalho.
A alternativa correta é:
a)
b)
c)
d)
e)
I, II e III.
II, III e IV.
III, IV e V.
I, II, III e IV.
II, III, IV e V.

62. O papel do professor no cotidiano escolar enseja não apenas o trabalho de transmissão do conhecimento sistematizado, mas abrange, necessariamente, as incumbências legais circunscritas no Art. 13 da LDB 9.394/96, EXCETO:

a) Zelar pela aprendizagem dos alunos.

b) Criar estratégias para recuperar o rendimento do aluno.

47

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br c) Colaborar com as atividades de articulação da escola com a família e a

c) Colaborar com as atividades de articulação da escola com a família e

a comunidade.

d) Ministrar dias letivos e horas-aulas, participar de atividades de planejamento, de avaliação e de desenvolvimento profissional.

e) Informar os pais e responsáveis sobre a frequência e o rendimento dos alunos, bem como sobre a execução de sua proposta pedagógica.

63. O Instituto Federal do Piauí é uma instituição centenária na oferta da educação profissional.
63. O Instituto Federal do Piauí é uma instituição centenária na oferta
da educação profissional. De acordo com a legislação que instituiu
a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e
criou os Institutos Federais, Lei n° 11.892/2008, o IFPI poderá
ofertar:
I.
Educação profissional técnica de nível médio para os concluintes
do ensino fundamental e para o público da educação de jovens e
adultos;
II.
Cursos de formação inicial e continuada de trabalhadores;
III.
Cursos superiores de tecnologia;
IV.
Cursos de bacharelado e engenharia, cursos de licenciatura, bem
como programas especiais de formação pedagógica;
V.
Pós-graduação lato sensu e stricto sensu.
A alternativa correta é:
a)
I,
b)
I,
c)
I,
d)
I,
II e III
II, III e IV
II, III e V
III, IV e V
e) I,
II, III, IV e V

64. A LDB n° 9.394/96 ratifica, no Art. 14 e seus incisos, os princípios definidores da gestão democrática do ensino público, instituída pela Constituição Federal/88 no inciso VI, Art.206. São esses os princípios da gestão democrática segundo a LDB:

48

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br I. participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico

I. participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico da escola.

II. participação da comunidade escolar e local em conselhos escolares ou equivalentes.

III. realização de eleição para a escolha do diretor da escola.

IV. instauração de agremiação estudantil na escola. V. criação de um Estatuto da Comunidade, onde
IV. instauração de agremiação estudantil na escola.
V. criação de um Estatuto da Comunidade, onde se fixem diretrizes
gerais norteadoras da vida sócio educativa.
A alternativa correta é:
a)
I e II
b)
I, II e III
c)
I, II, III e IV
d)
I, II, III e V
e)
I, II, III, IV e V
65. A educação profissional no Brasil, a partir da Lei n° 9.394/96, tem
sido regulamentada por meio de decretos presidenciais. O Decreto
n° 5.840/2006 objetiva suprir uma dívida social com parte da
sociedade brasileira. Esse Decreto institui o (os):
a)
b)
c)
d)
Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a
Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos
(PROEJA);
Cursos e Programas de Educação a Distância nos níveis e
modalidades de Educação Profissional;
Sistema Escola Técnica Aberta do Brasil (e-TEC Brasil);
Programa Brasil Profissionalizado;

e) Centros de Educação Tecnológica públicos ou privados.

66. Mariana tem 19 anos de idade. Ela acabou de concluir o ensino fundamental e deseja inscrever-se em um curso de educação profissional técnica de nível médio na modalidade PROEJA. A

49

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br legislação que regulamenta atualmente o PROEJA estabelece as formas de articulação da

legislação que regulamenta atualmente o PROEJA estabelece as formas de articulação da educação profissional técnica de nível médio com o ensino médio e a respectiva carga horária.

