Você está na página 1de 7

Manual

GNR- Rede Nacional de Segurança Interna

Correio electrónico

Acesso via Webmail


O Correio Electrónico

O correio electrónico, ou e-mail é um meio de comunicação cada vez mais utilizado com
um enorme potencial. É possível enviar uma mensagem para uma outra pessoa em
qualquer parte do mundo em poucos segundos, com a vantagem, da pessoa que a
recebe, não ter que verificar se recebeu a mensagem naquele momento, podendo
consultá-la mais tarde.

Outra grande funcionalidade deste meio de comunicação, passa pela possibilidade da


criação de listas de distribuição de endereços de correio electrónico.

No entanto, para utilizar este meio de comunicação devem ser tomadas algumas
precauções, por ser um meio pouco seguro. Um e-mail pode facilmente ser forjado com
objectivos maliciosos.

Boas práticas para utilização do correio electrónico


Podem ser tomadas medidas de forma a minimizar o número de ameaças envolvidas
com a utilização do e-mail:

• Utilizar um software antivírus actualizado para verificar os ficheiros em anexo de


um e-mail. Não deve abrir ficheiros ou executar programas em anexo sem ter a
certeza que não se trata de algum vírus ou programa malicioso.

• Não clique em links que possam eventualmente aparecer no conteúdo da


mensagem de correio electrónico, é aconselhável copiar o link e abrir num browser.

• Suspeite de qualquer e-mail de origem desconhecida, mesmo que o seu conteúdo


tenha boas intenções. Provavelmente recebe imensas mensagens de correio
electrónico não solicitado todos os dias. A maioria desses e-mails também
conhecidos por spam usam a chamada “engenharia social” para

• Informá-lo que ganhou algum prémio, ou contêm informação detalhada sobre


algum produto que até poderá interessar-lhe. O remetente deste tipo de
mensagens está a tentar encorajá-lo a interagir de forma a que ele saia
beneficiado financeiramente.

• Desconfie sempre dos ficheiros enviados em anexo, mesmo que a origem seja
conhecida. Isto devido ao endereço do remetente poder ter sido forjado, trata-se
de um esquema utilizado por intrusos chamado spoofing.

• Tenha atenção quando for confrontado com mensagens hoaxes (embuste ou


fraude) de correio electrónico, estas têm um conteúdo alarmante sobre informação
falsa acerca de um vírus. Caso tal aconteça, antes de propagar esse informação
para outros contactos, deve consultar outras fontes para verificar se o alerta é
legitimo.

• Não utilize o correio electrónico para enviar informação confidencial. Ao enviar


mensagens de e-mail poderá revelar nomes, localizações ou qualquer outro
tipo de dados que pretende manter confidenciais. Tenha em mente que trata-se
de um meio de comunicação pouco seguro, a mensagem pode ser interceptada
no seu percurso sem a sua permissão. Caso pretenda enviar mensagens de
correio electrónico com informação confidencial, deverá usar e-mail cifrado.
Existem várias soluções comerciais ou freeware que cifram mensagens de e-
mail enviadas de um sistema para outro.

• Uma das expressões usadas por todos nós, “errar é humano”, pode aplicar-se
quando enviamos uma mensagem de correio electrónico, isto porque podem
acontecer erros ortográficos ou de dactilografia da nossa parte ao escolher o
destinatário, o que pode resultar na não entrega da mensagem, ou mais grave, o
envio da mensagem para a destinatário errado. Certifique-se que o endereço de
correio electrónico do destinatário está correcto. Por vezes também podem
acontecer erros devido ao auto-complete dos programas de correio electrónico,
situação em que poderemos inadvertidamente escolher outro endereço da
nossa lista de contactos que comece pela mesma letra.

Configurações para tornar programas de correio electrónico


mais seguros

Para diminuir os riscos associados à utilização de e-mail é possível configurar o


seu programa de correio electrónico de uma forma mais segura:

• Manter actualizado o programa utilizado para ler correio electrónico.

• Desligar opções que permitem abrir ou executar automaticamente ficheiros ou


programas anexados às mensagens.
• Desligar opções de execução de JavaScript, ActviveX ou programas Java.
• Caso o programa de correio electrónico permita, desligue o modo de visualização
de e-mail no formato html.

Acesso ao e-mail pessoal via WEBMAIL

O acesso à de correio electrónico pessoal via webmail, na intranet/internet, através do


seguinte endereço URL: https://webmail.rnsi.mai.gov.pt/OWA
Abre a seguinte janela no Browser, colocando depois a sua conta RNSI (Login e Palavra-
passe)

Abre a seguinte Janela do Office Outlook Web Access (OWA).


Acesso a um e-mail institucional a partir da conta pessoal

• Quando o utilizador tiver acesso a um e-mail institucional deve acrescentar


na URL
ex: https://webmail.rnsi.mai.gov.pt/OWA/csinfmt.cc@rnsi.local/

• Pode copiar o endereço para outra página e assim desse modo fica com as
duas contas abertas. Como na imagem em baixo, uma pessoal e a outra
institucional.

• Deve adicionar na pasta favoritos ou no Ambiente de Trabalho um atalho para os dois


endereços. Dessa forma terá um acesso rápido às contas de correio.
Acesso a um e-mail institucional directamente
Pode aceder de forma directa para o e-mail institucional deve colocar:

Ex: https://webmail.rnsi.mai.gov.pt/OWA/csinfmt.cc@rnsi.local/

• Deve colocar a autenticação da mesma forma como se fosse para aceder à seu
próprio e-mail, (o seu Login e a sua palavra-passe.)

Sempre que esteja com o OWA aberto na sua conta deve ter em atenção que passado
alguns minutos, este fecha por razões de segurança. Devendo autenticar-se
novamente.

Para sair deve Terminar a sessão no Icon apropriado, no canto superior direito.

BOA UTILIZAÇÂO