Você está na página 1de 15

Tipos de Embarcações, Qualidades Náuticas e Operacionais

Tipos de Embarcações, Qualidades Náuticas e Operacionais Arquitectura Naval
Tipos de Embarcações, Qualidades Náuticas e Operacionais Arquitectura Naval

Arquitectura Naval

Classificação dos Navios de Comércio Segundo Natureza do Transporte • Os navios de carga podem
Classificação dos Navios de Comércio Segundo
Natureza do Transporte
• Os navios de carga podem ser divididos em vários tipos básicos:
• Navios de Massa
• Navios de Granéis Líquidos (Navios Tanques)
• Navios de Transporte de Ramas Petrolíferas
• Navios de Transporte de Produtos Refinados
• Navios de Transporte de Produtos Químicos
• Navios de Transporte de Gases Liquefeitos (LNG e LPG)
• Navios de Granéis Secos (Graneleiros)
• Navios de Linha
• Navios de Carga Geral
• Navios Porta-Contentores
• Navios Ro-Ro
• Navios de Transporte de Automóveis
• Navios de Passageiros
Arquitectura Naval
Classificação dos Navios de Comércio e de Pescas Segundo Área de Navegação • Os navios
Classificação dos Navios de Comércio e de Pescas
Segundo Área de Navegação
• Os navios de carga podem ser divididos em vários tipos segundo a sua área
de navegação:
• Navios de Tráfego Local
• Navios de Tráfego Costeiro Nacional
• Navios de Tráfego Costeiro Internacional
• Navios de Cabotagem
• Navios de Longo Curso
• Os navios de pesca podem ser divididos de uma forma semelhante:
• Pesca local
• Pesca Costeira
• Pesca do Largo
Arquitectura Naval
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a Missão- 1 Os navios de guerra podem ser
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a
Missão- 1
Os navios de guerra podem ser classificados em tipos bem diferenciados, a que
correspondem siglas específicas (NATO):
• Porta-Aviões:
• CV - Porta-Aviões
• CVN - Porta-Aviões Nuclear
• CVL - Porta-aviões Ligeiro
• CVS - Porta-aviões para Guerra Anti-submarina
• Navios de combate e escolta:
• BB - Couraçado
• CG - Cruzador Lança-mísseis
• DD - Destroyer
• DDG - Destroyer Lança-mísseis
• FF - Fragata
• FFG - Fragata Lança-mísseis
Arquitectura Naval
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a Missão- 2 • Submarinos: • SS - Submarino
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a
Missão- 2
• Submarinos:
• SS - Submarino
• SSBN - Submarinos nucleares lançador de mísseis nucleares
• SSG - Submarino lançador de mísseis tele-guiados
• SSGN - Submarino nuclear lançador de míssies tele-guiados
• SSN - Submarino nuclear
• Navios de Assalto Anfíbio:
• LHD - Navio de assalto anfíbio
• LPA - Navio de transporte de tropas
• LPD - Navio-doca de transporte
• LPH – Navio porta-helicópteros de Assalto
Arquitectura Naval
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a Missão - 3 • Navios para Combate com
Classificação dos Navios de Guerra Segundo a
Missão - 3
• Navios para Combate com Minas:
• CM – Navio lança-minas
• MHC – Caça-minas Costeiro
• MSB – Navio draga-minas
• MSC – Navio draga-minas costeiro
• MSO – Navio draga-minas oceânico
• Navios de Combate de pequeno porte:
• PC – Navio-patrulha costeiro
• PG – Canhoneira costeira
• PGM – Navio-patrulha lança-mísseis
• PT – Vedeta torpedeira
• PTF – Navio-patrulha lança-mísseis
Arquitectura Naval

Classificação dos Navios Segundo o Tipo de Sustentação

• Os navios podem também ser classificados segundo o tipo de sustentação.

o Tipo de Sustentação • Os navios podem também ser classificados segundo o tipo de sustentação.

Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas - 1

“ A Teoria do Navio é um conjunto de conhecimentos teóricos que permitem medir e alterar as qualidades náuticas do navio. “

medir e alterar as qualidades náuticas do navio. “ “ As Qualidades Náuticas de um navio

“ As Qualidades Náuticas de um navio são aquelas qualidades necessárias

a que o navio tenha um bom desempenho no mar. “

de um navio são aquelas qualidades necessárias a que o navio tenha um bom desempenho no

Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas - 2

Flutuabilidade – faculdade de o navio se manter na superfície da água ou, no caso de submarinos, de se manter em equilíbrio em imersão.

se manter na superfície da água ou, no caso de submarinos, de se manter em equilíbrio
se manter na superfície da água ou, no caso de submarinos, de se manter em equilíbrio
se manter na superfície da água ou, no caso de submarinos, de se manter em equilíbrio

Arquitectura Naval

se manter na superfície da água ou, no caso de submarinos, de se manter em equilíbrio

Qualidades Náuticas - 3

Estabilidade – faculdade de o navio recuperar a posição de equilíbrio direita quando dela desviado.

– faculdade de o navio recuperar a posição de equilíbrio direita quando dela desviado. Arquitectura Naval
– faculdade de o navio recuperar a posição de equilíbrio direita quando dela desviado. Arquitectura Naval
– faculdade de o navio recuperar a posição de equilíbrio direita quando dela desviado. Arquitectura Naval

Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas - 4  Robustez – suficiência da estrutura do navio para resistir com
Qualidades Náuticas - 4
 Robustez – suficiência da estrutura do navio para resistir com segurança às
acções exteriores a que é submetido quando em serviço.
Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas - 5

Mobilidade – faculdade de o navio se deslocar na água tanto em termos de velocidade atingida como de distância passível de ser percorrida sem reabastecimentos.

em termos de velocidade atingida como de distância passível de ser percorrida sem reabastecimentos. Arquitectura Naval
em termos de velocidade atingida como de distância passível de ser percorrida sem reabastecimentos. Arquitectura Naval
em termos de velocidade atingida como de distância passível de ser percorrida sem reabastecimentos. Arquitectura Naval

Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas – 6  Manobrabilidade – faculdade de o navio poder manobrar ou evolucionar
Qualidades Náuticas – 6
 Manobrabilidade – faculdade de o navio poder manobrar ou evolucionar
quer em espaços limitados quer em espaços abertos.
Arquitectura Naval

Qualidades Náuticas - 7

Confortabilidade – conjunto de várias qualidades como seja o caso da suavidade de movimentos em mar ondoso, manutenção do convés enxuto, habitabilidade, ausência de vibrações e ruído.

em mar ondoso, manutenção do convés enxuto, habitabilidade, ausência de vibrações e ruído. Arquitectura Naval
em mar ondoso, manutenção do convés enxuto, habitabilidade, ausência de vibrações e ruído. Arquitectura Naval
em mar ondoso, manutenção do convés enxuto, habitabilidade, ausência de vibrações e ruído. Arquitectura Naval

Arquitectura Naval

Qualidades Operacionais • Além das qualidades náuticas, o navio deve possuir as qualidades operacionais necessárias
Qualidades Operacionais
• Além das qualidades náuticas, o navio deve possuir as
qualidades operacionais necessárias ao bom desempenho da
sua missão:
• capacidade de carga,
• espaços de carga adequados à arrumação e conservação da carga,
• meios de movimentação de carga adequados,
• condições de habitabilidade para a tripulação,
• meios de salvamento que garantam a segurança da tripulação.
Arquitectura Naval