O desenho curricular do curso optado por Mariana poderá, segundo a legislação do PROEJA, ser organizado sob a forma:

I. integrada

II. subsequente

III. modulado

IV. seriado

V. concomitante

subsequente III. modulado IV. seriado V. concomitante A alternativa correta é: a) I e II b)

A alternativa correta é:

a) I e II

b) II e III

A alternativa correta é: a) I e II b) II e III c) I e V

c) I e V

d) II, III e IV

e) I, II e V

67. Mariana tem 19 anos de idade. Ela acabou de concluir o ensino fundamental e deseja inscrever-se em um curso de educação profissional técnica de nível médio na modalidade PROEJA. A legislação que regulamenta atualmente o PROEJA estabelece as formas de articulação da educação profissional técnica de nível médio com o ensino médio e a respectiva carga horária.

médio com o ensino médio e a respectiva carga horária. A carga horária mínima exigida para

A carga horária mínima exigida para o curso optado por Mariana é de:

a) três mil e duzentas horas;

b) duas mil e duzentas horas;

c) mil e duzentas horas;

d) duas mil e quatrocentas horas;

e) mil e oitocentas horas.

50

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 68. João Henrique tem 18 anos e está cursando a 3ª série do curso

68. João Henrique tem 18 anos e está cursando a 3ª série do curso de educação profissional técnica de nível médio integrado de

Edificações, cuja matriz curricular estrutura-se em 4 séries anuais. Ele teve conhecimento da Portaria Ministerial n° 807, editada em 18 de junho de 2010, instituindo o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Dentre as prerrogativas estabelecidas nessa Portaria, o ENEM poderá possibilitar a João Henrique:

Portaria, o ENEM poderá possibilitar a João Henrique: a) a certificação do curso técnico integrado de

a) a certificação do curso técnico integrado de Edificações.

b) a certificação no nível de conclusão do ensino médio pelo sistema estadual e federal de ensino, de acordo com a legislação vigente.

c) a certificação do curso técnico concomitante.

d) a certificação do curso técnico de nível básico.

e) a certificação em nível subsequente do curso de Edificações.

69. O IFPI está concluindo a proposta do Calendário Escolar para os cursos de educação profissional técnica de nível médio integrada ao ensino médio. Incluindo a recuperação/exames finais, a previsão da carga horária e dos dias letivos anual somam, respectivamente, 800 horas e 200 dias letivos. A proposta será encaminhada ao Conselho Superior da Instituição para aprovação. Após análise orientada pela LDB n° 9.394/96, o Conselho Superior assumirá a seguinte posição:

o Conselho Superior assumirá a seguinte posição: a) b) Reprovará o Calendário, devolvendo-o para
a) b)
a)
b)

Reprovará o Calendário, devolvendo-o para refacção, pois, de acordo com a LDB n° 9.394/96 na Educação Básica a carga horária mínima será de 800h distribuídas por um mínimo de 200 dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver. Aprovará o Calendário, pois a carga horária mínima definida para a Educação Básica na LDB n° 9.394/96 é 800h distribuídas por um mínimo de 200 dias de efetivo trabalho escolar, incluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver.

c) Aprovará o Calendário, pois a carga horária mínima definida para a Educação Básica na LDB n° 9.394/96 é 720h distribuídas por um mínimo de 180 dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver.

d) Reprovará o Calendário, devolvendo-o para refacção, pois a carga horária mínima definida para a Educação Básica na LDB n° 9.394/96

51

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br é 720h distribuídas por um mínimo de 200 dias de efetivo trabalho escolar, excluído

é 720h distribuídas por um mínimo de 200 dias de efetivo trabalho escolar, excluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver.

e) Aprovará o Calendário, pois a carga horária mínima definida para a Educação Básica na LDB n° 9.394/96 é 720h distribuídas por um mínimo de 180 dias de efetivo trabalho escolar, incluído o tempo reservado aos exames finais, quando houver.

70. O Instituto Federal de Educação do Piauí (IFPI), ao planejar o Projeto Pedagógico Curricular
70. O Instituto Federal de Educação do Piauí (IFPI), ao planejar o
Projeto Pedagógico Curricular do curso de educação profissional
técnica de nível médio em Cozinha na modalidade PROEJA, adotou
como metodologia de ensino os princípios da pedagogia freireana.
O IFPI tem amparo legal ao optar por essa concepção pedagógica,
pois:
I.
Goza de autonomia didático-pedagógica para definir e elaborar
seus cursos e programas.
II.
O pluralismo de ideias e concepções pedagógicas é um dos
princípios do ensino assegurado pela LDB 9.394/96.
III.
Respeitadas as normas comuns e as do seu sistema de ensino,
os estabelecimentos de ensino, têm, dentre outras incumbências,
a de elaborar e executar sua proposta pedagógica.
A alternativa correta é:
a)
b)
c)
d)
e)
I
II
III
II e III
I, II e III

