Você está na página 1de 3
CONHECIMENTOS BANCÁRIOS PROF. SIRLO OLIVEIRA - 02/02/2015 1 (FCC/ BB/ 2006) No mercado de capitais

CONHECIMENTOS BANCÁRIOS

PROF. SIRLO OLIVEIRA - 02/02/2015

1 (FCC/ BB/ 2006) No mercado de capitais as ações se destacam como um dos valores mobiliários mais atraentes, podendo ser negociadas

a. no mercado primário, cujo desempenho não se vincula às condições do mercado secundário.

b. sob prévia autorização do Banco Central do Brasil.

c. somente no mercado secundário, pois o mercado primário alcança apenas os títulos públicos federais.

d. no mercado secundário, sendo as bolsas de valores um exemplo adequado.

e. no mercado secundário, através do qual a companhia emissora obtém recursos originais para investimentos.

2 (Cesgranrio/ Basa/ 2013) Para se resguardarem de possíveis inadimplências nas operações de cessão de crédito aos seus clientes, os Bancos estabelecem alguns tipos de garantia. O aval é uma garantia

a. real vinculada a uma coisa móvel ou mobilizável que ficará em poder do Banco durante a operação de empréstimo.

b. real extrajudicial e incide sobre bens imóveis ou equiparados que pertençam ao devedor ou a terceiros.

c. pessoal autônoma e solidária destinada a garantir títulos de crédito, permitindo que um terceiro seja coobrigado em

relação às obrigações assumidas.

d.

exigida pelo emprestador de acordo com o risco da operação e pode ser real ou impessoal.

e.

vinculada a um bem móvel que fica em nome do Banco até o término do pagamento do empréstimo.

3

(FCC/ BB/ 2006) É correto afirmar:

a.

Se o avalista pagar um título em lugar do avalizado, poderá exigir deste último o ressarcimento dos valores pagos.

b.

Do ponto de vista formal, não há diferenças entre aval, fiança, caução, hipoteca e alienação fiduciária como instrumentos

de garantia de operações de crédito.

c. O aval a um título de crédito deve ser prestado através de documento específico para essa finalidade.

d. Um cheque pode ter aval parcial, desde que este garanta no mínimo 50% do seu valor.

e. A prestação de aval requer a entrega da posse de bens móveis do avalista, em valor correspondente ao da obrigação

garantida.

4 (Cesgranrio/ BB/ 2012) Devido à grande exposição ao risco de crédito, os bancos precisam utilizar meios para garantir suas operações e salvaguardar seus ativos. Qual o tipo de operação que garante o cumprimento de uma obrigação na compra de um bem a crédito, em que há a transferência desse bem, móvel ou imóvel, do devedor ao credor?

a. Hipoteca.

b. Fiança bancária.

c. Alienação fiduciária.

d. Penhor.

e. Aval bancário.

5 (FCC/ BB/ 2006) Para exercer seu oficio, um dentista precisava adquirir o equipamento necessário à montagem de seu consultório. Como não dispunha de recursos suficientes, foi a um banco pedir financiamento. Para conceder o financiamento, o gerente do banco esclareceu que deveria ser assinado um contrato entre o dentista e a instituição financeira, no qual o dentista ficaria de posse dos equipamentos adquiridos, muito embora transferisse a propriedade para a instituição financeira.

Quando da total quitação da divida, o dentista retomaria a propriedade dos equipamentos. Neste tipo

Quando da total quitação da divida, o dentista retomaria a propriedade dos equipamentos. Neste tipo de transação o banco requer, para conceder o financiamento, uma garantia denominada

a. alienação fiduciária.

b. fiança bancária.

c. aval.

d. penhor mercantil.

e. hipoteca.

6.(Cesgranrio/ Basa/ 2013) Perácio é empresário no ramo de varejo e cliente do Banco Bom S/A. Os prepostos de Perácio depositam diariamente fartas quantias de dinheiro em espécie, que variam de cinquenta a sessenta mil reais, podendo chegar a R$ 200.000,00 reais após os finais de semana. Os depósitos são normalmente realizados na conta corrente da pessoa jurídica e eventualmente na conta corrente da pessoa física. Tais atos, à luz das normas da Carta Circular Bacen n. 3.542/2012, são considerados

a. suspeitos e impõem comunicação imediata ao Ministério Público

b. atípicos e devem ser comunicados ao Banco Central

c. corriqueiros diante da situação econômica do depositante

d. naturais mas sujeitos ao controle do Ministério da Fazenda

e. sujeitos a esclarecimentos com comunicação ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf)

7 (Cesgranrio/ Basa/ 2013) Tuca é universitária e pretende tornar-se empreendedora. Ela está inaugurando uma loja para comercializar quinquilharias procedentes do exterior, utilizando, como capital inicial, numerário proveniente de doação do seu genitor, próspero economista que enriqueceu no mercado financeiro internacional. Como o aporte é vultoso diante da renda da empresária iniciante, é realizado um contrato de doação devidamente registrado. Ao receber o depósito, o gerente do Banco Bom S/A indaga da universitária a origem do mesmo, sendo informado da doação efetuada e sendo- lhe apresentado o documento pertinente. Nesse caso, à luz da legislação pertinente, deve ocorrer a(o)

a. apresentação de declaração pela correntista e o seu genitor da origem do numerário.

b. comunicação ao Banco Central devido ao valor do depósito.

c. intervenção do Coaf diante da suspeita de lavagem.

d. arquivamento da documentação pelo gerente para eventuais informações aos órgãos de controle.

e. representação ao Ministério Público do depósito por ser vultoso.

8 (Cespe/ BB/ Certificação Interna/ 2013) No que diz respeito à prevenção e combate à lavagem de dinheiro, assinale a opção correta à luz da Lei n. 9.613/1998 e suas alterações.

a. A lei em apreço não prevê, para os crimes nela previstos, a modalidade culposa. b. Para que o agente seja condenado por crime previsto na lei em questão, o crime deve ter sido consumado.

c. Se os crimes previstos na lei em apreço forem cometidos por intermédio de organização

c. Se os crimes previstos na lei em apreço forem cometidos por intermédio de organização criminosa ou de forma reiterada, as penas previstas poderão, a critério do juiz responsável pelo processamento da respectiva ação penal, ser aumentadas.

d. Ao condenado pela prática do crime de lavagem de dinheiro é vedado o cumprimento da pena em regime aberto.

e. Ocultar valores provenientes de infração penal mediante a conversão deles em ativos lícitos não é crime.

9 (Cespe/ BB/ Certificação Interna/ 2012) Em atendimento às normas do BACEN, os clientes considerados pessoas politicamente expostas (PPE) devem ser identificados e incluídos na base PPE (Clientes 1.15) para possibilitar a marcação automática de característica especial no cadastro. No âmbito do BB, a responsabilidade pela identificação dos clientes considerados PPE e pessoas a eles relacionadas é da

a. própria pessoa politicamente exposta.

b. agência.

c. cadeia de relacionamentos da PPE.

d. auditoria interna.

e. auditoria externa.

10 (FCC/ BB/ 2013) O crime de lavagem de dinheiro caracteriza-se por um conjunto de operações comerciais ou financeiras que buscam a incorporação na economia de cada país, de modo transitório ou permanente, de recursos, bens e valores de origem ilícita e que se desenvolvem por meio de um processo dinâmico que envolve, teoricamente, três fases independentes:

a. aplicação, valorização e resgate.

b. cobrança, conversão e destinação.

c. colocação, ocultação e integração.

d. contratação, registro e utilização.

e. exportação, tributação e distribuição.