71. De acordo com seus conhecimentos sobre os objetivos específicos do PETI, analise os itens abaixo e assinale a alternativa correta:

I. Apoiar programas e ações que visem à erradicação do trabalho infantil por meio da concessão de auxílio às famílias a fim de

52

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br possibilitar o acesso, a permanência e o êxito na escola de crianças e adolescentes

possibilitar o acesso, a permanência e o êxito na escola de crianças e adolescentes de 5 a 12 anos

II. Apoiar e orientar as famílias beneficiadas pelo Programa.

III. Estimular mudanças de hábitos e atitudes, bem como de melhoria na qualidade de vida das famílias, envolvendo-as numa relação com a escola e a comunidade.

envolvendo-as numa relação com a escola e a comunidade. IV. Incentivar a ampliação do universo de

IV. Incentivar a ampliação do universo de conhecimentos da criança e do adolescente por meio de atividades culturais, esportivas e de lazer, em período destinado a isso, contrário à jornada do ensino regular

Está(ao) correto(s):

a)

b)

c)

d)

e)

Somente o item I está correto.

Somente os itens II e III estão corretos.

Somente os itens II, III, e IV estão corretos.

Todos os itens estão corretos.
Todos os itens estão corretos.

Somente os itens I e IV estão corretos.

72. Sobre Programa da Erradicação do Trabalho Infantil PETI, é correto dizer:

b) c)
b)
c)

Tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 1 a 5 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante Tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 5 a 12 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante. Tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 7 a 16 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante.

d) Tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 5 a 16 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante.

a)

e) Tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 7 a 14 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante.

53

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 73. O dia Mundial Contra o Trabalho Infantil possui como símbolo um catavento colorido

73. O dia Mundial Contra o Trabalho Infantil possui como símbolo um catavento colorido o qual simboliza o respeito da criança e as diversidades de raça e de gênero. O símbolo foi criado no Brasil e adotado pela Organização Internacional do Trabalho OIT, em todo o mundo. As cinco pontas do catavento representam:

a) A diversidade étnica.

b) A energia que move o mundo. c) Os cinco continentes. d) As crianças exploradas.
b) A energia que move o mundo.
c) Os cinco continentes.
d) As crianças exploradas.
e) As cinco fases da infância.
74. O Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil é comemorado em:
a)
12 de junho.
b)
15 de julho.
c)
15 de agosto.
d)
24 de junho.
e)
12 de julho.
75. Sobre os compromissos a serem assumidos pela família como
condição para permanência no PETI, assinale V para Verdadeiro e F
para Falso e marque a alternativa correspondente:
(
) Retirar todos os filhos menores de 16 anos de atividades laborais.
(
) Garantir a freqüência mínima da criança e do adolescente nas
atividades de ensino regular.
(
) Incentivar a participação dos filhos nas atividades sócio-educativas.
) Participação em programa e projetos de qualificação profissional e
de geração de emprego e renda oferecidos.
(

( ) Apoio à manutenção dos filhos nas atividades da Jornada ampliada.

Assinale a alternativa correspondente:

a) V, F, V, V, F.

b) V, V, F, V, V.

c) F, V, V, V, V.

d) V, V, V, V, V.

54

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br e) F, F, F, V, F. 76. A Emenda Constitucional de 19 de dezembro

e) F, F, F, V, F.

76. A Emenda Constitucional

de 19 de dezembro de 2006, dá

nova redação aos artigos:

Art. 7°. XXV Assistência gratuita aos filhos independentes desde o nascimento até 5 anos de idade em creches e pré-escolas; Art. 30°. VI Manter com a cooperação técnica e financeira da União e do Estado, programa de educação infantil e de ensino fundamental; Art. 206° V Valorização dos profissionais da educação escolar garantidos na forma da lei, planos de carreira com ingresso exclusivamente por concurso público de provas e títulos aos das redes públicas.

público de provas e títulos aos das redes públicas. A alternativa que completa corretamente o enunciado

A alternativa que completa corretamente o enunciado acima é:

a) n° 56.

b) n° 53.

c) n° 47.

o enunciado acima é: a) n° 56. b) n° 53. c) n° 47. d) n° 45.

d) n° 45.

e) n° 41.

77. Coloque F para Falso e V para Verdadeiro de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB 9394/96):

(

Público criará formas alternativas de acesso aos diferentes níveis de

) Para garantir o cumprimento da obrigatoriedade de ensino, o Poder

ensino, independentemente da escolarização anterior.

( (
(
(

) O município incumbir-se-à de elaborar Plano Nacional de Educação,

em colaboração com os Estados, o Distrito Federal e os Municípios.

) A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão, em regime de colaboração, os respectivos sistemas de ensino.

( ) Caberá à União a coordenação da política nacional de educação, articulando os diferentes níveis e sistemas e exercendo função

normativa, redistributiva e supletiva em relação às demais instâncias educacionais

( ) A educação escolar compõe-se de educação básica, formada pela educação infantil, ensino fundamental e ensino médio.

55

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br A seqüência correta é: a) V, F, V, F, F. b) V, V, F,

A seqüência correta é:

a) V, F, V, F, F.

b) V, V, F, V, F.

c) V, F, F, F, V.

d) V, F, V, V, F.

e) F, F, V, V, V.

F. c) V, F, F, F, V. d) V, F, V, V, F. e) F, F,

78. Para a Lei 9.394/96 (Lei de Diretrizes e Bases LDB), os docentes incumbir-se-ão:

I.

II.

III.

IV.

V.

Elaborar a proposta pedagógica do estabelecimento de ensino.

Elaborar e cumprir plano de trabalho, segundo a proposta pedagógica do estabelecimento de ensino.

Zelar pela aprendizagem.

do estabelecimento de ensino. Zelar pela aprendizagem. Estabelecer estratégias de recuperação para os alunos de

Estabelecer estratégias de recuperação para os alunos de menor rendimento.

Ministrar os dias letivos e horas-aula estabelecidos, além de participar integralmente dos períodos dedicados ao planejamento, à avaliação e ao desenvolvimento profissional.

VI.

Colaborar com as atividades de articulação da escola com as famílias e a comunidade.

Assinale a alternativa que apresenta a resposta correta:

a) b) c) d)
a)
b)
c)
d)

Todos os itens estão corretos Somente os itens II, III, IV e V, estão corretos. Somente os itens I e IV estão incorretos. Somente o item VI está incorreto.

e) Todos os itens estão corretos, exceto o item V.

79. De acordo com a Lei 9.394/96 (Lei de Diretrizes e Bases LDB), a educação básica tem por finalidades:

56

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br a) Desenvolver o educando, assegurar-lhe a formação comum indispensável para o

a) Desenvolver o educando, assegurar-lhe a formação comum indispensável para o exercício da cidadania e colaborar nos estudos posteriores.

b) Desenvolver o educando para o exercício da cidadania e fornecer-lhe meios para progredir no trabalho e em estudos posteriores.

c) Desenvolver o educando, assegurar-lhe a formação comum indispensável para o exercício da cidadania e fornecer-lhe meios para progredir no trabalho e em estudos posteriores.

d) Disponibilizar ao educando métodos para progredir na vida escolar, assegurar-lhe a formação comum indispensável para o exercício da cidadania.

e) Desenvolver o educando, assegurar-lhe a formação completa para o mercado de trabalho e fornecer-lhe meios para exercer a correta cidadania e progredir no trabalho e em estudos posteriores.

cidadania e progredir no trabalho e em estudos posteriores. 80. No Estatuto da Criança e Adolescente

80. No Estatuto da Criança e Adolescente (ECA) Do Direito à Profissionalização e à Proteção no Trabalho, é INCORRETO afirmar que:

a)

b)

e à Proteção no Trabalho, é INCORRETO afirmar que: a) b) A proteção ao trabalho dos

A proteção ao trabalho dos adolescentes é regulada por legislação especial, sem prejuízo do disposto nessa Lei. Considera-se aprendizagem a formação técnico-profissional ministrada segundo as diretrizes e bases da legislação de educação em vigor. O programa social que tenha por base o trabalho educativo, sob responsabilidade de entidade governamental ou não-governamental sem fins lucrativos, deverá assegurar ao adolescente que dele participe condições de capacitação para o exercício de atividade regular remunerada. Ao adolescente portador de deficiência é assegurado trabalho protegido. É proibido qualquer trabalho aos menores de treze anos de idade, salvo na condição de aprendiz.

81. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) a criança e o adolescente têm direito à educação, visando ao pleno desenvolvimento de sua pessoa, preparo para o exercício da cidadania e qualificação para o trabalho, assegurando-se-lhes:

57

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br I. Igualdade de condições para o acesso e permanência na escola II. Direito de

I. Igualdade de condições para o acesso e permanência na escola

II. Direito de ser respeitado por seus educadores.

III. Direito de contestar critérios avaliativos, podendo recorrer às instâncias escolares superiores.

IV. Direito de organização e participação em entidades estudantis.

de organização e participação em entidades estudantis. V. Acesso à escola privada e gratuita próxima de

V. Acesso à escola privada e gratuita próxima de sua residência.

Está(ao) correta(s):

a) Somente o item V está incorreto.

b) Somente os itens II, III, e IV estão corretos.

c) Somente os itens III, IV e V estão corretos.

d) Todos os itens estão corretos, exceto o item III.

e) Todos os itens estão corretos.

) Elevados níveis de repetência. ) Conflitos extra-classe

) Elevados níveis de repetência.

) Conflitos extra-classe

82. Marque V para verdadeiro e F para falso e assinale a alternativa correta:

No artigo 56 do Estatuto da Criança e do Adolescente, os dirigentes de Estabelecimentos de ensino fundamental comunicarão ao Conselho Tutelar os casos de:

(

) Reiteração de faltas injustificadas e de evasão escolar, esgotados os recursos escolares.

(

) Maus-tratos envolvendo seus alunos.

( ( (
(
(
(

) Comportamento anormal em sala de aula.

A seqüência correta é:

a) V, F, V, F, V.

b) V, V, F, V, F.

c) F, F, V, V, F.

d) V, F, F, F, V.

e) V, V, V, V, V.

58

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 83. A palavra didática ou didáctica vem da expressão grega techné didaktiké, que se

83. A palavra didática ou didáctica vem da expressão grega techné didaktiké, que se pode traduzir como:

a) Procedimento de ensino;

b) Arte ou técnica de ensinar;

c) Metodologia de ensino;

d) Técnica de ensino e aprendizagem.

de ensino; d) Técnica de ensino e aprendizagem. 84. A designação de "tríptico didáctico" foi

84. A designação de "tríptico didáctico" foi avançada pela educadora portuguesa Isabel Alarcão (1997) para designar a tripla dimensão ou a multidimensionalidade da didáctica, a qual constitui:

a)

b) A didáctica geral, a didáctica pedagógica e a didáctica de sala de aula;

c)

A didáctica investigativa, a didáctica curricular e a didáctica profissional;

d)

A didáctica tradicional, a didáctica nova e a didáctica moderna;

tradicional, a didáctica nova e a didáctica moderna; Deliberativa, consultiva e normativa; Consultiva, normativa

Deliberativa, consultiva e normativa;

Consultiva, normativa e fiscalizadora;

A didáctica geral, a didáctica normativa e a didáctica formativa.

85. O Conselho Escolar (CE) é um colegiado com membros de todos os segmentos da comunidade escolar com a função de gerir coletivamente a escola. Para tanto, segundo Antunes (SEED, 1998), sua natureza deve ser:

a)

b)

c)

d)

Antunes (SEED, 1998), sua natureza deve ser: a) b) c) d) Deliberativa, consultiva, normativa e fiscalizadora;

Deliberativa, consultiva, normativa e fiscalizadora;

Democrática, deliberativa, normativa e fiscalizadora.

86. O relator da atual Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (lei 9394/96) foi:

a) Darcy Ribeiro;

b) Marco Maciel;

c) José Agripino;

d) Maurício Correa.

59

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 87. Para que se tenha êxito em fazer , com a participação da comunidade,

87. Para que se tenha êxito em fazer

, com a

participação da comunidade, e para que sua implementação esteja

presente na realidade escolar, algumas características são fundamentais: * Comunicação eficiente * Suporte
presente
na
realidade
escolar,
algumas
características são
fundamentais:
* Comunicação eficiente
* Suporte institucional e financeiro
* Controle, acompanhamento e avaliação
* Credibilidade
* Adesão voluntária e consciente
Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna:
a) Uma Gestão Democrática;
b) Uma Eleição para diretor;
c) Um Conselho Escolar;
d) Um Projeto Político Pedagógico.
88. O Programa Educação Inclusiva: Direito à Diversidade – (Brasil),
cujo objetivo geral é garantir o acesso de todas as crianças e
adolescentes com necessidades educacionais especiais ao sistema
educacional público, bem como disseminar a política de
construção de sistemas educacionais inclusivos e apoiar o
processo de implementação nos municípios brasileiros,
desenvolvido pelo Ministério da Educação - Secretaria de
Educação Especial, nos municípios-pólo que atuam como
multiplicadores da formação para municípios da área de
abrangência, foi iniciado no ano de:
a)
2000
b)
2001
c)
2002

d) 2003

89. Nos Parâmetros Curriculares Nacionais são apontados alguns tópicos como princípios didáticos gerais, orientadores das práticas pedagógicas. São eles:

60

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br a) Autonomia; interação e cooperação; disponibilidade para a aprendizagem;

a) Autonomia; interação e cooperação; disponibilidade para a aprendizagem; organização do tempo; organização do espaço; e seleção de material;

b) Autonomia; diversidade; interação e cooperação; disponibilidade para

a aprendizagem; organização do tempo; organização do espaço; e seleção de material;

c) Autonomia; diversidade; interação e cooperação; disponibilidade para

a aprendizagem; organização do tempo; organização do espaço;

d) Autonomia; diversidade; interação e cooperação; organização do tempo; organização do espaço; e seleção de material.

do tempo; organização do espaço; e seleção de material. Educação infantil e ensino fundamental do 1º

Educação infantil e ensino fundamental do 1º ao 5º ano;

Educação infantil e ensino fundamental do 1º ao 9º ano;

Ensino fundamental e ensino médio;

Educação infantil, ensino fundamental e ensino médio.

90. A Educação Básica é o caminho para assegurar a todos os brasileiros a formação comum indispensável para o exercício da cidadania e fornecer-lhes os meios para progredir no trabalho e em estudos posteriores. Dessa forma, a Secretaria de Educação Básica zela pela:

a)

b)

c)

d)

a Secretaria de Educação Básica zela pela: a) b) c) d) 91. São dois os principais

91. São dois os principais documentos norteadores da educação básica, regidos, naturalmente, pela Constituição da República Federativa do Brasil: Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996 e a Lei nº 10.172/2001, respectivamente denominadas:

a) b)
a)
b)

Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica FUNDEB; Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério FUNDEF;

c) Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e Plano Nacional de Educação (PNE);

d) Nenhuma das alternativas está correta.

61

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 92. O Projeto de Lei nº 144/2005, aprovado pelo Senado em 25 de janeiro

92. O Projeto de Lei nº 144/2005, aprovado pelo Senado em 25 de janeiro de 2006, estabelece a duração mínima de 9 (nove) anos para o Ensino Fundamental, com matrícula obrigatória a partir dos 6 (seis) anos de idade. Essa medida deveria ser implantada pelos Municípios, Estados e Distrito Federal até:

a) 2007.

b) 2008.

c) 2009.

d) 2010.

Federal até: a) 2007. b) 2008. c) 2009. d) 2010. 93. Durante o período de implantação

93. Durante o período de implantação do Projeto de Lei referido na questão anterior, os sistemas de ensino terão prazo para adaptar- se ao novo modelo de pré-escolas, que a partir de então passarão a atender crianças de:

a)

b)

c)

d)

0 a 5 anos de idade;

3 a 5 anos de idade; 4 e 5 anos de idade;
3 a 5 anos de idade;
4 e 5 anos de idade;

Nenhuma das respostas está correta.

94. A tendência atual considera imprescindível uma integração entre currículo e didática, esta favorecendo o trabalho de aula. Leia com atenção as afirmativas abaixo e assinale a alternativa INCORRETA:

a) b)
a)
b)

Os estudos curriculares tendem a aspectos mais globais, expondo como se realiza a seleção e organização do conhecimento, e como esse processo de seleção não é neutro, favorecendo a certos grupos frente a outros; O enfoque curricular há de ampliar o "que", o "porque", o "para que" e, em que condições há que levar-se a cabo o ensino, mas sempre colocando no centro de suas considerações a didática;

c) Para que estes conteúdos curriculares cumpram seu objetivo é necessária uma adequada seleção e uso acertado das melhores estratégias didáticas, que não poderão ser independentes do conteúdo, dos objetivos e nem do contexto;

d) É importante para atingir as metas pretendidas uma estreita colaboração entre a elaboração do currículo e a escolha de estratégias didáticas.

62

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 95. As concepções educacionais abaixo são da autoria de:  A educação deve

95. As concepções educacionais abaixo são da autoria de:

A educação deve basear-se na evolução natural das atividades da criança.

O objetivo do ensino é sempre extrair mais do homem do que colocar mais e mais dentro dele. A criança não deve ser iniciada em nenhum novo assunto enquanto não estiver madura para ele.

O verdadeiro desenvolvimento advém de atividades espontâneas.

Na educação inicial da criança o brinquedo é um processo essencial.

Os currículos das escolas devem basear-se nas atividades e interesses de cada fase da vida da criança.

atividades e interesses de cada fase da vida da criança. Friedrich Frõbel; Célestin Freinet; Henri Wallon;
Friedrich Frõbel; Célestin Freinet; Henri Wallon; Jean-Ovide Decroly.
Friedrich Frõbel;
Célestin Freinet;
Henri Wallon;
Jean-Ovide Decroly.

a)

b)

c)

d)

96. O projeto educacional expresso nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), ao nortear o Planejamento de Ensino, demanda uma reflexão sobre a seleção de conteúdos, como também exige uma ressignificação, em que a noção de conteúdo escolar se amplia para além de fatos e conceitos, passando a incluir procedimentos, valores, normas e atitudes. Dessa forma, os conteúdos são abordados em três grandes categorias assim denominadas:

abordados em três grandes categorias assim denominadas: a) Factuais, procedimentais e comportamentais; b)

a) Factuais, procedimentais e comportamentais;

b) Conceituais, procedimentais e atitudinais;

c) Factuais, procedimentais e atitudinais;

d) Conceituais, procedimentais e comportamentais.

63

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 97. Os PCN’s propõem a avaliação diagnóstica, contínua e mediadora, cujos

97. Os PCN’s propõem a avaliação diagnóstica, contínua e mediadora, cujos pressupostos apontam para uma prática de avaliação que deve estar centrada no diálogo. Este entendido como leitura curiosa e investigativa do professor sobre as tarefas de aprendizagem. Esses pressupostos é da autoria de:

a) Paulo Freire; b) Cipriano Lucckesi; c) Jussara Hoffmann; d) César Coll. 98. No texto
a) Paulo Freire;
b) Cipriano Lucckesi;
c) Jussara Hoffmann;
d) César Coll.
98. No texto dos PCN’s, a educação inclusiva não está colocada em
seus objetivos de maneira explícita. Entretanto, suas Orientações
Didáticas para a Escola Fundamental consideram alguns princípios
que vêm a ser os mesmos da educação inclusiva, uma vez que
tomam como referência algumas implicações pedagógicas
extraídas dos pricípios do construtivismo piagetiano.
Reveja alguns destes princípios e, em seguida, assinale a
alternativa INCORRETA:
a)
O ensino não pode estar limitado ao estabelecimento de um padrão
de intervenção homogêneo e idêntico para todos os alunos; (p.96);
b)
A escola, ao considerar a diversidade tem como valor máximo o
respeito às diferenças – não o elogio da desigualdade. As diferenças
não são obstáculos para o cumprimento da ação educativa; podem e
devem ser fator de enriquecimento. (p.97);
c)
A
atuação do professor deve levar em conta fatores sociais, culturais
e
a história educativa de cada aluno, como também características
pessoais de déficit sensorial, motor ou psíquico, ou de superdotação
intelectual. Trata-se de garantir condições de aprendizagem a estes
alunos em especial. (
) (p.97);
d) (
)
a atenção à diversidade é um princípio dos PCN, comprometido

com a equidade, ou seja, com o direito de todos os alunos realizarem

as aprendizagens fundamentais para seu desenvolvimento e socialização. (p.97).

64

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 99. Para este autor as capacidades do ser humano têm origem e se desenvolvem

99. Para este autor as capacidades do ser humano têm origem e se desenvolvem nas interações (ações externas) que são internalizadas, ou seja, transformadas em ações internas. É importante frisar que o desenvolvimento das capacidades de

pensar e agir não se dão de forma homogênea e nem como um passe de mágica: são movidas por necessidades, interesses, paixões, emoções, expectativas, inclinações e conflitos. Este texto é parte da fundamentação psico-pedagógica dos PCN’s e faz referência ao autor:

a) Piaget;

b) Wallon;

c) Paulo Freire;

d) Vygotsky.

ou
ou

100. A

consiste

,

na educação das crianças antes da sua entrada no ensino obrigatório. Neste tipo de educação, as crianças são estimuladas -

b)

c)

d)

e
e

- a exercitar as

suas capacidades motoras, a fazer descobertas e a iniciar o processo de Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas:

a)

através de

Educação infantil, educação pré-escolar, educação pré-primária, atividades lúdicas, jogos e alfabetização; Creche, educação pré-escolar, educação pré-primária, atividades lúdicas, jogos e socialização; Educação infantil, educação pré-escolar, educação pré-primária, atividades lúdicas, jogos e socialização; Creche, educação pré-escolar, educação pré-primária, atividades lúdicas, jogos e alfabetização.

atividades lúdicas, jogos e alfabetização. 101. Dentre as Principais características da atual LDB

101. Dentre as Principais características da atual LDB (Lei 9394/96), encontram-se:

32.1-Gestão democrática do ensino público e progressiva autonomia pedagógica e administrativa das unidades escolares (art. 3 e 15); 32.2-Ensino fundamental obrigatório e gratuito (art. 4);

65

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014

www.odiferencialconcursos.com.br 32.3- Prevê um núcleo comum para o currículo do ensino fundamental e médio e

32.3-Prevê um núcleo comum para o currículo do ensino fundamental e médio e uma parte diversificada em função das peculiaridades locais (art. 26); 32.4-Formação de docentes para atuar na educação básica em curso de nível superior, sendo aceito para a educação infantil e as quatro primeiras séries do fundamental formação em curso Normal do ensino médio (art. 62). 32.5-A União deve gastar no mínimo 18% e os estados e municípios no mínimo 20% de seus respectivos orçamentos na manutenção e desenvolvimento do ensino público (art. 69).

manutenção e desenvolvimento do ensino público (art. 69). Assinale a alternativa correta: a) Apenas as alternativas

Assinale a alternativa correta:

a) Apenas as alternativas 32.1, 32.2, 32.3 e 32.4 são verdadeiras;

b) Apenas as alternativas 32.1, 32.2, 32.3 e 32.5 são verdadeiras;

c) Apenas as alternativas 32.2, 32.3, 32.4 e 32.5 são verdadeiras;

d) Todas as alternativas são verdadeiras.

2005 2006 2007 2008
2005
2006
2007
2008

102. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) é um indicador criado pelo governo federal para medir a qualidade do

ensino nas escolas públicas desenvolvido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) a partir da união de dois conceitos básicos para medir a qualidade da educação: fluxo escolar e média de desempenho nas avaliações. Foi criado pelo Ministério da Educação, no âmbito do Plano de Desenvolvimento da Educação, em:

a)

b)

c)

do Plano de Desenvolvimento da Educação, em: a) b) c) d) 103. No Brasil o IDEB

d)

103. No Brasil o IDEB é medido a cada dois anos e apresentado numa escala que vai de zero a dez. Sua meta é alcançar o mesmo resultado obtido pelos países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), quando se aplica a metodologia do IDEB em seus resultados educacionais. A nota

66

Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina

Ano 2014